William Adolphe Bouguereau

728 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
728
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

William Adolphe Bouguereau

  1. 1. William Adolphe Bouguereau Clique 1825 - 1905
  2. 2. Pintor francês, Bouguereau nasceu e morreu em La Rochelle, onde, no jardim do seu estúdio, foi pintada grande parte de sua obra.   Depois de estudar os clássicos num colégio de Pons, conseguiu ir para Paris, onde, aos 25 anos, logo após sair   da École des Beaux-Arts ,  conquistou o Prêmio de Roma pelo seu quadro histórico "Zenóbio". O valor desse prêmio possibilitou sua ida para Roma, onde permaneceu por quatro anos.    William Adolphe Bouguereau, auto-retrato
  3. 3. Biblis,1884 – Private Collection
  4. 4. Dante and Virgil in Hell, 1850
  5. 5. Como professor da École des Beaux-Arts , Bouguereau se opôs firmemente aos pintores impressionistas, especialmente a Edouard Manet (1832-1883), colocando-se como um dos defensores intransigentes da pintura acadêmica, daí originando-se uma luta sem fronteiras e sem trégua entre os dois movimentos. O academicismo (ou neoclassicismo) nos remete ao estilo pictorial da Idade Média (Arte Românica e Gótica) e ao Renascimento, embora a pintura acadêmica tenha sofrido sensíveis alterações com o transcorrer de vários séculos. É possível ver, nos quadros de Bouguereau, a semelhança extraordinária de suas mulheres com as Madonas de Rafael; em seus anjos, a lembrança de Michelangelo.
  6. 6. Cupidon,1875
  7. 7. Evening Mood, 1882
  8. 8. Seated Bather, 1884 Sterling and Francine Clark Art Institute, Williamstown
  9. 9. Bouguereau pintou mais de setecentos quadros, alcançando sucesso financeiro e aplauso público, mas nunca se esqueceu dos seus dias difíceis e, secretamente, ajudava jovens artistas que estivessem lutando por recursos para iniciar uma carreira artística. A delicadeza com que Borguereau pintava crianças e cenas domésticas, sua habilidade técnica, a paixão pelo academicismo, seu amor pelo colorido rico, são a marca registrada dos seus quadros primorosos.
  10. 10. At the Edge of the River
  11. 11. Breton Brother and Sister, 1871 Catharine Lorillard Wolfe Collection
  12. 12. By the Edge of a Stream
  13. 13. Child at Bath, 1886 Henry Art Gallery, University of Washington
  14. 14. Childhood Idyll
  15. 15. Cupid and Psyche as Children, 1889 Private Collection
  16. 16. Créditos Fundo musical: Vozes da Primavera Johann Strauss II, *1825 +1899   Pesquisa e Produção: Mario Capelluto e Ida Aranha [email_address] Formatação: Elisabeth Victoria Rachaus [email_address] http://www.sabercultural.com

×