SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
Observatório de Economia e Gestão de Fraude
www.obegef.pt
Publicado no Jornal i Online
17/04/2019
OBSERVATÓRIO CONTRA A FRAUDE
Transparência e compromisso eleitoral
Desafiar os candidatos às eleições para o parlamento europeu a subscrever uma série de compromissos, demonstrado
assim o apoio a uma União Europeia mais íntegra e transparente.
_____________________
Filipe Pontes
Com o aproximar de um período elei-
toral intenso, com eleições para o
Parlamento Europeu, para o Parla-
mento (e Governo) da Região Autó-
noma da Madeira e, depois, as legisla-
tivas para a Assembleia da República,
torna-se importante reforçar o com-
promisso entre eleitor e eleito.
Escrutinar o trabalho realizado pelos
representantes dos cidadãos nos
órgãos parlamentares (os Deputados)
é fundamental. Neste âmbito, existem
vários indicadores e rankings sobre o
trabalho político realizado, oferecen-
do, nomeadamente, a possibilidade
de confirmar afirmações e promessas
com a realidade concretizada, e aqui
destaco o projeto e agora também o
programa polígrafo como um bom
exemplo de clarificação da opinião
pública com a verdade.
Estas ferramentas que existem hoje
permitem escrutínio reativo da ativi-
dade, mas mais importante ainda
seria o compromisso prévio antes da
eleição e aqui o meu destaque vai
para a campanha desenvolvida a nível
europeu e liderado pela Transparency
Internacional, subscrito até ao
momento por 14 dos principais can-
didatos de todas as famílias políticas
europeias. A campanha chama-se
stand up for integrity e tem como
objetivo desafiar os candidatos às
eleições europeias para o parlamento
europeu a subscrever uma série de
compromissos, demonstrado assim o
apoio a uma União Europeia mais
íntegra e transparente.
A campanha estabelece ainda quatro
prioridades políticas na luta anticor-
rupção, que para a Transparência
Internacional devem ser também
subscritas: fazer cumprir o Estado de
Direito, impedir que indivíduos cor-
ruptos e o seu dinheiro ilícito entrem
na UE, apoiar a criação de um orga-
nismo de ética independente da UE e
apoiar a transparência legislativa.
Exemplos deste servem para fortale-
cer o compromisso eleitoral e aumen-
tar a confiança do eleitor, mas devem
cada vez mais serem encarados com
naturalidade para uma democracia
madura como a nossa!

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Compromisso eleitoral para UE mais íntegra

Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!
Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!
Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!coimbrapedro2014
 
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏pedroribeiro1973
 
MOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETA
MOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETAMOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETA
MOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETApedroribeiro1973
 
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]pedroribeiro1973
 
LISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIRO
LISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIROLISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIRO
LISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIROpedroribeiro1973
 
Reforma política brasileira
Reforma política brasileiraReforma política brasileira
Reforma política brasileiraSidney Pedrosa
 
Tratado de lisboa
Tratado de lisboaTratado de lisboa
Tratado de lisboaturmaViseu1
 
Memoria descritiva Gov-Digital
Memoria descritiva Gov-DigitalMemoria descritiva Gov-Digital
Memoria descritiva Gov-Digitalgovdigital
 
Papel da sociedade civil na democracia
Papel da sociedade civil na democraciaPapel da sociedade civil na democracia
Papel da sociedade civil na democraciaRaquel Silva
 
Agenda para a Decada
Agenda para a DecadaAgenda para a Decada
Agenda para a Decadajoaonuno87
 
Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015
Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015
Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015Partido Socialista Coimbra
 
Programa De Governo Alckmin Presidente 2006
Programa De Governo Alckmin Presidente 2006Programa De Governo Alckmin Presidente 2006
Programa De Governo Alckmin Presidente 2006Guilherme Moreira
 
Moção José Sócrates 2011
Moção José Sócrates 2011Moção José Sócrates 2011
Moção José Sócrates 2011pedroribeiro1973
 
Proposta de financiamento de campanhas políticas
Proposta de financiamento de campanhas políticasProposta de financiamento de campanhas políticas
Proposta de financiamento de campanhas políticasStuart Linhares
 
Acção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTO
Acção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTOAcção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTO
Acção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTOMobilizar Portugal
 
MUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASIL
MUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASILMUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASIL
MUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASILRui Falcão
 

Semelhante a Compromisso eleitoral para UE mais íntegra (20)

Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!
Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!
Moção Pedro Coimbra: PELO PS-SEMPRE E COM TODOS!
 
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]‏
 
MOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETA
MOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETAMOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETA
MOÇÃO FUTURO 2012 | VERSÃO COMPLETA
 
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]
PEDRO RIBEIRO | MOÇÃO DE ORIENTAÇÃO POLÍTICA | FUTURO [versão integral]
 
LISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIRO
LISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIROLISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIRO
LISTA A | MOÇÃO | PEDRO RIBEIRO
 
Reforma política brasileira
Reforma política brasileiraReforma política brasileira
Reforma política brasileira
 
Tratado de lisboa
Tratado de lisboaTratado de lisboa
Tratado de lisboa
 
Memoria descritiva Gov-Digital
Memoria descritiva Gov-DigitalMemoria descritiva Gov-Digital
Memoria descritiva Gov-Digital
 
O tratado de lisboa
O tratado de lisboaO tratado de lisboa
O tratado de lisboa
 
Papel da sociedade civil na democracia
Papel da sociedade civil na democraciaPapel da sociedade civil na democracia
Papel da sociedade civil na democracia
 
Agenda para a Decada
Agenda para a DecadaAgenda para a Decada
Agenda para a Decada
 
Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015
Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015
Newsletter n.º 1 - PS Coimbra - Legislativas 2015
 
Programa De Governo Alckmin Presidente 2006
Programa De Governo Alckmin Presidente 2006Programa De Governo Alckmin Presidente 2006
Programa De Governo Alckmin Presidente 2006
 
Transparência de Processos e Software
Transparência de Processos e SoftwareTransparência de Processos e Software
Transparência de Processos e Software
 
Moção José Sócrates 2011
Moção José Sócrates 2011Moção José Sócrates 2011
Moção José Sócrates 2011
 
Ue
UeUe
Ue
 
Proposta de financiamento de campanhas políticas
Proposta de financiamento de campanhas políticasProposta de financiamento de campanhas políticas
Proposta de financiamento de campanhas políticas
 
Luis Oliveira - be IN Guarda
Luis Oliveira - be IN GuardaLuis Oliveira - be IN Guarda
Luis Oliveira - be IN Guarda
 
Acção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTO
Acção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTOAcção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTO
Acção Socialista - António Costa - Mobilizar Portugal - SUPLEMENTO
 
MUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASIL
MUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASILMUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASIL
MUDAR O PT PARA CONTINUAR MUDANDO O BRASIL
 

Mais de Filipe Pontes

Vai correr tudo bem?Não!
Vai correr tudo bem?Não!Vai correr tudo bem?Não!
Vai correr tudo bem?Não!Filipe Pontes
 
Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533
Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533
Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533Filipe Pontes
 
Abraçar a Esperança 2019
Abraçar a Esperança 2019Abraçar a Esperança 2019
Abraçar a Esperança 2019Filipe Pontes
 
Pedrógão: antecipar em vez de reagir
Pedrógão: antecipar em vez de reagirPedrógão: antecipar em vez de reagir
Pedrógão: antecipar em vez de reagirFilipe Pontes
 
Cv ing _fp_ilipe pontes_linkedin
Cv ing _fp_ilipe pontes_linkedinCv ing _fp_ilipe pontes_linkedin
Cv ing _fp_ilipe pontes_linkedinFilipe Pontes
 
RGPD e os seus direitos. Visao e489A
RGPD e os seus direitos. Visao e489ARGPD e os seus direitos. Visao e489A
RGPD e os seus direitos. Visao e489AFilipe Pontes
 
Jornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionline
Jornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionlineJornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionline
Jornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionlineFilipe Pontes
 
Visao e467 - Silêncio da Fraude
Visao e467 - Silêncio da FraudeVisao e467 - Silêncio da Fraude
Visao e467 - Silêncio da FraudeFilipe Pontes
 
Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017
Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017
Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017Filipe Pontes
 
6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de Informação
6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de Informação6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de Informação
6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de InformaçãoFilipe Pontes
 
Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017
Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017
Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017Filipe Pontes
 
Visao e438 - Edição online
Visao e438 - Edição onlineVisao e438 - Edição online
Visao e438 - Edição onlineFilipe Pontes
 
Visao e417- 12 de Janeiro de 2017
Visao e417- 12 de Janeiro de 2017Visao e417- 12 de Janeiro de 2017
Visao e417- 12 de Janeiro de 2017Filipe Pontes
 
Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017
Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017
Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017Filipe Pontes
 
Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017
Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017
Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017Filipe Pontes
 
O Orçamento e o combate à Fraude
O Orçamento e o combate à FraudeO Orçamento e o combate à Fraude
O Orçamento e o combate à FraudeFilipe Pontes
 
O veto presidencial e os falsos positivos
O veto presidencial e os falsos positivosO veto presidencial e os falsos positivos
O veto presidencial e os falsos positivosFilipe Pontes
 
Revista ipai edição 64
Revista ipai edição 64Revista ipai edição 64
Revista ipai edição 64Filipe Pontes
 
Ionline.pt 27 de Julho de 2016
Ionline.pt 27 de Julho de 2016Ionline.pt 27 de Julho de 2016
Ionline.pt 27 de Julho de 2016Filipe Pontes
 

Mais de Filipe Pontes (20)

Vai correr tudo bem?Não!
Vai correr tudo bem?Não!Vai correr tudo bem?Não!
Vai correr tudo bem?Não!
 
Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533
Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533
Nova diretiva europeia sobre proteção de denunciantes (whistleblowers) Visao533
 
Abraçar a Esperança 2019
Abraçar a Esperança 2019Abraçar a Esperança 2019
Abraçar a Esperança 2019
 
Pedrógão: antecipar em vez de reagir
Pedrógão: antecipar em vez de reagirPedrógão: antecipar em vez de reagir
Pedrógão: antecipar em vez de reagir
 
Cv ing _fp_ilipe pontes_linkedin
Cv ing _fp_ilipe pontes_linkedinCv ing _fp_ilipe pontes_linkedin
Cv ing _fp_ilipe pontes_linkedin
 
RGPD e os seus direitos. Visao e489A
RGPD e os seus direitos. Visao e489ARGPD e os seus direitos. Visao e489A
RGPD e os seus direitos. Visao e489A
 
Jornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionline
Jornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionlineJornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionline
Jornal i - edição de 18 de Maio de 2018 - ionline
 
Visao e467 - Silêncio da Fraude
Visao e467 - Silêncio da FraudeVisao e467 - Silêncio da Fraude
Visao e467 - Silêncio da Fraude
 
CV | Filipe Pontes
CV | Filipe Pontes CV | Filipe Pontes
CV | Filipe Pontes
 
Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017
Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017
Jornal i - edição de 11 de Outubro de 2017
 
6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de Informação
6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de Informação6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de Informação
6ª edição - Pg Auditoria, Risco e Controlo de Sistemas de Informação
 
Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017
Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017
Jornal i - edição de 12 de Julho de 2017
 
Visao e438 - Edição online
Visao e438 - Edição onlineVisao e438 - Edição online
Visao e438 - Edição online
 
Visao e417- 12 de Janeiro de 2017
Visao e417- 12 de Janeiro de 2017Visao e417- 12 de Janeiro de 2017
Visao e417- 12 de Janeiro de 2017
 
Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017
Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017
Jornal i - edição de 12 de Janeiro de 2017
 
Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017
Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017
Brochura Pós-Graduação 5ª edição arcsi Edição 2017
 
O Orçamento e o combate à Fraude
O Orçamento e o combate à FraudeO Orçamento e o combate à Fraude
O Orçamento e o combate à Fraude
 
O veto presidencial e os falsos positivos
O veto presidencial e os falsos positivosO veto presidencial e os falsos positivos
O veto presidencial e os falsos positivos
 
Revista ipai edição 64
Revista ipai edição 64Revista ipai edição 64
Revista ipai edição 64
 
Ionline.pt 27 de Julho de 2016
Ionline.pt 27 de Julho de 2016Ionline.pt 27 de Julho de 2016
Ionline.pt 27 de Julho de 2016
 

Compromisso eleitoral para UE mais íntegra

  • 1. Observatório de Economia e Gestão de Fraude www.obegef.pt Publicado no Jornal i Online 17/04/2019 OBSERVATÓRIO CONTRA A FRAUDE Transparência e compromisso eleitoral Desafiar os candidatos às eleições para o parlamento europeu a subscrever uma série de compromissos, demonstrado assim o apoio a uma União Europeia mais íntegra e transparente. _____________________ Filipe Pontes Com o aproximar de um período elei- toral intenso, com eleições para o Parlamento Europeu, para o Parla- mento (e Governo) da Região Autó- noma da Madeira e, depois, as legisla- tivas para a Assembleia da República, torna-se importante reforçar o com- promisso entre eleitor e eleito. Escrutinar o trabalho realizado pelos representantes dos cidadãos nos órgãos parlamentares (os Deputados) é fundamental. Neste âmbito, existem vários indicadores e rankings sobre o trabalho político realizado, oferecen- do, nomeadamente, a possibilidade de confirmar afirmações e promessas com a realidade concretizada, e aqui destaco o projeto e agora também o programa polígrafo como um bom exemplo de clarificação da opinião pública com a verdade. Estas ferramentas que existem hoje permitem escrutínio reativo da ativi- dade, mas mais importante ainda seria o compromisso prévio antes da eleição e aqui o meu destaque vai para a campanha desenvolvida a nível europeu e liderado pela Transparency Internacional, subscrito até ao momento por 14 dos principais can- didatos de todas as famílias políticas europeias. A campanha chama-se stand up for integrity e tem como objetivo desafiar os candidatos às eleições europeias para o parlamento europeu a subscrever uma série de compromissos, demonstrado assim o apoio a uma União Europeia mais íntegra e transparente. A campanha estabelece ainda quatro prioridades políticas na luta anticor- rupção, que para a Transparência Internacional devem ser também subscritas: fazer cumprir o Estado de Direito, impedir que indivíduos cor- ruptos e o seu dinheiro ilícito entrem na UE, apoiar a criação de um orga- nismo de ética independente da UE e apoiar a transparência legislativa. Exemplos deste servem para fortale- cer o compromisso eleitoral e aumen- tar a confiança do eleitor, mas devem cada vez mais serem encarados com naturalidade para uma democracia madura como a nossa!