SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 6
Baixar para ler offline
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
CURSO: Farmácia
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
Curso: Farmácia Semestre: 7º/8º
Objetivos da
Aprendizagem:
A produção textual é um procedimento metodológico de ensino
aprendizagem que tem por objetivos:
• Instigar os alunos, apoiados nas informações presentes
na BNCC sobre a área da linguagem como ferramenta
norteadora, para o planejamento de atividades
diferenciadas.
• Relacionar teoria e prática, a fim de proporcionar
embasamento para atuação em atividades
extracurriculares.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o
autoaprendizado.
• Favorecer a aprendizagem.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a
solução de problemas práticos relativos à profissão.
Prezados alunos,
Sejam bem-vindos a este semestre!
A proposta de Produção Textual Interdisciplinar em Grupo (PTG) terá como temática
“Diabetes Melito – uma abordagem farmacêutica”. Esta temática foi desenvolvida com intuito de
aliar os aspectos práticos da profissão com o conhecimento das respostas celulares e fisiológicas
diante dessa patologia.
Para tanto, apresentamos a seguir as orientações da atividade.
NORMAS PARA ELABORAÇÃO E ENTREGA DA PRODUÇÃO TEXTUAL
1. O trabalho será realizado em grupos, de 02 a 07 alunos, no máximo.
2. A formação dos grupos é de responsabilidade dos alunos; no entanto, solicitamos que sigam
as orientações do Tutor Presencial, responsável por cadastrar os grupos no sistema.
3. Importante: somente o líder do grupo conseguirá cadastrar o trabalho finalizado no sistema,
o que deverá ser feito na pasta específica (“atividades interdisciplinares”), obedecendo ao
prazo limite de postagem, conforme disposto no cronograma do curso. Não existe
prorrogação para a postagem da atividade.
4. O trabalho final deve conter, depois de pronto, capa e folha de rosto padrão da Universidade,
sendo organizado no que tange à sua apresentação visual (tipos e tamanhos de fontes,
alinhamento do texto, espaçamentos, adentramento de parágrafos, apresentação correta de
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
citações e referências, entre outros elementos importantes), conforme modelo disponível no
AVA.
5. A produção textual é um trabalho original e, portanto, não poderá haver trabalhos idênticos
aos de outros alunos ou com reprodução de materiais extraídos da internet. Os trabalhos
plagiados serão invalidados, sendo os alunos reprovados na atividade. Lembre-se de que a
prática do plágio constitui crime, com pena prevista em lei (Lei n.º 9.610), e deve ser evitada
no âmbito acadêmico.
6. Importante: O trabalho deve ser enviado em formato Word. Não serão aceitos, sob nenhuma
hipótese, trabalhos enviados em PDF.
A seguir, apresentamos a vocês alguns dos critérios avaliativos que nortearão a análise do
Tutor a Distância para atribuir o conceito à produção textual:
 Normalização correta do trabalho, em respeito às normas da ABNT, com atendimento ao
número de páginas solicitadas.
 Apresentação de estrutura condizente com a proposta apresentada com: introdução (1
lauda), desenvolvimento (2 a 3 laudas) e conclusão (1 lauda).
 Uso de linguagem acadêmica adequada, com clareza e correção, atendendo à norma
padrão.
 Atendimento à proposta, contemplando todos os itens solicitados, com objetividade,
criatividade, originalidade e autenticidade.
 Fundamentação teórica do trabalho, com as devidas referências dos autores
eventualmente citados.
SITUAÇÃO GERADORA DE APRENDIZAGEM
Paciente, sexo masculino, 63 anos, com história de diabete melito tipo II há 20 anos, procurou
uma Unidade Básica de Saúde relatando a presença de um ferimento de difícil cicatrização na região
do quarto e quinto metatarso do pé esquerdo. O paciente relatou que o ferimento tinha sido
provocado por um acidente com enxada enquanto roçava o terreno de sua casa. Segundo o paciente,
o ferimento foi tratado somente com água e gaze para limpar e uso de analgésico para atenuar a dor.
Como após 20 dias a ferida não cicatrizou, resolveu procurar atendimento médico. Paciente afirmou
que fazia uso irregular de metformina 500 mg, tendo suspendido a medicação por conta própria.
Ademais, afirmou ser tabagista há 40 anos. Ao exame físico, apresentava bom estado geral. Em
relação ao membro aferido, o paciente observou que inicialmente a lesão era superficial, tornando-
TEMOS A PRONTA ENTREGA
WhatsApp: (91) 98764-0830
E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
se mais profunda, extensa e com secreção. À inspeção, os pés apresentaram-se pálidos quando
elevados e cianóticos quando em declínio. A pele era fria à palpação, com exceção do pé esquerdo
que se apresentava com discreto edema, eritema e calor local, que se estendia até o terço distal da
perna. e pulsos pediosos e tibiais posteriores apresentavam-se diminuídos bilateralmente. No local
da lesão, visualizava-se uma úlcera com presença de manifestações inflamatórias (purulência,
eritema, dor e calor) e infecção limitada à pele ou tecido subcutâneo superficial, sem outras
complicações locais ou manifestações sistêmicas. Os exames laboratoriais mostraram glicemia de
jejum de 543 mg/dL, Hemoglobina glicada de 11%, VHS de 131 mm/h e o leucograma sem alterações.
Devido a presença de infecção foi ministrado ao paciente amoxicilina-ácido clavulânico 875/125 mg
(12/12 horas, via oral), por 3 semanas. Também foram indicados curativos locais diários com auxílio
do enfermeiro da equipe de saúde, uma vez que o idoso morava sozinho. Devido a um Programa
Municipal de Fitoterápicos, a cada curativo realizado, a limpeza da lesão era feita com chá de
calêndula embebida em gaze, com objetivo de melhorar a cicatrização da lesão. Somado a esses
cuidados, foi realizada orientação quanto a importância do controle de comorbidades para minimizar
a progressão da úlcera e evitar o aparecimento de novas lesões, como controle do diabetes e
cessação do tabagismo. O paciente foi orientado a retornar para realização de novos exames de
glicemia em jejum e hemoglobina glicada, sendo nova consulta agendada para avaliação dos exames
e da lesão.
Seguindo essas informações, analise o caso clínico relembrando muitos conceitos aprendidos
durante sua formação para assim desenvolver as tarefas propostas.
Baseado na situação geradora descrita acima produza um texto que aborde todos os tópicos
mencionados abaixo (desafios propostos)
Para isso, busque soluções para os problemas apresentados a seguir, mas, lembrem-se de
que TODOS os Desafios propostos devem ser respondidos fazendo articulações com a situação
geradora de aprendizagem apresentada e a respectiva teoria. Logo, é fundamental apresentar poder
argumentativo e boa fundamentação das justificativas.
DESAFIOS PROPOSTOS
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
Desafio 1
a) No Brasil, cerca de 15,7 milhões de adultos vivem com diabetes, um em cada dez adultos. Desses,
quase 32% não tem diagnóstico. E, o diabetes não detectado ou tratado de forma inadequada
pode levar a complicações graves e fatais, como doenças cardiovasculares, acidente vascular
encefálico, insuficiência renal, cegueira e amputação de membros inferiores, resultando em
redução da qualidade de vida e maiores custos com saúde. Na situação geradora de aprendizagem,
o paciente tem diabetes melito (DM) tipo II, apresentando como complicação o “pé diabético”.
Pensando na temática proposta, reflitam sobre a DM tipo II, discutindo sobre a sua fisiopatologia.
Aproveite para relacionar as causas do aparecimento do “pé diabético”.
b) Mudanças no estilo de vida, incluindo dieta e implementação de atividade física, é uma medida
bastante eficaz para a melhora no quadro de DM tipo II. Outro modo de prevenir o DM tipo II
incidente consiste no tratamento farmacológico de indivíduos com alto risco de desenvolver a
doença. Dentro desse panorama, comente sobre a classe terapêutica e efeitos farmacológicos da
metformina, um dos medicamentos utilizados no tratamento do DM tipo II.
Desafio 2
a) Aproximadamente 50% das amputações não-traumáticas em membros inferiores ocorrem entre
pessoas com diabetes e o risco de amputação é 15 vezes maior do que na população geral. Três anos
após amputação de um membro inferior, a porcentagem de sobrevida do indivíduo é de 50%,
enquanto, no prazo de cinco anos, a taxa de mortalidade permanece de 39% a 68%. Diante desses
dados, é evidente a importância de prevenir as complicações advindas da doença. O creme à base de
papaína vem sendo estudado como recurso curativo em todas as fases do processo de cicatrização
de feridas de diversas patologias crônicas, como o “pé diabético”. Discuta o uso da papaína no
processo de desbridamento de uma lesão e as concentrações aplicadas.
b) A papaína, proveniente do látex do mamoeiro (Carica papaya), apresenta enzimas proteolíticas e
peroxidases, degradando o tecido desvitalizado e necrosado que retardam a cicatrização. Apresente
meios de extração da papaína e os componentes presentes no látex do mamoeiro.
PRODUÇÃO TEXTUAL
INTERDISCIPLINAR
EM GRUPO - PTG
Desafio 3
Uma das complicações que o paciente com diabetes pode apresentar é a nefropatia diabética ou
doença renal diabética, uma síndrome caracterizada pela presença de quantidades patológicas de
excreção urinária de albumina, lesões glomerulares diabéticas e perda da taxa de filtração glomerular
(TFG) em diabéticos. Diante do tema apresentado, apresente os fatores de riscos para nefropatia
diabética, exames e achados laboratoriais importantes para o diagnóstico da doença renal crônica
causada pela diabetes.
Referências
ANDRADE-MAHECHA, M.M.; MORALES-RODRÍGUEZ, O.; MARTÍNEZ-CORREA, H.A. Estudo do
processo de extração de papaína a partir do látex do fruto de mamão (Carica papaya L.) cv. Maradol.
Acta Agronómica, v. 60, n. 3, p. 219-225, 2011.
BRASILEIRO FILHO, G. Bogliolo: patologia. 10. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2021.
FERREIRA, S.O.; CALDAS, N.M.; ROCHA, G.D.C.C. Utilização de papaína no tratamento de ferida e a
visita domiciliar como uma ferramenta para sistematização da assistência de enfermagem: relato de
experiência. Revista de Extensão e Cultura, v. 3, n.1, 2019.
HAMMER, J. D.; MCPHEE, S. J. Fisiopatologia da doença: uma introdução à medicina clínica. 7. ed.
Porto Alegre: AMGH, 2016.
KATZUNG, B. G.; TREVOR, A. J. Farmacologia básica e clínica. 13. Ed. Porto Alegre: AMGH, 2017.,
NORRIS, T. L. Porth: fisiopatologia. 10. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2021.
WELLS, B. et al. Manual de farmacoterapia. 9. ed. Porto Alegre: AMGH, 2016.
LIM, A.K. Diabetic nephropathy – complications and treatment. Int J Nephrol Renovasc Dis, v. 7, p.
361–381. 2014.
Lembre-se de que seu Tutor a Distância está à disposição para lhes atender em suas dúvidas
e, também, para repassar orientações sempre que vocês precisarem. Aproveite esta oportunidade
para realizar um trabalho com a qualidade acadêmica de nível universitário.
Bom trabalho a todos!
Equipe de professores

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Farmácia - Diabetes Melito – uma abordagem farmacêutica.pdf

A gastrite farmácia semestre 3º e 4º
A gastrite   farmácia semestre 3º  e 4ºA gastrite   farmácia semestre 3º  e 4º
A gastrite farmácia semestre 3º e 4ºHELENO FAVACHO
 
Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...
Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...
Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...HELENO FAVACHO
 
Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...
Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...
Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...BeltonWillianTorre
 
Revista julho vfinal
Revista julho vfinalRevista julho vfinal
Revista julho vfinalPaula Augusta
 
Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...
Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...
Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...HELENO FAVACHO
 
REVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUAL
REVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUALREVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUAL
REVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUALAndréa Dantas
 
Bio medicina 2 e 3
Bio medicina 2 e 3Bio medicina 2 e 3
Bio medicina 2 e 3Arleno
 
Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5Arleno
 
PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...
PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...
PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...Elaine Cecília Gatto
 
Lp vol 5_9_ano-min
Lp vol 5_9_ano-minLp vol 5_9_ano-min
Lp vol 5_9_ano-minJoelma Lima
 

Semelhante a Farmácia - Diabetes Melito – uma abordagem farmacêutica.pdf (11)

A gastrite farmácia semestre 3º e 4º
A gastrite   farmácia semestre 3º  e 4ºA gastrite   farmácia semestre 3º  e 4º
A gastrite farmácia semestre 3º e 4º
 
Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...
Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...
Biomedicina - Doenças Parasitárias e infectocontagiosas diagnóstico laborator...
 
Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...
Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...
Avaliação da assistência de enfermagem a pacientes acometidos com cancro da p...
 
Revista julho vfinal
Revista julho vfinalRevista julho vfinal
Revista julho vfinal
 
Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...
Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...
Biomedicina - Infecções sexualmente transmissíveis diagnóstico laboratorial e...
 
REVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUAL
REVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUALREVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUAL
REVISTA INDERME- ENFERMAGEM ATUAL
 
Bio medicina 2 e 3
Bio medicina 2 e 3Bio medicina 2 e 3
Bio medicina 2 e 3
 
ENFERMAGEM 7.pdf
ENFERMAGEM 7.pdfENFERMAGEM 7.pdf
ENFERMAGEM 7.pdf
 
Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5Enfermagem 4 e 5
Enfermagem 4 e 5
 
PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...
PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...
PROJETO DIABETES: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DO CURS...
 
Lp vol 5_9_ano-min
Lp vol 5_9_ano-minLp vol 5_9_ano-min
Lp vol 5_9_ano-min
 

Mais de HELENO FAVACHO

Projeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docx
Projeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docxProjeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docx
Projeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docxHELENO FAVACHO
 
Matemática - Formação Continuada.docx
Matemática - Formação Continuada.docxMatemática - Formação Continuada.docx
Matemática - Formação Continuada.docxHELENO FAVACHO
 
Engenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docx
Engenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docxEngenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docx
Engenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docxHELENO FAVACHO
 
Estágio Educação Física Bachareado.docx
Estágio Educação Física Bachareado.docxEstágio Educação Física Bachareado.docx
Estágio Educação Física Bachareado.docxHELENO FAVACHO
 
ESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docx
ESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docxESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docx
ESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docxHELENO FAVACHO
 
Plano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docxPlano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docxHELENO FAVACHO
 
Plano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docxPlano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docxHELENO FAVACHO
 
Gestão de Cooperativas - ELO SOJA.docx
Gestão de Cooperativas - ELO SOJA.docxGestão de Cooperativas - ELO SOJA.docx
Gestão de Cooperativas - ELO SOJA.docxHELENO FAVACHO
 
PTI - PILHA em Python.docx
PTI - PILHA em Python.docxPTI - PILHA em Python.docx
PTI - PILHA em Python.docxHELENO FAVACHO
 
Físioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docx
Físioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docxFísioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docx
Físioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docxHELENO FAVACHO
 
PTI - funções básicas de um computador.docx
PTI - funções básicas de um computador.docxPTI - funções básicas de um computador.docx
PTI - funções básicas de um computador.docxHELENO FAVACHO
 
PTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docx
PTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docxPTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docx
PTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docxHELENO FAVACHO
 
Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...
Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...
Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...HELENO FAVACHO
 
Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...
Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...
Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...HELENO FAVACHO
 
PTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docx
PTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docxPTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docx
PTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docxHELENO FAVACHO
 
Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...
Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...
Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...HELENO FAVACHO
 
Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...
Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...
Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...HELENO FAVACHO
 
Agronomia - os sistemas agroflorestais.docx
Agronomia - os sistemas agroflorestais.docxAgronomia - os sistemas agroflorestais.docx
Agronomia - os sistemas agroflorestais.docxHELENO FAVACHO
 
PTI - gestão de risco associada a negócios.docx
PTI - gestão de risco associada a negócios.docxPTI - gestão de risco associada a negócios.docx
PTI - gestão de risco associada a negócios.docxHELENO FAVACHO
 
Projeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docx
Projeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docxProjeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docx
Projeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docxHELENO FAVACHO
 

Mais de HELENO FAVACHO (20)

Projeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docx
Projeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docxProjeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docx
Projeto Integrado MARKETING II - oceano azul.docx
 
Matemática - Formação Continuada.docx
Matemática - Formação Continuada.docxMatemática - Formação Continuada.docx
Matemática - Formação Continuada.docx
 
Engenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docx
Engenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docxEngenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docx
Engenharia Elétrica - desenvolvimento de uma fonte sem transformador.docx
 
Estágio Educação Física Bachareado.docx
Estágio Educação Física Bachareado.docxEstágio Educação Física Bachareado.docx
Estágio Educação Física Bachareado.docx
 
ESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docx
ESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docxESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docx
ESTÁGIO CURSOS DE LICENCIATURA.docx
 
Plano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docxPlano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docx
 
Plano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docxPlano Estágio 2022.docx
Plano Estágio 2022.docx
 
Gestão de Cooperativas - ELO SOJA.docx
Gestão de Cooperativas - ELO SOJA.docxGestão de Cooperativas - ELO SOJA.docx
Gestão de Cooperativas - ELO SOJA.docx
 
PTI - PILHA em Python.docx
PTI - PILHA em Python.docxPTI - PILHA em Python.docx
PTI - PILHA em Python.docx
 
Físioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docx
Físioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docxFísioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docx
Físioterapia Politraumatismo e a atuação fisioterapêutica.docx
 
PTI - funções básicas de um computador.docx
PTI - funções básicas de um computador.docxPTI - funções básicas de um computador.docx
PTI - funções básicas de um computador.docx
 
PTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docx
PTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docxPTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docx
PTI Engenharia de Software – Bacharelado Semestre 3.docx
 
Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...
Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...
Serviço Social - Estado Gerencial e o Serviço Social entre as políticas de pr...
 
Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...
Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...
Educação Física - O conhecimento a cerca da intervenção profissional em educa...
 
PTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docx
PTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docxPTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docx
PTI Crianças e adolescentes e as Políticas Públicas.docx
 
Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...
Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...
Coaching e Desenvolvimento Humano -Pandemia faz mulheres repensarem carreira,...
 
Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...
Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...
Investigação e Perícia Crimes Cibernéticos implicações e procedimentos de inv...
 
Agronomia - os sistemas agroflorestais.docx
Agronomia - os sistemas agroflorestais.docxAgronomia - os sistemas agroflorestais.docx
Agronomia - os sistemas agroflorestais.docx
 
PTI - gestão de risco associada a negócios.docx
PTI - gestão de risco associada a negócios.docxPTI - gestão de risco associada a negócios.docx
PTI - gestão de risco associada a negócios.docx
 
Projeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docx
Projeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docxProjeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docx
Projeto Integrado proposta do desenvolvimento de software baseado em CICD.docx
 

Farmácia - Diabetes Melito – uma abordagem farmacêutica.pdf

  • 1. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG CURSO: Farmácia PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
  • 2. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG Curso: Farmácia Semestre: 7º/8º Objetivos da Aprendizagem: A produção textual é um procedimento metodológico de ensino aprendizagem que tem por objetivos: • Instigar os alunos, apoiados nas informações presentes na BNCC sobre a área da linguagem como ferramenta norteadora, para o planejamento de atividades diferenciadas. • Relacionar teoria e prática, a fim de proporcionar embasamento para atuação em atividades extracurriculares. • Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado. • Favorecer a aprendizagem. • Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas práticos relativos à profissão. Prezados alunos, Sejam bem-vindos a este semestre! A proposta de Produção Textual Interdisciplinar em Grupo (PTG) terá como temática “Diabetes Melito – uma abordagem farmacêutica”. Esta temática foi desenvolvida com intuito de aliar os aspectos práticos da profissão com o conhecimento das respostas celulares e fisiológicas diante dessa patologia. Para tanto, apresentamos a seguir as orientações da atividade. NORMAS PARA ELABORAÇÃO E ENTREGA DA PRODUÇÃO TEXTUAL 1. O trabalho será realizado em grupos, de 02 a 07 alunos, no máximo. 2. A formação dos grupos é de responsabilidade dos alunos; no entanto, solicitamos que sigam as orientações do Tutor Presencial, responsável por cadastrar os grupos no sistema. 3. Importante: somente o líder do grupo conseguirá cadastrar o trabalho finalizado no sistema, o que deverá ser feito na pasta específica (“atividades interdisciplinares”), obedecendo ao prazo limite de postagem, conforme disposto no cronograma do curso. Não existe prorrogação para a postagem da atividade. 4. O trabalho final deve conter, depois de pronto, capa e folha de rosto padrão da Universidade, sendo organizado no que tange à sua apresentação visual (tipos e tamanhos de fontes, alinhamento do texto, espaçamentos, adentramento de parágrafos, apresentação correta de TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
  • 3. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG citações e referências, entre outros elementos importantes), conforme modelo disponível no AVA. 5. A produção textual é um trabalho original e, portanto, não poderá haver trabalhos idênticos aos de outros alunos ou com reprodução de materiais extraídos da internet. Os trabalhos plagiados serão invalidados, sendo os alunos reprovados na atividade. Lembre-se de que a prática do plágio constitui crime, com pena prevista em lei (Lei n.º 9.610), e deve ser evitada no âmbito acadêmico. 6. Importante: O trabalho deve ser enviado em formato Word. Não serão aceitos, sob nenhuma hipótese, trabalhos enviados em PDF. A seguir, apresentamos a vocês alguns dos critérios avaliativos que nortearão a análise do Tutor a Distância para atribuir o conceito à produção textual:  Normalização correta do trabalho, em respeito às normas da ABNT, com atendimento ao número de páginas solicitadas.  Apresentação de estrutura condizente com a proposta apresentada com: introdução (1 lauda), desenvolvimento (2 a 3 laudas) e conclusão (1 lauda).  Uso de linguagem acadêmica adequada, com clareza e correção, atendendo à norma padrão.  Atendimento à proposta, contemplando todos os itens solicitados, com objetividade, criatividade, originalidade e autenticidade.  Fundamentação teórica do trabalho, com as devidas referências dos autores eventualmente citados. SITUAÇÃO GERADORA DE APRENDIZAGEM Paciente, sexo masculino, 63 anos, com história de diabete melito tipo II há 20 anos, procurou uma Unidade Básica de Saúde relatando a presença de um ferimento de difícil cicatrização na região do quarto e quinto metatarso do pé esquerdo. O paciente relatou que o ferimento tinha sido provocado por um acidente com enxada enquanto roçava o terreno de sua casa. Segundo o paciente, o ferimento foi tratado somente com água e gaze para limpar e uso de analgésico para atenuar a dor. Como após 20 dias a ferida não cicatrizou, resolveu procurar atendimento médico. Paciente afirmou que fazia uso irregular de metformina 500 mg, tendo suspendido a medicação por conta própria. Ademais, afirmou ser tabagista há 40 anos. Ao exame físico, apresentava bom estado geral. Em relação ao membro aferido, o paciente observou que inicialmente a lesão era superficial, tornando- TEMOS A PRONTA ENTREGA WhatsApp: (91) 98764-0830 E-mail:direcionamentouniversitario@gmail.com
  • 4. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG se mais profunda, extensa e com secreção. À inspeção, os pés apresentaram-se pálidos quando elevados e cianóticos quando em declínio. A pele era fria à palpação, com exceção do pé esquerdo que se apresentava com discreto edema, eritema e calor local, que se estendia até o terço distal da perna. e pulsos pediosos e tibiais posteriores apresentavam-se diminuídos bilateralmente. No local da lesão, visualizava-se uma úlcera com presença de manifestações inflamatórias (purulência, eritema, dor e calor) e infecção limitada à pele ou tecido subcutâneo superficial, sem outras complicações locais ou manifestações sistêmicas. Os exames laboratoriais mostraram glicemia de jejum de 543 mg/dL, Hemoglobina glicada de 11%, VHS de 131 mm/h e o leucograma sem alterações. Devido a presença de infecção foi ministrado ao paciente amoxicilina-ácido clavulânico 875/125 mg (12/12 horas, via oral), por 3 semanas. Também foram indicados curativos locais diários com auxílio do enfermeiro da equipe de saúde, uma vez que o idoso morava sozinho. Devido a um Programa Municipal de Fitoterápicos, a cada curativo realizado, a limpeza da lesão era feita com chá de calêndula embebida em gaze, com objetivo de melhorar a cicatrização da lesão. Somado a esses cuidados, foi realizada orientação quanto a importância do controle de comorbidades para minimizar a progressão da úlcera e evitar o aparecimento de novas lesões, como controle do diabetes e cessação do tabagismo. O paciente foi orientado a retornar para realização de novos exames de glicemia em jejum e hemoglobina glicada, sendo nova consulta agendada para avaliação dos exames e da lesão. Seguindo essas informações, analise o caso clínico relembrando muitos conceitos aprendidos durante sua formação para assim desenvolver as tarefas propostas. Baseado na situação geradora descrita acima produza um texto que aborde todos os tópicos mencionados abaixo (desafios propostos) Para isso, busque soluções para os problemas apresentados a seguir, mas, lembrem-se de que TODOS os Desafios propostos devem ser respondidos fazendo articulações com a situação geradora de aprendizagem apresentada e a respectiva teoria. Logo, é fundamental apresentar poder argumentativo e boa fundamentação das justificativas. DESAFIOS PROPOSTOS
  • 5. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG Desafio 1 a) No Brasil, cerca de 15,7 milhões de adultos vivem com diabetes, um em cada dez adultos. Desses, quase 32% não tem diagnóstico. E, o diabetes não detectado ou tratado de forma inadequada pode levar a complicações graves e fatais, como doenças cardiovasculares, acidente vascular encefálico, insuficiência renal, cegueira e amputação de membros inferiores, resultando em redução da qualidade de vida e maiores custos com saúde. Na situação geradora de aprendizagem, o paciente tem diabetes melito (DM) tipo II, apresentando como complicação o “pé diabético”. Pensando na temática proposta, reflitam sobre a DM tipo II, discutindo sobre a sua fisiopatologia. Aproveite para relacionar as causas do aparecimento do “pé diabético”. b) Mudanças no estilo de vida, incluindo dieta e implementação de atividade física, é uma medida bastante eficaz para a melhora no quadro de DM tipo II. Outro modo de prevenir o DM tipo II incidente consiste no tratamento farmacológico de indivíduos com alto risco de desenvolver a doença. Dentro desse panorama, comente sobre a classe terapêutica e efeitos farmacológicos da metformina, um dos medicamentos utilizados no tratamento do DM tipo II. Desafio 2 a) Aproximadamente 50% das amputações não-traumáticas em membros inferiores ocorrem entre pessoas com diabetes e o risco de amputação é 15 vezes maior do que na população geral. Três anos após amputação de um membro inferior, a porcentagem de sobrevida do indivíduo é de 50%, enquanto, no prazo de cinco anos, a taxa de mortalidade permanece de 39% a 68%. Diante desses dados, é evidente a importância de prevenir as complicações advindas da doença. O creme à base de papaína vem sendo estudado como recurso curativo em todas as fases do processo de cicatrização de feridas de diversas patologias crônicas, como o “pé diabético”. Discuta o uso da papaína no processo de desbridamento de uma lesão e as concentrações aplicadas. b) A papaína, proveniente do látex do mamoeiro (Carica papaya), apresenta enzimas proteolíticas e peroxidases, degradando o tecido desvitalizado e necrosado que retardam a cicatrização. Apresente meios de extração da papaína e os componentes presentes no látex do mamoeiro.
  • 6. PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR EM GRUPO - PTG Desafio 3 Uma das complicações que o paciente com diabetes pode apresentar é a nefropatia diabética ou doença renal diabética, uma síndrome caracterizada pela presença de quantidades patológicas de excreção urinária de albumina, lesões glomerulares diabéticas e perda da taxa de filtração glomerular (TFG) em diabéticos. Diante do tema apresentado, apresente os fatores de riscos para nefropatia diabética, exames e achados laboratoriais importantes para o diagnóstico da doença renal crônica causada pela diabetes. Referências ANDRADE-MAHECHA, M.M.; MORALES-RODRÍGUEZ, O.; MARTÍNEZ-CORREA, H.A. Estudo do processo de extração de papaína a partir do látex do fruto de mamão (Carica papaya L.) cv. Maradol. Acta Agronómica, v. 60, n. 3, p. 219-225, 2011. BRASILEIRO FILHO, G. Bogliolo: patologia. 10. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2021. FERREIRA, S.O.; CALDAS, N.M.; ROCHA, G.D.C.C. Utilização de papaína no tratamento de ferida e a visita domiciliar como uma ferramenta para sistematização da assistência de enfermagem: relato de experiência. Revista de Extensão e Cultura, v. 3, n.1, 2019. HAMMER, J. D.; MCPHEE, S. J. Fisiopatologia da doença: uma introdução à medicina clínica. 7. ed. Porto Alegre: AMGH, 2016. KATZUNG, B. G.; TREVOR, A. J. Farmacologia básica e clínica. 13. Ed. Porto Alegre: AMGH, 2017., NORRIS, T. L. Porth: fisiopatologia. 10. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2021. WELLS, B. et al. Manual de farmacoterapia. 9. ed. Porto Alegre: AMGH, 2016. LIM, A.K. Diabetic nephropathy – complications and treatment. Int J Nephrol Renovasc Dis, v. 7, p. 361–381. 2014. Lembre-se de que seu Tutor a Distância está à disposição para lhes atender em suas dúvidas e, também, para repassar orientações sempre que vocês precisarem. Aproveite esta oportunidade para realizar um trabalho com a qualidade acadêmica de nível universitário. Bom trabalho a todos! Equipe de professores