Plano Redes Sociais do Slow

626 visualizações

Publicada em

Plano de Social Media da cadeia de restaurantes Slow (Grupo H3)

Publicada em: Mídias sociais
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
626
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
67
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plano Redes Sociais do Slow

  1. 1. Plano  de  Redes Sociais Rui  Rijo  -­‐ https://pt.linkedin.com/in/ruirijo Plano  de  Redes Sociais Rui  Rijo  -­‐ https://pt.linkedin.com/in/ruirijo
  2. 2. uma  maneira  inteligente   de  cozinhar 2
  3. 3. :aqui  se  faz  a  carne  que  se  desfaz:aqui  se  faz  a  carne  que  se  desfaz • Posicionamento: – Restaurante  que  confeciona,  de  uma  “maneira  inteligente”  vários  tipos  de   carne,  de  modo  a  oferecer  um  prato  suculento  e  com  sabores  raros  aos   Clientes  para  que  queiram  repetir  a  experiência. • Missão: – Tornar  a  degustação  de  um  naco  de  carne  num  momento  único. – Oferecer  um  prato  de  qualidade  a  um  preço  acessível,  colocando  à  disposição   do  Cliente  infinitas  combinações.   • Fator  de  diferenciação: – Processo  de  confeção:  Num  serviço  rápido  oferece  carnes  que  estiveram  a   cozinhar  longas  horas  a  baixa  temperatura  até  se  desfazerem. • Valores: – Imagem  sofisticada  e  moderna; – Serviço  rápido  e  eficiente; – Inovador  (na  confeção  da  carne); – Um  prato  da  autoria  do  Cliente  (as  combinações  do  prato  são  da  sua   responsabilidade); – Ementa  única  e  simples; – Não  é  percecionado  como  um  restaurante  de  fast  food. 3
  4. 4. :uma  refeição:  5  combinações  perfeitas:uma  refeição:  5  combinações  perfeitas 4
  5. 5. :em  shoppings  também  se  pode  comer  bem:em  shoppings  também  se  pode  comer  bem Parque  Atlântico Madeira  Shopping Fórum  Madeira DV  Funchal Amoreiras  Shopping Amoreiras  Plaza Alegro  Alfragide Campo  Pequeno Colombo Vila  do  Conde Mar  Shopping Arrábida  Shopping Norte  Shopping Alegro  Setúbal Slow  presente  em  14  espaços  de  pura  degustação. 5
  6. 6. :conhecemos  bem  os  apreciadores  do  slow:conhecemos  bem  os  apreciadores  do  slow • Idade:  25  aos  50  anos; • Habilitações  Literárias:  12º  ano  ou  superior; • Classe  social:  Média  e  Média  Alta; • Hábitos  de  consumo:  Gosta  de  comer  “saudável  mas  bem”;   costuma  comer  fora  de  casa;  gosta  de  comer  bem  a  um  bom   preço; • Estilo  de  vida:  Faz  uma  alimentação  saudável  e  com  qualidade;   aprecia  o  sabor  dos  alimentos  e  a  origem  dos  mesmos;  valoriza   um  atendimento  rápido;  frequenta  com  regularidade  Centros   Comerciais. 6
  7. 7. :até  a  concorrência  nós  desfazemos:até  a  concorrência  nós  desfazemos 7
  8. 8. :é  de  chorar  e  pedir  por  mais:é  de  chorar  e  pedir  por  mais O  desafio  passa  por  esquecer,  durante  alguns  momentos,  que  a  vida  moderna  é   muito  agitada,  enquanto  saboreia  um  belo  naco  de  carne  cozinhada  no   restaurante  Slow.   Experimentação Carnes  suculentas  que  se  desfazem  na  boca,  donas  de  uma  textura  e  um  sabor   únicos  nunca  antes  provados  em  terras  lusas. Momento  único A  qualidade  dos  alimentos  aliada  a  um  preço  acessível; Serviço  rápido; Atendimento  eficiente; App  que  dá  uma  refeição  grátis  após  o  consumo  de  10  (e  tem  o  NIF  associado); A  combinação  dos  acompanhamentos  e  molhos   é  da  responsabilidade   do  Cliente. Fidelização 8
  9. 9. uma  maneira  inteligente   de  comunicar 9
  10. 10. :slow  até  nas  Redes  Sociais:slow  até  nas  Redes  Sociais Dezembro  2013 2.435  Seguidores 29  posts Dezembro  2013 21  Seguidores 5  tweets Dezembro  2013 4 Seguidores 3 publicações Um  total  de  2.485  seguidores  em  4  Redes  desde  2013 10
  11. 11. :presentes  em  4  Redes  em  lume  brando:presentes  em  4  Redes  em  lume  brando 11 Dezembro  2013 25  Seguidores 0  conteúdos
  12. 12. :à  busca  da  rede  social  perdida:à  busca  da  rede  social  perdida • Inexistência  de  uma  estratégia  efetiva  de  redes  sociais; • Inexistência  de  uma  presença  ativa. • Embora  com  presença  no  Twitter  ,  Google+  e  LinkedIn,  não  existem   atualizações  de  conteúdos  há  mais  de  1  ano  (ambas  as  páginas  encontram-­‐se   em  stand-­‐by);   • A  imagem  de  capa  da  página  de  Twitter  encontra-­‐se  vazia; • O  Facebook  apenas  é  utilizado  como  forma  de  promover  a  abertura  de  novos   restaurantes  e  partilha  de  alguns  artigos  de  media; • Não  existe  atualização  de  conteúdo  desde  24  de  março; • O  n.º  de  Seguidores  é  muito  reduzido  para  uma  marca  que  se  encontra  nas   redes  sociais  desde  2013  e  face  à  sua  concorrência  direta  (bitoque  no  ponto  é   mais  recente  e  já  conta  quase  com  o  dobro  de  Seguidores); • Não  existe  interação  com  os  Consumidores   que  deixam  comentários  na   página  de  Facebook; • Não  fomenta  a  interação  pois  nunca  faz  questões  nos  posts  nem  existem   passatempos; • Não  tem  app’s  na  página,  nem  contacto  de  e-­‐mail,  nem  termos  e  condições; • Não  existem  vídeos; • A  imagem  de  capa  do  Facebook  não  é  apelativa:  deveria  incluir  o  slogan. 12
  13. 13. :dar  voz  à  vaca,  à  galinha  e  ao  porco  :dar  voz  à  vaca,  à  galinha  e  ao  porco   Eixos  Estratégicos  a  desenvolver  nas  Redes  Sociais: 1.  Política  editorial  coerente  e  regular: Utilizar  o  fator  de  diferenciação  como  eixo  de  comunicação: • Quantas  vezes  já  ouvimos  dizer:  “o  meu  bife  está  tão  duro  que  parece   sola  de  sapato”?  ou  “a  minha  carne  está  cheia  de  gordura”? • Utilizar  as  Redes  Sociais  para  desmistificar  o  processo  de  confeção  e  a   qualidade  da  carne  dando  ênfase  ao  preço  reduzido; • Apostar  no  vídeo  marketing  numa  vertente  de  storytelling. 2.  Interagir  com  os  consumidores  através  das  Redes  Sociais: • Existir  um  processo  de  resposta  a  qualquer  interação  (comentário  ou   mensagem  privada); • Fomentar  a  interação  através  de  questões  e  dinâmicas/passatempos; • Desenvolver  os  termos  e  condições  de  utilização  das  diversas  páginas   e  um  ficheiro  de  respostas-­‐tipo. 3.  Monitorização  constante 13
  14. 14. :presentes  nos  smartphones  dos  Clientes:presentes  nos  smartphones  dos  Clientes Aplicação  inovadora  que  permite  obter   ofertas  na  cadeia  de  restaurantes  H3  e  Slow,   conhecer  os  restaurantes  mais  próximos   através  do  sistema  de  georeferenciação  e   evita  a  repetição  do  NIF  sempre  que  vem  aos   restaurantes Fator  de  diferenciação • Potenciar  nas  Redes  Sociais  a  utilização  da  App,  elencando  as  vantagens   para  o  Cliente; • Desenvolver  a  App  na  página  do  Facebook; • Criar  dinâmicas  nas  Redes  Sociais  através  da  informação  existente  na  App   (todas  as  semanas  ter  o  Vencedor  do  Ranking  da  App  – dar  destaque  ao   Cliente  que  mais  refeições  fez  na  cadeia  de  restaurantes); • Através  de  estudos  de  CRM  definir  novos  conteúdos  para  as  Redes  Sociais. A  app  chama-­‐se  H3,  o  que  poderá  ser  um  constrangimento  porque  a  maioria   das  pessoas  desconhece  que  o  Slow  pertence  ao  mesmo  grupo. 14
  15. 15. :uma  colherada  na  Portugália:uma  colherada  na  Portugália 62.000  Seguidores  no  Facebook  e  344  no  Instagram   • Publicação  de  conteúdos  de  forma  regular; • Potencia  a  interação  com  questões  nos  seus  posts; • Dinamiza  passatempos  para  a  comunidade; • Tem  uma  app  de  passatempos  integrada  na  página  do  Facebook; • Tem  um  separador  no  Facebook  com  as  localizações  dos  restaurantes; • Responde  às  publicações  no  mural  da  página; • Tem  alguns  posts  com  vídeos. ✓ • Envolvimento  em  cada  post  é  muito  reduzido; • Não  existe  resposta  aos  comentários  nos  posts; • Não  existe  e-­‐mail  de  contacto  disponível; • Não  tem  o  site  associado  à  conta  do  Instagram; • Pouca  diversidade  de  conteúdos  (últimas  publicações  são  apenas  dinâmicas  e   passatempos); • Os  vídeos  existentes  na  página  são  muito  longos  para  as  redes  sociais. ✘ 15
  16. 16. :uma  garfada  no  Bitoque  no  Ponto:uma  garfada  no  Bitoque  no  Ponto 4.039  Seguidores • Potencia  a  interação  com  questões  nos  seus  posts; • Dinamiza  muitos  passatempos  para  a  comunidade; • Taxa  de  interação  nos  posts  bastante  positiva. ✓ • Sem  atualizações  de  conteúdo  desde  2014; • Não  existe  resposta  aos  comentários  nos  posts; • Não  existe  e-­‐mail  de  contacto  disponível; • Não  tem  site  para  encaminhar  os  Seguidores  que  queiram  saber  mais;   • Não  permite  publicações  no  mural  da  página; • Inexistência  de  App’s  e  de  termos  e  condições  de  utilização  da  página; • Recurso  exagerado  de  reticências,  pontos  de  exclamação  e  maiúsculas;  tem   erros  de  pontuação; • Sem  utilização  de  vídeo  e  com  imagens  de  fraca  qualidade; • Imagem  de  capa  cortada  e  sem  valor  acrescentado. ✘ 16
  17. 17. :uma  dentada  no  Prego  Gourmet:uma  dentada  no  Prego  Gourmet 12.999  Seguidores • Potencia  a  interação  com  questões  nos  seus  posts; • Dinamiza  passatempos  para  a  comunidade; • Responde  às  publicações  no  mural  da  página  e  a  comentários; • Tem  e-­‐mail  associado  à  página  de  Facebook  para  eventuais  contactos; • Tem  uma  politica  editorial  diversificada  (não  comunica  apenas  sobre  pregos); • Boa  imagem  de  capa  para  fomentar  o  apetite  dos  Seguidores; • Envolvimento  nos  posts  com  pregos  é  maior  que  nos  restantes  conteúdos. ✓ • Politica  editorial  não  é  regular  (tem  em  média  2/3  posts  por  mês); • Tem  muitos  conteúdos  para  crianças  (que  não  é  o  seu  target); • Página  do  Twitter  não  é  dinamizada  (sem  tweets); • Recurso  exagerado  às  reticências  e  pontos  de  exclamação  no  copy  dos  posts; • A  breve  descrição  poderia  ter  mais  alguma  informação; • Pouco  recurso  a  vídeos;   • O  copy  de  alguns  posts  é  demasiado  extenso; • Não  tem  termos  e  condições  de  utilização  da  página  nem  aplicações. ✘ 17
  18. 18. :uma  pitada  de  Miit:uma  pitada  de  Miit 1.502  Seguidores • Potencia  a  interação  com  questões  nos  seus  posts; • Responde  às  publicações  no  mural  da  página  e  a  comentários; • Tem  uma  politica  editorial  diversificada  (não  comunica  apenas  sobre  carne); • Conteúdo  visual  apelativo; • Boa  imagem  de  capa  para  fomentar  o  apetite  dos  Seguidores  e  faz  alusão  ao   slogan  da  marca. ✓ • Politica  editorial  não  é  regular  (tem  em  média  2/3  posts  por  mês); • Não  existe  coerência  no  tom  de  comunicação:  utiliza  3  formas  de  tratamento   distintas  -­‐ “Tu”,  Você”  e  “Vocês”. • Não  tem  e-­‐mail  de  contacto  associado; • Recurso  exagerado  aos  pontos  de  exclamação  no  copy  dos  posts; • Não  tem  qualquer  conteúdo  com  vídeo  e  não  desenvolve  passatempos; • Não  tem  termos  e  condições  de  utilização  da  página  nem  aplicações. ✘ 18
  19. 19. :o  digital  é  o  nosso  ingrediente  principal:o  digital  é  o  nosso  ingrediente  principal 1 2 3 • Notoriedade  (ainda  existem  muitas  pessoas   que  não  conhecem  o  slow) KPI: número  de  menções  no  Twitter;  referências  à  marca  na  internet;  número   de  seguidores  nas  várias  páginas;  avaliação  do  alcance  orgânico  dos  posts. • Atrair  novos  consumidores  ao  restaurante KPI:  através  de  uma  campanha  comunicada  apenas  nas  Redes  Sociais,  medir   quantos  Clientes  vão  ao  restaurante  usufruir  da  promoção. • Desmistificar  o  processo  de  confeção  da  carne  a  baixas  temperaturas KPI:  taxa  de  interação  nos  posts  sobre  este  tipo  de  conteúdos;  análise   quantitativa  e  qualitativa  dos  comentários  recebidos. 4 • Utilizar  as  Redes  Sociais  para  comunicar  as  vantagens  da  app KPI:  n.º  de  downloads   da  app  via  Facebook  (campanha  de  Facebook   advertising). 5 • Ilustrar  os  benefícios  do  produto KPI:  volume  de  vendas;  interação  com  os  posts  (partilhas);  n.º  de  novos   seguidores  nas  redes  sociais. Objetivos  da  presença  do  Slow  nas  Redes  Sociais 19
  20. 20. :as  Clientes  são  o  segredo  da  nossa  cozinha:as  Clientes  são  o  segredo  da  nossa  cozinha Marta,  45  anos,  Gerente  da  Agência  do  Millennium  BCP  na   zona  de  Benfica,  reside  em  Alfragide  num  apartamento  T3   espaçoso  com  o  seu  marido  e  as  suas  duas  filhas. Marta  é  uma  mulher  moderna  que  gosta  de  se  vestir  bem  seja  durante  a   atividade  profissional   no  banco,  quer  durante  o  fim-­‐de-­‐semana  de  forma  mais   casual.   Preocupa-­‐se  com  a  forma  física  e  vai  regularmente  ao  ginásio  Solinca    (2  vezes   por  semana).  É  fã  das  aulas  de  Pilates  e  atualmente  investiu  num  Personal  Trainer   porque  sente  que  tem  uns  quilinhos   a  mais.  Com  a  chegada  da  época  balnear  e   com  as  férias  no  Algarve  quer  recuperar  o  tempo  perdido. Marta  assume-­‐se  com  uma  mulher  que  gosta  de  fazer  compras,  principalmente   de  roupa,  e  por  isso  frequenta  assiduamente  de  Centros  Comerciais  pois  gosta  de   estar  sempre  atualizada  sobre  as  novas  tendências  de  moda. Como  é  mãe  de  família  e  o  tempo  é  escasso,  Marta  é  adepta  de  uma  refeição   rápida  mas  prefere  comer  algo  com  qualidade  e  saudável  do  que  propriamente   almoçar  uma  simples   salada  ou  uma  sandes.  Desde  pequena  que  Marta  não   gosta  de  fast  food  e  só  recorre  mesmo  ao  McDonald’s  esporadicamente  para   fazer  a  vontade  das  filhas. Tem  o  hábito  diário  de  visitar  alguns  sites  de  marcas  de  roupa  (como  a  Zara  e  a   Lanidor)  e  gosta  de  ler  alguns  blogues  sobre  moda  e  de  mães.  Marta  utiliza  as   redes  sociais  para  falar  com  as  suas  amigas  e  combinar  programas  de  fim-­‐de-­‐ semana  ou  mesmo  uma  ida  ao  cinema  ou  ao  teatro. 20
  21. 21. Diogo,  32  anos,  Engenheiro  Informático  de  formação  e   profissão,  mudou-­‐se   recentemente  para  um  apartamento  na   zona  do  Bonfim  no  Porto,  onde  vive  sozinho  com  o  seu  cão   Labrador. Diogo  é  sócio  do  FC  Porto  desde  criança  e  vai  de  forma  frequentemente  ao   Estádio  assistir  aos  jogos  com  os  Colegas  de  trabalho. Tem  namorada  mas  não  pensa  para  já  em  casar  e  ter  filhos  porque  acha  que   ainda  é  novo  para  isso.  Diogo  tem  um  emprego  estável  na  Novabase  no  Porto  e   gosta  de  sair  à  noite  entre  amigos  pois  não  abdica  do  convívio  e  momentos  de   lazer. Recentemente  começou  a  praticar  paddel  com  um  grupo  de  amigos  da   Universidade  e  embora  não  tenha  grandes  preocupações  com  a  alimentação,  a   verdade  é  que  prefere  comer  algo  consistente  e  no  prato,  pois  aproveita  esse   momento  para  colocar  a  conversa  em  dia  com  os  seus  amigos  ou  para  ver  as   notícias  através  do  smartphone.  O  seu  lema  é  comer  bem  a  um  preço  acessível. É  um  homem  que  não  liga  muito  a  roupa  mas  adora  gadgets  e  por  isso  sempre   que  pode  visita  a  Fnac  para  conhecer  as  novas  tendências  tecnológicas  e  as   promoções  do  mês.  Para  além  disso,   tem  de  fazer  as  suas  compras  domésticas  e   recorre  sempre  às  grandes  superfícies  comerciais  por  ser  mais  rápido  e  cómodo.   Confessa-­‐se   um  fã  do  cartão  continente. Diogo  consome  toda  a  informação  através  da  internet,  essencialmente  notícias   desportivas  e  gadgets,  e  também  gosta  de  comprar  online  pela  comodidade   associada.  Considera-­‐se  um  homem  da  nova  era  porque  foi  dos  primeiros  a  ter   perfil  no  Facebook. 21 :os  Clientes  são  o  segredo  da  nossa  cozinha:os  Clientes  são  o  segredo  da  nossa  cozinha
  22. 22. :personalidade  saborosa  e  intensa:personalidade  saborosa  e  intensa Missão  nas  Redes  Sociais Num  serviço  rápido  e  barato  oferece  carnes  que  estiveram  a  cozinhar  longas   horas  a  baixa  temperatura  até  se  desfazerem. • Imagem  sofisticada  e  moderna; • Atendimento  rápido  e  eficiente; • Inovação  no  processo  de  confeção; • Um  prato  da  autoria  do  Cliente  (tipo  de  carne;   acompanhamentos  e  molhos); • Ementa  única  e  simples; • Não  é  percecionado  como  fast  food; • Comida  saudável; • Dá  ofertas  através  da  utilização  da  app. • “O  meu  bife  está  tão  duro  que  parece  sola  de  sapato” • “A  minha  carne  está  cheia  de  gordura” • “Não  gosto  nada  dos  acompanhamentos  do  meu  prato” • “Demoram  tanto  tempo  a  servir  o  prato  que  fico  sem  apetite” • “É  tão  caro  comer  um  bom  naco  de  carne” • “Nos  Centros  Comerciais  come-­‐se  tão  mal” Eixos  de  Comunicação 22
  23. 23. uma  maneira  inteligente   de  interagir 23
  24. 24. :falamos  consigo  e  para  si:falamos  consigo  e  para  si Tom  de  Comunicação • Somos  Especialistas  na  arte  de  cozinhar  carne; • Utilizar  o  “Nós”  em  vez  de  “o  slow”; • Forma  de  tratamento:  imperativo  -­‐ 3ª  pessoa  do  singular; • Fazer  questões  nos  posts  para  fomentar  à  participação  dos  Fãs; • Alguns  posts  devem  ter  um  tom  mais  “fun”. • Posts  curtos  e  com  uma  linguagem  simples; • Apostar  em  vídeo  marketing  para  desmistificar  a  ideia  da  confeção  da  carne; • Desenvolver  dinâmicas  de  utilização  de  conteúdos  partilhados  pelos  Clientes   para  gerar  o  próprio  conteúdo  do  Slow  nas  redes  sociais; • Ter  um  cozinheiro  a  responder  aos  Fãs  sobre  questões/dúvidas   relativamente   ao  processo  de  confeção  da  carne  e  à  qualidade  dos  alimentos. Formas  de  Comunicação Chef  Hugo  Cardoso,  especializado  na   confeção  de  carne  a  baixas  temperaturas. 24
  25. 25. :o  nosso  fondue  das  redes  sociais:o  nosso  fondue  das  redes  sociais • Rede  Social  principal  com  conteúdos  diversificados  e  em  alguns  casos  com  links   diretos  para  o  site  e  blog; • Desenvolver  uma  app  de  passatempos  integrada  na  app  H3  disponível   através   da  página. • Partilha  de  conteúdos  visuais  dos  pratos  confecionados  e  dos  diversos   restaurantes    espalhados  pelo  país; • Fomentar  junto  dos  Clientes  a  partilha  de  fotografias  com  a  hashtag  #slowpt • Blog  especializado  em  confeção  de  carnes  a  baixas  temperaturas  com  dicas,   informações  e  receitas  por  um  Chef  convidado  (integrado  no  site); • Estratégia  forte  de  posicionamento   SEO  para  dar  relevância  aos  conteúdos  via   pesquisas   google. • Numa  fase  inicial  desinvestir  no  Twitter,  LinkedIn  e  Google+ 25
  26. 26. 1.  Estamos  presentes  nas  Redes   Sociais  de  forma  coerente  e   estruturada 2.  Ser  ativo,  gerar  conteúdo  relevante   e  interagir  com  a  Comunidade 3.  Monitorizar  e  estar  atento/a  a   “sinais”  dos  Clientes  e  Prospects 4.  Tornar-­se  uma  referência  no   mercado  da  restauração  e  ser   recomendado Estratégia  de  Redes  Sociais :grão  a  grão  enche  a  galinha  o  papo:grão  a  grão  enche  a  galinha  o  papo 26
  27. 27. Alterar  a  imagem  de  capa   do  Facebook Desenvolver  termos  e   condições  de  utilização Ter  um  formulário  de   contacto Interagir  com  os   Seguidores Lançamento  da  conta  de   Instagram A  implementar A  monitorizar 1.  Avaliar 2.   Aprendizagem 3.Best-­‐ practices 4.  Melhoria   Contínua A  melhorar Desenvolver  Blog  e   estratégia  de  SEO Plano  editorial  mensal Construir  ficheiro  de   respostas-­‐tipo   Alinhar  a  estratégia  da  presença  nas  Redes  Sociais  com  os  objetivos  e  resultados Desenvolver  App  para  o   Facebook Associar  a  Marca  ao  H3   27 :o  masterchef  das  Redes  Sociais:o  masterchef  das  Redes  Sociais
  28. 28. :carne  a  desfazer-­‐se  durante  todo  o  ano:carne  a  desfazer-­‐se  durante  todo  o  ano Periodicidade  editorial • Facebook:  no  mínimo  1  post  por  dia • Instagram:  uma  foto  por  dia  (depende  das  publicações  dos  Clientes) • Blog:  Rubrica  semanal   Verão Aniversário Slow Natal • Campanha  “Partilhe  o  momento  de  saborear  as  nossas  carnes”  – oferta  de  um  gelado  slow  para  quem  trouxer  acompanhante • Passatempo  criativo  de  partilha  de  fotos/vídeos  do  seu  momento   slow  (no  Facebook  e  Instagram). • Dinamização da iniciativa via Redes Sociais da oferta de um menu grátis para o Cliente n.º xxx de cada loja (é divulgado o n.º premiado através do Facebook durante todos os dias da semana). • Forte comunicação via redes sociais do lançamento do menu de Natal que inclui perú cozinhado a baixas temperaturas; • Dinamização nas redes sociais da iniciativa: “Traga o seu filho a comer no Slow e pague apenas a sua refeição. Todos  os   meses • O Cliente com maior n.º de refeições no ranking mensal ganha um tablet. 28
  29. 29. :o  meu  padrinho  como  exemplo  a  seguir:o  meu  padrinho  como  exemplo  a  seguir 29 Cheguei  ao  mundo  uns  anos  após  o  meu  padrinho  que  me  recebeu  de  braços   abertos  e  nunca  me  viu  como  um  rival. Para  mim  ele  é  um  exemplo  crasso  de  sucesso  e  embora  me  encontre  a  dar  os   primeiros  passos,  confesso  que  gostaria  de  ter  um  percurso  semelhante,  de   modo  a  alcançar  a  sua  notoriedade  e  reputação. Slow  e  H3   como   parceiros • Associar  o  Slow  ao  H3  de  forma  a  beneficiar  da  sua  notoriedade  no   mercado  da  restauração  e  para  dar  maior  credibilidade  ao   primeiro; • Apostar  em  vídeos  curtos  para  fomentar  esta  relação  e  tornar  o   slow  mais  conhecido  e  falado  nas  redes  sociais;   • A  gestão  de  conteúdos  de  ambas  as  marcas  deverão  incluir  posts   em  que  fazem  se  referem  mutuamente pois  a  maioria  das  pessoas   desconhece  que  pertencem  ao  mesmo  grupo.
  30. 30. :3  molhos  extra:3  molhos  extra Captação  de  mais  Gostos • Campanhas  pontuais  (1xmês) para  dar  a  conhecer  a  página  a  um  público   segmentado  (conforme  o  target  identificado)  e  angariar  mais  Seguidores. Campanhas  de  Facebook  Ads Download  da  App • Campanhas  pontuais  para  download  direto  da  App,  elencando  as  vantagens   da  utilização da  mesma. Fomentar  a  interação • Em  alguns  posts  (os  que  requerem  interação)  apostar-­‐se-­‐á  em  campanhas   direcionadas  para  fomentar  a  participação  (por  exemplo:  lançamento  de   um  novo  menu;  abertura  de  um  novo  restaurante;   passatempos/dinâmicas;...) 30
  31. 31. :o  maior  slow  de  Portugal:o  maior  slow  de  Portugal Objetivo Target Quando Aumentar  o  n.º  de  Fãs  no  Facebook; Angariar  novos  Clientes; Aumenta  as  vendas; Fomentar  a  utilização  da  app. Apenas Clientes com smartphone e app instalada Todos os Meses Dinâmica Todos  os  meses  verificamos  qual  dos  Clientes  obteve  maior  n.º  de   refeições  nos  Restaurantes  Slow  através  da  app; Fomentar  o  conceito  de  gamification  (todos  as  semanas  comunicamos   o  Top3  para  fomentar  a  competitividade).   Prémio Tablet e rubrica com o vencedor/a a partilhar a experiência nas Redes Sociais do Slow. 31
  32. 32. :sopramos  as  velas  consigo:sopramos  as  velas  consigo Objetivo Target Quando Aumentar  o  n.º  de  Seguidores  no  Facebook; Aumentar  o  reach  orgânico  no  Facebook; Angariar  novos  Clientes; Aumentar  as  vendas  durante  essa  semana. Todos os Clientes Todos os dias durante a semana do aniversário do slow. Dinâmica Dinamização da iniciativa via Redes Sociais da oferta de um menu grátis para o Cliente n.º xxx de cada loja (é divulgado o n.º premiado através de post no Facebook durante a manhã. Prémio Um menu grátis em todos os Restaurantes para um Cliente (com direito a Pavlova que representa o bolo de aniversário slow) 32
  33. 33. “Pessoas influenciam pessoas. Nada é mais influente do que uma recomendação de alguém de confiança. Essa fonte confiável pode influenciar uma pessoa mais do que qualquer tipo de mensagem em qualquer meio tradicional.” Mark  Zuckerberg  – Fundador e  CEO  Facebook 33

×