COMPETÊNCIA 6Compreender e usar os sistemas    simbólicos das diferentes   linguagens como meios de     organização cognit...
H19 - Analisar a função da linguagempredominante nos textos em situações             específicas           de interlocução.
FUNÇÕES DA LINGUAGEM
R E F E R E NT E                     ↑E M I SSOR ↔ M E NSA G E M ↔ R E CE P T OR                     ↓                 CÓ ...
ÊNFASE NO EMISSOR   FUNÇÃO EMOTIVA
CARACTERÍSTICAS• SUBJETIVIDADE – Predomínio da  primeira pessoa• VISÃO INTIMISTA• UNILATERALIDADE• PREOCUPAÇÃO COM O “EU”•...
Não sei quem sou, que alma tenho.  Quando falo com si ncer i dade não sei com               que si ncer i dade falo.Sou va...
ÊNFASE NO REFERENTE     ASSUNTO  FUNÇÃO REFERENCIAL     INFORMATIVA       COGNITIVA
FUNÇÃO REFERENCIAL•   OBJETIVIDADE•   ÊNFASE NA INFORMAÇÃO•   CONHECIMENTO E ESCLARECIMENTO•   LINGUAGEM DENOTATIVA•   VIS...
20/08/2009 - 14h00Mulher diz que foi atacada por David Copperfieldda Associated Press, em SeattleUma mulher entrou com um ...
ÊNFASE NO RECEPTOR    FUNÇÃO CONATIVA       APELATIVA
FUNÇÃO CONATIVA•   MUDAR HÁBITOS•   INFLUENCIAR•   CONVENCER / PERSUADIR•   ORDENAR•   CONVIDAR•   APELAR•   SUGESTIONAR
CARACTERÍSTICAS• Verbos no imperativo• Orações optativas (expressam desejos)• Referência direta ao receptor
Desejo a você,              fruto do mato,            cheiro de jardim,           namoro no portão,         domingo sem ch...
ÊNFASE NO CÓDIGOFUNÇÃO METALINGUÍSTICA
FUNÇÃO METALINGUÍSTICA•   Código abordando o próprio código•   Poema que fala de poema•   Música que fala de música•   Tea...
E scher ( 1898-1972 )
G astei uma hor a pensando em um                 ver so   que a pena não quer escr ever .   No entanto ele está cá dentr o...
ÊNFASE NO CANAL  FUNÇÃO FÁTICA
FUNÇÃO FÁTICA• Testar o canal de comunicação• Avaliar o nível de entendimento
-A lô-A lô-H ummm-H ei nnn?-A lô
-E aí, cara,  tudo bem? - Tudo, e lá?  - Indo, tipo  assim, né?   - Pô, e a  meninada?- É, sei lá, vai
ÊNFASE NA MENSAGEM   LINGUAGEM POÉTICA
FUNÇÃO POÉTICA• Preocupação estética• Linguagem repleta de figuras• Combinações sonoras, visuais• Provoca impacto quer sej...
M ar celo M our a
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
9. funções da linguagem   delimitar o texto literário
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

9. funções da linguagem delimitar o texto literário

4.262 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.262
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

9. funções da linguagem delimitar o texto literário

  1. 1. COMPETÊNCIA 6Compreender e usar os sistemas simbólicos das diferentes linguagens como meios de organização cognitiva da realidade pela constituição de significados, expressão, comunicação e informação
  2. 2. H19 - Analisar a função da linguagempredominante nos textos em situações específicas de interlocução.
  3. 3. FUNÇÕES DA LINGUAGEM
  4. 4. R E F E R E NT E ↑E M I SSOR ↔ M E NSA G E M ↔ R E CE P T OR ↓ CÓ D I G O ↓ CA NA L
  5. 5. ÊNFASE NO EMISSOR FUNÇÃO EMOTIVA
  6. 6. CARACTERÍSTICAS• SUBJETIVIDADE – Predomínio da primeira pessoa• VISÃO INTIMISTA• UNILATERALIDADE• PREOCUPAÇÃO COM O “EU”• OPINIÕES E RELATOS PESSOAIS
  7. 7. Não sei quem sou, que alma tenho. Quando falo com si ncer i dade não sei com que si ncer i dade falo.Sou var i amente outr o do que um eu que não sei se exi ste ( se é esses outr os) ... Si nto cr enças que não tenho. E nlevam-me ânsi as que r epudi o. A mi nha per pétua atenção sobr e mi m per petuamente me pontatr ai ções de alma a um car ácter que talvez eu não tenha, nem ela j ulga que eu tenho. Si nto-me múlti plo. F er nando P essoa
  8. 8. ÊNFASE NO REFERENTE ASSUNTO FUNÇÃO REFERENCIAL INFORMATIVA COGNITIVA
  9. 9. FUNÇÃO REFERENCIAL• OBJETIVIDADE• ÊNFASE NA INFORMAÇÃO• CONHECIMENTO E ESCLARECIMENTO• LINGUAGEM DENOTATIVA• VISÃO UNIVERSAL• PREFERÊNCIA PELA 3ª PESSOA• TESES, TEXTOS JORNALÍSTICOS, CIENTÍFICOS
  10. 10. 20/08/2009 - 14h00Mulher diz que foi atacada por David Copperfieldda Associated Press, em SeattleUma mulher entrou com um processo contra o mágico David Copperfield alegando que foiameaçada e atacada sexualmente por ele enquanto passava alguns dias como hóspede da ilhaparticular de Copperfield nas Bahamas.Os advogados do mágico, Angelo Calfo e Parry Eakes, negam as acusações e afirmam que oprocesso é uma "extorsão de dinheiro planejada e simples".O jornal "Seattle Times" afirma que a mulher é uma modelo de 22 anos e antiga candidata ao MissWashington.Ela diz que conheceu Copperfield quando ele se apresentou na cidade de Kennewick, em 2007, enaquele ano foi convidada para visitar sua ilha particular.O jornal também afirma que o processo foi registrado em 29 de julho de 2007 em um tribunal deSeattle contra David Seth Kotkin, nome de batismo de Copperfield.
  11. 11. ÊNFASE NO RECEPTOR FUNÇÃO CONATIVA APELATIVA
  12. 12. FUNÇÃO CONATIVA• MUDAR HÁBITOS• INFLUENCIAR• CONVENCER / PERSUADIR• ORDENAR• CONVIDAR• APELAR• SUGESTIONAR
  13. 13. CARACTERÍSTICAS• Verbos no imperativo• Orações optativas (expressam desejos)• Referência direta ao receptor
  14. 14. Desejo a você, fruto do mato, cheiro de jardim, namoro no portão, domingo sem chuva, segunda sem mau humor, sábado com seu amor, filme do Carlitos, chope com amigos, crônica de Rubem Braga, viver sem inimigos, filme antigo na TV, ter uma pessoa especial, e que ela goste de você, música de Tom com letra de Chico,frango caipira em pensão do interior, ouvir uma palavra amável, ter uma surpresa agradável, ver a banda passar, noite de lua cheia,
  15. 15. ÊNFASE NO CÓDIGOFUNÇÃO METALINGUÍSTICA
  16. 16. FUNÇÃO METALINGUÍSTICA• Código abordando o próprio código• Poema que fala de poema• Música que fala de música• Teatro que fala de teatro
  17. 17. E scher ( 1898-1972 )
  18. 18. G astei uma hor a pensando em um ver so que a pena não quer escr ever . No entanto ele está cá dentr o i nqui eto, vi vo. E le está cá dentr o e não quer sai r . M as a poesi a deste momento i nunda mi nha vi da i ntei r a. D r ummond
  19. 19. ÊNFASE NO CANAL FUNÇÃO FÁTICA
  20. 20. FUNÇÃO FÁTICA• Testar o canal de comunicação• Avaliar o nível de entendimento
  21. 21. -A lô-A lô-H ummm-H ei nnn?-A lô
  22. 22. -E aí, cara, tudo bem? - Tudo, e lá? - Indo, tipo assim, né? - Pô, e a meninada?- É, sei lá, vai
  23. 23. ÊNFASE NA MENSAGEM LINGUAGEM POÉTICA
  24. 24. FUNÇÃO POÉTICA• Preocupação estética• Linguagem repleta de figuras• Combinações sonoras, visuais• Provoca impacto quer seja visual, emotivo ou mesmo sonoro• Jogo de palavras• Pode agir conjuntamente em quase todas as outras funções
  25. 25. M ar celo M our a

×