SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 30
Aula 09 – Rádio – Histórico - formatos 03/09/2010 4PPAN Prof. Ney Queiroz de Azevedo www.midiaeconsumo.com.br twitter.com/neyqueiroz Mídia
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Carga horária: 72 horas –  36 encontros (18 faltas); Chamada; Disciplina = respeito. Material de apoio: disponível no blog www.midiaeconsumo.com.br Metodologia: exposição, vídeos, debates, grupos... Obs.: as apresentações (power point) e outros materiais disponíveis no blog NÃO substituem as aulas!
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Presença: 1,0 (até 2 faltas), 0,5 (até 4 faltas) e 0,0 (+ de 4 faltas).
 
Dados Históricos Tudo começou em 1863 quando, em Cambridge - Inglaterra,  James Clerck Maxwell  demonstrou teoricamente a provável existência das ondas eletromagnéticas. James era professor de física experimental e a partir desta revelação outros pesquisadores se interessaram pelo assunto.  O alemão   Henrich Rudolph Hertz  (1857-1894) foi um deles.
Dados Históricos O princípio da propagação radiofônica veio mesmo em 1887, através de  Hertz . Ele fez saltar faíscas através do ar que separavam duas bolas de cobre.  Por causa disso os antigos "quilociclos"  passaram a ser chamados de "ondas hertzianas" ou "quilohertz".
Dados Históricos A industrialização de equipamentos se deu com a criação da primeira companhia de rádio, fundada em Londres - Inglaterra pelo cientista italiano  Guglielmo Marconi .   Em 1896 Marconi já havia  demonstrado o funcionamento de seus aparelhos de emissão e recepção de sinais na própria Inglaterra, quando percebeu a importância comercial da telegrafia.    
Dados Históricos A partir de 1919 começa a chamada "Era do rádio".    A Westinghouse fabricava aparelhos de rádio para as tropas da Primeira Guerra Mundial e com o término do conflito ficou com um grande estoque de aparelhos encalhados.  A solução para evitar o prejuízo foi instalar uma grande antena no pátio da fábrica e transmitir música para os habitantes do bairro. Os aparelhos encalhados foram então comercializados.
Dados Históricos      A primeira transmissão radiofônica oficial no Brasil, foi o discurso do Presidente Epitácio Pessoa, no Rio de Janeiro, em plena comemoração do centenário da Independência do Brasil, no dia 7 de setembro de 1922.  O discurso aconteceu numa exposição, na Praia Vermelha - Rio de Janeiro e o transmissor foi instalado no alto do Corcovado, pela Westinghouse Electric Co.
Para se ter uma idéia de porque a época ficou conhecida como a "Era do Rádio", nos EUA o rádio crescia surpreendentemente. Em 1921 eram 4 emissoras, mas no final de 1922, os americanos contavam 382 emissoras.      A chegada do rádio comercial não demorou. Logo as emissoras reivindicaram o direito de conseguir sobreviver com seus próprios recursos. A pioneira no rádio comercial foi a  WEAF  de Nova Iorque, pertencente à  Telephone and Telegraf Co. .  Ela irradiava anúncios e cobrava dois dólares por 12 segundos de comercial e cem dólares por 10 minutos.    
Dados Históricos O "pai do rádio brasileiro" foi  Edgard Roquete Pinto . Ele e   Henry Morize  fundaram em 20 de abril de 1923, a primeira estação de rádio brasileira:  Rádio Sociedade do Rio de Janeiro . Foi aí que surgiu o conceito de "rádio sociedade" ou "rádio clube", no qual os ouvintes eram associados e contribuíam com mensalidades para a manutenção da emissora.       O Dia Mundial das Telecomunicações  é  comemorado em 17 de maio porque foi nesta data, em 1865, que institui-se a "União Telegráfica Internacional".       
1941 -   Em 12 de julho, começa a transmissão da primeira rádio novela do País, que foi apresentada durante cerca de três anos, pela PRE-8, Rádio Nacional do RJ.  Era a novela "Em Busca da Felicidade" . A seguir foi a vez de "O Direito de Nascer". Na década de 40 entra no ar o primeiro jornal falado do rádio brasileiro:  o "Grande Jornal Falado Tupi", de São Paulo.  Surge o noticiário mais importante do rádio brasileiro: o "Repórter Esso".  A primeira transmissão aconteceu às 12h45min do dia 28 de agosto de 1941, quando a voz de Romeu Fernandez anunciou o ataque de aviões da Alemanha à Normandia, durante a 2ª Guerra Mundial.      
Dados Históricos 1951  - É inaugurada a  TV Tupi  do Rio de Janeiro.          1953  - A cantora Emilinha Borba, que começou na Rádio Cruzeiro do Sul, foi consagrada a "Rainha do Rádio", na Rádio Nacional, em 1953.          1954  - Inventada em 1940 por  Peter Goldmark  a TV a cores entra em funcionamento..          1962  - Primeira transmissão via satélite.          1962  - Em 27 de novembro, é criada a  Associação Brasileira de Rádio e Televisão - ABERT.          1965  - O Brasil é integrado no Sistema Intelsat.          1965 -  Inauguração do MIS - Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro          1967  - Criado no dia 25 de fevereiro o  Ministério das Comunicações .    Fonte: tudoradio.com   
Rádio FM , AM
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Aspectos Positivos ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Aspectos Negativos ASSIM COMO NA TV, AS MENSAGENS TÊM CURTO PERÍODO DE VIDA HÁ MUITA FRAGMENTAÇÃO DA AUDIÊNCIA DEVIDO AO GRANDE NÚMERO DE RÁDIOS DIFICULTANDO O TRABALHO COM UM PÚBLICO-ALVO MAIS ABRANGENTE. COMPETIÇÃO FORTE EM DETERMINADOS HORÁRIOS OU PERÍODOS SAZONAIS.
Aspectos Comerciais ,[object Object],[object Object],[object Object]
Aspectos Comerciais Algumas emissoras disponibilizam pacotes com muitas inserções com preço bastante abaixo da tabela por não terem horário determinado. Podem ser úteis se a campanha pedir freqüência alta e não exigir horário específico para atingir o público-alvo. Podem ser negociados espaços para patrocínio e  merchandising ,  testemunhais , transmissões ao vivo de eventos ou locais específicos.
Horários Nobres do Rádio Os horários nos quais as pessoas se dirigem ao trabalho Entre 7h e 8h Quando estão em horário de almoço Entre 12h e 14h Quando estão a caminho de casa Entre 17h e 19h ESSES HORÁRIOS GERALMENTE TÊM PICOS DE AUDIÊNCIA BEM MAIORES QUE OS DEMAIS, PODENDO ATINGIR UM MAIOR NÚMERO DE PESSOAS.
Cenário Atual - Fortalecimento das Redes; - Criação e crescimento de rádios segmentadas; (Rádio Oi, Rádio Sul América, Prime, etc);
O futuro do Rádio.
(Quinta-feira, 10 de Abril de 2008 – Brasil Rádio News) Oi FM busca emissora  em São Paulo A Oi está negociando uma rádio em São Paulo. A idéia é que tudo esteja acertado quando a Oi entre no mercado de celulares de São Paulo, o que acontecerá no segundo semestre. A Rádio Oi FM já funciona no Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Vitória, Uberlândia e Recife. Empresas de telefonia não podem ter rádios, de acordo com a legislação.  Então, como existem tantas rádios Oi?
O futuro do Rádio.
 
A Rádio é mais um forte canal de interação para a comunidade Mitsubishi e todos os admiradores do estilo de vida 4x4, que encontrarão as novidades sobre as competições, além de colunistas que tem o que dizer. A Mitsubishi FM é um projeto desenvolvido pelo Grupo Bandeirantes de Rádio e a Mitsubishi Motors em parceria com a Agência África.
TABELA DE PREÇO
 
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Radio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitário
Radio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitárioRadio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitário
Radio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitárioJúlio Rocha
 
Aula 12 4 rpan_2010_2
Aula 12 4 rpan_2010_2Aula 12 4 rpan_2010_2
Aula 12 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 12 4 ppan_2010_2
Aula 12 4 ppan_2010_2Aula 12 4 ppan_2010_2
Aula 12 4 ppan_2010_2Ney Queiroz
 
Televisão
TelevisãoTelevisão
Televisãoriclaetb
 
Aula 12 4 P P A D 2009 2
Aula 12 4 P P A D 2009 2Aula 12 4 P P A D 2009 2
Aula 12 4 P P A D 2009 2Ney Queiroz
 
Organização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV Brasil
Organização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV BrasilOrganização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV Brasil
Organização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV BrasilLacy Barca
 
Pesquisa projecto cross media
Pesquisa projecto cross mediaPesquisa projecto cross media
Pesquisa projecto cross mediaantoniogarcia100
 
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012Renato Cruz
 
Caracteristicas do radio
Caracteristicas do radioCaracteristicas do radio
Caracteristicas do radioLiliane Ennes
 
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012Renato Cruz
 
História do rádio
História do rádioHistória do rádio
História do rádioJúlio Rocha
 
Trabalho de cv nº9
Trabalho de cv nº9Trabalho de cv nº9
Trabalho de cv nº9JooManique1
 
Televisão e Inovação
Televisão e InovaçãoTelevisão e Inovação
Televisão e Inovaçãofelipefaleiro
 
História da televisão, para apresentação
História da televisão, para apresentaçãoHistória da televisão, para apresentação
História da televisão, para apresentaçãoblogtic3
 

Mais procurados (19)

Radio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitário
Radio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitárioRadio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitário
Radio e tv aula 04 a importância do rádio no contexto publicitário
 
Produçao da radio
Produçao da radioProduçao da radio
Produçao da radio
 
Aula 12 4 rpan_2010_2
Aula 12 4 rpan_2010_2Aula 12 4 rpan_2010_2
Aula 12 4 rpan_2010_2
 
Aula 12 4 ppan_2010_2
Aula 12 4 ppan_2010_2Aula 12 4 ppan_2010_2
Aula 12 4 ppan_2010_2
 
Radio
RadioRadio
Radio
 
Televisão
TelevisãoTelevisão
Televisão
 
Aula 12 4 P P A D 2009 2
Aula 12 4 P P A D 2009 2Aula 12 4 P P A D 2009 2
Aula 12 4 P P A D 2009 2
 
Organização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV Brasil
Organização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV BrasilOrganização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV Brasil
Organização, Inventário, Catalogação e Restauração do Acervo da TV Brasil
 
Pesquisa projecto cross media
Pesquisa projecto cross mediaPesquisa projecto cross media
Pesquisa projecto cross media
 
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/2/2012
 
Caracteristicas do radio
Caracteristicas do radioCaracteristicas do radio
Caracteristicas do radio
 
Case rb2
Case rb2Case rb2
Case rb2
 
Case RB2
Case RB2Case RB2
Case RB2
 
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012
Tecnologia e Negócios de Rádio e TV - 13/8/2012
 
História do rádio
História do rádioHistória do rádio
História do rádio
 
Trabalho de cv nº9
Trabalho de cv nº9Trabalho de cv nº9
Trabalho de cv nº9
 
Manual do px
Manual do pxManual do px
Manual do px
 
Televisão e Inovação
Televisão e InovaçãoTelevisão e Inovação
Televisão e Inovação
 
História da televisão, para apresentação
História da televisão, para apresentaçãoHistória da televisão, para apresentação
História da televisão, para apresentação
 

Destaque

Aula 10 4 ppan_2010_2
Aula 10 4 ppan_2010_2Aula 10 4 ppan_2010_2
Aula 10 4 ppan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 06 4 rpan_2010_2
Aula 06 4 rpan_2010_2Aula 06 4 rpan_2010_2
Aula 06 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 23 4 rpan_2010_2
Aula 23 4 rpan_2010_2Aula 23 4 rpan_2010_2
Aula 23 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 18 4 rpan_2010_2
Aula 18 4 rpan_2010_2Aula 18 4 rpan_2010_2
Aula 18 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 09 4 rpan_2010_2
Aula 09 4 rpan_2010_2Aula 09 4 rpan_2010_2
Aula 09 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 02 4 rpan_2010_2
Aula 02 4 rpan_2010_2Aula 02 4 rpan_2010_2
Aula 02 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 

Destaque (7)

Aula 10 4 ppan_2010_2
Aula 10 4 ppan_2010_2Aula 10 4 ppan_2010_2
Aula 10 4 ppan_2010_2
 
Aula 06 4 rpan_2010_2
Aula 06 4 rpan_2010_2Aula 06 4 rpan_2010_2
Aula 06 4 rpan_2010_2
 
Aula 23 4 rpan_2010_2
Aula 23 4 rpan_2010_2Aula 23 4 rpan_2010_2
Aula 23 4 rpan_2010_2
 
Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2
 
Aula 18 4 rpan_2010_2
Aula 18 4 rpan_2010_2Aula 18 4 rpan_2010_2
Aula 18 4 rpan_2010_2
 
Aula 09 4 rpan_2010_2
Aula 09 4 rpan_2010_2Aula 09 4 rpan_2010_2
Aula 09 4 rpan_2010_2
 
Aula 02 4 rpan_2010_2
Aula 02 4 rpan_2010_2Aula 02 4 rpan_2010_2
Aula 02 4 rpan_2010_2
 

Semelhante a Aula 09 4 ppan_2010_2

Mídia Kit - 89 FM - Agência Sakusen
Mídia Kit - 89 FM - Agência SakusenMídia Kit - 89 FM - Agência Sakusen
Mídia Kit - 89 FM - Agência SakusenAgência Sakusen
 
Aula 09 4 Ppad 2009 2
Aula 09 4 Ppad 2009 2Aula 09 4 Ppad 2009 2
Aula 09 4 Ppad 2009 2Ney Queiroz
 
Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Júlio Rocha
 
Aula 10 4 rpan_2010_2
Aula 10 4 rpan_2010_2Aula 10 4 rpan_2010_2
Aula 10 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 03 - A história do rádio e da TV
Aula 03 - A história do rádio e da TVAula 03 - A história do rádio e da TV
Aula 03 - A história do rádio e da TVFernando
 
História do rádio no Brasil
História do rádio no BrasilHistória do rádio no Brasil
História do rádio no BrasilEdenilson Morais
 
A evolução da publicidade e o rádio no brasil
A evolução da publicidade e o rádio no brasilA evolução da publicidade e o rádio no brasil
A evolução da publicidade e o rádio no brasilEquipemundi2014
 
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.Andressa Azevedo
 
Aula 11 4 Ppan 2010 1
Aula 11 4 Ppan 2010 1Aula 11 4 Ppan 2010 1
Aula 11 4 Ppan 2010 1Ney Queiroz
 
Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Júlio Rocha
 
Rádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo brRádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo breTirloni
 
Rádio bla bla bla
Rádio bla bla blaRádio bla bla bla
Rádio bla bla blaeTirloni
 
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b2140c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21Pablo Oliveira
 
Radio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010pptRadio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010ppthendsonsantana
 

Semelhante a Aula 09 4 ppan_2010_2 (20)

Mídia Kit - 89 FM - Agência Sakusen
Mídia Kit - 89 FM - Agência SakusenMídia Kit - 89 FM - Agência Sakusen
Mídia Kit - 89 FM - Agência Sakusen
 
Aula 09 4 Ppad 2009 2
Aula 09 4 Ppad 2009 2Aula 09 4 Ppad 2009 2
Aula 09 4 Ppad 2009 2
 
Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02
 
Aula 10 4 rpan_2010_2
Aula 10 4 rpan_2010_2Aula 10 4 rpan_2010_2
Aula 10 4 rpan_2010_2
 
Aula 03 - A história do rádio e da TV
Aula 03 - A história do rádio e da TVAula 03 - A história do rádio e da TV
Aula 03 - A história do rádio e da TV
 
História do rádio no Brasil
História do rádio no BrasilHistória do rádio no Brasil
História do rádio no Brasil
 
A evolução da publicidade e o rádio no brasil
A evolução da publicidade e o rádio no brasilA evolução da publicidade e o rádio no brasil
A evolução da publicidade e o rádio no brasil
 
Convergencia de midia Radio
Convergencia de midia    RadioConvergencia de midia    Radio
Convergencia de midia Radio
 
Radio e tv
Radio e tvRadio e tv
Radio e tv
 
Radio e tv
Radio e tvRadio e tv
Radio e tv
 
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
 
Aula 11 4 Ppan 2010 1
Aula 11 4 Ppan 2010 1Aula 11 4 Ppan 2010 1
Aula 11 4 Ppan 2010 1
 
Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02
 
Radio e tv
Radio e tvRadio e tv
Radio e tv
 
Rádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo brRádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo br
 
Rádio bla bla bla
Rádio bla bla blaRádio bla bla bla
Rádio bla bla bla
 
Aula i 2011
Aula i  2011Aula i  2011
Aula i 2011
 
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b2140c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
 
Aula I
Aula IAula I
Aula I
 
Radio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010pptRadio propaganda 2010ppt
Radio propaganda 2010ppt
 

Mais de Ney Queiroz

Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 21 4 rpan_2010_2
Aula 21 4 rpan_2010_2Aula 21 4 rpan_2010_2
Aula 21 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 14 4 rpan_2010_2
Aula 14 4 rpan_2010_2Aula 14 4 rpan_2010_2
Aula 14 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 13 4 rpan_2010_2
Aula 13 4 rpan_2010_2Aula 13 4 rpan_2010_2
Aula 13 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 07 4 rpan_2010_2
Aula 07 4 rpan_2010_2Aula 07 4 rpan_2010_2
Aula 07 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 05 4 rpan_2010_2
Aula 05 4 rpan_2010_2Aula 05 4 rpan_2010_2
Aula 05 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 01 4 rpan_2010_2
Aula 01 4 rpan_2010_2Aula 01 4 rpan_2010_2
Aula 01 4 rpan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 05 7 ppan_2010_2
Aula 05 7 ppan_2010_2Aula 05 7 ppan_2010_2
Aula 05 7 ppan_2010_2Ney Queiroz
 
Aula 11 8 Coan 2010 1
Aula 11 8 Coan 2010 1Aula 11 8 Coan 2010 1
Aula 11 8 Coan 2010 1Ney Queiroz
 
Aula 12 4 Ppan 2010 1
Aula 12 4 Ppan 2010 1Aula 12 4 Ppan 2010 1
Aula 12 4 Ppan 2010 1Ney Queiroz
 
Aula 04 7 ppan_2010_1
Aula 04 7 ppan_2010_1Aula 04 7 ppan_2010_1
Aula 04 7 ppan_2010_1Ney Queiroz
 
Aula 03 7 ppan_2010_1
Aula 03 7 ppan_2010_1Aula 03 7 ppan_2010_1
Aula 03 7 ppan_2010_1Ney Queiroz
 
Aula 09 4 ppan_2010_1
Aula 09 4 ppan_2010_1Aula 09 4 ppan_2010_1
Aula 09 4 ppan_2010_1Ney Queiroz
 
Aula 05 4 ppan_2010_1
Aula 05 4 ppan_2010_1Aula 05 4 ppan_2010_1
Aula 05 4 ppan_2010_1Ney Queiroz
 
Aula 08 4 ppan_2010_1
Aula 08 4 ppan_2010_1Aula 08 4 ppan_2010_1
Aula 08 4 ppan_2010_1Ney Queiroz
 
Aula 07 4 ppan_2010_1
Aula 07 4 ppan_2010_1Aula 07 4 ppan_2010_1
Aula 07 4 ppan_2010_1Ney Queiroz
 

Mais de Ney Queiroz (18)

Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2
 
Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2Aula 22 4 rpan_2010_2
Aula 22 4 rpan_2010_2
 
Aula 21 4 rpan_2010_2
Aula 21 4 rpan_2010_2Aula 21 4 rpan_2010_2
Aula 21 4 rpan_2010_2
 
Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2Aula 17 4 rpan_2010_2
Aula 17 4 rpan_2010_2
 
Aula 14 4 rpan_2010_2
Aula 14 4 rpan_2010_2Aula 14 4 rpan_2010_2
Aula 14 4 rpan_2010_2
 
Aula 13 4 rpan_2010_2
Aula 13 4 rpan_2010_2Aula 13 4 rpan_2010_2
Aula 13 4 rpan_2010_2
 
Aula 07 4 rpan_2010_2
Aula 07 4 rpan_2010_2Aula 07 4 rpan_2010_2
Aula 07 4 rpan_2010_2
 
Aula 05 4 rpan_2010_2
Aula 05 4 rpan_2010_2Aula 05 4 rpan_2010_2
Aula 05 4 rpan_2010_2
 
Aula 01 4 rpan_2010_2
Aula 01 4 rpan_2010_2Aula 01 4 rpan_2010_2
Aula 01 4 rpan_2010_2
 
Aula 05 7 ppan_2010_2
Aula 05 7 ppan_2010_2Aula 05 7 ppan_2010_2
Aula 05 7 ppan_2010_2
 
Aula 11 8 Coan 2010 1
Aula 11 8 Coan 2010 1Aula 11 8 Coan 2010 1
Aula 11 8 Coan 2010 1
 
Aula 12 4 Ppan 2010 1
Aula 12 4 Ppan 2010 1Aula 12 4 Ppan 2010 1
Aula 12 4 Ppan 2010 1
 
Aula 04 7 ppan_2010_1
Aula 04 7 ppan_2010_1Aula 04 7 ppan_2010_1
Aula 04 7 ppan_2010_1
 
Aula 03 7 ppan_2010_1
Aula 03 7 ppan_2010_1Aula 03 7 ppan_2010_1
Aula 03 7 ppan_2010_1
 
Aula 09 4 ppan_2010_1
Aula 09 4 ppan_2010_1Aula 09 4 ppan_2010_1
Aula 09 4 ppan_2010_1
 
Aula 05 4 ppan_2010_1
Aula 05 4 ppan_2010_1Aula 05 4 ppan_2010_1
Aula 05 4 ppan_2010_1
 
Aula 08 4 ppan_2010_1
Aula 08 4 ppan_2010_1Aula 08 4 ppan_2010_1
Aula 08 4 ppan_2010_1
 
Aula 07 4 ppan_2010_1
Aula 07 4 ppan_2010_1Aula 07 4 ppan_2010_1
Aula 07 4 ppan_2010_1
 

Aula 09 4 ppan_2010_2

  • 1. Aula 09 – Rádio – Histórico - formatos 03/09/2010 4PPAN Prof. Ney Queiroz de Azevedo www.midiaeconsumo.com.br twitter.com/neyqueiroz Mídia
  • 2.
  • 3. Carga horária: 72 horas – 36 encontros (18 faltas); Chamada; Disciplina = respeito. Material de apoio: disponível no blog www.midiaeconsumo.com.br Metodologia: exposição, vídeos, debates, grupos... Obs.: as apresentações (power point) e outros materiais disponíveis no blog NÃO substituem as aulas!
  • 4.
  • 5.  
  • 6. Dados Históricos Tudo começou em 1863 quando, em Cambridge - Inglaterra, James Clerck Maxwell demonstrou teoricamente a provável existência das ondas eletromagnéticas. James era professor de física experimental e a partir desta revelação outros pesquisadores se interessaram pelo assunto.  O alemão  Henrich Rudolph Hertz (1857-1894) foi um deles.
  • 7. Dados Históricos O princípio da propagação radiofônica veio mesmo em 1887, através de Hertz . Ele fez saltar faíscas através do ar que separavam duas bolas de cobre. Por causa disso os antigos "quilociclos"  passaram a ser chamados de "ondas hertzianas" ou "quilohertz".
  • 8. Dados Históricos A industrialização de equipamentos se deu com a criação da primeira companhia de rádio, fundada em Londres - Inglaterra pelo cientista italiano Guglielmo Marconi .  Em 1896 Marconi já havia  demonstrado o funcionamento de seus aparelhos de emissão e recepção de sinais na própria Inglaterra, quando percebeu a importância comercial da telegrafia.    
  • 9. Dados Históricos A partir de 1919 começa a chamada "Era do rádio".    A Westinghouse fabricava aparelhos de rádio para as tropas da Primeira Guerra Mundial e com o término do conflito ficou com um grande estoque de aparelhos encalhados. A solução para evitar o prejuízo foi instalar uma grande antena no pátio da fábrica e transmitir música para os habitantes do bairro. Os aparelhos encalhados foram então comercializados.
  • 10. Dados Históricos     A primeira transmissão radiofônica oficial no Brasil, foi o discurso do Presidente Epitácio Pessoa, no Rio de Janeiro, em plena comemoração do centenário da Independência do Brasil, no dia 7 de setembro de 1922. O discurso aconteceu numa exposição, na Praia Vermelha - Rio de Janeiro e o transmissor foi instalado no alto do Corcovado, pela Westinghouse Electric Co.
  • 11. Para se ter uma idéia de porque a época ficou conhecida como a "Era do Rádio", nos EUA o rádio crescia surpreendentemente. Em 1921 eram 4 emissoras, mas no final de 1922, os americanos contavam 382 emissoras.     A chegada do rádio comercial não demorou. Logo as emissoras reivindicaram o direito de conseguir sobreviver com seus próprios recursos. A pioneira no rádio comercial foi a WEAF de Nova Iorque, pertencente à Telephone and Telegraf Co. .  Ela irradiava anúncios e cobrava dois dólares por 12 segundos de comercial e cem dólares por 10 minutos.    
  • 12. Dados Históricos O "pai do rádio brasileiro" foi Edgard Roquete Pinto . Ele e  Henry Morize fundaram em 20 de abril de 1923, a primeira estação de rádio brasileira: Rádio Sociedade do Rio de Janeiro . Foi aí que surgiu o conceito de "rádio sociedade" ou "rádio clube", no qual os ouvintes eram associados e contribuíam com mensalidades para a manutenção da emissora.     O Dia Mundial das Telecomunicações  é  comemorado em 17 de maio porque foi nesta data, em 1865, que institui-se a "União Telegráfica Internacional".      
  • 13. 1941 - Em 12 de julho, começa a transmissão da primeira rádio novela do País, que foi apresentada durante cerca de três anos, pela PRE-8, Rádio Nacional do RJ.  Era a novela "Em Busca da Felicidade" . A seguir foi a vez de "O Direito de Nascer". Na década de 40 entra no ar o primeiro jornal falado do rádio brasileiro:  o "Grande Jornal Falado Tupi", de São Paulo. Surge o noticiário mais importante do rádio brasileiro: o "Repórter Esso".  A primeira transmissão aconteceu às 12h45min do dia 28 de agosto de 1941, quando a voz de Romeu Fernandez anunciou o ataque de aviões da Alemanha à Normandia, durante a 2ª Guerra Mundial.     
  • 14. Dados Históricos 1951 - É inaugurada a TV Tupi do Rio de Janeiro.         1953 - A cantora Emilinha Borba, que começou na Rádio Cruzeiro do Sul, foi consagrada a "Rainha do Rádio", na Rádio Nacional, em 1953.         1954 - Inventada em 1940 por Peter Goldmark a TV a cores entra em funcionamento..         1962 - Primeira transmissão via satélite.         1962 - Em 27 de novembro, é criada a Associação Brasileira de Rádio e Televisão - ABERT.         1965 - O Brasil é integrado no Sistema Intelsat.         1965 - Inauguração do MIS - Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro         1967 - Criado no dia 25 de fevereiro o Ministério das Comunicações .   Fonte: tudoradio.com   
  • 16.
  • 17.
  • 18. Aspectos Negativos ASSIM COMO NA TV, AS MENSAGENS TÊM CURTO PERÍODO DE VIDA HÁ MUITA FRAGMENTAÇÃO DA AUDIÊNCIA DEVIDO AO GRANDE NÚMERO DE RÁDIOS DIFICULTANDO O TRABALHO COM UM PÚBLICO-ALVO MAIS ABRANGENTE. COMPETIÇÃO FORTE EM DETERMINADOS HORÁRIOS OU PERÍODOS SAZONAIS.
  • 19.
  • 20. Aspectos Comerciais Algumas emissoras disponibilizam pacotes com muitas inserções com preço bastante abaixo da tabela por não terem horário determinado. Podem ser úteis se a campanha pedir freqüência alta e não exigir horário específico para atingir o público-alvo. Podem ser negociados espaços para patrocínio e merchandising , testemunhais , transmissões ao vivo de eventos ou locais específicos.
  • 21. Horários Nobres do Rádio Os horários nos quais as pessoas se dirigem ao trabalho Entre 7h e 8h Quando estão em horário de almoço Entre 12h e 14h Quando estão a caminho de casa Entre 17h e 19h ESSES HORÁRIOS GERALMENTE TÊM PICOS DE AUDIÊNCIA BEM MAIORES QUE OS DEMAIS, PODENDO ATINGIR UM MAIOR NÚMERO DE PESSOAS.
  • 22. Cenário Atual - Fortalecimento das Redes; - Criação e crescimento de rádios segmentadas; (Rádio Oi, Rádio Sul América, Prime, etc);
  • 23. O futuro do Rádio.
  • 24. (Quinta-feira, 10 de Abril de 2008 – Brasil Rádio News) Oi FM busca emissora em São Paulo A Oi está negociando uma rádio em São Paulo. A idéia é que tudo esteja acertado quando a Oi entre no mercado de celulares de São Paulo, o que acontecerá no segundo semestre. A Rádio Oi FM já funciona no Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Vitória, Uberlândia e Recife. Empresas de telefonia não podem ter rádios, de acordo com a legislação. Então, como existem tantas rádios Oi?
  • 25. O futuro do Rádio.
  • 26.  
  • 27. A Rádio é mais um forte canal de interação para a comunidade Mitsubishi e todos os admiradores do estilo de vida 4x4, que encontrarão as novidades sobre as competições, além de colunistas que tem o que dizer. A Mitsubishi FM é um projeto desenvolvido pelo Grupo Bandeirantes de Rádio e a Mitsubishi Motors em parceria com a Agência África.
  • 29.  
  • 30.