Belo Horizonte - MG Outubro 2011
Política de Desenvolvimento Urbano: Um campo  de atuação social
O aumento da população urbana gerou um quadro de crescimento desordenado, com grandes demandas sociais Processo de urbaniz...
Ocupações áreas risco Falta de infra-estrutura e serviços básicos Degradação ambiental Assentamentos precários Os centros ...
<ul><li>É neste contexto que a área de desenvolvimento urbano se abre para um vasto campo de atuação do Assistente Social ...
O TRABALHO SOCIAL  COMO INSTRUMENTO DA  POLÍTICA NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO URBANO
TTS: um componente das intervenções urbanas O Trabalho Técnico Social é  componente obrigatório  em diversos programas de ...
DEFINIÇÃO Instrumento de participação, promoção e controle social integrado à política de desenvolvimento urbano, por meio...
O TTS na área de desenvolvimento urbano deve ser entendido  como um conjunto de ações que visam ao DESENVOLVIMENTO SÓCIO-O...
<ul><li>OBJETIVOS </li></ul><ul><li>Fomentar a  participação da comunidade  em todas as etapas da intervenção  – antes, du...
PREMISSAS   <ul><li>Interdisciplinariedade; </li></ul><ul><li>Intersetorialidade e a integração interinstitucional; </li><...
PREMISSAS   <ul><li>inclusão social; </li></ul><ul><li>questões de gênero; </li></ul><ul><li>busca do resgate dos valores ...
EIXOS BÁSICOS DO TTS   √  participação comunitária e desenvolvimento sócio-organizativo  √  mobilização e comunicação soci...
FRENTES DO  TRABALHO SOCIAL
<ul><li>O técnico social como planejador urbano   </li></ul>PLANEJAMENTO
<ul><li>Estudos de Viabilidade Técnica de empreendimento; </li></ul><ul><li>Estudos de Impacto Ambiental – EIA; </li></ul>...
PROJETO DE TRABALHO SOCIAL <ul><li>Balizado pelo diagnóstico social cria-se proposta de trabalho  equacionada às demandas ...
<ul><li>Elaboração participativa de Plano Global Específico – PGE; </li></ul><ul><li>Elaboração de Planos de Remoção e Rea...
<ul><li>Elaboração dos Planos Setoriais; </li></ul><ul><li>Diagnóstico Sócio econômico e ambiental; </li></ul><ul><li>Elab...
O técnico social compondo equipe multidisciplinar na execução de planos locais de desenvolvimento urbano EXECUÇÃO <ul><li>...
<ul><li>Fomento, formação e consolidação de Grupos de Referência, grupos operativos de acompanhamento de obra, de comissão...
<ul><li>Acompanhamento de processo de licenciamento ambiental; </li></ul><ul><li>Execução do PTTS – Plano de Trabalho Técn...
<ul><li>Atendimento familiar; </li></ul><ul><li>Mediação de conflitos; </li></ul>
INTERVENÇÃO TÉCNICO SOCIAL <ul><li>O técnico social desempenha papel ativo no equacionamento dos problemas encontrados, no...
<ul><li>Acompanhamento das famílias( pós morar/ pós ocupação) com acompanhamento de indicadores de melhoria de qualidade d...
Bairro Jova Rural – Zona Norte de São Paulo – Foto de Tuca Vieira
Caderno de Orientação Técnico Social COTS www.caixa.gov.br/download/Trabalho Técnico Social/ Manuais de Orientações Técnic...
Belo Horizonte-MG OUTUBRO DE 2011
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Política de desenvolvimento urbano: um campo de atuação

789 visualizações

Publicada em

Apresentação utilizada durante o Seminário Política de Desenvolvimento Urbano - Habitação de Interesse Social: Dilemas e Perspectivas, realizado pelo CRESS-MG, em outubro de 2011, em BH.

1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
789
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Política de desenvolvimento urbano: um campo de atuação

  1. 1. Belo Horizonte - MG Outubro 2011
  2. 2. Política de Desenvolvimento Urbano: Um campo de atuação social
  3. 3. O aumento da população urbana gerou um quadro de crescimento desordenado, com grandes demandas sociais Processo de urbanização: predatório, desigual e injusto A cidade: lugar de contrastes - formal X informal segregação sócio-espacial
  4. 4. Ocupações áreas risco Falta de infra-estrutura e serviços básicos Degradação ambiental Assentamentos precários Os centros urbanos : maiores desafios do século que se inicia
  5. 5. <ul><li>É neste contexto que a área de desenvolvimento urbano se abre para um vasto campo de atuação do Assistente Social </li></ul>
  6. 6. O TRABALHO SOCIAL COMO INSTRUMENTO DA POLÍTICA NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO URBANO
  7. 7. TTS: um componente das intervenções urbanas O Trabalho Técnico Social é componente obrigatório em diversos programas de desenvolvimento urbano, notadamente naqueles voltados para obras de habitação, saneamento, infra-estrutura, regularização fundiária e preservação ambiental .
  8. 8. DEFINIÇÃO Instrumento de participação, promoção e controle social integrado à política de desenvolvimento urbano, por meio de um conjunto de ações planejadas visando o desenvolvimento e a organização comunitária, em função de uma intervenção urbanística ou de planejamento urbano.
  9. 9. O TTS na área de desenvolvimento urbano deve ser entendido como um conjunto de ações que visam ao DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ORGANIZATIVO (direcionado a grupos, ao coletivo)
  10. 10. <ul><li>OBJETIVOS </li></ul><ul><li>Fomentar a participação da comunidade em todas as etapas da intervenção – antes, durante e após as obras e na elaboração de planos (PHIS – PGE – PD , etc.) </li></ul><ul><li>Fortalecer os laços sociais e de convivência comunitária </li></ul><ul><li>Contribuir para a autonomia e representatividade da comunidade - EMANCIPAÇÃO </li></ul><ul><li>Estimular os mecanismos de promoção social, geração de trabalho e renda </li></ul><ul><li>Contribuir para a sustentabilidade dos benefícios implantados (gestão/uso/manutenção) e a preservação ambiental </li></ul><ul><li>Compartilhar responsabilidades em uma concepção de gestão participativa e da auto-gestão </li></ul>
  11. 11. PREMISSAS <ul><li>Interdisciplinariedade; </li></ul><ul><li>Intersetorialidade e a integração interinstitucional; </li></ul><ul><li>interação das equipes técnicas: social e engenharia. </li></ul><ul><li>Parcerias com a iniciativa privada, a sociedade civil organizada e população; </li></ul><ul><li>Apropriação de bens e serviços implantados – sustentabilidade das intervenções; </li></ul><ul><li>Transparência na gestão dos recursos públicos </li></ul><ul><li>Potencialização na aplicação dos recursos públicos </li></ul><ul><li>A participação comunitária como um método de trabalho; </li></ul><ul><li>A busca pela autonomia dos grupos envolvidos; </li></ul><ul><li>Rspeito ao conhecimento da comunidade sobre a realidade local , seus valores e cultura; </li></ul>
  12. 12. PREMISSAS <ul><li>inclusão social; </li></ul><ul><li>questões de gênero; </li></ul><ul><li>busca do resgate dos valores étnicos; </li></ul><ul><li>maximização de recursos; </li></ul><ul><li>valorização do potencial produtivo da comunidade beneficiária; </li></ul><ul><li>respeito ao meio ambiente; </li></ul><ul><li>busca de parcerias; </li></ul>
  13. 13. EIXOS BÁSICOS DO TTS √ participação comunitária e desenvolvimento sócio-organizativo √ mobilização e comunicação social √ educação sanitária, ambiental, patrimonial, para a saúde e para a mobilidade urbana, √ remoção e reassentamento √ empreendedorismo
  14. 14. FRENTES DO TRABALHO SOCIAL
  15. 15. <ul><li>O técnico social como planejador urbano </li></ul>PLANEJAMENTO
  16. 16. <ul><li>Estudos de Viabilidade Técnica de empreendimento; </li></ul><ul><li>Estudos de Impacto Ambiental – EIA; </li></ul><ul><li>Elaboração do Projeto de Trabalho Técnico Social PTTS), com cinco eixos de intervenção: participação comunitária e desenvolvimento sócio-organizativo, mobilização e comunicação social,educação sanitária e ambiental, remoção e reassentamento, empreendedorismo. </li></ul>FRENTES DE TRABALHO
  17. 17. PROJETO DE TRABALHO SOCIAL <ul><li>Balizado pelo diagnóstico social cria-se proposta de trabalho equacionada às demandas </li></ul><ul><li>Ausculta e observação são fundamentais durante o desenvolvimento das atividades propostas, possibilitando abertura e flexibilização do projeto </li></ul>
  18. 18. <ul><li>Elaboração participativa de Plano Global Específico – PGE; </li></ul><ul><li>Elaboração de Planos de Remoção e Reassentamento –PRR e mutirão; </li></ul>
  19. 19. <ul><li>Elaboração dos Planos Setoriais; </li></ul><ul><li>Diagnóstico Sócio econômico e ambiental; </li></ul><ul><li>Elaboração de Planos Diretores. </li></ul>
  20. 20. O técnico social compondo equipe multidisciplinar na execução de planos locais de desenvolvimento urbano EXECUÇÃO <ul><li>Fomento, formação e consolidação de Núcleos de Defesa Civil; </li></ul>FRENTES DE TRABALHO
  21. 21. <ul><li>Fomento, formação e consolidação de Grupos de Referência, grupos operativos de acompanhamento de obra, de comissão de educação ambiental, geração de trabalho e renda, </li></ul><ul><li>Execução de Planos de Remoção e Reassentamento – PRR e mutirão; </li></ul><ul><li>Elaboração de material educativo; </li></ul><ul><li>          </li></ul>
  22. 22. <ul><li>Acompanhamento de processo de licenciamento ambiental; </li></ul><ul><li>Execução do PTTS – Plano de Trabalho Técnico Social; </li></ul><ul><li>Acompanhamento das famílias( pós morar/ pós ocupação); </li></ul><ul><li>Desenvolvimento sócio-organizativo; </li></ul><ul><li>Articulação de parcerias (associações, parcerias, etc); </li></ul>
  23. 23. <ul><li>Atendimento familiar; </li></ul><ul><li>Mediação de conflitos; </li></ul>
  24. 24. INTERVENÇÃO TÉCNICO SOCIAL <ul><li>O técnico social desempenha papel ativo no equacionamento dos problemas encontrados, no acompanhamento e na avaliação das ações suscitadas em função dos problemas. </li></ul><ul><li>Busca a co-participação do técnico e do público alvo implicado nos problemas investigados, contribuindo para a atividade transformadora da situação. </li></ul>
  25. 25. <ul><li>Acompanhamento das famílias( pós morar/ pós ocupação) com acompanhamento de indicadores de melhoria de qualidade de vida; </li></ul><ul><li>Sistematização, registro e avaliação de atividades . </li></ul>MONITORAMENTO FRENTES DE TRABALHO
  26. 26. Bairro Jova Rural – Zona Norte de São Paulo – Foto de Tuca Vieira
  27. 27. Caderno de Orientação Técnico Social COTS www.caixa.gov.br/download/Trabalho Técnico Social/ Manuais de Orientações Técnicas Caderno de Textos Núcleo de Assistentes Sociais – NAS DU
  28. 28. Belo Horizonte-MG OUTUBRO DE 2011

×