Hidrosfera rec

1.114 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.114
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
131
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Hidrosfera rec

  1. 1. HIDROSFERA A Esfera Aquática
  2. 2. CICLO DA ÁGUA
  3. 3. CARACTERÍSTICAS DE UM RIO     Os rios, compostos por água doce, correm por um leito definido; São “alimentados” por chuvas (precipitação líquida), precipitações sólidas (granizo ou neve) ou por lagos e fontes (“olhos d’ água”); A nascente ou cabeceira de um rio geralmente se localiza em áreas elevadas (colinas, planaltos, serras ou montanhas); A medida que o rio avança até sua foz, seu volume vai aumentando gradativamente, uma vez que recebe água de seus afluentes e das chuvas.
  4. 4. ESTRUTURA DE UM RIO NASCENTE OU CABECEIRA – Onde o rio nasce. AFLUENTE – rios que desemboca no rio principal. MEANDRO – curva acentuada de um rio. CASCATA – ou queda d’ água ocorre em virtude de declives no relevo. FOZ OU DESEMBOCADURA – Onde o rio deságua, podendo ser um delta, um estuário ou mista. DELTA – Foz de um rio formada por vários braços ou canais do leito do rio. ESTUÁRIO – Parte do rio que se encontra com o mar. LEITO – Superfície coberta pela água (“caminho percorrido pela água”. BACIA HIDROGRÁFICA – Formada por um rio principal e seus afluentes. VAZÃO – Volume de águas.
  5. 5. ESTRUTURA DE UM RIO
  6. 6. CLASSIFICAÇÃO QUANTO AO REGIME    PLUVIAL – Quando são abastecidos pela água das chuvas. Todos os rios brasileiros exceto o Amazonas. NIVAL – Quando suas águas provêm do derretimento das geleiras e da cobertura de neve das montanhas. MISTO – Quando são alimentados por ambas as fontes, neve e chuva. Ex: Rio Amazonas e Ganges.
  7. 7. RIO AMAZONAS MEANDROS NAVEGAÇÃO POROROCA FOZ NASCENTE VITÓRIA-RÉGIA
  8. 8. CLASSIFICAÇÃO QUANTO AO ESCOAMENTO    EFÊMEROS – Existem durante curtos períodos de chuvas. Responsável pelas “enchentes relâmpagos” que afetam as áreas áridas e semiáridas. INTERMITENTES – Rios cujos leitos secam durante certo período do ano. Característicos de regiões bastante quentes (Sertão Nordestino) ou muito geladas. PERENES – Rios que correm durante o ano todo. A maior parte dos rios brasileiros.
  9. 9. CLASSIFICAÇÃO QUANTO AO RELEVO RIO DE PLANÍCIE – Rios que correm por áreas planas onde praticamente não há cachoeiras, saltos e corredeiras. Estes rios são adequados a navegação. Ex: Amazonas, Araguaia, Tapajós e Negro  RIO DE PLANALTO – Rios que correm por desníveis acentuados, onde se forma grande número de corredeiras e cachoeiras. São adequados para a construção de hidrelétricas e à prática de esportes radicais. Ex: São Francisco, Iguaçu, Paranaíba, Tietê e Paraná. 
  10. 10. RIO DE PLANALTO
  11. 11. RIO DE PLANÍCIE
  12. 12. HIDROGRAFIA DO BRASIL    HIDROGRAFIA – Ramo da Geografia que estuda as águas do planeta. A Hidrografia brasileira é marcada por rios extensos e volumosos. Praticamente todos os rios são de planalto, o que favorece o potencial hidrelétrico. A produção hidrelétrica brasileira é a terceira maior do mundo.

×