SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
Baixar para ler offline
DESIGN
DE
SOBRANCELHAS
Jessica Gabriele
da Silva Marques
Materiais utilizados no
design de sobrancelhas
Objetivos de aprendizagem
Ao final deste texto, você deve apresentar os seguintes aprendizados:
„
„ Reconhecer os materiais utilizados no design de sobrancelhas.
„
„ Descrever as condições do ambiente para a prática do design de
sobrancelhas.
„
„ Organizar os materiais e o ambiente para a prática do design de
sobrancelhas.
Introdução
Para realizar o design de sobrancelhas, são necessários materiais espe-
cíficos e um ambiente que propicie conforto e segurança tanto para o
profissional quanto para o cliente.
Neste capítulo, você vai conhecer os materiais utilizados no aten-
dimento de design de sobrancelhas e aprender a organizá-los. Além
disso, você vai estudar sobre as condições necessárias ao ambiente, para
oferecer aos clientes conforto, bem-estar e satisfação.
Materiais para design de sobrancelhas
Ao longo da história, desenvolveram-se diversas técnicas para a remoção
dos pelos indesejáveis. Há registros de civilizações que, para isso, usaram
materiais como pedras afiadas, pedras-pomes, conchas e, inclusive, métodos
químicos, como a combinação de sulfato amarelo feito de arsênico, cal viva
e água de rosas (GERSON et al., 2011).
Na atualidade, a remoção de pelos tem se tornado cada vez mais popular. O
design de sobrancelhas, em especial, vem ocupando uma fatia de mercado muito
promissora na área da beleza, e a evolução da tecnologia e o desenvolvimento
de novas técnicas e treinamentos têm permitido resultados muito eficientes.
Conhecer, ter acesso e saber utilizar, da melhor maneira, os materiais e
recursos necessários para o design de sobrancelhas é fundamental para uma
prática de sucesso. Os recursos utilizados englobam:
„
„ higienização e preparação da pele;
„
„ demarcação do desenho/formato das sobrancelhas, com correção de
assimetrias e elaboração do design adequado para o cliente;
„
„ remoção e modelagem dos pelos;
„
„ cuidados com a pele pós-procedimento;
„
„ recobrimento de falhas e coloração de pelos.
Materiais para higienização e preparação da pele
Antes de iniciar o design de sobrancelhas, é imprescindível que a pele esteja
livre de toda e qualquer sujidade. Por isso, o primeiro passo para o proce-
dimento é a higienização da pele das sobrancelhas e do entorno. Não pode
haver resquícios de maquiagem ou oleosidade, pois atrapalham muito na
demarcação do design e na remoção dos pelos. Os materiais indispensáveis
nesse processo são:
„
„ Loção antisséptica: importante para remover sujeira e oleosidade e
diminuir a carga microbiológica da pele. A mais indicada é a solução
de clorexidina, por ser menos agressiva à pele e mais potente que o
álcool. Também podem ser utilizadas loções tônicas à base de extratos
naturais, como os de hamamélis, lavanda, calêndula, entre outros, que
apresentam ação antisséptica.
„
„ Gaze ou algodão: utilizados para fazer a limpeza mecânica junto ao
produto químico. O algodão promove ação mais suave e é indicado
para peles sensíveis, enquanto a gaze limpa mais profundamente. As
gazes ou algodões também podem ser utilizados para aplicação de
compressas de chá de camomila ou loções de efeito calmante pré ou
pós-procedimento.
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
2
Em geral, o produto é aplicado sobre o algodão ou a gaze e friccionado
sobre a pele em firmes movimentos ao longo do sentido do crescimento dos
pelos e também no sentido contrário, até a completa limpeza. Caso a cliente
esteja utilizando maquiagem em excesso e não seja possível removê-la apenas
com a loção antisséptica, deve-se utilizar antes um produto demaquilante.
Os cremosos podem ser aplicados diretamente sobre a pele, com movimen-
tos circulares, e removidos com a gaze. Os oleosos ou em loção poderão
ser aplicados sobre o algodão, que será friccionado na pele até a completa
remoção da maquiagem. Deve-se repetir o procedimento com demaquilante
se necessário, e deve-se finalizar a higienização com a aplicação da loção
antisséptica.
Ifould, Forsythe-Conroy e Whittaker (2015) sugerem também a colocação
de compressas de algodão úmidas e aquecidas sobre a área antes do proce-
dimento, indicando, inclusive, que se tenha um vaporizador para aquecer o
algodão. Esse procedimento, segundo os autores, abre os poros e diminui o
desconforto e a sensibilidade da pele.
Os produtos devem ser mantidos em frascos de spray limpos, longe da
umidade e do calor, devem estar dentro do prazo de validade e ser devidamente
registrados na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os algodões
e as gazes devem ser acondicionados em potes fechados para evitar acúmulo
de poeira e sujidades.
Materiais para demarcação do design de sobrancelhas
O mercado oferece diferentes materiais para demarcação do design de sobran-
celhas. Os moldes e as réguas de simetria disponíveis são bons para facilitar o
trabalho do profissional, mas nem sempre são eficazes, uma vez que o design
deve ser especialmente projetado para cada cliente, considerando seus traços,
a harmonia da sua face e, principalmente, o que deseja expressar por meio da
sua imagem. Um bom profissional utiliza recursos que o permitam trabalhar
com autonomia e de maneira personalizada, sem se deter a padrões estéticos.
Assim, os materiais mais utilizados são o paquímetro e o lápis ou caneta em
gel brancos (Figura 1).
3
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
Figura 1. Medição e marcação das sobrancelhas com (a) paquímetro e (b) caneta
em gel.
a
b
O paquímetro é um instrumento de medida de uso profissional que possui
uma régua graduada e dois bicos de medição, sendo um fixo (a escala) e um
móvel. É utilizado como ferramenta para medir os pontos das sobrancelhas
e obter a simetria entre elas. Geralmente é de metal ou plástico, sendo o
de plástico mais indicado para utilizar em áreas delicadas, como a face. É
importante mantê-lo sempre limpo.
Para fazer a marcação dos pontos indicados no paquímetro e o desenho da
estrutura das sobrancelhas é utilizado tradicionalmente o lápis de maquiagem
branco. Esse, porém, pode acabar deixando o traçado muito grosseiro, dificul-
tando ao profissional enxergar com precisão o delineamento e atrapalhando no
processo de remoção dos pelos. Sugere-se, portanto, que o profissional utilize
uma caneta em gel branca, atóxica, que oferece um traçado fino e bem delimitado.
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
4
Outro recurso também muito utilizado é o lápis dermatográfico, que ofe-
rece um traçado fino e bem delimitado se estiver bem lapidado e for de boa
qualidade. Alguns lápis dermatográficos não oferecem boa pigmentação e são
frágeis, quebrando facilmente se estiverem lapidados conforme é necessário
para o uso. A ponta é lapidada com estilete (Figura 2).
Figura 2. Lápis dermatográfico.
Fonte: Miyuki Satake/Shutterstock.com.
Materiais para epilação e modelagem de sobrancelhas
As técnicas e os produtos utilizados para remoção de pelos estão em constante
processo de aprimoramento. Atualmente, os materiais disponíveis no mercado
para epilação temporária de sobrancelhas são as pinças, as ceras e as linhas.
As pinças são utilizadas para puxar os pelos, um ou poucos por vez, conforme
a técnica empregada e o modelo utilizado. É o método mais adequado para
realizar o delineamento das sobrancelhas, pois permite maior precisão para
puxar os pelos que deverão ser removidos.
As pinças devem ser descartáveis ou esterilizáveis. Pinças profissionais costumam ser
de aço inoxidável para poderem passar pelos processos de desinfecção e esterilização
com soluções antissépticas ou na autoclave sem enferrujar. É imprescindível que sejam
de alta qualidade, pois se trata de uma ferramenta importante que poderá tornar o
trabalho mais eficiente e preciso (GERSON et al., 2011).
5
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
Em relação ao formato, existem pinças de diferentes tamanhos e tipos,
cada uma com um objetivo específico:
„
„ Pinça reta: indicada para iniciar a epilação, uma vez que é eficaz para
remover mais pelos ao mesmo tempo (Figura 3a).
„
„ Pinça oblíqua: ideal para pessoas que epilam suas próprias sobrance-
lhas, pois, devido à sua inclinação, é possível visualizar melhor os pelos
que devem ser removidos. Alguns profissionais a consideram a melhor
opção para trabalhar nos clientes, pois a inclinação torna o movimento
mais preciso em relação ao posicionamento do cliente (Figura 3b).
„
„ Pinça agulha: indicada para pelos curtos e encravados. Também facilita
para profissionais iniciantes fazerem o acabamento, pois remove um
pelo por vez (Figura 3c).
„
„ Pinça com luz: possui uma pequena luz de LED integrada para facilitar
a visualização dos pelos no momento do pinçamento (Figura 3d).
Figura 3. Tipos de pinça: (a) pinça reta; (b) pinça oblíqua; (c) pinça agulha; (d) pinça com luz.
Fonte: Adaptada de Sean MacD/Shutterstock.com; Brad Wynnyk/Shutterstock.com; Beat Bieler/Shut-
terstock.com; Loja Reidotebori ([2018]).
a b
c d
A epilação com cera é muito utilizada para grandes áreas corporais, de-
vido a sua praticidade. Alguns profissionais ainda a utilizam para epilações
faciais, inclusive para o design de sobrancelhas. Gerson et al. (2011) explica
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
6
que existem diferentes formas de cera: em barra para panelas específicas, em
latas para micro-ondas, em refis para sistema roll-on (ceras quentes) e em
potes, bisnagas e tiras prontas (cera fria).
A cera para epilação é produzida essencialmente a partir de cera de abelha, resinas,
parafina, entre outras substâncias. Também pode conter aditivos específicos, como
azuleno, camomila e outros, com apelo de amenizar os danos à pele. A consistência
e o ponto de derretimento variam conforme o produto, sendo imprescindível que o
profissional conheça muito bem o material e as implicações do uso. O método não é
eficaz se a cera não estiver na temperatura adequada, se não for aplicada corretamente
ou, ainda, se a pele não estiver bem higienizada (GERSON et al., 2011).
Ao final do procedimento, é necessário remover os resíduos de cera que
ficam na pele. Algumas ceras são solúveis em água, sendo removidas com
algodão úmido, e outras, solúveis em óleo, necessitando de produto oleoso
específico para remoção. É importante saber que a pele estará sensível após o
processo, sendo, por isso, indispensável o cuidado no momento da remoção.
A cera fria em tiras (Figura 4a) e a cera quente em barra (Figura 4b) são as
de uso mais comum na face.
Figura 4. Epilação de sobrancelhas com (a) cera fria e (b) cera quente.
Fonte: Adaptada de wavebreakmedia/Shutterstock.com; Pavel Ilyukhin/Shutterstock.com.
a b
7
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
A epilação com linha, também conhecida como epilação egípcia, consiste
na remoção dos pelos com a utilização de um fio de linha de 50 a 70 cm de
comprimento (PEREIRA; MACHADO; SELORES, 2015). Há diferentes tipos
de linha, mas, em geral, as linhas de algodão e as linhas mistas de algodão e
poliéster são as mais indicadas. O mercado oferece, ainda, uma linha específica
para epilação egípcia produzida com algodão orgânico. O apelo comercial diz
que não possui produtos químicos nocivos nem corantes em sua composição,
tornando-a ideal para peles sensíveis.
É importante que não sejam enceradas, pois o uso contínuo de linhas
enceradas costuma machucar as mãos do profissional, e que não arrebentem
com facilidade. As pontas da linha devem ser unidas em um nó, e a linha é
enrolada entre as duas mãos (Figura 5). É uma técnica habitualmente bem
aceita e tolerada, apesar de ser dolorosa. Além disso, é mais acessível econo-
micamente, mais rápida e mais higiênica, já que a linha é descartada após o
uso e não deixa resíduos na pele, diferentemente da cera, que, além de deixar
resíduos, acaba consumindo mais materiais, e da pinça, que demanda tempo
e custos, pois precisa ser esterilizada.
Figura 5. Epilação de sobrancelhas com linha.
Fonte: Africa Studio/Shutterstock.com.
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
8
No design de sobrancelhas, utiliza-se também o corte, conhecido como
técnica de aparar os pelos, a fim de alinhar e modelar os pelos das sobran-
celhas. Nessa etapa, os materiais necessários são o pente, para pentear as
sobrancelhas de maneira a expor as pontas dos pelos que estão em excesso
(Figura 6a), e a tesoura, para aparar os pelos que estão em excesso, alinhando
o desenho das sobrancelhas (Figura 6b).
É importante que o pente seja desinfetado a cada uso ou que se faça uso
de pentes descartáveis. As tesouras também precisam ser desinfetadas e
esterilizadas, e por isso é importante que sejam de aço inoxidável.
Figura 6. Materiais utilizados para “aparar os pelos”: (a) pentes para sobrancelhas; (b) tesoura
para aparar as sobrancelhas.
Fonte: Adaptada de 168stock/Shutterstock.com; Pavel Skopets/Shutterstock.com.
a b
Materiais para cuidados pós-procedimento
Após a epilação, é importante retirar os pelos que ficaram sobre a face. Para
esse procedimento, o ideal é utilizar uma gaze seca e fazer leves movimentos
de arraste sobre as áreas da face onde os pelos caíram. No final, essa gaze
deverá ser descartada. Alguns profissionais utilizam o pincel leque, mas ele
não é recomendado por questões de higiene. Materiais úmidos também não
favorecem esse processo, pois os pelos, umedecidos, acabam aderindo mais
ainda à pele, dificultando a remoção.
9
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
Em seguida, é necessário remover a marcação do design feita com caneta.
Para isso se utilizam movimentos firmes ao longo das sobrancelhas, na dire-
ção do crescimento dos fios, com algodão umedecido em loção antisséptica.
Esse procedimento é assim indicado porque o algodão promove limpeza mais
suave em comparação com a gaze e porque é importante realizar a antissepsia
da pele após a remoção dos pelos, pois a área está mais sensível e propensa
a contaminações, especialmente se houver sangramento durante a remoção
dos pelos.
Há casos em que o profissional, por falta de experiência ou cuidado, acaba beliscando
com a pinça a pele do cliente e provocando um machucado. Outras vezes, o simples ato
de epilar pode provocar sangramento, especialmente quando a pele é fina e sensível
e os pelos são grossos. O sangramento provocado estabelece uma porta de saída ou
entrada para microrganismos patogênicos. Por isso, Gerson et al. (2011) indicam que se
coloque na área um pedaço de algodão com antisséptico, pressionando delicadamente
para interromper o sangramento e acalmar a pele. Também é recomendável, segundo
os autores, realizar compressa de algodão com loção calmante após a epilação.
Uma vez que o processo de epilação pode provocar irritação e sensibi-
lidade à pele, podem ocorrer alterações pigmentares secundárias, segundo
Pereira, Machado e Selores (2015), conhecidas como hiperpigmentações pós-
-inflamatórias. Essas alterações ocorrem pelo mecanismo de proteção da pele
frente à agressão sofrida, incorrendo no aumento da produção de melanina e
no consequente escurecimento da região.
A exposição solar pode agravar o quadro. Portanto, é importante o uso
de filtro solar com fator de proteção mínimo 30 na área agredida. Se as so-
brancelhas forem corrigidas com maquiagem ou coloração, o filtro solar
deve ser aplicado somente após esse processo. Observe que o produto tenha
características hipoalergênicas, pois a pele irritada pode se tornar mais reativa
e hipersensível. Também é recomendado ao cliente que evite exposição solar
direta após o procedimento.
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
10
Materiais para recobrimento de falhas e
coloração dos pelos
O design de sobrancelhas só é completo quando as falhas de pelos são corrigi-
das ou quando a cor das sobrancelhas é realçada. Para tal, existem diferentes
recursos, entre eles a maquiagem, a coloração e a micropigmentação. A última
trata-se de um método mais duradouro, o qual só pode ser aplicado por designer
de sobrancelhas que tenha realizado curso específico.
A escolha da maquiagem para sobrancelhas precisa levar em considera-
ção cor e efeito desejados. As variações de cor estão presentes em todos os
produtos, sendo necessário que o profissional disponha de pelo menos dois
tons, um claro e um escuro, para cada produto que utilize. A cor ideal para o
cliente poderá ser obtida pela mistura entre os tons claro e escuro no caso da
sombra e do gel. Também poderá ser obtida pela quantidade de produto e pela
graduação da pressão aplicada no lápis ou pincel: pouco produto e/ou pouca
pressão fornecem um tom mais claro, e muito produto e/ou muita pressão
resultam em um tom mais escuro.
O efeito depende do tipo de produto utilizado, isto é, cada produto apresenta
um efeito específico:
„
„ Lápis de sobrancelhas: oferece resultado mais definido, sendo indicado
para grandes áreas de correção, principalmente quando os pelos são
muito mais escuros que a pele e também volumosos (Figura 7a).
„
„ Caneta delineadora de sobrancelhas: de fácil aplicação, oferece a
possibilidade de colorir as sobrancelhas uniformemente ou de criar
o desenho dos fios, trazendo um resultado muito natural (Figura 7b).
„
„ Sombra: possibilita a graduação dos tons, além de dar um efeito es-
fumado, muito natural.
„
„ Gel de sobrancelhas: de indicação semelhante ao lápis, o gel cobre bem
as falhas e pode, inclusive, ajudar a alinhar os pelos rebeldes (Figura 7c).
A aplicação de sombra ou gel de sobrancelhas necessita do uso de pincel
de maquiagem chanfrado (Figura 7d). Também pode ser aplicado um gel
transparente para pentear e alinhar os fios rebeldes.
11
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
Figura 7. Produtos utilizados para cobrir falhas e colorir sobrancelhas: (a) lápis com pincel
para esfumar; (b) caneta delineadora (o formato chanfrado permite criar o desenho de pelos);
(c) gel de sobrancelhas; (d) pincel chanfrado para aplicação de sombra ou gel.
Fonte: Adaptada de whitemaple/Shutterstock.com; Zonda/Shutterstock.com; Dmytro Bochkov/Shut-
terstock.com; valkoinen/Shutterstock.com.
a
c
b
d
O procedimento de coloração das sobrancelhas engloba, principalmente,
o uso de hena, mas também se encontra no mercado outro tipo de tintura
específica para sobrancelhas. A coloração é um procedimento muito indicado
para indivíduos com pelos muito claros (loiros e ruivos) e para pessoas que
apresentam pelos brancos.
A hena é um pigmento em pó natural, extraído das folhas da planta Lawsonia
inermis e utilizado para tingir pelos e pele. Por trata-se de um produto alergênico,
a hena destinada às sobrancelhas não apresenta composição igual à hena para
cabelos ou tatuagem temporária (mais fortes). Os materiais necessários para o
procedimentosão,alémdaquelesutilizadospreviamentenodesigndesobrancelhas:
„
„ luvas;
„
„ palitos de dente;
„
„ cotonetes;
„
„ batoque ou dappen (pequenos recipientes para mistura) (Figura 8);
„
„ pó de hena (Figura 9);
„
„ água;
„
„ fixador;
„
„ gaze.
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
12
Figura 8. Dappen de vidro.
Fonte: Dental Coimbra ([2018]).
Figura 9. Hena em pó.
Fonte: Akvals/Shutterstock.com.
13
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
A tintura, por sua vez, funciona com o mesmo princípio da tintura para
cabelos, porém é igualmente mais fraca em relação à sua composição. Neces-
sita ser misturada a uma solução de peróxido de hidrogênio (água oxigenada)
a 3% (10 volumes) para abrir a cutícula dos pelos e favorecer a entrada dos
pigmentos, motivo pelo qual funciona melhor em pelos brancos. Os insumos
básicos são os mesmos da hena, modificando apenas o produto em si e a
presença da água oxigenada 10 volumes.
Ifould, Forsythe-Conroy e Whittaker (2015) recomendam que sempre seja realizado
o teste de sensibilidade, mesmo que o cliente já tenha realizado o procedimento
de coloração de sobrancelhas outras vezes, pois é necessário ter certeza de que
não ocorrerá reação alérgica. Os autores ressaltam que algumas pessoas podem
repentinamente se tornar sensíveis a produtos que já estejam acostumadas a utilizar.
Descartáveis
Além de gaze, algodão, palitos de dente, cotonetes, linha e cera, materiais
utilizados no protocolo de design de sobrancelhas, outros materiais impres-
cindíveis ao atendimento são:
„
„ Papel-toalha: utilizado para secagem das mãos após higienização,
ou umedecido em álcool para limpeza e antissepsia das superfícies de
atendimento.
„
„ Lençóis: utilizados para forrar a cadeira ou maca de atendimento pre-
viamente limpa. Devem ser preferencialmente descartáveis, embora
seja permitido o uso de lençóis lisos e de cores claras se forem trocados
após o atendimento de cada cliente e mantidos sempre muito limpos e
em boas condições de uso.
„
„ Rolo de papel grande: substitui a forração com lençol, devendo ser
descartado a cada cliente.
„
„ Almotolias ou borrifadores de água: recipientes de água para proce-
dimento. Embora não sejam descartáveis, devem ser mantidos sempre
limpos, e seu conteúdo deve ser renovado a cada dois ou três dias para
evitar contaminação, especialmente em almotolias sem tampa.
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
14
O uso dos EPIs também é fundamental na preservação da saúde tanto do
profissional quanto do cliente, pois reduz os riscos biológicos pela exposição
a microrganismos e os riscos químicos. São eles:
„
„ Máscara: utilizada durante todos os atendimentos com a função de criar
uma barreira protetora para as vias aéreas, uma vez que o trabalho é
executado muito próximo ao rosto do cliente e pode haver contaminação
ou respingos de saliva durante tosse ou fala.
„
„ Luvas: utilizadas durante o procedimento de epilação com cera, o qual
apresenta risco de queimadura e exposição de pele não íntegra caso
haja sangramento, e durante a coloração das sobrancelhas com tintura
ou hena, pois se está lidando com produto químico que pode causar
hipersensibilidade e manchar a pele.
„
„ Touca ou faixas de cabelo: utilizadas tanto no profissional quanto no
cliente, são importantes para segurar a franja e outros fios de cabelo
que possam atrapalhar o processo. São dispensáveis se a cliente ou
profissional estiver com os cabelos presos.
„
„ Jaleco: fornece uma barreira de proteção, prevenindo a contaminação
por exposição a fluidos como sangue e secreções, e evita a exposição
da roupa e da pele a produtos como a cera de epilação, por exemplo.
Existem jalecos descartáveis e não descartáveis, que devem ser mantidos
limpos e em boas condições de uso.
Condições e organização do ambiente
de trabalho
Dispor de materiais de qualidade e mantê-los sempre limpos e em bom estado
de conservação é fundamental para atrair e fidelizar clientes. O mesmo acon-
tece com o ambiente de trabalho, que deve ser agradável, limpo, organizado
e seguro. Para o design de sobrancelhas, o mobiliário necessário consiste em:
„
„ Cadeira ou maca de atendimento reclinável: deve ser revestida com
material não poroso e lavável, em geral, plástico, para facilitar sua
limpeza e desinfecção, que devem ser feitas a cada cliente. Também
deve ter a altura adequada para o profissional e ter um encosto reclinável
para favorecer o desenvolvimento da técnica. Não é possível realizar um
bom design com o cliente em ortostase ou sentado completamente ereto.
15
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
„
„ Cadeira mocho a gás: fundamental para o conforto e bem-estar do
profissional. O mocho permite ajustar a altura em relação ao cliente,
além de proporcionar um encosto confortável para as costas.
„
„ Escada para maca: faz parte dos recursos de acessibilidade e permite
que pessoas mais baixas ou com pouca mobilidade possam subir à maca
com maior segurança e conforto.
„
„ Bancada ou carrinho auxiliar: posto ao lado da maca, facilita o trans-
porte e fornecimento de objetos e cosméticos necessários ao procedi-
mento, auxiliando a movimentação do profissional. Se for de metal, não
se esqueça de secá-lo bem após a limpeza, para evitar que enferruje.
„
„ Armário fechado ou almoxarifado: pode ser de qualquer tipo ou ta-
manho, sendo importante apenas que seja fechado, seco e arejado, e que
caibam nele de forma organizada todos os materiais em uso e em estoque.
„
„ Espelho de mão: para as ocasiões em que o cliente quiser observar
mais de perto o resultado final e os detalhes do trabalho executado.
„
„ Lixeira para resíduos comuns: fechada com tampa, com acionamento
por pedal, a fim de jogar fora os resíduos do atendimento que não
tenham caráter biológico, isto é, que não tenham entrado em contato
com sangue ou secreções.
„
„ Lixeira para resíduos biológicos: fechada com tampa, com aciona-
mento por pedal, com a identificação externa RESÍDUO INFECTANTE
e saco branco leitoso, a fim de jogar fora os resíduos do atendimento que
tenham entrado em contato com sangue e secreções, como máscaras,
luvas, gazes e algodões, ceras e linhas pós-uso.
Pensando ainda em recursos de acessibilidade, recomenda-se que o estabe-
lecimento disponha de rampas de acesso, caso tenha degraus, ou de elevadores
caso não esteja localizado no andar térreo. Também é recomendado o uso de
plataformas para cadeirante caso o profissional tenha que atendê-lo na cadeira
de rodas, para evitar riscos ergonômicos ao profissional. É importante lembrar
que o profissional precisa fazer exercícios de alongamentos e ginástica laboral
quando se expõe a atender em condições não favoráveis à ergonomia.
É muito importante que o profissional esteja preparado para receber clientes
com deficiência, que os acompanhe desde a chegada até a saída e que lhes dê
informações necessárias quanto às condições do espaço para o seu atendimento
desde o primeiro contato, seja por telefone, internet ou pessoalmente.
Quanto às instalações do ambiente, é necessário um lavabo na sala de atendi-
mento para higienização das mãos do profissional, que deve ser realizada antes
e após atender cada cliente. Esse lavado deverá conter uma pia com acionamento
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
16
automático, sabonete líquido, escovinha de unha (para limpar as unhas, retirando
restos de produtos e sujidades), álcool (para antissepsia das mãos e desinfecção
geral de materiais e superfícies) e papel-toalha. Também é necessário pelo
menos um banheiro, com a pia nas mesmas condições descritas para o lavabo.
Opisoeasparedesdevemserclaroselaváveis.Oidealéquehajaboaventilação,
climatização de ar e, ainda, boa iluminação, tanto natural como artificial, afinal
não é possível enxergar os detalhes se a iluminação não for adequada. Sugere-se
também o uso de uma luminária móvel, para poder posicioná-la de acordo com
a necessidade, sendo útil, inclusive, em atendimentos especiais que, por algum
motivo, não possam ser realizados na maca, como no caso de cadeirantes.
Música ambiente, em geral, é considerado algo agradável, mas é necessário
questionar e identificar a preferência do cliente a respeito; músicas calmas e
em volume baixo são as mais indicadas. Outro item de extrema importância
são as fichas de cadastro com as informações básicas de cada cliente, como
dados de identificação, possíveis implicações da pele ou contraindicações,
como alergias, foliculite, hipersensibilidade, etc. Caso tenha computador,
o cadastro pode ser feito eletronicamente, mas, se isso não for possível, é
necessário ter pastas de arquivo para organizar as fichas.
Finalmente, se a sala não estiver sempre organizada e limpa, não tem efeito
mantê-la bem pintada, decorada, iluminada e com todos os materiais neces-
sários ao atendimento. O ambiente deve estar sempre com cheiro agradável,
com móveis limpos e desinfetados e com os utensílios organizados. No fim
do dia, deve ser realizada limpeza geral dos pisos e das bancadas, desinfecção
dos materiais usados, recolhimento do lixo e organização de todo o ambiente
para o próximo dia de atendimento.
1. O design de sobrancelhas deve ser
especialmente projetado para cada
cliente, levando em consideração
seus traços, a harmonia da sua face
e, principalmente, o que deseja
expressar por meio de sua imagem.
Dessa forma, o mercado oferece
diferentes materiais para demarcação
do design. Assinale a alternativa que
contempla o material mais indicado.
a) Paquímetro, porque
leva em consideração
os traços, a harmonia
da face e, principalmente,
os padrões estéticos.
b) Molde, porque facilita o trabalho
do profissional, levando em
17
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
consideração os traços e a
harmonia da face do cliente.
c) Paquímetro, porque mede os
pontos das sobrancelhas e obtém
a simetria entre elas, trabalhando
de maneira personalizada.
d) Réguas de simetria, porque
facilitam o trabalho do
profissional e fornecem
um design especialmente
projetado para cada cliente.
e) Molde, porque mede os
pontos das sobrancelhas
e obtém a simetria entre
elas, fornecendo um design
especialmente projetado
para cada cliente.
2. As pinças são utilizadas para puxar
os pelos, um ou poucos por vez,
conforme a técnica empregada e
o modelo utilizado. O pinçamento
é o método mais adequado
para realizar o delineamento das
sobrancelhas, pois permite maior
precisão para puxar os pelos que
deverão ser removidos. Existem
pinças de diferentes tamanhos e
tipos. Assinale a alternativa correta
sobre a pinça de ponta fina.
a) Também chamada de pinça
reta, é indicada para iniciar
a epilação, uma vez que é
eficaz para remover mais
pelos ao mesmo tempo.
b) Também chamada de pinça
agulha, é indicada para pelos
curtos e encravados e facilita
para profissionais iniciantes
fazerem o acabamento, pois
remove um pelo por vez.
c) Também chamada de pinça com
luz, possui uma pequena luz
de LED integrada para facilitar
a visualização dos pelos no
momento do pinçamento.
d) Também chamada de pinça
agulha, é ideal para pessoas
que epilam suas próprias
sobrancelhas, pois é possível
visualizar melhor os pelos
que devem ser removidos.
e) Também chamada de pinça
oblíqua, é considerada a
melhor opção para trabalhar
nos clientes, pois a inclinação
torna o movimento mais
preciso em relação ao
posicionamento do cliente.
3. A escolha da maquiagem para
sobrancelhas precisa levar
em consideração cor e efeito
desejados. Assinale a forma por meio
da qual é possível conseguir a cor
ideal para cada cliente utilizando
maquiagem para sobrancelhas.
a) Pela mistura entre os tons
claro e escuro da caneta
delineadora de sobrancelhas.
b) Pela mistura entre os tons claro e
escuro do lápis de sobrancelhas.
c) Pela graduação da quantidade
de produto aplicado, sendo
que pouco produto fornece
um tom mais claro.
d) Pela graduação da pressão
aplicada no lápis, sendo
que pouca pressão fornece
um tom mais escuro.
e) Pela graduação da quantidade
de produto aplicado, sendo
que muito produto fornece
um tom mais claro.
4. Após a epilação, é importante (1)
retirar os pelos que ficaram sobre
a face. Em seguida, é necessário
(2) remover a marcação do design
feita com a caneta ou lápis brancos.
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
18
DENTAL COIMBRA. Pote Dappen de vidro incolor Preven. , Goiânia, [2018].
Disponível em: <https://www.dentalcoimbra.com.br/2045-000150-Pote-Dappen-
de-Vidro-Incolor-Preven>. Acesso em: 22 jun. 2018.
GERSON, J. et al. Fundamentosdaestética4: estética. São Paulo: Cengage Learning, 2011.
IFOULD, J.; FORSYTHE-CONROY, D.; WHITTAKER, M. Técnicas em estética. 3. ed. Porto
Alegre: Artmed, 2015.
LOJA REIDOTEBORI. Pinça sobrancelha com led. , Caxias do Sul, [2018]. Dis-
ponível em: <https://www.lojareidotebori.com.br/pinca-sobrancelha-com-led#>.
Acesso em: 21 jun. 2018.
PEREIRA, S.; MACHADO, S.; SELORES, M. Remoção do pelo na adolescência: hair
removal in adolescence. Nascer e Crescer, Porto, v. 24, n. 2, p. 70-74, jun. 2015. Dispo-
nível em: <http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0872-
07542015000300004&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 22 jun. 2018.
Assinale a alternativa que contempla
os materiais indicados para cada
uma dessas etapas, na ordem.
a) (1) algodão úmido em loção
calmante, (2) algodão úmido
em loção antisséptica.
b) (1) algodão seco, (2) gaze
úmida com loção calmante.
c) (1) gaze úmida com loção
antisséptica, (2) gaze úmida
com loção calmante.
d) (1) gaze seca, (2) algodão seco.
e) (1) gaze seca, (2) algodão úmido
com loção antisséptica.
5. Apresentar um ambiente de trabalho
limpo, organizado e seguro é
fundamental para atrair e fidelizar
os clientes, que estão cada vez mais
exigentes em relação às condutas de
higiene do profissional e do seu local
de trabalho. O lavabo faz parte da
sala de atendimento e precisa conter:
a) pia com acionamento
portátil, sabonete, escovinha
de unha, álcool e toalha.
b) pia com acionamento
automático, sabonete
líquido, escovinha de unha,
álcool e papel-toalha.
c) pia com acionamento
automático, sabonete
antisséptico, álcool
e papel-toalha.
d) pia com acionamento portátil,
sabonete líquido, escovinha de
unha, clorexidina e papel-toalha.
e) pia com acionamento portátil,
sabonete líquido, escovinha
de unha, clorexidina e álcool.
19
Materiais utilizados no design de sobrancelhas
Encerra aqui o trecho do livro disponibilizado para
esta Unidade de Aprendizagem. Na Biblioteca Virtual
da Instituição, você encontra a obra na íntegra.
Materiais para design de sobrancelhas
Materiais para design de sobrancelhas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

DESIGNER DE SOBRANCELHA
DESIGNER DE SOBRANCELHA DESIGNER DE SOBRANCELHA
DESIGNER DE SOBRANCELHA
 
A Pele (2010)
A Pele (2010)A Pele (2010)
A Pele (2010)
 
depilacao
depilacaodepilacao
depilacao
 
Apostila depilação
Apostila depilaçãoApostila depilação
Apostila depilação
 
mmm149250956 apostila-sobrancelhas-final
mmm149250956 apostila-sobrancelhas-finalmmm149250956 apostila-sobrancelhas-final
mmm149250956 apostila-sobrancelhas-final
 
Equilíbrio fisiológico capilar
Equilíbrio fisiológico capilarEquilíbrio fisiológico capilar
Equilíbrio fisiológico capilar
 
E-Book auto maquiagem
E-Book auto maquiagem E-Book auto maquiagem
E-Book auto maquiagem
 
Dermocosmeticos
DermocosmeticosDermocosmeticos
Dermocosmeticos
 
Tricologia
TricologiaTricologia
Tricologia
 
Doenças do cabelo e do couro cabeludo
Doenças do cabelo e do couro cabeludoDoenças do cabelo e do couro cabeludo
Doenças do cabelo e do couro cabeludo
 
131801091 apostila-curso-de-depilacao
131801091 apostila-curso-de-depilacao131801091 apostila-curso-de-depilacao
131801091 apostila-curso-de-depilacao
 
Pele
PelePele
Pele
 
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEALESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
 
Curso básico para manicure - Parte 1/2
Curso básico para manicure - Parte 1/2Curso básico para manicure - Parte 1/2
Curso básico para manicure - Parte 1/2
 
O alta freqüência.
O alta freqüência.O alta freqüência.
O alta freqüência.
 
A eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facialA eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facial
 
Tipos de pele
Tipos de peleTipos de pele
Tipos de pele
 
120505480 apostila-de-depilacao
120505480 apostila-de-depilacao120505480 apostila-de-depilacao
120505480 apostila-de-depilacao
 
Curso Design Sobrancelha
Curso Design Sobrancelha Curso Design Sobrancelha
Curso Design Sobrancelha
 
A estrutura-capilar-05.04.17 (1)
A estrutura-capilar-05.04.17 (1)A estrutura-capilar-05.04.17 (1)
A estrutura-capilar-05.04.17 (1)
 

Semelhante a Materiais para design de sobrancelhas

Clínica de Estética em Londrina Beauty365.pdf
Clínica de Estética em Londrina Beauty365.pdfClínica de Estética em Londrina Beauty365.pdf
Clínica de Estética em Londrina Beauty365.pdfFah Carvalho
 
Aprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissional
Aprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissionalAprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissional
Aprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissionalEstética Manual
 
Slide _ Curso micro_ Caroline.pptx
Slide _ Curso micro_ Caroline.pptxSlide _ Curso micro_ Caroline.pptx
Slide _ Curso micro_ Caroline.pptxCynthiaRanyelle
 
Cuidados com seus cílios fio a fio
Cuidados com seus cílios fio a fioCuidados com seus cílios fio a fio
Cuidados com seus cílios fio a fioAna Cunha
 
Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342
Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342
Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342Bruna Raphaela
 
apostila de portugues - completa fundamental e medio
apostila de portugues - completa fundamental e medioapostila de portugues - completa fundamental e medio
apostila de portugues - completa fundamental e medioAnonymous5LZY5y
 
Curso básico para manicure - Parte 2/2
Curso básico para manicure - Parte 2/2Curso básico para manicure - Parte 2/2
Curso básico para manicure - Parte 2/2ABCursos OnLine
 
Manual técnico de pintura
Manual técnico de pinturaManual técnico de pintura
Manual técnico de pinturafabrabo
 
Fast Hair - 2016
Fast Hair - 2016Fast Hair - 2016
Fast Hair - 2016Oficina2016
 
Projeto Werner Coiffeur
Projeto Werner CoiffeurProjeto Werner Coiffeur
Projeto Werner CoiffeurCarla Viola
 
Poderosas dicas para manicure
Poderosas dicas para manicurePoderosas dicas para manicure
Poderosas dicas para manicurelopesdesignnails
 
Manualdepilbella impressaosite
Manualdepilbella impressaositeManualdepilbella impressaosite
Manualdepilbella impressaositeBelissacruz
 
49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030a
49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030a49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030a
49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030ajacquelineApolinario
 
Curso Manicure e Pedicure - Cópia.pdf
Curso Manicure e Pedicure - Cópia.pdfCurso Manicure e Pedicure - Cópia.pdf
Curso Manicure e Pedicure - Cópia.pdfcidasoares31
 
Relatorio de estagio Morgana Gianesini
Relatorio de estagio Morgana GianesiniRelatorio de estagio Morgana Gianesini
Relatorio de estagio Morgana GianesiniMorgana Gianesini
 
Kit para fazer unhas de fibra
Kit para fazer unhas de fibraKit para fazer unhas de fibra
Kit para fazer unhas de fibrajosedivino
 

Semelhante a Materiais para design de sobrancelhas (20)

Epilação temporária
Epilação temporáriaEpilação temporária
Epilação temporária
 
Clínica de Estética em Londrina Beauty365.pdf
Clínica de Estética em Londrina Beauty365.pdfClínica de Estética em Londrina Beauty365.pdf
Clínica de Estética em Londrina Beauty365.pdf
 
Aprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissional
Aprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissionalAprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissional
Aprenda como colocar cilios fio a fio de forma profissional
 
Slide _ Curso micro_ Caroline.pptx
Slide _ Curso micro_ Caroline.pptxSlide _ Curso micro_ Caroline.pptx
Slide _ Curso micro_ Caroline.pptx
 
Cuidados com seus cílios fio a fio
Cuidados com seus cílios fio a fioCuidados com seus cílios fio a fio
Cuidados com seus cílios fio a fio
 
Cursos livres
Cursos livresCursos livres
Cursos livres
 
Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342
Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342
Cuidadoscomseuscliosfioafio 180110231342
 
Apostila_ Cary.pdf
Apostila_ Cary.pdfApostila_ Cary.pdf
Apostila_ Cary.pdf
 
apostila de portugues - completa fundamental e medio
apostila de portugues - completa fundamental e medioapostila de portugues - completa fundamental e medio
apostila de portugues - completa fundamental e medio
 
Curso básico para manicure - Parte 2/2
Curso básico para manicure - Parte 2/2Curso básico para manicure - Parte 2/2
Curso básico para manicure - Parte 2/2
 
Manual técnico de pintura
Manual técnico de pinturaManual técnico de pintura
Manual técnico de pintura
 
Fast Hair - 2016
Fast Hair - 2016Fast Hair - 2016
Fast Hair - 2016
 
Projeto Werner Coiffeur
Projeto Werner CoiffeurProjeto Werner Coiffeur
Projeto Werner Coiffeur
 
Poderosas dicas para manicure
Poderosas dicas para manicurePoderosas dicas para manicure
Poderosas dicas para manicure
 
Manualdepilbella impressaosite
Manualdepilbella impressaositeManualdepilbella impressaosite
Manualdepilbella impressaosite
 
49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030a
49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030a49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030a
49793ddb 1ec2-4ea8-bebc-a53976be030a
 
Curso Manicure e Pedicure - Cópia.pdf
Curso Manicure e Pedicure - Cópia.pdfCurso Manicure e Pedicure - Cópia.pdf
Curso Manicure e Pedicure - Cópia.pdf
 
31 997320837 good dream
31 997320837  good dream31 997320837  good dream
31 997320837 good dream
 
Relatorio de estagio Morgana Gianesini
Relatorio de estagio Morgana GianesiniRelatorio de estagio Morgana Gianesini
Relatorio de estagio Morgana Gianesini
 
Kit para fazer unhas de fibra
Kit para fazer unhas de fibraKit para fazer unhas de fibra
Kit para fazer unhas de fibra
 

Último

QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoMary Alvarenga
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfAdrianaCunha84
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 

Último (20)

QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 

Materiais para design de sobrancelhas

  • 2.
  • 3. Materiais utilizados no design de sobrancelhas Objetivos de aprendizagem Ao final deste texto, você deve apresentar os seguintes aprendizados: „ „ Reconhecer os materiais utilizados no design de sobrancelhas. „ „ Descrever as condições do ambiente para a prática do design de sobrancelhas. „ „ Organizar os materiais e o ambiente para a prática do design de sobrancelhas. Introdução Para realizar o design de sobrancelhas, são necessários materiais espe- cíficos e um ambiente que propicie conforto e segurança tanto para o profissional quanto para o cliente. Neste capítulo, você vai conhecer os materiais utilizados no aten- dimento de design de sobrancelhas e aprender a organizá-los. Além disso, você vai estudar sobre as condições necessárias ao ambiente, para oferecer aos clientes conforto, bem-estar e satisfação. Materiais para design de sobrancelhas Ao longo da história, desenvolveram-se diversas técnicas para a remoção dos pelos indesejáveis. Há registros de civilizações que, para isso, usaram materiais como pedras afiadas, pedras-pomes, conchas e, inclusive, métodos químicos, como a combinação de sulfato amarelo feito de arsênico, cal viva e água de rosas (GERSON et al., 2011).
  • 4. Na atualidade, a remoção de pelos tem se tornado cada vez mais popular. O design de sobrancelhas, em especial, vem ocupando uma fatia de mercado muito promissora na área da beleza, e a evolução da tecnologia e o desenvolvimento de novas técnicas e treinamentos têm permitido resultados muito eficientes. Conhecer, ter acesso e saber utilizar, da melhor maneira, os materiais e recursos necessários para o design de sobrancelhas é fundamental para uma prática de sucesso. Os recursos utilizados englobam: „ „ higienização e preparação da pele; „ „ demarcação do desenho/formato das sobrancelhas, com correção de assimetrias e elaboração do design adequado para o cliente; „ „ remoção e modelagem dos pelos; „ „ cuidados com a pele pós-procedimento; „ „ recobrimento de falhas e coloração de pelos. Materiais para higienização e preparação da pele Antes de iniciar o design de sobrancelhas, é imprescindível que a pele esteja livre de toda e qualquer sujidade. Por isso, o primeiro passo para o proce- dimento é a higienização da pele das sobrancelhas e do entorno. Não pode haver resquícios de maquiagem ou oleosidade, pois atrapalham muito na demarcação do design e na remoção dos pelos. Os materiais indispensáveis nesse processo são: „ „ Loção antisséptica: importante para remover sujeira e oleosidade e diminuir a carga microbiológica da pele. A mais indicada é a solução de clorexidina, por ser menos agressiva à pele e mais potente que o álcool. Também podem ser utilizadas loções tônicas à base de extratos naturais, como os de hamamélis, lavanda, calêndula, entre outros, que apresentam ação antisséptica. „ „ Gaze ou algodão: utilizados para fazer a limpeza mecânica junto ao produto químico. O algodão promove ação mais suave e é indicado para peles sensíveis, enquanto a gaze limpa mais profundamente. As gazes ou algodões também podem ser utilizados para aplicação de compressas de chá de camomila ou loções de efeito calmante pré ou pós-procedimento. Materiais utilizados no design de sobrancelhas 2
  • 5. Em geral, o produto é aplicado sobre o algodão ou a gaze e friccionado sobre a pele em firmes movimentos ao longo do sentido do crescimento dos pelos e também no sentido contrário, até a completa limpeza. Caso a cliente esteja utilizando maquiagem em excesso e não seja possível removê-la apenas com a loção antisséptica, deve-se utilizar antes um produto demaquilante. Os cremosos podem ser aplicados diretamente sobre a pele, com movimen- tos circulares, e removidos com a gaze. Os oleosos ou em loção poderão ser aplicados sobre o algodão, que será friccionado na pele até a completa remoção da maquiagem. Deve-se repetir o procedimento com demaquilante se necessário, e deve-se finalizar a higienização com a aplicação da loção antisséptica. Ifould, Forsythe-Conroy e Whittaker (2015) sugerem também a colocação de compressas de algodão úmidas e aquecidas sobre a área antes do proce- dimento, indicando, inclusive, que se tenha um vaporizador para aquecer o algodão. Esse procedimento, segundo os autores, abre os poros e diminui o desconforto e a sensibilidade da pele. Os produtos devem ser mantidos em frascos de spray limpos, longe da umidade e do calor, devem estar dentro do prazo de validade e ser devidamente registrados na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os algodões e as gazes devem ser acondicionados em potes fechados para evitar acúmulo de poeira e sujidades. Materiais para demarcação do design de sobrancelhas O mercado oferece diferentes materiais para demarcação do design de sobran- celhas. Os moldes e as réguas de simetria disponíveis são bons para facilitar o trabalho do profissional, mas nem sempre são eficazes, uma vez que o design deve ser especialmente projetado para cada cliente, considerando seus traços, a harmonia da sua face e, principalmente, o que deseja expressar por meio da sua imagem. Um bom profissional utiliza recursos que o permitam trabalhar com autonomia e de maneira personalizada, sem se deter a padrões estéticos. Assim, os materiais mais utilizados são o paquímetro e o lápis ou caneta em gel brancos (Figura 1). 3 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 6. Figura 1. Medição e marcação das sobrancelhas com (a) paquímetro e (b) caneta em gel. a b O paquímetro é um instrumento de medida de uso profissional que possui uma régua graduada e dois bicos de medição, sendo um fixo (a escala) e um móvel. É utilizado como ferramenta para medir os pontos das sobrancelhas e obter a simetria entre elas. Geralmente é de metal ou plástico, sendo o de plástico mais indicado para utilizar em áreas delicadas, como a face. É importante mantê-lo sempre limpo. Para fazer a marcação dos pontos indicados no paquímetro e o desenho da estrutura das sobrancelhas é utilizado tradicionalmente o lápis de maquiagem branco. Esse, porém, pode acabar deixando o traçado muito grosseiro, dificul- tando ao profissional enxergar com precisão o delineamento e atrapalhando no processo de remoção dos pelos. Sugere-se, portanto, que o profissional utilize uma caneta em gel branca, atóxica, que oferece um traçado fino e bem delimitado. Materiais utilizados no design de sobrancelhas 4
  • 7. Outro recurso também muito utilizado é o lápis dermatográfico, que ofe- rece um traçado fino e bem delimitado se estiver bem lapidado e for de boa qualidade. Alguns lápis dermatográficos não oferecem boa pigmentação e são frágeis, quebrando facilmente se estiverem lapidados conforme é necessário para o uso. A ponta é lapidada com estilete (Figura 2). Figura 2. Lápis dermatográfico. Fonte: Miyuki Satake/Shutterstock.com. Materiais para epilação e modelagem de sobrancelhas As técnicas e os produtos utilizados para remoção de pelos estão em constante processo de aprimoramento. Atualmente, os materiais disponíveis no mercado para epilação temporária de sobrancelhas são as pinças, as ceras e as linhas. As pinças são utilizadas para puxar os pelos, um ou poucos por vez, conforme a técnica empregada e o modelo utilizado. É o método mais adequado para realizar o delineamento das sobrancelhas, pois permite maior precisão para puxar os pelos que deverão ser removidos. As pinças devem ser descartáveis ou esterilizáveis. Pinças profissionais costumam ser de aço inoxidável para poderem passar pelos processos de desinfecção e esterilização com soluções antissépticas ou na autoclave sem enferrujar. É imprescindível que sejam de alta qualidade, pois se trata de uma ferramenta importante que poderá tornar o trabalho mais eficiente e preciso (GERSON et al., 2011). 5 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 8. Em relação ao formato, existem pinças de diferentes tamanhos e tipos, cada uma com um objetivo específico: „ „ Pinça reta: indicada para iniciar a epilação, uma vez que é eficaz para remover mais pelos ao mesmo tempo (Figura 3a). „ „ Pinça oblíqua: ideal para pessoas que epilam suas próprias sobrance- lhas, pois, devido à sua inclinação, é possível visualizar melhor os pelos que devem ser removidos. Alguns profissionais a consideram a melhor opção para trabalhar nos clientes, pois a inclinação torna o movimento mais preciso em relação ao posicionamento do cliente (Figura 3b). „ „ Pinça agulha: indicada para pelos curtos e encravados. Também facilita para profissionais iniciantes fazerem o acabamento, pois remove um pelo por vez (Figura 3c). „ „ Pinça com luz: possui uma pequena luz de LED integrada para facilitar a visualização dos pelos no momento do pinçamento (Figura 3d). Figura 3. Tipos de pinça: (a) pinça reta; (b) pinça oblíqua; (c) pinça agulha; (d) pinça com luz. Fonte: Adaptada de Sean MacD/Shutterstock.com; Brad Wynnyk/Shutterstock.com; Beat Bieler/Shut- terstock.com; Loja Reidotebori ([2018]). a b c d A epilação com cera é muito utilizada para grandes áreas corporais, de- vido a sua praticidade. Alguns profissionais ainda a utilizam para epilações faciais, inclusive para o design de sobrancelhas. Gerson et al. (2011) explica Materiais utilizados no design de sobrancelhas 6
  • 9. que existem diferentes formas de cera: em barra para panelas específicas, em latas para micro-ondas, em refis para sistema roll-on (ceras quentes) e em potes, bisnagas e tiras prontas (cera fria). A cera para epilação é produzida essencialmente a partir de cera de abelha, resinas, parafina, entre outras substâncias. Também pode conter aditivos específicos, como azuleno, camomila e outros, com apelo de amenizar os danos à pele. A consistência e o ponto de derretimento variam conforme o produto, sendo imprescindível que o profissional conheça muito bem o material e as implicações do uso. O método não é eficaz se a cera não estiver na temperatura adequada, se não for aplicada corretamente ou, ainda, se a pele não estiver bem higienizada (GERSON et al., 2011). Ao final do procedimento, é necessário remover os resíduos de cera que ficam na pele. Algumas ceras são solúveis em água, sendo removidas com algodão úmido, e outras, solúveis em óleo, necessitando de produto oleoso específico para remoção. É importante saber que a pele estará sensível após o processo, sendo, por isso, indispensável o cuidado no momento da remoção. A cera fria em tiras (Figura 4a) e a cera quente em barra (Figura 4b) são as de uso mais comum na face. Figura 4. Epilação de sobrancelhas com (a) cera fria e (b) cera quente. Fonte: Adaptada de wavebreakmedia/Shutterstock.com; Pavel Ilyukhin/Shutterstock.com. a b 7 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 10. A epilação com linha, também conhecida como epilação egípcia, consiste na remoção dos pelos com a utilização de um fio de linha de 50 a 70 cm de comprimento (PEREIRA; MACHADO; SELORES, 2015). Há diferentes tipos de linha, mas, em geral, as linhas de algodão e as linhas mistas de algodão e poliéster são as mais indicadas. O mercado oferece, ainda, uma linha específica para epilação egípcia produzida com algodão orgânico. O apelo comercial diz que não possui produtos químicos nocivos nem corantes em sua composição, tornando-a ideal para peles sensíveis. É importante que não sejam enceradas, pois o uso contínuo de linhas enceradas costuma machucar as mãos do profissional, e que não arrebentem com facilidade. As pontas da linha devem ser unidas em um nó, e a linha é enrolada entre as duas mãos (Figura 5). É uma técnica habitualmente bem aceita e tolerada, apesar de ser dolorosa. Além disso, é mais acessível econo- micamente, mais rápida e mais higiênica, já que a linha é descartada após o uso e não deixa resíduos na pele, diferentemente da cera, que, além de deixar resíduos, acaba consumindo mais materiais, e da pinça, que demanda tempo e custos, pois precisa ser esterilizada. Figura 5. Epilação de sobrancelhas com linha. Fonte: Africa Studio/Shutterstock.com. Materiais utilizados no design de sobrancelhas 8
  • 11. No design de sobrancelhas, utiliza-se também o corte, conhecido como técnica de aparar os pelos, a fim de alinhar e modelar os pelos das sobran- celhas. Nessa etapa, os materiais necessários são o pente, para pentear as sobrancelhas de maneira a expor as pontas dos pelos que estão em excesso (Figura 6a), e a tesoura, para aparar os pelos que estão em excesso, alinhando o desenho das sobrancelhas (Figura 6b). É importante que o pente seja desinfetado a cada uso ou que se faça uso de pentes descartáveis. As tesouras também precisam ser desinfetadas e esterilizadas, e por isso é importante que sejam de aço inoxidável. Figura 6. Materiais utilizados para “aparar os pelos”: (a) pentes para sobrancelhas; (b) tesoura para aparar as sobrancelhas. Fonte: Adaptada de 168stock/Shutterstock.com; Pavel Skopets/Shutterstock.com. a b Materiais para cuidados pós-procedimento Após a epilação, é importante retirar os pelos que ficaram sobre a face. Para esse procedimento, o ideal é utilizar uma gaze seca e fazer leves movimentos de arraste sobre as áreas da face onde os pelos caíram. No final, essa gaze deverá ser descartada. Alguns profissionais utilizam o pincel leque, mas ele não é recomendado por questões de higiene. Materiais úmidos também não favorecem esse processo, pois os pelos, umedecidos, acabam aderindo mais ainda à pele, dificultando a remoção. 9 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 12. Em seguida, é necessário remover a marcação do design feita com caneta. Para isso se utilizam movimentos firmes ao longo das sobrancelhas, na dire- ção do crescimento dos fios, com algodão umedecido em loção antisséptica. Esse procedimento é assim indicado porque o algodão promove limpeza mais suave em comparação com a gaze e porque é importante realizar a antissepsia da pele após a remoção dos pelos, pois a área está mais sensível e propensa a contaminações, especialmente se houver sangramento durante a remoção dos pelos. Há casos em que o profissional, por falta de experiência ou cuidado, acaba beliscando com a pinça a pele do cliente e provocando um machucado. Outras vezes, o simples ato de epilar pode provocar sangramento, especialmente quando a pele é fina e sensível e os pelos são grossos. O sangramento provocado estabelece uma porta de saída ou entrada para microrganismos patogênicos. Por isso, Gerson et al. (2011) indicam que se coloque na área um pedaço de algodão com antisséptico, pressionando delicadamente para interromper o sangramento e acalmar a pele. Também é recomendável, segundo os autores, realizar compressa de algodão com loção calmante após a epilação. Uma vez que o processo de epilação pode provocar irritação e sensibi- lidade à pele, podem ocorrer alterações pigmentares secundárias, segundo Pereira, Machado e Selores (2015), conhecidas como hiperpigmentações pós- -inflamatórias. Essas alterações ocorrem pelo mecanismo de proteção da pele frente à agressão sofrida, incorrendo no aumento da produção de melanina e no consequente escurecimento da região. A exposição solar pode agravar o quadro. Portanto, é importante o uso de filtro solar com fator de proteção mínimo 30 na área agredida. Se as so- brancelhas forem corrigidas com maquiagem ou coloração, o filtro solar deve ser aplicado somente após esse processo. Observe que o produto tenha características hipoalergênicas, pois a pele irritada pode se tornar mais reativa e hipersensível. Também é recomendado ao cliente que evite exposição solar direta após o procedimento. Materiais utilizados no design de sobrancelhas 10
  • 13. Materiais para recobrimento de falhas e coloração dos pelos O design de sobrancelhas só é completo quando as falhas de pelos são corrigi- das ou quando a cor das sobrancelhas é realçada. Para tal, existem diferentes recursos, entre eles a maquiagem, a coloração e a micropigmentação. A última trata-se de um método mais duradouro, o qual só pode ser aplicado por designer de sobrancelhas que tenha realizado curso específico. A escolha da maquiagem para sobrancelhas precisa levar em considera- ção cor e efeito desejados. As variações de cor estão presentes em todos os produtos, sendo necessário que o profissional disponha de pelo menos dois tons, um claro e um escuro, para cada produto que utilize. A cor ideal para o cliente poderá ser obtida pela mistura entre os tons claro e escuro no caso da sombra e do gel. Também poderá ser obtida pela quantidade de produto e pela graduação da pressão aplicada no lápis ou pincel: pouco produto e/ou pouca pressão fornecem um tom mais claro, e muito produto e/ou muita pressão resultam em um tom mais escuro. O efeito depende do tipo de produto utilizado, isto é, cada produto apresenta um efeito específico: „ „ Lápis de sobrancelhas: oferece resultado mais definido, sendo indicado para grandes áreas de correção, principalmente quando os pelos são muito mais escuros que a pele e também volumosos (Figura 7a). „ „ Caneta delineadora de sobrancelhas: de fácil aplicação, oferece a possibilidade de colorir as sobrancelhas uniformemente ou de criar o desenho dos fios, trazendo um resultado muito natural (Figura 7b). „ „ Sombra: possibilita a graduação dos tons, além de dar um efeito es- fumado, muito natural. „ „ Gel de sobrancelhas: de indicação semelhante ao lápis, o gel cobre bem as falhas e pode, inclusive, ajudar a alinhar os pelos rebeldes (Figura 7c). A aplicação de sombra ou gel de sobrancelhas necessita do uso de pincel de maquiagem chanfrado (Figura 7d). Também pode ser aplicado um gel transparente para pentear e alinhar os fios rebeldes. 11 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 14. Figura 7. Produtos utilizados para cobrir falhas e colorir sobrancelhas: (a) lápis com pincel para esfumar; (b) caneta delineadora (o formato chanfrado permite criar o desenho de pelos); (c) gel de sobrancelhas; (d) pincel chanfrado para aplicação de sombra ou gel. Fonte: Adaptada de whitemaple/Shutterstock.com; Zonda/Shutterstock.com; Dmytro Bochkov/Shut- terstock.com; valkoinen/Shutterstock.com. a c b d O procedimento de coloração das sobrancelhas engloba, principalmente, o uso de hena, mas também se encontra no mercado outro tipo de tintura específica para sobrancelhas. A coloração é um procedimento muito indicado para indivíduos com pelos muito claros (loiros e ruivos) e para pessoas que apresentam pelos brancos. A hena é um pigmento em pó natural, extraído das folhas da planta Lawsonia inermis e utilizado para tingir pelos e pele. Por trata-se de um produto alergênico, a hena destinada às sobrancelhas não apresenta composição igual à hena para cabelos ou tatuagem temporária (mais fortes). Os materiais necessários para o procedimentosão,alémdaquelesutilizadospreviamentenodesigndesobrancelhas: „ „ luvas; „ „ palitos de dente; „ „ cotonetes; „ „ batoque ou dappen (pequenos recipientes para mistura) (Figura 8); „ „ pó de hena (Figura 9); „ „ água; „ „ fixador; „ „ gaze. Materiais utilizados no design de sobrancelhas 12
  • 15. Figura 8. Dappen de vidro. Fonte: Dental Coimbra ([2018]). Figura 9. Hena em pó. Fonte: Akvals/Shutterstock.com. 13 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 16. A tintura, por sua vez, funciona com o mesmo princípio da tintura para cabelos, porém é igualmente mais fraca em relação à sua composição. Neces- sita ser misturada a uma solução de peróxido de hidrogênio (água oxigenada) a 3% (10 volumes) para abrir a cutícula dos pelos e favorecer a entrada dos pigmentos, motivo pelo qual funciona melhor em pelos brancos. Os insumos básicos são os mesmos da hena, modificando apenas o produto em si e a presença da água oxigenada 10 volumes. Ifould, Forsythe-Conroy e Whittaker (2015) recomendam que sempre seja realizado o teste de sensibilidade, mesmo que o cliente já tenha realizado o procedimento de coloração de sobrancelhas outras vezes, pois é necessário ter certeza de que não ocorrerá reação alérgica. Os autores ressaltam que algumas pessoas podem repentinamente se tornar sensíveis a produtos que já estejam acostumadas a utilizar. Descartáveis Além de gaze, algodão, palitos de dente, cotonetes, linha e cera, materiais utilizados no protocolo de design de sobrancelhas, outros materiais impres- cindíveis ao atendimento são: „ „ Papel-toalha: utilizado para secagem das mãos após higienização, ou umedecido em álcool para limpeza e antissepsia das superfícies de atendimento. „ „ Lençóis: utilizados para forrar a cadeira ou maca de atendimento pre- viamente limpa. Devem ser preferencialmente descartáveis, embora seja permitido o uso de lençóis lisos e de cores claras se forem trocados após o atendimento de cada cliente e mantidos sempre muito limpos e em boas condições de uso. „ „ Rolo de papel grande: substitui a forração com lençol, devendo ser descartado a cada cliente. „ „ Almotolias ou borrifadores de água: recipientes de água para proce- dimento. Embora não sejam descartáveis, devem ser mantidos sempre limpos, e seu conteúdo deve ser renovado a cada dois ou três dias para evitar contaminação, especialmente em almotolias sem tampa. Materiais utilizados no design de sobrancelhas 14
  • 17. O uso dos EPIs também é fundamental na preservação da saúde tanto do profissional quanto do cliente, pois reduz os riscos biológicos pela exposição a microrganismos e os riscos químicos. São eles: „ „ Máscara: utilizada durante todos os atendimentos com a função de criar uma barreira protetora para as vias aéreas, uma vez que o trabalho é executado muito próximo ao rosto do cliente e pode haver contaminação ou respingos de saliva durante tosse ou fala. „ „ Luvas: utilizadas durante o procedimento de epilação com cera, o qual apresenta risco de queimadura e exposição de pele não íntegra caso haja sangramento, e durante a coloração das sobrancelhas com tintura ou hena, pois se está lidando com produto químico que pode causar hipersensibilidade e manchar a pele. „ „ Touca ou faixas de cabelo: utilizadas tanto no profissional quanto no cliente, são importantes para segurar a franja e outros fios de cabelo que possam atrapalhar o processo. São dispensáveis se a cliente ou profissional estiver com os cabelos presos. „ „ Jaleco: fornece uma barreira de proteção, prevenindo a contaminação por exposição a fluidos como sangue e secreções, e evita a exposição da roupa e da pele a produtos como a cera de epilação, por exemplo. Existem jalecos descartáveis e não descartáveis, que devem ser mantidos limpos e em boas condições de uso. Condições e organização do ambiente de trabalho Dispor de materiais de qualidade e mantê-los sempre limpos e em bom estado de conservação é fundamental para atrair e fidelizar clientes. O mesmo acon- tece com o ambiente de trabalho, que deve ser agradável, limpo, organizado e seguro. Para o design de sobrancelhas, o mobiliário necessário consiste em: „ „ Cadeira ou maca de atendimento reclinável: deve ser revestida com material não poroso e lavável, em geral, plástico, para facilitar sua limpeza e desinfecção, que devem ser feitas a cada cliente. Também deve ter a altura adequada para o profissional e ter um encosto reclinável para favorecer o desenvolvimento da técnica. Não é possível realizar um bom design com o cliente em ortostase ou sentado completamente ereto. 15 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 18. „ „ Cadeira mocho a gás: fundamental para o conforto e bem-estar do profissional. O mocho permite ajustar a altura em relação ao cliente, além de proporcionar um encosto confortável para as costas. „ „ Escada para maca: faz parte dos recursos de acessibilidade e permite que pessoas mais baixas ou com pouca mobilidade possam subir à maca com maior segurança e conforto. „ „ Bancada ou carrinho auxiliar: posto ao lado da maca, facilita o trans- porte e fornecimento de objetos e cosméticos necessários ao procedi- mento, auxiliando a movimentação do profissional. Se for de metal, não se esqueça de secá-lo bem após a limpeza, para evitar que enferruje. „ „ Armário fechado ou almoxarifado: pode ser de qualquer tipo ou ta- manho, sendo importante apenas que seja fechado, seco e arejado, e que caibam nele de forma organizada todos os materiais em uso e em estoque. „ „ Espelho de mão: para as ocasiões em que o cliente quiser observar mais de perto o resultado final e os detalhes do trabalho executado. „ „ Lixeira para resíduos comuns: fechada com tampa, com acionamento por pedal, a fim de jogar fora os resíduos do atendimento que não tenham caráter biológico, isto é, que não tenham entrado em contato com sangue ou secreções. „ „ Lixeira para resíduos biológicos: fechada com tampa, com aciona- mento por pedal, com a identificação externa RESÍDUO INFECTANTE e saco branco leitoso, a fim de jogar fora os resíduos do atendimento que tenham entrado em contato com sangue e secreções, como máscaras, luvas, gazes e algodões, ceras e linhas pós-uso. Pensando ainda em recursos de acessibilidade, recomenda-se que o estabe- lecimento disponha de rampas de acesso, caso tenha degraus, ou de elevadores caso não esteja localizado no andar térreo. Também é recomendado o uso de plataformas para cadeirante caso o profissional tenha que atendê-lo na cadeira de rodas, para evitar riscos ergonômicos ao profissional. É importante lembrar que o profissional precisa fazer exercícios de alongamentos e ginástica laboral quando se expõe a atender em condições não favoráveis à ergonomia. É muito importante que o profissional esteja preparado para receber clientes com deficiência, que os acompanhe desde a chegada até a saída e que lhes dê informações necessárias quanto às condições do espaço para o seu atendimento desde o primeiro contato, seja por telefone, internet ou pessoalmente. Quanto às instalações do ambiente, é necessário um lavabo na sala de atendi- mento para higienização das mãos do profissional, que deve ser realizada antes e após atender cada cliente. Esse lavado deverá conter uma pia com acionamento Materiais utilizados no design de sobrancelhas 16
  • 19. automático, sabonete líquido, escovinha de unha (para limpar as unhas, retirando restos de produtos e sujidades), álcool (para antissepsia das mãos e desinfecção geral de materiais e superfícies) e papel-toalha. Também é necessário pelo menos um banheiro, com a pia nas mesmas condições descritas para o lavabo. Opisoeasparedesdevemserclaroselaváveis.Oidealéquehajaboaventilação, climatização de ar e, ainda, boa iluminação, tanto natural como artificial, afinal não é possível enxergar os detalhes se a iluminação não for adequada. Sugere-se também o uso de uma luminária móvel, para poder posicioná-la de acordo com a necessidade, sendo útil, inclusive, em atendimentos especiais que, por algum motivo, não possam ser realizados na maca, como no caso de cadeirantes. Música ambiente, em geral, é considerado algo agradável, mas é necessário questionar e identificar a preferência do cliente a respeito; músicas calmas e em volume baixo são as mais indicadas. Outro item de extrema importância são as fichas de cadastro com as informações básicas de cada cliente, como dados de identificação, possíveis implicações da pele ou contraindicações, como alergias, foliculite, hipersensibilidade, etc. Caso tenha computador, o cadastro pode ser feito eletronicamente, mas, se isso não for possível, é necessário ter pastas de arquivo para organizar as fichas. Finalmente, se a sala não estiver sempre organizada e limpa, não tem efeito mantê-la bem pintada, decorada, iluminada e com todos os materiais neces- sários ao atendimento. O ambiente deve estar sempre com cheiro agradável, com móveis limpos e desinfetados e com os utensílios organizados. No fim do dia, deve ser realizada limpeza geral dos pisos e das bancadas, desinfecção dos materiais usados, recolhimento do lixo e organização de todo o ambiente para o próximo dia de atendimento. 1. O design de sobrancelhas deve ser especialmente projetado para cada cliente, levando em consideração seus traços, a harmonia da sua face e, principalmente, o que deseja expressar por meio de sua imagem. Dessa forma, o mercado oferece diferentes materiais para demarcação do design. Assinale a alternativa que contempla o material mais indicado. a) Paquímetro, porque leva em consideração os traços, a harmonia da face e, principalmente, os padrões estéticos. b) Molde, porque facilita o trabalho do profissional, levando em 17 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 20. consideração os traços e a harmonia da face do cliente. c) Paquímetro, porque mede os pontos das sobrancelhas e obtém a simetria entre elas, trabalhando de maneira personalizada. d) Réguas de simetria, porque facilitam o trabalho do profissional e fornecem um design especialmente projetado para cada cliente. e) Molde, porque mede os pontos das sobrancelhas e obtém a simetria entre elas, fornecendo um design especialmente projetado para cada cliente. 2. As pinças são utilizadas para puxar os pelos, um ou poucos por vez, conforme a técnica empregada e o modelo utilizado. O pinçamento é o método mais adequado para realizar o delineamento das sobrancelhas, pois permite maior precisão para puxar os pelos que deverão ser removidos. Existem pinças de diferentes tamanhos e tipos. Assinale a alternativa correta sobre a pinça de ponta fina. a) Também chamada de pinça reta, é indicada para iniciar a epilação, uma vez que é eficaz para remover mais pelos ao mesmo tempo. b) Também chamada de pinça agulha, é indicada para pelos curtos e encravados e facilita para profissionais iniciantes fazerem o acabamento, pois remove um pelo por vez. c) Também chamada de pinça com luz, possui uma pequena luz de LED integrada para facilitar a visualização dos pelos no momento do pinçamento. d) Também chamada de pinça agulha, é ideal para pessoas que epilam suas próprias sobrancelhas, pois é possível visualizar melhor os pelos que devem ser removidos. e) Também chamada de pinça oblíqua, é considerada a melhor opção para trabalhar nos clientes, pois a inclinação torna o movimento mais preciso em relação ao posicionamento do cliente. 3. A escolha da maquiagem para sobrancelhas precisa levar em consideração cor e efeito desejados. Assinale a forma por meio da qual é possível conseguir a cor ideal para cada cliente utilizando maquiagem para sobrancelhas. a) Pela mistura entre os tons claro e escuro da caneta delineadora de sobrancelhas. b) Pela mistura entre os tons claro e escuro do lápis de sobrancelhas. c) Pela graduação da quantidade de produto aplicado, sendo que pouco produto fornece um tom mais claro. d) Pela graduação da pressão aplicada no lápis, sendo que pouca pressão fornece um tom mais escuro. e) Pela graduação da quantidade de produto aplicado, sendo que muito produto fornece um tom mais claro. 4. Após a epilação, é importante (1) retirar os pelos que ficaram sobre a face. Em seguida, é necessário (2) remover a marcação do design feita com a caneta ou lápis brancos. Materiais utilizados no design de sobrancelhas 18
  • 21. DENTAL COIMBRA. Pote Dappen de vidro incolor Preven. , Goiânia, [2018]. Disponível em: <https://www.dentalcoimbra.com.br/2045-000150-Pote-Dappen- de-Vidro-Incolor-Preven>. Acesso em: 22 jun. 2018. GERSON, J. et al. Fundamentosdaestética4: estética. São Paulo: Cengage Learning, 2011. IFOULD, J.; FORSYTHE-CONROY, D.; WHITTAKER, M. Técnicas em estética. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2015. LOJA REIDOTEBORI. Pinça sobrancelha com led. , Caxias do Sul, [2018]. Dis- ponível em: <https://www.lojareidotebori.com.br/pinca-sobrancelha-com-led#>. Acesso em: 21 jun. 2018. PEREIRA, S.; MACHADO, S.; SELORES, M. Remoção do pelo na adolescência: hair removal in adolescence. Nascer e Crescer, Porto, v. 24, n. 2, p. 70-74, jun. 2015. Dispo- nível em: <http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0872- 07542015000300004&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 22 jun. 2018. Assinale a alternativa que contempla os materiais indicados para cada uma dessas etapas, na ordem. a) (1) algodão úmido em loção calmante, (2) algodão úmido em loção antisséptica. b) (1) algodão seco, (2) gaze úmida com loção calmante. c) (1) gaze úmida com loção antisséptica, (2) gaze úmida com loção calmante. d) (1) gaze seca, (2) algodão seco. e) (1) gaze seca, (2) algodão úmido com loção antisséptica. 5. Apresentar um ambiente de trabalho limpo, organizado e seguro é fundamental para atrair e fidelizar os clientes, que estão cada vez mais exigentes em relação às condutas de higiene do profissional e do seu local de trabalho. O lavabo faz parte da sala de atendimento e precisa conter: a) pia com acionamento portátil, sabonete, escovinha de unha, álcool e toalha. b) pia com acionamento automático, sabonete líquido, escovinha de unha, álcool e papel-toalha. c) pia com acionamento automático, sabonete antisséptico, álcool e papel-toalha. d) pia com acionamento portátil, sabonete líquido, escovinha de unha, clorexidina e papel-toalha. e) pia com acionamento portátil, sabonete líquido, escovinha de unha, clorexidina e álcool. 19 Materiais utilizados no design de sobrancelhas
  • 22. Encerra aqui o trecho do livro disponibilizado para esta Unidade de Aprendizagem. Na Biblioteca Virtual da Instituição, você encontra a obra na íntegra.