Qualidades fisiologicas do som 2º ano prof waldir montenegro cssa

843 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
843
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
207
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Qualidades fisiologicas do som 2º ano prof waldir montenegro cssa

  1. 1. (Professor: Waldir Montenegro) Colégio: Salesiano Santo Antônio Qualidades fisiológicas do som 01.Qual é o nível de intensidade sonora, em decibéis (dB), de um som que tem intensidade de 10-10 W/m2 ? Considere a intensidade do limiar da percepção auditiva igual a 10-12 W/m2 . 02-(UERJ)Seja β a altura de um som, medida em decibéis. Essa altura β está relacionada com a intensidade do som, I, pela expressão abaixo, na qual a intensidade padrão, I0 é igual a 10-12 w/m2 . Observe a tabela a seguir. Nela, os valores de I foram aferidos a distâncias idênticas das respectivas fontes de som. Sabendo que há risco de danos ao ouvido médio a partir de 90 dB, o número de fontes da tabela cuja intensidade de emissão de sons está na faixa de risco é de: (A) 1 (B) 2 (C) 3 (D) 4 03-Um nível sonoro de 80 dB (por exemplo, de uma avenida movimentada) corresponde a uma intensidade energética _________ vezes maior do que a do nível sonoro de 50 dB (por exemplo, de um carro regulado). O número que preenche o espaço indicado no texto é: a) 10 b) 30 c) 100 d) 1000 e) 10000
  2. 2. 04.Numa estação do metrô, o nível sonoro é de 80 dB. Sendo o limiar de audibilidade igual a 10-12 W/m2 , determine a intensidade física do som, no interior da estação. 05-A intensidade do som, em W/m2 , em um jardim sossegado, é da ordem de 10-9 . Em um restaurante, é de 10-7 . O limiar da audição se dá a 10-12 nas mesmas unidades. Calcular o nível sonoro, em dB, no jardim e no restaurante. 06-Um equipamento mede o nível de ruído de uma rua em dB. Às 16 horas, mediu-se 20 dB. Às 18 horas, o aparelho acusou 80 dB.Calcular quantas vezes aumentou a intensidade da onda sonora. 07. (UFMG) Para que um corpo vibre em ressonância com um outro é preciso que: a) seja feito do mesmo material que o outro; b) vibre com a maior amplitude possível; c) tenha uma freqüência natural igual a uma das freqüência naturais do outro; d) vibre com a maior freqüência possível; e) vibre com a menor freqüência. 08. Duas cordas de violão foram afinadas de modo a emitirem a mesma nota musical. Golpeando-se uma delas, observa-se que a outra também oscila, embora com menor intensidade. Este fenômeno é conhecido por: a) batimento b) interferência c) polarização d) ressonância e) amortecimento 09. Emitindo-se determinadas notas musicais através, por exemplo, de um violino, é possível trincar-se à distância uma fina lâmina de cristal. O fenômeno que melhor se relaciona com o fato é: a) batimentos b) polarização c) ressonância d) difração e) amortecimento
  3. 3. 10. (UNIP) A Ponte de Tacoma, nos Estados Unidos, ao receber impulsos periódicos do vento, entrou em vibração e foi totalmente destruída. O fenômeno que melhor explica esse fato é: a) o efeito Doppler b) a ressonância c) a interferência d) a difração e) a refração 11. Em dias de clássicos futebolísticos que promovem grandes concentrações de populares, teme-se pela segurança do Estádio do Morumbi, em São Paulo, sobretudo nos momentos de gol. A alegria e o entusiasmo dos torcedores, geralmente manifestado por meio de pulos e batidas no chão, faz com que tida a estrutura do estádio vibre. Se essa vibração for mantida por muito tempo, pode levar partes da construção ou mesmo toda ela a desabar, ocasionando uma catástrofe. O fenômeno que melhor explica esse fato é: a) difração b) interferência c) refração d) ressonância e) polarização 12. (EFOMM) As ondas contornam obstáculos. Isto pode ser facilmente comprovado quando ouvimos e não vemos uma pessoa situada em uma outra sala, por exemplo. O mesmo ocorre com o raio luminoso, embora este efeito seja apenas observável em condições especiais. O fenômeno acima descrito é chamado de: a) difusão b) dispersão c) difração d) refração e) reflexão 13. Aponte a alternativa correta: a) Difração é o fenômeno que consiste de ondas passarem de um meio para outro diferente. b) A difração é um fenômeno apresentado exclusivamente por ondas sonoras e luminosas. c) A difração pode ser explicada pela Teoria Corpuscular de Newton. d) Em idênticas condições, os sons graves difratam mais que os agudos. e) As sete cores do espectro luminoso (vermelho, alaranjado, amarelo, verde azul, anil e violeta) difratam-se de modo igual em uma mesma fenda.
  4. 4. 14. A respeito da difração, assinale a opção falsa: a) O som se difrata mais do que a luz, porque o seu comprimento de onda é maior. b) Os sons graves se difratam mais do que os sons agudos. c) A luz vermelha se difrata mais do que a violeta. d) Para haver difração em um orifício ou fenda, o comprimento de onda deve ser maior ou da ordem de grandeza das dimensões do orifício ou fenda. e) Apenas as ondas longitudinais se difratam. 15. (ITA) Luz linearmente polarizada (ou plano-polarizada) é aquela que: a) apresenta uma só freqüência; b) se refletiu num espelho plano; c) tem comprimento de onda menor que o da radiação ultravioleta; d) tem a oscilação associada a sua onda, paralela a um plano; e) tem a oscilação, associada a sua onda, na direção da propagação. 16. (CEUB) A polarização da luz demonstra que: a) a luz não se propaga no vácuo; b) a luz é sempre monocromática; c) a luz tem caráter corpuscular; d) as ondas luminosas são longitudinais; e) as ondas luminosas são transversais.

×