Letras do Album Multishow
Paula Fernandes
Ao vivo
1. Se o Coração Viajar
Paula Fernandes
Sabe, só agora eu pude abrir os o...
Não fui eu quem destruiu nossa esperança
Não fui eu quem fez meus olhos mergulhados por mentiras
Vai dizer que era isso qu...
Não diga não precisa
Ah ah ahh
Tem que ser assim
É seu meu coração
Não diga não precisa
Ah ah ah
4. Quem É
Paula Fernandes...
6. Coração Na Contramão
Paula Fernandes
Te procurei pela casa
Dei de cara comigo
Não achei teu sorriso
Nem ao menos um toq...
Sem você, sem você
O silêncio dessas horas frias
São palavras que não sei dizer
Ainda amo você
Hummm...
Nas incertezas de ...
Hoje eu quero te mostrar
O que eu guardo em segredo
Chega já pedindo tudo
Te dou essa liberdade
A mulher que você quer
Tá ...
Debaixo do cacho tô querendo bis
Tambor toca em todo país
É gostoso, é tão bom ser feliz
É tão fácil tocar minha linda me ...
Pra este mundo de Deus
Pois o meu eu
Este tão desconhecido
Jamais serei traído
Este mundo sou eu
Ah! Ah! Ah!
Tô indo agora...
Desse teu amor que me deixa leve
Eu tô carente desses olhos negros
Desse teu sorriso branco feito neve
Eu tô carente desse...
Eu fiz pedaços de um amor que eu quis
Que você jamais me fez
Com você não fui feliz
E joguei os pedaços pelo chão
E queime...
Pra te fazer todo o meu amor
Eu quero ser pra você
Braços abertos a te envolver
E a cada novo sorriso teu
Serei feliz por ...
Sem razão de amar assim na vida
Bem junto a ti deixei morar meu coração
Quando chega a noite e eu pedir a Deus
Um desejo i...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Letras do multishow paula fernandes ao vivo cd completo

1.126 visualizações

Publicada em

Letras de musicas ! Multishow Paula Fernandes Ao vivo

Publicada em: Mídias sociais
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.126
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Letras do multishow paula fernandes ao vivo cd completo

  1. 1. Letras do Album Multishow Paula Fernandes Ao vivo 1. Se o Coração Viajar Paula Fernandes Sabe, só agora eu pude abrir os olhos pra esse amor Sabe, não me importa andar nos trilhos Se não sei pra onde vou Eu só fiz me sufocar Sem coragem pra buscar Uma forma de me abrir pra te provar Que sou abrigo desse amor Seja aonde você for, eu quero estar Se o coração viajar Ah, aaaahhhh, vai chegar Nessa paixão viajar Ah, aaaahhhh, vai chegar Aonde a gente faz de tudo por amor Baby, baby, já chegou 2. Não Fui Eu Paula Fernandes Ei, escuta, para de agir feito criança Escuta, sinto em te dizer, mas foi você quem procurou Quem partiu um coração, não fui eu Ei, escuta, tudo nesse vida tem seu preço Escuta, se chegou a hora de colher o que plantou Você mesmo quem regou, não fui eu Não fui eu Eu sei o que dirá Vai me culpar Por um erro seu Se alguém me perguntar Irei dizer que não fui eu Não fui eu Ei, escuta, para de agir feito criança Escuta, sinto em te dizer, mas foi você quem procurou Quem partiu um coração, não fui eu Ei, escuta, tudo nesse vida tem seu preço Escuta, se chegou a hora de colher o que plantou Você mesmo quem regou, não fui eu Não fui eu Eu sei o que dirá Vai me culpar Por um erro seu Se alguém me perguntar Irei dizer que não fui eu Não fui eu Não fui eu quem desistiu dos nossos sonhos
  2. 2. Não fui eu quem destruiu nossa esperança Não fui eu quem fez meus olhos mergulhados por mentiras Vai dizer que era isso que eu queria Eu sei o que dirá Vai me culpar Por um erro seu Eu sei o que dirá Vai me culpar Por um erro seu Se alguém me perguntar Irei dizer que não fui eu Eu sei o que dirá Vai me culpar Por um erro seu Se alguém me perguntar Irei dizer que não fui eu Não fui eu Não fui eu Não fui eu Não fui eu Não fui eu Não fui eu Não fui eu 3. Não Precisa Paula Fernandes Você diz que não precisa Viver sonhando tanto Que vivo a fazer Demais, por você Diz que não precisa A cada vez que canto Uma canção a mais, pra você Mas tem que ser assim Pra ser de coração Não diga não precisa Ah ah ahh Tem que ser assim É seu meu coração Não diga não precisa Ah ah ahh Eu já sonhei com a vida Agora vivo um sonho Mas viver ou sonhar Com você, tanto faz Não diga não precisa Eu digo que é preciso A gente se amar demais Nada a mais Mas tem que ser assim Pra ser de coração
  3. 3. Não diga não precisa Ah ah ahh Tem que ser assim É seu meu coração Não diga não precisa Ah ah ah 4. Quem É Paula Fernandes Distorções, medos e juras Pesadelos e agruras Desafios que a vida me impôs Me perdendo em incertezas Consumindo a minha mente A plenitude que existia entre nós dois Foi corroendo feito traça Da madeira fez fumaça Destruindo feito fogo no capim Me disse adeus e nunca mais olhou pra trás Evaporou o seu amor dentro de mim Quem é que vai me amar naquelas noites Devolver aquilo tudo que era meu Perdi a graça Quem é que vai trazer de volta o meu sorriso O doce daqueles beijos que eram meus E você me prometeu 5. Um Ser Amor Paula Fernandes Você veio inteiro, veio como o dia Livre como o vento, numa tarde fria Com o olhar brilhante, brilho de diamante Um coração quente Feito um vendaval em mim Varreu as nuvens da minha solidão E eu Me apaixonei perdidamente por você Agora sou Bem mais que sei Um ser amor Amar alguém É viajar pra terra onde ninguém vai Amar alguém É deixar fluir os sentimentos Ser capaz de amar Amar simplesmente
  4. 4. 6. Coração Na Contramão Paula Fernandes Te procurei pela casa Dei de cara comigo Não achei teu sorriso Nem ao menos um toque de adeus Te procurei no meu peito Eu estava sozinho Faltou o teu beijo Faltou o teu corpo no meu Saí pela cidade, louco de saudade Chuva forte de paixão Eu e a tristeza, solidão acessa Coração na contra-mão Quero encontrar meu amor Volta pra mim, por favor Não dá pra viver assim Falta um pedaço de mim 7. Mistérios do Tempo Paula Fernandes Mistérios do tempo, do tempo que cura Que tira do pé, a fruta madura O tempo não erra, ensina de tudo São as leis do tempo que giram o mundo Não para nem foge, só fala a verdade Mistérios do tempo, que não tem maldade Maltrata os tolos e quem é covarde Mistérios do tempo, cheios de saudade Ai ai ai Eu daria tudo nessa vida pra voltar atrás Ai ai ai Seguiria as pegadas do tempo só pra não errar jamais 8. Sem Você Poutti porri Paula Fernandes Nas incertezas de um caminho Que é tão doído sem você Eu já me encontrava tão sozinha Antes de adeus você dizer Na mágoa de um sonho que acabou Dia a dia sentia você partir Sem rumo, perdida vou ficando aqui Sem você, sem você Nem o tempo me faz companhia Não me arranca essa agonia de viver
  5. 5. Sem você, sem você O silêncio dessas horas frias São palavras que não sei dizer Ainda amo você Hummm... Nas incertezas de um caminho Que é tão doído sem você Eu já me encontrava tão sozinha Antes de adeus você dizer Na mágoa de um sonho que acabou Dia a dia sentia você partir Sem rumo, perdida vou ficando aqui Sem você, sem você Nem o tempo me faz companhia Não me arranca essa agonia de viver Sem você, sem você O silêncio dessas horas frias São palavras que não sei dizer Ainda amo você Hummm... Sem você, sem você Nem o tempo me faz companhia Não me arranca essa agonia de viver Sem você, sem você O silêncio dessas horas frias São palavras que não sei dizer Ainda amo você Hummm... Sem você 9. Se Liga Paula Fernandes Se liga nos meus olhos Vou te conquistar Tô te filmando cheio de desejos Se liga nesse lance pra você ganhar Meu coração e um caminhão de beijos Pedaço de sonho Encontro bonito Esperei tanto tempo pra você chegar Me beija amando Te beijo sorrindo Pro meu paraíso vou te levar 10. Mineirinha Ferveu Paula Fernandes Pega na minha cintura E aperta sem ter medo
  6. 6. Hoje eu quero te mostrar O que eu guardo em segredo Chega já pedindo tudo Te dou essa liberdade A mulher que você quer Tá morrendo de saudade Sou feito brigadeiro de colher Tão bonita e cheirosa como a flor Sou morena faceira, menina brejeira Do interior De cabelos queimados pelo sol Tô querendo um chamego, teu calor Fiz essa brincadeira mexendo as cadeira E falando de amor Terra quente sedenta De chuva caindo, sou eu Rio molhando a beleza Da mata fechada, sou eu Curiosa pra ter um pouquinho Daquilo que pode ser meu De menina a mulher, o que você quiser Mineirinha ferveu 10. Nóis Enverga Mais Não Quebra Refrão Nóis enverga mais não quebra, nóis chacoalha e não derrama Nóis balança mais não cai, nóis é brabo e bom de cama De bobo nóis não tem nada, só a cara de coitado Nóis se finge de leitão, pra poder mamar deitado Osso duro de roer, somos nóis aqui do mato Tomando cachaça pura, comendo ovo de pato Capinando a nossa roça, contando boi na envernada Nóis não tem dor de cabeça, não se encomoda com nada Refrão De noite a nóis vai pra festa e arrepia no bailão Mulher bonita e gostosa, nóis ganha de montão Onde tem moda de viola e catira nóis ta no meio Nóis não liga pra dinheiro, nóis já ta com saco cheio Refrão 10. Debaixo do Cacho Paula Fernandes É debaixo do cacho formosa morena O tambor, o chocalho que embala a pequena
  7. 7. Debaixo do cacho tô querendo bis Tambor toca em todo país É gostoso, é tão bom ser feliz É tão fácil tocar minha linda me diz Teu molejo, teu gosto, teu tom Requebrando as cadeiras, coração faz tum-tum É debaixo do cacho formosa morena O tambor, o chocalho que embala a pequena Debaixo do cacho tô querendo bis Tambor toca em todo país Envolvendo quem ouve meu som caçador de talentos a cada tum-tum Tem pra todos os teus dançarinos Tem novo, tem velho, virando menino É debaixo do cacho formosa morena O tambor, o chocalho que embala a pequena Debaixo do cacho tô querendo bis Tambor toca em todo país 11. A Majestade o Sabiá (part. Roberta Miranda) Paula Fernandes Meus pensamento Tomam formas, eu viajo Vou pra onde Deus quiser Um vídeo-tape que Dentro de mim retrata Todo o meu inconsciente De maneira natural Ah! Ah! Tô indo agora pr'um lugar todinho meu Quero uma rede preguiçosa pra deitar Em minha volta sinfonia de pardais Cantando para a Majestade, O Sabiá! A Majestade, O Sabiá! Tô indo agora tomar Banho de cascata Quero adentrar nas matas Onde Oxossi é o Deus Aqui eu vejo plantas lindas E selvagens Todas me dando passagem Perfumando o corpo meu Ah! Ah! Ah! Tô indo agora pr'um lugar todinho meu Quero uma rede preguiçosa pra deitar Em minha volta sinfonia de pardais Cantando para a Majestade, O Sabiá! A Majestade O Sabiá! Esta viagem dentro de mim foi tão linda Vou voltar a realidade
  8. 8. Pra este mundo de Deus Pois o meu eu Este tão desconhecido Jamais serei traído Este mundo sou eu Ah! Ah! Ah! Tô indo agora pr'um lugar todinho meu Quero uma rede preguiçosa pra deitar Em minha volta sinfonia de pardais Cantando para a Majestade, O Sabiá! A Majestade O Sabiá! Ah! Ah! Ah! Tô indo agora pr'um lugar todinho meu Quero uma rede preguiçosa pra deitar Em minha volta sinfonia de pardais Cantando para a Majestade, O Sabiá! A Majestade O Sabiá! Ah! Ah! Ah! Tô indo agora pr'um lugar todinho meu Quero uma rede preguiçosa pra deitar Em minha volta sinfonia de pardais Cantando para a Majestade, O Sabiá! A Majestade O Sabiá! 12. Uma Canção Pra Mim Paula Fernandes Aqui, sozinha Eu que sempre tive medo de um dia ficar só Aqui, minh'alma Calada pelo tempo que eu perdi o tempo só Aqui, tão calma Eu que a vida inteira tive medo de pirar Aqui, tão minha Eu que muitas vezes me entreguei sem me amar Há tempos se esperava um sorriso ou um carinho meu Olhar pra dentro e me assumir Dizer pra mim essa sou eu Há tempos se esperava um momento de ficar assim Olhar bem fundo e permitir Meu coração olhar pra mim Há tempos que eu me nego essa coragem de me revelar Há tempos que eu desejo muito mais do que me apaixonar Há tempos que eu caminho em linha reta sem poder parar Há tempos que eu não paro pra pensar Há tempos que eu tô loca pra me amar 13. Eu Sem Você Paula Fernandes Eu tô carente desse teu abraço
  9. 9. Desse teu amor que me deixa leve Eu tô carente desses olhos negros Desse teu sorriso branco feito neve Eu tô carente desse olhar que mata Dessa boca quente revirando tudo Tô com saudade dessa cara linda Me pedindo "fica só mais um segundo" Tô feito mato, desejando a chuva Madrugada fria, esperando o sol Tô tão carente feito um prisioneiro Vivo um pesadelo, beijo sem paixão Tô com vontade de enfrentar o mundo Ser pra sempre o guia do seu coração Sou a metade de um amor que vibra Numa poesia em forma de canção Sem você, sou caçador sem caça Sem você, a solidão me abraça Sem você, sou menos que a metade Sou incapacidade de viver por mim Sem você, eu sem você Eu tô carente desse teu abraço Desse teu amor que me deixa leve Eu tô carente desses olhos negros Desse teu sorriso branco feito neve Eu tô carente desse olhar que mata Dessa boca quente revirando tudo Tô com saudade dessa cara linda Me pedindo "fica só mais um segundo" Tô feito mato desejando a chuva Madrugada fria esperando o sol Tô tão carente feito um prisioneiro Vivo um pesadelo, beijo sem paixão Tô com vontade de enfrentar o mundo Ser pra sempre o guia do seu coração Sou a metade de um amor que vibra Numa poesia em forma de canção Sem você, sou caçador sem caça Sem você, a solidão me abraça Sem você, sou menos que a metade Sou incapacidade de viver por mim Sem você, sou caçador sem caça Sem você, a solidão me abraça Sem você, sou menos que a metade Sou incapacidade de viver por mim Sem você, sem você, oh Sem você, eu sem você, sem você 14. Cartas No Porão Paula Fernandes Outro dia eu resolvi visitar o meu porão Onde achei o que eu vivi em muitas cartas sem final Não foi fácil esconder tudo aquilo que eu senti Pra nunca mais lembrar você, cada carta eu recolhi
  10. 10. Eu fiz pedaços de um amor que eu quis Que você jamais me fez Com você não fui feliz E joguei os pedaços pelo chão E queimei meu coração Eu queimei os beijos que eu te dei Todas vezes em que eu já chorei Eu fui tão burra e insisti E cada erro estava aqui Eu quis tentar amar por dois Não quis saber de solidão E pra me arrepender depois Guardei as cartas no porão Eu fiz pedaços de um amor que eu quis Que você jamais me fez Com você não fui feliz E joguei os pedaços pelo chão E queimei meu coração Eu queimei os beijos que eu te dei Todas vezes em que eu já chorei Eu fui tão burra e insisti E cada erro estava aqui Eu quis tentar amar por dois Não quis saber de solidão E pra me arrepender depois Guardei as cartas no porão Eu fiz pedaços de um amor que eu quis Que você jamais me fez Com você não fui feliz E joguei os pedaços pelo chão E queimei meu coração 15. Pra Você Paula Fernandes Eu quero ser pra você A alegria de uma chegada Clarão trazendo o dia Iluminando a sacada Eu quero ser pra você A confiança, o que te faz Te faz sonhar todo dia Sabendo que pode mais Eu quero ser ao teu lado Encontro inesperado O arrepio de um beijo bom Eu quero ser sua paz, a melodia capaz De fazer você dançar Eu quero ser pra você A lua iluminando o sol Quero acordar todo dia
  11. 11. Pra te fazer todo o meu amor Eu quero ser pra você Braços abertos a te envolver E a cada novo sorriso teu Serei feliz por amar você Eu quero ser pra você A alegria de uma chegada Clarão trazendo o dia Iluminando a sacada Eu quero ser pra você A confiança, o que te faz Te faz sonhar todo dia Sabendo que pode mais e mais e mais Eu quero ser ao teu lado Encontro inesperado O arrepio de um beijo bom Eu quero ser sua paz, a melodia capaz De fazer você dançar Eu quero ser pra você A lua iluminando o sol Quero acordar todo dia Pra te fazer todo o meu amor Eu quero ser pra você Braços abertos a te envolver E a cada novo sorriso teu Serei feliz por amar você Se eu vivo pra você Se eu canto pra você Pra você Eu quero ser pra você A lua iluminando o sol Quero acordar todo dia Pra te fazer todo o meu amor Eu quero ser pra você Braços abertos a te envolver E a cada novo sorriso teu Serei feliz por amar você Eu quero ser pra você Eu quero ser pra você Pra você 16. Diga Paula Fernandes O que será de mim se não te tenho? Me faz tão mal querer-te ao meu lado então Necessito escutar a voz do vento Soar teu nome sobre o meu corpo
  12. 12. Sem razão de amar assim na vida Bem junto a ti deixei morar meu coração Quando chega a noite e eu pedir a Deus Um desejo incontrolável Diga, diga, diga que me ama Que esse amor não é só uma promessa sinto a forçar o amor que eu sinto por ti Diga pro meu coração Diga, diga que sempre estarás aqui E que não perderás o que sou para ti Valeu a pena andar no poder desse jogo Muito mais que uma vontade Chega quando menos se espera Esse amor será sempre assim Me senti sou como um passageiro Que deixou sua vida em outra estação A espera de um trem que vai lento (?) incontrolavel Chega quando menos se espera Esse amor será sempre assim Diga, diga, diga que me ama Que esse amor não é só uma promessa sinto forçar o amor que eu sinto por ti Diga pro meu coração Diga, diga que sempre estarás aqui E que não perderás o que sou para ti Valeu a pena andarno (?) desse jogo Eu preciso desse amor Dime dime que me amas Dame alguna esperanza siento quedarlo todo És preciso poco amor Diga, diga que sempre estarás aqui E que não perderás o que sou para ti Valeu a pena andar no (?) desse jogo Eu preciso desse amor Diga, diga, diga que me ama Que esse amor não é só uma promessa sinto forçar o amor que eu sinto por ti Diga pro meu coração Diga, diga que sempre estarás aqui E que não perderás o que sou para ti Valeu a pena andarno (?) desse jogo Eu preciso desse amor....................

×