SlideShare uma empresa Scribd logo
A Primeira Guerra
Mundial
1914 - 1918
Antecedentes
 Belle Époque: de 1871 até 1914, a
Europa viveu um período de
relativa paz, progressos
tecnológicos e científicos,
reformas sociais e elevação do
padrão de vida.
 Crescente nacionalismo, busca
de novos mercados
consumidores e fornecedores de
matérias-primas e fortes
investimentos bélicos (“paz
armada”) anunciavam a
proximidade de um possível
conflito.
A dança no
Moulin Rouge
Toulouse-
Lautrec
Os Balcãs
DOMINADA PELO
IMPÉRIO AUSTRO-
HÚNGARO
A SERVIA PATROCINAVA
UMA LUTA
NACIONALISTA PELA
UNIÃO DOS POVOS
ESLAVOS, NA GRANDE
SÉRVIA.
OS SÉRVIOS ERAM
APOIADOS PELA RÚSSIA
Início da Guerra:
 Em 28 de junho de 1914, o
arquiduque Francisco Ferdinando
, herdeiro do trono
Austro-Húngaro, e sua
esposa foram
assassinados pelo sérvio Gavrilo Princip
, que pertencia ao grupo
nacionalista-terrorista
armado Mão Negra, que
lutava pela unificação dos
territórios que continham
sérvios. (Pan-eslavismo)
• O aumento das tensões podia ser
verificado desde o final do século
XIX. Os países europeus
procuravam então organizar os
exércitos, produzir armamentos e
fazer acordos entre si para garantir
força na disputa. Dois grupos rivais
foram formados.
TRÍPLICE
ENTENTE/Aliados:
Inglaterra,
França,
Rússia e
Estados Unidos
(a partir de 1917)
TRÍPLICE
ALIANÇA/Impérios
Centrais:
Alemanha,
Austria-Hungria,
Itália,
Turquia.
X
ALIANÇAS
Primeira Fase da Guerra:
 Durante os primeiros meses da
guerra, até o início de 1915, a
característica marcante foi o
deslocamento constante das tropas.
Tropas do exército britânico
 Esse período caracterizou-se por movimentos rápidos envolvendo grandes
exércitos.
Os temidos pilotos alemães
 Certo de que venceria a guerra em pouco tempo, o exército alemão invadiu a
Bélgica, e , depois penetrou no território francês até as proximidades de Paris. Os
franceses contra-atacaram e, em setembro de 1914, conseguiram deter o avanço
alemão.
Tanque britânico aprisionado
Por soldados alemães
 Em 1915, a Itália, que até então se mantivera neutra, traiu a aliança que fizera
com a Alemanha e entrou na guerra ao lado da Tríplice Entente.
Tanque de guerra com canhão
acoplado.
 Enquanto isso, na frente oriental, o
exército alemão impunha sucessivas
derrotas ao mal-treinado e muito mal-
armado exército russo. Apesar disso,
entretanto, não teve fôlego para
conquistar a Rússia.
Franceses ironizam o Kaiser Alemão
Cerca de 30 gases tóxicos diferentes foram usados durante a Primeira Guerra​​
Mundial. Os soldados foram orientados a colocar um pano encharcado com
urina no rosto em casos de emergência. Por volta de 1918, as máscaras de gás
com respiradores de filtro passaram a oferecer uma proteção mais eficaz.
 Novas armas, como o canhão de tiro rápido, o gás venenoso, o lança-chamas, o
avião e o submarino, faziam um número crescente de vítimas.
HMS Dreadnought - navio
inglês usado nos combates
marítimos.
Armas químicas
Utilização das armas qúímicas
 o dia 3 de janeiro de 1915 como a data fatídica em que pela
primeira vez os alemães abriram cilindros de gás venenoso sobre
as trincheiras inimigas,
 A partir do ano de 1916, especialmente durante a longa batalha
de Verdun, travada entre alemães e franceses, o gás entrou em
cena de vez. E desta feita foi a estreia de novo gás muito mais
mortífero em seus efeitos do que o cloro - o chamado gás de
mostarda
 Deste então, pelos dois anos seguintes, até 1918, a paisagem da
guerra das trincheiras foi toldada pela presença sistemática dos
vapores do gás de mostarda que, utilizado por ambos os lados,
Segunda Fase da Guerra:
 Nesse ano ainda a Rússia sai da guerra devido a questões
internas relacionadas a Revolução Russa.
Povo nas ruas –
Revolução Russa
Segunda Fase da Guerra:
 Na frente ocidental, essa fase foi
marcada pela guerra de trincheiras:
os exércitos defendiam suas posições
utilizando-se de uma extensa rede
de trincheiras que eles próprios
cavavam.
Soldados em trincheira usando máscaras de
gás
 A Itália, até então aliada da Alemanha e Áustria, declarou-se neutra e não
participou da guerra nesta primeira fase.
Propaganda convocando o
alistamento de jovens ingleses.
 No dia 6 de abril de 1917, os
Estados Unidos declararam guerra
contra os alemães e seus aliados.
Um grande volume de soldados,
tanques, navios e aviões de
guerra foram utilizados para que a
vitória da Entente fosse
assegurada.
Propaganda Estadunidense
Fase Final
 Em julho de 1918, ingleses, franceses e americano desferem
sucessivos golpes sobre as divisões alemãs, que já não consegue
apresentar resistência.
Ofensiva dos exércitos aliados contra a
Alemanha
Fase Final
 Em Berlim e demais cidades, multidões realizam manifestações
contra o Kaiser, e a velha monarquia alemã deixa de existir,
sendo substituída pela República de Neimar. Em 11 de
novembro, são assinados os documentos que punham termo
oficialmente à guerra.
Fase Final
 A Alemanha é obrigada a assinar o Tratado de Versalhes que
define suas obrigações, declarando-a culpada da Guerra. Entre
as medidas e punições destacam-se:
- restituir a Alsácia-Lorena à França;
- ceder as minas de carvão do Sarre à França por um prazo de
15 anos;
- ceder suas colônias, submarinos e navios mercantes à
Inglaterra, França e Bélgica;
Fase Final
-pagar aos vencedores, a título de indenização, a fabulosa
quantia de 33 bilhões de dólares
- reduzir seu poderio bélico, ficando proibida de possuir força
aérea, de fabricar armas e de ter um exército superior a 100 mil
homens.
Consequências da Guerra:
- declínio da Europa, que foi duramente atingida pelo conflito
nas áreas agrícola, industrial e no comércio;
ascensão dos Estados Unidos, que a partir de então tornaram-
se uma das grandes potências mundiais;
- intensificação dos problemas que contribuíram para a
implantação do socialismo na Rússia;
- aparecimento de regimes políticos autoritários, como o
nazismo e fascismo.
Conseqüências da Guerra:
- Morte de um número de homens duas vezes maior do que todas
as principais guerras de 1790 a 1913 juntas. De cada 100 soldados
mortos, 63 pertenciam às forças armadas da Entente.
- O número de civis mortos nas áreas atingidas pela guerra chegou
a cinco milhões aproximadamente.
- A fome, as doenças e a falta de abrigos foram
responsáveis por 80 em cada 100 mortes de
civis.
- Custou mais de 337 bilhões de dólares. Dessa
soma, cerca de 186 bilhões de dólares foram
gastos diretamente com a guerra.
A “Grande Depressão”
Européia
- A guerra destruiu a vida industrial e
comunitária de muitas cidades e
aldeias dessas áreas, fechou ou
destruiu escolas, fábricas, estradas e
ferrovias. Em muitos países, o povo
teve de depender dos alimentos
fornecidos pelo governo.
Edifício Bombardeado
Conseqüências da Guerra:
 Durante e imediatamente após a guerra, os Aliados enviaram
provisões para os países arrasados. Os E.U.A. forneceram
alimentos, roupas e remédios.
Propaganda Inglesa incentivando a
Participação e a importância da
Guerra.
Participação Brasileira
 O presidente Venceslau Brás
declara guerra a Tríplice Aliança,
sob forte pressão popular.
Participação Brasileira
 A participação militar do Brasil no solo europeu foi pequena,
resumindo-se a algumas ações de pilotos da força aérea (na
época a Força Aérea Brasileira ainda não havia sido criada,
mas havia a aviação do Exército e da Marinha) treinados na
Europa, e apoio médico, além do fornecimento de alimentos e
matérias-primas. A Marinha recebeu a incumbência de
patrulhar o Atlântico, evitando a ação dos submarinos inimigos
A EUROPA ANTES DA GUERRA
curiosidades
 Mais de 65 milhões de homens de 30 países
lutaram na Primeira Guerra Mundial. Cerca
de 10 milhões de pessoas morreram. Foram
mais de 35 milhões de mortes de civis e
soldados na Primeira Guerra Mundial. E 20
milhões ficaram feridas.
 A Rússia mobilizou 12 milhões de tropas
durante a Primeira Guerra Mundial, tornando-
se o maior exército na guerra. Mais de três
quartos foram mortos, feridos ou
desapareceram em ação.
 O soldado mais jovem a servir durante a
Primeira Guerra Mundial tinha apenas 8 anos

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A Primeira Guerra Mundial
A Primeira Guerra MundialA Primeira Guerra Mundial
A Primeira Guerra Mundial
Sylvio Bazote
 
1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf
1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf
1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
Murilo Benevides
 
A primeira guerra mundial slides
A primeira guerra mundial   slidesA primeira guerra mundial   slides
A primeira guerra mundial slides
Juliana_hst
 
Elmo primeira guerra mundial slides
Elmo   primeira guerra mundial slidesElmo   primeira guerra mundial slides
Elmo primeira guerra mundial slides
profelmo
 
PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
PRIMEIRA GUERRA MUNDIALPRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
Juliana Freitas
 
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º anoAula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
7 de Setembro
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
Sebastião Herodes
 
1ª guerra mundial (1914 1918)
1ª guerra mundial (1914 1918)1ª guerra mundial (1914 1918)
1ª guerra mundial (1914 1918)
Valéria Shoujofan
 
Primeira guerra mundial 1914 1918
Primeira guerra mundial 1914 1918Primeira guerra mundial 1914 1918
Primeira guerra mundial 1914 1918
Alan
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
harlissoncarvalho
 
1º guerra mundial
1º guerra mundial1º guerra mundial
1º guerra mundial
Beatriz Ferreira
 
351 a primeira guerra mundial
351 a primeira guerra mundial351 a primeira guerra mundial
351 a primeira guerra mundial
crpp
 
A 1a Guerra Mundial
A 1a Guerra MundialA 1a Guerra Mundial
A 1a Guerra Mundial
Sílvia Mendonça
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
Sylvio Bazote
 
Primeira Guerra Mundial (com exercícios)
Primeira Guerra Mundial   (com exercícios)Primeira Guerra Mundial   (com exercícios)
Primeira Guerra Mundial (com exercícios)
João Gonçalves Macedo
 
Apresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco Antônio
Apresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco AntônioApresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco Antônio
Apresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco Antônio
profmarcoantonio
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
Fatima Freitas
 
Slides 1ª guerra mundial
Slides  1ª guerra mundialSlides  1ª guerra mundial
Slides 1ª guerra mundial
Ferdinando Scappa
 
1guera
1guera1guera

Mais procurados (20)

A Primeira Guerra Mundial
A Primeira Guerra MundialA Primeira Guerra Mundial
A Primeira Guerra Mundial
 
1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf
1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf
1ª guerra mundial 1914 a 1918 pdf
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
 
A primeira guerra mundial slides
A primeira guerra mundial   slidesA primeira guerra mundial   slides
A primeira guerra mundial slides
 
Elmo primeira guerra mundial slides
Elmo   primeira guerra mundial slidesElmo   primeira guerra mundial slides
Elmo primeira guerra mundial slides
 
PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
PRIMEIRA GUERRA MUNDIALPRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
 
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º anoAula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
 
1ª guerra mundial (1914 1918)
1ª guerra mundial (1914 1918)1ª guerra mundial (1914 1918)
1ª guerra mundial (1914 1918)
 
Primeira guerra mundial 1914 1918
Primeira guerra mundial 1914 1918Primeira guerra mundial 1914 1918
Primeira guerra mundial 1914 1918
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 
1º guerra mundial
1º guerra mundial1º guerra mundial
1º guerra mundial
 
351 a primeira guerra mundial
351 a primeira guerra mundial351 a primeira guerra mundial
351 a primeira guerra mundial
 
A 1a Guerra Mundial
A 1a Guerra MundialA 1a Guerra Mundial
A 1a Guerra Mundial
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
 
Primeira Guerra Mundial (com exercícios)
Primeira Guerra Mundial   (com exercícios)Primeira Guerra Mundial   (com exercícios)
Primeira Guerra Mundial (com exercícios)
 
Apresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco Antônio
Apresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco AntônioApresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco Antônio
Apresentação de slides - Primeira Guerra Mundial - Marco Antônio
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 
Slides 1ª guerra mundial
Slides  1ª guerra mundialSlides  1ª guerra mundial
Slides 1ª guerra mundial
 
1guera
1guera1guera
1guera
 

Semelhante a Aprimeiraguerramundial slides-130820205900-phpapp02

1º Guerra Mundial..ppt
1º Guerra Mundial..ppt1º Guerra Mundial..ppt
1º Guerra Mundial..ppt
MariaAparecidaFerrei84
 
1 guerra mundial
1 guerra mundial1 guerra mundial
1 guerra mundial
Wallace Rodrigo
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
Nelia Salles Nantes
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
historiando
 
Iª GM.pdf
Iª GM.pdfIª GM.pdf
Iª GM.pdf
Kamyla Nunes
 
Aula12 primeira guerra
Aula12 primeira guerraAula12 primeira guerra
Aula12 primeira guerra
MOHAMMEDDASILVA
 
primeira guerra.pdf
primeira guerra.pdfprimeira guerra.pdf
primeira guerra.pdf
AndersonJCR
 
Primeira Guerra Mundial.pdf
Primeira Guerra Mundial.pdfPrimeira Guerra Mundial.pdf
Primeira Guerra Mundial.pdf
wladson2011
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
Rose Vital
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
antioxidante
 
HIS - 1 GRANDE GUERRA
HIS - 1 GRANDE GUERRAHIS - 1 GRANDE GUERRA
HIS - 1 GRANDE GUERRA
Luís Ferreira
 
Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)
Vinicius Pereira
 
Primeira guerra mundial 9 anos
Primeira guerra mundial 9 anosPrimeira guerra mundial 9 anos
Primeira guerra mundial 9 anos
Íris Ferreira
 
Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )
Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )
Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )
SENAI/SC
 
I guerra-mundial
I guerra-mundialI guerra-mundial
I guerra-mundial
Evanilde Chuva
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
Nelia Salles Nantes
 
Primeira Guerra Mundial E F
Primeira Guerra Mundial   E FPrimeira Guerra Mundial   E F
Primeira Guerra Mundial E F
Profernanda
 
1° GUERRA MUNDIAL.pptx
1° GUERRA MUNDIAL.pptx1° GUERRA MUNDIAL.pptx
1° GUERRA MUNDIAL.pptx
HernandisPereira
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
Marcia Benaduce
 
Primeira Guerra Mundial.
Primeira Guerra Mundial.Primeira Guerra Mundial.
Primeira Guerra Mundial.
Camila Brito
 

Semelhante a Aprimeiraguerramundial slides-130820205900-phpapp02 (20)

1º Guerra Mundial..ppt
1º Guerra Mundial..ppt1º Guerra Mundial..ppt
1º Guerra Mundial..ppt
 
1 guerra mundial
1 guerra mundial1 guerra mundial
1 guerra mundial
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
 
Iª GM.pdf
Iª GM.pdfIª GM.pdf
Iª GM.pdf
 
Aula12 primeira guerra
Aula12 primeira guerraAula12 primeira guerra
Aula12 primeira guerra
 
primeira guerra.pdf
primeira guerra.pdfprimeira guerra.pdf
primeira guerra.pdf
 
Primeira Guerra Mundial.pdf
Primeira Guerra Mundial.pdfPrimeira Guerra Mundial.pdf
Primeira Guerra Mundial.pdf
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 
HIS - 1 GRANDE GUERRA
HIS - 1 GRANDE GUERRAHIS - 1 GRANDE GUERRA
HIS - 1 GRANDE GUERRA
 
Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)
 
Primeira guerra mundial 9 anos
Primeira guerra mundial 9 anosPrimeira guerra mundial 9 anos
Primeira guerra mundial 9 anos
 
Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )
Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )
Primeira guerra mundial (1914 – 1918 )
 
I guerra-mundial
I guerra-mundialI guerra-mundial
I guerra-mundial
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
 
Primeira Guerra Mundial E F
Primeira Guerra Mundial   E FPrimeira Guerra Mundial   E F
Primeira Guerra Mundial E F
 
1° GUERRA MUNDIAL.pptx
1° GUERRA MUNDIAL.pptx1° GUERRA MUNDIAL.pptx
1° GUERRA MUNDIAL.pptx
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 
Primeira Guerra Mundial.
Primeira Guerra Mundial.Primeira Guerra Mundial.
Primeira Guerra Mundial.
 

Mais de marlete andrade

Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02
Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02
Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02
marlete andrade
 
brasil imperio
brasil imperiobrasil imperio
brasil imperio
marlete andrade
 
II REINADO
II REINADOII REINADO
II REINADO
marlete andrade
 
Renascimento 120628154736-phpapp01
Renascimento 120628154736-phpapp01Renascimento 120628154736-phpapp01
Renascimento 120628154736-phpapp01
marlete andrade
 
Cana-de- açúcar e escravidão Brasil colônia
Cana-de- açúcar  e escravidão  Brasil colôniaCana-de- açúcar  e escravidão  Brasil colônia
Cana-de- açúcar e escravidão Brasil colônia
marlete andrade
 
Era vargas até o período da Redemocratização -1964
Era vargas até o período da Redemocratização -1964Era vargas até o período da Redemocratização -1964
Era vargas até o período da Redemocratização -1964
marlete andrade
 
II GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIA
II GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIAII GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIA
II GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIA
marlete andrade
 
Revolução Industrial 2º ano Bilac- Marlete
Revolução Industrial 2º ano  Bilac- MarleteRevolução Industrial 2º ano  Bilac- Marlete
Revolução Industrial 2º ano Bilac- Marlete
marlete andrade
 
Republica Velha
Republica Velha Republica Velha
Republica Velha
marlete andrade
 
Pre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos Bilac
Pre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos BilacPre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos Bilac
Pre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos Bilac
marlete andrade
 

Mais de marlete andrade (10)

Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02
Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02
Amineraonobrasilcolonial 140308144938-phpapp02
 
brasil imperio
brasil imperiobrasil imperio
brasil imperio
 
II REINADO
II REINADOII REINADO
II REINADO
 
Renascimento 120628154736-phpapp01
Renascimento 120628154736-phpapp01Renascimento 120628154736-phpapp01
Renascimento 120628154736-phpapp01
 
Cana-de- açúcar e escravidão Brasil colônia
Cana-de- açúcar  e escravidão  Brasil colôniaCana-de- açúcar  e escravidão  Brasil colônia
Cana-de- açúcar e escravidão Brasil colônia
 
Era vargas até o período da Redemocratização -1964
Era vargas até o período da Redemocratização -1964Era vargas até o período da Redemocratização -1964
Era vargas até o período da Redemocratização -1964
 
II GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIA
II GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIAII GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIA
II GUERRA MUNDIAL E GUERRA FRIA
 
Revolução Industrial 2º ano Bilac- Marlete
Revolução Industrial 2º ano  Bilac- MarleteRevolução Industrial 2º ano  Bilac- Marlete
Revolução Industrial 2º ano Bilac- Marlete
 
Republica Velha
Republica Velha Republica Velha
Republica Velha
 
Pre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos Bilac
Pre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos BilacPre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos Bilac
Pre historia-111115181123-phpapp01 1ºs anos Bilac
 

Último

Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Militao Ricardo
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
jonny615148
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
y6zh7bvphf
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Pastor Robson Colaço
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
EdimaresSilvestre
 

Último (20)

Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
 

Aprimeiraguerramundial slides-130820205900-phpapp02

  • 2. Antecedentes  Belle Époque: de 1871 até 1914, a Europa viveu um período de relativa paz, progressos tecnológicos e científicos, reformas sociais e elevação do padrão de vida.  Crescente nacionalismo, busca de novos mercados consumidores e fornecedores de matérias-primas e fortes investimentos bélicos (“paz armada”) anunciavam a proximidade de um possível conflito. A dança no Moulin Rouge Toulouse- Lautrec
  • 3. Os Balcãs DOMINADA PELO IMPÉRIO AUSTRO- HÚNGARO A SERVIA PATROCINAVA UMA LUTA NACIONALISTA PELA UNIÃO DOS POVOS ESLAVOS, NA GRANDE SÉRVIA. OS SÉRVIOS ERAM APOIADOS PELA RÚSSIA
  • 4. Início da Guerra:  Em 28 de junho de 1914, o arquiduque Francisco Ferdinando , herdeiro do trono Austro-Húngaro, e sua esposa foram assassinados pelo sérvio Gavrilo Princip , que pertencia ao grupo nacionalista-terrorista armado Mão Negra, que lutava pela unificação dos territórios que continham sérvios. (Pan-eslavismo)
  • 5. • O aumento das tensões podia ser verificado desde o final do século XIX. Os países europeus procuravam então organizar os exércitos, produzir armamentos e fazer acordos entre si para garantir força na disputa. Dois grupos rivais foram formados.
  • 6. TRÍPLICE ENTENTE/Aliados: Inglaterra, França, Rússia e Estados Unidos (a partir de 1917) TRÍPLICE ALIANÇA/Impérios Centrais: Alemanha, Austria-Hungria, Itália, Turquia. X
  • 8.
  • 9. Primeira Fase da Guerra:  Durante os primeiros meses da guerra, até o início de 1915, a característica marcante foi o deslocamento constante das tropas. Tropas do exército britânico
  • 10.  Esse período caracterizou-se por movimentos rápidos envolvendo grandes exércitos. Os temidos pilotos alemães
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.  Certo de que venceria a guerra em pouco tempo, o exército alemão invadiu a Bélgica, e , depois penetrou no território francês até as proximidades de Paris. Os franceses contra-atacaram e, em setembro de 1914, conseguiram deter o avanço alemão. Tanque britânico aprisionado Por soldados alemães
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.  Em 1915, a Itália, que até então se mantivera neutra, traiu a aliança que fizera com a Alemanha e entrou na guerra ao lado da Tríplice Entente. Tanque de guerra com canhão acoplado.
  • 19.  Enquanto isso, na frente oriental, o exército alemão impunha sucessivas derrotas ao mal-treinado e muito mal- armado exército russo. Apesar disso, entretanto, não teve fôlego para conquistar a Rússia. Franceses ironizam o Kaiser Alemão
  • 20. Cerca de 30 gases tóxicos diferentes foram usados durante a Primeira Guerra​​ Mundial. Os soldados foram orientados a colocar um pano encharcado com urina no rosto em casos de emergência. Por volta de 1918, as máscaras de gás com respiradores de filtro passaram a oferecer uma proteção mais eficaz.
  • 21.  Novas armas, como o canhão de tiro rápido, o gás venenoso, o lança-chamas, o avião e o submarino, faziam um número crescente de vítimas. HMS Dreadnought - navio inglês usado nos combates marítimos.
  • 23. Utilização das armas qúímicas  o dia 3 de janeiro de 1915 como a data fatídica em que pela primeira vez os alemães abriram cilindros de gás venenoso sobre as trincheiras inimigas,  A partir do ano de 1916, especialmente durante a longa batalha de Verdun, travada entre alemães e franceses, o gás entrou em cena de vez. E desta feita foi a estreia de novo gás muito mais mortífero em seus efeitos do que o cloro - o chamado gás de mostarda  Deste então, pelos dois anos seguintes, até 1918, a paisagem da guerra das trincheiras foi toldada pela presença sistemática dos vapores do gás de mostarda que, utilizado por ambos os lados,
  • 24. Segunda Fase da Guerra:  Nesse ano ainda a Rússia sai da guerra devido a questões internas relacionadas a Revolução Russa. Povo nas ruas – Revolução Russa
  • 25. Segunda Fase da Guerra:  Na frente ocidental, essa fase foi marcada pela guerra de trincheiras: os exércitos defendiam suas posições utilizando-se de uma extensa rede de trincheiras que eles próprios cavavam. Soldados em trincheira usando máscaras de gás
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.  A Itália, até então aliada da Alemanha e Áustria, declarou-se neutra e não participou da guerra nesta primeira fase. Propaganda convocando o alistamento de jovens ingleses.
  • 31.  No dia 6 de abril de 1917, os Estados Unidos declararam guerra contra os alemães e seus aliados. Um grande volume de soldados, tanques, navios e aviões de guerra foram utilizados para que a vitória da Entente fosse assegurada. Propaganda Estadunidense
  • 32. Fase Final  Em julho de 1918, ingleses, franceses e americano desferem sucessivos golpes sobre as divisões alemãs, que já não consegue apresentar resistência. Ofensiva dos exércitos aliados contra a Alemanha
  • 33. Fase Final  Em Berlim e demais cidades, multidões realizam manifestações contra o Kaiser, e a velha monarquia alemã deixa de existir, sendo substituída pela República de Neimar. Em 11 de novembro, são assinados os documentos que punham termo oficialmente à guerra.
  • 34. Fase Final  A Alemanha é obrigada a assinar o Tratado de Versalhes que define suas obrigações, declarando-a culpada da Guerra. Entre as medidas e punições destacam-se: - restituir a Alsácia-Lorena à França; - ceder as minas de carvão do Sarre à França por um prazo de 15 anos; - ceder suas colônias, submarinos e navios mercantes à Inglaterra, França e Bélgica;
  • 35. Fase Final -pagar aos vencedores, a título de indenização, a fabulosa quantia de 33 bilhões de dólares - reduzir seu poderio bélico, ficando proibida de possuir força aérea, de fabricar armas e de ter um exército superior a 100 mil homens.
  • 36. Consequências da Guerra: - declínio da Europa, que foi duramente atingida pelo conflito nas áreas agrícola, industrial e no comércio; ascensão dos Estados Unidos, que a partir de então tornaram- se uma das grandes potências mundiais; - intensificação dos problemas que contribuíram para a implantação do socialismo na Rússia; - aparecimento de regimes políticos autoritários, como o nazismo e fascismo.
  • 37. Conseqüências da Guerra: - Morte de um número de homens duas vezes maior do que todas as principais guerras de 1790 a 1913 juntas. De cada 100 soldados mortos, 63 pertenciam às forças armadas da Entente. - O número de civis mortos nas áreas atingidas pela guerra chegou a cinco milhões aproximadamente.
  • 38. - A fome, as doenças e a falta de abrigos foram responsáveis por 80 em cada 100 mortes de civis. - Custou mais de 337 bilhões de dólares. Dessa soma, cerca de 186 bilhões de dólares foram gastos diretamente com a guerra. A “Grande Depressão” Européia
  • 39. - A guerra destruiu a vida industrial e comunitária de muitas cidades e aldeias dessas áreas, fechou ou destruiu escolas, fábricas, estradas e ferrovias. Em muitos países, o povo teve de depender dos alimentos fornecidos pelo governo. Edifício Bombardeado
  • 40. Conseqüências da Guerra:  Durante e imediatamente após a guerra, os Aliados enviaram provisões para os países arrasados. Os E.U.A. forneceram alimentos, roupas e remédios. Propaganda Inglesa incentivando a Participação e a importância da Guerra.
  • 41. Participação Brasileira  O presidente Venceslau Brás declara guerra a Tríplice Aliança, sob forte pressão popular.
  • 42. Participação Brasileira  A participação militar do Brasil no solo europeu foi pequena, resumindo-se a algumas ações de pilotos da força aérea (na época a Força Aérea Brasileira ainda não havia sido criada, mas havia a aviação do Exército e da Marinha) treinados na Europa, e apoio médico, além do fornecimento de alimentos e matérias-primas. A Marinha recebeu a incumbência de patrulhar o Atlântico, evitando a ação dos submarinos inimigos
  • 43. A EUROPA ANTES DA GUERRA
  • 44.
  • 45. curiosidades  Mais de 65 milhões de homens de 30 países lutaram na Primeira Guerra Mundial. Cerca de 10 milhões de pessoas morreram. Foram mais de 35 milhões de mortes de civis e soldados na Primeira Guerra Mundial. E 20 milhões ficaram feridas.  A Rússia mobilizou 12 milhões de tropas durante a Primeira Guerra Mundial, tornando- se o maior exército na guerra. Mais de três quartos foram mortos, feridos ou desapareceram em ação.  O soldado mais jovem a servir durante a Primeira Guerra Mundial tinha apenas 8 anos