Gika E Any

498 visualizações

Publicada em

Publicada em: Diversão e humor, Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
498
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gika E Any

  1. 1. ALUNAS: ANIELLY SIMPLICIO, GIOVANA PAHL. PROFESSOR: PABLO VARELA. PRONOMES POSSESSIVOS
  2. 2. Pronomes Possessivos <ul><li>São aqueles que se referem às pessoas do discurso, indicando idéias de posse. </li></ul><ul><li>Ex.: Posso usar sua blusa? </li></ul><ul><li>Variam em gênero,número e pessoa. </li></ul>
  3. 3. Número Pessoa Pronomes Possessivos Singular Primeira - EU meu, minha, meus, minhas Segunda -TU teu, tua, teus, tuas Terceira – ELE/ELA seu, sua, seus, suas Plural Primeira - NÓS nosso, nossa, nossos, nossas Segunda - VÓS vosso, vossa, vossos, vossas Terceira –ELES/ELAS seu, sua, seus, suas
  4. 4. <ul><li>Os pronomes possessivos concordam em gênero e número com a coisa possuída , e em pessoa com o possuidor . </li></ul><ul><li>Exs.: </li></ul><ul><li>Quebrei meu relógio. (eu) </li></ul><ul><li>Fizeste tua roupa? (tu) </li></ul><ul><li>Compramos nosso apartamento. (nós) </li></ul><ul><li>Quando o pronome possessivo determina mais de um substantivo, ele deverá concordar em gênero e número com o substantivo mais próximo. </li></ul><ul><li>Ex.: </li></ul><ul><li>Vou lavar meu tênis e bolsa. </li></ul>
  5. 5. EMPREGO DOS PRONOMES POSSESSIVOS <ul><li>- seu: a utilização do pronome seu (e flexões) pode gerar frases ambíguas, podemos ter dúvidas quanto ao possuidor. </li></ul><ul><li>Exs.: Ele não aceitou sua reprovação. </li></ul><ul><li> (reprovação de quem? da pessoa de quem se fala? da pessoa com quem se fala?) </li></ul><ul><li>Para evitar esse tipo de ambigüidade, usa-se dele. (dela, deles, delas). </li></ul><ul><li>Exs.: Ele não aceitou a reprovação dela . </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Existem casos em que o pronome possessivo não exprime propriamente idéia de posse, e sim para indicar aproximação, afeto ou respeito. </li></ul><ul><li>Exs.: </li></ul><ul><li>*~ Aquela mulher deve ter seus quarenta anos. (aproximação) *~ Meu amor cuide melhor de sua família. (afeto) *~ Sente-se aqui meu senhor. (respeito) </li></ul><ul><li>- seu: anteposto a nomes próprios não é possessivo, mas uma alteração fonética de Senhor. </li></ul><ul><li>Ex.: Seu Pedro, o senhor gostaria de vender sua casa? </li></ul>
  7. 7. <ul><li>Antes de nomes que indicam partes do corpo, peças de vestuário e faculdades de espírito, não usamos o pronome possessivo. </li></ul><ul><li>Exs.: </li></ul><ul><li>Quebrei o braço. ( e não – Quebrei o meu braço.) </li></ul><ul><li>Pedro sujou a calça. ( e não – Pedro sujou a calça dele.)  </li></ul><ul><li>Perdi os sentidos. ( e não – Perdi os meus sentidos.) </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Me, te, nos, vos, lhe, lhes podem representar, em certas ocasiões, idéia de posse. </li></ul><ul><li>Exs.: </li></ul><ul><li>Roubaram- me o carro. (Roubaram o meu carro) </li></ul><ul><li>Cortaram- te as roupas. (Cortaram as tuas roupas) </li></ul>
  9. 9. <ul><li>FIM. </li></ul>

×