CEMICentro de Ensino Médio Integrado a Educação Profissional     Projeto Documentautismo    FREDERICO TALES BEZERRA MATOS ...
FREDERICO TALES BEZERRA MATOS DE ALENCAR      Projeto Documentautismo           Trabalho apresentado à disciplina de Proje...
FREDERICO TALES BEZERRA MATOS DE ALENCAR                                      Projeto DocumentautismoMonografia apresentad...
RESUMO:           Uma curta animação em forma de propaganda que visa mostrar algumas das principaiscaracterísticas relacio...
ABSTRACT:        A short animation in the form of advertising that aims to show some of the maincharacteristics related to...
Sumário1.     INTRODUÇÃO ....................................................................................................
1. INTRODUÇÃO       O autismo é uma transtorno global do desenvolvimento, esta alteração afeta ocomportamento e a socializ...
1.1 OBJETIVOS OBJETIVO GERAL        Conscientizar as pessoas quanto ao autismo, desde o preconceito, sofrimento até os seu...
promover eventos virtuais contra preconceito ou protestando a favor ou contra algum bem maior em questão. E a produção des...
2. REVISÃO BILBIOGRÁFICA       O autismo é um transtorno global do desenvolvimento (TGD) ou seja, alteracaracterísticas co...
O tratamento do autista pode variar bastante, já que o autismo pode ser grave ou não, ecada indivíduo tem um comportamento...
Como     o   autismo   está   diretamente   relacionado   a   integridades   morais   ecomportamentais, apenas o processo ...
3.2 ANÁLISE DA PESQUISA       A pesquisa deu-me a liberdade de entender melhor qual o nível de conhecimento deum público g...
Esta pesquisa tem o objetivo de medir o nível de conhecimento das pessoasentrevistadas em relação ao autismo, trazendo con...
“É muito complicado encontrar alguma pessoa que possua este transtorno em qualquerlugar, acho que os responsáveis por essa...
“Não são aquelas pessoas super-dotadas? Eu vi isso em uma reportagem da Globo”Responde um dos entrevistados.4 CONCLUSÃO   ...
publicidade, algo que pode ser viável no Brasil, já que o assunto está sendo bastante discutidoe esse é o ano do autismo n...
5 BIBLIOGRAFIA:JCSANTIAGO (Autismo – Causas e tratamento) - http://www.jcsantiago.info/autismo.html(Acessado dia: 02/04/11...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto documentautismo

776 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
776
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto documentautismo

  1. 1. CEMICentro de Ensino Médio Integrado a Educação Profissional Projeto Documentautismo FREDERICO TALES BEZERRA MATOS DE ALENCAR BRASÍLIA – DF 2011
  2. 2. FREDERICO TALES BEZERRA MATOS DE ALENCAR Projeto Documentautismo Trabalho apresentado à disciplina de Projeto – EXPOCEMI, orientado pelo professor Especialista ARIOMAR DA LUZ NOGUEIRA FILHO, para obtenção da nota no curso de Técnico em Informática, do Centro de Ensino Médio Integrado a Educação Profissional (CEMI). BRASÍLIA – DF 2011 TERMO DE APROVAÇÃO
  3. 3. FREDERICO TALES BEZERRA MATOS DE ALENCAR Projeto DocumentautismoMonografia apresentada como requisito parcial para aprovação da disciplina de Projeto – EXPOCEMI.Vinculado ao Centro de Ensino Médio Integrado a Educação Profissional, pela seguinte banca examinadoraAprovada em: Banca Examinadora: ___________________________________ Ariomar da Luz Nogueira Filho CEMI – SEDF ___________________________________ Luis Claudio Sales CEMI – SEDF
  4. 4. RESUMO: Uma curta animação em forma de propaganda que visa mostrar algumas das principaiscaracterísticas relacionadas ao autismo. Aqui o objetivo é conscientizar as pessoas de queexiste uma solução para este e outros problemas similares, já que a maioria das pessoas quetem TGD sofrem com preconceitos e discriminação, além da falta de leis que apoiam oautista. O espectador saberá algumas das características comportamentais de uma criançaautista, e que todas essas características, ou ainda sintomas devem ser levados emconsideração com bastante cuidado para o tratamento de quem carrega a síndrome, e que pormais que esses sintomas afetem sua capacidade cognitiva, interpessoal etc, o autista devereceber muita atenção e carinho para o progresso evolutivo de uma possível melhora para coma sociedade e para com si mesmo.Palavras-chave: Autismo, Transtorno Global do Desenvolvimento, Educação
  5. 5. ABSTRACT: A short animation in the form of advertising that aims to show some of the maincharacteristics related to autism. Here the goal is to make people aware that there a solution tothis and other similar problems, since most people who have PDD (pervasive developmentaldisorder) suffer from prejudice and discrimination, and lack of laws supporting autistic. The viewer will know some of the behavioral characteristics of an autistic child, andthat all these characteristics, or symptoms should be considered quite care for the treatment ofthose who carry the syndrome, and that even though these symptoms affect cognitive ability,interpersonal, etc., autism should receive much attention and affection for evolutionaryprogress of a possible improvement to society and to himself.Keywords: Autism, Pervasive Developmental Disorder, Education
  6. 6. Sumário1. INTRODUÇÃO ................................................................................................................ 7 1.1 OBJETIVOS............................................................................................................... 8 OBJETIVO GERAL ........................................................................................................ 8 OBJETIVOS ESPECÍFICOS .......................................................................................... 8 1.2 PROBLEMA E MOTIVAÇÃO ................................................................................ 8 1.3 ESTRUTURA DO PROJETO .................................................................................. 92. REVISÃO BILBIOGRÁFICA ...................................................................................... 103. CARACTERÍSTICAS DAS PESQUISAS ................................................................... 12 3.1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS .............................................................................. 12 3.2 ANÁLISE DA PESQUISA ...................................................................................... 13 APLICAÇÃO DOS QUETIONÁRIOS DE PESQUISA ............................................. 13 CARACTERÍSTICA DOS ENTREVISTADOS ......................................................... 13 RESULTADOS DA PESQUISA ................................................................................... 134 CONCLUSÃO................................................................................................................. 165 BIBLIOGRAFIA: ........................................................................................................... 18
  7. 7. 1. INTRODUÇÃO O autismo é uma transtorno global do desenvolvimento, esta alteração afeta ocomportamento e a socialização do indivíduo, características estas que podem variar depessoa para pessoa, pois a criança autista tem seu diagnóstico dado dentro de um espectroautístico que envolvem características que o difere de outros autistas, resultandoconsequentemente em uma forma de tratamento diferenciada, e por isso a criança autista devereceber diversos e cuidados acompanhamentos. O autismo foi descrito pela primeira vez em 1943 pelo médico austríaco Leo Kannerem um dos seus artigos para a revista Nervous Child. A palavra autismo foi primeiro utilizadapara descrever um sintoma da esquizofrenia, caracterizada pela “fuga da realidade”, eacreditava-se que a causa do autismo era a indiferença da mãe para com a criança. Hoje essateoria não é mais aceita, e acredita-se que o autismo é dado por causas genéticas e ambientais,porém nenhuma dessas causas ainda são comprovadas com total autenticidade. A criança autista prefere estar só, não mantendo relações interpessoais ou íntimas,costuma ser excessivamente presa a objetos pessoais e mantém-se durante bastante tempoexercendo certos atos rotineiros no seu dia-a-dia. Estes sintomas podem ser identificados coma perda do contato emocional, isolamento e agressividade, de forma a ser observada emsessões de atendimentos clínico, pois é muito difícil diagnosticar uma criança autista, já queesta não apresenta nenhum comprometimento físico. Por outro lado, o autista é mais propíciaa ser autodidata em assuntos complexos e lógicos (como engenharia, computação etc), já queo fato de ele não manter relações interpessoais faz com que sua atenção pessoal fique voltadapara seus interesses muitas vezes acadêmicos. O tratamento do autismo varia bastante, já que a gravidade varia de pessoa parapessoa, e as causas produzem individuais diferenças significativas ao indivíduo. Até omomento o autismo é um transtorno sem cura, porém intervenções apropriadas a cadaindivíduo pode mudar o comportamento e percepção do mesmo, de modo a ser imperceptívelpara uma pessoa que não tenha acompanhado o seu tratamento. Características singulares dedeterminado indivíduo influenciam no seu tratamento, portanto existem vários tratamentos, eque na maioria das vezes exigem uma equipe multidisciplinar para acompanhamento médico,sendo esses da área de pediatria, neurologia, psiquiatria e odontologia, e também deacompanhamentos não médicos, nas áreas psicologia, fonoaudiologia, pedagogia, terapiaocupacional, fisioterapia e orientação familiar.
  8. 8. 1.1 OBJETIVOS OBJETIVO GERAL Conscientizar as pessoas quanto ao autismo, desde o preconceito, sofrimento até os seus deveres como cidadãos e portadores desse transtorno. OBJETIVOS ESPECÍFICOS Produzir um curta animado para levar mais conhecimento a população quanto aos Transtornos Globais do Desenvolvimento, onde o autismo está inserido; Divulgar o projeto após concluído a fim de buscar os direitos do autista na sociedade; Através da Internet, mostrar para o público em massa o que é o Transtorno Global do Desenvolvimento e o que é o autismo.1.2 PROBLEMA E MOTIVAÇÃO O Brasil sempre foi um país com bastante diferenças culturais, povos mestiços etc, mas mesmo com todas essas diferenças facilmente visíveis, grande parte do povo não respeita algumas dessas diferenças, seja preconceito contra deficientes físicos, homessexuais, deficientes mentais, ou portadores de transtornos, que no caso do foco deste projeto, o autismo. Um dos maiores problemas que o autista enfrenta na sociedade é o preconceito, ou talvez a falta de conhecimento das pessoas quanto as suas características. Pois é comum que haja uma criança autista em algum meio e que esta seja julgada apenas como uma criança mal educada por alguém que não conhece o transtorno, causando frustração para todos que sabem do que se trata. É visível que a nossa sociedade passa por constantes transformações culturais, sociais, políticas, econômicas. E muitas dessas transformações estão se dando por causa da internet, a internet têm influenciado as pessoas em formação de opinião, tem influenciado as pessoas a
  9. 9. promover eventos virtuais contra preconceito ou protestando a favor ou contra algum bem maior em questão. E a produção deste projeto em conjunto com o seu produto, a animação, vão ser disponibilizados na internet com o propósito de divulgação e conscientização de todos aqueles que tiverem acesso ao projeto e a animação.1.3 ESTRUTURA DO PROJETO O trabalho está dividido nos seguintes capítulos: Introdução, Revisão Bibliográfica, Testes e Resultados, Conclusão e Considerações Finais. A Revisão Bibliográfica trata dos aspectos educacionais e da justificativa para a utilização da publicação de todo material deste projeto na internet como ferramenta de conscientização. Em Testes e Resultados são apresentados os saldos dos testes realizados. No capítulo de Conclusões são apresentadas as conclusões finais e as possibilidades de desenvolvimento de trabalhos de continuação deste projeto.
  10. 10. 2. REVISÃO BILBIOGRÁFICA O autismo é um transtorno global do desenvolvimento (TGD) ou seja, alteracaracterísticas comportamentais, sociais e temperamentais do indivíduo, algumas crianças,apesar de autistas apresentam características cognitivas, fala e inteligência intactas, outrasapresentam retardamento, mutismo e dificuldades no desenvolvimento da linguagem eaprendizado, isso por causa do espectro autístico em que a criança está inserida, pois é esteespectro que vai informar quais os comportamentos da criança podem ter sofrido algumaalteração, e até mesmo qual o tipo de tratamento e acompanhamento que esta criança vaiprecisar. E é por estes fatores que existem autistas que se dão bem com a sociedade, mas poroutro lado existem autistas que não conseguem se relacionar nem com quem é mais próximo,como o pai ou a mãe. Este transtorno é caracterizado pelo fechamento do indivíduo com o mundo,comportamentos restritos a determinadas situações. O autista muitas vezes não sabediferenciar a utilidade de um objeto ou outro, pois para ele são todos apenas objetos, portanto,pode não haver abstração no aprendizado, o autista não usa metáforas. Seu comportamento éconstituído por atos repetitivos e rotineiros, detestam mudanças ambientais e são apegados aum contexto inanimado, sem afeto. É conhecido por ser um problema de isolamento pessoal, a criança ou adulto portadordesta síndrome centra-se em si mesmo e na sua imaginação. É universalmente conhecido oproblema que os autistas tem em expressar emoções, muito embora eles não consigamexpressar, não quer dizer que eles não sentem ou se afetam com o meio ou pessoas, e éexatamente por isso que é de suma importância a presença da família e sociedade em geral nasua vida. As causas do autismo ainda atingem um nível de desconhecimento pela ciência, porémexistem muitas hipóteses quanto a este aspecto. Uma das teorias mais aceitas é que o autismoé causado pela genética associada ao meio, e se desenvolve já no período da gestação da mãedo indivíduo. Com base nos estudos atuais quanto ao autismo, já se pode diagnosticar uma criançaaté mesmo com menos de um ano de idade, e quanto mais cedo for feito o diagnóstico, maisresultados positivos podem ser esperados do acompanhamento médico e psicológico feitos, jáque o transtorno não tem cura. Uma criança pode ser diagnosticada em clínicas especializadasa partir de observação comportamental, de quando a criança se isola, tem a perda do contatointerpessoal, tem características de repetir atos rotineiros e até mesmo a agressividade.
  11. 11. O tratamento do autista pode variar bastante, já que o autismo pode ser grave ou não, ecada indivíduo tem um comportamento diferente, e é com base nestes comportamentos que édado o tratamento médico e não médico. É aconselhável que exista uma equipe médicaconstituída de profissionais na área pediatria, neurologia, psiquiatria e odontologia, este quevão atuar e agir com tratamentos diferentes que se complementarão para o bom resultado, e énecessário também de profissionais nas áreas de psicologia, fonoaudiologia, pedagogia,terapia ocupacional, fisioterapia. É de suma importância que a família esteja sempreacompanhando o tratamento da criança e dê o máximo de apoio possível, pois mesmo queseja difícil do autista retribuir com emoções, este é ainda é um dependente de pessoas de suaconfiança e precisa de apoio moral e emocional. Dados os situados problemas que um autista enfrenta na sociedade, ele sofre bastantepreconceito no meio em que vive, às vezes não tem comprometimento nem apoio da família,os direitos que o autista tem na sociedade são escassos e uma série de problemas surgequando se abre uma discussão sobre o assunto. Por isso o desenvolvimento deste projeto éimportante, pois visa mostrar através de pesquisas e de uma animação os problemas que oautista sofre e tem sofrido na atualidade. (Imagem da animação que foi desenvolvida para o projeto)
  12. 12. Como o autismo está diretamente relacionado a integridades morais ecomportamentais, apenas o processo de aquisição de conhecimento quanto ao assunto econscientização das pessoas que a sociedade pode progredir culturalmente quanto a aspectosque envolvam o preconceito e a ignorância. De fato o problema inicial que o autista apresentana sociedade é a discriminação, que muitas vezes se inicia na escola, outro problema é a faltade importância que o estado e a sociedade dá para o autista e para quem possui outrostranstornos globais do desenvolvimento em geral. E é justamente este processo deconscientização e aquisição de conhecimento que a animação produzida visa mostrar a quemassisti-la, pois será fixado que quem precisa mudar de comportamento não é quem tem otranstorno e sofre com isso, e sim a sociedade que os julgam. 3. CARACTERÍSTICAS DAS PESQUISAS 3.1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS Foi desenvolvida uma animação de curta duração em formato de propaganda/anúncioque mostra o que é o autismo e quais as suas características, animação esta que se chamaProjeto Documentautismo, o mesmo nome deste projeto. A animação foi feita com recursosde computação gráfica em três dimensões (3D), e o conteúdo inserido nesta animação foiretirado de pesquisas feitas para este projeto, e de fontes eletrônicas que se encontram nabibliografia deste projeto. Foi realizada também uma pesquisa com abordagem quantitativa e qualitativa decaráter empírico que conta com a participação dos entrevistados por um período de tempo nasescolas, dentro de casa e até mesmo nas ruas, todos estes lugares situados na cidade salétiteGama alocada no Distrito Federal. Através de simples observações, foram sondadas informações referentes ao que éautismo, o que é transtorno global do desenvolvimento, características de um autista,discriminação, e conhecimentos sobre o assunto. Utilizou-se como instrumento de pesquisa,questionários com perguntas estruturadas e semi-estruturadas aplicado a pessoas com idadeentre 12 e 50 anos, com níveis de escolaridade do Ensino Fudamental Incompleto ao EnsinoSuperior Completo, a fim de coletar dados a respeito do conhecimento das pessoas quanto aoautismo no Brasil, e consequentemente direcionar o foco desta pesquisa.
  13. 13. 3.2 ANÁLISE DA PESQUISA A pesquisa deu-me a liberdade de entender melhor qual o nível de conhecimento deum público geral para com assuntos relacionados a síndromes e transtornos em geral, fazendocom que eu saiba qual o fator menos conhecido, quais os mitos, e quais as verdades que essaspessoas tem em mente quanto ao assunto. Um pouco menos da metade dos entrevistados nãosabiam por exemplo, o que é autismo. APLICAÇÃO DOS QUETIONÁRIOS DE PESQUISA Os locais onde foi aplicado o instrumento de pesquisa foram variados, passando porescolas de ensino fundamental e médio do Gama, familiares, vizinhos e pessoas que estavamcaminhando na rua, foram sondadas informações de pessoas de diferentes graus deescolaridade e de diferentes concepções sobre o que é o autismo, muitas delas comconcepções equivocadas, já que o questionário possibilitou respostas discursivas sobre o que éo autismo. O questionário constou cinco perguntas relacionados ao autismo e ao transtornoglobal de desenvolvimento. CARACTERÍSTICA DOS ENTREVISTADOS Um número de pessoas acima do esperado respondeu que não sabe o que é autismo outranstorno global do desenvolvimento, algumas das explicações sobre o que é autismo foramequivocadas, dando a entender que muitas pessoas tem uma concepção sobre autismodiferente do que realmente é. “pessoas superdotadas talvez” (sic) foi a resposta de um dosentrevistados quanto ao transtorno global do desenvolvimento. Foram entrevistados 60 pessoas, mescladas em relação a idade e grau de escolaridade.Com isso foi possível generalizar a pesquisa, tornando-a mais autêntica possível. RESULTADOS DA PESQUISA
  14. 14. Esta pesquisa tem o objetivo de medir o nível de conhecimento das pessoasentrevistadas em relação ao autismo, trazendo consequências para o desenvolvimento desteprojeto, a qual meia deve recorrer etc. A partir desta pesquisa, chega-se a algumas conclusõesextraídas das respostas dos entrevistados. Na pergunta relacionada ao conhecimento das pessoas em relação ao autismo, 25pessoas não sabiam o que era esse transtorno, e 28 respondeu que sabia ou que tinha algumconhecimento básico relacionado. “Autismo não é aquela pessoa que tem tomar muitos remédios se não fica muitonervosa?” Responde um dos entrevistados que marcou “não” como resposta da pergunta emquestão. Quando perguntado se tem-se conhecido algum autista, ou tido alguma relaçãointerpessoal com essa pessoa, os resultados foram como de se esperar, apenas 10 dosentrevistados conhecem alguma pessoa autista, os outros 43 não conhecem.
  15. 15. “É muito complicado encontrar alguma pessoa que possua este transtorno em qualquerlugar, acho que os responsáveis por essa pessoa devem privá-los de muita coisa, além dasdificuldades que uma pessoa autista deve ter.” Afirmou um dos entrevistados, alegando adificuldade de identificar alguma pessoa autista, e também a dificuldade que deve-se ter em serelacionar com algum autista. Outro gráfico indica a quantidade de pessoas, das entrevistadas, que já presenciaramalgum ato de discriminação contra um autista. Por fim foi perguntado se tem-se algum conhecimento sobre Transtorno Global doDesenvolvimento, 40 pessoas não sabem o que é TGD, e o restante sabe e aparente ter algumanoção.
  16. 16. “Não são aquelas pessoas super-dotadas? Eu vi isso em uma reportagem da Globo”Responde um dos entrevistados.4 CONCLUSÃO A principal contribuição deste presente projeto é a conscientização das pessoas quantoao autismo através de meios acessíveis, como a internet, por meio de vídeos, blogs, fontesconfiáveis e informações autênticas quanto a este transtorno. As pesquisas realizadas mostraram resultados já esperados, de que muitas pessoasainda não tem conhecimento sobre o assunto em questão, e isso é o motivo maior para arealização deste projeto, pois o fato das pessoas não saberem, ou terem pouco conhecimentoquanto ao autismo, faz com que a quantidade e qualidade dos produtos que abordam este temae estejam em meios acessíveis a essa massa social – a internet – seja útil, levando cada vezmais informação a essas pessoas, e fazendo-as refletir, e saber o qual é a realidade da famíliado autista, do autista, e das pessoas a sua volta de fato. A principais vantagens deste projeto se encontra na reunião de informações autênticasretiradas de fontes confiáveis, além de produtos apresentados (a animação, o site desteprojeto) com objetivo de ilustrar um pouco mais sobre este mundo. As principais desvantagens se encontram no fato de que as pessoas devam seinteressar pelo assunto para encontrar conteúdo e informação quanto ao autismo, pois paraque essa informação chegue até as pessoas sem que elas procurem necessita-se de
  17. 17. publicidade, algo que pode ser viável no Brasil, já que o assunto está sendo bastante discutidoe esse é o ano do autismo no Brasil também.
  18. 18. 5 BIBLIOGRAFIA:JCSANTIAGO (Autismo – Causas e tratamento) - http://www.jcsantiago.info/autismo.html(Acessado dia: 02/04/11).REVISTA AUSTISMO (Revista Autismo) - http://www.revistaautismo.com.br (Acessadodia: 05/04/11).AUTISMO BRASIL (Autismo Brasil Site) – http://www.autismo.com.br

×