UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERPCENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIAAna Cristina da Cruz Santos RA-198626GLÓRIA DE DOURADOS-MS201...
A participação é usualmente associada à processos de democratização,mas também utilizada com um discurso mistificador em b...
O controle social é a integração da sociedade com a administraçãopública, com a finalidade de solucionar problemas e as de...
-CMAS (Conselho Municipal Assistência Social).-CMDCA (Conselho Municipal da Criança e Adolescente).-CMS (Conselho Municipa...
a composição dos conselhos previsto pela Constituição Federal 1988,prestadores de serviço público privados e filantrópicos...
O objetivo dos Conselhos Municipais é a participação popular na gestãopública para que haja um melhor atendimento à popula...
Esta concepção busca articular o processo participativo àexistência de organizações na sociedade.é entendida como ummovime...
Concebe o fortalecimento da sociedade civil em termos deintegração dos órgãos representativos aos órgãos deliberativos ead...
Portanto conclui que A participação nos conselhos Geraconvivência, estimula a manifestação do conflito, fruto dasdiferença...
ReferenciasBibliográficasGONH,Maria da GloriaConselhos gestores e participação sociopolítica /Mariada Gloria Gonh-4.ed. -S...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação mmmmmm

456 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
456
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação mmmmmm

  1. 1. UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERPCENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIAAna Cristina da Cruz Santos RA-198626GLÓRIA DE DOURADOS-MS2013Aluna
  2. 2. A participação é usualmente associada à processos de democratização,mas também utilizada com um discurso mistificador em busca de meraintegração de indivíduos isolados, resultando em políticas de controle social.E pode ser observado nas praticas cotidiana da sociedade civil nossindicatos,nos movimentos sociais , assim como nos discursos e políticaspublicas estatais com sentidos e significados completamente distintos.Participação:
  3. 3. O controle social é a integração da sociedade com a administraçãopública, com a finalidade de solucionar problemas e as deficiênciassociais com mais eficiência. É um instrumento democrático no qualhá a participação dos cidadãos no exercício do poder colocando avontade social como fator de avaliação para a criação e metas aserem alcançadas no âmbito de algumas políticas públicas.Controle social
  4. 4. -CMAS (Conselho Municipal Assistência Social).-CMDCA (Conselho Municipal da Criança e Adolescente).-CMS (Conselho Municipal da Saúde).-CMAE ( Conselho Municipal de Alimentação Escolar).Conselhos existentes no município
  5. 5. a composição dos conselhos previsto pela Constituição Federal 1988,prestadores de serviço público privados e filantrópicos e representantesdo governo.Embasado na lei 8.142 28 de dezembro de 1990, sendo paritária emrelação ao conjunto dos demais segmentos.Conselhos Municipais
  6. 6. O objetivo dos Conselhos Municipais é a participação popular na gestãopública para que haja um melhor atendimento à população. A proliferaçãodestes Conselhos representa um aspecto positivo ao criar oportunidades paraa participação da sociedade na gestão das Políticas Públicas. Eles são osmembros representantes de entidades e eles desenvolvem os planos deação, em relação com o controle social.Funções dos Conselhos Municipais
  7. 7. Esta concepção busca articular o processo participativo àexistência de organizações na sociedade.é entendida como ummovimento espontâneo dos indivíduos mas advém de uma razãode espírito e não da razão movida Por um interesse particular.Participação Corporativa:
  8. 8. Concebe o fortalecimento da sociedade civil em termos deintegração dos órgãos representativos aos órgãos deliberativos eadministrativos do Estado. pode ser entendida como umresultado do envolvimento das pessoas da comunidade.favorece o bem-estar individual, como membro ativo deuma sociedade civil., e isso repercute-se no seusentimento emocional face à comunidade.Participação Comunitária:
  9. 9. Portanto conclui que A participação nos conselhos Geraconvivência, estimula a manifestação do conflito, fruto dasdiferenças entre os pontos de vista de distintos grupos, camadas eclasses sociais, e representam a possibilidade de ampliação docontrole da sociedade sobre o Estado, e alerta para ademocratização das informações, e registra a demanda deigualdade de condições à participação para todos os membros dosconselhos.Considerações Finais:
  10. 10. ReferenciasBibliográficasGONH,Maria da GloriaConselhos gestores e participação sociopolítica /Mariada Gloria Gonh-4.ed. -São Paulo:Cortez, 2011.-Coleção questões da nossa época;v.32pt.wikipedia.org/wiki/Conselho_Municipalwww.ipea.gov.br/.../pdfsconselhos/...

×