SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
1
O MUNDO EM 2016 E OS CONFLITOS INTERNACIONAIS
Fernando Alcoforado*
Na história da humanidade, houve três tentativas de estabelecer uma governança
internacional que contribuísse para a construção da paz. A primeira tentativa ocorreu em
1648 com a celebração da Paz da Vestfália na Europa que marcou o fim do primeiro
grande conflito europeu, a Guerra dos Trinta anos. A segunda tentativa foi a
constituição da Liga das Nações ou Sociedade das Nações criada em 1919 com o
Tratado de Versalhes que colocava termo à Primeira Guerra Mundial. A terceira e
última tentativa foi a constituição da Organização das Nações Unidas (ONU), ou
simplesmente Nações Unidas que foi estabelecida em 24 de outubro de 1945, após o
término da Segunda Guerra Mundial com a intenção de impedir outro conflito como
aquele. Na sua fundação, a ONU tinha 51 estados membros e hoje são 193.
De acordo com uma matéria publicada pelo jornal The Washington Post, desde o fim da
Segunda Guerra Mundial o mundo conheceu 160 guerras, onde morreram cerca de 7
milhões de soldados e 30 milhões de civis. O ex-secretário de Estado norte-americano,
Zbigniew Brzezinski, fez uma estimativa abrangendo todas as "megamortes" ocorridas
desde 1914 e chegou a um total de 187 milhões de mortos. Em 2016, continua a
escalada dos conflitos internacionais. No contexto internacional atual, é possível
identificar nove grandes conflitos mundiais os quais estão descritos nos parágrafos a
seguir.
O conflito entre os Estados Unidos e aliados ocidentais e a Rússia resulta da tentativa
das potências ocidentais de impedir o revigoramento da Rússia como grande potência
mundial e da recuperação geopolítica da Rússia graças à afirmação de um projeto
nacionalista de recuperação do Estado russo por parte de Wladimir Putin. O conflito
entre os Estados Unidos e a China resulta da necessidade de os Estados Unidos
impedirem a ascensão da China à condição de potência hegemônica no planeta. Para
tanto, foi adotada uma nova estratégia militar global dos Estados Unidos que passou a
se concentrar na região Ásia-Pacífico para fazer frente à ameaça proveniente da China.
Por sua vez, a China promove rápida modernização das forças armadas cujos gastos
militares vão ultrapassar os orçamentos combinados das doze outras grandes potências
da região Ásia-Pacífico.
O conflito entre Israel e Palestina coloca em confronto os povos palestino e judeu pela
ocupação do mesmo território em disputa. Além de assumir a dimensão local, o conflito
Israel- Palestina se insere como um conflito regional no contexto do conflito Árabe-
Israelense que é um longo conflito na região do Oriente Médio, que ocorre desde o final
do século XIX. O conflito entre Israel e Irã resulta do fato de Israel pretender evitar que
o Irã se transforme em uma potência nuclear que possa ameaçar sua sobrevivência como
nação. O conflito entre sunitas e xiitas resulta da rivalidade entre a Arábia Saudita, de
maioria sunita, e o Irã, a grande potência xiita no Oriente Médio. O conflito na Síria é
uma guerra civil que teve início em 2011 e se transformou em guerra regional
envolvendo vários países (Estados Unidos, seus aliados ocidentais e a Arábia Saudita
que apoiam os rebeldes na derrubada do regime de Bashar al-Assad e a Rússia e Irã que
apoiam Bashar al-Assad).
2
O choque de civilizações foi previsto por Samuel Huntington no livro Choque de
Civilizações (HUNTINGTON, Samuel. O Choque de Civilizações. Objetiva, 1997) que
apontou uma divergência profunda entre as civilizações Ocidental e Islâmica. É nesse
contexto que se insere o Estado Islâmico que tem por objetivo expandir o seu califado
por todo o Oriente Médio e estabelecer conexões na Europa e outras regiões do mundo,
com o propósito de realizar atentados que lhes possam conferir autoridade através do
terror. O conflito entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul representa a continuidade da
Guerra da Coreia (1950-1953) que foi encerrado com a assinatura do Tratado de Pan-
munjom. Apesar disto, Coreia do Sul e Coreia do Norte continuam oficialmente em
guerra até hoje.
Pelo exposto, é dramática a situação atual do planeta. O mundo em que vivemos virou
um caos ingovernável no qual as grandes potências só pensam em poder e riqueza.
Enquanto prevalecer esta situação no mundo a guerra tende a proliferar em todos os
quadrantes da Terra. Como construir um novo cenário de paz e cooperação entre as nações e os
povos do mundo inteiro? Este é um desafio antigo e pensado por muitos filósofos como é o caso de
ImmanuelKantao abordarestetemaemsuaobra A paz perpétua que propõe os fundamentos e
os princípios necessários para uma livre federação de Estados juridicamente
estabelecidos os quais não adotariam a forma de um Estado mundial, pois isso resultaria
em um absolutismo ilimitado. Deveria haver uma federação de Estados livres em que
todos possuíssem constituições republicanas. O fim último desta federação seria o da
promoção do bem supremo, que é a verdadeira paz entre os Estados, acabando com o
funesto guerrear, para o qual todos os Estados sempre voltaram seus esforços, como fim
principal. A proposta de Kant foi levada à prática com a constituição da Liga das
Nações em 1919 e da ONU em 1946 as quais não foram capazes de viabilizar a paz
mundial.
Tudo o que acaba de ser relatado aponta no sentido de que a humanidade deva constituir
um governo mundial como condição indispensável para colocar um fim às guerras e
fazer prevalecer a paz mundial. Com um governo mundial, será possível mediar os
conflitos, combater a guerra e acabar com o banho de sangue que tem caracterizado a
história da humanidade ao longo da história. O governo mundial deve ser representativo
de todos os povos do mundo. A sobrevivência da humanidade dependerá da capacidade
de se celebrar um Contrato Social Planetário representativo da vontade da maioria da
população do planeta.
* Fernando Alcoforado, 76, membro da Academia Baiana de Educação, engenheiro e doutor em
Planejamento Territorial e Desenvolvimento Regional pela Universidade de Barcelona, professor
universitário e consultor nas áreas de planejamento estratégico, planejamento empresarial, planejamento
regional e planejamento de sistemas energéticos, é autor dos livros Globalização (Editora Nobel, São
Paulo, 1997), De Collor a FHC- O Brasil e a Nova (Des)ordem Mundial (Editora Nobel, São Paulo,
1998), Um Projeto para o Brasil (Editora Nobel, São Paulo, 2000), Os condicionantes do
desenvolvimento do Estado da Bahia (Tese de doutorado. Universidade de Barcelona,
http://www.tesisenred.net/handle/10803/1944, 2003), Globalização e Desenvolvimento (Editora Nobel,
São Paulo, 2006), Bahia- Desenvolvimento do Século XVI ao Século XX e Objetivos Estratégicos na Era
Contemporânea (EGBA, Salvador, 2008), The Necessary Conditions of the Economic and Social
Development- The Case of the State of Bahia (VDM Verlag Dr. Müller Aktiengesellschaft & Co. KG,
Saarbrücken, Germany, 2010), Aquecimento Global e Catástrofe Planetária (P&A Gráfica e Editora,
Salvador, 2010), Amazônia Sustentável- Para o progresso do Brasil e combate ao aquecimento global
(Viena- Editora e Gráfica, Santa Cruz do Rio Pardo, São Paulo, 2011), Os Fatores Condicionantes do
Desenvolvimento Econômico e Social (Editora CRV, Curitiba, 2012) e Energia no Mundo e no Brasil-
Energia e Mudança Climática Catastrófica no Século XXI (Editora CRV, Curitiba, 2015).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conflitos armados no mundo III
Conflitos armados no mundo IIIConflitos armados no mundo III
Conflitos armados no mundo IIIRenata Magalhães
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemCarlos Glufke
 
Conflito árabe israelense
Conflito árabe israelenseConflito árabe israelense
Conflito árabe israelenseElvisJohnR
 
Os conflitos dos dias atuais
Os conflitos dos dias atuaisOs conflitos dos dias atuais
Os conflitos dos dias atuaisEdenilson Morais
 
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentosSenhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentosEddieuepg
 
Os conflitos da nova ordem mundial (1)
Os conflitos da nova ordem mundial (1)Os conflitos da nova ordem mundial (1)
Os conflitos da nova ordem mundial (1)Thamires Bragança
 
Conflitos étnicos na ásia
Conflitos étnicos na ásiaConflitos étnicos na ásia
Conflitos étnicos na ásiaGoogle
 
Conflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade doConflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade doThomaz Araujo Farias
 
Israel e os conflitos árabes
Israel e os conflitos árabesIsrael e os conflitos árabes
Israel e os conflitos árabesana1935
 
Tensões no Mundo Islâmico
Tensões no Mundo IslâmicoTensões no Mundo Islâmico
Tensões no Mundo IslâmicoPaulo Alexandre
 
Entendendo o conflito israel x palestina
Entendendo o conflito israel x palestinaEntendendo o conflito israel x palestina
Entendendo o conflito israel x palestinaEduardo Mendes
 
Formação do Estado de Israel
Formação do Estado de IsraelFormação do Estado de Israel
Formação do Estado de IsraelValéria Shoujofan
 
A Guerra Fria
A Guerra FriaA Guerra Fria
A Guerra Friacattonia
 

Mais procurados (20)

Conflitos armados no mundo III
Conflitos armados no mundo IIIConflitos armados no mundo III
Conflitos armados no mundo III
 
O mundo em conflito
O mundo em conflitoO mundo em conflito
O mundo em conflito
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordem
 
Conflito árabe israelense
Conflito árabe israelenseConflito árabe israelense
Conflito árabe israelense
 
Os conflitos dos dias atuais
Os conflitos dos dias atuaisOs conflitos dos dias atuais
Os conflitos dos dias atuais
 
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentosSenhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
 
Os conflitos da nova ordem mundial (1)
Os conflitos da nova ordem mundial (1)Os conflitos da nova ordem mundial (1)
Os conflitos da nova ordem mundial (1)
 
Geopolítica mundial 2
Geopolítica mundial 2Geopolítica mundial 2
Geopolítica mundial 2
 
Conflitos étnicos na ásia
Conflitos étnicos na ásiaConflitos étnicos na ásia
Conflitos étnicos na ásia
 
Conflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade doConflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade do
 
Focos de tensão
Focos de tensãoFocos de tensão
Focos de tensão
 
conflitos NO SECULO XXI
conflitos NO SECULO XXIconflitos NO SECULO XXI
conflitos NO SECULO XXI
 
Israel e os conflitos árabes
Israel e os conflitos árabesIsrael e os conflitos árabes
Israel e os conflitos árabes
 
Israel X Palestina.
Israel X Palestina.Israel X Palestina.
Israel X Palestina.
 
Tensões no Mundo Islâmico
Tensões no Mundo IslâmicoTensões no Mundo Islâmico
Tensões no Mundo Islâmico
 
Geopolítica mundial
Geopolítica mundialGeopolítica mundial
Geopolítica mundial
 
Israel E ..
Israel E ..Israel E ..
Israel E ..
 
Entendendo o conflito israel x palestina
Entendendo o conflito israel x palestinaEntendendo o conflito israel x palestina
Entendendo o conflito israel x palestina
 
Formação do Estado de Israel
Formação do Estado de IsraelFormação do Estado de Israel
Formação do Estado de Israel
 
A Guerra Fria
A Guerra FriaA Guerra Fria
A Guerra Fria
 

Semelhante a O mundo em 2016 e os conflitos internacionais

COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...Faga1939
 
Como eliminar as guerras em nosso planeta
Como eliminar as guerras em nosso planetaComo eliminar as guerras em nosso planeta
Como eliminar as guerras em nosso planetaFernando Alcoforado
 
O risco de guerra entre estados unidos e coreia do norte
O risco de guerra entre estados unidos e coreia do norteO risco de guerra entre estados unidos e coreia do norte
O risco de guerra entre estados unidos e coreia do norteFernando Alcoforado
 
O mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundial
O mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundialO mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundial
O mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundialFernando Alcoforado
 
A paz mundial e a confraternização universal
A paz mundial e a confraternização universalA paz mundial e a confraternização universal
A paz mundial e a confraternização universalFernando Alcoforado
 
A paz mundial e a confraternizacao universal
A paz mundial e a confraternizacao universalA paz mundial e a confraternizacao universal
A paz mundial e a confraternizacao universalRoberto Rabat Chame
 
As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...
As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...
As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...Fernando Alcoforado
 
Resumos de História - 4ºteste 12ºano
Resumos de História - 4ºteste 12ºanoResumos de História - 4ºteste 12ºano
Resumos de História - 4ºteste 12ºanoMaria Rebelo
 
Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.Camila Brito
 
Aula 3 Ordem Mundial AZ
Aula 3 Ordem Mundial AZAula 3 Ordem Mundial AZ
Aula 3 Ordem Mundial AZCADUCOC1
 
Aula 2 Ordem Mundial
Aula 2 Ordem MundialAula 2 Ordem Mundial
Aula 2 Ordem MundialCADUCOC
 
O mundo saído da 2ª guerra mundial
O mundo saído da 2ª guerra mundialO mundo saído da 2ª guerra mundial
O mundo saído da 2ª guerra mundialJosé Palma
 
As guerras ao longo da história e como evitá las no futuro
As guerras ao longo da história e como evitá las no futuroAs guerras ao longo da história e como evitá las no futuro
As guerras ao longo da história e como evitá las no futuroFernando Alcoforado
 
A geografia no poder mundial 1
A geografia no poder mundial 1A geografia no poder mundial 1
A geografia no poder mundial 1papathy
 
As três grandes ameaças para a humanidade no século xxi
As três grandes ameaças para a humanidade no século xxiAs três grandes ameaças para a humanidade no século xxi
As três grandes ameaças para a humanidade no século xxiFernando Alcoforado
 
9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdf
9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdf9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdf
9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdfNivea Neves
 
O mundo após a 2ª guerra mundial
O mundo após a 2ª guerra mundialO mundo após a 2ª guerra mundial
O mundo após a 2ª guerra mundialDaniel Coelho
 

Semelhante a O mundo em 2016 e os conflitos internacionais (20)

COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...
COMO TORNAR REALIDADE A UTOPIA DA PAZ MUNDIAL PARA EVITAR A ECLOSÃO DA 3ª GUE...
 
Como eliminar as guerras em nosso planeta
Como eliminar as guerras em nosso planetaComo eliminar as guerras em nosso planeta
Como eliminar as guerras em nosso planeta
 
O risco de guerra entre estados unidos e coreia do norte
O risco de guerra entre estados unidos e coreia do norteO risco de guerra entre estados unidos e coreia do norte
O risco de guerra entre estados unidos e coreia do norte
 
O mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundial
O mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundialO mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundial
O mundo em 2013 e a ameaça de uma nova guerra mundial
 
A paz mundial e a confraternização universal
A paz mundial e a confraternização universalA paz mundial e a confraternização universal
A paz mundial e a confraternização universal
 
A paz mundial e a confraternizacao universal
A paz mundial e a confraternizacao universalA paz mundial e a confraternizacao universal
A paz mundial e a confraternizacao universal
 
As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...
As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...
As eleições presidenciais nos estados unidos e o futuro das relações internac...
 
Globalização do terrorismo
Globalização do terrorismoGlobalização do terrorismo
Globalização do terrorismo
 
Resumos de História - 4ºteste 12ºano
Resumos de História - 4ºteste 12ºanoResumos de História - 4ºteste 12ºano
Resumos de História - 4ºteste 12ºano
 
Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.Nova ordem mundial.
Nova ordem mundial.
 
Aula 3 Ordem Mundial AZ
Aula 3 Ordem Mundial AZAula 3 Ordem Mundial AZ
Aula 3 Ordem Mundial AZ
 
Aula 2 Ordem Mundial
Aula 2 Ordem MundialAula 2 Ordem Mundial
Aula 2 Ordem Mundial
 
O mundo saído da 2ª guerra mundial
O mundo saído da 2ª guerra mundialO mundo saído da 2ª guerra mundial
O mundo saído da 2ª guerra mundial
 
As guerras ao longo da história e como evitá las no futuro
As guerras ao longo da história e como evitá las no futuroAs guerras ao longo da história e como evitá las no futuro
As guerras ao longo da história e como evitá las no futuro
 
A geografia no poder mundial 1
A geografia no poder mundial 1A geografia no poder mundial 1
A geografia no poder mundial 1
 
As três grandes ameaças para a humanidade no século xxi
As três grandes ameaças para a humanidade no século xxiAs três grandes ameaças para a humanidade no século xxi
As três grandes ameaças para a humanidade no século xxi
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdf
9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdf9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdf
9º-HIS-4ª-quinzena-2º-corte-pdf-1.pdf
 
O mundo após a 2ª guerra mundial
O mundo após a 2ª guerra mundialO mundo após a 2ª guerra mundial
O mundo após a 2ª guerra mundial
 
Modulo 8 e 9 historia A 12ºano
Modulo 8 e 9 historia A 12ºanoModulo 8 e 9 historia A 12ºano
Modulo 8 e 9 historia A 12ºano
 

Mais de Fernando Alcoforado

O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO
O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO   O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO
O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO Fernando Alcoforado
 
L'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIEN
L'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIENL'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIEN
L'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIENFernando Alcoforado
 
LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?
LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?
LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?Fernando Alcoforado
 
AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...
AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...
AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...Fernando Alcoforado
 
GLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTH
GLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTHGLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTH
GLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTHFernando Alcoforado
 
LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...
LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...
LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...Fernando Alcoforado
 
INONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL
INONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIALINONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL
INONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIALFernando Alcoforado
 
CITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGE
CITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGECITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGE
CITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGEFernando Alcoforado
 
INUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL
INUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBALINUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL
INUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBALFernando Alcoforado
 
CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022
CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022 CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022
CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022 Fernando Alcoforado
 
CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...
CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...
CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...Fernando Alcoforado
 
CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...
CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...
CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...Fernando Alcoforado
 
COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...
COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...
COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...Fernando Alcoforado
 
COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...
COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...
COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...Fernando Alcoforado
 
THE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLD
THE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLDTHE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLD
THE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLDFernando Alcoforado
 
LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE
LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE
LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE Fernando Alcoforado
 
A GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDO
A GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDOA GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDO
A GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDOFernando Alcoforado
 
O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...
O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...
O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...Fernando Alcoforado
 
LES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUEL
LES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUELLES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUEL
LES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUELFernando Alcoforado
 
SOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZIL
SOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZILSOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZIL
SOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZILFernando Alcoforado
 

Mais de Fernando Alcoforado (20)

O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO
O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO   O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO
O INFERNO DAS CATÁSTROFES SOFRIDAS PELO POVO BRASILEIRO
 
L'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIEN
L'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIENL'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIEN
L'ENFER DES CATASTROPHES SUBIS PAR LE PEUPLE BRÉSILIEN
 
LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?
LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?
LE MONDE VERS UNE CATASTROPHE CLIMATIQUE?
 
AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...
AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...
AQUECIMENTO GLOBAL, MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL E SEUS IMPACTOS SOBRE A SAÚDE HU...
 
GLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTH
GLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTHGLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTH
GLOBAL WARMING, GLOBAL CLIMATE CHANGE AND ITS IMPACTS ON HUMAN HEALTH
 
LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...
LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...
LE RÉCHAUFFEMENT CLIMATIQUE, LE CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL ET SES IMPACTS ...
 
INONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL
INONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIALINONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL
INONDATIONS DES VILLES ET CHANGEMENT CLIMATIQUE MONDIAL
 
CITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGE
CITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGECITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGE
CITY FLOODS AND GLOBAL CLIMATE CHANGE
 
INUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL
INUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBALINUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL
INUNDAÇÕES DAS CIDADES E MUDANÇA CLIMÁTICA GLOBAL
 
CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022
CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022 CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022
CIVILIZAÇÃO OU BARBÁRIE SÃO AS ESCOLHAS DO POVO BRASILEIRO NAS ELEIÇÕES DE 2022
 
CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...
CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...
CIVILISATION OU BARBARIE SONT LES CHOIX DU PEUPLE BRÉSILIEN AUX ÉLECTIONS DE ...
 
CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...
CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...
CIVILIZATION OR BARBARISM ARE THE CHOICES OF THE BRAZILIAN PEOPLE IN THE 2022...
 
COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...
COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...
COMO EVITAR A PREVISÃO DE STEPHEN HAWKING DE QUE A HUMANIDADE SÓ TEM MAIS 100...
 
COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...
COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...
COMMENT ÉVITER LA PRÉVISION DE STEPHEN HAWKING QUE L'HUMANITÉ N'A QUE 100 ANS...
 
THE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLD
THE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLDTHE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLD
THE GREAT FRENCH REVOLUTION THAT CHANGED THE WORLD
 
LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE
LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE
LA GRANDE RÉVOLUTION FRANÇAISE QUI A CHANGÉ LE MONDE
 
A GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDO
A GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDOA GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDO
A GRANDE REVOLUÇÃO FRANCESA QUE MUDOU O MUNDO
 
O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...
O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...
O TARIFAÇO DE ENERGIA É SINAL DE INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO FEDERAL NO PLANEJAM...
 
LES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUEL
LES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUELLES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUEL
LES RÉVOLUTIONS SOCIALES, LEURS FACTEURS DÉCLENCHEURS ET LE BRÉSIL ACTUEL
 
SOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZIL
SOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZILSOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZIL
SOCIAL REVOLUTIONS, THEIR TRIGGERS FACTORS AND CURRENT BRAZIL
 

O mundo em 2016 e os conflitos internacionais

  • 1. 1 O MUNDO EM 2016 E OS CONFLITOS INTERNACIONAIS Fernando Alcoforado* Na história da humanidade, houve três tentativas de estabelecer uma governança internacional que contribuísse para a construção da paz. A primeira tentativa ocorreu em 1648 com a celebração da Paz da Vestfália na Europa que marcou o fim do primeiro grande conflito europeu, a Guerra dos Trinta anos. A segunda tentativa foi a constituição da Liga das Nações ou Sociedade das Nações criada em 1919 com o Tratado de Versalhes que colocava termo à Primeira Guerra Mundial. A terceira e última tentativa foi a constituição da Organização das Nações Unidas (ONU), ou simplesmente Nações Unidas que foi estabelecida em 24 de outubro de 1945, após o término da Segunda Guerra Mundial com a intenção de impedir outro conflito como aquele. Na sua fundação, a ONU tinha 51 estados membros e hoje são 193. De acordo com uma matéria publicada pelo jornal The Washington Post, desde o fim da Segunda Guerra Mundial o mundo conheceu 160 guerras, onde morreram cerca de 7 milhões de soldados e 30 milhões de civis. O ex-secretário de Estado norte-americano, Zbigniew Brzezinski, fez uma estimativa abrangendo todas as "megamortes" ocorridas desde 1914 e chegou a um total de 187 milhões de mortos. Em 2016, continua a escalada dos conflitos internacionais. No contexto internacional atual, é possível identificar nove grandes conflitos mundiais os quais estão descritos nos parágrafos a seguir. O conflito entre os Estados Unidos e aliados ocidentais e a Rússia resulta da tentativa das potências ocidentais de impedir o revigoramento da Rússia como grande potência mundial e da recuperação geopolítica da Rússia graças à afirmação de um projeto nacionalista de recuperação do Estado russo por parte de Wladimir Putin. O conflito entre os Estados Unidos e a China resulta da necessidade de os Estados Unidos impedirem a ascensão da China à condição de potência hegemônica no planeta. Para tanto, foi adotada uma nova estratégia militar global dos Estados Unidos que passou a se concentrar na região Ásia-Pacífico para fazer frente à ameaça proveniente da China. Por sua vez, a China promove rápida modernização das forças armadas cujos gastos militares vão ultrapassar os orçamentos combinados das doze outras grandes potências da região Ásia-Pacífico. O conflito entre Israel e Palestina coloca em confronto os povos palestino e judeu pela ocupação do mesmo território em disputa. Além de assumir a dimensão local, o conflito Israel- Palestina se insere como um conflito regional no contexto do conflito Árabe- Israelense que é um longo conflito na região do Oriente Médio, que ocorre desde o final do século XIX. O conflito entre Israel e Irã resulta do fato de Israel pretender evitar que o Irã se transforme em uma potência nuclear que possa ameaçar sua sobrevivência como nação. O conflito entre sunitas e xiitas resulta da rivalidade entre a Arábia Saudita, de maioria sunita, e o Irã, a grande potência xiita no Oriente Médio. O conflito na Síria é uma guerra civil que teve início em 2011 e se transformou em guerra regional envolvendo vários países (Estados Unidos, seus aliados ocidentais e a Arábia Saudita que apoiam os rebeldes na derrubada do regime de Bashar al-Assad e a Rússia e Irã que apoiam Bashar al-Assad).
  • 2. 2 O choque de civilizações foi previsto por Samuel Huntington no livro Choque de Civilizações (HUNTINGTON, Samuel. O Choque de Civilizações. Objetiva, 1997) que apontou uma divergência profunda entre as civilizações Ocidental e Islâmica. É nesse contexto que se insere o Estado Islâmico que tem por objetivo expandir o seu califado por todo o Oriente Médio e estabelecer conexões na Europa e outras regiões do mundo, com o propósito de realizar atentados que lhes possam conferir autoridade através do terror. O conflito entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul representa a continuidade da Guerra da Coreia (1950-1953) que foi encerrado com a assinatura do Tratado de Pan- munjom. Apesar disto, Coreia do Sul e Coreia do Norte continuam oficialmente em guerra até hoje. Pelo exposto, é dramática a situação atual do planeta. O mundo em que vivemos virou um caos ingovernável no qual as grandes potências só pensam em poder e riqueza. Enquanto prevalecer esta situação no mundo a guerra tende a proliferar em todos os quadrantes da Terra. Como construir um novo cenário de paz e cooperação entre as nações e os povos do mundo inteiro? Este é um desafio antigo e pensado por muitos filósofos como é o caso de ImmanuelKantao abordarestetemaemsuaobra A paz perpétua que propõe os fundamentos e os princípios necessários para uma livre federação de Estados juridicamente estabelecidos os quais não adotariam a forma de um Estado mundial, pois isso resultaria em um absolutismo ilimitado. Deveria haver uma federação de Estados livres em que todos possuíssem constituições republicanas. O fim último desta federação seria o da promoção do bem supremo, que é a verdadeira paz entre os Estados, acabando com o funesto guerrear, para o qual todos os Estados sempre voltaram seus esforços, como fim principal. A proposta de Kant foi levada à prática com a constituição da Liga das Nações em 1919 e da ONU em 1946 as quais não foram capazes de viabilizar a paz mundial. Tudo o que acaba de ser relatado aponta no sentido de que a humanidade deva constituir um governo mundial como condição indispensável para colocar um fim às guerras e fazer prevalecer a paz mundial. Com um governo mundial, será possível mediar os conflitos, combater a guerra e acabar com o banho de sangue que tem caracterizado a história da humanidade ao longo da história. O governo mundial deve ser representativo de todos os povos do mundo. A sobrevivência da humanidade dependerá da capacidade de se celebrar um Contrato Social Planetário representativo da vontade da maioria da população do planeta. * Fernando Alcoforado, 76, membro da Academia Baiana de Educação, engenheiro e doutor em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Regional pela Universidade de Barcelona, professor universitário e consultor nas áreas de planejamento estratégico, planejamento empresarial, planejamento regional e planejamento de sistemas energéticos, é autor dos livros Globalização (Editora Nobel, São Paulo, 1997), De Collor a FHC- O Brasil e a Nova (Des)ordem Mundial (Editora Nobel, São Paulo, 1998), Um Projeto para o Brasil (Editora Nobel, São Paulo, 2000), Os condicionantes do desenvolvimento do Estado da Bahia (Tese de doutorado. Universidade de Barcelona, http://www.tesisenred.net/handle/10803/1944, 2003), Globalização e Desenvolvimento (Editora Nobel, São Paulo, 2006), Bahia- Desenvolvimento do Século XVI ao Século XX e Objetivos Estratégicos na Era Contemporânea (EGBA, Salvador, 2008), The Necessary Conditions of the Economic and Social Development- The Case of the State of Bahia (VDM Verlag Dr. Müller Aktiengesellschaft & Co. KG, Saarbrücken, Germany, 2010), Aquecimento Global e Catástrofe Planetária (P&A Gráfica e Editora, Salvador, 2010), Amazônia Sustentável- Para o progresso do Brasil e combate ao aquecimento global (Viena- Editora e Gráfica, Santa Cruz do Rio Pardo, São Paulo, 2011), Os Fatores Condicionantes do Desenvolvimento Econômico e Social (Editora CRV, Curitiba, 2012) e Energia no Mundo e no Brasil- Energia e Mudança Climática Catastrófica no Século XXI (Editora CRV, Curitiba, 2015).