SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
Baixar para ler offline
Windows 7 – Aula 01
Iniciando o Windows, Partes do Computador, Área de Trabalho, Treino
com o mouse, Partes de uma janela, Botões de Controle, Desligando um
computador e Exercícios de Revisão
Iniciando o Windows
O Windows 7 é um sistema operacional desenvolvido pela
Microsoft.
Visualmente o Windows 7 é semelhante ao seu antecessor, o
Windows Vista, porém a interface é muito mais rica e intuitiva,
tornando a experiência individual um verdadeiro prazer.
Esse sentido se traduz na facilidade de localizar seus aplicativos
e arquivos.
Hoje encontramos ícones tridimensionais, agrupamento de
aplicativos na barra de tarefas, design moderno e visualizações
dinâmicas que permitem localizar de forma fácil, rápida e
atraente os programas ou documentos abertos.
Iniciando o Windows
O Windows é um Sistema Operacional multitarefa
e para múltiplos usuários.
O novo sistema operacional da Microsoft trouxe,
além dos recursos do Windows 7, muitos outros
recursos que tornam a utilização do computador
mais amigável.
Algumas características não mudam, inclusive
porque os elementos que constroem a interface
são os mesmos.
Versões do Windows 7
Foram desenvolvidas muitas versões do
Windows 7 para que atendam às diversas
características de plataformas
computacionais e necessidades
tecnológicas diferentes e existentes no
mercado (residencial e corporativo).
Versões do Windows 7
Starter:
Esta é a versão mais básica de
Windows.
Foi Projetado especificamente para
ajudar mais as pessoas em mercados
de tecnologia em desenvolvimento a
aprender habilidades valiosas com
computador e a atingir novas
oportunidades.
Ideal para netbooks.
Home Basic:
Esta é uma versão intermediária entre as
edições Starter e Home Premium (que será
mostrada logo abaixo).
Terá também a versão de 64 bits e permitirá
a execução de mais de três aplicativos ao
mesmo tempo.
Assim como a anterior, não terá suporte
para o Aero Glass nem para as
funcionalidades sensíveis ao toque, fugindo
um pouco da principal novidade do Windows
7.
Home Premium:
Edição que os usuários domésticos podem chamar de
“completa”, a Home Premium acumula todas as
funcionalidades das edições citadas anteriormente e soma
mais algumas ao pacote.
Dentre as funções adicionadas, as principais são o suporte à
interface Aero Glass (finalmente!) e também aos recursos
Touch Windows (tela sensível ao toque) e AeroBackground,
que troca seu papel de parede automaticamente no
intervalo de tempo determinado.
Haverá ainda um aplicativo nativo para auxiliar no
gerenciamento de redes wireless, conhecido como Mobility
Center.
Professional:
É a edição para aqueles que preferem trabalhar tanto no
ambiente doméstico quanto no ambiente de trabalho.
Com todos os recursos do Windows Home Premium, ele
ainda permite trabalhar com funcionalidades como Modo
Windows XP para executar aplicativos mais antigos que
se executam normalmente no Windows XP e possui
backup automático para os seus dados.
Como empresas sempre estão procurando maneiras para
se proteger de fraudes, o Windows 7 Professional traz o
Encrypting File System, que dificulta a violação de
dados.
Esta versão também será encontrada em lojas de varejo
ou computadores novos.
Enterprise:
Como esta é uma versão mais voltada para empresas
de médio e grande porte, só poderá ser adquirida
com licenciamento para diversas máquinas.
Acumula todas as funcionalidades citadas na edição
Professional e possui recursos mais sofisticados de
segurança. Dentre esses recursos estão o BitLocker,
responsável pela criptografia de dados e o AppLocker,
que impede a execução de programas não
autorizados.
Além disso, há ainda o BrachCache, para turbinar
transferência de arquivos grandes e também o
DirectAccess, que dá uma super ajuda com a
configuração de redes corporativas.
Ultimate:
É a escolha certa para quem quer ter tudo. Alterne
facilmente entre os mundos de produtividade e
experimente a edição mais completa do Windows 7.
Além das funcionalidades do Windows Home Premium e do
Windows Professional, o Ultimate tem os recursos de
economia de energia, segurança como BitLocker e
BitLocker To Go, recursos de mobilidade como Direct Access
que funciona integrado a uma rede com Windows Server
2008 R2.
Partes do Computador
Um computador é divido em um sistema de
muitas partes funcionando em conjunto.
As partes físicas, que você pode ver e tocar,
são denominadas coletivamente hardware (O
software, por outro lado, se refere às
instruções, ou programas, que dizem ao
hardware o que fazer).
Seu sistema pode ter uma aparência um
pouco diferente, mas provavelmente possui a
maioria destas peças. Um computador laptop
possui peças semelhantes, mas as combina
em um único pacote do tamanho de um
caderno.
Dispositivos de Entrada e saída
Entrada/saída é um termo utilizado quase
que exclusivamente no ramo da computação
(ou informática), indicando entrada
(inserção) de dados por meio de algum
código ou programa, para algum outro
programa ou hardware, bem como a sua
saída (obtenção de dados) ou retorno de
dados, como resultado de alguma operação
de algum programa, consequentemente
resultado de alguma entrada.
Dispositivos de Entrada e saída
As interfaces de entrada e saída são responsáveis
pela conexão entre as várias partes de um sistema
computacional baseado na arquitetura de Von-
Neumann.
Esta interface é responsável por conectar fisicamente
o processador e a memória do sistema ao
barramento, tornando-se o terceiro elemento do
sistema computacional proposto, foi uma grande
revolução no mundo da informática, pois facilita a
vida de muitas pessoas.
Ao contrário do que se pode pensar a interface de
entrada e saída não é só o conector físico e sim
também o responsável pela comunicação lógica entre
o barramento e o dispositivo.
Mouse e Teclado
Os teclados são essencialmente formados por um
arranjo de teclas ou botões.
Cada botão tem um ou mais caracteres impressos,
sendo que cerca de cinquenta por cento dos botões
produzem caracteres gráficos.
As teclas são ligadas a um chip dentro do teclado,
responsável por identificar a tecla pressionada e por
enviar as informações para o computador.
O meio de transporte dessas informações entre o
teclado e o computador pode ser sem fio (via rede sem
fio, Bluetooth ou infravermelho) ou a cabo (os
conectores mais comuns são PS/2 e USB, mas
computadores mais antigos utilizavam padrão DIN).
Mouse e Teclado
O mouse é um periférico de entrada que,
historicamente, se juntou ao teclado como
auxiliar no processo de entrada de dados,
especialmente em programas com interface
gráfica.
O mouse tem, como função, movimentar o
cursor (apontador) pela tela do computador.
Foi criado pela Xerox, mas somente se tornou
um produto comercializado com a Apple.
O mouse funciona como um apontador sobre a tela
do computador e disponibiliza, normalmente,
quatro tipos de operações: movimento, clique,
duplo clique e "arrastar e largar".
Existem modelos com um, dois, três ou mais botões
cuja funcionalidade depende do ambiente de
trabalho e do programa que está a ser utilizado.
Claramente, o botão esquerdo é o mais utilizado.
Mouse e Teclado
O mouse é, normalmente, ligado ao computador através de
uma porta serial PS2 ou, mais recentemente, USB (Universal
Serial Bus). Também existem conexões sem fio: as mais antigas
em infravermelho, as atuais em Bluetooth.
Outros dispositivos de entrada competem com o rato:
touchpads (usados basicamente em notebooks) e trackballs.
Os modelos mais modernos de mouse são totalmente ópticos,
não tendo peças móveis.
De modo muito simplificado, eles tiram fotografias que são
comparadas e que permitem deduzir o movimento que foi
feito.
O rato óptico não é uma invenção tão moderna quanto parece:
já no início da década de 1990 a Sun fornecia máquinas com
um rato óptico que exigia um mousepad especial, com uma
padronagem matricial.
Área de Trabalho
A Área de trabalho é composta pela
maior parte de sua tela, em que ficam
dispostos alguns ícones.
Uma das novidades do Windows 7 é a
interface mais limpa, com menos
ícones e maior ênfase às imagens do
plano de fundo da tela.
Com isso você desfruta uma área de
trabalho suave.
A barra de tarefas que fica na parte
inferior também sofreu mudanças
significativas.
Treinando com o Mouse
Para trabalhar com o mouse, você utilizará os ícones que compõe a Área de Trabalho.
Botões de Controle
Toda janela aberta no Windows possui botões de
controle para alterar o modo de como ela será
visualizada.
Minimizar :
Reduz a janela onde é exibido o programa, até a
barra de tarefas. Para voltar ao programa, basta
clicar sobre o botão do programa localizado na
área de tarefa.
Maximizar :
Amplia a janela onde é exibido o programa, até
que ele utilize todo o espaço da tela.
Restaurar :
Reduz o tamanho do programa na tela.
OBS: o Maximizar sempre estará desabilitado quando
o programa já estiver em toda a tela e restaurar
sempre estará desabilitado quando a janela não
estiver em tela cheia.
Fechar :
Encerra o programa.
Desligando o Computador
Saber desligar corretamente o computador é tão importante quanto apenas saber ligá-
lo.
Quando você o desliga além de economizar energia, você também garante que os dados
sejam salvos e para ajudar a manter seu computador mais seguro.
Desligando o Computador
Desligamento:
O novo conjunto de comandos permite
Desligar o computador, Bloquear o
computador, Fazer Logoff, Trocar Usuário,
Reiniciar, Suspender ou Hibernar.
Para desligar o computador, clique no botão
Iniciar e, em seguida, clique no botão para
ligar/desligar no canto inferior direito do
menu Iniciar. Normalmente, o botão
Ligar/desligar tem a seguinte aparência:
Desligando o Computador
Suspender:
Quando você clica neste botão, o computador
entra em modo de suspensão.
O Windows salva automaticamente seu trabalho,
o monitor é desativado e o ruído da ventoinha do
computador para.
Geralmente, uma luz na parte externa do
gabinete do computador pisca ou fica amarela
para indicar que o computador está em
suspensão.
Todo o processo leva apenas alguns segundos.
Desligando o Computador
Como o Windows salva seu trabalho, não há
necessidade de fechar os programas e arquivos antes
de colocar o computador em suspensão.
Na próxima vez que você ligar o computador (e
inserir sua senha, se necessário), a aparência da tela
será exatamente igual a quando você desligou o
computador.
Para acordar o computador, pressione o botão para
ligar/desligar no gabinete do computador.
Como você não tem de esperar o Windows iniciar, o
computador acorda em segundos e você pode voltar
ao trabalho quase imediatamente.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aulas iniciais de informática 1
Aulas iniciais de informática 1Aulas iniciais de informática 1
Aulas iniciais de informática 1diasferraciolli
 
Aula 02 introdução a computação - hardware e software
Aula 02  introdução a computação - hardware e softwareAula 02  introdução a computação - hardware e software
Aula 02 introdução a computação - hardware e softwareEverton Rodrigues
 
Trabalho sobre windows 7 .
Trabalho sobre windows 7 . Trabalho sobre windows 7 .
Trabalho sobre windows 7 . Fernando Lima
 
Sistema Operacional
Sistema OperacionalSistema Operacional
Sistema Operacionalprofleodin
 
Caderno exercícios-windows-7
Caderno exercícios-windows-7Caderno exercícios-windows-7
Caderno exercícios-windows-7andre nunes
 
Ac mod 3 ficha de revisões 1
Ac   mod 3 ficha de revisões 1Ac   mod 3 ficha de revisões 1
Ac mod 3 ficha de revisões 1edlander
 
Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)Pepe Rocker
 
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)Leinylson Fontinele
 
Aulas 01 e 2 iniciando no windows 7
Aulas 01 e 2  iniciando no windows 7Aulas 01 e 2  iniciando no windows 7
Aulas 01 e 2 iniciando no windows 7Boris Junior
 
Informática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do Sistema
Informática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do SistemaInformática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do Sistema
Informática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do SistemaJoeldson Costa Damasceno
 
Introdução à Informática
Introdução à InformáticaIntrodução à Informática
Introdução à InformáticaFabio Marques
 
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10LucasMansueto
 
Avarias mais comuns nos computadores
Avarias mais comuns nos computadoresAvarias mais comuns nos computadores
Avarias mais comuns nos computadoresedlander
 
ApresentaçãO2 Sistema Operacional
ApresentaçãO2  Sistema OperacionalApresentaçãO2  Sistema Operacional
ApresentaçãO2 Sistema OperacionalCláudia Costa
 
Aula 19 instalação de drivers de dispositivos
Aula 19   instalação de drivers de dispositivosAula 19   instalação de drivers de dispositivos
Aula 19 instalação de drivers de dispositivosMarcos Basilio
 

Mais procurados (20)

Aulas iniciais de informática 1
Aulas iniciais de informática 1Aulas iniciais de informática 1
Aulas iniciais de informática 1
 
Modulo-3
Modulo-3 Modulo-3
Modulo-3
 
Aula 02 introdução a computação - hardware e software
Aula 02  introdução a computação - hardware e softwareAula 02  introdução a computação - hardware e software
Aula 02 introdução a computação - hardware e software
 
Curso basico de informtica
Curso basico de informticaCurso basico de informtica
Curso basico de informtica
 
Trabalho sobre windows 7 .
Trabalho sobre windows 7 . Trabalho sobre windows 7 .
Trabalho sobre windows 7 .
 
Sistema Operacional
Sistema OperacionalSistema Operacional
Sistema Operacional
 
Caderno exercícios-windows-7
Caderno exercícios-windows-7Caderno exercícios-windows-7
Caderno exercícios-windows-7
 
Ac mod 3 ficha de revisões 1
Ac   mod 3 ficha de revisões 1Ac   mod 3 ficha de revisões 1
Ac mod 3 ficha de revisões 1
 
Formatando o computador
Formatando o computadorFormatando o computador
Formatando o computador
 
Evolução do windows
Evolução do windows Evolução do windows
Evolução do windows
 
Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)
 
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
 
Aulas 01 e 2 iniciando no windows 7
Aulas 01 e 2  iniciando no windows 7Aulas 01 e 2  iniciando no windows 7
Aulas 01 e 2 iniciando no windows 7
 
Informática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do Sistema
Informática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do SistemaInformática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do Sistema
Informática Básica - Aula 06 - Utilitários e Ferramentas do Sistema
 
Introdução à Informática
Introdução à InformáticaIntrodução à Informática
Introdução à Informática
 
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Windows 10
 
Avarias mais comuns nos computadores
Avarias mais comuns nos computadoresAvarias mais comuns nos computadores
Avarias mais comuns nos computadores
 
ApresentaçãO2 Sistema Operacional
ApresentaçãO2  Sistema OperacionalApresentaçãO2  Sistema Operacional
ApresentaçãO2 Sistema Operacional
 
Aula 5 manipulacao de arquivos e pastas
Aula 5   manipulacao de arquivos e pastasAula 5   manipulacao de arquivos e pastas
Aula 5 manipulacao de arquivos e pastas
 
Aula 19 instalação de drivers de dispositivos
Aula 19   instalação de drivers de dispositivosAula 19   instalação de drivers de dispositivos
Aula 19 instalação de drivers de dispositivos
 

Semelhante a Windows 7 – Aula 01

Semelhante a Windows 7 – Aula 01 (20)

Apostila windows7
Apostila windows7Apostila windows7
Apostila windows7
 
Apo win7
Apo win7Apo win7
Apo win7
 
Windows 7 para iniciantes
Windows 7 para iniciantesWindows 7 para iniciantes
Windows 7 para iniciantes
 
Apostila do windows 7 2011-1
Apostila do windows 7   2011-1Apostila do windows 7   2011-1
Apostila do windows 7 2011-1
 
Pdf windows 7
Pdf windows 7Pdf windows 7
Pdf windows 7
 
Apostila win7
Apostila win7Apostila win7
Apostila win7
 
Apostila windows 7
Apostila windows 7Apostila windows 7
Apostila windows 7
 
WIndows 7 Básico
WIndows 7 BásicoWIndows 7 Básico
WIndows 7 Básico
 
Apostila do windows 7
Apostila do windows 7Apostila do windows 7
Apostila do windows 7
 
Informática para Concursos Linux.ppt
Informática para Concursos  Linux.pptInformática para Concursos  Linux.ppt
Informática para Concursos Linux.ppt
 
Apostila informática básica e introdução à internet
Apostila informática básica e introdução à internetApostila informática básica e introdução à internet
Apostila informática básica e introdução à internet
 
Apresentação do 1º questionario
Apresentação do 1º questionarioApresentação do 1º questionario
Apresentação do 1º questionario
 
3 nocoes-de-informatica-retificacao
3 nocoes-de-informatica-retificacao3 nocoes-de-informatica-retificacao
3 nocoes-de-informatica-retificacao
 
Apresentação Semi-Final
Apresentação Semi-FinalApresentação Semi-Final
Apresentação Semi-Final
 
Windows XP - Prof: Ademir Matias
Windows XP - Prof: Ademir MatiasWindows XP - Prof: Ademir Matias
Windows XP - Prof: Ademir Matias
 
Conceitos básicos de sistema operacional
Conceitos básicos de sistema operacionalConceitos básicos de sistema operacional
Conceitos básicos de sistema operacional
 
Windows 7
Windows 7Windows 7
Windows 7
 
Sistemas operacionais e windows7 isaias
Sistemas operacionais e windows7 isaiasSistemas operacionais e windows7 isaias
Sistemas operacionais e windows7 isaias
 
Módulo 2 - Windows 7
Módulo 2 - Windows 7Módulo 2 - Windows 7
Módulo 2 - Windows 7
 
Aula 1 - 28/10/2013
Aula 1 - 28/10/2013Aula 1 - 28/10/2013
Aula 1 - 28/10/2013
 

Mais de Renan Oliveira Baptista (15)

Coreldraw - Aula 01
Coreldraw - Aula 01Coreldraw - Aula 01
Coreldraw - Aula 01
 
Aula 32 - Internet
Aula 32 - InternetAula 32 - Internet
Aula 32 - Internet
 
PowerPoint – Aula 27
PowerPoint – Aula 27PowerPoint – Aula 27
PowerPoint – Aula 27
 
Aula 26 - Powerpoint 2010
Aula 26 - Powerpoint 2010Aula 26 - Powerpoint 2010
Aula 26 - Powerpoint 2010
 
Aula 23 - Excel 2010
Aula 23 - Excel 2010Aula 23 - Excel 2010
Aula 23 - Excel 2010
 
Aula 22 - Excel 2010
Aula 22 - Excel 2010Aula 22 - Excel 2010
Aula 22 - Excel 2010
 
Excel – Aula 21
Excel – Aula 21Excel – Aula 21
Excel – Aula 21
 
Aula 16 – Excel 2010
Aula 16 – Excel 2010Aula 16 – Excel 2010
Aula 16 – Excel 2010
 
Word – Aula 12
Word – Aula 12Word – Aula 12
Word – Aula 12
 
Aula 11 - Word 2010
Aula 11 - Word 2010Aula 11 - Word 2010
Aula 11 - Word 2010
 
Aula 10 - Word 2010
Aula 10 - Word 2010Aula 10 - Word 2010
Aula 10 - Word 2010
 
Aula 8 - Word 2010
Aula 8 - Word 2010Aula 8 - Word 2010
Aula 8 - Word 2010
 
Aula 07 – Word 2010
Aula 07 – Word 2010Aula 07 – Word 2010
Aula 07 – Word 2010
 
Aula 5 - Windows 7
Aula 5 - Windows 7Aula 5 - Windows 7
Aula 5 - Windows 7
 
Windows 7 – Aula 02
Windows 7 – Aula 02Windows 7 – Aula 02
Windows 7 – Aula 02
 

Último

CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º BimestreLer e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º BimestreProfaCintiaDosSantos
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfRafaela Vieira
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxLuisCarlosAlves10
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 

Último (20)

CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º BimestreLer e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º Bimestre
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 

Windows 7 – Aula 01

  • 1. Windows 7 – Aula 01 Iniciando o Windows, Partes do Computador, Área de Trabalho, Treino com o mouse, Partes de uma janela, Botões de Controle, Desligando um computador e Exercícios de Revisão
  • 2. Iniciando o Windows O Windows 7 é um sistema operacional desenvolvido pela Microsoft. Visualmente o Windows 7 é semelhante ao seu antecessor, o Windows Vista, porém a interface é muito mais rica e intuitiva, tornando a experiência individual um verdadeiro prazer. Esse sentido se traduz na facilidade de localizar seus aplicativos e arquivos. Hoje encontramos ícones tridimensionais, agrupamento de aplicativos na barra de tarefas, design moderno e visualizações dinâmicas que permitem localizar de forma fácil, rápida e atraente os programas ou documentos abertos.
  • 3. Iniciando o Windows O Windows é um Sistema Operacional multitarefa e para múltiplos usuários. O novo sistema operacional da Microsoft trouxe, além dos recursos do Windows 7, muitos outros recursos que tornam a utilização do computador mais amigável. Algumas características não mudam, inclusive porque os elementos que constroem a interface são os mesmos.
  • 4. Versões do Windows 7 Foram desenvolvidas muitas versões do Windows 7 para que atendam às diversas características de plataformas computacionais e necessidades tecnológicas diferentes e existentes no mercado (residencial e corporativo).
  • 5. Versões do Windows 7 Starter: Esta é a versão mais básica de Windows. Foi Projetado especificamente para ajudar mais as pessoas em mercados de tecnologia em desenvolvimento a aprender habilidades valiosas com computador e a atingir novas oportunidades. Ideal para netbooks.
  • 6. Home Basic: Esta é uma versão intermediária entre as edições Starter e Home Premium (que será mostrada logo abaixo). Terá também a versão de 64 bits e permitirá a execução de mais de três aplicativos ao mesmo tempo. Assim como a anterior, não terá suporte para o Aero Glass nem para as funcionalidades sensíveis ao toque, fugindo um pouco da principal novidade do Windows 7.
  • 7. Home Premium: Edição que os usuários domésticos podem chamar de “completa”, a Home Premium acumula todas as funcionalidades das edições citadas anteriormente e soma mais algumas ao pacote. Dentre as funções adicionadas, as principais são o suporte à interface Aero Glass (finalmente!) e também aos recursos Touch Windows (tela sensível ao toque) e AeroBackground, que troca seu papel de parede automaticamente no intervalo de tempo determinado. Haverá ainda um aplicativo nativo para auxiliar no gerenciamento de redes wireless, conhecido como Mobility Center.
  • 8. Professional: É a edição para aqueles que preferem trabalhar tanto no ambiente doméstico quanto no ambiente de trabalho. Com todos os recursos do Windows Home Premium, ele ainda permite trabalhar com funcionalidades como Modo Windows XP para executar aplicativos mais antigos que se executam normalmente no Windows XP e possui backup automático para os seus dados. Como empresas sempre estão procurando maneiras para se proteger de fraudes, o Windows 7 Professional traz o Encrypting File System, que dificulta a violação de dados. Esta versão também será encontrada em lojas de varejo ou computadores novos.
  • 9. Enterprise: Como esta é uma versão mais voltada para empresas de médio e grande porte, só poderá ser adquirida com licenciamento para diversas máquinas. Acumula todas as funcionalidades citadas na edição Professional e possui recursos mais sofisticados de segurança. Dentre esses recursos estão o BitLocker, responsável pela criptografia de dados e o AppLocker, que impede a execução de programas não autorizados. Além disso, há ainda o BrachCache, para turbinar transferência de arquivos grandes e também o DirectAccess, que dá uma super ajuda com a configuração de redes corporativas.
  • 10. Ultimate: É a escolha certa para quem quer ter tudo. Alterne facilmente entre os mundos de produtividade e experimente a edição mais completa do Windows 7. Além das funcionalidades do Windows Home Premium e do Windows Professional, o Ultimate tem os recursos de economia de energia, segurança como BitLocker e BitLocker To Go, recursos de mobilidade como Direct Access que funciona integrado a uma rede com Windows Server 2008 R2.
  • 11.
  • 12. Partes do Computador Um computador é divido em um sistema de muitas partes funcionando em conjunto. As partes físicas, que você pode ver e tocar, são denominadas coletivamente hardware (O software, por outro lado, se refere às instruções, ou programas, que dizem ao hardware o que fazer). Seu sistema pode ter uma aparência um pouco diferente, mas provavelmente possui a maioria destas peças. Um computador laptop possui peças semelhantes, mas as combina em um único pacote do tamanho de um caderno.
  • 13. Dispositivos de Entrada e saída Entrada/saída é um termo utilizado quase que exclusivamente no ramo da computação (ou informática), indicando entrada (inserção) de dados por meio de algum código ou programa, para algum outro programa ou hardware, bem como a sua saída (obtenção de dados) ou retorno de dados, como resultado de alguma operação de algum programa, consequentemente resultado de alguma entrada.
  • 14. Dispositivos de Entrada e saída As interfaces de entrada e saída são responsáveis pela conexão entre as várias partes de um sistema computacional baseado na arquitetura de Von- Neumann. Esta interface é responsável por conectar fisicamente o processador e a memória do sistema ao barramento, tornando-se o terceiro elemento do sistema computacional proposto, foi uma grande revolução no mundo da informática, pois facilita a vida de muitas pessoas. Ao contrário do que se pode pensar a interface de entrada e saída não é só o conector físico e sim também o responsável pela comunicação lógica entre o barramento e o dispositivo.
  • 15. Mouse e Teclado Os teclados são essencialmente formados por um arranjo de teclas ou botões. Cada botão tem um ou mais caracteres impressos, sendo que cerca de cinquenta por cento dos botões produzem caracteres gráficos. As teclas são ligadas a um chip dentro do teclado, responsável por identificar a tecla pressionada e por enviar as informações para o computador. O meio de transporte dessas informações entre o teclado e o computador pode ser sem fio (via rede sem fio, Bluetooth ou infravermelho) ou a cabo (os conectores mais comuns são PS/2 e USB, mas computadores mais antigos utilizavam padrão DIN).
  • 16. Mouse e Teclado O mouse é um periférico de entrada que, historicamente, se juntou ao teclado como auxiliar no processo de entrada de dados, especialmente em programas com interface gráfica. O mouse tem, como função, movimentar o cursor (apontador) pela tela do computador. Foi criado pela Xerox, mas somente se tornou um produto comercializado com a Apple. O mouse funciona como um apontador sobre a tela do computador e disponibiliza, normalmente, quatro tipos de operações: movimento, clique, duplo clique e "arrastar e largar". Existem modelos com um, dois, três ou mais botões cuja funcionalidade depende do ambiente de trabalho e do programa que está a ser utilizado. Claramente, o botão esquerdo é o mais utilizado.
  • 17. Mouse e Teclado O mouse é, normalmente, ligado ao computador através de uma porta serial PS2 ou, mais recentemente, USB (Universal Serial Bus). Também existem conexões sem fio: as mais antigas em infravermelho, as atuais em Bluetooth. Outros dispositivos de entrada competem com o rato: touchpads (usados basicamente em notebooks) e trackballs. Os modelos mais modernos de mouse são totalmente ópticos, não tendo peças móveis. De modo muito simplificado, eles tiram fotografias que são comparadas e que permitem deduzir o movimento que foi feito. O rato óptico não é uma invenção tão moderna quanto parece: já no início da década de 1990 a Sun fornecia máquinas com um rato óptico que exigia um mousepad especial, com uma padronagem matricial.
  • 18. Área de Trabalho A Área de trabalho é composta pela maior parte de sua tela, em que ficam dispostos alguns ícones. Uma das novidades do Windows 7 é a interface mais limpa, com menos ícones e maior ênfase às imagens do plano de fundo da tela. Com isso você desfruta uma área de trabalho suave. A barra de tarefas que fica na parte inferior também sofreu mudanças significativas.
  • 19. Treinando com o Mouse Para trabalhar com o mouse, você utilizará os ícones que compõe a Área de Trabalho.
  • 20. Botões de Controle Toda janela aberta no Windows possui botões de controle para alterar o modo de como ela será visualizada. Minimizar : Reduz a janela onde é exibido o programa, até a barra de tarefas. Para voltar ao programa, basta clicar sobre o botão do programa localizado na área de tarefa. Maximizar : Amplia a janela onde é exibido o programa, até que ele utilize todo o espaço da tela. Restaurar : Reduz o tamanho do programa na tela. OBS: o Maximizar sempre estará desabilitado quando o programa já estiver em toda a tela e restaurar sempre estará desabilitado quando a janela não estiver em tela cheia. Fechar : Encerra o programa.
  • 21. Desligando o Computador Saber desligar corretamente o computador é tão importante quanto apenas saber ligá- lo. Quando você o desliga além de economizar energia, você também garante que os dados sejam salvos e para ajudar a manter seu computador mais seguro.
  • 22. Desligando o Computador Desligamento: O novo conjunto de comandos permite Desligar o computador, Bloquear o computador, Fazer Logoff, Trocar Usuário, Reiniciar, Suspender ou Hibernar. Para desligar o computador, clique no botão Iniciar e, em seguida, clique no botão para ligar/desligar no canto inferior direito do menu Iniciar. Normalmente, o botão Ligar/desligar tem a seguinte aparência:
  • 23. Desligando o Computador Suspender: Quando você clica neste botão, o computador entra em modo de suspensão. O Windows salva automaticamente seu trabalho, o monitor é desativado e o ruído da ventoinha do computador para. Geralmente, uma luz na parte externa do gabinete do computador pisca ou fica amarela para indicar que o computador está em suspensão. Todo o processo leva apenas alguns segundos.
  • 24. Desligando o Computador Como o Windows salva seu trabalho, não há necessidade de fechar os programas e arquivos antes de colocar o computador em suspensão. Na próxima vez que você ligar o computador (e inserir sua senha, se necessário), a aparência da tela será exatamente igual a quando você desligou o computador. Para acordar o computador, pressione o botão para ligar/desligar no gabinete do computador. Como você não tem de esperar o Windows iniciar, o computador acorda em segundos e você pode voltar ao trabalho quase imediatamente.