SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Sala de aula Escola Profª Aldenora Alves Correia                     Início da aula apresentação          Penha apresentando cartaz com diversidade textual




            Início da aula apresentação                       Apresentação do clipe Baile dos passarinhos               Interagindo com os alunos




                                                                                                            Os alunos representando o quantitativo de
Cantando a musica Pintinho Amarelo                   Painel diversidade textual
                                                                                                            passarinhos por extenso

              Aprendendo com os diferentes tipos de textos e recursos tecnológicos
                                                                           Relato da aula
    A aula aconteceu na Escola Estadual Profª Aldenora Alves Correia, situada no Bairro Alto Bonito, Município de Tocantinópolis, na turma
   do 2º ano da professora Lindalva, no Laboratório de Informática, com os alunos que apresentam dificuldades de aprendizagem. Iniciamos a
   aula com apresentação em data show dos diferentes tipos de gêneros textuais, com o objetivo de mostrar aos alunos a diversidade textual.
   Ao mostrar os diferentes tipos de textos íamos questionando a estrutura de cada um e interagindo com os alunos através de questionamento
   e a receptividade dos mesmos através das respostas corresponderam nossas expectativas, percebemos que quando uma aula é bem planejada
   com recursos que chamam atenção dos alunos o ensino e aprendizagem acontecem e a sala de aula torna-se um espaço criativo e acolhedor.
   O trabalho com recursos tecnológicos, os sites educacionais e a metodologia aplicada através de musicas chamaram muita atenção dos
   alunos, proporcionando interesse em participar das atividades proposta no decorrer da aula. São alunos de um bairro muito carente, que o
   acesso as tecnologias são poucas, em ciber. ou na escola, por isso um dos nossos objetivos é colocar os alunos, para digitar suas produções.
   Foi muito gratificante a interação com os alunos, em uma sala de aula a aprendizagem ocorrem de ambas as partes. Concluímos que, o
   contato entre aluno, professor e tecnologia tornou-se um processo desafiador e que a aprendizagem flui de forma dinâmica.
Relato da aula 1

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Surdez Profunda
Surdez ProfundaSurdez Profunda
Surdez Profunda
curso100hs
 
Planejamento semanal 15-08 a 19-08
Planejamento semanal 15-08 a 19-08Planejamento semanal 15-08 a 19-08
Planejamento semanal 15-08 a 19-08
silviacerqueira1
 

Mais procurados (12)

Apresentação fórum ines 2012 10
Apresentação   fórum ines 2012 10Apresentação   fórum ines 2012 10
Apresentação fórum ines 2012 10
 
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa históriaDom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
 
De que bilinguismo falamos na formação de professores?
De que bilinguismo falamos na formação de professores?De que bilinguismo falamos na formação de professores?
De que bilinguismo falamos na formação de professores?
 
Surpresa
Surpresa Surpresa
Surpresa
 
Surdez Profunda
Surdez ProfundaSurdez Profunda
Surdez Profunda
 
Metodologias educacionais para alunos surdos
Metodologias educacionais para alunos surdosMetodologias educacionais para alunos surdos
Metodologias educacionais para alunos surdos
 
Planejamento semanal 15-08 a 19-08
Planejamento semanal 15-08 a 19-08Planejamento semanal 15-08 a 19-08
Planejamento semanal 15-08 a 19-08
 
Ensino de português para surdos: O que a linguística aplicada tem a nos ensinar?
Ensino de português para surdos: O que a linguística aplicada tem a nos ensinar?Ensino de português para surdos: O que a linguística aplicada tem a nos ensinar?
Ensino de português para surdos: O que a linguística aplicada tem a nos ensinar?
 
Avaliação em língua portuguesa para alunos surdos
Avaliação em língua portuguesa para alunos surdos Avaliação em língua portuguesa para alunos surdos
Avaliação em língua portuguesa para alunos surdos
 
Elaboração e utilização de materiais didáticos para o ensino de Português c...
Elaboração e utilização de materiais didáticos   para o ensino de Português c...Elaboração e utilização de materiais didáticos   para o ensino de Português c...
Elaboração e utilização de materiais didáticos para o ensino de Português c...
 
Atendimento educacional especializado à pessoa com surdez
Atendimento educacional especializado à pessoa com surdezAtendimento educacional especializado à pessoa com surdez
Atendimento educacional especializado à pessoa com surdez
 
Apresentação de Libras
Apresentação de LibrasApresentação de Libras
Apresentação de Libras
 

Destaque

Cut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadora
Cut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadoraCut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadora
Cut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadora
zeramento contabil
 
Plano de Governo resumido - Educação e Ensino Superior
Plano de Governo resumido - Educação e Ensino SuperiorPlano de Governo resumido - Educação e Ensino Superior
Plano de Governo resumido - Educação e Ensino Superior
Marconi Ferreira Perillo Jr.
 
Relatorio e voto
Relatorio e votoRelatorio e voto
Relatorio e voto
LRicardi
 
Registro de estrangeiro no brasil
Registro de estrangeiro no brasilRegistro de estrangeiro no brasil
Registro de estrangeiro no brasil
Laerte Silva
 
Momento desejado
Momento desejadoMomento desejado
Momento desejado
mmaob
 
2a atividade de_genetica_molecula
2a atividade de_genetica_molecula2a atividade de_genetica_molecula
2a atividade de_genetica_molecula
ieda veras pereira
 
Blog de Jamildo - Valores de Bruno rodrigues
Blog de Jamildo - Valores de Bruno rodriguesBlog de Jamildo - Valores de Bruno rodrigues
Blog de Jamildo - Valores de Bruno rodrigues
Jamildo Melo
 
Festa de mascaras
Festa de mascarasFesta de mascaras
Festa de mascaras
neqas
 
Rima para desenvolver a lateralidade criada pela turma
Rima para desenvolver a lateralidade criada pela turmaRima para desenvolver a lateralidade criada pela turma
Rima para desenvolver a lateralidade criada pela turma
arsgf
 

Destaque (20)

Master super ole alv iii
Master super ole alv iiiMaster super ole alv iii
Master super ole alv iii
 
Cut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadora
Cut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadoraCut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadora
Cut eh condenada_a_pagar_ferias_em_dobro_a_trabalhadora
 
Plano de Governo resumido - Educação e Ensino Superior
Plano de Governo resumido - Educação e Ensino SuperiorPlano de Governo resumido - Educação e Ensino Superior
Plano de Governo resumido - Educação e Ensino Superior
 
Evidencia 1 1.1
Evidencia 1   1.1Evidencia 1   1.1
Evidencia 1 1.1
 
Família sousa
Família sousaFamília sousa
Família sousa
 
Teste
TesteTeste
Teste
 
Relatorio e voto
Relatorio e votoRelatorio e voto
Relatorio e voto
 
Roland Barthes
Roland BarthesRoland Barthes
Roland Barthes
 
De que se trata
De que se trataDe que se trata
De que se trata
 
Registro de estrangeiro no brasil
Registro de estrangeiro no brasilRegistro de estrangeiro no brasil
Registro de estrangeiro no brasil
 
Licao2 2
Licao2 2Licao2 2
Licao2 2
 
Situação da Chapa 1 gera dúvidas
Situação da Chapa 1 gera dúvidasSituação da Chapa 1 gera dúvidas
Situação da Chapa 1 gera dúvidas
 
Vitamina D5
Vitamina D5Vitamina D5
Vitamina D5
 
Momento desejado
Momento desejadoMomento desejado
Momento desejado
 
Notas CDII
Notas CDIINotas CDII
Notas CDII
 
2a atividade de_genetica_molecula
2a atividade de_genetica_molecula2a atividade de_genetica_molecula
2a atividade de_genetica_molecula
 
Seguridad en internet y telefonia celular .
Seguridad en internet y telefonia celular .Seguridad en internet y telefonia celular .
Seguridad en internet y telefonia celular .
 
Blog de Jamildo - Valores de Bruno rodrigues
Blog de Jamildo - Valores de Bruno rodriguesBlog de Jamildo - Valores de Bruno rodrigues
Blog de Jamildo - Valores de Bruno rodrigues
 
Festa de mascaras
Festa de mascarasFesta de mascaras
Festa de mascaras
 
Rima para desenvolver a lateralidade criada pela turma
Rima para desenvolver a lateralidade criada pela turmaRima para desenvolver a lateralidade criada pela turma
Rima para desenvolver a lateralidade criada pela turma
 

Semelhante a Relato da aula 1

Actividades da BE/CRE
Actividades da BE/CREActividades da BE/CRE
Actividades da BE/CRE
arcbeantero
 

Semelhante a Relato da aula 1 (20)

Relato da aula 1
Relato da aula 1Relato da aula 1
Relato da aula 1
 
Actividades da BE/CRE
Actividades da BE/CREActividades da BE/CRE
Actividades da BE/CRE
 
Slide plano de aula
Slide plano de aulaSlide plano de aula
Slide plano de aula
 
Unidade3 atividade2 plano de aula edna
Unidade3 atividade2 plano de aula ednaUnidade3 atividade2 plano de aula edna
Unidade3 atividade2 plano de aula edna
 
Unidade3 atividade2 plano de aula penha
Unidade3 atividade2 plano de aula penhaUnidade3 atividade2 plano de aula penha
Unidade3 atividade2 plano de aula penha
 
Unidade3 atividade2 plano de aula terezinha
Unidade3 atividade2 plano de aula terezinhaUnidade3 atividade2 plano de aula terezinha
Unidade3 atividade2 plano de aula terezinha
 
Unidade3 atividade2 plano_de_ aula _terezinha_2-3
Unidade3 atividade2 plano_de_ aula _terezinha_2-3Unidade3 atividade2 plano_de_ aula _terezinha_2-3
Unidade3 atividade2 plano_de_ aula _terezinha_2-3
 
Unidade3 ativ 2_penha
Unidade3 ativ 2_penhaUnidade3 ativ 2_penha
Unidade3 ativ 2_penha
 
JT EM AÇÃO 4
JT EM AÇÃO 4JT EM AÇÃO 4
JT EM AÇÃO 4
 
JT EM AÇÃO 2017- 4
JT EM AÇÃO 2017- 4JT EM AÇÃO 2017- 4
JT EM AÇÃO 2017- 4
 
Artefactos dez 2010
Artefactos dez 2010Artefactos dez 2010
Artefactos dez 2010
 
Publicar
Publicar   Publicar
Publicar
 
Boletim Informativo - fevereiro 2014
Boletim Informativo - fevereiro 2014Boletim Informativo - fevereiro 2014
Boletim Informativo - fevereiro 2014
 
Webfólio EM Prof Maria Tereza Rodrigues - 2º Semestre de 2014
Webfólio EM Prof Maria Tereza Rodrigues -  2º Semestre de 2014Webfólio EM Prof Maria Tereza Rodrigues -  2º Semestre de 2014
Webfólio EM Prof Maria Tereza Rodrigues - 2º Semestre de 2014
 
Seminario
SeminarioSeminario
Seminario
 
Surpresa
Surpresa Surpresa
Surpresa
 
Boletim nº 3
Boletim nº 3 Boletim nº 3
Boletim nº 3
 
Projeto interdisciplinar de alfabetização
Projeto interdisciplinar de alfabetizaçãoProjeto interdisciplinar de alfabetização
Projeto interdisciplinar de alfabetização
 
12ª mssfi stands
12ª mssfi stands12ª mssfi stands
12ª mssfi stands
 
Boletim Novembro 10
Boletim Novembro 10Boletim Novembro 10
Boletim Novembro 10
 

Relato da aula 1

  • 1. Sala de aula Escola Profª Aldenora Alves Correia Início da aula apresentação Penha apresentando cartaz com diversidade textual Início da aula apresentação Apresentação do clipe Baile dos passarinhos Interagindo com os alunos Os alunos representando o quantitativo de Cantando a musica Pintinho Amarelo Painel diversidade textual passarinhos por extenso Aprendendo com os diferentes tipos de textos e recursos tecnológicos Relato da aula A aula aconteceu na Escola Estadual Profª Aldenora Alves Correia, situada no Bairro Alto Bonito, Município de Tocantinópolis, na turma do 2º ano da professora Lindalva, no Laboratório de Informática, com os alunos que apresentam dificuldades de aprendizagem. Iniciamos a aula com apresentação em data show dos diferentes tipos de gêneros textuais, com o objetivo de mostrar aos alunos a diversidade textual. Ao mostrar os diferentes tipos de textos íamos questionando a estrutura de cada um e interagindo com os alunos através de questionamento e a receptividade dos mesmos através das respostas corresponderam nossas expectativas, percebemos que quando uma aula é bem planejada com recursos que chamam atenção dos alunos o ensino e aprendizagem acontecem e a sala de aula torna-se um espaço criativo e acolhedor. O trabalho com recursos tecnológicos, os sites educacionais e a metodologia aplicada através de musicas chamaram muita atenção dos alunos, proporcionando interesse em participar das atividades proposta no decorrer da aula. São alunos de um bairro muito carente, que o acesso as tecnologias são poucas, em ciber. ou na escola, por isso um dos nossos objetivos é colocar os alunos, para digitar suas produções. Foi muito gratificante a interação com os alunos, em uma sala de aula a aprendizagem ocorrem de ambas as partes. Concluímos que, o contato entre aluno, professor e tecnologia tornou-se um processo desafiador e que a aprendizagem flui de forma dinâmica.