SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola Estadual Bacharel Antonio Alves
Trabalho de Geografia sobre povos
africanos
Elaborado por: Ruan, Gabriel P., Mateus, Alan,
Caleverson.
Turma:9°A
POVO PIGMEU
POVO PIGMEUPOVO PIGMEU
Eles vivem principalmente na região das florestas da
Africa Equatorial.
Além da baixa estatura os pigmeus se caracterizam
por possuir pele de cor escura (Negra) e cabelos
encaracolados.
Alguns grupos de pigmeus vivem de caça, pesca e
coleta de frutos e raízes.
Pigmeus9°a
Os Pigmeus, por viverem na floresta tropical escura,
quente e úmida, encontram na coleta e na caça suas
formas de subsistência. Não acumulam alimentos nem
bens naturais e vivem daquilo que a natureza lhes
oferece.
Pigmeus9°a
A Religião dos Pigmeus
Não é fácil falar da religião dos Pigmeus, porque
eles não costumam expressar suas crenças com
ritos externos e, além disso, a dos diferentes
grupos não é uniforme. Geralmente, creem num
Ser Supremo criador, que se personifica no deus
da selva, do céu e do além. Creem ainda que as
almas dos bons se convertem em estrelas do
firmamento, enquanto as almas dos maus são a
vagar eternamente pela selva e dão origem às
doenças dos humanos.
Pigmeus9°a
Os pigmeus raramente chegam a 1,50 m de altura,
mesmo na idade adulta. Isso porque esses nativos da
África Central, cujo nome virou sinônimo de pequeno,
não passam pelo período de crescimento rápido que
caracteriza a puberdade. Essa deficiência está associada
à escassez, no seu organismo, do Fator de Crescimento,
como Insulina ou IGF 1. Exames destinados a medir
esse fator constataram que crianças possuem 89
nanogramas do IGF 1 por mililitro de sangue (ng/ml),
enquanto crianças americanas têm 108 ng/ml. Um
nanograma é igual a um bilionésimo de grama. Na
puberdade, a diferença se acentua: 435 ng/ml nos
adolescentes americanos e 154 ng/ml no caso dos
pigmeus. O curioso é que as crianças não são as mais
baixas: ficam em 18, lugar entre 38 grupos.
Pigmeus9°a
Curiosidades:
Os pigmeus vestem se com fibras, raízes e
folhas de plantas. Mas atualmente têm
vindo a vestirem-se com camisolas e
vestidos, são roupas muito velhas que não
utilizam para enfeitarem-se mas sim para
cobrir o corpo.
Pigmeus o Povo Anão da África

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Pigmeus9°a

Estefani Vitoria t43
Estefani Vitoria t43Estefani Vitoria t43
Estefani Vitoria t43
inclusaodigital2011
 
Biologia Dos Vertebrados- Gravatal- SC
Biologia Dos Vertebrados- Gravatal- SCBiologia Dos Vertebrados- Gravatal- SC
Biologia Dos Vertebrados- Gravatal- SC
Thiago Neves
 
Produção e Reprodução de Roedores e lagomorfos
Produção e Reprodução de Roedores e lagomorfosProdução e Reprodução de Roedores e lagomorfos
Produção e Reprodução de Roedores e lagomorfos
Evelyn Golin
 
Sumario ararinha azul
Sumario ararinha azulSumario ararinha azul
Sumario ararinha azul
Projeto Golfinho Rotador
 
Arara 2º C
Arara 2º CArara 2º C
Coelhos bioclimatologia
Coelhos bioclimatologiaCoelhos bioclimatologia
Coelhos bioclimatologia
Evelyn Golin
 
Postagem animais em extinção 302
Postagem animais em extinção   302Postagem animais em extinção   302
Postagem animais em extinção 302
lucianaargos
 
Animais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power pointAnimais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power point
Xtrem99
 
Animais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power pointAnimais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power point
Xtrem199
 
Tucano pedro filipe
Tucano   pedro filipeTucano   pedro filipe
Tucano pedro filipe
Daniel Pimenta
 
Slide suínos
Slide suínosSlide suínos
Slide suínos
Larissa Lobo
 
Animais Em Vias De Extinção
Animais Em Vias De Extinção  Animais Em Vias De Extinção
Animais Em Vias De Extinção
Maria Olinda Mineiro
 
Robson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºcRobson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Florestas e os seus animais trabalho[1]
Florestas e os seus animais trabalho[1]Florestas e os seus animais trabalho[1]
Florestas e os seus animais trabalho[1]
Da Costa Dylan
 
Coelhos – pet ou animais de produção
Coelhos – pet ou animais de produçãoCoelhos – pet ou animais de produção
Coelhos – pet ou animais de produção
Evelyn Golin
 
Biodiversidade / Taxonomia
Biodiversidade / TaxonomiaBiodiversidade / Taxonomia
Biodiversidade / Taxonomia
Silvana Sanches
 

Semelhante a Pigmeus9°a (16)

Estefani Vitoria t43
Estefani Vitoria t43Estefani Vitoria t43
Estefani Vitoria t43
 
Biologia Dos Vertebrados- Gravatal- SC
Biologia Dos Vertebrados- Gravatal- SCBiologia Dos Vertebrados- Gravatal- SC
Biologia Dos Vertebrados- Gravatal- SC
 
Produção e Reprodução de Roedores e lagomorfos
Produção e Reprodução de Roedores e lagomorfosProdução e Reprodução de Roedores e lagomorfos
Produção e Reprodução de Roedores e lagomorfos
 
Sumario ararinha azul
Sumario ararinha azulSumario ararinha azul
Sumario ararinha azul
 
Arara 2º C
Arara 2º CArara 2º C
Arara 2º C
 
Coelhos bioclimatologia
Coelhos bioclimatologiaCoelhos bioclimatologia
Coelhos bioclimatologia
 
Postagem animais em extinção 302
Postagem animais em extinção   302Postagem animais em extinção   302
Postagem animais em extinção 302
 
Animais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power pointAnimais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power point
 
Animais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power pointAnimais em vias de extinção power point
Animais em vias de extinção power point
 
Tucano pedro filipe
Tucano   pedro filipeTucano   pedro filipe
Tucano pedro filipe
 
Slide suínos
Slide suínosSlide suínos
Slide suínos
 
Animais Em Vias De Extinção
Animais Em Vias De Extinção  Animais Em Vias De Extinção
Animais Em Vias De Extinção
 
Robson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºcRobson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºc
 
Florestas e os seus animais trabalho[1]
Florestas e os seus animais trabalho[1]Florestas e os seus animais trabalho[1]
Florestas e os seus animais trabalho[1]
 
Coelhos – pet ou animais de produção
Coelhos – pet ou animais de produçãoCoelhos – pet ou animais de produção
Coelhos – pet ou animais de produção
 
Biodiversidade / Taxonomia
Biodiversidade / TaxonomiaBiodiversidade / Taxonomia
Biodiversidade / Taxonomia
 

Mais de Cintia Cristina Souza Pereira

Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentesPaíses Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Cintia Cristina Souza Pereira
 
Povo Surma
Povo SurmaPovo Surma
Mursi9a
Mursi9aMursi9a
Ndebele 9°b
Ndebele 9°bNdebele 9°b
Massais 9 a
Massais 9 aMassais 9 a
Nuers
NuersNuers
Povo Zulu
Povo ZuluPovo Zulu

Mais de Cintia Cristina Souza Pereira (7)

Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentesPaíses Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
 
Povo Surma
Povo SurmaPovo Surma
Povo Surma
 
Mursi9a
Mursi9aMursi9a
Mursi9a
 
Ndebele 9°b
Ndebele 9°bNdebele 9°b
Ndebele 9°b
 
Massais 9 a
Massais 9 aMassais 9 a
Massais 9 a
 
Nuers
NuersNuers
Nuers
 
Povo Zulu
Povo ZuluPovo Zulu
Povo Zulu
 

Último

Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 

Último (20)

Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 

Pigmeus9°a

  • 1. Escola Estadual Bacharel Antonio Alves Trabalho de Geografia sobre povos africanos Elaborado por: Ruan, Gabriel P., Mateus, Alan, Caleverson. Turma:9°A POVO PIGMEU
  • 3. Eles vivem principalmente na região das florestas da Africa Equatorial. Além da baixa estatura os pigmeus se caracterizam por possuir pele de cor escura (Negra) e cabelos encaracolados. Alguns grupos de pigmeus vivem de caça, pesca e coleta de frutos e raízes.
  • 5. Os Pigmeus, por viverem na floresta tropical escura, quente e úmida, encontram na coleta e na caça suas formas de subsistência. Não acumulam alimentos nem bens naturais e vivem daquilo que a natureza lhes oferece.
  • 7. A Religião dos Pigmeus Não é fácil falar da religião dos Pigmeus, porque eles não costumam expressar suas crenças com ritos externos e, além disso, a dos diferentes grupos não é uniforme. Geralmente, creem num Ser Supremo criador, que se personifica no deus da selva, do céu e do além. Creem ainda que as almas dos bons se convertem em estrelas do firmamento, enquanto as almas dos maus são a vagar eternamente pela selva e dão origem às doenças dos humanos.
  • 9. Os pigmeus raramente chegam a 1,50 m de altura, mesmo na idade adulta. Isso porque esses nativos da África Central, cujo nome virou sinônimo de pequeno, não passam pelo período de crescimento rápido que caracteriza a puberdade. Essa deficiência está associada à escassez, no seu organismo, do Fator de Crescimento, como Insulina ou IGF 1. Exames destinados a medir esse fator constataram que crianças possuem 89 nanogramas do IGF 1 por mililitro de sangue (ng/ml), enquanto crianças americanas têm 108 ng/ml. Um nanograma é igual a um bilionésimo de grama. Na puberdade, a diferença se acentua: 435 ng/ml nos adolescentes americanos e 154 ng/ml no caso dos pigmeus. O curioso é que as crianças não são as mais baixas: ficam em 18, lugar entre 38 grupos.
  • 11. Curiosidades: Os pigmeus vestem se com fibras, raízes e folhas de plantas. Mas atualmente têm vindo a vestirem-se com camisolas e vestidos, são roupas muito velhas que não utilizam para enfeitarem-se mas sim para cobrir o corpo.
  • 12. Pigmeus o Povo Anão da África