SlideShare uma empresa Scribd logo
Tradições natalinas: o Natal ao redor do mundo
As tradições envolvidas na comemoração do natal são muito antigas e foram se renovando no
decorrer dos séculos. Durante esse tempo algumas culturas acabaram marcando suas festividades
natalinas com aspectos regionais. Conheça algumas das tradições natalinas ao redor do mundo:

Escolha um perfil

<----

Tradições de natal na Suécia
Nos países escandinavos o natal tem seu início em 13 de Dezembro, data em que se comemora o
dia de Santa Luzia. Nas festividades desse dia existem tradições natalinas muito peculiares como
uma procissão em que as pessoas carregam tochas acesas. De resto, as tradições de natal suecas
são muito parecidas com as do resto do ocidente.
Tradições de natal na Finlândia
Na Finlândia há a estranha tradição natalina de freqüentar saunas na véspera de natal. Outra
tradição natalina na Finlândia é visitar cemitérios para homenagear os entes falecidos.
Tradições de natal na Rússia
Na Rússia o natal é comemorado no dia 7 de janeiro,13 dias depois do natal ocidental. Uma
curiosidade é que, durante o regime comunista, as árvores de natal foram banidas da Rússia e
substituídas por árvores de ano novo. Segundo a tradição natalina dos russos, a ceia deve ter
muito mel, grãos e frutas, mas nenhuma carne.
Tradições de natal no Japão
No Japão, onde só 1% da população é cristã, o natal ganhou força graças à influência americana,
depois da segunda guerra. Por questões econômicas, os japoneses foram receptivos com algumas
tradições, como a ceia de natal, opinheirinho e os presentes de natal.
Tradições de natal na Austrália
Na Austrália o natal é usado para lembrar as raízes britânicas do país. Tal como na Inglaterra,
a ceia de natal inclui o tradicional peru e os presentes de natal são dados na manhã do dia 25.
Uma curiosidade: devido ao calor alguns australianos comemoram o natal na praia.
Tradições de natal no Iraque
Para os poucos cristãos residentes no Iraque a principal tradição natalina é uma leitura da bíblia
feita em família. Há também o “toque da paz”, que segundo a tradição natalina do Iraque, é uma
benção que as pessoas recebem de um padre.
Tradições de natal na África do Sul
O natal na África do Sul acontece durante o verão, quando as temperaturas podem passar dos 30
graus. Devido ao calor, a ceia de natal acontece em uma mesa colocada no jardim ou no quintal.
Tal como na maioria dos países, tradições como árvores de natal e presentes de natal são quase
obrigatórias.
Tradições de natal na Inglaterra
Na Inglaterra as tradições natalinas são levadas muito à sério. Não é à toa, já que o país
comemora o natal há mais de 1000 anos. Presentes de natal,pinheirinhos decorados e músicas
natalinas são mais comuns na Inglaterra que em qualquer outro país do mundo.

O Natal no mundo

Estados Unidos
Na véspera de Natal, vizinhos se unem para cantar "Christmas Carols" (cançoes de Natal),
mostrando o espírito de confraternizaçao. As crianças penduram meias na lareira e na manha do
dia 25 de dezembro abrem os presentes tao sonhados. O prato típico americano é o peru
recheado, acompanhado de frutas tropicais.

Japao
O Natal no Japao é cheio de significados e a troca de presentes fortemente apreciada
pelos japoneses. As crianças adoram conhecer a história do nascimento de Jesus numa
manjedoura, porque é quando travam contato com a idéia de "berço" já que os bebes japoneses
nao dormem neles.

Índia
Os cristaos na Índia decoram pés de manga e bananeiras no Natal. Algumas pessoas
decoram suas casas com folhas de manga, Em partes da Índia, pequenas lâmpadas de argila sao
acesas com óleo e servem também para decorar a casa.

China
As casas sao enfeitadas com lanternas e árvores de Natal, com correntes e flores de
papel. As crianças penduram meias e esperam pelo Papai Noel. Já que a maioria dos chineses nao
é crista, a maior celebraçao do inverno é o Ano Novo Chines, no fim de janeiro. Nessa data as
crianças recebem roupas e brinquedos novos e sao servidos pratos especiais.
Itália
A principal entrega de presentes é no dia 6 de janeiro, em lembrança a visita dos Reis
Magos ao menino Jesus. As crianças esperam a visita da Befana que traz presentes para os bons e
castigo para os maus meninos. De acordo com a lenda, os tres Reis Magos pararam durante a ida
até Belém e pediram comida e abrigo a uma velha senhora. Ela negou ajuda e entaoeles seguiram
a viagem com fome e cansados. A velha senhora sentiu depois um aperto no coraçao, mas os Reis
Magos já estavam muito longe. A lenda conta que a Befana ainda vaga pelo mundo procurando o
menino Jesus e tem várias formas: uma rainha, uma fada, uma velha ou uma bruxa.

Suécia
As festas de Natal começam no dia 6 de dezembro, dia de Sao Nicolau. Nesse dia, as
crianças escrevem suas cartas de pedidos que Sao Nicolau troca por um saquinho de balas ou
nozes. Os presentes chegam no dia 25. Na noite de Natal, a filha mais velha se veste de branco
com uma faixa vermelha amarrada na cintura e uma grinalda de folhas verdes com sete velas
acesas na cabeça. Ela leva cuidadosamente café e bolinhos para cada membro da família aos seus
quartos.

Belém
Em Belém, a cidade onde Jesus nasceu, o Natal é comemorado com peregrinos e tribos
árabes da regiao, que se ajoelham na cripta da capela dos franciscanos para adorar um berço.
Segundo a tradiçao, esse é o berço de Jesus, que é conservado na igreja e apenas montado na
noite de 24 para 25 de dezembro. Depois que termina a missa, os franciscanos oferecem uma ceia
aos peregrinos: apenas pao preto acompanhado de vinho.

curiosidades sobre o natal

O Natal é um feriado que as pessoas celebram de formas diferentes ao redor do mundo. Aqui
estão 5 curiosidades divertidas sobre o Natal que talvez você não conheça!


1. Conhecem o Krampus? Pois sejam bons senão Krampus vai castigá-los! Krampus é uma criatura meio
demoníacoa que na Alemanha e Áustria acompanha o Papai Noel durante a época de Natal para punir as
crianças más.

Krampus



2. Os “crackers”de Natal são uma das tradições favoritas do Natal no Reino Unido, geralmente colocados na
mesa de jantar. Basta puxar o cracker com outra pessoa, e o vencedor com mais do cracker na mão vence os
brinquedos dentro!

Crackers



3. Sabiam que mais de 40% dos brinquedos dados às crianças no Natal são quebrados em março?

Toys



4. E o que a Estátua da Liberdade tem a ver com o natal? Pois ela foi o presente de natal (doado pela
França) maior e mais pesado do mundo, com 46,5 metros de altura e pesando 225 toneladas!
NY



5. Jingle Bells foi a primeira música cantada no espaço, no dia 16 dezembro de 1965 pelos astronautas da
Gemini 6.

Gemini

Você gostou de nosso post? Deixe um comentário e nos conte qualquer fato curioso de natal
que você saiba!
E essa semana se encerra nosso concurso! Você tem até domingo (dia 18 de dezembro) para
entrar nessa disputa.

Ucrânia: aranhas e teias
Na Ucrânia, as árvores de Natal são
decoradas com todos os ornamentos tradicionais e ainda com um outro menos comum:
uma aranha e respectiva teia. De acordo com a lenda, uma pobre viúva que não tinha
dinheiro para decorar a sua árvore acordou um dia para vê-la embelezada por uma linda
teia de aranha. O Natal da viúva tornou-se assim feliz e próspero e portanto os ucranianos
colocam uma teia de aranha e uma aranha artificiais escondidas na árvore no meio das
bolas e luzes. Quem conseguir encontrar a aranha e teia terá muita sorte.

Noruega: vassouras escondidas
A tradição norueguesa diz que a noite de Natal atrai uma série de bruxas e espíritos malignos.
Assim, é costume que em todos os lares noruegueses se escondam as vassouras antes de cair a
noite, não vá alguma criatura diabólica deitar-lhes as mãos disformes. Entretanto, os corajosos
homens da família vão até à rua para disparar uma espingarda... é suposto que o som afugente
os espíritos.

Reino Unido: Mexer o pudim

Se estiver num típico lar britânico e se
quiser que os seus sonhos de Natal se tornem realidade, porque não cumprir a tradição de
pedir um desejo enquanto mexe o pudim? Para quem não conhece este doce, um Pudim
de Natal (Christmas pudding) é feito com uma mistura rica de frutos cristalizados, frutos
secos e banha, depois mergulhada em álcool e flamejada num quarto escuro. Por vezes
incluem-se pequenas moedas de prata na massa para que quem as ache tenha muita
sorte.
facebooktwittergoogle+

smsÁrvore de Natal
Acredita-se que esta tradição começou em 1530, na Alemanha, com Martinho Lutero. Certa
noite, enquanto caminhava pela floresta, Lutero ficou impressionado com a beleza dos
pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a compor a imagem que Lutero
reproduziu com galhos de árvore em sua casa. Além das estrelas, algodão e outros enfeites,
ele utilizou velas acesas para mostrar aos seus familiares a bela cena que havia presenciado na
floresta.

facebooktwittergoogle+
Presépio
O presépio também representa uma importante decoração natalina. Ele mostra o cenário do
nascimento de Jesus, ou seja, uma manjedoura, os animais, os reis Magos e os pais do menino.
Esta tradição de montar presépios teve início com São Francisco de Assis, no século XIII. As
músicas de Natal também fazem parte desta linda festa.

facebooktwittergoogle+
Origem do Nome
A associação da imagem de São Nicolau ao Natal aconteceu na Alemanha e espalhou-se pelo
mundo em pouco tempo. Nos Estados Unidos, ganhou o nome de Santa Claus, no Brasil de
Papai Noel e em Portugal de Pai Natal.

facebooktwittergoogle+
Roupa do Papai Noel
Até o final do século XIX, o Papai Noel era representado com uma roupa de inverno na cor
marrom ou verde escura. Em 1886, o cartunista alemão Thomas Nast criou uma nova imagem
para o bom velhinho. A roupa nas cores vermelha e branca, com cinto preto, criada por Nast
foi apresentada na revista Harper’sWeeklys neste mesmo ano.

facebooktwittergoogle+
smsPresépio
Simboliza o momento e o ambiente em que Jesus Cristo nasceu.

facebooktwittergoogle+
Estrela
Guiou os três reis magos até o local de nascimento do menino Jesus.

facebooktwittergoogle+
Sinos
Representa o anúncio para a humanidade do nascimento de Jesus Cristo, o Salvador.

facebooktwittergoogle+
Data Oficial
Foi somente no século IV que o 25 de dezembro foi estabelecido como data oficial de
comemoração. Na Roma Antiga, o 25 de dezembro era a data em que os romanos
comemoravam o início do inverno. Portanto, acredita-se que haja uma relação deste fato com
a oficialização da comemoração do Natal.

facebooktwittergoogle+
smsTradição
As antigas comemorações de Natal costumavam durar até 12 dias, pois este foi o tempo que
levou para os três reis Magos chegarem até a cidade de Belém e entregarem os presentes
(ouro, mirra e incenso) ao menino Jesus. Atualmente, as pessoas costumam montar as árvores
e outras decorações natalinas no começo de dezembro e desmontá-las até 12 dias após o
Natal.

facebooktwittergoogle+
Decoração
Em quase todos os países do mundo, as pessoas montam árvores de Natal para decorar casas
e outros ambientes. Em conjunto com as decorações natalinas, as árvores proporcionam um
clima especial neste período.
facebooktwittergoogle+
Significado
Esta tradição foi trazida para o continente americano por alguns alemães, que vieram morar na
América durante o período colonial. No Brasil, país de maioria cristã, as árvores de Natal estão
presentes em diversos lugares, pois, além de decorar, simbolizam alegria, paz e esperança.

facebooktwittergoogle+
Igreja Católica
Foi transformado em santo (São Nicolau) pela Igreja Católica, após várias pessoas relatarem
milagres atribuídos a ele.

facebooktwittergoogle+
smsNos dias de Hoje

Atualmente, a figura do Papai Noel está presente na vida das crianças de todo mundo,
principalmente durantes as festas natalinas. É o bom velhinho de barbas brancas e roupa
vermelha que, na véspera do Natal, traz presentes para as crianças que foram obedientes e se
comportaram bem durante o ano. Ele habita o Pólo Norte e, com seu trenó, puxado por renas,
traz a alegria para as famílias durante as festas natalinas. Como dizem: Natal sem Papai Noel
não é mesma coisa.

facebooktwittergoogle+
Inovação
Em 1931, uma campanha publicitária da Coca-Cola mostrou o Papai Noel com o mesmo
figurino criado por Nast, que também eram as cores do refrigerante. A campanha publicitária
fez um grande sucesso, ajudando a espalhar a nova imagem do Papai Noel pelo mundo.

facebooktwittergoogle+
Árvore de Natal
Na tradição cristã, simboliza vida, paz, esperança e alegria.
facebooktwittergoogle+
Guirlanda
Usada como enfeite nas portas de entrada das residências na época do Natal.

facebooktwittergoogle+
smsPapai Noel em Outros Países
Alemanha (Weihnachtsmann, O "Homem do Natal"), Argentina, Espanha, Colômbia, Paraguai e
Uruguai (Papá Noel), Chile (ViejitoPascuero), Dinamarca (Julemanden), França (PèreNoël),
Itália (BabboNatale), México (Santa Claus)

facebooktwittergoogle+
Data
Nos países eslavos e ortodoxos, cujos calendários eram baseados no calendário juliano, o Natal
é comemorado no dia 7 de janeiro.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Natal
NatalNatal
O natal em portugal
O natal em portugalO natal em portugal
O natal em portugal
Ensinar Português Andaluzia
 
Natal10
Natal10Natal10
Natal10
Maria Gomes
 
Espanha
EspanhaEspanha
Espanha
PIEF OEIRAS
 
Tradições+e+simbolos+de+natal
Tradições+e+simbolos+de+natalTradições+e+simbolos+de+natal
Tradições+e+simbolos+de+natal
Zaara Miranda
 
Trabalho do natal
Trabalho do natalTrabalho do natal
Trabalho do natal
josesolidario
 
O Natal em Portugal
O Natal em Portugal O Natal em Portugal
O Natal em Portugal
anaiab
 
O Natal Em Portugal
O Natal Em PortugalO Natal Em Portugal
O Natal Em Portugal
guest27dd184
 
Apresentação joana...
Apresentação joana...Apresentação joana...
Apresentação joana...
Tito Romeu Gomes de Sousa Maia Mendes
 
Natal
NatalNatal
Tradições de natal
Tradições de natalTradições de natal
Tradições de natal
Catarina Guerreiro
 
Natal na eslováquia
Natal na eslováquiaNatal na eslováquia
Natal na eslováquia
Natercia
 
Epoca natalicia
Epoca nataliciaEpoca natalicia
Epoca natalicia
alexandrafrade
 
Natal
NatalNatal
Poesias de Natal
Poesias de NatalPoesias de Natal
Poesias de Natal
angelagomescosta
 
Natal
NatalNatal
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
Carla Gonçalves
 
Quiz Natal em Portugal
Quiz Natal em PortugalQuiz Natal em Portugal
Quiz Natal em Portugal
Centro Jacques Delors
 
Simbolos Do Natal
Simbolos Do NatalSimbolos Do Natal
Simbolos Do Natal
JNR
 

Mais procurados (19)

Natal
NatalNatal
Natal
 
O natal em portugal
O natal em portugalO natal em portugal
O natal em portugal
 
Natal10
Natal10Natal10
Natal10
 
Espanha
EspanhaEspanha
Espanha
 
Tradições+e+simbolos+de+natal
Tradições+e+simbolos+de+natalTradições+e+simbolos+de+natal
Tradições+e+simbolos+de+natal
 
Trabalho do natal
Trabalho do natalTrabalho do natal
Trabalho do natal
 
O Natal em Portugal
O Natal em Portugal O Natal em Portugal
O Natal em Portugal
 
O Natal Em Portugal
O Natal Em PortugalO Natal Em Portugal
O Natal Em Portugal
 
Apresentação joana...
Apresentação joana...Apresentação joana...
Apresentação joana...
 
Natal
NatalNatal
Natal
 
Tradições de natal
Tradições de natalTradições de natal
Tradições de natal
 
Natal na eslováquia
Natal na eslováquiaNatal na eslováquia
Natal na eslováquia
 
Epoca natalicia
Epoca nataliciaEpoca natalicia
Epoca natalicia
 
Natal
NatalNatal
Natal
 
Poesias de Natal
Poesias de NatalPoesias de Natal
Poesias de Natal
 
Natal
NatalNatal
Natal
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Quiz Natal em Portugal
Quiz Natal em PortugalQuiz Natal em Portugal
Quiz Natal em Portugal
 
Simbolos Do Natal
Simbolos Do NatalSimbolos Do Natal
Simbolos Do Natal
 

Destaque

Educação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafios
Educação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafiosEducação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafios
Educação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafios
Rogerio Costa
 
Blended Learning Meets Digital Media
Blended Learning Meets Digital MediaBlended Learning Meets Digital Media
Blended Learning Meets Digital Media
José Bidarra
 
Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...
Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...
Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...
Leonel Morgado
 
Futuralia Tec Minho pgsimoes
Futuralia Tec Minho pgsimoesFuturalia Tec Minho pgsimoes
Futuralia Tec Minho pgsimoes
Paulo Simões
 
Apresentação de artigo na CEF^SL2008
Apresentação de artigo na CEF^SL2008Apresentação de artigo na CEF^SL2008
Apresentação de artigo na CEF^SL2008
António Jorge da Silva Madeira
 
UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.
UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.
UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.
Rosa Santos
 
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
Hugo Domingos
 
Integração CRM ALUMNI + E-GOI
Integração CRM ALUMNI + E-GOIIntegração CRM ALUMNI + E-GOI
Integração CRM ALUMNI + E-GOI
Samuel Martins
 
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOA
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOAAVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOA
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOA
e-Learning Lab - Universidade de Lisboa
 
Apresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia Portuguesa
Apresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia PortuguesaApresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia Portuguesa
Apresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia Portuguesa
Rui Santos Camelo
 
Teoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédia
Teoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédiaTeoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédia
Teoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédia
António Gonçalves
 
O Digital e o Espaço Físico
O Digital e o Espaço FísicoO Digital e o Espaço Físico
O Digital e o Espaço Físico
Luis Borges Gouveia
 
Aplicações Digitais na Formação
Aplicações Digitais na FormaçãoAplicações Digitais na Formação
Aplicações Digitais na Formação
Fernanda Ledesma
 
O Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do Futuro
O Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do FuturoO Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do Futuro
O Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do Futuro
Antonio Dias de Figueiredo
 
Apresentação da defesa do Projeto de Tese de Doutoramento
Apresentação da defesa do Projeto de Tese de DoutoramentoApresentação da defesa do Projeto de Tese de Doutoramento
Apresentação da defesa do Projeto de Tese de Doutoramento
Susana Lemos
 
O Papel do Mobile Learning na Educação
O Papel do Mobile Learning na EducaçãoO Papel do Mobile Learning na Educação
O Papel do Mobile Learning na Educação
José Bidarra
 
Privacidade, CiberSegurança e Regulamentação Económica
Privacidade, CiberSegurança e Regulamentação EconómicaPrivacidade, CiberSegurança e Regulamentação Económica
Privacidade, CiberSegurança e Regulamentação Económica
Luis Borges Gouveia
 
SlideShare 101
SlideShare 101SlideShare 101
SlideShare 101
Amit Ranjan
 

Destaque (18)

Educação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafios
Educação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafiosEducação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafios
Educação a Distância: um "novo" olhar para "velhos" desafios
 
Blended Learning Meets Digital Media
Blended Learning Meets Digital MediaBlended Learning Meets Digital Media
Blended Learning Meets Digital Media
 
Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...
Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...
Requirements for the use of virtual worlds in corporate training - Perspectiv...
 
Futuralia Tec Minho pgsimoes
Futuralia Tec Minho pgsimoesFuturalia Tec Minho pgsimoes
Futuralia Tec Minho pgsimoes
 
Apresentação de artigo na CEF^SL2008
Apresentação de artigo na CEF^SL2008Apresentação de artigo na CEF^SL2008
Apresentação de artigo na CEF^SL2008
 
UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.
UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.
UM CONTRIBUTO PARA A APRENDIZAGEM.
 
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
 
Integração CRM ALUMNI + E-GOI
Integração CRM ALUMNI + E-GOIIntegração CRM ALUMNI + E-GOI
Integração CRM ALUMNI + E-GOI
 
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOA
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOAAVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOA
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE EM E-LEARNING NA ULISBOA
 
Apresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia Portuguesa
Apresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia PortuguesaApresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia Portuguesa
Apresentação Turismo Náutico IX Congresso da Geografia Portuguesa
 
Teoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédia
Teoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédiaTeoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédia
Teoria cognitiva da aprendizagem multimédia, aplicada à comunicação multimédia
 
O Digital e o Espaço Físico
O Digital e o Espaço FísicoO Digital e o Espaço Físico
O Digital e o Espaço Físico
 
Aplicações Digitais na Formação
Aplicações Digitais na FormaçãoAplicações Digitais na Formação
Aplicações Digitais na Formação
 
O Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do Futuro
O Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do FuturoO Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do Futuro
O Papel do Ensino a Distância nas Instituições de Ensino Superior do Futuro
 
Apresentação da defesa do Projeto de Tese de Doutoramento
Apresentação da defesa do Projeto de Tese de DoutoramentoApresentação da defesa do Projeto de Tese de Doutoramento
Apresentação da defesa do Projeto de Tese de Doutoramento
 
O Papel do Mobile Learning na Educação
O Papel do Mobile Learning na EducaçãoO Papel do Mobile Learning na Educação
O Papel do Mobile Learning na Educação
 
Privacidade, CiberSegurança e Regulamentação Económica
Privacidade, CiberSegurança e Regulamentação EconómicaPrivacidade, CiberSegurança e Regulamentação Económica
Privacidade, CiberSegurança e Regulamentação Económica
 
SlideShare 101
SlideShare 101SlideShare 101
SlideShare 101
 

Semelhante a Tradições natalinas

História do natal
História do natalHistória do natal
História do natal
Luciane Warick
 
Informativo Dezembro 2017
Informativo Dezembro 2017Informativo Dezembro 2017
Informativo Dezembro 2017
Wanderson Silveira
 
Trabalho de grupo de moral
Trabalho de grupo de moralTrabalho de grupo de moral
Trabalho de grupo de moral
Carla Gonçalves
 
Informativo sindiconet 2017_dezembro
Informativo sindiconet 2017_dezembroInformativo sindiconet 2017_dezembro
Informativo sindiconet 2017_dezembro
sindiconet
 
Apresentação joana...
Apresentação joana...Apresentação joana...
Apresentação joana...
Tito Romeu Gomes de Sousa Maia Mendes
 
Natal
NatalNatal
papai noel,natal
papai noel,natalpapai noel,natal
papai noel,natal
Evandir Araujo
 
Suécia
SuéciaSuécia
Suécia
PIEF OEIRAS
 
Suécia
SuéciaSuécia
Suécia
PIEF OEIRAS
 
Simbolosdonatal 100103173913-phpapp01a
Simbolosdonatal 100103173913-phpapp01aSimbolosdonatal 100103173913-phpapp01a
Simbolosdonatal 100103173913-phpapp01a
Anabela Barreira
 
Árvore de Natal
Árvore de NatalÁrvore de Natal
Árvore de Natal
bibdjosei
 
Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4
jornaldepederneiras
 
Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4
jornaldepederneiras
 
Celebração do natal na holanda
Celebração do natal na holandaCelebração do natal na holanda
Celebração do natal na holanda
nuno16630
 
363 an 20_dezembro_2011.ok
363 an 20_dezembro_2011.ok363 an 20_dezembro_2011.ok
363 an 20_dezembro_2011.ok
Roberto Rabat Chame
 
Natal
NatalNatal
Símbolos de natal
Símbolos de natalSímbolos de natal
Símbolos de natal
infornocolegio
 
Halloween camila, leandro e rarinha
Halloween camila, leandro e rarinhaHalloween camila, leandro e rarinha
Halloween camila, leandro e rarinha
Leandrowe
 
Árvore de Natal
Árvore de NatalÁrvore de Natal
Árvore de Natal
Vítor de Sousa
 
Natal- Uma festa Cristã
Natal- Uma festa CristãNatal- Uma festa Cristã
Natal- Uma festa Cristã
Kaue Andres Krewer
 

Semelhante a Tradições natalinas (20)

História do natal
História do natalHistória do natal
História do natal
 
Informativo Dezembro 2017
Informativo Dezembro 2017Informativo Dezembro 2017
Informativo Dezembro 2017
 
Trabalho de grupo de moral
Trabalho de grupo de moralTrabalho de grupo de moral
Trabalho de grupo de moral
 
Informativo sindiconet 2017_dezembro
Informativo sindiconet 2017_dezembroInformativo sindiconet 2017_dezembro
Informativo sindiconet 2017_dezembro
 
Apresentação joana...
Apresentação joana...Apresentação joana...
Apresentação joana...
 
Natal
NatalNatal
Natal
 
papai noel,natal
papai noel,natalpapai noel,natal
papai noel,natal
 
Suécia
SuéciaSuécia
Suécia
 
Suécia
SuéciaSuécia
Suécia
 
Simbolosdonatal 100103173913-phpapp01a
Simbolosdonatal 100103173913-phpapp01aSimbolosdonatal 100103173913-phpapp01a
Simbolosdonatal 100103173913-phpapp01a
 
Árvore de Natal
Árvore de NatalÁrvore de Natal
Árvore de Natal
 
Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4
 
Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4Jp pag 1 de 4
Jp pag 1 de 4
 
Celebração do natal na holanda
Celebração do natal na holandaCelebração do natal na holanda
Celebração do natal na holanda
 
363 an 20_dezembro_2011.ok
363 an 20_dezembro_2011.ok363 an 20_dezembro_2011.ok
363 an 20_dezembro_2011.ok
 
Natal
NatalNatal
Natal
 
Símbolos de natal
Símbolos de natalSímbolos de natal
Símbolos de natal
 
Halloween camila, leandro e rarinha
Halloween camila, leandro e rarinhaHalloween camila, leandro e rarinha
Halloween camila, leandro e rarinha
 
Árvore de Natal
Árvore de NatalÁrvore de Natal
Árvore de Natal
 
Natal- Uma festa Cristã
Natal- Uma festa CristãNatal- Uma festa Cristã
Natal- Uma festa Cristã
 

Mais de Sofia Pinho

letra canção ambintes mágicos.docx
letra canção ambintes mágicos.docxletra canção ambintes mágicos.docx
letra canção ambintes mágicos.docx
Sofia Pinho
 
bilhete identidade do livro.docx
bilhete identidade do livro.docxbilhete identidade do livro.docx
bilhete identidade do livro.docx
Sofia Pinho
 
A semente da verdade.docx
A semente da verdade.docxA semente da verdade.docx
A semente da verdade.docx
Sofia Pinho
 
Determinantes
DeterminantesDeterminantes
Determinantes
Sofia Pinho
 
Determinantes
DeterminantesDeterminantes
Determinantes
Sofia Pinho
 
Acidente vascular cerebral final
Acidente vascular cerebral finalAcidente vascular cerebral final
Acidente vascular cerebral final
Sofia Pinho
 

Mais de Sofia Pinho (6)

letra canção ambintes mágicos.docx
letra canção ambintes mágicos.docxletra canção ambintes mágicos.docx
letra canção ambintes mágicos.docx
 
bilhete identidade do livro.docx
bilhete identidade do livro.docxbilhete identidade do livro.docx
bilhete identidade do livro.docx
 
A semente da verdade.docx
A semente da verdade.docxA semente da verdade.docx
A semente da verdade.docx
 
Determinantes
DeterminantesDeterminantes
Determinantes
 
Determinantes
DeterminantesDeterminantes
Determinantes
 
Acidente vascular cerebral final
Acidente vascular cerebral finalAcidente vascular cerebral final
Acidente vascular cerebral final
 

Tradições natalinas

  • 1. Tradições natalinas: o Natal ao redor do mundo As tradições envolvidas na comemoração do natal são muito antigas e foram se renovando no decorrer dos séculos. Durante esse tempo algumas culturas acabaram marcando suas festividades natalinas com aspectos regionais. Conheça algumas das tradições natalinas ao redor do mundo: Escolha um perfil <---- Tradições de natal na Suécia Nos países escandinavos o natal tem seu início em 13 de Dezembro, data em que se comemora o dia de Santa Luzia. Nas festividades desse dia existem tradições natalinas muito peculiares como uma procissão em que as pessoas carregam tochas acesas. De resto, as tradições de natal suecas são muito parecidas com as do resto do ocidente. Tradições de natal na Finlândia Na Finlândia há a estranha tradição natalina de freqüentar saunas na véspera de natal. Outra tradição natalina na Finlândia é visitar cemitérios para homenagear os entes falecidos. Tradições de natal na Rússia Na Rússia o natal é comemorado no dia 7 de janeiro,13 dias depois do natal ocidental. Uma curiosidade é que, durante o regime comunista, as árvores de natal foram banidas da Rússia e substituídas por árvores de ano novo. Segundo a tradição natalina dos russos, a ceia deve ter muito mel, grãos e frutas, mas nenhuma carne. Tradições de natal no Japão No Japão, onde só 1% da população é cristã, o natal ganhou força graças à influência americana, depois da segunda guerra. Por questões econômicas, os japoneses foram receptivos com algumas tradições, como a ceia de natal, opinheirinho e os presentes de natal. Tradições de natal na Austrália Na Austrália o natal é usado para lembrar as raízes britânicas do país. Tal como na Inglaterra, a ceia de natal inclui o tradicional peru e os presentes de natal são dados na manhã do dia 25. Uma curiosidade: devido ao calor alguns australianos comemoram o natal na praia. Tradições de natal no Iraque Para os poucos cristãos residentes no Iraque a principal tradição natalina é uma leitura da bíblia feita em família. Há também o “toque da paz”, que segundo a tradição natalina do Iraque, é uma benção que as pessoas recebem de um padre.
  • 2. Tradições de natal na África do Sul O natal na África do Sul acontece durante o verão, quando as temperaturas podem passar dos 30 graus. Devido ao calor, a ceia de natal acontece em uma mesa colocada no jardim ou no quintal. Tal como na maioria dos países, tradições como árvores de natal e presentes de natal são quase obrigatórias. Tradições de natal na Inglaterra Na Inglaterra as tradições natalinas são levadas muito à sério. Não é à toa, já que o país comemora o natal há mais de 1000 anos. Presentes de natal,pinheirinhos decorados e músicas natalinas são mais comuns na Inglaterra que em qualquer outro país do mundo. O Natal no mundo Estados Unidos Na véspera de Natal, vizinhos se unem para cantar "Christmas Carols" (cançoes de Natal), mostrando o espírito de confraternizaçao. As crianças penduram meias na lareira e na manha do dia 25 de dezembro abrem os presentes tao sonhados. O prato típico americano é o peru recheado, acompanhado de frutas tropicais. Japao O Natal no Japao é cheio de significados e a troca de presentes fortemente apreciada pelos japoneses. As crianças adoram conhecer a história do nascimento de Jesus numa manjedoura, porque é quando travam contato com a idéia de "berço" já que os bebes japoneses nao dormem neles. Índia Os cristaos na Índia decoram pés de manga e bananeiras no Natal. Algumas pessoas decoram suas casas com folhas de manga, Em partes da Índia, pequenas lâmpadas de argila sao acesas com óleo e servem também para decorar a casa. China As casas sao enfeitadas com lanternas e árvores de Natal, com correntes e flores de papel. As crianças penduram meias e esperam pelo Papai Noel. Já que a maioria dos chineses nao é crista, a maior celebraçao do inverno é o Ano Novo Chines, no fim de janeiro. Nessa data as crianças recebem roupas e brinquedos novos e sao servidos pratos especiais.
  • 3. Itália A principal entrega de presentes é no dia 6 de janeiro, em lembrança a visita dos Reis Magos ao menino Jesus. As crianças esperam a visita da Befana que traz presentes para os bons e castigo para os maus meninos. De acordo com a lenda, os tres Reis Magos pararam durante a ida até Belém e pediram comida e abrigo a uma velha senhora. Ela negou ajuda e entaoeles seguiram a viagem com fome e cansados. A velha senhora sentiu depois um aperto no coraçao, mas os Reis Magos já estavam muito longe. A lenda conta que a Befana ainda vaga pelo mundo procurando o menino Jesus e tem várias formas: uma rainha, uma fada, uma velha ou uma bruxa. Suécia As festas de Natal começam no dia 6 de dezembro, dia de Sao Nicolau. Nesse dia, as crianças escrevem suas cartas de pedidos que Sao Nicolau troca por um saquinho de balas ou nozes. Os presentes chegam no dia 25. Na noite de Natal, a filha mais velha se veste de branco com uma faixa vermelha amarrada na cintura e uma grinalda de folhas verdes com sete velas acesas na cabeça. Ela leva cuidadosamente café e bolinhos para cada membro da família aos seus quartos. Belém Em Belém, a cidade onde Jesus nasceu, o Natal é comemorado com peregrinos e tribos árabes da regiao, que se ajoelham na cripta da capela dos franciscanos para adorar um berço. Segundo a tradiçao, esse é o berço de Jesus, que é conservado na igreja e apenas montado na noite de 24 para 25 de dezembro. Depois que termina a missa, os franciscanos oferecem uma ceia aos peregrinos: apenas pao preto acompanhado de vinho. curiosidades sobre o natal O Natal é um feriado que as pessoas celebram de formas diferentes ao redor do mundo. Aqui estão 5 curiosidades divertidas sobre o Natal que talvez você não conheça!
  • 4.  1. Conhecem o Krampus? Pois sejam bons senão Krampus vai castigá-los! Krampus é uma criatura meio demoníacoa que na Alemanha e Áustria acompanha o Papai Noel durante a época de Natal para punir as crianças más. Krampus  2. Os “crackers”de Natal são uma das tradições favoritas do Natal no Reino Unido, geralmente colocados na mesa de jantar. Basta puxar o cracker com outra pessoa, e o vencedor com mais do cracker na mão vence os brinquedos dentro! Crackers  3. Sabiam que mais de 40% dos brinquedos dados às crianças no Natal são quebrados em março? Toys  4. E o que a Estátua da Liberdade tem a ver com o natal? Pois ela foi o presente de natal (doado pela França) maior e mais pesado do mundo, com 46,5 metros de altura e pesando 225 toneladas!
  • 5. NY  5. Jingle Bells foi a primeira música cantada no espaço, no dia 16 dezembro de 1965 pelos astronautas da Gemini 6. Gemini Você gostou de nosso post? Deixe um comentário e nos conte qualquer fato curioso de natal que você saiba! E essa semana se encerra nosso concurso! Você tem até domingo (dia 18 de dezembro) para entrar nessa disputa. Ucrânia: aranhas e teias
  • 6. Na Ucrânia, as árvores de Natal são decoradas com todos os ornamentos tradicionais e ainda com um outro menos comum: uma aranha e respectiva teia. De acordo com a lenda, uma pobre viúva que não tinha dinheiro para decorar a sua árvore acordou um dia para vê-la embelezada por uma linda teia de aranha. O Natal da viúva tornou-se assim feliz e próspero e portanto os ucranianos colocam uma teia de aranha e uma aranha artificiais escondidas na árvore no meio das bolas e luzes. Quem conseguir encontrar a aranha e teia terá muita sorte. Noruega: vassouras escondidas A tradição norueguesa diz que a noite de Natal atrai uma série de bruxas e espíritos malignos. Assim, é costume que em todos os lares noruegueses se escondam as vassouras antes de cair a noite, não vá alguma criatura diabólica deitar-lhes as mãos disformes. Entretanto, os corajosos homens da família vão até à rua para disparar uma espingarda... é suposto que o som afugente os espíritos. Reino Unido: Mexer o pudim Se estiver num típico lar britânico e se quiser que os seus sonhos de Natal se tornem realidade, porque não cumprir a tradição de pedir um desejo enquanto mexe o pudim? Para quem não conhece este doce, um Pudim de Natal (Christmas pudding) é feito com uma mistura rica de frutos cristalizados, frutos secos e banha, depois mergulhada em álcool e flamejada num quarto escuro. Por vezes incluem-se pequenas moedas de prata na massa para que quem as ache tenha muita sorte.
  • 7. facebooktwittergoogle+ smsÁrvore de Natal Acredita-se que esta tradição começou em 1530, na Alemanha, com Martinho Lutero. Certa noite, enquanto caminhava pela floresta, Lutero ficou impressionado com a beleza dos pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a compor a imagem que Lutero reproduziu com galhos de árvore em sua casa. Além das estrelas, algodão e outros enfeites, ele utilizou velas acesas para mostrar aos seus familiares a bela cena que havia presenciado na floresta. facebooktwittergoogle+ Presépio O presépio também representa uma importante decoração natalina. Ele mostra o cenário do nascimento de Jesus, ou seja, uma manjedoura, os animais, os reis Magos e os pais do menino. Esta tradição de montar presépios teve início com São Francisco de Assis, no século XIII. As músicas de Natal também fazem parte desta linda festa. facebooktwittergoogle+ Origem do Nome A associação da imagem de São Nicolau ao Natal aconteceu na Alemanha e espalhou-se pelo mundo em pouco tempo. Nos Estados Unidos, ganhou o nome de Santa Claus, no Brasil de Papai Noel e em Portugal de Pai Natal. facebooktwittergoogle+ Roupa do Papai Noel Até o final do século XIX, o Papai Noel era representado com uma roupa de inverno na cor marrom ou verde escura. Em 1886, o cartunista alemão Thomas Nast criou uma nova imagem para o bom velhinho. A roupa nas cores vermelha e branca, com cinto preto, criada por Nast foi apresentada na revista Harper’sWeeklys neste mesmo ano. facebooktwittergoogle+ smsPresépio
  • 8. Simboliza o momento e o ambiente em que Jesus Cristo nasceu. facebooktwittergoogle+ Estrela Guiou os três reis magos até o local de nascimento do menino Jesus. facebooktwittergoogle+ Sinos Representa o anúncio para a humanidade do nascimento de Jesus Cristo, o Salvador. facebooktwittergoogle+ Data Oficial Foi somente no século IV que o 25 de dezembro foi estabelecido como data oficial de comemoração. Na Roma Antiga, o 25 de dezembro era a data em que os romanos comemoravam o início do inverno. Portanto, acredita-se que haja uma relação deste fato com a oficialização da comemoração do Natal. facebooktwittergoogle+ smsTradição As antigas comemorações de Natal costumavam durar até 12 dias, pois este foi o tempo que levou para os três reis Magos chegarem até a cidade de Belém e entregarem os presentes (ouro, mirra e incenso) ao menino Jesus. Atualmente, as pessoas costumam montar as árvores e outras decorações natalinas no começo de dezembro e desmontá-las até 12 dias após o Natal. facebooktwittergoogle+ Decoração Em quase todos os países do mundo, as pessoas montam árvores de Natal para decorar casas e outros ambientes. Em conjunto com as decorações natalinas, as árvores proporcionam um clima especial neste período.
  • 9. facebooktwittergoogle+ Significado Esta tradição foi trazida para o continente americano por alguns alemães, que vieram morar na América durante o período colonial. No Brasil, país de maioria cristã, as árvores de Natal estão presentes em diversos lugares, pois, além de decorar, simbolizam alegria, paz e esperança. facebooktwittergoogle+ Igreja Católica Foi transformado em santo (São Nicolau) pela Igreja Católica, após várias pessoas relatarem milagres atribuídos a ele. facebooktwittergoogle+ smsNos dias de Hoje Atualmente, a figura do Papai Noel está presente na vida das crianças de todo mundo, principalmente durantes as festas natalinas. É o bom velhinho de barbas brancas e roupa vermelha que, na véspera do Natal, traz presentes para as crianças que foram obedientes e se comportaram bem durante o ano. Ele habita o Pólo Norte e, com seu trenó, puxado por renas, traz a alegria para as famílias durante as festas natalinas. Como dizem: Natal sem Papai Noel não é mesma coisa. facebooktwittergoogle+ Inovação Em 1931, uma campanha publicitária da Coca-Cola mostrou o Papai Noel com o mesmo figurino criado por Nast, que também eram as cores do refrigerante. A campanha publicitária fez um grande sucesso, ajudando a espalhar a nova imagem do Papai Noel pelo mundo. facebooktwittergoogle+ Árvore de Natal Na tradição cristã, simboliza vida, paz, esperança e alegria.
  • 10. facebooktwittergoogle+ Guirlanda Usada como enfeite nas portas de entrada das residências na época do Natal. facebooktwittergoogle+ smsPapai Noel em Outros Países Alemanha (Weihnachtsmann, O "Homem do Natal"), Argentina, Espanha, Colômbia, Paraguai e Uruguai (Papá Noel), Chile (ViejitoPascuero), Dinamarca (Julemanden), França (PèreNoël), Itália (BabboNatale), México (Santa Claus) facebooktwittergoogle+ Data Nos países eslavos e ortodoxos, cujos calendários eram baseados no calendário juliano, o Natal é comemorado no dia 7 de janeiro.