E business

364 visualizações

Publicada em

Ebusiness

Publicada em: Negócios, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
364
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

E business

  1. 1. e-Business Prof. Uires Tapajós , Diretor Executivo da CompanyWeb Tecnologia Ltda., Mestrando em Engenharia de Software no Instituto de Pesquisas Tecnológicas de São Paulo – IPT/USP, participou de vários grandes projetos em bancos como: HSBC, Caixa Econômica Federal, Banco Sogeral – Société Générale. Prestou serviços para empresas como: Hewlett Packard, Andersen Consulting (atual Accenture) entre outras. Foi coordenador e professor de vários cursos de Pós-Graduação em instituições como: FASP (Faculdades Associadas de São Paulo), FIAP (Faculdade de Informática e Administração Paulista), IPGA (Instituto de Pós-Graduação Avançada de Tecnologia & Negócios) e Stefanini Training, em 2000 foi responsável pelo primeiro curso de pós-graduação lato sensu com foco 100% em internet em São Paulo. É palestrante e professor em assuntos correlatos a Tecnologia da Informação & Negócios.
  2. 2. A nova economia Mudou ou não mudou ? E xiste uma "nova economia" mundial, principalmente nos Estados Unidos, nascida da "terceira revolução industrial" ou tudo não passa de uma miragem?
  3. 3. Mudou ou não mudou ? E qual a importância para nós dessa discussão? Muito grande. Primeiro porque as empresas brasileiras nos últimos dois anos começaram a adotar de forma mais generalizada alguns padrões gerenciais e tecnológicos da "nova economia". Isso pode ter impacto positivo na trajetória da inflação e do emprego nos próximos anos. Segundo porque ela chama a atenção para a importância coletiva da busca individual de eficiência e mostra que o sucesso nacional não depende mais só do governo. No Brasil, que tem mais de velha do que de nova economia, é possível perceber que os ganhos de eficiência empresarial já contribuíram para reduzir o impacto inflacionário da desvalorização do início do ano. Mesmo considerando que a economia vinha desaquecida, não se deve desprezar a maior capacidade de absorção e redução de custos em muitos setores da economia. Os fatores macroeconômicos continuam contando, mas a microeconomia tem mais influência macroeconômica do que no passado. A fórmula mais segura para o país dar certo ainda é fazer o que deve ser feito na macroeconomia e continuar perseguindo a eficiência privada e pública, no dia-a-dia. Quanto à tal revolução: ela existe sim e vai mudar a sua vida muito mais do que você jamais ousou imaginar . N ova Economia
  4. 4. Internet Banking Cerca de 80% das transações no País serão realizadas pela Internet Há atualmente no Brasil aproximadamente de 10 milhões de computadores pessoais em uso e mais de 40 milhões de contas correntes ativas. Quando a diferença desses números diminuir, a tendência é de que os serviços bancários só sejam prestados via rede. "Em cinco anos, o Brasil pode chegar a ter 80% das transações bancárias feitas por meio da Internet, como ocorre hoje no Canadá”. A redução de custos no setor bancário obtida com operações realizadas pela Internet, aliás, incentiva cada vez mais novos investimentos em serviços para os clientes por meio da rede. Para o cliente, o uso deste meio eletrônico garante redução das tarifas bancárias. No caso do banco, os lucros são mantidos, mesmo com menores preços. Os quatro maiores bancos brasileiros em atuação na rede somam mais de 3 milhões de clientes cadastrados na rede. Entretanto somente uma parcela destes clientes realizam todas as suas transações por meio eletrônico. N ova Economia
  5. 5. Internet Banking Cerca de 80% das transações no País serão realizadas pela Internet Bradesco, com 1,27 milhão de clientes internautas, Banco do Brasil, com 860 mil, Itaú, com 600 mil e Unibanco, com 400 mil, gastam por cada operação realizada por meio da rede US$ 0,01 enquanto a mesma transação sairia por US$ 1,70 se fosse realizada no caixa do banco. Por telefone, o custo é de US$ 0,54. Diante desses valores, fortalece-se a estratégia de os bancos incentivarem e facilitarem cada vez mais os clientes a comprarem microcomputadores. N ova Economia
  6. 6. Internet Banking Cerca de 80% das transações no País serão realizadas pela Internet <ul><ul><li>Qualidade dos serviços: </li></ul></ul><ul><ul><li>Entretanto, os serviços via internet, ainda não resolveu antigos problemas como falta transparência nos serviços oferecidos ao consumidor. Por exemplo, que atualmente é possível ao cliente pagar a mesma conta duas vezes, sem que o banco tenha controle disso. &quot;A operação é feita via rede, mas, se alguém aparecer com o boleto de compensação no caixa, ele é aceito”.. Esse tipo de problema ocorre porque as transações não são realizadas em tempo real, como deveriam. Além disso, se houver algum erro de digitação, o pagamento ou a transferência de valores pode ser creditado para outro destinatário, sem que haja controle sobre a operação equivocada. </li></ul></ul>N ova Economia
  7. 7. Outros Serviços O que não devem mudar <ul><ul><li>Comércio Formal (Supermercado, Restaurantes e Lojas de Varejo em Geral) </li></ul></ul><ul><ul><li>Entretenimento Formal (Cinemas, Teatros, Competições Esportivas) </li></ul></ul>N ova Economia
  8. 8. B 2C E-Commerce Um pé lá e outro cá internet telefone N ova Economia
  9. 9. Conclusão: É nova forma de fazer os NEGÓCIOS internet da velha economia Comprar Vender N ova Economia
  10. 10. g ráfico Venture Capital Angels Bolsas Surfer Webwritter Jornalista Produtores de conteúdo Capital Conteúdo Infraestrutura Data Center Links Call Center Desenvolvimento Programadores Web Designers Comercial Tecnologia Internet Internet 2 Wireless Satélite Rádio WAP TDMA e -business: Nova economia B2C B2B Front end – loja Marketing Logística Fidelização Personalização e-marketplace e-procurement supplay chain Web EDI ERP Empresa Integração Automatização Extranet Globalização
  11. 11. B2C B2B EMPRESA E-BUSINESS g ráfico
  12. 12. <ul><li>O Brasil equivale economicamente a: </li></ul><ul><li>Suécia + Espanha </li></ul><ul><li>Taiwan + Rússia </li></ul><ul><li>Dinamarca + Bélgica + Holanda </li></ul>B rasil <ul><li>O Brasil é o 9 o. País do mundo em Poder de Compra com mais de US$1 trilhão de dólares: </li></ul><ul><li>EUA, China, Japão, Alemanha, India, França, Inglaterra, Itália, Brasil; </li></ul><ul><li>A previsão é que passe para o 5 o. lugar em 2001, atrás da Alemanha. </li></ul><ul><li>1,3 milhão de lavadoras </li></ul><ul><ul><li>82% mais que no Canadá - 4o. Maior mercado do mundo </li></ul></ul><ul><li>95,1 milhões de litros de shampu </li></ul><ul><ul><li>352% mais que no Canadá </li></ul></ul><ul><li>8,02 trilhões de litros de refrigerantes </li></ul><ul><ul><li>343% mais que no Canadá - 3o Maior mercado do mundo. </li></ul></ul>
  13. 13. B rasil <ul><li>1,9 bilhão de fraldas descartáveis </li></ul><ul><ul><li>62% mais que na Itália </li></ul></ul><ul><li>63,4 mil toneladas de creme dental </li></ul><ul><ul><li>456% mais que na Itália </li></ul></ul><ul><li>51,4 mil títulos de livros </li></ul><ul><ul><li>12% mais que a Itália </li></ul></ul><ul><li>US$1,2 bilhão em CD’s </li></ul><ul><ul><li>5 o. maior mercado fonográfico do mundo </li></ul></ul><ul><li>681,9 mil toneladas de biscoito </li></ul><ul><ul><li>27% mais que o Japão </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>2o.maior mercado do mundo </li></ul></ul></ul><ul><li>3 milhões de geladeiras </li></ul><ul><ul><li>66% maior que o Reino Unido </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>4o.maior mercado do mundo </li></ul></ul></ul><ul><li>126 milhões de escovas de dente </li></ul><ul><ul><li>223% mais que o México </li></ul></ul>
  14. 14. B rasil <ul><li>1,6 bilhão de potes de 250g de margarina </li></ul><ul><li>1,9 bilhão de pacotes de macarrão de 500g </li></ul><ul><li>118,5 milhões de calças jeans </li></ul><ul><li>US$3.8 bilhões em cosméticos </li></ul><ul><li>8,6 milhões de usuários da Internet </li></ul><ul><li>Residências no interior de São Paulo: </li></ul><ul><li>97% tem geladeira; </li></ul><ul><li>94% tem TV em cores; </li></ul><ul><li>91,3% tem Máquina de Lavar; </li></ul><ul><li>78,3% tem Videocassete; </li></ul><ul><li>33,3% tem Freezer. </li></ul><ul><li>SEAD - Pesquisa de Condições de Vida </li></ul><ul><li>2 o. maior mercado de jatos executivos e helicópteros; </li></ul><ul><li>2 o. de microondas; </li></ul><ul><li>2 o. de telefones celulares; </li></ul><ul><li>2 o. de fax; </li></ul><ul><li>2 o. de equipamentos de mergulho e alpinismo ... </li></ul>
  15. 15. <ul><li>Representa 42% do PIB da América Latina incluindo o México e seu PIB representa 13,3% do PIB total dos países em desenvolvimento, incluindo a China. </li></ul>B rasil <ul><li>Se o Brasil quebrar ... </li></ul><ul><li>O México quebra 30 minutos depois </li></ul><ul><li>A Argentina quebra 15 minutos depois </li></ul><ul><li>O Chile quebra 5 minutos depois </li></ul><ul><li>O Paraguai ... </li></ul><ul><li>Todo o PIB da Argentina ... </li></ul><ul><ul><li>Eqüivale ao Interior do Estado de São Paulo </li></ul></ul><ul><li>Todo o PIB do Chile ... </li></ul><ul><ul><li>Eqüivale ao Grande Campinas (Ernest & Young) </li></ul></ul><ul><li>Todo o PIB do Uruguai ... </li></ul><ul><ul><li>Eqüivale ao bairro de Santo Amaro em São Paulo </li></ul></ul>
  16. 16. e falências <ul><li>Principais causas: </li></ul><ul><li>A Internet muda toda a forma de fazer negócios, mas, para um bom funcionamento é preciso: </li></ul><ul><li>- Infraestrutura: Telefone, Computador, Link, Satélite etc... </li></ul><ul><li>- Desenvolver novas tecnologias. </li></ul><ul><li>- Reeducar o público para esse novo modelo. </li></ul><ul><li>- Competir globalmente </li></ul><ul><li>- Segurança </li></ul><ul><li>- Muito dinheiro </li></ul>                    
  17. 17. <ul><li>Brasil: </li></ul><ul><li>Esta desenvolvendo a Infraestrutura, cabos, telefones, links </li></ul><ul><li>Apenas 18 % da população possui cartão de crédito </li></ul><ul><li>Apenas 10 milhões de usuários de internet (população brasileira 170 milhões, usuários ativos 36 milhões) </li></ul><ul><li>O Brasil vem crescendo a taxas impressionantes, no começo do ano existia apenas apenas 3 milhões de usuários de internet. </li></ul><ul><li>Os investimentos em B2C foram enormes, os analistas foram levados pela tecnologia e formaram a “ Internet Bubble ” </li></ul><ul><li>As ações de tecnologia foram valorizadas a taxas surpreendentes. </li></ul><ul><li>Quando as empresas de internet brasileiras começaram a se profissionalizar e necessitar de dinheiro, a ”bolha” estourou. </li></ul>e falências
  18. 18. N ova Economia X Velha Economia <ul><li>Velha Economia </li></ul><ul><li>As empresas tinham dono. </li></ul><ul><li>O principal ativo é o maquinário ou o estoque. </li></ul><ul><li>Baixo uso de tecnologia </li></ul><ul><li>- Investidores tradicionais </li></ul><ul><li>Nova Economia </li></ul><ul><li>Os donos das empresas são os fundos de investimento e os donos de ações. </li></ul><ul><li>O principal ativo é o capital humano e as informações. </li></ul><ul><li>Alto uso de tecnologia </li></ul><ul><li>Investidores do mundo interiro são capazes de investir na sua empresa através da bolsa eletrônica. </li></ul>
  19. 19. <ul><li>Bolsa Eletrônica com foco em alta tecnologia </li></ul><ul><li>Permite o acesso de empresas pequenas ao mercado acionário (IPO) </li></ul><ul><li>É a grande responsável pela Bolha de Internet </li></ul><ul><li>Permite que investidores do mundo inteiro comprem ações via internet </li></ul><ul><li>Obriga as empresas a fornecerem informações constantes sobre a empresa </li></ul><ul><li>Os fundos de investimento fazem análises sofisticadas sobre os mercados setoriais, macroeconomia, globalização para os seus clientes. </li></ul><ul><li>Você pode investir em um fundo de tecnologia com recursos a partir de US$ 1000,00. </li></ul><ul><li>Os fundos investem em empresas do mundo inteiro e o dinheiro sai de um país para o outro em segundos. </li></ul>N ova Economia X Velha Economia
  20. 20. Bolsas Velha economia Nova economia N ova Economia X Velha Economia
  21. 21. <ul><li>As empresas não tem dono, e sim managment team (CEO, CIO, CFO). </li></ul><ul><li>Se a empresa não der resultado o managment pode ser trocado. </li></ul><ul><li>Os funcionários tem stock option . </li></ul><ul><li>O dinheiro entra e sai do caixa com um click do mouse. </li></ul><ul><li>A empresa compete com as outras empresas segundo a segundo. </li></ul><ul><li>As novas tecnologias estão mudando a forma de fazer negócios: Internet, Wireless, Computadores, Softwares, Inteligência artificial, Datamining, ASP, Celulares, etc... </li></ul>N ova Economia X Velha Economia
  22. 22. N ova Economia X Velha Economia Tendências ??????

×