Hidrografia e bacias hidrográficas 2013

4.726 visualizações

Publicada em

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.726
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.034
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Hidrografia e bacias hidrográficas 2013

  1. 1. Hidrografiaebacias hidrográficas geocontexto.blogspot.com
  2. 2. • Asuperfície da terra compreende aproximadamente 510 milhões de Km² • 71% da superfície são cobertos pelas águas dos oceanos e mares, águas superficiais dos continentes e aquíferos
  3. 3. • Consumo
  4. 4. Ciclodaágua • Caminho que as águas percorrem pelos seus diferentes estados físicos (sólido, líquido e gasoso)
  5. 5. Mares Massas de agua salgadas que circundam os continentes(trata-se de grandes lagos)
  6. 6. Abertos • Ampla ligação com os oceanos
  7. 7. Fechado • Completamente separados dos oceanos
  8. 8. Problemas com mares fechados • Uso indiscriminado de água doce dos rios, vem fazendo com que alguns deles estejam ameaçados de total desaparecimento como o mar de Aral Na década de 1960 a URSS decidiu produzir algodão irrigado com as águas dos rios Amu Daria e Syr Daria que abastecem o mar de Aral Aumento da salinidade e extinção de diversas espécies da fauna e flora Hoje, o Mar de Aral já perdeu 90% de suas águas, e as regiões secas são difíceis de serem habitadas por causa da extrema salinidade da terra e do acumulo de areia. Diariamente, o vento joga 75 milhões de toneladas de poeira, areia e sal nas terras antes encobertas pelo mar, a ponto de existir uma nova denominação para a região: deserto de Aralkum.
  9. 9. Mar interior • Ligam-se por meio de um canal estreito
  10. 10. Relevo submarino Plataforma continental - Largura variável e profundidade geralmente, vai a 200 metros, mais importante Talude – transição entre a plataforma continental e o fundo do mar (3.000 e 5.000 metros)
  11. 11. Abissal – zonas mais profundas Mesoceânicas – cordilheiras no meio do oceano, zonas limites de placas tectônicas Ilhas vulcânicas Fossas abissais – ex. marianas, pacífico, 11 034m
  12. 12. Oceanos Massas de águas salgadas que separam os continentes Pacífico, maior e mais profundo (4280 m), fossa das marianas (11 034 m) Atlântico, comercialização, Europa eAmérica Índico, terceiro maior, localizado quase inteiramente em área tropical, banha 3 continentes Ártico e oAntártico, glaciais
  13. 13. Movimentos das águas oceânicas Marulho - movimento de subida e descida do mar, provocado pela ação do vento
  14. 14. Ondas – provocada por uma considerável intensidade de ventos (vento sopra a superfície dos oceanos e transfere a energia do movimento do ar para a água Tamanho varia em função da velocidade, podem superar 30 metros Arrebentação – região onde as ondas quebram
  15. 15. Marés Ocorre devido à atração que a Lua exerce sobre os oceanos Por onde ela passa o nível aumenta Nível máximo é chamado de maré alta, ou preamar, e o nível mínimo de maré baixa ou baixa- mar
  16. 16. Correntes marítimas Deslocamento das aguas oceânicas, continuamente na mesma direção e velocidade, provocadas pelas diferenças de temperatura, pressão e salinidade das águas Correntes quentes – provenientes de zonas equatoriais Correntes frias – provenientes das regiões polares ou frias
  17. 17. Lagos Depressão do relevo coberta de água LAGO VULCÂNICO É formado por acúmulo de águas pluviais em crateras de vulcões LAGO TECTÔNICO É aquele que se forma entre as falhas geológicas LAGOS DE BARRAGEM É formado pela acumulação de materiais detríticos pelos mar, pelas restingas e geleiras
  18. 18. Golfo - O golfo é uma porção de mar que avança pela terra cobrindo extensa área Baía - Se o avanço das águas tiver uma extensão considerável e com segurança e profundidade apropriadas para servir de abrigo às embarcações Enseada - Quando o mar entra ligeiramente pela terra
  19. 19. Aquífero • Depósitos naturais de águas, alojadas em rochas porosas, areias, cascalhos ou em fraturas de rochas impermeáveis, abastecidos parcialmente pela água proveniente das precipitações
  20. 20. Rios Curso de água formados pelo encontro das águas do escoamento superficial com as águas das nascentes subterrâneas
  21. 21. Endorreico Para lagos ou mares fechados Arreico Infiltrar-se no solo ou evaporar Exorreicos Para fora dos continentes curso
  22. 22. Regime Abastecimento pela chuva – regime pluvial Derretimento de neve – regime nival Derretimento de geleiras – regime glacial
  23. 23. Quanto à densidade perenes e caudalosos Rio formado em região de climas úmidas Temporários ou intermitente Rio formado em região de climas secos Está relacionado ao clima onde ele se forma
  24. 24. Relevo Rios de planícies – lentos, apresentam curvas (meândricos) potencial para navegação Rios de planaltos – apresentam declive, escoamento com mais velocidade, potencial para produção de energia hidrelétrica
  25. 25. delta desague com vários braços, ramificados, formando ilhas estuário desemboca no mar ou oceano, através de um único canal Foz
  26. 26. Astronautas fotografam delta do Nilo durante a noite
  27. 27. Alguns conceitos Vagas – agitação marítima, mais que o marulho Interflúvio – divisor de águas, serras, colinas, montanha Tributários – curso de água que deposita suas águas em outro rio Exutório – todo o escoamento superficial, escoamento final Vale – área de baixa altitude Talvegue – linha mais baixa de um vale, mais fundo do rio Várzea – terreno as margens de um rio que é inundado em época de chuva Vertente – nascente Assoreamento – obstrução por sedimentos Eutrofização – excesso de nutrientes provocado pelo excesso de algas Lacustre – relativo a lago
  28. 28. O Brasil possui a maior reserva hídrica do mundo
  29. 29. O Brasil possui a maior reserva hídrica do mundo  Maioria dos rios de regime pluvial  O rioAmazonas é misto (fluvial e nival)  Rio Parnaíba, possui foz em delta  Maioria dos rios são foz em estuário  Rios perenes são maioria, no semiárido os rios são intermitentes ou temporários  Predomínio de rios de planaltos  Amazonas e Paraguai são de planícies
  30. 30. Redehidrográfica Proveniente de três centros dispersores de água  Cordilheira dosAndes (RioAmazonas)  Planalto das guianas (Rios da margem esquerda da BaciaAmazônica)  Planalto central (Rios da margem direita da BaciaAmazônica, Bacia Platina eBacia do Rio São Francisco)
  31. 31. Bacias hidrográficas Áreas caracterizadas pela existência de uma rede hidrográfica, drenada por um rio principal e seus afluentes Aproveitamento econômico: irrigação, abastecem reservatórios urbanos, fornecem alimentos, energia, transporte
  32. 32. BaciadoAmazonas6,5 milhões de km², maior bacia Recebe três nomes: Rio Marañón, nos países andinos, Rio Solimões, ao entrar no Brasil, e Amazonas, ao receber as águas do Rio Negro
  33. 33. BaciahidrográficadoTocantins-Araguaia Maior totalmente brasileira (813 674,1 km²) RioAraguaia nasce no Mato Grosso e une-se ao RioTocantins no extremo norte do estado doTocantins Parte do potencial hidrelétrico do RioTocantins é aproveitado pela usina de Tucuruí, no Pará
  34. 34. BaciadoRioSãoFrancisco Nasce em Minas Gerais, na Serra da Canastra Atravessa o sertão semiárido, possibilitando a sobrevivência da população ribeirinha Produção hidrelétrica que abastece tanto o Sudeste (Três Marias), Como o Nordeste (Sobradinho e PauloAfonso)
  35. 35. TransposiçãodoRioSãoFrancisco Surgiu com o argumento de sanar a deficiência hídrica na região do semiárido, através da transferência de água do rio para o abastecimento de açudes e rios menores “transamazônica hídrica” Não suprirá a necessidade da população Gerará perda para os estados doadores
  36. 36. Bacia Platina Rios Paraná, Paraguai e Uruguai Paraná, Bacia planáltica, primeiro lugar em potencial hidrelétrico do país Usina hidrelétrica de Itaipu
  37. 37. AméricadoNorte Bacia do Rio São Lourenço (Canadá) Rio São Loureiro liga os Grandes Lagos e o OceanoAtlântico e, em sua foz, no golfo de São Lourenço Maior estuário do mundo
  38. 38. BaciadoRio Mississippi(EUA) Terceira maior Norte a sul, chamado de rio da integração nacional Utilizado para navegação
  39. 39. Áfricapoucos rios, porém os existentes são extensos e volumosos como o Rio Nilo Bacia hidrográfica do Rio Nilo Banha vários países do continente, 2ª maior do mundo Um dos grandes impactos sofridos por esse rio está na construção da barragem deAssuã (1971, Egito), que alterou seu regime
  40. 40. BaciadoRioNíger  Terceiro maior da África  Tem importância histórica, era o principal fornecedor de água para as caravanas que atravessavam o deserto do Saara BaciadoRioZaireou RioCongo  Segundo mais volumoso do continente  Banha a parte equatorial do continente  Navegável
  41. 41. Europa Conjunto de rios pequenos quanto a seu curso evolume Rios navegáveis, importantes para as atividades econômicas da região, favorecendo o escoamento dos produtos Rio Volga Mais extenso Atravessa a planície russa e desemboca no Mar Cáspio Através do rio Volga e de seus canais, é possível atingir os mares Báltico, Cáspio e Negro No inverno os rios sofrem com o congelamento
  42. 42. Rio Reno  Mais importante rio europeu  Intenso transporte de matérias-primas e produtos industrializados  Nasce nosAlpes (suiços), passa pela França, liga aregião industrial da Alemanha edesemboca no Mar do Norte (Holanda)  Junto àsua desembocadura, encontra-se o Porto de Rotterdã, o maior da Europa
  43. 43. RioDanúbio  Segundo mais longo  Atravessa o continente de leste para oeste RioSena  Centro-norte da França  Atravessando Paris e desaguando no Canal da Mancha  Possui importante hidrovia, transporte de grandes cargas da produção industrial e agrícola da França
  44. 44. RioTejo  É o mais extenso da península ibérica  Nasce na Espanha e desagua noAtlântico  Desse rio partiram as naus portuguesas na época dos descobrimentos Rio Pó  Maior rio italiano  Desagua no MarAdriático
  45. 45. BaciashidrográficasnaÁsiainfluenciaram a ocupação do continente pelo homem Correm das altas montanhas da região central em direção aos oceanos Pacíficos, Índico e Ártico RioJordão Fronteira entre Israel-Jordânia e termina no Mar Morto (drenagem endorréica) Motivo de conflitos entre Israel, Líbano, Jordânia e Síria, que disputam o controle de suas águas
  46. 46. RioTigreeEufrates Mais importantes do Oriente Médio Nasce no planalto daAnatólia, na Turquia, atravessa aplanície da mesopotâmia Terminam juntos formando uma única foz, o Chatt-el-Arab, na fronteira entre o Iraque e oIrã, despejando as águas no Golfo Pérsico Regiões banhadas pelos rios estão envolvidos em conflitos geopolíticos ligados ao petróleo
  47. 47. RioGanges Nasce no Himalaia,Tibet, atravessa o norte da Índia, deságua no Oceano Índico Regime Nival, alimentado através do degelo das montanhas do Himalaia Impactado principalmente pela contaminação das águas e problemas geopolíticos ligados à disputa pela posse de suas águas entre Bangladesh e Índia
  48. 48. RiosYang-Tzé-Kiang(Azul)eHoang-Ho (Amarelo) Formam o conjunto dos rios mais importantes da China, banha áreas férteis do país No rio Yang-Tzé-Kiang foi construída a usina de Três Gargantas
  49. 49. Aconstrução de Três Gargantas obrigou 1 milhão de chineses a mudar de casa (em Itaipu, foram apenas 40 mil).Além disso, inundou 140 sítios arqueológicos.

×