arecidaem pauta
ApInformação e compromisso social
ano 1 . nº2 . deZeMBro de 2014 | WWW.aparecidaeMpauta.coM.Br
em pauta
pI...
2Aparecida em Pauta | 2Aparecida em Pauta |
Aproveite a sua revista
Aparecida em Pauta
para anunciar
o seu produto
ou serv...
3Aparecida em Pauta |
A.A de Jesus Fokkus Produtora
e Editora de Serviços de Comunicação – EIRELI
Rua 06 S/N Qd. P Lote 03...
4 | Aparecida em Pauta
Sustentabilidade
Abrimos os portões
do viveiro municipal
e descobrimos um cantinho
que poucos conhe...
5Aparecida em Pauta | 5Aparecida em Pauta |
Sociedade aparecidense
prestigia lançamento
do site e revista
Aparecida em Pau...
6 | Aparecida em Pauta6 | Aparecida em Pauta
Alex também lançou um
aplicativo em que as pessoas vão
poder votar em quais á...
7Aparecida em Pauta |
Beleza
Aparecida vai escolher
a Primeira
Garota Natureza
Serra das Areias
Fotos: Epitácio Isaac
8 | Aparecida em Pauta
A
partir da próxima semana o internauta
aparecidense vai poder escolher a
Primeira Garota Natureza ...
9Aparecida em Pauta |
Esporte
A nova geraçãoA nova geraçãoA nova geração
fitness de Aparecida
Jovens e adolescentes estão c...
10 | Aparecida em Pauta
Artista aparecidense
usa o próprio sangue
em suas telas
Com talento nato
para a arte, Paul Setúbal...
11Aparecida em Pauta |
Daniel Vilela
Tudo pronto
para representar
Aparecida
na Câmara Federal
A
ristóteles,filósofo grego ...
12 | Aparecida em Pauta
Ao conviver diariamente com os
assuntos políticos,acabei tomando gosto
por aquilo,o que acontece c...
Água e esgoto
Saneamento em Aparecida está
comprometido pelos próximos 20 anos
E
studo divulgado pelo InstitutoTrata
Brasi...
14 | Aparecida em Pauta
Pela primeira vez,o estudo traz uma projeção da evolução dos indicadores das 20 melhores e 20 pior...
15Aparecida em Pauta |
Ainda segundo oTrata Brasil no ranking
geral de saneamento básico no Brasil,
Aparecida aparece em 8...
16 | Aparecida em Pauta
Meio ambiente
Engenheiro ambiental chama atenção para
a degradação de córregos no município
A
pare...
18 | Aparecida em Pauta
Iniciativa
Artistas apoiam campanha de Marlúcio
contra o crack
O
Programa sem Drogas é Show, criad...
19
nsino Superior
Curso de medicina vai trazer
benefícios para a população
A
inauguração de um curso de
medicina em uma ci...
20 | Aparecida em Pauta
Esporte
Aparecidense está otimista
para temporada 2015
C
om o término do ano se
aproximando, as ex...
21Aparecida em Pauta |
Realidade
Novo prédio da Câmara inicia
uma nova era no legislativo aparecidense
H
á cerca de dois a...
Urbanização
Empresários defendem
revitalização da Cidade do Amor
C
om cerca de 50 motéis,o pequeno Bairro Nossa Senhora de...
23Aparecida em Pauta |
artão postal
e consolida a fé de um povo
Q
uem passa pelo centro de Aparecida de Goiânia
não pode d...
24 | Aparecida em Pauta
Economia
Quais os benefícios
do Parque Tecnológico?
Além de garantir isenção
de 98% do ICMS para
a...
| Aparecida em Pauta| Aparecida em Pauta
Costumes
Q
uem passa pelo Jardim Cascata, região sul deAparecida
de Goiânia, logo...
26 | Aparecida em Pauta
A Revista
Aparecida em Pauta
deseja aos aparecidenses
um ano novo
de muitas conquistas
27
Direito Empresarial
O que é um turnaround
management nas
empresas?
Um balanço positivo da Aciag Jovem
e novas perspecti...
28 | Aparecida em Pauta
WWW.APARECIDA.GO.GOV.BR
A C E S S E
0800 607 0040
L I G U E
S o m e n t e s e r ã o a c e i t a s ...
Revista Aparecida em Pauta
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Revista Aparecida em Pauta

563 visualizações

Publicada em

2a ed ap em pauta

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
563
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revista Aparecida em Pauta

  1. 1. arecidaem pauta ApInformação e compromisso social ano 1 . nº2 . deZeMBro de 2014 | WWW.aparecidaeMpauta.coM.Br em pauta pInformação e compromisso social Daniel Vilela Urbanização Água e esgoto Tudo pronto para representar Aparecida na Câmara Federal Empresários defendem revitalização da Cidade do Amor Saneamento em Aparecida está comprometido pelos próximos 20 anos. Saneago contesta Y. Maeda
  2. 2. 2Aparecida em Pauta | 2Aparecida em Pauta | Aproveite a sua revista Aparecida em Pauta para anunciar o seu produto ou serviço.
  3. 3. 3Aparecida em Pauta | A.A de Jesus Fokkus Produtora e Editora de Serviços de Comunicação – EIRELI Rua 06 S/N Qd. P Lote 03- Sala 01 Setor Araguaia Aparecida de Goiânia/GO CEP= 74-981-060 Jornalista responsável: Alex Atanázio – DRT 2026/GO O CNPJ : 15.177.501/0001-15 Contato Comercial: Breno Kalil - Terra consultoria e representações - 9281 3623 - 3097 1442 Projeto editorial: Érika Sandra - compassoarte@gmail.com Fotografia: Rodrigo Estrela Fones de contato: 8586-3446 3584-6409 aparecidaempauta@gmail.com Editorial Indispensável para a saúde humana, o saneamento básico pode ser compreendido como o controle e a manutenção de todos os meios físicos do homem que possam afetar prejudicialmente a sua saúde. Oficialmente, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), saneamento básico é o controle de todos os fatores do meio físico do homem, que exercem ou podem exercer efeitos nocivos sobre o bem estar físico, mental e social. Em questões práticas, a importância do saneamento básico está ligada a implantação de sistemas e modelos públicos que promovam o abastecimento de água, esgoto sanitário e destinação correta de lixo, com o objetivo de prevenção e controle de doenças, promoção de hábitos higiênicos e saudáveis, melhorias da limpeza pública básica e, consequentemente, de uma melhor qualidade de vida da população. Os serviços de saneamento básico são considerados essenciais, é a partir deles que podemos promover as condições mínimas de desenvolvimento social. Cabe aos gestores e às políticas públicas o papel de responsabilidade, articulação e reversão dessa realidade, principalmente em regiões mais pobres, como o norte e nordeste, onde são encontradas as situações e os índices mais alarmantes de falta de saneamento básico. Nesta edição mostramos o resultado de um estudo realizado por um dos institutos mais respeitados na área, que é o Trata Brasil. Os dados revelam que a falta de investimento na área de saneamento básico pode comprometer a universalização dos serviços em Aparecida de Goiânia nos próximos 20 anos.A Saneago contesta os dados e garante que nós próximos anos, água e rede de esgoto no município será uma realidade na vida do aparecidense.Assim esperamos! o saneamento básico Universalização essenciais, é a partir deles que podemos promover as condições mínimas de desenvolvimento social.
  4. 4. 4 | Aparecida em Pauta Sustentabilidade Abrimos os portões do viveiro municipal e descobrimos um cantinho que poucos conhecem As árvores e várias espécies de flores que embelezam as praças, ruas e avenidas da cidade, nascem do amor de servidores dedicados L ocalizado no Setor Belo Horizonte, região Central deAparecida de Goiânia,encontramos o viveiro municipal da Prefeitura que é coordenado pelo Secretário de Desenvolvimento Urbano,Rodrigo Caldas.Só os mais curiosos que descem aAvenida Brasil daquele bairro percebem do lado direito uma placa que identifica o viveiro,mas nem imagina o que tem depois da cerca.Uma imensa aérea com um lago ao fundo guarda as mais belas espécies de plantas onde a primavera dura o ano inteiro. Quando Rodrigo Caldas assumiu a pasta,o local contava com pouco mais de vinte espécies.Agora esse número mais que dobrou e já são cerca de cinqüenta tipos de plantas que promovem uma verdadeira explosão de formas e cores. Elas são subdividas entre Palmeiras, frutíferas,sombreie e semeio.Dentre os diversos tipos de plantas no canteiro, existem as frutíferas;jambolão;acerola; maracujá;figo;caju;pitanga;manga;none e jatobá.Além de produzirem sombras nos parques e escolas,elas carregam os frutos para a população cada uma em seu período sazonal. Atenção e carinho O local recebe a atenção necessária do coordenador de Parques e Jardins,seu Carlos Chaves,que desenvolve no local uma política de sustentabilidade e muito carinho com as plantas.“Para lidar com elas é preciso ter amor”,conta ele.É justamente com este amor que o trabalho envolve servidores dedicados que trabalham desde a concepção das sementes e mudas até a transferência das espécies. Rodrigo Caldas e seu Carlos que cuida com amor do viveiro municipal Servidoras cuidam com carinho da compostagem das plantas Fotos:RodrigoEstrela
  5. 5. 5Aparecida em Pauta | 5Aparecida em Pauta | Sociedade aparecidense prestigia lançamento do site e revista Aparecida em Pauta O Jornalista Alex Atanázio foi bastante cumprimentado pela sociedade aparecidense, que fez questão de prestigiá-lo no lançamento de dois novos projetos de sua autoria, o portal de noticias www.aparecidaempauta.com.br e uma revista que recebe o mesmo nome do site. O evento realizado na noite da última quinta-feira,30, na Associação Comercial e Industrial de Aparecida (Aciag), reuniu empresários, jornalistas, vereadores, autoridades, familiares e amigos do jornalista. O primeiro exemplar da revista estampa o caso da advogada, Dení de Souza, esposa do vereador João Antônio (PSB), que deu uma lição de vida ao vencer um câncer. De acordo com o profissional, a intenção é justamente pautar discussões sobre o material publicado, colaborando com a construção de uma opinião mais crítica, sempre exaltando o que tem de mais positivo na cidade.“Queremos mostrar que Aparecida é uma cidade que tem desafios sim, mas que há pessoas preocupadas em driblar estes desafios”, comentou o jornalista durante o discurso. Informação e cultura Lorena Ayres (Aciag Mulher) e Maione Padeiro (Aciag Jovem) cumprimentam o jornalista Alex Atanázio (ao centro) Fotos: Rodrigo Estrela
  6. 6. 6 | Aparecida em Pauta6 | Aparecida em Pauta Alex também lançou um aplicativo em que as pessoas vão poder votar em quais áreas há necessidade de uma maior atenção do Poder Público na cidade. Com a nova ferramenta também será possível avaliar a atual gestão municipal. Mas o grande lançamento da noite ficou por conta do Concurso Natureza Serra das Areias, onde através do acesso ao site www.aparecidaempauta.com. br, o internauta vai poder escolher as três melhores modelos, que serão fotografadas na reserva ambiental.“A intenção é aliar a preocupação com a preservação desta importante reserva e revelar a beleza das nossas mulheres aparecidenses”, ressaltou. O diretor municipal de Turismo, Guido Marcos elogiou a iniciativa.“ A ideia do site casa justamente com nossa preocupação que é fazer com que a Serra das Areias seja descoberta como um ponto turístico com foco na sustentabilidade”, disse o diretor. Já o secretário Municipal de Comunicação, Ozéias Laurentino enfatizou que a chegada dos dois veículos é um presente para o município.“ Em novembro Aparecida comemora mais uma ano de sua emancipação política e com estes projetos, o Alex de certa forma presenteia nossa cidade”, ponderou. O vereador Marcone Marinho (PTB) falou em nome da Câmara Municipal ressaltando as qualidades do jornalista e a importância dos veículos de comunicação.“Hoje a internet é uma ferramenta fundamental no processo de comunicação e um site como este só vem somar com este processo”, argumentou o vereador. Alex Atanázio com a advogada e empresária Dení de Souza
  7. 7. 7Aparecida em Pauta | Beleza Aparecida vai escolher a Primeira Garota Natureza Serra das Areias Fotos: Epitácio Isaac
  8. 8. 8 | Aparecida em Pauta A partir da próxima semana o internauta aparecidense vai poder escolher a Primeira Garota Natureza Serra das Areias.Todo concurso será realizado pelo site aparecidaempauta.com.br, onde as pessoas vão poder escolher as três finalistas por meio de votação. O concurso que também tem um caráter de campanha educativa, visa justamente chamar a atenção do público para a preservação da reserva ambiental e ao mesmo tempo valorizar a beleza da mulher aparecidense.A modelo Carol Fialho já subiu a Serra e fez cliques de tirar o fôlego. O trabalho foi dirigido pelo fotógrafo, Epitácio Isaac. Todos os ensaios fotográficos serão feitos na reserva com dez meninas.A campanha conta ainda com a parceria da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma). Confira os cliques de Carol Fialho
  9. 9. 9Aparecida em Pauta | Esporte A nova geraçãoA nova geraçãoA nova geração fitness de Aparecida Jovens e adolescentes estão cada vez mais cedo buscando as academias do município.Alguns pretendem se profissionalizar, já outros preferem o caminho das substâncias proibidas Igor começou a malhar apenas em busca de um corpo prefeito, mas tomou gosto e agora quer seguir carreira E m busca de um corpinho perfeito, o estudante Igor Martins, 17 anos, morador do Centro da cidade começou a malhar aos 15. No início a intenção era apenas ter um corpo sarado, mas ao notar resultado ele percebeu que poderia ir além, representando o município em várias competições, tanto que um julho deste ano venceu o segundo lugar na categoriaAtleta Miss Physigue do Campeonato Goiano de Fisiculturismo IFBB 2014. Se você pensa que a coisa para por aí está muito enganado, o rapaz avisa que vai seguir se profissionalizando.“Se precisar vou treinar até rachar”, conta. Igor garante que em um ano e meio teve um excelente resultado sem tomar nenhuma substância ilícita.“Só alimentação adequada acompanhada por uma nutricionista”, acrescenta. Além dos garotões, as mulheres também querem impressionar com seus corpos esculturais, como a Marília Queiroz,25, que começou a malhar aos 21.A moça formada em pedagogia se reveza entre a sala de aula e os treinos diários.Atleta na categoria bikini fitnes da IFBB Goiás, em julho deste ano ela foi a campeã da CopaAberta de Fisiculturismo deAparecida; em setembro representou o município no Concurso Garota Fitness Etapa Goiás e conseguiu a terceira colocação - e em novembro ficou em quarto lugar na Copa Body Classic IFBB Goiás, que é aberta a nível nacional. O estudante Jhordan Firmino Ramos, também de 17 anos, está no mesmo caminho e está suando a camisa para se profissionalizar. Filho do educador físico JúniorTrainer, o garoto tem tudo para seguir a carreira e impressionar os jurados. O trio que malha na academia do Júnior dá um duro danado para alcançar o tão sonhado corpo com a supervisão do próprio Júnior e de CristinaAmaral (Campeã Goiana). Perigo Mas nem sempre há quem busca se profissionalizar.As academias deAparecida estão lotadas de jovens adolescentes,na sua maior parte garotos,que querem músculos,muitos músculos.A maioria tem como objetivo impressionar familiares,amigos e a mulherada.Nesta busca nem sempre saudável,muitos têm pressa e acabam usando substâncias proibidas. A nova onda vem regada de funks com letras que induzem ao crescimento dos músculos em pouco tempo. O Funk Anabolizante além de assassinar a língua portuguesa e soar muitos palavrões pode induzir os moleques ao perigo.A canção, música, ou seja lá o que for é mais ou menos assim:“um ciclo foda joga as Strol pra dentro. Daqui uns vinte dias cê vai ver tudo crescendo. Camisa rasgando, agora as mina olha. Um tempinho atrás as vagaba nem dava bola”. Júnior e Cristina Amaral são responsáveis pelos corpos perfeitos aparecidenses JuniorTrainer prepara o filho Jhordan para competir para seguir a carreira e impressionar os jurados. O trio que malha na academia Mas nem sempre há quem busca se profissionalizar.As academias deAparecida estão lotadas de maior parte garotos,que querem músculos,muitos músculos.A impressionar familiares,amigos Jhordam, Marília e Igor. A nova geração fitness aparecidense
  10. 10. 10 | Aparecida em Pauta Artista aparecidense usa o próprio sangue em suas telas Com talento nato para a arte, Paul Setúbal impressiona pela inquietação com o social e se arrisca em rasgar as cortinas do cotidiano Arte A lguns podem achar bizarro,outros loucura,mas o sangue é a principal matéria-prima utilizada pelo jovem artista aparecidense,Paul Setúbal,que literalmente dá o sangue pela arte.Após a coleta ele vai diluindo,encontrando a tonalidade correta e aos poucos a obra vai nascendo,como se a o sangue fosse de fato uma tinta,e é! Para quem ficou impressionado, o rapaz de apenas 27 anos, justifica a preferência pelo sangue.“Como meu trabalho é muito politizado então pede algo a mais e é uma maneira também de me posicionar de forma poética e me entregar ao trabalho, ali sou eu”, conta.As obras também chocam quem de cara tem a informação de que foram feitas com sangue.“O sangue mexe com as pessoas porque elas sabem a dor do sangue e o associam justamente à dor. Por outro lado também queria provocar algo nas pessoas”, acrescenta o artista. Filho do artista Carppio de Morais,nem precisa dizer que nas veias do moço corre sangue talentoso,mas só apenas há cinco anos ele resolveu se profissionalizar.Paul Setúbal é membro integrante do Grupo Empreza desde o ano de 2011,produtor cultural,arte-educador licenciado,mestre em arte e cultura visual pela Faculdade deArtesVisuais da Universidade Federal de Goiás (UFG),e doutorando pela mesma instituição.Ele desenvolve pesquisas em desenho, performance arte,vídeo e fotografia. As imagens liquefeitas e resquícios de símbolos e palavras fazem parte do exercício de elaboração da obra do artista:reorganizar,sobrepor e aglomerar os códigos do mundo o provocam.Esses procedimentos indicam que a imagem é política.Na mesma forma que o artista é atingido pelas visualidades do cotidiano,ele insiste em modificá- las,em fluxo contínuo e proposições políticas e poéticas, inquietações da vida social.Paul foi selecionado e premiado em vários salões,residências e exposições de arte pelo Brasil. Morador do Jardim das Esmeraldas,curiosamente o artista nunca expôs suas obras emAparecida de Goiânia e conta a dificuldade que é viver da arte no município.“Falta incentivos por isso trabalhar com arte aqui ou em Goiânia é um desafio”,revela. A maior e mais recente produção de Paul pode ser encontrada em seu ateliê em Brasília,sua segunda casa.Mas quem quiser pode conferir as obras do artista aparecidense no Centro Cultural Oscar Niemeyer,em Goiânia,na exposição 6X Simultânea,que reúne o trabalho de outros artistas comoAnna BeatrizAzevedo,Dalton Paula,Helô Sanvoy,Rava e Santhiago Selon.
  11. 11. 11Aparecida em Pauta | Daniel Vilela Tudo pronto para representar Aparecida na Câmara Federal A ristóteles,filósofo grego dizia que “onde as necessidades do mundo e os seus talentos se cruzam,aí está a sua vocação”.Num jargão mais popular podemos dizer ainda que filho de peixe, peixinho é.Na vida de DanielVilela não poderia ser diferente,afinal quem é filho do ex-governador e ex-senador MaguitoVilela, atual prefeito deAparecida de Goiânia, carrega no DNA o código genético para a política.Daniel é o que podemos chamar de vocacionado para trabalhar pela coletividade. Quem conhece sua história sabe que ele até tentou outros caminhos,mas a política o escolheu.Aos sete anos de idade ele começou a treinar futebol na Escolinha do Goiás Esporte Clube.Pelo mesmo time,Daniel chegou a ser lançado como atleta profissional. Mas a atividade política sempre falou mais alto também.De comitê-mirim a assessoramento direto ao pai,Daniel dividia o tempo entre estudos, treinos e ajudava nas campanhas de Maguito Vilela.Ele até tentou carreira jurídica ao se graduar em direito,mesmo com suas atividades extra estudantis,que tomavam muito tempo,o rapaz optou pela política,ou a política optou por ele. Em 2009,ano em que se formou,ele enfrentou o primeiro grande desafio na política ao tentar uma cadeira na Câmara Municipal de Goiânia.Testando suas credenciais a seu favor,de cara teve uma votação expressiva com 8.380 votos.Não demorou muito e logo Daniel conseguiu já em 2010 ser eleito deputado estadual com 36.382 votos e nas últimas eleições de outubro carimbou seu passaporte para a Câmara Federal com 179.214 votos. A chegada do seu pai a frente do Paço Municipal aparecidense permitiu que ele estreitasse seus laços com a cidade, conhecendo de perto as carências,os desafios e vivendo a cidade na prática.Hoje DanielVilela é uma das principais figuras do cenário político local e a maior esperança do município no Congresso Nacional.Daqui a alguns dias ele assume uma cadeira na Câmara Federal,mas antes disso ele recebeu a equipe da RevistaAparecida e Pauta e num rápido bate-papo falou sobre sua ligeira ascensão política,a influência de Maguito Vilela na vida dele,a paixão pelo futebol e a expectativa para a nova empreitada. Aparecida em Pauta - A que se deve essa ascensão política tão rápida? DanielVilela - Nunca fui questionado sobre isso,ainda não havia parado para pensar sobre esse questionamento.Mas acredito que não é possível projetar um plano de carreira na política.As coisas acabam acontecendo de acordo com o movimento político,do estado ou do partido.Quando fui bem votado para vereador em Goiânia,sempre tive um vínculo político maior fora da capital e quando o prefeito MaguitoVilela assumiu a prefeitura deAparecida de Goiânia, acabou criando uma condição política dentro da cidade,com isso a eleição para deputado estadual veio naturalmente.Já para deputado federal,quando o Leandro Vilela(considerado irmão/primo) decidiu realmente não disputar a cadeira de federal, então decidimos disputar.Mas as coisas foram acontecendo naturalmente,não desejo ser parlamentar por profissão e a qualquer momento também posso buscar outros desafios. Aparecida em Pauta - Que peso tem a figura do seu pai (Maguito Vilela) na sua vida política? DanielVilela - É uma importância indireta.As pessoas imaginam que o filho é induzido pelo pai a seguir carreira.Não sei se era um desejo pessoal do meu pai de não seguir a carreira,mas da minha mãe tenho certeza,ela sempre foi clara que não queria.Mas ele nunca se manifestou favorável ou contrário. Acabei despertando esse interesse nas eleições de 2006,quando ele disputou as eleições para governador.Eu fiquei muito próximo da campanha e vi essa veia política se aguçar pelo trabalho. Como único representante de Aparecida de Goiânia da base governista na Câmara dos deputados, o jovem peemedebista tem a missão de lutar pelos interesses da cidade “Não desejo ser parlamentar por profissão” Fotos:RodrigoEstrela
  12. 12. 12 | Aparecida em Pauta Ao conviver diariamente com os assuntos políticos,acabei tomando gosto por aquilo,o que acontece com qualquer profissão.Se você fizer uma pesquisa,vai observar que em sua grande maioria,os filhos seguem os pais.Só não concordo quando isso é feito de forma“goela abaixo”, mas quando o filho está disposto a seguir a profissão do pai,acho natural.Mas existem sempre aqueles filhos que sobressaem os pais na mesma profissão,outros nem tanto. Aparecida em Pauta - O senhor lamenta não ter seguido a carreira de futebol? DanielVilela - Não.Olho para trás e vejo hoje o quanto fui feliz e realizado no tempo que estive no esporte.Não tenho nenhuma frustração.Foi uma oportunidade muito grande,agregou muito.O esporte me deu disciplina,determinação e responsabilidade, numa fase da vida onde as inseguranças e incertezas são muito grande.Com o esporte aprendi muito com a convivência com a diversidade,um lugar onde mistura rico, pobre,branco e negro.Sendo isso importante hoje para formação política. Aparecida em Pauta – Com a sua ida para Câmara Federal, que experiência você leva do parlamento goiano ? DanielVilela - Nas últimas semanas o próprio partido nos mobilizou indo para Brasília para se ambientar,discutir algumas pautas do ano que vem,e o engraçado que não muda nada,absolutamente nada. A diferença agora que vamos discutir temas mais abrangentes,palpáveis e de fácil entendimento da população em alguns aspectos da legislação.Dando oportunidade de abrir mais seus olhos em relação ao país em seus acontecimentos e necessidades.–A experiência que ficou? Boa! Politicamente foi boa,como oposição.Saio talvez um pouco frustrado,pela pouca capacidade e autonomia de realização,outra frustração sem dúvida é ter umaAssembleia predominantemente governista,a oposição acaba sendo sufocada, aqui as comissões não funcionam,tem projeto que é aprovado em dois dias. Aparecida em pauta - O nome do senhor tem sido cogitado como possível nome para a prefeitura de Aparecida ou Goiânia. Como o senhor vê esta movimentação? DanielVilela - É até uma surpresa,pois vejo isso muito pouco.Primeiro porque não posso ser candidato agora.Os debates que vão se aquecer no próximo ano serão para as eleições de 2016,na qual estou impedido legalmente de candidatar.Acho que para mim seria uma honra.Se me perguntar se desejo ser prefeito de Goiânia ouAparecida de Goiânia,responderia que queria ser prefeito deAparecida,mas eu não posso! Quero estar dentro do grupo político que vai disputar as eleições,pois acabamos vivendo muito com os projetos deAparecida de Goiânia,e temos um vínculo muito forte com os vereadores, e queremos muito que a cidade continue desenvolvendo.E com isso,queremos apoiar vereadores e prefeitos que tenham esse interesse.E quem sabe num futuro eu tenha esse privilégio de ser candidato a prefeito? Quem imaginava,por exemplo,que o prefeito MaguitoVilela seria candidato? Aparecida em pauta – Que sentimento você tem pela cidade de Aparecida de Goiânia? DanielVilela - Hoje tenho um sentimento da qual me sinto filho da cidade, um local onde conheço bem as pessoas, tenho responsabilidades, procuro ser proativo apresentando bons projetos para a cidade, buscando levar empresas, luto pelo desenvolvimento e crescimento. Aparecida ficou tanto tempo sem o desenvolvimento básico, que hoje você consegue realizar e dar uma condição de vida bem melhor para cidade. Aparecida em Pauta- Tem algum projeto pronto que você pretende levar já como deputado federal? DanielVilela - O prefeito Maguito nos últimos anos de mantado teve a capacidade de solucionar o problema emergencial da infraestrutura básica, saúde, Cmeis, asfalto, esgoto e a água tem avançado bastante. Precisamos avançar mais, investindo no capital humano e na urbanização da cidade. Uma coisa que podemos ajudar com as emendas parlamentares é a na urbanização da cidade, poder construir grandes locais de esporte, lazer e parques, inclusive podemos aproveitar grandes áreas como no Jardim Luz e construir um parque três vezes maior que o‘Vaca Brava’, seria um projeto para marcar a cidade. Aparecida em Pauta - Como se sente sendo o único representante de Aparecida da base governista na Câmara Federal. É muita responsabilidade? DanielVilela - É uma responsabilidade, mas vamos potencializar esse trabalho, vamos sempre cobrar os investimentos necessários.Temos um prefeito que conhece bem Brasília,tem as portas abertas sempre, temos um bom trânsito com a presidente Dilma,então acredito que não vamos ter dificuldades.Mesmo sendo o único da base não acredito queAparecida vai perder.O que for possível de se conquistar com o governo federal,vamos buscar.Não será por falta de proatividade. “a diferença de ser filho de político, é que não depende só da vontade do pai, precisamos do voto popular”
  13. 13. Água e esgoto Saneamento em Aparecida está comprometido pelos próximos 20 anos E studo divulgado pelo InstitutoTrata Brasil que atualiza o Ranking do Saneamento Básico nas 100 maiores cidades do país traz um dado preocupante. Segundo os números, os avanços nos serviços de água e esgotos, assim como na redução das perdas de água nos 100 maiores municípios brasileiros, incluindo Aparecida de Goiânia, continuam lentos e que, se manterem os mesmos níveis de avanços encontrados de 2008 a 2012, não ocorrerá a tão sonhada universalização dos serviços nos próximos 20 anos. Os resultados mostram a necessidade de haver um maior comprometimento dos governos federal, estaduais e municipais, se quisermos universalizar o saneamento em duas décadas. Os dados são dos indicadores do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento – SNIS – ano base 2012. Uma novidade desse estudo é que foi feita uma simulação da possível universalização do saneamento para as 20 melhores e 20 piores colocadas no ranking. Os resultados mostraram que das 20 cidades melhores colocadas, 14 já atingiram a universalização e as outras 6 se encaminham para atingi-la nos próximos anos. O InstitutoTrata Brasil é uma OSCIP - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, formado por empresas com interesse nos avanços do saneamento básico e na proteção dos recursos hídricos do país. É importante ressaltar que o SNIS possui defasagem de dois anos em relação aos divulgadod, por exemplo, em 2014, tem por base os dados referentes ao ano de 2012, sendo, por este motivo, chamado de SNIS 2012. O presente Ranking segue o mesmo padrão de nomenclatura do SNIS, significando que o Ranking 2014 tem por base o SNIS 2012. Para compor o ranking, o instituto considera várias informações fornecidas pelas operadoras de saneamento. Entre as variáveis estão população, fornecimento de água, coleta e tratamento de esgoto, investimentos, entre outras. A pesquisa leva em conta indicadores como a população local, o fornecimento de água, coleta e tratamento de esgoto e os investimentos no setor Saneago contesta Atendimento da população com coleta de esgoto Segundo o estudo, a média de população atendida por coleta de esgotos nos 100 maiores municípios, em 2012, foi de 62,46%; à frente da média nacional de 48,29%. Quase 40 cidades possuem mais de 80% da população com coleta, mas em 29% das cidades menos de 40% das pessoas têm acesso ao serviço. Neste quadroAparecida aparece no ranking entre as 20 cidades que ainda precisam vencer este desafio. O município aparece apenas com 20, 5% de seu esgoto tratado. (Veja quadro). Faixa de população com coleta de esgoto Índice de atendimento com coleta de esgotos 20 % 80 % 20,1 a 40 % 60,1 a 80 % 40,1 a 60% < > 9 20 17 15 39 Destaques n Os maiores destaques positivos e desafafios estão nas cidades abaixo: Principais desafios Municípios Coleta de esgoto por população (%) Aparecida de Goiânia 20,5 Joiville 19,4 Canoas 17,8 Teresina 16,3 Blumenau 7,2 Belém 7,2 Jaboatão dos Guararapes 6,5 Macapá 6 PortoVelho 2,2 Ananindeua 0 Principais desafios Municípios Coleta de esgoto por população (%) Belo Horizonte 100 Santos 100 Franca 100 Piracicaba 99,9 Volta Redonda 99 Uberaba 98,5 Curitiba 98,5 Contagem 98,3 SantoAndré 98 Ribeirão Preto 97,7
  14. 14. 14 | Aparecida em Pauta Pela primeira vez,o estudo traz uma projeção da evolução dos indicadores das 20 melhores e 20 piores cidades ao longo do prazo de 20 anos,caso seguissem nos mesmos avanços de 2008 a 2012. Para o estudo,a GOAssociados (que também contribuiu na coleta dos dados),se baseou na evolução dos municípios no período de 2008-2012 e classificou as cidades em três grupos para os dois indicadores,onde a colocação deAparecida se confirma como preocupante.
  15. 15. 15Aparecida em Pauta | Ainda segundo oTrata Brasil no ranking geral de saneamento básico no Brasil, Aparecida aparece em 85ª posição,mas o indicador de fornecimento de água aparece numa posição melhor que a cobertura de esgoto,chegando a 65,57% de rede água no município.Confira quadro: Saneago contesta Apesar dos números a Saneago contesta as informações.A estatal ressalta que respeita o estudo divulgado pelo InstitutoTrata Brasil,mas considera os dados defasados,já que números são referentes ao período de 2008 a 2012. A Saneago reconhece que as altas taxas de crescimento de Aparecida de Goiânia demandam investimentos em infraestrutura sanitária. E assim tem trabalhado no sentido de atender às necessidades da população, apesar das características demográficas do município que dificultam a percepção dos investimentos realizados, em consequência do crescimento não ser concentrado geograficamente. Só nos últimos quatro anos foram realizadas aproximadamente 26 mil novas ligações de água,aumentando o número de pessoas beneficiadas com água tratada,que hoje representam 69,5% da população do município.Atendimento que será ampliado com a utilização do Sistema Produtor de Água Mauro Borges,que será inaugurado no decorrer do ano que vem (2015). Em relação ao esgotamento sanitário, a população atendida hoje chega a 21,4% ,mas a meta é universalizar o serviço nos próximos cinco anos com o processo de subdelegação,que teve a OdebrechtAmbiental como vencedora do processo licitatório.Desde novembro de 2013,a empresa assumiu a operação do Sistema de Esgotamento Sanitário do município,que prevê investimentos de aproximadamente R$ 650 milhões. Assim,contrariando as previsões, Aparecida certamente nos próximos anos dará um salto considerável na qualidade dos serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário,com a perspectiva de investimentos superiores a R$ 983 milhões para garantir água tratada e acesso à rede de esgoto para todos os moradores da cidade,nos próximos anos.
  16. 16. 16 | Aparecida em Pauta Meio ambiente Engenheiro ambiental chama atenção para a degradação de córregos no município A parecida de Goiânia foi coroada pela natureza por abrigar muitos mananciais que vão serpenteando várias regiões da Cidade. Entre eles podemos citar os ribeirões das Lages, Santo Antônio e os Córregos Tamanduá, do Almeida, Salvador, Granada, Lagoa, Palmito, Grande e vários outros. Formando pela Universidade de Goiás (UFG), o engenheiro ambiental e Guarda Civil Municipal, Abreu Lima chama a atenção da preservação deste grande patrimônio ambiental. Segundo ele, o processo de expansão urbana desordenada da cidade de Aparecida de Goiânia é considerado um fator responsável por frequentes inundações, erosões e assoreamentos. “Isso ocorre devido à impermeabilização crescente das regiões e também pela ocupação inadequada dos vales próximos aos cursos de águas, gerando impactos ao meio ambiente”, ressalta Abreu. Ele lembra ainda que o uso impensado das áreas urbanizadas, sem estabelecer ferramentas e metodologias de conservação e manejo, faz com que haja aceleração de processos degradativos ambientais, como é o caso do Ribeirão Santo Antônio, sendo necessário que haja um constante monitoramento dessas áreas. Ele cita como exemplo, que recentemente pudemos vivenciar e enfrentar um grande problema no curso do córrego do Almeida que por ter suas matas ciliares ceifadas acabou por ocasionar o assoreamento diminuindo a sua capacidade de fluxo de curso onde levou-se ao rompimento do bueiro celular da Avenida São Paulo causando inúmeros transtornos aos moradores daquela região bem como aos demais usuários por se tratar de uma via de grande importância e fundamental ao acesso à BR- 153 e ao Centro de Aparecida fazendo com que a Prefeitura se mobilizasse a realizar uma grande obra naquele local que por sua vez teve que ser interditado por meses. Teve que ser construído um bueiro celular de alta capacidade capaz de comportar o imenso volume de águas pluviais que não mais conseguem ser absorvidas pelo solo altamente impermeabilizado por construções não planejadas. “Esperamos que o novo Plano diretor possa resolver tal problema determinando que nas novas construções possa haver áreas de infiltração destas águas”, ressalta Abreu. O engenheiro ambiental também chama a atenção para outro problema. De acordo com ele é de suma importância também nos atentarmos para a questão da acomodação dos materiais de construção bem como seus rejeitos, o entulho, que geralmente são depositados em frente as residências, nos calçamentos ou até mesmo na própria rua, com uma simples chuva, tal material é facilmente levado para os córregos e ribeirões, contribuindo drasticamente para o assoreamento dos mesmos. Na busca de uma solução assim como na edição anterior da Revista Aparecida em Pauta, ele volta a defender a importância de se implantar a Guarda. “Juntamente com o órgão de fiscalização ambiental municipal podemos de fato realizar um monitoramento eficaz dessas áreas vulneráveis minimizando os impactos negativos de um passado mal planejado e desordenado utilizando para isso ferramentas presenciais com agentes em campo bem como ferramentas tecnológicas com o uso de imagens de satélites”, acrescenta. Abreu destaca urgências nas ações. “É de extrema necessidade que façamos algo enquanto há tempo para que possamos manter nossos mananciais viáveis, capazes de fornecer água e exuberância de suas formas, principalmente no caso do Ribeirão Santo Antônio, um dos mais importantes integrantes da bacia hidrográfica de Aparecida de Goiânia, para que então um legado positivo possa ser deixado”. Para o profissional as medidas precisam e devem ser urgentes antes que seja tarde demais Renato Abreu: Guarda Civil Municipal e Engenheiro Agrônomo
  17. 17. 18 | Aparecida em Pauta Iniciativa Artistas apoiam campanha de Marlúcio contra o crack O Programa sem Drogas é Show, criado este ano pelo deputado estadual Marlúcio Pereira (PTB), encerra o ano com adesão de vários artistas que resolveram abraçar a causa. “Ficamos felizes por encerrar o ano sabendo que pudemos fazer alguma coisa para vencer esse mal. Em 2015 vamos buscar mais parceiros para continuar estar luta”, garante o deputado. Grande nomes da música popular brasileira como Jads & Jadson, Humberto & Ronaldo, o Grupo Quero Mais, Naldo Benny, a Banda Jamil e Uma Noites, João Bosco & Vinicius e vários outros gravaram mensagens de apoio a campanha. “É uma belíssima iniciativa do deputado Marlúcio, que vem somar com esta preocupação que é de todos nós”, disse o cantor Naldo. A Dupla Jads & Jadson também elogiou a campanha. “É de fato um trabalho interessante, haja vista que estamos atravessando um período crítico com relação ao uso de drogas em todo país”, acrescentaram. Uma das principais preocupações do deputado é justamente com relação ao uso do crack, que apesar de não haver estatísticas se alastrou entre os jovens e virou uma epidemia. O crack causa uma intensa euforia de curta duração, que é imediatamente seguida pelo oposto – uma depressão intensa, paranóia e uma ânsia por mais droga. As pessoas que a consomem frequentemente não comem ou dormem como devem. Podem experimentar um grande aumento do batimento cardíaco, espasmos musculares e convulsões. A droga pode fazer as pessoas sentirem–se paranóicas, zangadas, hostis e ansiosas, mesmo quando elas não estão sob o efeito da droga. Números Dos 222 municípios do Estado pesquisados pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), em 2010, 199 apresentavam circulação de drogas. Em todo o País, em 2012, o Levan­ta­mento Nacional de Álcool e Drogas - Lenad, unidade de pesquisa da Uni­versidade Federal de São Paulo (Unifesp), aponta que 2,6 milhões de usuários de crack e cocaína, sendo metade deles dependente (1,3 milhão). No ranking de regiões brasileiras, o Centro-Oeste aparece em 3º lugar (10%), empatada com o Norte. As pesquisas confirmam que 70% dos dependentes que permanecem por longos períodos internados não dão sequência ao tratamento ao sair desses espaços. Marlúcio é autor do projeto Passaporte da Liberdade aprovado na Assembleia Legislativa. A ideia é disponibilizar à família codependente ajuda no valor de R$ 400,00, para que o dependente químico seja tratado em centros especializados. O objetivo é conscientizar os jovens sobre os perigos desta droga que é conhecida pelo rápido vicio e pelo baixo preço Projeto que cria o Passaporte da Liberdade é de autoria do deputado Marlúcio Pereira
  18. 18. 19 nsino Superior Curso de medicina vai trazer benefícios para a população A inauguração de um curso de medicina em uma cidade como Aparecida poderia trazer algum benefício direto ao povo aparecidense, que vá além do óbvio, o acadêmico? Para o diretor-geral da Faculdade Alfredo Nasser (Unifan), Professor Alcides, a resposta não poderia ser nada diferente do que“sim”, o curso de medicina trará várias melhorias à sociedade de Aparecida de Goiânia. Ele alavancará a saúde pública da cidade”. Nesse mês de dezembro, foi realizada a aula inaugural do curso de medicina da Unifan. O Professor Alcides apontou alguns pontos que demonstram como o curso atingirá positivamente toda a sociedade de Aparecida. “Já no ano de 2016, serão realizados, pelos alunos do curso, de dois mil a três mil exames gratuitos em Aparecida”, garante o professor. Após esse primeiro momento, Professor Alcides afirma que o reflexo para a sociedade, principalmente a de condição mais baixa, será ainda mais profundo. “Com o desenvolvimento do curso, a expectativa é de que em 2017 cerca de 500 a 600 consultas diárias sejam feitas gratuitamente pelos alunos, com supervisão dos professores doutores”. Nesse contexto, o novo curso acadêmico terá um relevante papel social, possibilitando alcançar aquelas pessoas que ainda não são beneficiadas pela saúde pública. Enquanto o país enfrenta uma crise com a escassez de médicos, em Aparecida a Unifan começa a contribuir para mudar esta realidade e formar novos profissionais Aparecida em Pauta | Professor Alcides garantiu que o curso será um divisor de águas em Aparecida www.aparecidaempauta.com.br acesse e fique bem informado
  19. 19. 20 | Aparecida em Pauta Esporte Aparecidense está otimista para temporada 2015 C om o término do ano se aproximando, as expectativas para a temporada 2015 do futebol goiano começam a aumentar. E quem está esbanjando otimismo para disputa do campeonato goiano do ano que vem é a Aparecidense. Tanto é que a meta é fazer um grande campeonato, em igualdade com as principais forças do Estado, Goiás e Atlético. Quem garante é o diretor de futebol do clube, João Rodrigues, o Cocá. “Nosso objetivo para a próxima temporada é fazer uma boa campanha no Goianão, brigando com as principais equipes e, assim, garantir uma vaga na série D do campeonato brasileiro”, afirma Cocá. Segundo o diretor, como a preparação da equipe está em um estágio mais avançado do que a das outras, as chances de desempenhar um papel de destaque no Goianão são grandes. “Já estamos com o time praticamente todo formado há bastante tempo. Possuímos 27 jogadores contratados e que já estão sendo preparados pelo nosso técnico, o Márcio Goiano”, explica o diretor. Entretanto, apesar da base já está formada, novas contratações ainda poderão ser feitas. “Apesar de quase pronto, o grupo ainda não está fechado. Dependendo das situações de mercado que surgirem, um ou dois jogadores ainda podem chegar na Aparecidense. Seriam jogadores de maior peso, pra qualificar mais o grupo”, finaliza Cocá. E esse cenário positivo da Aparecidense muito se deve sua atual situação financeira. Ao contrário da maioria das equipes do país, o clube possui todas as certidões negativas de débito, o que possibilita firmar patrocínios públicos. Além disso, o grande suporte recebido pelo prefeito Maguito Vilela, presidente de honra do time, contribuiu muito. Maguito procura sempre ajudar a Aparecidense e está empenhado em colaborar junto à empresas locais, na busca de patrocínios para o time. A Aparecidense está no grupo B do campeonato goiano 2015, juntamente com Goiás, Anapolina, Goianésia e Caldas Novas, e estreia contra o Itumbiara, dia primeiro de fevereiro, no Aníbal Toledo, em Aparecida. Com uma pré-temporada positiva, time espera colher bons resultado no campeonato goiano de 2015 Cocá presidente da Aparecidense está otimista com relação ao campeonato de 2015
  20. 20. 21Aparecida em Pauta | Realidade Novo prédio da Câmara inicia uma nova era no legislativo aparecidense H á cerca de dois anos, quando se tornou presidente da Câmara Municipal de Aparecida, Gustavo Mendanha (PMDB) iniciou uma verdadeira luta para realizar um sonho antigo da cidade, a construção da nova sede legislativa. Após o lançamento do projeto do novo prédio este sonho está cada vez mais próximo de ser tornar realidade. A data não poderia passar em branco. Um coquetel realizado no estacionamento da atual sede contou com a participação de diversas personalidades da vida política aparecidense. Entre os convidados para festa de lançamento do projeto, estiveram presentes o prefeito Maguito Vilela, o deputado Marlúcio Pereira, vários vereadores, ex- presidentes da câmara, secretários municipais entre outros. O presidente Gustavo Mendanha, com muito orgulho, discursou sobre o que representa mais essa etapa vencida na busca pela construção da nova sede. “Em minha ainda breve trajetória política, considero essa minha maior vitória. A estrutura acanhada da nossa atual sede sempre me inquietou. Por isso, ao me tornar presidente, a construção de uma nova casa para o poder legislativo de Aparecida sempre foi meu maior objetivo”, discursou Gustavo. Atualmente, todas as etapas documentais já foram concluídas, de arquitetura, hidráulica, elétrica e de incêndio. Bem como a mais recente etapa vencida, o alvará de construção de nova obra, emitido pela prefeitura. Ao todo, a nova sede terá 3.801 metros quadrados, ao custo total de, aproximadamente, R$ 9 milhões. Será um prédio moderno, com quatro pavimentos, que reunirá todos os departamentos, todos gabinetes, auditório, estacionamento, sala de reuniões, de comissões e várias outras. O plenário será todo modernizado, com tablet fixo para cada vereador acompanhar em tempo real as sessões. Além disso, irá privilegiar a acessibilidade aos deficientes físicos. A previsão de inauguração é de um ano e meio. O sonho antigo começa a se concretizar e finalmente Aparecida terá uma Câmara digna como o povo merece Fotos: Rodrigo Estrela
  21. 21. Urbanização Empresários defendem revitalização da Cidade do Amor C om cerca de 50 motéis,o pequeno Bairro Nossa Senhora de Lurdes é considerado o maior pólo deste tipo de estabelecimento daAmérica Latina,mas continua preocupando moradores e comerciantes da região.Se por um lado o local deveria ser de relações amorosas,por outro acaba conhecido por ser palco de vários tipos de crimes,como assaltos,tráfico de drogas e vários homicídios.Aliado a falta de segurança,o setor também é carente de infraestrutura,tem iluminação precária e o matagal nesta época do ano serve de esconderijo para ação de bandidos.A Polícia Militar conseguiu reduzir a criminalidade na região com a parceria dos empresários,mas ainda há muitos desafios a serem vencidos. Há três anos foi cogitada a possibilidade de criar a Cidade doAmor, que seria uma espécie de condomínio para abrigar todos os motéis da região,como também mudar o nome do bairro,que recebe o nome de uma santa. Para o presidente da ala jovem daAssociação Comercial e Industrial deAparecida de Goiânia (Aciag),Maione Padeiro,a ideia é promover uma revitalização do local numa parceria com o Poder Público e a iniciativa privada.“Assim poderíamos inibir a prática de crimes,valorizar nossa região,criando um ambiente melhor para quem passa por ali,fortalecendo este ramo que gera,conforto,sofisticação, emprego,renda e divisas para o município”,defende Maione. Ele lembra ainda que enquanto estas melhorias não aparecem, as ruas do Setor Nossa Senhora de Lurdes são tomadas por muitos profissionais do sexo que não têm respeito com as famílias que precisar passar pelo local para chegar em setores como Santa Luzia, Jardim Olímpico e vários outros.“Sem moralismo e com todo respeito que temos a estes profissionais,infelizmente é comum passar por lá e ver travestis ou prostitutas mostrando suas partes íntimas ou fazendo gestos obscenos,o que constrange vizinhos e quem passa todos os dias por aquelas ruas para trabalhar ou estudar”,acrescenta. A ideia da cidade do amor não agradou um dos diretores da Associação Brasileira de Motéis (AB Motéis/GO),MichaelAlves,que acredita que criar um condomínio só de motéis pode não resolver todos estes problemas citados.“Precisamos é de mais segurança, infraestrutura e uma boa fiscalização”,ressalta. Para Michel,outras inciativas também podem melhorar a região como a realização de festivais ou eventos que podem valorizar o mercado de motéis que não para de crescer.Este ano Michael conseguiu promover mais uma edição do Festival Motel Gastronomia. O evento não tem cunho de competição para escolher o melhor prato ou mesmo o mais pedido.O objetivo é criar uma nova opção de roteiro gastronômico e mostrar que na rede moteleira existe uma alta gastronomia,feita por profissionais qualificados e cozinhas dotadas da mais completa estrutura e sob rígida fiscalização.“É assim que podemos melhor nosso ambiente,mas criar um condomínio de motéis,já não vejo com bons olhos”,argumenta. Alguns querem um condomínio para abrigar os motéis,outros já não concordam com a ideia Aparecida conta a com a maior concentração de motéis da América Latina Polícia Militar tenta reforçar a segurança das ruas do bairro Festival Motel Gastronomia pretende criar uma nova opção de roteiro gastronômico na região do moteis Moradores do bairro são constrangidos por alguns profissionais do sexo
  22. 22. 23Aparecida em Pauta | artão postal e consolida a fé de um povo Q uem passa pelo centro de Aparecida de Goiânia não pode deixar de fazer uma visita a Igreja Matriz da cidade. Para muitos, trata-se do maior patrimônio histórico, cultural e religioso da cidade. “Sem sombra de dúvida, o mais belo e conhecido edifício desta cidade”. Com essas palavras, Padre Cássio Augusto, pároco da igreja desde janeiro de 2011, resume bem o que esse monumento representa para Aparecida de Goiânia. A história da Matriz começa com as famílias Cândido de Queiroz, Batista de Toledo, Lourenço de Carvalho e Barbosa Sandoval quando doaram a terra que hoje está localizada a praça da matriz. No dia 3 de maio de 1922, foi erguida uma cruz de aroeira e celebrada a primeira missa que se tem registro na história da cidade, por um sacerdote vindo da cidade de Goiás. Neste mesmo mês, foi realizada a primeira festa em louvor a Nossa Senhora Aparecida, com o objetivo de levantar fundos para a construção da igreja. Com o passar dos anos, ela passou por uma ampliação e várias restaurações. Desde 1922, sempre em maio e em outubro, é realizada a festa da igreja, com novena e procissões. Em 6 de março de 1999, o então diácono Hércules Geremias Melo, foi o primeiro sacerdote ordenado em Aparecida de Goiânia. Em relação à preservação da Igreja, Padre Cássio considera bom o estado de conservação, mas lembra que, ainda assim, precisa de alguns reparos. “A igreja passou por uma reforma há pouco tempo e está precisando apenas de uma pintura na parte interna e externa. Nossa maior dificuldade é com o telhado, pois o mesmo possui algumas telhas quebradas que na época da chuva causa goteiras”, explica. Padre Cássio também afirma que um dos fatores que possibilita que a Igreja continue sendo um dos mais belos edifícios de Aparecida é a ajuda da prefeitura. “A prefeitura sempre nos ajudou. Nos quatro anos que estou aqui, a igreja passou por duas reformas e ainda nos disponibilizaram uma funcionária, que é responsável por zelar e cuidar da limpeza da mesma”. A igreja Matriz é um símbolo histórico da cidade, que resiste ao longo dos séculos. Para seu pároco, isso se dá por três fatores – “madeiramento de ótima qualidade, restaurações e constantes reparos. Sem esse conjunto de ações, possivelmente não teríamos este belo patrimônio histórico”, afirma Padre Cássio. Um dos principais patrimônios da cidade de Aparecida de Goiânia se mantém conservada ao longo dos anos e consolida a fé de um povo Igreja Matriz resiste ao tempo Fotos: Rodrigo Estrela
  23. 23. 24 | Aparecida em Pauta Economia Quais os benefícios do Parque Tecnológico? Além de garantir isenção de 98% do ICMS para as empresas que se instalarem no Parque,o governo do Estado implantará no local unidade do InstitutoTecnológico de Goiás (Itego) Governador Marconi e Prefeito MaguitoVilela mantém uma relação republicana em prol do município A parecida de Goiânia contará com um Parque de Tecnologia e Inovação – o Inov@parecida, fruto de uma parceria entre o governo estadual, prefeitura de Aparecida de Goiânia e três empresas privadas. O objetivo é impulsionar o desenvolvimento econômico e tecnológico do município, por meio da criação e manutenção de um ambiente favorável à inovação. O lançamento foi no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia, pelo governador Marconi Perillo e pelo prefeito de Aparecida, Maguito Vilela. O Governo de Goiás, através da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Sectec), implantará no Parque uma unidade do Instituto Tecnológico de Goiás (Itego), que oferecerá educação profissional e serviços tecnológicos, além de contemplar ideias inovadoras em negócios. A área é de seis mil metros quadrados e foi doada pelos empreendedores. O secretário de Ciência e Tecnologia, Mauro Faiad, explica que a secretaria tem o Programa Goiano de Parques Tecnológicos (PGTec), que visa estimular o surgimento de parques tecnológicos no Estado. As empresas de alta tecnologia, instaladas no Parque, recebem incentivos fiscais, através da redução do ICMS, que pode chegar até 98%. O primeiro parque em Goiás foi implantado no câmpus da Universidade Federal de Goiás e outro já está em andamento em Anápolis. Segundo Marconi, o novo parque tecnológico vai contribuir de forma decisiva para o crescimento de Aparecida de Goiânia. “O Inov@parecida agregará muito valor a Aparecida. Por sua importância estratégica na economia goiana, merece um projeto desse porte, que concilia os incentivos previstos no PGTec e a participação decisiva da iniciativa privada. O município é um polo estratégico para receber investimentos, especialmente por sua localização geográfica, a logística de transporte com acessos a BR 153 e 060 e aos seus parques industriais e, fundamentalmente, pelo apoio da prefeitura”. Segundo o prefeito de Aparecida, Maguito Vilela, o início da implantação está previsto para começar logo após o fim das chuvas. “Esse Parque é a consolidação do desenvolvimento com a chegada de universidades e novas indústrias. Com esse Parque Tecnológico e com os novos parques industriais, Aparecida vai gerar mais de R$ 700 milhões de novos investimentos e novos empregos”, diz. Parque O Parque será construído próximo ao Anel Viário e a BR 153. O empreendimento, com área total de 235 mil metros quadrados, foi planejado para atender as demandas por áreas e serviços tecnológicos e de apoio de empresas inovadoras, principalmente aquelas com foco nos setores de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (HPPC), Energias Alternativas e Eficiência Energética. O Inov@parecida é fruto da visão empreendedora de três grupos empresariais (JC Investimentos S/A, Grupo Terra e RC Empreendimentos Imobiliários)
  24. 24. | Aparecida em Pauta| Aparecida em Pauta Costumes Q uem passa pelo Jardim Cascata, região sul deAparecida de Goiânia, logo percebe uma comunidade que carrega na melanina da pele uma história de luta, mas também de conquistas. É a comunidade quilombola que resistiu ao tempo e as mazelas do preconceito. O ano era 1975. Dona Divina chegou a Goiânia, mas as difíceis condições de vida da capital a obrigou se mudar paraAparecida de Goiânia e em 1988 ela se abrigou na região do Jardim da Cascata, aos pés das Serra dasAreias.Ao se encontrar com outros irmãos de mesma luta, logo a comunidade foi crescendo ganhando forma e há 23 anos, os quilombolas mantém seus costumes e tradições. São 1.150 pessoas que hoje conseguem viver com melhor qualidade de vida,com acesso a serviços públicos que num passado ainda recente era apenas um sonho.Crianças crescem cercadas pelas novas tecnologias,tem acesso a educação,saúde,esporte e ao lazer. De acordo com o Diretor de Políticas para Promoção da Igualdade Racial,André Luiz de Souza, atualmente existem políticas públicas para tratar sobre o racismo emAparecida de Goiânia. Hoje toda a comunidade quilombola é cadastrada no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais), no Bolsa Família, estão inclusas no projeto Minha Casa MinhaVida. “Com as recentes políticas adotadas diminuiu bastante as reclamações do passado, como atos de racismos, xingamentos. Hoje os quilombolas são reconhecidos pela gestão e pela própria comunidade ao seu redor, tendo uma convivência mais solidária”, contaAndré. Ainda com o apoio da gestão atual, os quilombolas tiveram a oportunidade de tirar pela primeira vez seus documentos pessoais, tanto as crianças como os adultos, agora têm seus documentos de identidade. A cultura também é uma chama sempre viva. Os adultos vão passando a importância da dança, do artesanato e da música. Nos dias de festas com vestimentas coloridas e ao som do tambor a impressão que se tem é de que estamos num pedacinho da África. Na saúde, foi criado recentemente o ComitêTécnico de Saúde Integral da População Negra.“Foi uma preocupação da Secretaria de Saúde, tratar das questões de saúde com mais atenção e implementações, oferecendo um sistema igualitário.”, acrescentaAndré. Já na área da habitação, a previsão é que em janeiro do ano que vem sejam entregues cerca de setenta casas a comunidade quilombola, onde aumentará e muito a qualidade de vida. O bairro, inclusive vem recebendo vários serviços de infraestrutura como o asfalto. Mas nem sempre a realidade foi assim.Célio dos Reis Caldas, 33,é técnico em enfermagem,acadêmico em ciências contábeis,e trabalha em uma associação de cultura quilombola.Vive no setor há mais de 16 anos,e no inicio da chegada,ele conta que houve muita resistência por parte dos outros moradores e eles acabaram sofrendo muito com insultos,como“neguinhos”,“macumbeiros”. Um marco das conquistas atuais também está ligado à criação da Diretoria de Políticas para Promoção da Igualdade Racial.“Foi uma sensibilidade do prefeito MaguitoVilela ao ter criado esta diretoria, o que nos fez inaugurar uma nova era de conquistas”, contaAndré, ao lembrar que ainda há muitos desafios como estruturar melhor a diretoria. Jardim Cascata Nossa África aparecidense Há 23 anos Aparecida de Goiânia recebia sua primeira comunidade negra, que resistiu ao tempo para manter seus costumes e tradições Aparecida em Pauta | 25 Fotos:Rodrigo Estrela
  25. 25. 26 | Aparecida em Pauta A Revista Aparecida em Pauta deseja aos aparecidenses um ano novo de muitas conquistas
  26. 26. 27 Direito Empresarial O que é um turnaround management nas empresas? Um balanço positivo da Aciag Jovem e novas perspectivas para 2015 E mpresas em dificuldades podem tomar decisões drásticas antes, durante ou depois da crise financeira ou não. Muitas vezes as soluções não estão dentro da própria empresa, nas pessoas que convivem na empresa, ela precisa de ajuda profissional externa, ou simplesmente de uma assessoria jurídica especializada para mudar os rumos e garantir sua sobrevivência econômica, jurídica e social. O turnaround management é uma das atividades do mundo empresarial e consiste na reorganização completa de uma empresa em crise para o seu reergui mento e a sua conseqüente perpetuação de prosperidade. Novos rumos e novas vertentes virão para inovar. Com novas participações externas, que vão desde a administração do relacionamento com os credores para a repactuação das dívidas (workout) até a implementação de uma gestão empresarial de choque, que programará um novo direcionamento estratégico para a empresa, reestruturando todos seus setores falhos, que são analisados pela equipe de gestores, através da elaboração de um diagnóstico estratégico-operacional. Daí a nova visão estratégica desenvolverá uma nova visão, missão e valores para a empresa, mas não para simplesmente colocá- los na gaveta ou na parede, mas sim para concretizar princípios e efetivá-los. O objetivo é desenvolver novas idéias e parâmetros para melhorar a imagem da empresa, em todos os sentidos, para os proprietários, funcionários e clientes. Lorena Ayres é advogada, jornalista, diretora da Aciag Mulher e presidente da AJE Aparecida de Goiânia A Aciag Jovem é uma entidade de jovens lideranças com espírito empreendedor que visa a troca de experiências para um crescimento empresarial e social, com o intuito de contribuir para o desenvolvimento econômico de Aparecida de Goiânia, através da formação e capacitação de jovens empresários. Nesse sentido, o ano de 2014 foi extremamente produtivo e eficaz para a ala jovem da associação.A união de toda diretoria foi fundamental e a interação do Presidente Oswaldo Zilli em dar oportunidade aos jovens empreendedores foi de extrema relevância. Destacamos algumas ações da Aciag Jovem que atuou junto dos empresários com a distribuição dos portfólios apresentando a missão e valores da entidade e convidando os jovens a participar do projeto. Conseguimos novos filiados e parceiros. Junto aos comerciantes e micro empresários difundiu a importância do papel do jovem na luta por seus direitos junto à associação. E contribuiu para a união de todos para fazerem parte de um só grupo. A juventude atuou junto a Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás, promovendo uma perfeita comunicação entre polícia e a classe empresarial com o objetivo de obter mais segurança aos empresários e comerciantes, no combate efetivo a criminalidade. A Aciag Jovem também promoveu debates, participou de todas as reuniões de diretoria levando ideias e projetos para a associação em benefício dos jovens empresários, intensificou relações interpessoais, atuou diuturnamente com outras entidades, levantando sempre a bandeira do jovem aparecidense. Um dos maiores marcos de 2014 foi à elaboração da minuta sugerindo a apresentação do Projeto de Lei que institui a Semana do Empreendedorismo no Município de Aparecida de Goiânia, hoje com grande alegria temos como lei municipal. Nossa missão é contribuir, nossa meta é continuar nosso trabalho em 2015 na luta pela classe empresarial jovem e também contribuir com o crescimento de nossa cidade e com a economia local. Maione Padeiro é presidente da Aciag Jovem Lorena Ayres é advogada, jornalista, diretora da aciag Mulher e presidente da aje Aparecida de Goiânia Maione Padeiro é presidente da aciag Jovem Artigo Aparecida em Pauta | 27
  27. 27. 28 | Aparecida em Pauta WWW.APARECIDA.GO.GOV.BR A C E S S E 0800 607 0040 L I G U E S o m e n t e s e r ã o a c e i t a s l i g a ç õ e s d e t e l e f o n e f i x o PERÍODO DE INSCRIÇÃO: 5 A15DE JANEIRO DAS 8h às 21h a inscrição para novos alunos na Rede Municipal de Ensino de Aparecida de Goiânia DEVerá ser feita pelo telefone ou via internet. APÓS A INSCRIÇÃO, O ALUNO E/OU RESPONSÁVEL TÊM ATÉ O DIA 19 DE JANEIRO PARA COMPARECER NA UNIDADE ESCOLAR E EFETIVAR A MATRÍCULA. Aproveite MAIS essa facilidade QUE A PREFEITURA DE APARECIDA coloca em suas mãos.

×