SlideShare uma empresa Scribd logo
OdisséiaOdisséiaUma aventura de Ulisses
Quem escreveu?Quem escreveu?
● Homero foi um dos primeiros
poetas da Grécia antiga. Pouco se
sabe sobre sua vida, mas calcula-
se que tenha nascido por volta dos
séculos 8 ou 9 a.C. Pelo menos 7
cidades gregas disputam a honra
de ter sido seu berço. Já houve até
quem questionasse a própria
existência do poeta.
Do que se trata?Do que se trata?
● Odisséia conta as difíceis aventuras que
enfrenta Ulisses, rei de Ítaca, e seu retorno
para casa após a guerra de Tróia, onde o
esperam sua esposa, Penélope, e o filho,
Telêmaco.
O que foi a guerra de Tróia?
Odisséia de HomeroOdisséia de Homero
● A Odisséia de Homero narra as aventuras de
Ulisses durante 10 anos de ausência ao lar,
compondo-se de quatro partes a narrativa.
● Na primeira parte aparece a Assembleia dos
Deuses. Ulisses partira. Muitos eram os
pretendentes da mão de sua esposa Penélope.
Atena estimula Telêmaco para proteger sua mãe
contra esse pretendentes. Entretanto os dias
passavam e uma angústia, o desespero apodera-
se de Telêmaco. Decide sair à procura de seu pai
Ulisses, percorrendo Pilo e após a Lacedônia,
porém sem êxito. Enquanto isso os pretendentes
em sua casa lançam mão da emboscada.
PenélopePenélope
TelêmacoTelêmaco
● Na segunda parte, os deuses se reúnem, em
assembleia, novamente. Após atender solicitação de
Atena, Zeus dá o encargo a Hermes que ordene a
Calipso permitir que Ulisses parta, após sete anos de
retenção. Uma jangada é construída por Ulisses.
Nela se encontrava navegando quando é colhido por
uma tempestade. É atirado na Ilha dos Feaces.
Adormece. Quem o encontra e dele procura cuidar,
acolhendo-o em seu palácio é Náusica, a filha do Rei
Alcinoo. Ulisses dá prova de sua forte compleição
atlética quando participa no jogo da projeção do
disco que é promovido em honra de Náusica, saindo
vitorioso da disputa. Sua volta à pátria estava prestes
a concretizar-se.
UlissesUlisses
Apresentação de odisséia
● Na terceira parte é encontrado o relato de
Ulisses sobre as suas aventuras. Sua partida
de Troia, o país dos Cicones dos Ciclopes, e os
seus seis companheiros devorados. Também é
relatado o episódio de Polifemo. Na Ilha de
Eolo os ventos se encontram presos nos odres,
que após abertos por seus companheiros,
desencadea-se uma violenta tempestade. Circe
transforma-os em porcos. Só depois de muita
persuasão é que Ulisses consegue convencê-
lo para quebrar o encanto. Seus companheiros
voltam à forma humana. Ulisses é seguido
pelas sereias. Após outras peripécias consegue
finalmente alcançar a Ilha de Calipso.
Apresentação de odisséia
Apresentação de odisséia
● Na quarta parte há o retorno de Ulisses à
Ítaca. Disfarça-se de mendigo. Será que ele vai
ser recolhecido? Será que terá sua vida de
volta?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O mundo de Homero
O mundo de HomeroO mundo de Homero
O mundo de Homero
Patrícia Costa Grigório
 
Episódio de inês de castro
Episódio de inês de castroEpisódio de inês de castro
Episódio de inês de castro
Quezia Neves
 
Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"
pauloprofport
 
Os lusiadas - camões
Os lusiadas - camõesOs lusiadas - camões
Os lusiadas - camões
julykathy
 
Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas
Lurdes Augusto
 
Bucolismo
BucolismoBucolismo
Bucolismo
Lourdinas
 
Gil Vicente
Gil VicenteGil Vicente
Gil Vicente
AnaPinto02
 
Ulisses
UlissesUlisses
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os LusíadasA Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
sin3stesia
 
O meu pé de laranja lima
O meu pé de laranja limaO meu pé de laranja lima
O meu pé de laranja lima
Margarida Lobo
 
Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"
Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"
Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"
BibEscolar Ninho Dos Livros
 
Auto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O fradeAuto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O frade
Zé Carlos Barbosa
 
Recursos expressivos
Recursos expressivosRecursos expressivos
Recursos expressivos
Bárbara Minhoto
 
Narrativa e estilo n' Os Maias
Narrativa e estilo n' Os MaiasNarrativa e estilo n' Os Maias
Narrativa e estilo n' Os Maias
Dina Baptista
 
Camões / Os Lusíadas
Camões / Os LusíadasCamões / Os Lusíadas
Camões / Os Lusíadas
Andriane Cursino
 
Recursos expressivos
Recursos expressivos Recursos expressivos
Recursos expressivos
sasaesss
 
A Aia
A AiaA Aia
A Aia
Vanda Mata
 
Amor De PerdiçãO
Amor De PerdiçãOAmor De PerdiçãO
Amor De PerdiçãO
Vívian mourett
 
Cantigas de amor
Cantigas de amorCantigas de amor
Cantigas de amor
Helena Coutinho
 
Plano nacional de leitura
Plano nacional de leituraPlano nacional de leitura
Plano nacional de leitura
Diogo Tavares
 

Mais procurados (20)

O mundo de Homero
O mundo de HomeroO mundo de Homero
O mundo de Homero
 
Episódio de inês de castro
Episódio de inês de castroEpisódio de inês de castro
Episódio de inês de castro
 
Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"
 
Os lusiadas - camões
Os lusiadas - camõesOs lusiadas - camões
Os lusiadas - camões
 
Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas
 
Bucolismo
BucolismoBucolismo
Bucolismo
 
Gil Vicente
Gil VicenteGil Vicente
Gil Vicente
 
Ulisses
UlissesUlisses
Ulisses
 
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os LusíadasA Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
 
O meu pé de laranja lima
O meu pé de laranja limaO meu pé de laranja lima
O meu pé de laranja lima
 
Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"
Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"
Apresentacao da "História de uma Gaivota e de um Gato que a ensinou a voar"
 
Auto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O fradeAuto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O frade
 
Recursos expressivos
Recursos expressivosRecursos expressivos
Recursos expressivos
 
Narrativa e estilo n' Os Maias
Narrativa e estilo n' Os MaiasNarrativa e estilo n' Os Maias
Narrativa e estilo n' Os Maias
 
Camões / Os Lusíadas
Camões / Os LusíadasCamões / Os Lusíadas
Camões / Os Lusíadas
 
Recursos expressivos
Recursos expressivos Recursos expressivos
Recursos expressivos
 
A Aia
A AiaA Aia
A Aia
 
Amor De PerdiçãO
Amor De PerdiçãOAmor De PerdiçãO
Amor De PerdiçãO
 
Cantigas de amor
Cantigas de amorCantigas de amor
Cantigas de amor
 
Plano nacional de leitura
Plano nacional de leituraPlano nacional de leitura
Plano nacional de leitura
 

Semelhante a Apresentação de odisséia

Ulisses
UlissesUlisses
Ulisses
soradinda_59
 
Marco gustavo
Marco gustavoMarco gustavo
Marco gustavo
Carlos Vaz
 
Resumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xivResumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xiv
Marcos Antonio Férri
 
Resumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xivResumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xiv
Marcos Antonio Férri
 
Quem sabe mais sobre... ulisses
Quem sabe mais sobre... ulissesQuem sabe mais sobre... ulisses
Quem sabe mais sobre... ulisses
Fátima Rocha
 
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
Tuany Oliveira
 
Informações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta Menéres
Informações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta MenéresInformações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta Menéres
Informações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta Menéres
CeciliaMelo14
 
A Ilíada e a Odisseia
A Ilíada e a OdisseiaA Ilíada e a Odisseia
A Ilíada e a Odisseia
Joselma Mendes
 
Ulisses
UlissesUlisses
Ulisses
Biblioteia
 
aeplv617_ficha_edu_lit_1.pdf
aeplv617_ficha_edu_lit_1.pdfaeplv617_ficha_edu_lit_1.pdf
aeplv617_ficha_edu_lit_1.pdf
starlightmimi
 
o ulisses
o ulisseso ulisses
o ulisses
Alexandre Vilão
 
Ulisses vivia na ilha de ítaca
Ulisses vivia na ilha de ítacaUlisses vivia na ilha de ítaca
Ulisses vivia na ilha de ítaca
junceiro
 
O "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativa
O "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativaO "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativa
O "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativa
Gonçalo Silva
 
Língua portuguesa power point poetas
Língua portuguesa power point   poetasLíngua portuguesa power point   poetas
Língua portuguesa power point poetas
salrainho
 
Ruth rocha conta_a_odisseia
Ruth rocha conta_a_odisseiaRuth rocha conta_a_odisseia
Ruth rocha conta_a_odisseia
Dhiane Cheila Bergamini
 
Odisseia adaptacao-ruth-rocha
Odisseia adaptacao-ruth-rochaOdisseia adaptacao-ruth-rocha
Odisseia adaptacao-ruth-rocha
Neide Romero
 
Homero
HomeroHomero
Homero
HomeroHomero
Homero
HomeroHomero
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
Vanessa Reis
 

Semelhante a Apresentação de odisséia (20)

Ulisses
UlissesUlisses
Ulisses
 
Marco gustavo
Marco gustavoMarco gustavo
Marco gustavo
 
Resumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xivResumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xiv
 
Resumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xivResumo dos cap i ii xiii xiv
Resumo dos cap i ii xiii xiv
 
Quem sabe mais sobre... ulisses
Quem sabe mais sobre... ulissesQuem sabe mais sobre... ulisses
Quem sabe mais sobre... ulisses
 
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
 
Informações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta Menéres
Informações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta MenéresInformações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta Menéres
Informações sobre a obra Ulisses de Maria Alberta Menéres
 
A Ilíada e a Odisseia
A Ilíada e a OdisseiaA Ilíada e a Odisseia
A Ilíada e a Odisseia
 
Ulisses
UlissesUlisses
Ulisses
 
aeplv617_ficha_edu_lit_1.pdf
aeplv617_ficha_edu_lit_1.pdfaeplv617_ficha_edu_lit_1.pdf
aeplv617_ficha_edu_lit_1.pdf
 
o ulisses
o ulisseso ulisses
o ulisses
 
Ulisses vivia na ilha de ítaca
Ulisses vivia na ilha de ítacaUlisses vivia na ilha de ítaca
Ulisses vivia na ilha de ítaca
 
O "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativa
O "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativaO "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativa
O "Ulisses" de Maria Alberta Menéres: correção da ficha de avaliação sumativa
 
Língua portuguesa power point poetas
Língua portuguesa power point   poetasLíngua portuguesa power point   poetas
Língua portuguesa power point poetas
 
Ruth rocha conta_a_odisseia
Ruth rocha conta_a_odisseiaRuth rocha conta_a_odisseia
Ruth rocha conta_a_odisseia
 
Odisseia adaptacao-ruth-rocha
Odisseia adaptacao-ruth-rochaOdisseia adaptacao-ruth-rocha
Odisseia adaptacao-ruth-rocha
 
Homero
HomeroHomero
Homero
 
Homero
HomeroHomero
Homero
 
Homero
HomeroHomero
Homero
 
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia[Infantil] ruth rocha   conta a odisséia
[Infantil] ruth rocha conta a odisséia
 

Último

Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
Falcão Brasil
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 

Último (20)

VIAGEM AO PASSADO -
VIAGEM AO PASSADO                        -VIAGEM AO PASSADO                        -
VIAGEM AO PASSADO -
 
Festa dos Finalistas .
Festa dos Finalistas                    .Festa dos Finalistas                    .
Festa dos Finalistas .
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 

Apresentação de odisséia

  • 2. Quem escreveu?Quem escreveu? ● Homero foi um dos primeiros poetas da Grécia antiga. Pouco se sabe sobre sua vida, mas calcula- se que tenha nascido por volta dos séculos 8 ou 9 a.C. Pelo menos 7 cidades gregas disputam a honra de ter sido seu berço. Já houve até quem questionasse a própria existência do poeta.
  • 3. Do que se trata?Do que se trata? ● Odisséia conta as difíceis aventuras que enfrenta Ulisses, rei de Ítaca, e seu retorno para casa após a guerra de Tróia, onde o esperam sua esposa, Penélope, e o filho, Telêmaco.
  • 4. O que foi a guerra de Tróia?
  • 5. Odisséia de HomeroOdisséia de Homero ● A Odisséia de Homero narra as aventuras de Ulisses durante 10 anos de ausência ao lar, compondo-se de quatro partes a narrativa.
  • 6. ● Na primeira parte aparece a Assembleia dos Deuses. Ulisses partira. Muitos eram os pretendentes da mão de sua esposa Penélope. Atena estimula Telêmaco para proteger sua mãe contra esse pretendentes. Entretanto os dias passavam e uma angústia, o desespero apodera- se de Telêmaco. Decide sair à procura de seu pai Ulisses, percorrendo Pilo e após a Lacedônia, porém sem êxito. Enquanto isso os pretendentes em sua casa lançam mão da emboscada.
  • 9. ● Na segunda parte, os deuses se reúnem, em assembleia, novamente. Após atender solicitação de Atena, Zeus dá o encargo a Hermes que ordene a Calipso permitir que Ulisses parta, após sete anos de retenção. Uma jangada é construída por Ulisses. Nela se encontrava navegando quando é colhido por uma tempestade. É atirado na Ilha dos Feaces. Adormece. Quem o encontra e dele procura cuidar, acolhendo-o em seu palácio é Náusica, a filha do Rei Alcinoo. Ulisses dá prova de sua forte compleição atlética quando participa no jogo da projeção do disco que é promovido em honra de Náusica, saindo vitorioso da disputa. Sua volta à pátria estava prestes a concretizar-se.
  • 12. ● Na terceira parte é encontrado o relato de Ulisses sobre as suas aventuras. Sua partida de Troia, o país dos Cicones dos Ciclopes, e os seus seis companheiros devorados. Também é relatado o episódio de Polifemo. Na Ilha de Eolo os ventos se encontram presos nos odres, que após abertos por seus companheiros, desencadea-se uma violenta tempestade. Circe transforma-os em porcos. Só depois de muita persuasão é que Ulisses consegue convencê- lo para quebrar o encanto. Seus companheiros voltam à forma humana. Ulisses é seguido pelas sereias. Após outras peripécias consegue finalmente alcançar a Ilha de Calipso.
  • 15. ● Na quarta parte há o retorno de Ulisses à Ítaca. Disfarça-se de mendigo. Será que ele vai ser recolhecido? Será que terá sua vida de volta?