“ Grandes epidemias: Um passado presente” Ciências Naturais
O que é uma Epidemia? <ul><li>Epidemia ,  isto é, doenças que se propagam numa determinada região ou comunidade em grandes...
O que é o Sida? <ul><li>O SIDA  é uma doença provocada pelo vírus VIH. </li></ul><ul><li>O SIDA ainda não tem cura, sendo ...
Sintomas <ul><li>Os primeiros sinais são:   </li></ul><ul><li>Aumento dos gânglios linfáticos;  </li></ul><ul><li>Febre; <...
Formas de Contágio Partilhar escovas de dentes   Partilhar objectos cortantes         Relações homossexuais   Relações het...
Formas de não Contágio   Partilhar copos e talheres    Contactos sociais      Trocar roupa   Sexo seguro      W.C.   Brinc...
Antraz <ul><li>O Antraz é uma doença que normalmente atinge animais de fazenda e pode causar cicatrizes negras na pele. </...
Sintomas <ul><li>Surge com uma mancha a rosada no local da infecção; </li></ul><ul><li>Incha e torna-se uma bolha que rebe...
Prevenção <ul><li>A vacina de Antraz está disponível para pessoas que ocupam cargos de alto risco. </li></ul><ul><li>També...
Formas de Contágio <ul><li>O ser humano pode ser infectado de três maneiras: </li></ul><ul><li>Cutânea; </li></ul><ul><li>...
Cientista: Robert Koch <ul><li>Foi um médico, patologista e bacteriologista alemão. </li></ul><ul><li>As suas principais c...
Paralelismo: Antraz e Sida Paralelismo Antraz Sida Óbitos Mais de 80% da pessoas que inalam os esporos da Antraz, morrem -...
Referências Bibliográficas <ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Peste_negra </li></ul><ul><li>http://www.plannet2000.com.b...
Fim
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Grandes Epidemias Antraz E Sida

3.451 visualizações

Publicada em

Publicada em: Diversão e humor, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.451
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
22
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Grandes Epidemias Antraz E Sida

  1. 1. “ Grandes epidemias: Um passado presente” Ciências Naturais
  2. 2. O que é uma Epidemia? <ul><li>Epidemia , isto é, doenças que se propagam numa determinada região ou comunidade em grandes proporções, num curto período de tempo. </li></ul>Fig. 1 A descoberta da epidemia
  3. 3. O que é o Sida? <ul><li>O SIDA é uma doença provocada pelo vírus VIH. </li></ul><ul><li>O SIDA ainda não tem cura, sendo mesmo mortal. </li></ul><ul><li>Um indivíduo infectado com este vírus pode contrair e desenvolver infecções muito variadas ou mesmo certos tipos de cancro. </li></ul><ul><li>Este vírus introduz-se no organismo humano, podendo permanecer “inactivo”, ou “activo”, destruindo o sistema imunitário da pessoa. </li></ul>Fig. 2 Vírus da SIDA
  4. 4. Sintomas <ul><li>Os primeiros sinais são: </li></ul><ul><li>Aumento dos gânglios linfáticos; </li></ul><ul><li>Febre; </li></ul><ul><li>Suores nocturnos; </li></ul><ul><li>Perda rápida de peso; </li></ul><ul><li>Diarreia; </li></ul><ul><li>Uma fadiga invulgar e longa. </li></ul>Fig. 3 Aumento dos gânglios linfáticos
  5. 5. Formas de Contágio Partilhar escovas de dentes Partilhar objectos cortantes      Relações homossexuais Relações heterossexuais Tatuagens          Partilhar seringas
  6. 6. Formas de não Contágio   Partilhar copos e talheres  Contactos sociais   Trocar roupa Sexo seguro   W.C. Brincar
  7. 7. Antraz <ul><li>O Antraz é uma doença que normalmente atinge animais de fazenda e pode causar cicatrizes negras na pele. </li></ul><ul><li>Essa infecção cutânea não é especialmente perigosa. </li></ul><ul><li>A bactéria pode formar esporos capazes de sobreviver. </li></ul><ul><li>Os esporos tornam-se activos num ambiente quente e húmido como o interior do nariz. </li></ul>Fig. 5 Bactéria da Antraz
  8. 8. Sintomas <ul><li>Surge com uma mancha a rosada no local da infecção; </li></ul><ul><li>Incha e torna-se uma bolha que rebenta; </li></ul><ul><li>Torna-se uma úlcera escura; </li></ul><ul><li>Pode haver febre, mal-estar, náuseas e dor de cabeça. </li></ul>Fig. 6 Uma lesão desenvolvida na pele
  9. 9. Prevenção <ul><li>A vacina de Antraz está disponível para pessoas que ocupam cargos de alto risco. </li></ul><ul><li>Também deve-se tomar cuidados especiais ao manipular animais mortos suspeitos de ter Antraz. </li></ul><ul><li>Ter um local com boa ventilação quando lidar com a pele e com o pêlo de animais. </li></ul>Fig. 7 Vacina de Antraz
  10. 10. Formas de Contágio <ul><li>O ser humano pode ser infectado de três maneiras: </li></ul><ul><li>Cutânea; </li></ul><ul><li>Gastrointestinal; </li></ul><ul><li>Respiração. </li></ul>Fig. 8 Imagem do Bacillus anthracis.
  11. 11. Cientista: Robert Koch <ul><li>Foi um médico, patologista e bacteriologista alemão. </li></ul><ul><li>As suas principais contribuições para a ciência médica são: </li></ul><ul><li>a descoberta e descrição do agente da Antraz e do seu ciclo; </li></ul><ul><li>os métodos de fixação e coloração de bactérias para estudo no microscópio. </li></ul>Fig. 9 Robert Koch
  12. 12. Paralelismo: Antraz e Sida Paralelismo Antraz Sida Óbitos Mais de 80% da pessoas que inalam os esporos da Antraz, morrem - Causas Vírus Bacillus anthracis Vírus HIV. Consequências Mata pessoas por todo o Mundo Mata pessoas por todo o Mundo. Sintomas Surge com uma mancha a rosada no local da infecção; incha e torna-se uma bolha que rebenta; torna-se uma úlcera escura; pode haver febre, mal-estar, náuseas e dor de cabeça Aumento dos gânglios linfáticos, febre, suores nocturnos, perda rápida de peso, diarreia e uma fadiga invulgar e longa. Prevenção Evitar o contacto com animais e produtos contaminados e evitar comer carne contaminada. Outra forma de prevenção é a vacina Não ter relações sexuais com portadores do vírus da SIDA e utilizar sempre preservativo.
  13. 13. Referências Bibliográficas <ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Peste_negra </li></ul><ul><li>http://www.plannet2000.com.br/antraz.html </li></ul><ul><li>http://www.roche.pt/sida/o_que_e_a_sida/ </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Robert_Koch </li></ul>
  14. 14. Fim

×