SlideShare uma empresa Scribd logo
AULA 1
“... A célula é a unidade básica,
estrutural e funcional de todos os seres
vivos...”
A área da Biologia que estuda a célula, no que diz
respeito à sua estrutura e funcionamento.
Kytos (célula) + Logos (estudo)
Quanto ao número de células, os seres vivos podem ser:
Seres unicelulares: seres vivos formados por uma única célula.
Ex: bactérias, cianobactérias, algas unicelulares, alguns fungos
e protozoários.
Protozoário Euglena (alga unicelular)
Seres pluricelulares: seres vivos formados por muitas células.
Ex: animais, vegetais, fungos, protozoários e algas pluricelulares.
De acordo com a estrutura celular, os seres vivos
dividem-se em dois grandes grupos:
PROCARIONTES
Proto = Primitivo
Cario = Núcleo
Ontos = Ser
EUCARIONTES
Eu = Verdadeiro
Cario = Núcleo
Ontos = Ser
Diferenças entre:
CÉLULA PROCARIÓTICA:
 sem membrana nuclear;
 ausência de organelas com
membranas;
 a fotossíntese e a
respiração celular ocorre em
membranas;
 são as células mais antigas
da Terra e
 todas as bactérias são
constituídas por células
procariontes.
CÉLULA EUCARIÓTICA:
• núcleo com membrana
nuclear e nucléolo;
• grande variedades de
organelas com
membranas;
• a fotossíntese ocorre
nos cloroplastos e
• a respiração celular
ocorre nas mitocôndrias.
AS CÉLULAS EUCARIÓTICAS
DIVIDEM-SE EM:
 CÉLULAS EUCARIÓTICAS
VEGETAIS
 CÉLULAS EUCARIÓTICAS
ANIMAIS
A CÉLULA
• É a menor parte do organismo vivo capaz de
desenvolver, de forma autônoma, as funções
básicas de reprodução e crescimento.
• Todos os seres vivos são compostos por
células. (TEORIA CELULAR)
A célula
Componentes químicos
O corpo dos seres vivos é formado por substâncias inorgânicas,
representadas pela água e pelos sais minerais, e por substâncias
orgânicas, representadas pelos açúcares (carboidratos), gorduras
(lipídios), proteínas e ácidos nucleicos.
1) A água
 A água é a substância mais comum e abundante do nosso
planeta. Ela não é abundante apenas no meio ambiente; ela
representa cerca de 75% das substâncias que compõem o corpo
dos seres vivos.
 O surgimento e a manutenção da vida no nosso planeta estão
associados à água.
2) Sais Minerais
 São substâncias inorgânicas, constituídas por elementos
químicos unidos por ligação iônica.
 Quando um sal é colocado em água, seus componentes se
separam (dissociam) em partículas eletricamente carregadas: os
íons.
 Íons derivados de diversos sais minerais são essenciais ao
organismo; sua falta pode afetar seriamente o metabolismo
celular, e, até mesmo, levar à morte. O íons cálcio, por exemplo,
participam da coagulação do sangue e da contração muscular.
 Regulam os processos fisiológicos.
 Aparecem de três formas diferentes nos organismos: dissolvidos
na forma de íons na água do corpo; formando cristais, como o
carbonato e o fosfato de cálcio encontrados no esqueleto;
combinados com moléculas orgânicas, como o ferro na molécula
de hemoglobina, o magnésio na clorofila e o cobalto na vitamina
B12.
 Os sais possuem várias funções: formam o esqueleto de muitos
animais, atuam no transporte de oxigênio, na fotossíntese, no
equilíbrio da água do corpo, na transmissão de impulsos
nervosos e no bom funcionamento de enzimas.
Componentes orgânicos
1) Carboidratos
 Os carboidratos são também chamados de glicídios, hidratos
de carbono ou açúcares.
 São substâncias que apresentam carbono (C), hidrogênio (H)
e oxigênio (O).
 Em alguns carboidratos, além desses elementos aparecem
também o nitrogênio (N) ou o enxofre (S).
Os carboidratos podem ser divididos em três grupos:
1) Monossacarídeos – açúcares simples, moléculas pequenas. Ex:
pentoses (ribose e desoxirribose) e hexoses (glicose, frutose e
galactose)
2) Dissacarídeos – açúcares formados pela reunião de dois
monossacarídeos. Ex: sacarose (glicose + frutose); lactose (glicose
+ galactose)
3) Polissacarídeos – açúcares complexos; moléculas grandes. Ex:
celulose e amido.
2) Lipídios
 São compostos formados por carbono, hidrogênio e oxigênio;
substâncias fisicamente caracterizadas pela insolubilidade em
água e solubilidade em solventes orgânicos, como o éter, o álcool
e o clorofórmio.
3) Proteínas
 São formadas essencialmente por carbono (C), oxigênio (O),
nitrogênio (N) e hidrogênio (H), mas podem apresentar enxofre
(S).
 São macromoléculas formadas pela união de várias moléculas
menores denominadas aminoácidos.
4) Ácidos nucleicos
 Os ácidos nucleicos são assim chamados porque foram
descobertos primeiramente no núcleo das células.
 São as maiores e mais importantes moléculas orgânicas, e estão
presentes em todas as formas de vida, desde vírus até
mamíferos.
 Existem dois tipos de ácidos nucleicos: o ácido
desoxirribonucléico (DNA) e o ácido ribonucléico (RNA).
 O RNA e DNA são formados por dezenas, centenas ou até
milhões de moléculas denominadas nucleotídeos. Portanto, os
ácidos nucleicos são polinucleotídeos.
 O nucleotídeo é uma molécula formada pela união de três
outras moléculas: um ácido fosfórico, um monossacarídeo de 5
carbonos (pentose) e uma base nitrogenada.
 O DNA é o principal constituinte dos cromossomos e é nele que
estão os genes, responsáveis por todas as características dos
indivíduos.
• A célula é dividida em três partes básicas: o
núcleo, o citoplasma e a membrana
plasmática.
– NÚCLEO: O núcleo é chamado de sede de
decisões da célula, isto é, ele controla todas as
suas atividades: o que deve ser produzido, em que
quantidade, quando e em que momento deve se
dividir.
Estrutura geral da célula
– CITOPLASMA: delimitado externamente pela
membrana plasmática e internamente pela
carioteca. Nele estão as organelas celulares.
– MEMBRANA PLASMÁTICA: reveste toda a célula.
Ela é mais do que uma simples barreira. Trata-se
de um filtro que seleciona cuidadosamente o que
pode entrar ou sair da célula.
A palavra célula foi usada, pela primeira
vez, em 1667, pelo inglês Robert
Hooke.
Com um microscópio muito simples, ele
observou pedacinhos de cortiça (tecido
vegetal morto). Hooke percebeu que a
cortiça era formada por numerosos
compartimentos vazios.
A esses compartimentos ele deu o nome
de célula, palavra diminutiva do latim
cella que significa cavidade.
ESTUDO DA CÉLULA
Imagem: Microscópiode Robert
Hooke / Autor Desconhecido /
Disponibilizado por Maksim /
United States Public Domain.
Imagem:Subercellsandmimosa
leaves,Micrographia,1665/Robert
Hooke/UnitedStatesPublicDomain.
Fica entre a membrana e o núcleo;
É preenchido pelo hialoplasma e
É onde se encontram dispersos os organóides
(organelas citoplasmáticas) que garantem o bom
funcionamento da célula.
Citoplasma
Citoplasma
CitoplasmaImagem:Estruturadecélula
animal/Vzb83/GNUFree
DocumentationLicense.
O núcleo ocupa 10% do volume celular total.
Controla todas as reações que ocorrem na célula.
NÚCLEO
Núcleo
Nucléolo
Imagem: Diagrama do núcleo da célula
humana (sem texto) / Peter
Znamenskiy / Public Domain.
Imagem: diagrama de uma célula animal / Imagem original por Mariana
Ruiz,tradução por Felipe Fontoura / Public Domain.
ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS
Centríolo
Lisossomo
Ribossomo
Mitocôndria
Imagens da esquerda para direita, de cima para baixo: (a) Diagrama de uma célula animal / MesserWoland e Szczepan1990 modificado
por smartse / GNU Free Documentation License (b) Diagrama de uma mitocôndria humana em branco / Vicki Doronina / Public Domain
(c) Vista tridimensional de um centríolo / Twooars / GNU Free Documentation License.
ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS
Ciências, 8º Série
Características gerais da célula e suas estruturas
Retículo endoplasmático
rugoso
Retículo endoplasmático liso
Complexo de Golgi
Imagens de cima para baixo, da esquerda para direita: (a) Diagrama do complexo de Golgi / Ruth Lawson / GNU Free Documentation
License (b) Retículo Endoplasmático liso / Chippolito / Creative Commons Attribution-Share Alike 3.0 Unported (c) Núcleo , RE e Complexo
de Golgi / Magnus Manske / Public Domain.
Mitocôndria:
Responsável pela respiração celular
e produção de energia.
Células que utilizam bastante
energia têm muitas mitocôndrias,
por exemplo, as células musculares.
Imagem: Mitocôndria / tradução por Felipe Fontoura,
baseado na imagem de Mariana Ruiz / Public Domain.
Complexo de Golgi:
É formado por pequenas bolsas.
Serve para armazenar e descartar
substâncias.
Lisossomos:
São estruturas
responsáveis
pela digestão da célula.
Lisossomo
Imagem: Diagrama de uma célula animal / MesserWoland e
Szczepan1990 modificado por smartse / GNU Free
Documentation License
Imagem:Vesicletrafficandphagophore/
PhilippeA.Parone/Creative
CommonsAttribution2.5Generic.
Retículo Endoplasmático:
O R.E. liso ou não granuloso, onde há a
produção de lipídios;
O R.E. rugoso ou granuloso, onde se
encontram aderidos a sua superfície
externa, os ribossomos, sendo local de
produção de proteínas, as quais serão
transportadas internamente para o
Complexo de Golgiense.
Retículo endoplasmático liso
Retículo endoplasmático
rugoso
Imagem:Núcleo,REeComplexodeGolgi/MagnusManske/
PublicDomain.
Centríolos:
Participam do processo de
formação de cílios e flagelos
e da divisão celular
(multiplicação das células).
Ribossomos
Têm função de síntese de
proteínas.
Ribossomo
Imagem:Diagramadeumacélula
animal/MesserWolande
Szczepan1990modificadoporsmartse
/GNUFreeDocumentationLicenseImagem:Vistatridimensionaldeum
centríolo/Twooars/GNUFree
DocumentationLicense.
1. Uma célula é classificada como eucariótica se
contiver:
a) compartimentos membranosos internos.
b) parede celular rígida.
c) membrana plasmática.
d) ácidos nucléicos.
e) ribossomos.
Resposta: A
EXERCÍCIO
2. Quais dos pares de organelas abaixo relacionados
aparecem em células vegetais, mas não em animais?
a) Membrana plasmática e parede celular.
b) Parede celular e plastos.
c) Plastos e centríolos.
d) Centríolos e lisossomos.
e) Lisossomos e mitocôndrias.
Resposta B
3. A membrana plasmática, apesar de invisível ao
microscópio óptico, está presente:
a) em todas as células, sejam elas procarióticas ou
eucarióticas;
b) apenas nas células animais;
c) apenas nas células vegetais;
d) apenas nas células eucariontes;
e) apenas nas células procariontes.
Resposta: A
4. As figuras I e II representam, respectivamente:
a) célula eucarionte e célula procarionte.
b) célula vegetal e célula animal.
c) célula animal e célula vegetal.
d) célula procarionte e célula eucarionte.
e) célula eucarionte e célula vegetal
Resposta: A
I II
Aula 1   bio em

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Aula 1 bio em

Citologia
CitologiaCitologia
A célula
A célulaA célula
A célula
Regina E Franck
 
A CéLula
A  CéLulaA  CéLula
A CéLula
Miguelsnows
 
A CéLula
A CéLulaA CéLula
A CéLula
Miguelsnows
 
Citologia
CitologiaCitologia
A célula uma visão geral
A célula uma visão geralA célula uma visão geral
A célula uma visão geral
Naiane Magalhães
 
Citologia, celulas e organelas citoplasmaticas
Citologia, celulas e organelas citoplasmaticasCitologia, celulas e organelas citoplasmaticas
Citologia, celulas e organelas citoplasmaticas
andrenascimento73268
 
Bioquímica básica
Bioquímica básicaBioquímica básica
Bioquímica básica
SESI 422 - Americana
 
Poster STC José Lacerda
Poster STC José LacerdaPoster STC José Lacerda
Poster STC José Lacerda
EFAG
 
Poster STC José Lacerda
Poster STC José LacerdaPoster STC José Lacerda
Poster STC José Lacerda
EFAG
 
Biologia1 apóstila
Biologia1 apóstilaBiologia1 apóstila
Biologia1 apóstila
Camile Mohana
 
Citologia
CitologiaCitologia
Introdução a citologia - Alberts
Introdução a citologia - AlbertsIntrodução a citologia - Alberts
Introdução a citologia - Alberts
emanuel
 
Aulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino MédioAulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino Médio
Clécio Bubela
 
Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
Biologia CHP
 
Apostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e Vestibulares
Apostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e VestibularesApostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e Vestibulares
Apostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e Vestibulares
Jose Carlos Machado Cunha
 
Célula
CélulaCélula
Célula
Mtzor
 
Biologia celular
Biologia celularBiologia celular
Biologia celular
Maria Candido
 
A descoberta da celula 2015
A descoberta da celula 2015A descoberta da celula 2015
A descoberta da celula 2015
Ana Maria
 
Eu Amo Aulas de Biologia
Eu Amo Aulas de BiologiaEu Amo Aulas de Biologia
Eu Amo Aulas de Biologia
Daniela Silveira
 

Semelhante a Aula 1 bio em (20)

Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
 
A célula
A célulaA célula
A célula
 
A CéLula
A  CéLulaA  CéLula
A CéLula
 
A CéLula
A CéLulaA CéLula
A CéLula
 
Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
 
A célula uma visão geral
A célula uma visão geralA célula uma visão geral
A célula uma visão geral
 
Citologia, celulas e organelas citoplasmaticas
Citologia, celulas e organelas citoplasmaticasCitologia, celulas e organelas citoplasmaticas
Citologia, celulas e organelas citoplasmaticas
 
Bioquímica básica
Bioquímica básicaBioquímica básica
Bioquímica básica
 
Poster STC José Lacerda
Poster STC José LacerdaPoster STC José Lacerda
Poster STC José Lacerda
 
Poster STC José Lacerda
Poster STC José LacerdaPoster STC José Lacerda
Poster STC José Lacerda
 
Biologia1 apóstila
Biologia1 apóstilaBiologia1 apóstila
Biologia1 apóstila
 
Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
 
Introdução a citologia - Alberts
Introdução a citologia - AlbertsIntrodução a citologia - Alberts
Introdução a citologia - Alberts
 
Aulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino MédioAulão 2° ano - Ensino Médio
Aulão 2° ano - Ensino Médio
 
Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
 
Apostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e Vestibulares
Apostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e VestibularesApostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e Vestibulares
Apostila biologia-celular-gustavo-stroppa-ufjf para Enem e Vestibulares
 
Célula
CélulaCélula
Célula
 
Biologia celular
Biologia celularBiologia celular
Biologia celular
 
A descoberta da celula 2015
A descoberta da celula 2015A descoberta da celula 2015
A descoberta da celula 2015
 
Eu Amo Aulas de Biologia
Eu Amo Aulas de BiologiaEu Amo Aulas de Biologia
Eu Amo Aulas de Biologia
 

Mais de Walney M.F

Aula 2 - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIO
Aula 2  - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIOAula 2  - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIO
Aula 2 - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIO
Walney M.F
 
Aula 3 lp em
Aula 3   lp emAula 3   lp em
Aula 3 lp em
Walney M.F
 
Aula 2 lp em
Aula 2   lp emAula 2   lp em
Aula 2 lp em
Walney M.F
 
Aula 1 lp em
Aula 1   lp emAula 1   lp em
Aula 1 lp em
Walney M.F
 
Aula 1 soc em
Aula 1   soc emAula 1   soc em
Aula 1 soc em
Walney M.F
 
Aula 3 geo
Aula 3 geoAula 3 geo
Aula 3 geo
Walney M.F
 
Aula 2 geo
Aula 2 geoAula 2 geo
Aula 2 geo
Walney M.F
 
Aula 1 geo
Aula 1 geoAula 1 geo
Aula 1 geo
Walney M.F
 
Aula 4 hist em
Aula 4   hist emAula 4   hist em
Aula 4 hist em
Walney M.F
 
Aula 3 hist em
Aula 3   hist emAula 3   hist em
Aula 3 hist em
Walney M.F
 
Aula 2 hist em
Aula 2   hist emAula 2   hist em
Aula 2 hist em
Walney M.F
 
Aula 1 hist em
Aula 1   hist emAula 1   hist em
Aula 1 hist em
Walney M.F
 
Aula 3 quim em
Aula 3   quim emAula 3   quim em
Aula 3 quim em
Walney M.F
 
Aula 2 quim em
Aula 2   quim emAula 2   quim em
Aula 2 quim em
Walney M.F
 
Aula 1 quim em
Aula 1   quim emAula 1   quim em
Aula 1 quim em
Walney M.F
 
Aula 4 fis em
Aula 4 fis emAula 4 fis em
Aula 4 fis em
Walney M.F
 
Aula 3 fis em
Aula 3 fis emAula 3 fis em
Aula 3 fis em
Walney M.F
 
Aula 2 fis em
Aula 2 fis emAula 2 fis em
Aula 2 fis em
Walney M.F
 
Aula 1 fis em
Aula 1 fis emAula 1 fis em
Aula 1 fis em
Walney M.F
 
Aula 4 mat em
Aula 4   mat emAula 4   mat em
Aula 4 mat em
Walney M.F
 

Mais de Walney M.F (20)

Aula 2 - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIO
Aula 2  - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIOAula 2  - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIO
Aula 2 - GEOGRAFIA - ENSINO MÉDIO
 
Aula 3 lp em
Aula 3   lp emAula 3   lp em
Aula 3 lp em
 
Aula 2 lp em
Aula 2   lp emAula 2   lp em
Aula 2 lp em
 
Aula 1 lp em
Aula 1   lp emAula 1   lp em
Aula 1 lp em
 
Aula 1 soc em
Aula 1   soc emAula 1   soc em
Aula 1 soc em
 
Aula 3 geo
Aula 3 geoAula 3 geo
Aula 3 geo
 
Aula 2 geo
Aula 2 geoAula 2 geo
Aula 2 geo
 
Aula 1 geo
Aula 1 geoAula 1 geo
Aula 1 geo
 
Aula 4 hist em
Aula 4   hist emAula 4   hist em
Aula 4 hist em
 
Aula 3 hist em
Aula 3   hist emAula 3   hist em
Aula 3 hist em
 
Aula 2 hist em
Aula 2   hist emAula 2   hist em
Aula 2 hist em
 
Aula 1 hist em
Aula 1   hist emAula 1   hist em
Aula 1 hist em
 
Aula 3 quim em
Aula 3   quim emAula 3   quim em
Aula 3 quim em
 
Aula 2 quim em
Aula 2   quim emAula 2   quim em
Aula 2 quim em
 
Aula 1 quim em
Aula 1   quim emAula 1   quim em
Aula 1 quim em
 
Aula 4 fis em
Aula 4 fis emAula 4 fis em
Aula 4 fis em
 
Aula 3 fis em
Aula 3 fis emAula 3 fis em
Aula 3 fis em
 
Aula 2 fis em
Aula 2 fis emAula 2 fis em
Aula 2 fis em
 
Aula 1 fis em
Aula 1 fis emAula 1 fis em
Aula 1 fis em
 
Aula 4 mat em
Aula 4   mat emAula 4   mat em
Aula 4 mat em
 

Último

Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 

Último (20)

Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 

Aula 1 bio em

  • 2. “... A célula é a unidade básica, estrutural e funcional de todos os seres vivos...” A área da Biologia que estuda a célula, no que diz respeito à sua estrutura e funcionamento. Kytos (célula) + Logos (estudo)
  • 3. Quanto ao número de células, os seres vivos podem ser: Seres unicelulares: seres vivos formados por uma única célula. Ex: bactérias, cianobactérias, algas unicelulares, alguns fungos e protozoários. Protozoário Euglena (alga unicelular)
  • 4. Seres pluricelulares: seres vivos formados por muitas células. Ex: animais, vegetais, fungos, protozoários e algas pluricelulares.
  • 5. De acordo com a estrutura celular, os seres vivos dividem-se em dois grandes grupos: PROCARIONTES Proto = Primitivo Cario = Núcleo Ontos = Ser EUCARIONTES Eu = Verdadeiro Cario = Núcleo Ontos = Ser
  • 6. Diferenças entre: CÉLULA PROCARIÓTICA:  sem membrana nuclear;  ausência de organelas com membranas;  a fotossíntese e a respiração celular ocorre em membranas;  são as células mais antigas da Terra e  todas as bactérias são constituídas por células procariontes. CÉLULA EUCARIÓTICA: • núcleo com membrana nuclear e nucléolo; • grande variedades de organelas com membranas; • a fotossíntese ocorre nos cloroplastos e • a respiração celular ocorre nas mitocôndrias.
  • 7.
  • 8. AS CÉLULAS EUCARIÓTICAS DIVIDEM-SE EM:  CÉLULAS EUCARIÓTICAS VEGETAIS  CÉLULAS EUCARIÓTICAS ANIMAIS
  • 9. A CÉLULA • É a menor parte do organismo vivo capaz de desenvolver, de forma autônoma, as funções básicas de reprodução e crescimento. • Todos os seres vivos são compostos por células. (TEORIA CELULAR) A célula
  • 10. Componentes químicos O corpo dos seres vivos é formado por substâncias inorgânicas, representadas pela água e pelos sais minerais, e por substâncias orgânicas, representadas pelos açúcares (carboidratos), gorduras (lipídios), proteínas e ácidos nucleicos. 1) A água  A água é a substância mais comum e abundante do nosso planeta. Ela não é abundante apenas no meio ambiente; ela representa cerca de 75% das substâncias que compõem o corpo dos seres vivos.  O surgimento e a manutenção da vida no nosso planeta estão associados à água.
  • 11. 2) Sais Minerais  São substâncias inorgânicas, constituídas por elementos químicos unidos por ligação iônica.  Quando um sal é colocado em água, seus componentes se separam (dissociam) em partículas eletricamente carregadas: os íons.  Íons derivados de diversos sais minerais são essenciais ao organismo; sua falta pode afetar seriamente o metabolismo celular, e, até mesmo, levar à morte. O íons cálcio, por exemplo, participam da coagulação do sangue e da contração muscular.  Regulam os processos fisiológicos.
  • 12.  Aparecem de três formas diferentes nos organismos: dissolvidos na forma de íons na água do corpo; formando cristais, como o carbonato e o fosfato de cálcio encontrados no esqueleto; combinados com moléculas orgânicas, como o ferro na molécula de hemoglobina, o magnésio na clorofila e o cobalto na vitamina B12.  Os sais possuem várias funções: formam o esqueleto de muitos animais, atuam no transporte de oxigênio, na fotossíntese, no equilíbrio da água do corpo, na transmissão de impulsos nervosos e no bom funcionamento de enzimas.
  • 13. Componentes orgânicos 1) Carboidratos  Os carboidratos são também chamados de glicídios, hidratos de carbono ou açúcares.  São substâncias que apresentam carbono (C), hidrogênio (H) e oxigênio (O).  Em alguns carboidratos, além desses elementos aparecem também o nitrogênio (N) ou o enxofre (S). Os carboidratos podem ser divididos em três grupos: 1) Monossacarídeos – açúcares simples, moléculas pequenas. Ex: pentoses (ribose e desoxirribose) e hexoses (glicose, frutose e galactose) 2) Dissacarídeos – açúcares formados pela reunião de dois monossacarídeos. Ex: sacarose (glicose + frutose); lactose (glicose + galactose) 3) Polissacarídeos – açúcares complexos; moléculas grandes. Ex: celulose e amido.
  • 14. 2) Lipídios  São compostos formados por carbono, hidrogênio e oxigênio; substâncias fisicamente caracterizadas pela insolubilidade em água e solubilidade em solventes orgânicos, como o éter, o álcool e o clorofórmio. 3) Proteínas  São formadas essencialmente por carbono (C), oxigênio (O), nitrogênio (N) e hidrogênio (H), mas podem apresentar enxofre (S).  São macromoléculas formadas pela união de várias moléculas menores denominadas aminoácidos. 4) Ácidos nucleicos  Os ácidos nucleicos são assim chamados porque foram descobertos primeiramente no núcleo das células.
  • 15.  São as maiores e mais importantes moléculas orgânicas, e estão presentes em todas as formas de vida, desde vírus até mamíferos.  Existem dois tipos de ácidos nucleicos: o ácido desoxirribonucléico (DNA) e o ácido ribonucléico (RNA).  O RNA e DNA são formados por dezenas, centenas ou até milhões de moléculas denominadas nucleotídeos. Portanto, os ácidos nucleicos são polinucleotídeos.  O nucleotídeo é uma molécula formada pela união de três outras moléculas: um ácido fosfórico, um monossacarídeo de 5 carbonos (pentose) e uma base nitrogenada.  O DNA é o principal constituinte dos cromossomos e é nele que estão os genes, responsáveis por todas as características dos indivíduos.
  • 16. • A célula é dividida em três partes básicas: o núcleo, o citoplasma e a membrana plasmática. – NÚCLEO: O núcleo é chamado de sede de decisões da célula, isto é, ele controla todas as suas atividades: o que deve ser produzido, em que quantidade, quando e em que momento deve se dividir. Estrutura geral da célula
  • 17. – CITOPLASMA: delimitado externamente pela membrana plasmática e internamente pela carioteca. Nele estão as organelas celulares. – MEMBRANA PLASMÁTICA: reveste toda a célula. Ela é mais do que uma simples barreira. Trata-se de um filtro que seleciona cuidadosamente o que pode entrar ou sair da célula.
  • 18. A palavra célula foi usada, pela primeira vez, em 1667, pelo inglês Robert Hooke. Com um microscópio muito simples, ele observou pedacinhos de cortiça (tecido vegetal morto). Hooke percebeu que a cortiça era formada por numerosos compartimentos vazios. A esses compartimentos ele deu o nome de célula, palavra diminutiva do latim cella que significa cavidade. ESTUDO DA CÉLULA Imagem: Microscópiode Robert Hooke / Autor Desconhecido / Disponibilizado por Maksim / United States Public Domain. Imagem:Subercellsandmimosa leaves,Micrographia,1665/Robert Hooke/UnitedStatesPublicDomain.
  • 19. Fica entre a membrana e o núcleo; É preenchido pelo hialoplasma e É onde se encontram dispersos os organóides (organelas citoplasmáticas) que garantem o bom funcionamento da célula. Citoplasma Citoplasma CitoplasmaImagem:Estruturadecélula animal/Vzb83/GNUFree DocumentationLicense.
  • 20. O núcleo ocupa 10% do volume celular total. Controla todas as reações que ocorrem na célula. NÚCLEO Núcleo Nucléolo Imagem: Diagrama do núcleo da célula humana (sem texto) / Peter Znamenskiy / Public Domain. Imagem: diagrama de uma célula animal / Imagem original por Mariana Ruiz,tradução por Felipe Fontoura / Public Domain.
  • 21. ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS Centríolo Lisossomo Ribossomo Mitocôndria Imagens da esquerda para direita, de cima para baixo: (a) Diagrama de uma célula animal / MesserWoland e Szczepan1990 modificado por smartse / GNU Free Documentation License (b) Diagrama de uma mitocôndria humana em branco / Vicki Doronina / Public Domain (c) Vista tridimensional de um centríolo / Twooars / GNU Free Documentation License.
  • 22. ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS Ciências, 8º Série Características gerais da célula e suas estruturas Retículo endoplasmático rugoso Retículo endoplasmático liso Complexo de Golgi Imagens de cima para baixo, da esquerda para direita: (a) Diagrama do complexo de Golgi / Ruth Lawson / GNU Free Documentation License (b) Retículo Endoplasmático liso / Chippolito / Creative Commons Attribution-Share Alike 3.0 Unported (c) Núcleo , RE e Complexo de Golgi / Magnus Manske / Public Domain.
  • 23. Mitocôndria: Responsável pela respiração celular e produção de energia. Células que utilizam bastante energia têm muitas mitocôndrias, por exemplo, as células musculares. Imagem: Mitocôndria / tradução por Felipe Fontoura, baseado na imagem de Mariana Ruiz / Public Domain.
  • 24. Complexo de Golgi: É formado por pequenas bolsas. Serve para armazenar e descartar substâncias. Lisossomos: São estruturas responsáveis pela digestão da célula. Lisossomo Imagem: Diagrama de uma célula animal / MesserWoland e Szczepan1990 modificado por smartse / GNU Free Documentation License Imagem:Vesicletrafficandphagophore/ PhilippeA.Parone/Creative CommonsAttribution2.5Generic.
  • 25. Retículo Endoplasmático: O R.E. liso ou não granuloso, onde há a produção de lipídios; O R.E. rugoso ou granuloso, onde se encontram aderidos a sua superfície externa, os ribossomos, sendo local de produção de proteínas, as quais serão transportadas internamente para o Complexo de Golgiense. Retículo endoplasmático liso Retículo endoplasmático rugoso Imagem:Núcleo,REeComplexodeGolgi/MagnusManske/ PublicDomain.
  • 26. Centríolos: Participam do processo de formação de cílios e flagelos e da divisão celular (multiplicação das células). Ribossomos Têm função de síntese de proteínas. Ribossomo Imagem:Diagramadeumacélula animal/MesserWolande Szczepan1990modificadoporsmartse /GNUFreeDocumentationLicenseImagem:Vistatridimensionaldeum centríolo/Twooars/GNUFree DocumentationLicense.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 31.
  • 32. 1. Uma célula é classificada como eucariótica se contiver: a) compartimentos membranosos internos. b) parede celular rígida. c) membrana plasmática. d) ácidos nucléicos. e) ribossomos. Resposta: A EXERCÍCIO
  • 33. 2. Quais dos pares de organelas abaixo relacionados aparecem em células vegetais, mas não em animais? a) Membrana plasmática e parede celular. b) Parede celular e plastos. c) Plastos e centríolos. d) Centríolos e lisossomos. e) Lisossomos e mitocôndrias. Resposta B
  • 34. 3. A membrana plasmática, apesar de invisível ao microscópio óptico, está presente: a) em todas as células, sejam elas procarióticas ou eucarióticas; b) apenas nas células animais; c) apenas nas células vegetais; d) apenas nas células eucariontes; e) apenas nas células procariontes. Resposta: A
  • 35. 4. As figuras I e II representam, respectivamente: a) célula eucarionte e célula procarionte. b) célula vegetal e célula animal. c) célula animal e célula vegetal. d) célula procarionte e célula eucarionte. e) célula eucarionte e célula vegetal Resposta: A I II