Respostas oap 2ª etapa

17.840 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
17.840
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
285
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Respostas oap 2ª etapa

  1. 1. RESPOSTAS OAP 2ª ETAPA  Módulo II – Ar e Poluição Uma atmosfera poluída A poluição do ar é provocada, principalmente, por atividades industriais, pela frota deautomotores e pelas queimadas. As refinarias de petróleo, as fábricas de celulose, de fertilizantes,de ácido sulfúrico, de cimento e as siderurgias são as principais fontes dessa poluição. Essasatividades liberam para a atmosfera grande quantidade de partículas sólidas em suspensão egases nocivos às plantas, aos animais e ao homem. Os rios, os lagos, os solos, os mares eoceanos também são seriamente atingidos por essa carga de material em suspensão quandoprecipitada pelas chuvas. Óxido de nitrogênio, dióxido de enxofre, hidrocarbonetos,clorofluorocarbonos (CFC) e uma infinidade de outros produtos, isolados ou associados, vãocomprometer a qualidade do ar atmosférico. Os impactos ambientais provocados pela poluiçãoatmosférica podem ocorrer em escalas local, regional e global. A Inversão Térmica é um fenômeno natural que ocorre em vários lugares do planeta.Sozinha, não configura dano à natureza. O problema surge quando ela ocorre em áreas queapresentam grande concentração de poluentes. A circulação atmosférica acontece quando o ar mais aquecido pela irradiação terrestresobe e depois desce ao se resfriar. Esse movimento constante ajuda a dispersar os poluentes dascamadas próximas do solo. No outono ou no inverno, quando a temperatura diminui, essa situação invertesse. O arpróximo do solo (agora mais frio) não é aquecido. Por não ascender, a poluição fica concentradarente à superfície. Por algumas horas, até que o solo se aqueça, não há a subida do ar. Essaparalisia momentânea da atmosfera concentra os poluentes, agravando a qualidade do ar, quefica irrespirável. Em vários lugares onde esse fenômeno acontece, registram-se aumentos noscasos de internações provocadas por problemas respiratórios. Muitos pacientes chegam ao óbitoem consequência do agravamento desses males. As chuvas ácidas constituem outro sério problema de agressão à atmosfera. Trata-se daprecipitação das gotas de águas (chuva, neblina), carregadas de ácido nítrico (HNO 3) e sulfúrico(H2SO4). Esses ácidos são resultantes de reações químicas que ocorrem na atmosfera a partir dapresença de enxofre (dióxido de enxofre: SO2). Essa substância, por sua vez, é lançada àatmosfera pelas indústrias, pela queima de carvão ou pela queima de derivados de petróleo pelosveículos automotores. Essas chuvas têm efeito corrosivo e atingem não só as edificações, os rios,os lagos, os veículos, entre outras coisas, mas também todos os seres vivos. Provocamproblemas respiratórios nos seres humanos e animais. Podem destruir as matas, poluir os solos econtaminar as águas superficiais. O efeito estufa é um fenômeno conhecido desde o fim do século XIX. Naquela época,havia cientistas que já se preocupavam com a interferência das atividades humanas no equilíbriotérmico atmosférico. Apontavam os riscos associados às emissões de carbono (CO 2) e a outrosgases como o metano (CH4) e o óxido nitroso (N2O). O aumento da concentração desses gasesna atmosfera provou ser o responsável pelo aumento da temperatura do ar atmosférico. O usocada vez maior de carvão e petróleo como combustíveis, a partir da Revolução Industrial, criouuma camada muito resistente à passagem da irradiação terrestre. Essa, por sua vez, é refletida devolta à superfície, contribuindo sobremaneira para o aumento da temperatura média do planeta. Oderretimento de parte das calotas polares e o aumento do nível médio dos oceanos provocariamum desequilíbrio em escala planetária. Homens, plantas e animais estariam em risco.Atualmente, vivemos sob a ameaça dos problemas provocados pela abertura de buraco nacamada de ozônio. A camada de ozônio tem importância vital para a vida no planeta Terra. Elaabsorve grande parte da radiação ultravioleta oriunda do Sol, filtrando-a. Essa radiação diretaprocessa-se em comprimentos de ondas que são prejudiciais para quase todas as formas de vida.Nos humanos, a exposição às radiações ultravioleta intensas pode provocar câncer de pele,
  2. 2. inflamação da córnea e redução das defesas imunológicas. Certos compostos químicos de origemartificial são capazes de acelerar a destruição das moléculas de ozônio. Rompe-se, assim, oequilíbrio natural que mantém a camada protetora. Os principais implicados nessa destruição e odesequilíbrio são os CFCs (clorofluorocarbonos), que podem permanecer ativos na atmosfera pormais de um século. Nas grandes cidades, ocorre outro problema associado à concentração de concreto easfalto e à poluição atmosférica. O crescimento desordenado, a ausência de áreas verdes e aineficiência de um planejamento urbano agravam esse fenômeno. Trata-se das “Ilhas de calor”.Nos centros dessas manchas urbanas, a reflexão de calor para a atmosfera é enorme. Nesseslocais, a concentração de poluentes no ar também é muito grande. O resultado disso é que atemperatura eleva-se, pois a dissipação de calor fica prejudicada. Em direção à periferia, nota-se uma diminuição gradativa da temperatura. É que, nessasáreas, a densidade de construções e de asfalto, sendo menor, diminui a reflexão de calor para aatmosfera. (Suporte educacional - acesso em 11/04/2012)QUESTÕES DISSERTATIVASQuestão 1(FUVEST/1989) Dentre as várias formas de interferência do homem moderno no ambiente naturalpodem ser citados o efeito-estufa e a destruição da camada de ozônio. Escolha um desses doisfenômenos e explique:a) como ele é provocado;Efeito estufa: é provocado pela concentração de gases poluentes, como o CO2(gás carbônico) e oCH4(metano) em uma parte da troposfera.Destruição da camada de Ozônio: é provocado pelas reações que alguns gases, como os CFCs(clorofluorocarbonos), estimulam nesta camada. Por causa delas, as moléculas de O3(ozônio)transformam-se em O2(oxigênio).b) uma das consequências previsíveis advindas desse fenômeno para a humanidade.Efeito estufa: uma de suas consequências seria o aumento da temperatura do planeta, pois eleatrapalha a dispersão de calor para fora da atmosfera.Destruição da camada de Ozônio: uma das consequências para o planeta seria o aumento dosraios UV que atingem a troposfera, podendo causar câncer de pele, entre outras doenças.Questão 2Assinale com V(se verdadeiro) ou F(se falso):( V ) A água, além de poluída por dejetos industriais e esgotos, pode também ser poluída pelaagricultura.( V ) A poluição da água com substâncias não biodegradáveis pode perturbar todo o equilíbrioecológico de uma região.( V ) A poluição atmosférica se dá não só pela indústria, mas também pela circulação de carros eônibus.( F ) A inversão térmica, que tem ocasionado problemas de saúde em áreas industriais, éocasionada pela poluição atmosférica.( V ) A inversão térmica, que tem ocasionado problemas de saúde em áreas industriais, agrava apoluição atmosférica.Questão 3(UNICAMP-SP/1988) Com frequência, ouvimos em noticiários de televisão que determinadareserva florestal está em chamas e que o incêndio é incontrolável. Geralmente, grandesextensões da reserva são danificadas, numerosos indivíduos de espécies vegetais e animaismorrem, sendo que algumas espécies correm perigo de extinção. Além desses efeitos imediatos,indique um problema a médio ou a longo prazo decorrente das queimadas e analise suasconsequências.
  3. 3. As queimadas liberam CO2 para a atmosfera. Isso contribui para o efeito estufa. Assim,podeiramos apontar como problemas de médio e longo prazo o aumento da temperatura doplaneta, aumento de doenças respiratórias, etc..Questão 4"Desde 1930 - lemos em Toxic Terror, publicação da Third World Network - que a ChissoCorporation, empresa fabricante de produtos químicos, lançava resíduos de seu processoindustrial, contendo mercúrio, no rio Minamata e na baía de Minamata, Japão. Vinte anos depois,em 1950, mudanças inexplicáveis começaram a ser observadas no rio e na baía - peixesflutuavam na superfície, moluscos e plantas aquáticas morriam. Pássaros em pleno vôocomeçaram a cair no mar. Já em 1953, gatos, cães e porcos enlouqueciam e morriam. Em 1956,uma menina de cinco anos chegou ao hospital com sintomas de danos cerebrais. Pouco mais deum mês, cinco outros moradores da mesma aldeia foram internados com os mesmos sintomas.Era a doença de Minamata, que até o fim desse ano fez 52 vítimas conhecidas." (Revista Ecologiae Meio Ambiente, ano I, nº 1, 1991, p.35)a) Por que, inicialmente, uma análise de água não poderia ter detectado a presença do mercúrioantes de causar danos ao ecossistema?b) Havendo suspeita de lançamento dessa substância em determinado ecossistema, de que modopoderíamos avaliar os níveis reais de contaminação?QUESTÕES FECHADASQuestão 1(FUVEST/2010) A concentração de gás na atmosfera vem aumentando de modo significativodesde meados do século XIX; estima-se que se quadruplicou no ano 2000. Qual dos fatoresabaixo é o principal responsável por esse aumento?a) ampliação da área de terras cultivadas;b) utilização crescente de combustíveis fósseis;c) crescimento demográfico das populações humanas;d) maior extração de alimentos do mar;e) extinção de muitas espécies de seres fotossintetizantes.Questão 2O poluente atmosférico que se liga permanentemente às moléculas de hemoglobinaimpossibilitando-as de transportar oxigênio às células é o:a) ozôniob) hidrocarbonatoc) dióxido de enxofred) dióxido de carbonoe) monóxido de carbonoQuestão 3Entre os poluentes encontram-se:I. Substâncias já existentes nos ecossistemas naturais, cuja quantidade aumentou devido àsatividades humanas.II. Substâncias que normalmente não estão presentes nos ecossistemas naturais.Pertencem, respectivamente, aos grupos I e II:a) DDT e estrôncio-90b) DDT e monóxido de carbonoc) tetracloreto de etila e esgoto domésticod) monóxido de carbono e dióxido de carbono
  4. 4. e) dióxido de carbono e estrôncio-90Questão 4(FGV/2000) A queima de combustíveis fósseis eleva as concentrações de SO 2 e CO 2 naatmosfera, que causam, respectivamente, os seguintes efeitos:a) Efeito estufa e aumento da temperatura da atmosfera.b) Chuva ácida e efeito estufa.c) Degradação da camada de ozônio e efeito estufa.d) Degradação da camada de ozônio e chuva ácida.e) Chuva ácida e câncer de pele.Questão 5(UFES/2006) A utilização de pesticidas pelo homem:I - provoca a destruição de numerosas espécies úteis ou indiferentes e o empobrecimento dosecossistemas;II - é o único recurso disponível para o controle de pragas na agricultura;III - leva ao aparecimento de espécies resistentes, que são cada vez mais difíceis de eliminar;IV - é uma das maneiras de eliminar pragas sem alterar o equilíbrio ecológico, uma vez que ospesticidas atuam diretamente sobre os organismos que se desejam eliminar.Assinale:a) se I e II forem corretas.b) se I e III forem corretas.c) se II e IV forem corretas.d) se I, III e IV forem corretas.e) se I, II e IV forem corretas.Questão 6(FUNREI/1998) O efeito estufa consiste no aquecimento anormal do planeta nas últimas décadas,devido a uma maior retenção atmosférica do calor solar absorvido na sua superfície terrestre.Atividades típicas da Era Industrial são consideradas as causas mais prováveis. No efeito estufa,o calor encontra maior dificuldade para se irradiar para fora do planeta devido:a) À redução da concentração do N2 atmosférico, fixado industrialmente na produção defertilizantes químicos.b) À redução da camada de ozônio, resultante principalmente da emissão dos gases CFCs(clorofluorcarbonos) na atmosfera.c) Ao aumento da concentração de SO2 atmosférico e da chuva ácida, provocados pela emissãode gases nos escapamentos dos automóveis e chaminés de indústrias.d) Ao aumento da concentração de CO2 atmosférico, como resultante da combustão do petróleo edo carvão mineral e dos desmatamentos seguidos de queima da matéria orgânica.e) Ao aumento de CH4 nas camadas mais altas, após a sua liberação pela decomposição dosresíduos sólidos.Questão 7(UNIRIO/2010) A imprensa tem noticiado diversos acidentes como o mostrado abaixo.
  5. 5. A poluição marinha por derramamento de petróleo pode causar, entre outros, o seguinte problemaimediato:a) concentração de substâncias tóxicas ao longo da cadeia alimentar.b) crescimento do zooplâncton devido à diminuição dos produtores.c) superpopulação dos micro-organismos que atacam o petróleo.d) perturbação da atividade fotossintética do fitoplâncton.e) aumento da difusão do oxigênio do mar para o ar.Questão 8Leia os textos:I. Calcula-se que a poluição do ar tenha provocado um crescimento do teor de gás carbônico naatmosfera, que teria sofrido um aumento de 14% entre 1830 e 1930, aumentando hoje em dia de0,3% ao ano. Os desmatamentos contribuem bastante para isso, pois a queimada das florestasproduz grande quantidade de gás carbônico tem a propriedade de absorver calor, pelo chamado“efeito estufa”, um aumento da proporção desse gás na atmosfera pode ocasionar umaquecimento de superfícies terrestres.II. Inversão térmica é período em que o ar fica estagnado sobre um local, sem a formação deventos ou correntes ascendentes na atmosfera. Sabe-se que o ar mais elevado é mais que o quese encontra embaixo; esse fato dá origem a correntes ascendentes na atmosfera, pois o ar quenteé mais leve que o ar mais frio. Mas sobre o efeito de uma inversão térmica ocorre o inverso: o armais quente está acima do ar mais frio, impendido-o de subir. O ar fica estagnado e carregado depoluentes. As inversões térmicas ocorrem bastante no Sudeste do país, principalmente em SãoPaulo, no período do inverno.As afirmações I e II estão:a) totalmente corretas.b) totalmente erradas.c) a I correta e a II errada.d) a I errada e a II correta.e) as duas parcialmente corretas.Questão 9(OSEC/2008) O deslocamento das massas de ar, que dão origem aos ventos, se fazem sempre:a) das áreas mais elevadas para as mais baixas;b) das áreas de temperaturas mais altas para as de temperatura mais baixa;c) das áreas de alta pressão para as de baixa pressão;d) das áreas mais úmidas para as mais secas;
  6. 6. e) de oeste para leste.Questão 10(OSEC/2008) A "friagem" consiste na queda brusca da temperatura, na região amazônica. Sobreela pode-se afirmar que:I. O relevo baixo, de planície, facilita a incursão de massas de ar frio que atingem a Amazônia.II. A massa de ar responsável pela ocorrência de friagem é a Tropical Atlântica.III. A friagem ocorre no inverno.De acordo com as afirmativas acima, assinale:a) se apenas I estiver correta;b) se I e II estiverem corretas;c) se II e III estiverem corretas;d) se I e III estiverem corretas;e) se todas as afirmativas estiverem corretas.Questão 11(FUVEST/2010)
  7. 7. Em algumas cidades, pode-se observar no horizonte, em certos dias, a olho nu, uma camada decor marrom. Essa condição afeta a saúde, principalmente, de crianças e de idosos, provocando,entre outras, doenças respiratórias e cardiovasculares.As figuras e o texto acima referem-se a um processo de formação de um fenômeno climático queocorre, por exemplo, na cidade de São Paulo. Trata se de:a) ilha de calor, caracterizada pelo aumento de temperaturas na periferia da cidade.b) zona de convergência intertropical, que provoca o aumento da pressão atmosférica na áreaurbana.c) chuva convectiva, caracterizada pela formação de nuvens de poluentes que provocam danosambientais.d) inversão térmica, que provoca concentração de poluentes na baixa camada da atmosfera.e) ventos alíseos de sudeste, que provocam o súbito aumento da umidade relativa do ar.Questão 12São as principais alterações ambientais causadas pelo ritmo frenético da urbanização e oaparecimento de novas megacidades, nas últimas décadas, em países subdesenvolvidos:a) geração de grandes volumes de resíduos sólidos, poluição dágua e da atmosfera.b) globalização e poluição atmosférica.c) coleta seletiva de resíduos e investimentos no comércio.d) minimização do deficit habitacional e coleta seletiva de resíduos.e) diminuição do nível de instrução da população e aumento do setor informal.Questão 13(PUC-PR/2003) A industrialização europeia teve como base energética o uso do carvão mineral.Até hoje, mesmo com a ampliação do uso de petróleo, da energia hidrelétrica e das usinasnucleares, o carvão permanece como importante fonte energética, principalmente nos países daEuropa Oriental. Ocorre, porém, que a queima do carvão mineral, em grandes quantidades, podeprovocar o aumento do volume do óxido de enxofre na atmosfera e, com isso, o fenômeno do(da):a) redução da ionosfera b) vento geotrópico. c) rarefação do ard) formação do ozônio. e) chuva ácida.Questão 14(Ufpel/2006) APOCALIPSE JÁ...Já começou a catástrofe que se esperava para daqui a 30 ou 40 anos. A ciência não sabe comoreverter seus efeitos. O derretimento do Ártico, a elevação do nível do mar, o avanço das áreasdesérticas, o aumento da intensidade dos furacões, entre outras, são algumas das mudanças degrandes proporções causadas pelos altos níveis do aquecimento global. "Veja", 21/06/06. [adapt.]Esse aquecimento global é consequência do desequilíbrio em um processo natural.Com base em seus conhecimentos e nas informações anteriores, é correto afirmar que o processoque sofre o desequilíbrio responsável pelo aquecimento global se referea) às ilhas de calor, resultantes da elevação das temperaturas médias nas áreas urbanizadas dasgrandes cidades, em comparação com as zonas rurais.b) à inversão térmica, resultante da concentração do ar frio nas camadas mais baixas, impedindosua dispersão.c) às chuvas ácidas, resultantes da elevação exagerada dos níveis de acidez da atmosfera emconsequência do lançamento de poluentes produzidos pela atividade humana.d) ao efeito estufa, que consiste na retenção do calor irradiado pela superfície terrestre e pelaspartículas de gases e água existentes na atmosfera.e) aos ciclones extratropicais, que são provocados pela interação entre ventos, pressãoatmosférica e altas temperaturas, comuns em zonas tropicais.

×