Tutorial pauta

482 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
482
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tutorial pauta

  1. 1. LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 Como produzir conteúdo multimídia para a internetsubprojeto 3Mapeamento de Serviços Públicos Locais para celular e Internet: Unindo Inclusão Digital, Aprendizagem da Línguae Exercício da Cidadania em Atividades Extracurriculares
  2. 2. 2 LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet Novos Talentos - Capes - UFTM Lembra daquela receita de bolo que sua avóO QUE É E COMO SE FAZ UMA PAUTA JORNALÍSTICA 1. Pré-informações guardou, passou para sua tia, que passou para sua Neste primeiro tópico, você deve inserir todas as informações que pesquisou sobre o assunto mãe, que, por sua vez, passou para você? e que já tem em mãos. Essa pesquisa prévia vai auxiliar a elaborar perguntas para o entrevis- A receita, de tão famosa, é passada de ge- tado, conforme o objetivo da matéria. ração para geração e contém o passo-a-passo da Para achar as pré-informações que precisa, você pode recorrer a sites na internet, mas sem- produção do bolo. pre tomando cuidado com a origem da informação consultada. Geralmente, sites de órgãos e Em certa medida, podemos comparar a pauta com instituições do governo são mais confiáveis. Os meios de comunicação também podem ser consultados. Mas procure confrontar os dados uma receita de bolo compartilhada entre as várias de um veículo com outro e busque a ajuda de uma pessoa mais experiente se precisar. Este gerações de jornalistas, já que a pauta também con- processo se chama apuração e é muito importante para garantir a credibilidade à sua matéria tém um passo-a-passo a ser seguido para elabora- jornalística. É pela credibilidade que ganhamos a confiança do público. ção da reportagem. É um guia para o início da produção jornalística. 2. Fontes para entrevista Independentemente do tipo de veículo para Pense nas pessoas para as quais você poderia fazer perguntas sobre o assunto que está o qual a notícia vai ser produzida, a pauta devem apurando. Encontre o nome completo, a função, o e-mail e o telefone dessas pessoas. Lem- bre-se: a fonte deve ser a mais oficial possível. Para falar sobre o funcionamento de uma es- conter informações básicas sobre o fato, sugestão cola, você entrevistaria quem? O professor de uma disciplina específica ou o diretor da de entrevistados e questões a serem respondidas. instituição? Quem teria mais informações precisas? Procure entrevistar mais de uma pessoa, Tudo isso pode ser planejado ou surgir com impro- para dar mais pluralidade à sua notícia. viso, já que os fatos nem sempre são previsíveis. Um terremoto, por exemplo, só vira pauta na hora 3. Perguntas importantes em que acontece. Já a cobertura de um evento pro- Depois de definir apurar o assunto e definir as fontes, você deve elaborar as perguntas para os entrevistados. Neste momento, é importante pensar em perguntas que reflitam o que o gramado como as comemorações do 7 de Setembro seu público precisa saber. Não adianta fazer uma reportagem para crianças perguntando coi- em Brasília pode ser planejada com antecedência. sas que são mais relevantes para adultos, por exemplo. Cada veículo de comunicação elabora a sua Quando estiver elaborando as perguntas, tome três cuidados: “receita” de pauta, que não precisa seguir uma es- - Pense se a questão trará uma resposta relevante para o público da notícia; trutura rígida: o repórter pode modificá-la, sugerir ou- - Certifique-se de que você não está fazendo uma pergunta óbvia demais, que todo mundo tros entrevistados e até mudar a ideia inicial do que já sabe a resposta; havia sido planejado. Quem faz notícia para TV tam- - Analise sua pergunta não irá obter do entrevistado apenas um “sim” ou “não” como res- posta. Assim, por exemplo, se você perguntar “o senhor acha importante que os jovens fre- bém precisa planejar as imagens que serão produ- quentem o Ponto de Cultura?”, sua resposta provavelmente será um simples “sim”.Por outro zidas, o que não é o caso para quem faz pauta para lado, se você perguntar “qual é a importância do jovem frequentar o Ponto de Cultura?”, pro- o rádio. vavelmente terá uma resposta mais interessante e relevante para o seu público. Veja no quadro ao lado o que você deve in- cluir na estrutura básica de uma pauta.
  3. 3. 3 LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 - Como produzir conteúdo multimídia para a internet Novos Talentos - Capes - UFTM Pauta: Importância dos Conselhos públicos de saúde para fiscalizar e discutir políticas públicas para a área PRÉ-INFORMAÇÕES FONTES PARA PERGUNTAS ENTREVISTA Todos os estados e municípios devem • Presidente do Conselho Para o presidente do CMS: ter conselhos de saúde. Esses órgãos Municipal de Saúde; - Quantas reuniões são realizadas, quantas pessoas compõem o conselho e funcionam como fiscais da aplicação • Secretário da Saúde; como são eleitas? dos recursos públicos em saúde, recur- • Membros do conselho; - O Conselho acompanha as verbas destinadas pela União? Como as fisca-A PAUTA JORNALÍSTICA NA PRÁTICA sos que devem ser destinados a cons- • Usuários dos serviços de liza? truir novos hospitais, prontos-socorros, - Quais são os problemas que o município enfrenta para implementar as políti- saúde à contratação de mais médicos etc. cas públicas para saúde? •Especialista em saúde pú- O principal financiador da saúde, em - Como o Conselho tem fiscalizado a qualidade dessas políticas? blica (pode ser um pesqui- qualquer Estado ou município, é a Para o secretário de saúde: sador de uma União. Assim, metade dos gastos é - Qual importância da atuação do Conselho para aplicar as políticas de saúde feita pelo governo federal e a outra me- universidade) da cidade? tade fica por conta dos estados e muni- - O Conselho tem influenciado nas decisões políticas? cípios. A União também formula Lembre-se de obter o nome - Qual foi a última recomendação do Conselho? políticas nacionais, mas a implementa- completo e um e-mail e te- Para membros do conselho: ção é feita por seus parceiros (estados, lefone dessas pessoas. - Você atua no Conselho há quanto tempo? municípios, ONGs e iniciativa privada). - O que defende para a área de saúde do município? Por sua vez, os conselhos atuam de - Qual é o papel do conselho na solução dos problemas e no fortalecimento maneira a garantir que a verba esteja das políticas públicas para a saúde? sendo aplicada corretamente e que as Para usuários dos serviços: políticas estão conseguindo atender as -Você já participou de alguma reunião do Conselho? Sabe qual sua utilidade? necessidades da população. Mas será - Na sua opinião, o que falta ao município fazer para melhorar o atendimento que o conselho do nosso município e serviços de Saúde à população? está ativo e está desempenhando Especialista em saúde pública: estes papéis? - Como o Conselho de Saúde deve agir para desenvolver as políticas de saúde do município?
  4. 4. LINGUAGEM JORNALÍSTICAS E FERRAMENTAS WEB 2.0 Como produzir conteúdo multimídia para a internetEste material material foi produzido pela equipe do programa “Universidade Aberta à Escola Pública”, subprojeto 3 “Mapeamento de Servi-ços Públicos Locais para celular e Internet: Unindo Inclusão Digital, Aprendizagem da Língua e Exercício da Cidadania em Ativida-des Extracurriculares”, executado pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro com recursos da Coordenação de Aperfeiçoamento dePessoal de Nível Superior (Capes), com recursos do edital CAPES/DEB Nº 033/2010 - Programa de Apoio a Projetos Extracurriculares: In-vestindo em Novos Talentos da Rede de Educação Pública para Inclusão Social e Desenvolvimento da Cultura Científica.Coordenação institucional: Dra. Alexandra Bujokas de SiqueiraEquipe do sub-projeto 3: Dra. Alexandra Bujokas de Siqueira (coordenadora), Dr. Fábio César da Fonseca, Dra. Martha Maria PrataLinhares e Dra. Natália Morato Fernandes.Apoio:Pró-reitoria de EnsinoPró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduaçãoCentro de Educação a Distância e Aprendizagem com Tecnologias de Informação e Comunicação - CeadGrupo de pesquisa “Educação, Mídia, Cultura e Novas Cidadanias”Laboratório de Mídia-educaçãoProdução do conteúdo: Mariana Pícaro CerigattoEditoração: Alexandra Bujokas de Siqueira

×