ImplantaçãO Da RepúBlica

1.573 visualizações

Publicada em

Da Monarquia à República

Publicada em: Educação, Turismo, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.573
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
35
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
69
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ImplantaçãO Da RepúBlica

  1. 1. 5 de Outubro de 1910 - Uma Data para Todos Recordarmos A Proclamação da República
  2. 2. O ultimato <ul><li>Em 11 de Janeiro de 1890, a Inglaterra, lançou um ultimato a Portugal , dando ordens para que as tropas portuguesas se retirassem dos territórios entre Angola e Moçambique (actuais Zâmbia e Zimbabué), ao que D. Carlos cedeu, sem lutar pelo que, na época, se acreditava ser um direito dos portugueses: manter o domínio sobre esses territórios, de acordo com o mapa cor-de-rosa . O povo considera que o seu rei não soube lutar pelos interesses de Portugal, que se sente um País humilhado. </li></ul>O Mapa Cor de rosa
  3. 3. <ul><ul><ul><li>Em 14 de Janeiro de 1890 , o &quot;Partido Republicano Português&quot; organizou uma grande manifestação em Lisboa, acusando o rei D. Carlos e o Governo de terem traído os interesses dos Portugueses em África. </li></ul></ul></ul>
  4. 4. <ul><li>Em 1907, Portugal passava por grandes dificuldades económicas. </li></ul><ul><li>O Rei D. Carlos chamou João Franco para formar governo. Este formou um governo de ditadura, violência e opressão que em nada resolveu os problemas dos portugueses. </li></ul>D. Carlos I - O Diplomata (1889 – 1908) João Franco
  5. 5. In, “O Mundo” – Jornal que era escrito e dirigido por partidários do Partido Republicano. O Partido Republicano, fundado em 1870, defendia a “ igualdade (civil e política); liberdade em todas as suas manifestações; governo do povo pelo povo; justiça democrática.” O Partido Republicano
  6. 6. <ul><li>Na tarde de 1 de Fevereiro de 1908, quando a Família Real regressava de Vila Viçosa, D. Carlos I e o Príncipe herdeiro D. Luís Filipe, foram abatidos a tiro, no Terreiro do Paço, em Lisboa. </li></ul>O Regicídio O Regicídio (1908) Príncipe D. Luis Filipe
  7. 7. <ul><li>D. Manuel II era segundo filho de D. Carlos I e foi coroado Rei, por seu pai e seu irmão terem sido assassinados. </li></ul>O Último Rei de Portugal D. Manuel II – O Desventurado (1908 – 1910) D. Manuel II com 12 anos
  8. 8. <ul><li>Muito jovem, sem preparação para ser rei, encontrou grandes dificuldades. Demitiu João Franco e deu grandes liberdades àqueles que estavam contra ele. </li></ul>D. Manuel II
  9. 9. A Revolução Republicana <ul><li>Todos os males da Nação se atribuem à monarquia. O Partido Republicano dizia que só uma mudança de regime poderia salvar Portugal. </li></ul><ul><li>No dia 4 de Outubro de 1910, rebenta, em Lisboa, uma revolução republicana que saíu vitoriosa. </li></ul>Resistência popular contra a Monarquia, o povo saiu à rua e a população pegou em armas contra a monarquia e os previlégios duma minoria. Resistência Popular
  10. 10. Implantação da República <ul><li>Na manhã do dia 5 de Outubro de 1910, foi proclamada a República. </li></ul><ul><li>Todo o país aceitou o novo regime sem oposição. </li></ul><ul><li>Assim termina a Monarquia em Portugal. </li></ul>NA PRAÇA DO MUNICIPIO OS LISBOETAS ASSISTEM À PROCLAMAÇÃO DA REPUBLICA A 5 de Outubro de 1910 , a República é proclamada na Câmara Municipal de Lisboa, por José Relvas.

×