SlideShare uma empresa Scribd logo
A Liberdade
O que é a Liberdade?
A liberdade é a condição do ser que age livremente, isto é consoante as leis da sua natureza. Agir sem coerção ou impedimento; poder determinar-se a si mesmo, em plena consciência e após reflexão.
Das definições anteriores podemos entender diferentes perspectivas de liberdade. A perspectiva física: capacidade de agir, enquanto não há obstáculos materiais.  Exemplo: um indivíduo que não tem liberdade porque está fechado num edifício.
A perspectiva psicológica: capacidade de agir por razões pessoais sem se deixar influenciar. Exemplo: um indivíduo que não fuma por opção.
A perspectiva moral: capacidade de agir segundo a consciência, procurando o melhor bem. Exemplo: Ajudar os outros em caso de acidente.
És livre?                     
Ser livre é um  conceito individual , associado à tua personalidade, que vais construindo ao longo da tua formação para a vida,  dentro dos valores comuns  à generalidade dos outros seres que te são iguais. A tua liberdade tem o mesma importância da dos que te são semelhantes. É por isso que se diz que a tua liberdade acaba onde se inicia a dos outros.                                                              
É que ser livre exige responsabilidade. Enquanto não te sentires responsável por ti e pelos teus actos e atitudes, não és livre.
É, por isso, que a tua liberdade vai crescendo contigo. No teu crescimento aprendes os valores que te permitem viver em sociedade, dentro dos bons valores aceites por todos.
Legalmente, és inteiramente responsável aos 18 anos. Diz-se que és maior. Crescer = Aumento de Responsabilidade
As Falsas Liberdades A  Liberdade  é um caminho que se vai percorrendo. No entanto, é preciso cuidado com a direcção que tomas, porque podes escolher um mau caminho.
Droga, Tabaco, Álcool, Jogo, etc... Tudo o que não te deixa escolhas, mas que te dá sensação de seres tu a decidir.
Ser livre, às vezes, é difícil.
Mas, para ser livre basta que nos sintamos bem com nós próprios.
 
... para ser livre basta que nos sintamos  bem  connosco próprios...
Produzido, realizado e apresentado por: Martim Pereira Nº 14 Turma B 8º Ano Escola EB 2,3/S Dr. Daniel de Matos Vila Nova de Poiares Colaborador e crítico: Pai do Martim

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

AUTO ESTIMA
AUTO ESTIMAAUTO ESTIMA
AUTO ESTIMA
Victor Passos
 
Ideias irracionais Parte 1
Ideias irracionais Parte 1Ideias irracionais Parte 1
Ideias irracionais Parte 1
Oficina Psicologia
 
Aula M2 - Amor Sublime Amor
Aula M2 - Amor Sublime AmorAula M2 - Amor Sublime Amor
Aula M2 - Amor Sublime Amor
Mocidade Espírita União Fraternal
 
Amar se mais
Amar se maisAmar se mais
Amar se mais
Mensagens Virtuais
 
Livre arbitrio e Espiritismo
Livre arbitrio e EspiritismoLivre arbitrio e Espiritismo
Livre arbitrio e Espiritismo
Mocidade Bezzerra de Menezes
 
Responsabilidade sob a ótica da doutrina Espírita
Responsabilidade sob a ótica da doutrina EspíritaResponsabilidade sob a ótica da doutrina Espírita
Responsabilidade sob a ótica da doutrina Espírita
Claudio Rariz Siqueira
 
Auto estima
Auto estimaAuto estima
Auto estima
Paulo Sérgio
 
A organizacao especifica
A organizacao especificaA organizacao especifica
A organizacao especifica
moratonoise
 
Aula 3 sexo
Aula 3   sexoAula 3   sexo
Aula 3 sexo
Fatoze
 
Uc1 dr1
Uc1 dr1Uc1 dr1
Uc1 dr1
Mara Ferreira
 

Mais procurados (10)

AUTO ESTIMA
AUTO ESTIMAAUTO ESTIMA
AUTO ESTIMA
 
Ideias irracionais Parte 1
Ideias irracionais Parte 1Ideias irracionais Parte 1
Ideias irracionais Parte 1
 
Aula M2 - Amor Sublime Amor
Aula M2 - Amor Sublime AmorAula M2 - Amor Sublime Amor
Aula M2 - Amor Sublime Amor
 
Amar se mais
Amar se maisAmar se mais
Amar se mais
 
Livre arbitrio e Espiritismo
Livre arbitrio e EspiritismoLivre arbitrio e Espiritismo
Livre arbitrio e Espiritismo
 
Responsabilidade sob a ótica da doutrina Espírita
Responsabilidade sob a ótica da doutrina EspíritaResponsabilidade sob a ótica da doutrina Espírita
Responsabilidade sob a ótica da doutrina Espírita
 
Auto estima
Auto estimaAuto estima
Auto estima
 
A organizacao especifica
A organizacao especificaA organizacao especifica
A organizacao especifica
 
Aula 3 sexo
Aula 3   sexoAula 3   sexo
Aula 3 sexo
 
Uc1 dr1
Uc1 dr1Uc1 dr1
Uc1 dr1
 

Destaque

Liberdade de Trabalho
 Liberdade de Trabalho Liberdade de Trabalho
Liberdade de Trabalho
Hélder Aguiar
 
Liberdade e opção pelo bem
Liberdade e opção pelo bemLiberdade e opção pelo bem
Liberdade e opção pelo bem
Henrique Lopes
 
Cidadania e Liberdade de Educação
Cidadania e Liberdade de EducaçãoCidadania e Liberdade de Educação
Cidadania e Liberdade de Educação
FLE Liberdade de Educação
 
Freud1
Freud1Freud1
SessãO De Cp Stc Uc4
SessãO De Cp Stc Uc4SessãO De Cp Stc Uc4
SessãO De Cp Stc Uc4
Pedro Félix
 
Liberdade
LiberdadeLiberdade
Liberdade
Jorge Barbosa
 
Liberdade
LiberdadeLiberdade
Liberdade
Jorge Barbosa
 
Módulo 1 - Aula 4
Módulo 1 - Aula 4Módulo 1 - Aula 4
Módulo 1 - Aula 4
agemais
 
Liberdade e Livre-Arbítrio
Liberdade e Livre-ArbítrioLiberdade e Livre-Arbítrio
Liberdade e Livre-Arbítrio
Laura Baldovino
 
Classificação Biológica
Classificação BiológicaClassificação Biológica
Classificação Biológica
Andreza Carvalho
 
Cérebro 010-f
Cérebro 010-fCérebro 010-f
Cérebro 010-f
Nuno Pereira
 
O CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBRO
O CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBROO CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBRO
O CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBRO
Marcondys Almeida
 
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdadeSegundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
CeiClarencio
 
Apresentação liberdade e responsabilidade (1)
Apresentação liberdade e responsabilidade (1)Apresentação liberdade e responsabilidade (1)
Apresentação liberdade e responsabilidade (1)
fmc83
 
Liberdade e determinismo
Liberdade  e determinismoLiberdade  e determinismo
Liberdade e determinismo
Luis De Sousa Rodrigues
 
Aula saude do idoso
Aula saude do idosoAula saude do idoso
Aula saude do idoso
morgausesp
 

Destaque (16)

Liberdade de Trabalho
 Liberdade de Trabalho Liberdade de Trabalho
Liberdade de Trabalho
 
Liberdade e opção pelo bem
Liberdade e opção pelo bemLiberdade e opção pelo bem
Liberdade e opção pelo bem
 
Cidadania e Liberdade de Educação
Cidadania e Liberdade de EducaçãoCidadania e Liberdade de Educação
Cidadania e Liberdade de Educação
 
Freud1
Freud1Freud1
Freud1
 
SessãO De Cp Stc Uc4
SessãO De Cp Stc Uc4SessãO De Cp Stc Uc4
SessãO De Cp Stc Uc4
 
Liberdade
LiberdadeLiberdade
Liberdade
 
Liberdade
LiberdadeLiberdade
Liberdade
 
Módulo 1 - Aula 4
Módulo 1 - Aula 4Módulo 1 - Aula 4
Módulo 1 - Aula 4
 
Liberdade e Livre-Arbítrio
Liberdade e Livre-ArbítrioLiberdade e Livre-Arbítrio
Liberdade e Livre-Arbítrio
 
Classificação Biológica
Classificação BiológicaClassificação Biológica
Classificação Biológica
 
Cérebro 010-f
Cérebro 010-fCérebro 010-f
Cérebro 010-f
 
O CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBRO
O CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBROO CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBRO
O CÓRTEX CEREBRAL E AS FUNÇÕES INTELECTUAIS DO CÉREBRO
 
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdadeSegundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
 
Apresentação liberdade e responsabilidade (1)
Apresentação liberdade e responsabilidade (1)Apresentação liberdade e responsabilidade (1)
Apresentação liberdade e responsabilidade (1)
 
Liberdade e determinismo
Liberdade  e determinismoLiberdade  e determinismo
Liberdade e determinismo
 
Aula saude do idoso
Aula saude do idosoAula saude do idoso
Aula saude do idoso
 

Semelhante a A liberdade

Capítulo X - Lei de Liberdade.docx
Capítulo X - Lei de Liberdade.docxCapítulo X - Lei de Liberdade.docx
Capítulo X - Lei de Liberdade.docx
Marta Gomes
 
Aula- O que é a identidade.pptx
Aula- O que é a identidade.pptxAula- O que é a identidade.pptx
Aula- O que é a identidade.pptx
CLAUDINEIDEOLIVEIRA9
 
O agir moral
O agir moralO agir moral
O agir moral
Paulo Gomes
 
Aula 13 Liberdade e conhecimento - Espinosa
Aula 13   Liberdade e conhecimento - EspinosaAula 13   Liberdade e conhecimento - Espinosa
Aula 13 Liberdade e conhecimento - Espinosa
Claudio Henrique Ramos Sales
 
Angela e carina
Angela e carinaAngela e carina
Angela e carina
colefas
 
Aula Liberdade e Limites
Aula Liberdade e Limites Aula Liberdade e Limites
Aula Liberdade e Limites
Mocidade Bezzerra de Menezes
 
Sociologia 1 ano Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida social
Sociologia 1 ano  Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida socialSociologia 1 ano  Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida social
Sociologia 1 ano Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida social
Sérgio Coelho
 
Paulo e carlos
Paulo e carlosPaulo e carlos
Paulo e carlos
colefas
 
Filosofia
FilosofiaFilosofia
Filosofia
gabrielladpont
 
Etica para um jovem 1-4 Capitulo
Etica para um jovem 1-4 CapituloEtica para um jovem 1-4 Capitulo
Etica para um jovem 1-4 Capitulo
Ana Santos Menoita
 
FILOSOFIA: Consciência & Liberdade
FILOSOFIA: Consciência &  LiberdadeFILOSOFIA: Consciência &  Liberdade
FILOSOFIA: Consciência & Liberdade
BlogSJuniinho
 
AULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMO
AULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMOAULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMO
AULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMO
AnaErikaPiresLeao
 
Primeira Parte Introdução Orientação
Primeira Parte   Introdução   OrientaçãoPrimeira Parte   Introdução   Orientação
Primeira Parte Introdução Orientação
jmeirelles
 
Esboço o que é livre-arbítrio
Esboço o que é livre-arbítrioEsboço o que é livre-arbítrio
Esboço o que é livre-arbítrio
Helio Cruz
 
5 construção do sujeito moral
5 construção do sujeito moral 5 construção do sujeito moral
5 construção do sujeito moral
Erica Frau
 
Sonia
SoniaSonia
Sonia
colefas
 
Apontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºano
Apontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºanoApontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºano
Apontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºano
Escola Básica e Secundária Tomás de Borba
 
Acaohumana
AcaohumanaAcaohumana
Acaohumana
fernando esteves
 
Apontamentos de filosofia 10ºano
Apontamentos de filosofia 10ºanoApontamentos de filosofia 10ºano
Apontamentos de filosofia 10ºano
Escola Básica e Secundária Tomás de Borba
 
Resumodefilo6
Resumodefilo6Resumodefilo6
Resumodefilo6
Natan Camacho
 

Semelhante a A liberdade (20)

Capítulo X - Lei de Liberdade.docx
Capítulo X - Lei de Liberdade.docxCapítulo X - Lei de Liberdade.docx
Capítulo X - Lei de Liberdade.docx
 
Aula- O que é a identidade.pptx
Aula- O que é a identidade.pptxAula- O que é a identidade.pptx
Aula- O que é a identidade.pptx
 
O agir moral
O agir moralO agir moral
O agir moral
 
Aula 13 Liberdade e conhecimento - Espinosa
Aula 13   Liberdade e conhecimento - EspinosaAula 13   Liberdade e conhecimento - Espinosa
Aula 13 Liberdade e conhecimento - Espinosa
 
Angela e carina
Angela e carinaAngela e carina
Angela e carina
 
Aula Liberdade e Limites
Aula Liberdade e Limites Aula Liberdade e Limites
Aula Liberdade e Limites
 
Sociologia 1 ano Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida social
Sociologia 1 ano  Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida socialSociologia 1 ano  Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida social
Sociologia 1 ano Tema 1- As ciências sociais e oestudo da vida social
 
Paulo e carlos
Paulo e carlosPaulo e carlos
Paulo e carlos
 
Filosofia
FilosofiaFilosofia
Filosofia
 
Etica para um jovem 1-4 Capitulo
Etica para um jovem 1-4 CapituloEtica para um jovem 1-4 Capitulo
Etica para um jovem 1-4 Capitulo
 
FILOSOFIA: Consciência & Liberdade
FILOSOFIA: Consciência &  LiberdadeFILOSOFIA: Consciência &  Liberdade
FILOSOFIA: Consciência & Liberdade
 
AULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMO
AULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMOAULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMO
AULA SOBRE LIBERDADE - DETERMINISMO/RELATIVISMO
 
Primeira Parte Introdução Orientação
Primeira Parte   Introdução   OrientaçãoPrimeira Parte   Introdução   Orientação
Primeira Parte Introdução Orientação
 
Esboço o que é livre-arbítrio
Esboço o que é livre-arbítrioEsboço o que é livre-arbítrio
Esboço o que é livre-arbítrio
 
5 construção do sujeito moral
5 construção do sujeito moral 5 construção do sujeito moral
5 construção do sujeito moral
 
Sonia
SoniaSonia
Sonia
 
Apontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºano
Apontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºanoApontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºano
Apontamentos e Notas para o teste de Filosofia 10ºano
 
Acaohumana
AcaohumanaAcaohumana
Acaohumana
 
Apontamentos de filosofia 10ºano
Apontamentos de filosofia 10ºanoApontamentos de filosofia 10ºano
Apontamentos de filosofia 10ºano
 
Resumodefilo6
Resumodefilo6Resumodefilo6
Resumodefilo6
 

Último

Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
ssuser701e2b
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
KeilianeOliveira3
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Mary Alvarenga
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Luana Neres
 
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Luana Neres
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
kdn15710
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
JulianeMelo17
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
Mary Alvarenga
 
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manualUFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
Manuais Formação
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdfBiologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Ana Da Silva Ponce
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
Escola Municipal Jesus Cristo
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
sthefanydesr
 

Último (20)

Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
 
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
 
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manualUFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdfBiologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
 

A liberdade

  • 2. O que é a Liberdade?
  • 3. A liberdade é a condição do ser que age livremente, isto é consoante as leis da sua natureza. Agir sem coerção ou impedimento; poder determinar-se a si mesmo, em plena consciência e após reflexão.
  • 4. Das definições anteriores podemos entender diferentes perspectivas de liberdade. A perspectiva física: capacidade de agir, enquanto não há obstáculos materiais. Exemplo: um indivíduo que não tem liberdade porque está fechado num edifício.
  • 5. A perspectiva psicológica: capacidade de agir por razões pessoais sem se deixar influenciar. Exemplo: um indivíduo que não fuma por opção.
  • 6. A perspectiva moral: capacidade de agir segundo a consciência, procurando o melhor bem. Exemplo: Ajudar os outros em caso de acidente.
  • 7. És livre?                  
  • 8. Ser livre é um conceito individual , associado à tua personalidade, que vais construindo ao longo da tua formação para a vida, dentro dos valores comuns à generalidade dos outros seres que te são iguais. A tua liberdade tem o mesma importância da dos que te são semelhantes. É por isso que se diz que a tua liberdade acaba onde se inicia a dos outros.                                                              
  • 9. É que ser livre exige responsabilidade. Enquanto não te sentires responsável por ti e pelos teus actos e atitudes, não és livre.
  • 10. É, por isso, que a tua liberdade vai crescendo contigo. No teu crescimento aprendes os valores que te permitem viver em sociedade, dentro dos bons valores aceites por todos.
  • 11. Legalmente, és inteiramente responsável aos 18 anos. Diz-se que és maior. Crescer = Aumento de Responsabilidade
  • 12. As Falsas Liberdades A Liberdade é um caminho que se vai percorrendo. No entanto, é preciso cuidado com a direcção que tomas, porque podes escolher um mau caminho.
  • 13. Droga, Tabaco, Álcool, Jogo, etc... Tudo o que não te deixa escolhas, mas que te dá sensação de seres tu a decidir.
  • 14. Ser livre, às vezes, é difícil.
  • 15. Mas, para ser livre basta que nos sintamos bem com nós próprios.
  • 16.  
  • 17. ... para ser livre basta que nos sintamos bem connosco próprios...
  • 18. Produzido, realizado e apresentado por: Martim Pereira Nº 14 Turma B 8º Ano Escola EB 2,3/S Dr. Daniel de Matos Vila Nova de Poiares Colaborador e crítico: Pai do Martim