21° Simpósio Internacional de Iniciação
Científica da USP
O padrão de metadados Dublin Core e sua
aplicação no Universo Bi...
 A informação e o conhecimento gerados pela sociedade na Web
necessitam de registros descritivos que facilitem seu acesso...
 O objetivo é apresentar o desenvolvimento e as novas perspectivas
de uso do Dublin Core.
 Explorar a propriedade de gra...
 Pesquisa qualitativa teórica e com análise descritiva.
 O universo da pesquisa está pautado em uma revisão de
literatur...
Resultados e Discussão
A escolha de metadados que irão compor a estrutura descritiva de
um documento é um processo de decisão do catalogador.
Ela...
A granularidade grossa pode ser definida
como uma menor quantidade de
informações utilizada na descrição de um
recurso inf...
Em 1997, duas vertentes teóricas surgiram em um evento sobre o
padrão de metadados Dublin Core denominadas por Weibel; Cat...
Dublin Core simples
15 elementos

Dublin Core Qualificado
15 elementos descritivos
+ Qualificadores
+ Elementos de refinam...
Considerações:
Conclui que o Dublin Core é uma ferramenta que:


Localiza recursos informacionais na Web;



Simplicidad...
 Trabalha em conjunto com outras tecnologias como:
-

Web Semântica;
Linked Data (Dados vinculados);
Resource Description...
Referências:
 ALVES, R. C. V. Metadados como elementos do processo de catalogação . 2010. 132 f. Tese
(Doutorado em Ciênc...
fe.arakaki@marili.unesp.br
https://sites.google.com/site/felipeaarakaki/
O padrão de metadados Dublin Core e sua aplicação no Universo Bibliográfico: uma revisão bibliográfica
O padrão de metadados Dublin Core e sua aplicação no Universo Bibliográfico: uma revisão bibliográfica
O padrão de metadados Dublin Core e sua aplicação no Universo Bibliográfico: uma revisão bibliográfica
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O padrão de metadados Dublin Core e sua aplicação no Universo Bibliográfico: uma revisão bibliográfica

585 visualizações

Publicada em

Apresentação realizada no 21° Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP em 2013.
O resumo de apresentação é https://uspdigital.usp.br/siicusp/cdOnlineTrabalhoVisualizarResumo?numeroInscricaoTrabalho=4855&numeroEdicao=21
Mais informações da publicação do autor acesse https://sites.google.com/site/felipeaarakaki/

Publicada em: Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

O padrão de metadados Dublin Core e sua aplicação no Universo Bibliográfico: uma revisão bibliográfica

  1. 1. 21° Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP O padrão de metadados Dublin Core e sua aplicação no Universo Bibliográfico: uma revisão bibliográfica Palavras-chave: Dublin Co re . Catalogação Automatizada. Metadados. Informação e tecnologia. Felipe Augusto Arakaki Plácida L. V. Amorim da Costa Santos Universidade Estadual Paulista/Unesp - Campus de Marília São Paulo, 2013
  2. 2.  A informação e o conhecimento gerados pela sociedade na Web necessitam de registros descritivos que facilitem seu acesso e recuperação.  Os registros possuem um conjunto de elementos denominados de padrões metadados. (ALVES, 2010).  Para os recursos descritos na Web é recomendado o padrão de metadados Dublin Core.
  3. 3.  O objetivo é apresentar o desenvolvimento e as novas perspectivas de uso do Dublin Core.  Explorar a propriedade de granularidade do registro informacional.  Verificar a sua utilização e as contribuições para o domínio bibliográfico;
  4. 4.  Pesquisa qualitativa teórica e com análise descritiva.  O universo da pesquisa está pautado em uma revisão de literatura sobre o padrão de metadados Dublin Core, por meio: Bibliografias expostas em: eventos; relatórios; livros e artigos publicados que discutem a temática. - Idiomas: Português; Inglês; Espanhol.
  5. 5. Resultados e Discussão
  6. 6. A escolha de metadados que irão compor a estrutura descritiva de um documento é um processo de decisão do catalogador. Ela deve levar em consideração em seus objetivos a granularidade almejada e as necessidades informacionais do usuário. O termo granularidade é defendido como “[...] o nível de detalhe em que um objeto de informação ou recurso é visto ou descrito.” (WOODLEY; CLEMENT; WINN, 2005, ALVES; SIMIONATO; SANTOS, 2012, p. 3).
  7. 7. A granularidade grossa pode ser definida como uma menor quantidade de informações utilizada na descrição de um recurso informacional, ou melhor, um “[...] baixo nível de detalhamento.” (ALVES; SIMIONATO; SANTOS, 2012, p. 3). A granularidade fina, está relacionada a maior quantidade de informações na descrição de um recurso informacional, ou “[...] alto nível de detalhamento [...]” (ALVES; SIMIONATO; SANTOS, 2012, p. 3).
  8. 8. Em 1997, duas vertentes teóricas surgiram em um evento sobre o padrão de metadados Dublin Core denominadas por Weibel; Cathro; Iannella, Baker (1997) de: minimalistas e estruturalistas.
  9. 9. Dublin Core simples 15 elementos Dublin Core Qualificado 15 elementos descritivos + Qualificadores + Elementos de refinamento
  10. 10. Considerações: Conclui que o Dublin Core é uma ferramenta que:  Localiza recursos informacionais na Web;  Simplicidade e flexibilidade são características importantes para a implementação e implantação de novos esquemas de codificação;  O padrão de metadados Dublin Core conseguiu grande aceitação e reconhecimento internacional, passando por diversos avanços e modificações apesar de correntes teóricas divergentes.
  11. 11.  Trabalha em conjunto com outras tecnologias como: - Web Semântica; Linked Data (Dados vinculados); Resource Description Framework (RDF); Ontologias.  E por fim, há grandes expectativas que a estrutura e a sintaxe do padrão de metadados Dublin Core suporte essas ferramentas, e facilite o processo de alimentação de catálogos e a vinculação de dados em ambientes informacionais.
  12. 12. Referências:  ALVES, R. C. V. Metadados como elementos do processo de catalogação . 2010. 132 f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2010.  ALVES, R. C. V.; SIMIONATO, A. C.; SANTOS, P. L. V. A. C. Aspectos de granularidade na representação da informação no universo bibliográfico. In: I ENACAT - Encontro Nacional de Catalogadores e III EEPC Encontro de Estudos e Pesquisas em Catalogação, 2012, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: GEPCAT, 2012. Disponível em: <http://pt.scribd.com/doc/109274547/Aspectos-de-granularidade-na-representacao-da-informacao-nouniverso-bibliografico>. Acesso em: 04 jun. 2013.  BAKER, T. Dublin Core in multiple languages: Esperanto, interlingua, or pidgin? In: International Symposium on Research, Development and Practice in Digital Libraries, 1997, Tsukuba. Anais... Japão: University of Library and Information Science. Disponível em: <http://www.dl.slis.tsukuba.ac.jp/ISDL97/proceedings/thomas/thomas.html>. Acesso em: 07 ago. 2013.  WEIBEL, S.; CATHRO, W.; IANNELLA, R. The 4th Dublin Core Metadata: workshop report. D-Lib Magazine, EUA, v. 3, n. 6, jun., 1997. Disponível em: < http://www.dlib.org/dlib/june97/metadata/06weibel.html>. Acesso em: 01 ago. 2013.  WOODLEY, M. S.; CLEMENT, G.; WINN, P. DCMI Glossary . [S. l.: S. n.], 2005. Disponível em: <http://dublincore.org/documents/usageguide/glossary.shtml>. Acesso em: 02 ago. 2013.
  13. 13. fe.arakaki@marili.unesp.br https://sites.google.com/site/felipeaarakaki/

×