BIOMASBIOMAS
BRASILEIROBRASILEIRO
SS
FlorestaFloresta
AmazônicaAmazônica
 Localiza-se na região Norte do Brasil, ocupandoLocaliza-se na região Norte do Brasil...
FlorestaFloresta
AmazônicaAmazônica
 Matas de terra firme –Matas de terra firme – solos elevados, semsolos elevados, sem
...
Floresta PluvialFloresta Pluvial
CosteiraCosteira
Floresta AtlânticaFloresta Atlântica
 Situa-se nas montanhas e planície...
CerradCerrad
oo Situa-se nos estados de Minas Gerais, Goiás, Tocantins,Situa-se nos estados de Minas Gerais, Goiás, Tocan...
PampaPampa
 Localiza-se no norte do Rio Grande do Sul.Localiza-se no norte do Rio Grande do Sul.
 É um tipo de pradaria ...
CaatingaCaatinga
 Estende-se pelos estados do Piauí, Ceará, RioEstende-se pelos estados do Piauí, Ceará, Rio
Grande do No...
PantanPantan
alal
 Ocupa a parte oeste dos estados do Mato Grosso e doOcupa a parte oeste dos estados do Mato Grosso e do...
 A fauna aquática garante a existência de inúmerasA fauna aquática garante a existência de inúmeras
espécies de aves, com...
Biomas
Biomas
Biomas
Biomas
Biomas
Biomas
Biomas
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Biomas

300 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
300
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Biomas

  1. 1. BIOMASBIOMAS BRASILEIROBRASILEIRO SS
  2. 2. FlorestaFloresta AmazônicaAmazônica  Localiza-se na região Norte do Brasil, ocupandoLocaliza-se na região Norte do Brasil, ocupando os estados do Acre, Amazonas, Pará, Rondônia,os estados do Acre, Amazonas, Pará, Rondônia, Tocantins, Amapá, Roraima, a parte norte deTocantins, Amapá, Roraima, a parte norte de Mato Grosso e Goiás, além da parte oeste doMato Grosso e Goiás, além da parte oeste do Maranhão.Maranhão.  O clima propicia o desenvolvimento de umO clima propicia o desenvolvimento de um exuberante bioma do tipo floresta pluvial tropical.exuberante bioma do tipo floresta pluvial tropical.  Apresenta vários estratos; heterogênea;Apresenta vários estratos; heterogênea; higrófila; latifoliada (folhas largas) e perenes.higrófila; latifoliada (folhas largas) e perenes.
  3. 3. FlorestaFloresta AmazônicaAmazônica  Matas de terra firme –Matas de terra firme – solos elevados, semsolos elevados, sem inundações habituais; árvores de grande porteinundações habituais; árvores de grande porte (castanheira, mogno, cedro, guaraná, pau-rosa).(castanheira, mogno, cedro, guaraná, pau-rosa).  Matas dos igapós –Matas dos igapós – terrenos permanentementeterrenos permanentemente inundados; árvores, cipós e muitas epífitas (açaí,inundados; árvores, cipós e muitas epífitas (açaí, marajá, vitória-régia, bromélias).marajá, vitória-régia, bromélias).  Matas de várzeas –Matas de várzeas – terrenos com alagamentosterrenos com alagamentos periódicos; árvores de vários tipos (seringueira,periódicos; árvores de vários tipos (seringueira, cacau, palmeiras).cacau, palmeiras).
  4. 4. Floresta PluvialFloresta Pluvial CosteiraCosteira Floresta AtlânticaFloresta Atlântica  Situa-se nas montanhas e planícies costeiras, desde oSitua-se nas montanhas e planícies costeiras, desde o Rio Grande do Norte até o Rio Grande do Sul.Rio Grande do Norte até o Rio Grande do Sul.  Árvores com folhas largas (latifoliadas) e perenesÁrvores com folhas largas (latifoliadas) e perenes (perenifólias) tropical úmida, de encosta.(perenifólias) tropical úmida, de encosta.  Árvores: pau-brasil, cedro, ipê, canela, palmeiras, jatobá,Árvores: pau-brasil, cedro, ipê, canela, palmeiras, jatobá, cipós e muitas epífitas (orquídeas e bromélias).cipós e muitas epífitas (orquídeas e bromélias).  É um dos biomas mais devastados pela exploraçãoÉ um dos biomas mais devastados pela exploração humana; calcula-se que restem apenas 5% das florestashumana; calcula-se que restem apenas 5% das florestas costeiras que havia por ocasião da chegada dos primeiroscosteiras que havia por ocasião da chegada dos primeiros colonizadores europeus.colonizadores europeus.
  5. 5. CerradCerrad oo Situa-se nos estados de Minas Gerais, Goiás, Tocantins,Situa-se nos estados de Minas Gerais, Goiás, Tocantins, Mato Grosso, Moto Grosso do Sul e oeste de São Paulo eMato Grosso, Moto Grosso do Sul e oeste de São Paulo e Paraná.Paraná.  É um bioma do tipo savana.É um bioma do tipo savana.  Formação vegetal com arbustos e pequenas árvoresFormação vegetal com arbustos e pequenas árvores com galhos retorcidos, casca grossa, folhas espessascom galhos retorcidos, casca grossa, folhas espessas com pêlos e superfície brilhante. Enfim, com aspectocom pêlos e superfície brilhante. Enfim, com aspecto xeromórfico. Porém, não há falta de água, pois chovexeromórfico. Porém, não há falta de água, pois chove freqüentemente. O aspecto xeromórfico se deve ao solo,freqüentemente. O aspecto xeromórfico se deve ao solo, de pH baixo (ácido), com escassez de nutrientes ede pH baixo (ácido), com escassez de nutrientes e excesso de alumínio. A água não é um fator limitante.excesso de alumínio. A água não é um fator limitante.  Exemplos: sucupira, gabiroba, indaiá, barbatimão, pau-Exemplos: sucupira, gabiroba, indaiá, barbatimão, pau- santo, gramíneas.santo, gramíneas.
  6. 6. PampaPampa  Localiza-se no norte do Rio Grande do Sul.Localiza-se no norte do Rio Grande do Sul.  É um tipo de pradaria também denominado pampa ouÉ um tipo de pradaria também denominado pampa ou campo.campo.  Ocupam áreas de planície e caracterizam-se pelaOcupam áreas de planície e caracterizam-se pela predominância de gramíneas; eventualmente aparecempredominância de gramíneas; eventualmente aparecem arbustos no interior do pampa, mas são formaçõesarbustos no interior do pampa, mas são formações isoladas, que não chegam a quebrar a homogeneidadeisoladas, que não chegam a quebrar a homogeneidade do bioma.do bioma.  A maior parte da vegetação original do pampa foiA maior parte da vegetação original do pampa foi destruída para dar lugar a áreas cultiváveis.destruída para dar lugar a áreas cultiváveis.
  7. 7. CaatingaCaatinga  Estende-se pelos estados do Piauí, Ceará, RioEstende-se pelos estados do Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Sergipe,Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Bahia e norte de Minas Gerais.Alagoas, Bahia e norte de Minas Gerais.  É um tipo de pradaria.É um tipo de pradaria.  Tem índices pluviométricos baixos.Tem índices pluviométricos baixos.  Vegetação de aspecto seco, com folhasVegetação de aspecto seco, com folhas transformadas em espinhos, cutículas altamentetransformadas em espinhos, cutículas altamente impermeáveis, caules que armazenam água (plantasimpermeáveis, caules que armazenam água (plantas xeromórficas). No período chuvoso, temos abundânciaxeromórficas). No período chuvoso, temos abundância de plantas herbáceas e as árvores de flores e frutos.de plantas herbáceas e as árvores de flores e frutos.  Exemplos: mandacaru, xique-xique, macambira,Exemplos: mandacaru, xique-xique, macambira, barriguda.barriguda.
  8. 8. PantanPantan alal  Ocupa a parte oeste dos estados do Mato Grosso e doOcupa a parte oeste dos estados do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul.Mato Grosso do Sul.  É uma vasta planície inundada que abriga uma dasÉ uma vasta planície inundada que abriga uma das mais ricas reservas de vida selvagem do mundo.mais ricas reservas de vida selvagem do mundo.  Há um grande número de espécies vegetais, a maioriaHá um grande número de espécies vegetais, a maioria delas também presente em outros biomas; poucasdelas também presente em outros biomas; poucas espécies são endêmicas, como o carandá.espécies são endêmicas, como o carandá.  A fauna aquática é muito variada, que se beneficia dasA fauna aquática é muito variada, que se beneficia das cheias periódicas; além de moluscos e crustáceos, hácheias periódicas; além de moluscos e crustáceos, há centenas de espécies de peixes, entre eles o dourado, ocentenas de espécies de peixes, entre eles o dourado, o pacu, o jaú, o pintado, o surubim, os lambaris e aspacu, o jaú, o pintado, o surubim, os lambaris e as piranhas.piranhas.
  9. 9.  A fauna aquática garante a existência de inúmerasA fauna aquática garante a existência de inúmeras espécies de aves, como as garças, os tuiuiús, colhereirosespécies de aves, como as garças, os tuiuiús, colhereiros e saracuras. Há também répteis, como o jacaré-do-e saracuras. Há também répteis, como o jacaré-do- pantanal e o jacaretinga. Entre as serpentes, a maispantanal e o jacaretinga. Entre as serpentes, a mais impressionante é a sucuri. Entre os mamíferos destacam-impressionante é a sucuri. Entre os mamíferos destacam- se as capivaras as onças-pardas, onças-pintadas,se as capivaras as onças-pardas, onças-pintadas, ariranhas, macacos, porcos-do-mato e veados.ariranhas, macacos, porcos-do-mato e veados.  A caça e a pesca predatórias têm tido forte impactoA caça e a pesca predatórias têm tido forte impacto sobre o bioma, assim como a extração de ouro.sobre o bioma, assim como a extração de ouro.  Apesar de tudo isso, a comunidade biológica doApesar de tudo isso, a comunidade biológica do Pantanal ainda se mantém relativamente bemPantanal ainda se mantém relativamente bem preservada. A utilização e o manejo inteligente dospreservada. A utilização e o manejo inteligente dos recursos naturais permitirá que continue sendo umas dasrecursos naturais permitirá que continue sendo umas das mais importantes reservas de vida selvagem do planeta.mais importantes reservas de vida selvagem do planeta.

×