SlideShare uma empresa Scribd logo
Vulcoes
COMO E QUANDO SURGIRAM OS VULCÕES?


                    Vulcões e fenómenos vulcânicos




      origem das rochas            hidrosfera         atmosfera




               primeiros tempos da Terra        até hoje
COMO E QUANDO SURGIRAM OS VULCÕES?

Os vulcões são construídos por lavas e gases. As lavas solidificaram e
formaram novas rochas, que são os continentes e os fundos dos
oceanos.
Os gases mantêm o equilíbrio da atmosfera.
COMO SÃO OS VULCÕES?
Os vulcões podem ter várias formas, mas têm uma estrutura parecida.
Os vulcões são constituídos por câmara magmática, chaminé, cratera e
cone vulcânico.
O magma, antes de ser lava, passa por uma chaminé e depois é que se
transforma em lava. Quando chega ao cimo da terra transforma-se em
lava.
Por causa dos sismos, as fendas abrem-se na crosta. Estas fendas
chegam até à câmara magmática ou ficam lá perto. Por vezes fazem
com que o magma suba pelas fendas. Estas ficam cada vez mais largas
e formas as chaminés. É pelas chaminés que sai o magma.
COMO SÃO OS VULCÕES?
As câmaras magmáticas localizadas no interior da terra são locais (espécie de
bolsas) onde as rochas (o magma) estão em fusão. Têm entre 5 a 20 km de
profundidade.

Eles podem trazer às pessoas alguns benefícios, apesar da destruição que
também pode causar.
COMO SÃO OS VULCÕES?
É através da chaminé que o magma sobre até à superfície da terra. É expelida
(expulsa) através da cratera, a abertura mais importante do vulcão. Os materiais
que são expulsos ficam à volta da cratera e formam o cone vulcânico.
COMO SÃO OS VULCÕES?
É através da chaminé que o magma sobre até à superfície da terra. É expelida
(expulsa) através da cratera, a abertura mais importante do vulcão. Os materiais
que são expulsos ficam à volta da cratera e formam o cone vulcânico.
QUE TIPOS DE VULCÕES EXISTEM?


                          Tipo de vulcões




                                                Maior ou menor
  Viscosidade da lava   Quantidade de água   quantidade ausencia de
                                                     gases
Atividade dos vulcões

   Efusiva
   •Emitem lavas muito fluídas
     •Com cones vulcânicos mais arredondados ao planados
   •Não provoca muitos danos




    Explosiva
    •Os gases têm dificuldade em libertar-se e como se acumulam provocam
     grandes expulsões.
    •Há emissão de grandes colunas eruptivas que atingem grandes alturas
    •Raio de ação prejudicial muito grande.
    •Os cones vulcânicos, se forem libertados em grandes quantidades podem
     atingir grandes alturas.
    •Grandes chuvas de piroclastos e também se podem formar nuvens
     ardentes ao caldeiras
O QUE É O VULCANISMO?
O vulcanismo é um processo de transferência de materiais do interior para a
superfície da terra. Esses materiais estão sobre a forma do magma.
Ao serem libertados para o exterior esses materiais assumem várias formas:
blocos, bombas vulcânicas, cinzas vulcânicas, as lavas, os gases, vapor de água
associado a dióxido de carbono, zorto e enxofre.
O QUE É O VULCANISMO?

Um vulcão tem uma câmara aonde se acumula o magma, o magma
magnetiza essa câmara a câmara chama-se chaminé. É na cratera que
saem os materiais vulcânicos.
A saída do magma para o exterior pode ocorre através de fendas à
superfície dos continentes ou no fundo dos oceanos ao acumular-se em
redor da abertura, podendo originar um cone vulcânico.
Há dois tipos de vulcanismo: primário e secundário.
O vulcanismo primário corresponde à sua atividade.
O QUE É O VULCANISMO?

                                    Vulcanismo secundário




                              Manifestação de menor intensidade




   Formação de caldeiras de ar quente             Emissão de gases de água quente e vapor
AÇORES - S. MIGUEL – LAGOA DAS SETE CIDADES
O QUE É EXPELIDO DOS VULCÕES?
O QUE SAI DOS VULCÕES?
Dos vulcões são expelidos vários materiais: sólidos, líquidos e gasosos.


           Materiais que saem
              dos vulcões

              Materiais Gasosos
              •São uma mistura de hidrogénio, monoxido de carbono, dióxido de
               carbono, dióxido de enxofre.
              •São libertados sob a forma de nuvens de gases com as cinzas.


               Materiais Líquidos
               •São junção dos materiais sólidos, que se fundem na câmara
                magmática.
               •São libertados com muita força, como se estivessemos a abrir uma
                garrafa de champagne.


              Materiais Sólidos
              •São os pirosclastos.
              •São expelidos para o ar, com a lava e podem atingir grandes alturas.
QUANDO OS VULCÕES NÃO ERAM EM ATIVIDADE, MANIFESTAM-SE DE UMA FORMA
SECUNDÁRIA.




           Manifestações secundárias



            Géiseres
            •emissão regular de jarros e vapor de água
            •a temperatura desta água pode atingir os 90ºC




            Fumarolas
            •são emissões de gases através das fendas (enxofre e dióxido de carbono)
            •estes gases são expulsos mesmo depois do vulcão ter terminado




            Nascentes termais
            * são emissões de água aquecidas por baixo da terra
            * surgem à superfície através de falhas da crosta
GÉISERES
FUMAROLAS
NASCENTES TERMAIS
ONDE É QUE EXISTEM VULCÕES?

Existem cerca de 500 vulcões ativos nos seguintes Países Estados
Unidos da América, na América Central, na América do Sul, no Japão,
nas Filipinas, na Indonésia, na Nova Guiné, na Nova Zelândia, no Havai,
na Itália, na Grécia, na Argélia, em Marrocos, no Quénia, nos Açores,
nas Canárias e na Islândia.
ONDE É QUE EXISTEM VULCÕES?
ONDE É QUE EXISTEM VULCÕES?
EM PORTUGAL EXISTEM VULCÕES?

Os Açores são a região de Portugal que têm vulcões em atividade. Existem
vulcões, nascentes termais e fumarolas.
As ilhas açorianas são de origem vulcânicas.
Os açorianos aproveitam os solos férteis para ter energia elétrica.
Na ilha de S. Miguel, 40% da eletricidade é produzida na ilha do Fogo.
A comida que os açorianos fazem é diferente por causa do vulcão, como o
Cozido à Portuguesa, por exemplo. O tacho é colocado dentro de um saco
que é enterrado em terras quentes nas margens da Lagoa das Furnas.
Esperamos um pouco e depois podemos comer.
EM PORTUGAL EXISTEM VULCÕES?
EM PORTUGAL EXISTEM VULCÕES?

                   Na ilha da Graciosa existem cones
                   vulcânicos, furnas de enxofre e um
                   lago subterrâneo.
                   Na ilha de S. Miguel existem as
                   fumarolas do vale das Furnas.
                   Na ilha do Faial ainda se podem ver os
                   vestígios do vulcão dos Capelinhos.
                   Em 1957 este vulcão entrou em
                   atividade.
                   Na ilha da Terceira existem furnas de
                   enxofre.
                   Nas Flores vemos as colunas
                   basálticas.
CURIOSIDADES SOBRE AS REGIÕES ONDE HÁ VULCÕES


As regiões que têm vulcões, têm os solos muito férteis para a agricultura.
Na Islândia, 77% da população aproveita o aquecimento das águas
geotermais.
MAQUETAS DE VULCÕES




A partir das fotografias destas maquetas construídas pelos alunos da EB 2, 3 e
Secundário de Vialonga que a nossa professora Carmen tirou, nós decidimos
construir uma maqueta.
MAQUETA DO VULCÃO




Construída por nós com material de desperdício ou reutilizável: pasta de papel,
placa de pladour, copos de vidro.
Pintámos com a tinta da turma do Pré-Escolar.
ROCHA VULCÂNICA DA ILHA TERCEIRA - AÇORES
EXPERIÊNCIA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
João Monteiro
 
Seminario de geografia vulcão 1ºb em
Seminario de geografia vulcão   1ºb emSeminario de geografia vulcão   1ºb em
Seminario de geografia vulcão 1ºb em
Vinicius Vasconcelos
 
ErupçõEs Vulcânicas
ErupçõEs VulcânicasErupçõEs Vulcânicas
ErupçõEs Vulcânicas
dulcemarr
 
V - VULCANISMO
V - VULCANISMOV - VULCANISMO
V - VULCANISMO
sandranascimento
 
vulcao
vulcaovulcao
Vulcanismo Primário e Secundário
Vulcanismo Primário e SecundárioVulcanismo Primário e Secundário
Vulcanismo Primário e Secundário
Luís Reguengo
 
Aula 3 tipos de erupções vulcãnicas
Aula 3  tipos de erupções vulcãnicasAula 3  tipos de erupções vulcãnicas
Aula 3 tipos de erupções vulcãnicas
Luís Filipe Marinho
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
Tânia Reis
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
Carla Brígida
 
Vulcanismo 1
Vulcanismo 1 Vulcanismo 1
Vulcanismo 1
celestecardoso1
 
Ciências naturais 7 vulcanismo
Ciências naturais 7   vulcanismoCiências naturais 7   vulcanismo
Ciências naturais 7 vulcanismo
Nuno Correia
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
ivasantos
 
Atividade vulcânica
Atividade vulcânicaAtividade vulcânica
Atividade vulcânica
Sofia Monteiro
 
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs   PiroclastosMateriais Expelidos Pelos VulcõEs   Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs Piroclastos
Nuno Correia
 
Vulcanismo 00
Vulcanismo 00Vulcanismo 00
Vulcanismo 00
Maria Santos
 
Actividade vculcânica 7º ano
Actividade vculcânica 7º anoActividade vculcânica 7º ano
Actividade vculcânica 7º ano
Sofia Ribeiro
 
O vulcão
O vulcãoO vulcão
O vulcão
eddwardfilipe
 
Vi vulcanismo secundario
Vi   vulcanismo secundarioVi   vulcanismo secundario
Vi vulcanismo secundario
sandranascimento
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
Gabriela Bruno
 
Vulcoes(1)
Vulcoes(1)Vulcoes(1)
Vulcoes(1)
Ana Conceição
 

Mais procurados (20)

Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Seminario de geografia vulcão 1ºb em
Seminario de geografia vulcão   1ºb emSeminario de geografia vulcão   1ºb em
Seminario de geografia vulcão 1ºb em
 
ErupçõEs Vulcânicas
ErupçõEs VulcânicasErupçõEs Vulcânicas
ErupçõEs Vulcânicas
 
V - VULCANISMO
V - VULCANISMOV - VULCANISMO
V - VULCANISMO
 
vulcao
vulcaovulcao
vulcao
 
Vulcanismo Primário e Secundário
Vulcanismo Primário e SecundárioVulcanismo Primário e Secundário
Vulcanismo Primário e Secundário
 
Aula 3 tipos de erupções vulcãnicas
Aula 3  tipos de erupções vulcãnicasAula 3  tipos de erupções vulcãnicas
Aula 3 tipos de erupções vulcãnicas
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
 
Vulcanismo 1
Vulcanismo 1 Vulcanismo 1
Vulcanismo 1
 
Ciências naturais 7 vulcanismo
Ciências naturais 7   vulcanismoCiências naturais 7   vulcanismo
Ciências naturais 7 vulcanismo
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
 
Atividade vulcânica
Atividade vulcânicaAtividade vulcânica
Atividade vulcânica
 
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs   PiroclastosMateriais Expelidos Pelos VulcõEs   Piroclastos
Materiais Expelidos Pelos VulcõEs Piroclastos
 
Vulcanismo 00
Vulcanismo 00Vulcanismo 00
Vulcanismo 00
 
Actividade vculcânica 7º ano
Actividade vculcânica 7º anoActividade vculcânica 7º ano
Actividade vculcânica 7º ano
 
O vulcão
O vulcãoO vulcão
O vulcão
 
Vi vulcanismo secundario
Vi   vulcanismo secundarioVi   vulcanismo secundario
Vi vulcanismo secundario
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Vulcoes(1)
Vulcoes(1)Vulcoes(1)
Vulcoes(1)
 

Destaque

Cabo verde
Cabo verdeCabo verde
Cabo verde
Endl Félix Muriel
 
Lava powerpoint
Lava powerpointLava powerpoint
Lava powerpoint
lschmidt1170
 
Vulcanismo e plutonismo
Vulcanismo e plutonismoVulcanismo e plutonismo
Vulcanismo e plutonismo
Wendell Fabrício
 
Uma viagem ao centro da terra
Uma viagem ao centro da terraUma viagem ao centro da terra
Uma viagem ao centro da terra
TaTi Diniz
 
Cabo Verde
Cabo VerdeCabo Verde
Viagem ao centro da Terra
Viagem ao centro da TerraViagem ao centro da Terra
Viagem ao centro da Terra
Vanda Serpa
 
Relatorio de Simulação de Erupções Vulcânicas
Relatorio de Simulação de Erupções VulcânicasRelatorio de Simulação de Erupções Vulcânicas
Relatorio de Simulação de Erupções Vulcânicas
kyzinha
 

Destaque (7)

Cabo verde
Cabo verdeCabo verde
Cabo verde
 
Lava powerpoint
Lava powerpointLava powerpoint
Lava powerpoint
 
Vulcanismo e plutonismo
Vulcanismo e plutonismoVulcanismo e plutonismo
Vulcanismo e plutonismo
 
Uma viagem ao centro da terra
Uma viagem ao centro da terraUma viagem ao centro da terra
Uma viagem ao centro da terra
 
Cabo Verde
Cabo VerdeCabo Verde
Cabo Verde
 
Viagem ao centro da Terra
Viagem ao centro da TerraViagem ao centro da Terra
Viagem ao centro da Terra
 
Relatorio de Simulação de Erupções Vulcânicas
Relatorio de Simulação de Erupções VulcânicasRelatorio de Simulação de Erupções Vulcânicas
Relatorio de Simulação de Erupções Vulcânicas
 

Semelhante a Vulcoes

VULCANOLOGIA.pptx
VULCANOLOGIA.pptxVULCANOLOGIA.pptx
VULCANOLOGIA.pptx
RicardoVasconcelos65
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
Tânia Reis
 
tipos de vulcanismo 7 ano
tipos de vulcanismo 7 anotipos de vulcanismo 7 ano
tipos de vulcanismo 7 ano
David Aps
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
Catir
 
Vulcanismo.pdf
Vulcanismo.pdfVulcanismo.pdf
Vulcanismo.pdf
Paulo Ricardo
 
vulcanismo.ppt
vulcanismo.pptvulcanismo.ppt
vulcanismo.ppt
MikeMicas
 
Vulcanologia
VulcanologiaVulcanologia
Vulcanologia
Gabriela Bruno
 
Atividade vulcânica
Atividade vulcânicaAtividade vulcânica
Atividade vulcânica
Catir
 
vulcanismo
 vulcanismo vulcanismo
vulcanismo
Terceiro Calhau
 
10 vulcanologia
10 vulcanologia10 vulcanologia
10 vulcanologia
Maria João Drumond
 
Vulcanologia
VulcanologiaVulcanologia
Vulcanologia
Leonardo Alves
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
Ana Soares
 
Vulcanologia 1
Vulcanologia 1Vulcanologia 1
Vulcanologia 1
guestbfaae7
 
7 vulcanologia
7   vulcanologia7   vulcanologia
7 vulcanologia
margaridabt
 
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
becastanheiradepera
 
Erupções vulcânicas
Erupções vulcânicas Erupções vulcânicas
Erupções vulcânicas
geocoisas
 
Ap 2 Vulcanismo
Ap 2   VulcanismoAp 2   Vulcanismo
Ap 2 Vulcanismo
essg
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
Ingrid Kunz
 
9 vulcanologia
9   vulcanologia9   vulcanologia
9 vulcanologia
margaridabt
 
vulcanismo
vulcanismovulcanismo
vulcanismo
Cristina
 

Semelhante a Vulcoes (20)

VULCANOLOGIA.pptx
VULCANOLOGIA.pptxVULCANOLOGIA.pptx
VULCANOLOGIA.pptx
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
tipos de vulcanismo 7 ano
tipos de vulcanismo 7 anotipos de vulcanismo 7 ano
tipos de vulcanismo 7 ano
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Vulcanismo.pdf
Vulcanismo.pdfVulcanismo.pdf
Vulcanismo.pdf
 
vulcanismo.ppt
vulcanismo.pptvulcanismo.ppt
vulcanismo.ppt
 
Vulcanologia
VulcanologiaVulcanologia
Vulcanologia
 
Atividade vulcânica
Atividade vulcânicaAtividade vulcânica
Atividade vulcânica
 
vulcanismo
 vulcanismo vulcanismo
vulcanismo
 
10 vulcanologia
10 vulcanologia10 vulcanologia
10 vulcanologia
 
Vulcanologia
VulcanologiaVulcanologia
Vulcanologia
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Vulcanologia 1
Vulcanologia 1Vulcanologia 1
Vulcanologia 1
 
7 vulcanologia
7   vulcanologia7   vulcanologia
7 vulcanologia
 
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
V vulces-131125061934-phpapp02 (1)
 
Erupções vulcânicas
Erupções vulcânicas Erupções vulcânicas
Erupções vulcânicas
 
Ap 2 Vulcanismo
Ap 2   VulcanismoAp 2   Vulcanismo
Ap 2 Vulcanismo
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
 
9 vulcanologia
9   vulcanologia9   vulcanologia
9 vulcanologia
 
vulcanismo
vulcanismovulcanismo
vulcanismo
 

Mais de turmabgranja

2013 livros curso4ano_isabelmarcelino
2013 livros curso4ano_isabelmarcelino2013 livros curso4ano_isabelmarcelino
2013 livros curso4ano_isabelmarcelino
turmabgranja
 
2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf
2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf
2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf
turmabgranja
 
2013 livros curso4ano_dianafaria
2013 livros curso4ano_dianafaria2013 livros curso4ano_dianafaria
2013 livros curso4ano_dianafaria
turmabgranja
 
Livro de Curso Daniel Cruz
Livro de Curso Daniel CruzLivro de Curso Daniel Cruz
Livro de Curso Daniel Cruz
turmabgranja
 
Apresentacao acantonamento
Apresentacao acantonamentoApresentacao acantonamento
Apresentacao acantonamento
turmabgranja
 
Historia de amor
Historia de amorHistoria de amor
Historia de amor
turmabgranja
 
Historias c amor_dentro
Historias c amor_dentroHistorias c amor_dentro
Historias c amor_dentro
turmabgranja
 
Padroes circulares1
Padroes circulares1Padroes circulares1
Padroes circulares1
turmabgranja
 

Mais de turmabgranja (10)

2013 livros curso4ano_isabelmarcelino
2013 livros curso4ano_isabelmarcelino2013 livros curso4ano_isabelmarcelino
2013 livros curso4ano_isabelmarcelino
 
2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf
2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf
2013 livros curso4ano_soraiavinagreiropdf
 
2013 livros curso4ano_dianafaria
2013 livros curso4ano_dianafaria2013 livros curso4ano_dianafaria
2013 livros curso4ano_dianafaria
 
Livro de Curso Daniel Cruz
Livro de Curso Daniel CruzLivro de Curso Daniel Cruz
Livro de Curso Daniel Cruz
 
Apresentacao acantonamento
Apresentacao acantonamentoApresentacao acantonamento
Apresentacao acantonamento
 
Historia de amor
Historia de amorHistoria de amor
Historia de amor
 
Historias c amor_dentro
Historias c amor_dentroHistorias c amor_dentro
Historias c amor_dentro
 
Sol
SolSol
Sol
 
Planetas
PlanetasPlanetas
Planetas
 
Padroes circulares1
Padroes circulares1Padroes circulares1
Padroes circulares1
 

Último

apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 

Último (20)

apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 

Vulcoes

  • 2. COMO E QUANDO SURGIRAM OS VULCÕES? Vulcões e fenómenos vulcânicos origem das rochas hidrosfera atmosfera primeiros tempos da Terra até hoje
  • 3. COMO E QUANDO SURGIRAM OS VULCÕES? Os vulcões são construídos por lavas e gases. As lavas solidificaram e formaram novas rochas, que são os continentes e os fundos dos oceanos. Os gases mantêm o equilíbrio da atmosfera.
  • 4. COMO SÃO OS VULCÕES? Os vulcões podem ter várias formas, mas têm uma estrutura parecida. Os vulcões são constituídos por câmara magmática, chaminé, cratera e cone vulcânico. O magma, antes de ser lava, passa por uma chaminé e depois é que se transforma em lava. Quando chega ao cimo da terra transforma-se em lava. Por causa dos sismos, as fendas abrem-se na crosta. Estas fendas chegam até à câmara magmática ou ficam lá perto. Por vezes fazem com que o magma suba pelas fendas. Estas ficam cada vez mais largas e formas as chaminés. É pelas chaminés que sai o magma.
  • 5. COMO SÃO OS VULCÕES? As câmaras magmáticas localizadas no interior da terra são locais (espécie de bolsas) onde as rochas (o magma) estão em fusão. Têm entre 5 a 20 km de profundidade. Eles podem trazer às pessoas alguns benefícios, apesar da destruição que também pode causar.
  • 6. COMO SÃO OS VULCÕES? É através da chaminé que o magma sobre até à superfície da terra. É expelida (expulsa) através da cratera, a abertura mais importante do vulcão. Os materiais que são expulsos ficam à volta da cratera e formam o cone vulcânico.
  • 7. COMO SÃO OS VULCÕES? É através da chaminé que o magma sobre até à superfície da terra. É expelida (expulsa) através da cratera, a abertura mais importante do vulcão. Os materiais que são expulsos ficam à volta da cratera e formam o cone vulcânico.
  • 8. QUE TIPOS DE VULCÕES EXISTEM? Tipo de vulcões Maior ou menor Viscosidade da lava Quantidade de água quantidade ausencia de gases
  • 9. Atividade dos vulcões Efusiva •Emitem lavas muito fluídas •Com cones vulcânicos mais arredondados ao planados •Não provoca muitos danos Explosiva •Os gases têm dificuldade em libertar-se e como se acumulam provocam grandes expulsões. •Há emissão de grandes colunas eruptivas que atingem grandes alturas •Raio de ação prejudicial muito grande. •Os cones vulcânicos, se forem libertados em grandes quantidades podem atingir grandes alturas. •Grandes chuvas de piroclastos e também se podem formar nuvens ardentes ao caldeiras
  • 10. O QUE É O VULCANISMO? O vulcanismo é um processo de transferência de materiais do interior para a superfície da terra. Esses materiais estão sobre a forma do magma. Ao serem libertados para o exterior esses materiais assumem várias formas: blocos, bombas vulcânicas, cinzas vulcânicas, as lavas, os gases, vapor de água associado a dióxido de carbono, zorto e enxofre.
  • 11. O QUE É O VULCANISMO? Um vulcão tem uma câmara aonde se acumula o magma, o magma magnetiza essa câmara a câmara chama-se chaminé. É na cratera que saem os materiais vulcânicos. A saída do magma para o exterior pode ocorre através de fendas à superfície dos continentes ou no fundo dos oceanos ao acumular-se em redor da abertura, podendo originar um cone vulcânico. Há dois tipos de vulcanismo: primário e secundário. O vulcanismo primário corresponde à sua atividade.
  • 12. O QUE É O VULCANISMO? Vulcanismo secundário Manifestação de menor intensidade Formação de caldeiras de ar quente Emissão de gases de água quente e vapor
  • 13. AÇORES - S. MIGUEL – LAGOA DAS SETE CIDADES
  • 14. O QUE É EXPELIDO DOS VULCÕES? O QUE SAI DOS VULCÕES? Dos vulcões são expelidos vários materiais: sólidos, líquidos e gasosos. Materiais que saem dos vulcões Materiais Gasosos •São uma mistura de hidrogénio, monoxido de carbono, dióxido de carbono, dióxido de enxofre. •São libertados sob a forma de nuvens de gases com as cinzas. Materiais Líquidos •São junção dos materiais sólidos, que se fundem na câmara magmática. •São libertados com muita força, como se estivessemos a abrir uma garrafa de champagne. Materiais Sólidos •São os pirosclastos. •São expelidos para o ar, com a lava e podem atingir grandes alturas.
  • 15. QUANDO OS VULCÕES NÃO ERAM EM ATIVIDADE, MANIFESTAM-SE DE UMA FORMA SECUNDÁRIA. Manifestações secundárias Géiseres •emissão regular de jarros e vapor de água •a temperatura desta água pode atingir os 90ºC Fumarolas •são emissões de gases através das fendas (enxofre e dióxido de carbono) •estes gases são expulsos mesmo depois do vulcão ter terminado Nascentes termais * são emissões de água aquecidas por baixo da terra * surgem à superfície através de falhas da crosta
  • 19. ONDE É QUE EXISTEM VULCÕES? Existem cerca de 500 vulcões ativos nos seguintes Países Estados Unidos da América, na América Central, na América do Sul, no Japão, nas Filipinas, na Indonésia, na Nova Guiné, na Nova Zelândia, no Havai, na Itália, na Grécia, na Argélia, em Marrocos, no Quénia, nos Açores, nas Canárias e na Islândia.
  • 20. ONDE É QUE EXISTEM VULCÕES?
  • 21. ONDE É QUE EXISTEM VULCÕES?
  • 22. EM PORTUGAL EXISTEM VULCÕES? Os Açores são a região de Portugal que têm vulcões em atividade. Existem vulcões, nascentes termais e fumarolas. As ilhas açorianas são de origem vulcânicas. Os açorianos aproveitam os solos férteis para ter energia elétrica. Na ilha de S. Miguel, 40% da eletricidade é produzida na ilha do Fogo. A comida que os açorianos fazem é diferente por causa do vulcão, como o Cozido à Portuguesa, por exemplo. O tacho é colocado dentro de um saco que é enterrado em terras quentes nas margens da Lagoa das Furnas. Esperamos um pouco e depois podemos comer.
  • 23. EM PORTUGAL EXISTEM VULCÕES?
  • 24. EM PORTUGAL EXISTEM VULCÕES? Na ilha da Graciosa existem cones vulcânicos, furnas de enxofre e um lago subterrâneo. Na ilha de S. Miguel existem as fumarolas do vale das Furnas. Na ilha do Faial ainda se podem ver os vestígios do vulcão dos Capelinhos. Em 1957 este vulcão entrou em atividade. Na ilha da Terceira existem furnas de enxofre. Nas Flores vemos as colunas basálticas.
  • 25. CURIOSIDADES SOBRE AS REGIÕES ONDE HÁ VULCÕES As regiões que têm vulcões, têm os solos muito férteis para a agricultura. Na Islândia, 77% da população aproveita o aquecimento das águas geotermais.
  • 26. MAQUETAS DE VULCÕES A partir das fotografias destas maquetas construídas pelos alunos da EB 2, 3 e Secundário de Vialonga que a nossa professora Carmen tirou, nós decidimos construir uma maqueta.
  • 27. MAQUETA DO VULCÃO Construída por nós com material de desperdício ou reutilizável: pasta de papel, placa de pladour, copos de vidro. Pintámos com a tinta da turma do Pré-Escolar.
  • 28. ROCHA VULCÂNICA DA ILHA TERCEIRA - AÇORES