SlideShare uma empresa Scribd logo

Radiojornalismo

O documento descreve a história do rádio desde sua invenção no final do século 19 até os dias atuais. Aborda os pioneiros do rádio como Marconi e Padre Landell de Moura, o desenvolvimento das primeiras transmissões no Brasil e mundialmente, os diferentes formatos de rádio (AM, FM, comunitárias), além das tendências atuais com a digitalização e a internet.

1 de 25
Módulo


Rádio
!
!

Laboratório de Jornalismo
FAMECOS
“irmão” do Telégrafo
•

O rádio surgiu na virada do século XIX para o XX,
resultado de novas pesquisas para a transmissão de
telegramas sem o uso dos fios

•

Rádio é propagado através de ondas eletromagnéticas,
assim como a TV e raios X, por exemplo
Guglielmo Marconi, pioneiro do rádio
Patenteou o Transmissor de Impulsos Elétricos e Sinais na Inglaterra em 1896
Padre Landell de Moura
o invento brasileiro
•

1ª experiência com envio de som, entre dois pontos
distantes 8 Km em São Paulo, foi realizada em 1893

•

Patente nº. 3.279, 09 de março de 1901:

“aparelho destinado à transmissão phonética à distância,
com fio ou sem fio, através do espaço, da terra e do
elemento aquoso”
Radiojornalismo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

O texto na tv
O texto na tvO texto na tv
O texto na tv
 
A Reportagem
A ReportagemA Reportagem
A Reportagem
 
História do rádio no Brasil
História do rádio no BrasilHistória do rádio no Brasil
História do rádio no Brasil
 
Pautas e fontes
Pautas e fontesPautas e fontes
Pautas e fontes
 
Teoria hipodermica
Teoria hipodermicaTeoria hipodermica
Teoria hipodermica
 
História do jornalismo
História do jornalismoHistória do jornalismo
História do jornalismo
 
Os diferentes tipos de media.pptxCursoMarketing
Os diferentes tipos de media.pptxCursoMarketingOs diferentes tipos de media.pptxCursoMarketing
Os diferentes tipos de media.pptxCursoMarketing
 
Jornalismo Institucional
Jornalismo InstitucionalJornalismo Institucional
Jornalismo Institucional
 
As origens da Televisão
As origens da TelevisãoAs origens da Televisão
As origens da Televisão
 
Radio
RadioRadio
Radio
 
JI_A1: O que é jornalismo?
JI_A1: O que é jornalismo?JI_A1: O que é jornalismo?
JI_A1: O que é jornalismo?
 
Aula 06 teorias do jornalismo hipóteses contemporâneas
Aula 06   teorias do jornalismo hipóteses contemporâneasAula 06   teorias do jornalismo hipóteses contemporâneas
Aula 06 teorias do jornalismo hipóteses contemporâneas
 
Como identificar boatos e fake news?
Como identificar boatos e fake news?Como identificar boatos e fake news?
Como identificar boatos e fake news?
 
MASS MEDIA
MASS MEDIAMASS MEDIA
MASS MEDIA
 
Tecnicas de reportagem
Tecnicas de reportagemTecnicas de reportagem
Tecnicas de reportagem
 
Aula Pauta TV
Aula Pauta TVAula Pauta TV
Aula Pauta TV
 
A televisao
A televisaoA televisao
A televisao
 
Historia da tv brasileira
Historia da tv brasileiraHistoria da tv brasileira
Historia da tv brasileira
 
Aula 03 - A história do rádio e da TV
Aula 03 - A história do rádio e da TVAula 03 - A história do rádio e da TV
Aula 03 - A história do rádio e da TV
 
Teoria da comunicação (quadro-resumo)
Teoria da comunicação (quadro-resumo)Teoria da comunicação (quadro-resumo)
Teoria da comunicação (quadro-resumo)
 

Destaque

Formatos radiofonicos
Formatos radiofonicosFormatos radiofonicos
Formatos radiofonicosJúlio Rocha
 
Apresentação Radio Texto
Apresentação Radio TextoApresentação Radio Texto
Apresentação Radio TextoRicardo Ferrao
 
Roteiro Para Radialistas
Roteiro Para RadialistasRoteiro Para Radialistas
Roteiro Para Radialistasnubea xavier
 
ABUD - Estilos de spot
ABUD - Estilos de spotABUD - Estilos de spot
ABUD - Estilos de spottalitacampione
 
Cieja roteiro para radio
Cieja roteiro para radioCieja roteiro para radio
Cieja roteiro para radioevelinearaujo
 
Power Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da Comunicação
Power Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da ComunicaçãoPower Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da Comunicação
Power Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da Comunicaçãoguest0b2850
 
Caracteristicas do radio
Caracteristicas do radioCaracteristicas do radio
Caracteristicas do radioLiliane Ennes
 
Características do rádio
Características do rádioCaracterísticas do rádio
Características do rádioMarcelo Freire
 
Produção de Spots Radio
Produção de Spots RadioProdução de Spots Radio
Produção de Spots RadioLiliane Ennes
 
História do rádio
História do rádioHistória do rádio
História do rádioJúlio Rocha
 
Script rádio comunitaria
Script rádio comunitariaScript rádio comunitaria
Script rádio comunitariaBruna Dalmagro
 
O radio no mundo
O radio no mundo O radio no mundo
O radio no mundo Cláudia
 
Abud - História do rádio
Abud - História do rádioAbud - História do rádio
Abud - História do rádiotalitacampione
 

Destaque (20)

Formatos radiofonicos
Formatos radiofonicosFormatos radiofonicos
Formatos radiofonicos
 
O texto em rádio
O texto em rádioO texto em rádio
O texto em rádio
 
Apresentação Radio Texto
Apresentação Radio TextoApresentação Radio Texto
Apresentação Radio Texto
 
Roteiro Para Radialistas
Roteiro Para RadialistasRoteiro Para Radialistas
Roteiro Para Radialistas
 
Radiojornalismo
RadiojornalismoRadiojornalismo
Radiojornalismo
 
Roteiro com textos
Roteiro com textosRoteiro com textos
Roteiro com textos
 
ABUD - Estilos de spot
ABUD - Estilos de spotABUD - Estilos de spot
ABUD - Estilos de spot
 
Cieja roteiro para radio
Cieja roteiro para radioCieja roteiro para radio
Cieja roteiro para radio
 
Power Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da Comunicação
Power Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da ComunicaçãoPower Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da Comunicação
Power Point - Aula sobre rádio - Fundamentos da Comunicação
 
Radio
RadioRadio
Radio
 
Roteiro spot
Roteiro spotRoteiro spot
Roteiro spot
 
Caracteristicas do radio
Caracteristicas do radioCaracteristicas do radio
Caracteristicas do radio
 
Características do rádio
Características do rádioCaracterísticas do rádio
Características do rádio
 
Manual de radio (1)
Manual de radio (1)Manual de radio (1)
Manual de radio (1)
 
Produção de Spots Radio
Produção de Spots RadioProdução de Spots Radio
Produção de Spots Radio
 
História do rádio
História do rádioHistória do rádio
História do rádio
 
Script rádio comunitaria
Script rádio comunitariaScript rádio comunitaria
Script rádio comunitaria
 
O radio no mundo
O radio no mundo O radio no mundo
O radio no mundo
 
J.O Radiojornalismo 2
J.O Radiojornalismo 2J.O Radiojornalismo 2
J.O Radiojornalismo 2
 
Abud - História do rádio
Abud - História do rádioAbud - História do rádio
Abud - História do rádio
 

Semelhante a Radiojornalismo

Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1
Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1
Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1Diedro Barros
 
APRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIAS
APRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIASAPRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIAS
APRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIASINSTITUTO VOZ POPULAR
 
História da mídia no Brasil 2
História da mídia no Brasil 2História da mídia no Brasil 2
História da mídia no Brasil 2Laércio Góes
 
midias e meios de comunicao - radio.pdf
midias e meios de comunicao - radio.pdfmidias e meios de comunicao - radio.pdf
midias e meios de comunicao - radio.pdfwarosay680
 
A historia da televisão
A historia da televisãoA historia da televisão
A historia da televisãoJacket25
 
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b2140c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21Pablo Oliveira
 
Rádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo brRádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo breTirloni
 
Rádio bla bla bla
Rádio bla bla blaRádio bla bla bla
Rádio bla bla blaeTirloni
 
A evolução do rádio no brasil. espm
A evolução do rádio no brasil. espmA evolução do rádio no brasil. espm
A evolução do rádio no brasil. espmluizaf14
 
Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Júlio Rocha
 
Apresentação antropologica e cultura midiática
Apresentação antropologica e cultura midiáticaApresentação antropologica e cultura midiática
Apresentação antropologica e cultura midiáticavitor valieri
 
Aula 10 4 Ppan 2010 1
Aula 10 4 Ppan 2010 1Aula 10 4 Ppan 2010 1
Aula 10 4 Ppan 2010 1Ney Queiroz
 
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.Andressa Azevedo
 
Aula 09 4 P P A D 2009 2
Aula 09 4 P P A D 2009 2Aula 09 4 P P A D 2009 2
Aula 09 4 P P A D 2009 2Ney Queiroz
 

Semelhante a Radiojornalismo (20)

Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1
Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1
Laboratório de Comunicação Popular - Aula 1
 
Rádiooo
RádioooRádiooo
Rádiooo
 
A era do rádio
A era do rádioA era do rádio
A era do rádio
 
Radio
RadioRadio
Radio
 
APRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIAS
APRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIASAPRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIAS
APRESENTAÇÃO SOBRE RÁDIOS COMUNITÁRIAS
 
História da mídia no Brasil 2
História da mídia no Brasil 2História da mídia no Brasil 2
História da mídia no Brasil 2
 
midias e meios de comunicao - radio.pdf
midias e meios de comunicao - radio.pdfmidias e meios de comunicao - radio.pdf
midias e meios de comunicao - radio.pdf
 
A historia da televisão
A historia da televisãoA historia da televisão
A historia da televisão
 
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b2140c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
40c31f36d4d023b0726c48094dd32b21
 
Mídias e meios de comunicação rádio
Mídias e meios de comunicação   rádioMídias e meios de comunicação   rádio
Mídias e meios de comunicação rádio
 
Rádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo brRádio trabalho filo br
Rádio trabalho filo br
 
Rádio bla bla bla
Rádio bla bla blaRádio bla bla bla
Rádio bla bla bla
 
A evolução do rádio no brasil. espm
A evolução do rádio no brasil. espmA evolução do rádio no brasil. espm
A evolução do rádio no brasil. espm
 
Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02Rádio e tv 01 aula 02
Rádio e tv 01 aula 02
 
Apresentação antropologica e cultura midiática
Apresentação antropologica e cultura midiáticaApresentação antropologica e cultura midiática
Apresentação antropologica e cultura midiática
 
Aula 10 4 Ppan 2010 1
Aula 10 4 Ppan 2010 1Aula 10 4 Ppan 2010 1
Aula 10 4 Ppan 2010 1
 
Radio e tv
Radio e tvRadio e tv
Radio e tv
 
Radio e tv
Radio e tvRadio e tv
Radio e tv
 
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
Grupo Brainstorm - Introdução às Profissões em comunicação.
 
Aula 09 4 P P A D 2009 2
Aula 09 4 P P A D 2009 2Aula 09 4 P P A D 2009 2
Aula 09 4 P P A D 2009 2
 

Mais de Karen Sica

Aula sobre Texto Digital
Aula sobre Texto DigitalAula sobre Texto Digital
Aula sobre Texto DigitalKaren Sica
 
Apresentação Usina
Apresentação UsinaApresentação Usina
Apresentação UsinaKaren Sica
 
Mudanças de cenários da TV
Mudanças de cenários da TVMudanças de cenários da TV
Mudanças de cenários da TVKaren Sica
 
Coberturas Jornalísticas
Coberturas JornalísticasCoberturas Jornalísticas
Coberturas JornalísticasKaren Sica
 
Aula - Imagem Digital
Aula - Imagem DigitalAula - Imagem Digital
Aula - Imagem DigitalKaren Sica
 
Apresentação 24h do jornal 2013 2
Apresentação 24h do jornal 2013 2Apresentação 24h do jornal 2013 2
Apresentação 24h do jornal 2013 2Karen Sica
 
Geolocalização
GeolocalizaçãoGeolocalização
GeolocalizaçãoKaren Sica
 
Técnicas de Pesquisa
Técnicas de PesquisaTécnicas de Pesquisa
Técnicas de PesquisaKaren Sica
 
Imagem Digital
Imagem DigitalImagem Digital
Imagem DigitalKaren Sica
 
Jornalismo Tradicional e a Tecnologia
Jornalismo Tradicional e a TecnologiaJornalismo Tradicional e a Tecnologia
Jornalismo Tradicional e a TecnologiaKaren Sica
 
Atualização contínua
Atualização contínuaAtualização contínua
Atualização contínuaKaren Sica
 
Customização e personalização
Customização e personalizaçãoCustomização e personalização
Customização e personalizaçãoKaren Sica
 
Linguagens na Era Digital
Linguagens na Era DigitalLinguagens na Era Digital
Linguagens na Era DigitalKaren Sica
 

Mais de Karen Sica (20)

Aula sobre Texto Digital
Aula sobre Texto DigitalAula sobre Texto Digital
Aula sobre Texto Digital
 
HTML básico
HTML básicoHTML básico
HTML básico
 
Apresentação Usina
Apresentação UsinaApresentação Usina
Apresentação Usina
 
Mudanças de cenários da TV
Mudanças de cenários da TVMudanças de cenários da TV
Mudanças de cenários da TV
 
Coberturas Jornalísticas
Coberturas JornalísticasCoberturas Jornalísticas
Coberturas Jornalísticas
 
Aula - Imagem Digital
Aula - Imagem DigitalAula - Imagem Digital
Aula - Imagem Digital
 
Apresentação 24h do jornal 2013 2
Apresentação 24h do jornal 2013 2Apresentação 24h do jornal 2013 2
Apresentação 24h do jornal 2013 2
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Geolocalização
GeolocalizaçãoGeolocalização
Geolocalização
 
Técnicas de Pesquisa
Técnicas de PesquisaTécnicas de Pesquisa
Técnicas de Pesquisa
 
Vídeo
VídeoVídeo
Vídeo
 
Áudio
ÁudioÁudio
Áudio
 
HTML básico
HTML básicoHTML básico
HTML básico
 
Imagem Digital
Imagem DigitalImagem Digital
Imagem Digital
 
Jornalismo Tradicional e a Tecnologia
Jornalismo Tradicional e a TecnologiaJornalismo Tradicional e a Tecnologia
Jornalismo Tradicional e a Tecnologia
 
Interação
InteraçãoInteração
Interação
 
Atualização contínua
Atualização contínuaAtualização contínua
Atualização contínua
 
Customização e personalização
Customização e personalizaçãoCustomização e personalização
Customização e personalização
 
Linguagens na Era Digital
Linguagens na Era DigitalLinguagens na Era Digital
Linguagens na Era Digital
 

Último

2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;azulassessoriaacadem3
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Mary Alvarenga
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da MulherMary Alvarenga
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...apoioacademicoead
 
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxJean Carlos Nunes Paixão
 
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...azulassessoriaacadem3
 
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...azulassessoriaacadem3
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...assessoriaff01
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...apoioacademicoead
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...excellenceeducaciona
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...azulassessoriaacadem3
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...azulassessoriaacadem3
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...azulassessoriaacadem3
 
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...azulassessoriaacadem3
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...azulassessoriaacadem3
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...azulassessoriaacadem3
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...apoioacademicoead
 
Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...
Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...
Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...apoioacademicoead
 

Último (20)

Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
 
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
QUESTÃO 3 Considerando as especificações, o nível de experiência, assim como ...
 
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
 
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
MAPA - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 51/2024 (ENGENHARIA DE PRODUÇÃO) 2...
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
 
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
2. É possível a denúncia do Estado agressor junto ao Tribunal Penal Internaci...
 
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
Atividade Proposta: A empresa Lótus Indústria e Comércio de Móveis Ltda., ini...
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...
Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...
Com base nas informações apresentadas, responda: a. Qual o Índice de Massa Co...
 

Radiojornalismo

  • 2. “irmão” do Telégrafo • O rádio surgiu na virada do século XIX para o XX, resultado de novas pesquisas para a transmissão de telegramas sem o uso dos fios • Rádio é propagado através de ondas eletromagnéticas, assim como a TV e raios X, por exemplo
  • 3. Guglielmo Marconi, pioneiro do rádio Patenteou o Transmissor de Impulsos Elétricos e Sinais na Inglaterra em 1896
  • 5. o invento brasileiro • 1ª experiência com envio de som, entre dois pontos distantes 8 Km em São Paulo, foi realizada em 1893 • Patente nº. 3.279, 09 de março de 1901:
 “aparelho destinado à transmissão phonética à distância, com fio ou sem fio, através do espaço, da terra e do elemento aquoso”
  • 7. BRádio • 1922 - 1ª transmissão no Brasil, Rio de Janeiro, com um discurso do presidente Epitácio Pessoa • 1923 - A Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, primeira emissora nacional, é inaugurada por Roquette Pinto e Henrique Moritze no dia 20 de abril no Rio de Janeiro • Tal qual as televisões, emissoras recebem concessões do governo para a transmissão em determinada freqüência
  • 8. guerra dos mundos • Orson Welles, ator e cineasta (em filmes como Cidadão Kane) leu uma versão adaptada do livro Guerra dos Mundos (HG Wells) na noite de 31 de outubro de 1938. A população acreditou no “trote” e entrou em pânico, exigindo forças da polícia e exército para conter a situação. O rádio provou a sua força nesta data.
  • 9. o rádio na trincheira • O rádio, junto dos cinejornais, foi um dos principais vetores da propaganda e da informação na 2a Guerra Mundial. • sir Winston Churchill, na Inglaterra, e Adolf Hitler utilizaram o veículo para a difusão de informações e propaganda • no Brasil, auge do Repórter Esso
  • 10. o rádio na trincheira • Hitler criou o Ministério do Esclarecimento do Povo e da Propaganda • Joseph Goebbels criou a câmara de cultura do Império • Mandou fabricar um rádio chamado VE 301 (30 de janeiro de 1933 - posse de Hitler como Chanceler) • Criou uma campanha para que todos tivessem o rádio em casa e convenceu 70% da população
  • 11. cadeia da legalidade • Em 1961, quando Jânio Quadros renunciou e Jango deveria assumir como presidente, o então governador Leonel Brizola reuniu as emissoras de rádio nos porões do palácio Piratini e organizou a população em uma “resistência” e movimento que ganhou o país com as ondas do rádio. A “rede da Legalidade” chegou a 104 emissoras, em uma época sem satélites ou ligações diretas como hoje
  • 12. o rádio de bolso • Com a entrada da televisão, o rádio perdeu espaço. Além da televisão adaptar parte da linguagem, o móvel era o mesmo. População passava a ver e ouvir, não apenas ouvir • Criação do transístor permitiu a criação do rádio portátil, de bolso, perfeito para levar nos estádios, ouvir no carro e carregar pela casa. Nos anos 70, apoiado na fita cassete, surge o Walkman
  • 13. 1948, TV, rádio, gravador de rolo e relógio
  • 14. AM • Formato AM conta com uma qualidade baixa de áudio, mas ondas tem maior raio de propagação • Em virtude desse aspecto, emissoras desta banda são mais noticiosas (predominância da voz) e exploram segmentos populares. No RS, esporte tem tradição pelo AM, com rádios que já até foram dedicadas à área.
  • 15. FM • O formato FM não é novo, suas pesquisas começaram na década de 20 e foi adotado nos EUA a partir dos anos 50, quando a RCA já contava com a patente das transmissões • Transmissões com raio de alcance mais curto • Emissoras surgem no país nos anos 70, com entrada do “FM estéreo” anos depois. Rádio começou a explorar mais e mais os gêneros musicais, fomentando o nascimento do próprio rock brasileiro
  • 16. formatos de rádios • rádio musical, tem programação focada nas músicas, muitas delas FM • talk-and-news, marcadas basicamente pela produção de notícias e debates • mistas, exploram ambos os formatos, como a Farroupilha
  • 17. formatos de programas • Entretenimento
 - humorísticos
 - radionovelas
 - auditório
 - musicais • Informativos
 - noticiosos
 - sínteses noticiosas
 - documentário
 - debates/mesa-redonda
 - serviços/utilidade pública/assistenciais • Variedades
 - “revistas de rádio” - Oficiais - Religiosos
  • 18. rádios comunitárias • Alvo de muitas discussões e debates, as rádios comunitárias são emissoras de pequenino alcance, muitas vezes ouvidas apenas em um bairro. Versão moderna da antiga “voz do poste”, busca prestar serviços e tem foco voltado na população da área, que chega a agir na programação
  • 20. Futuro do Rádio Concorrência com a Internet e com os tocadores pessoais MP3
  • 21. Futuro do Rádio Rádio Digital HD Radio ou Iboc (padrão proprietário) DRM (Digital Radio Mondiale)
  • 25. tendências • Rádios Digitais - briga de formatos • Emissoras exclusivas do meio online • Podcastings • Rádio no celular • Last.fm, Pandora ou Rdio