SlideShare uma empresa Scribd logo
Trabalho de Geografia
Povo Zulu
Elaborado por:Elaborado por:
Kelin , GiovaneKelin , Giovane
Micheli, Julie e NelcieleMicheli, Julie e Nelciele
Professora: CintiaProfessora: Cintia
Povo Zulu
localização
●
Os zulus são um povo que vive na África,mais
especificamente na região da África do Sul, Lesoto,
Suazilândia, Zimbábue e Moçambique. Atualmente os zulus,
tem expansão e poder políticos restritos,mas no passado,
foi uma nação guerreira que resistiu ao máximo à invasão
Imperialista Britânica e Bôere no século XIX.
Povo Zulu
origem
●.
Os zulus eram originalmente um
grande clã onde hoje é o norte do
kwaZulu-Natal. Foi fundada por Zulu
kaNtombhela. Em 1816, os zulus
formaram um poderoso estado sob
liderança de Shaka.
Lider Shaka
O Artesanato
● O artesanato zulu está cheio de simbologia desde
a roupa até ao artesanato. Cada cor usada tem um
significado .
Branco : representa a pureza
Preto: a raiva
vermelho: o amor
rosa: a pobreza
Vestuário
A roupa tradicional dos Zulus é feita com fibras de palha e
algodão, além de peles de animais. As mulheres cobrem
tradicionalmente suas cabeças, usando elegantes
chapéus de palha, como sinal de respeito. O vestuário
tradicional Zulu é muito colorido e quase sempre incorpora
trabalhos de miçangas. Alguns possuem significados
simbólicos dentro dessa cultura.
Isicholo, um grande chapéu de palha por mulher,
especialmente pelas adultas.
Isidwaba, uma saia de couro plissado, por vezes
decorada por miçangas.
Uhbulahlu, cocares e colares de miçangas.
Amabheshu, um avental “usado nas costas feitos
com pele de animais usado por homens
Trajes
Danças
● A dança guerreira em memória de
shaka .É gumboot dance: da África do
sul tem como característica o fato de
ser dançado por homens com botas de
wellington ,( botas de borracha) .
Povo Zulu
No casamento Zulu o homem pede à família da
mulher a sua mão em casamento,se os pais
concordarem o noivo deve pagar o lobola (dote)
que significa dar aos pais algo de valor para ter a
permissão de se casar com a filha.
Superando os preconceitos, foi na tribo Zulu que
aconteceu o primeiro casamento homossexual
entre as tribos africanas.
Povo Zulu

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

EstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino Vieira
EstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino VieiraEstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino Vieira
EstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino Vieira
catiasgs
 
Escravidão / Resistência
Escravidão / ResistênciaEscravidão / Resistência
Escravidão / Resistência
Joemille Leal
 
Evolução Histórica do Trabalho
Evolução Histórica  do TrabalhoEvolução Histórica  do Trabalho
Evolução Histórica do Trabalho
Luisa Lamas
 
Diversidade Cultural na África - Prof. Altair Aguilar
Diversidade Cultural na África - Prof. Altair AguilarDiversidade Cultural na África - Prof. Altair Aguilar
Diversidade Cultural na África - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Halloween
HalloweenHalloween
Halloween
Achas Admira-te
 
cultura e religião do norte
cultura e religião do nortecultura e religião do norte
cultura e religião do norte
MAIANASC
 
Apresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do deseho
Apresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do desehoApresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do deseho
Apresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do deseho
Colégio Santa terezinha
 
História Cultural dos Povos Africanos
História Cultural dos Povos AfricanosHistória Cultural dos Povos Africanos
História Cultural dos Povos Africanos
Isaquel Silva
 
O rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscasO rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscas
Vanessa Pereira
 
Cultura africana
Cultura africanaCultura africana
Cultura africana
Julio_Cezar10
 
JUDAÍSMO
JUDAÍSMOJUDAÍSMO
Racismo
RacismoRacismo
Racismo
Ana Barros
 
Xenofobia
Xenofobia Xenofobia
Xenofobia
JooLuisLatour
 
Cultura indígena
Cultura indígenaCultura indígena
Cultura indígena
Paula Naranjo
 
Diálogo inter religioso
Diálogo inter religiosoDiálogo inter religioso
Diálogo inter religioso
Espaço Emrc
 
Evolução da agricultura e suas técnicas
Evolução da agricultura e suas técnicasEvolução da agricultura e suas técnicas
Evolução da agricultura e suas técnicas
cesar ferreira da silva
 
Halloween
HalloweenHalloween
Cultura negra
Cultura negraCultura negra
Cultura negra
Daniele Lino
 
Biografia de luis sepulveda
Biografia de luis sepulvedaBiografia de luis sepulveda
Biografia de luis sepulveda
Miguel Carvalho
 
Xenofobia e Racismo
Xenofobia e RacismoXenofobia e Racismo
Xenofobia e Racismo
Tânia Domingos
 

Mais procurados (20)

EstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino Vieira
EstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino VieiraEstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino Vieira
EstóRia Do LadrãO E Do Papagaio, Luandino Vieira
 
Escravidão / Resistência
Escravidão / ResistênciaEscravidão / Resistência
Escravidão / Resistência
 
Evolução Histórica do Trabalho
Evolução Histórica  do TrabalhoEvolução Histórica  do Trabalho
Evolução Histórica do Trabalho
 
Diversidade Cultural na África - Prof. Altair Aguilar
Diversidade Cultural na África - Prof. Altair AguilarDiversidade Cultural na África - Prof. Altair Aguilar
Diversidade Cultural na África - Prof. Altair Aguilar
 
Halloween
HalloweenHalloween
Halloween
 
cultura e religião do norte
cultura e religião do nortecultura e religião do norte
cultura e religião do norte
 
Apresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do deseho
Apresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do desehoApresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do deseho
Apresentação sobre Patrimônio cultural, arte popular e os elementos do deseho
 
História Cultural dos Povos Africanos
História Cultural dos Povos AfricanosHistória Cultural dos Povos Africanos
História Cultural dos Povos Africanos
 
O rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscasO rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscas
 
Cultura africana
Cultura africanaCultura africana
Cultura africana
 
JUDAÍSMO
JUDAÍSMOJUDAÍSMO
JUDAÍSMO
 
Racismo
RacismoRacismo
Racismo
 
Xenofobia
Xenofobia Xenofobia
Xenofobia
 
Cultura indígena
Cultura indígenaCultura indígena
Cultura indígena
 
Diálogo inter religioso
Diálogo inter religiosoDiálogo inter religioso
Diálogo inter religioso
 
Evolução da agricultura e suas técnicas
Evolução da agricultura e suas técnicasEvolução da agricultura e suas técnicas
Evolução da agricultura e suas técnicas
 
Halloween
HalloweenHalloween
Halloween
 
Cultura negra
Cultura negraCultura negra
Cultura negra
 
Biografia de luis sepulveda
Biografia de luis sepulvedaBiografia de luis sepulveda
Biografia de luis sepulveda
 
Xenofobia e Racismo
Xenofobia e RacismoXenofobia e Racismo
Xenofobia e Racismo
 

Semelhante a Povo Zulu

Zulu
ZuluZulu
Sul da áfrica
Sul da áfricaSul da áfrica
Sul da áfrica
Cláudia Cerqueira
 
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fundAtividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades Diversas Cláudia
 
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fundAtividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades Diversas Cláudia
 
Continete Africano
Continete AfricanoContinete Africano
Continete Africano
pratesclaudio
 
Aborígenes australianos
Aborígenes australianosAborígenes australianos
Aborígenes australianos
Ana Pereira
 
Cultura africana
Cultura africanaCultura africana
Cultura africana
José Emílio
 
Segmento 10 - Arte Africana
Segmento 10 - Arte AfricanaSegmento 10 - Arte Africana
Segmento 10 - Arte Africana
ProfaXavier
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
Gabriel Carvalho de Sá
 
Antropologia angolana
Antropologia angolanaAntropologia angolana
Antropologia angolana
Evonaldo Gonçalves Vanny
 

Semelhante a Povo Zulu (10)

Zulu
ZuluZulu
Zulu
 
Sul da áfrica
Sul da áfricaSul da áfrica
Sul da áfrica
 
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fundAtividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
 
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fundAtividades os povos africanos topico 4 historia fund
Atividades os povos africanos topico 4 historia fund
 
Continete Africano
Continete AfricanoContinete Africano
Continete Africano
 
Aborígenes australianos
Aborígenes australianosAborígenes australianos
Aborígenes australianos
 
Cultura africana
Cultura africanaCultura africana
Cultura africana
 
Segmento 10 - Arte Africana
Segmento 10 - Arte AfricanaSegmento 10 - Arte Africana
Segmento 10 - Arte Africana
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Antropologia angolana
Antropologia angolanaAntropologia angolana
Antropologia angolana
 

Mais de Cintia Cristina Souza Pereira

Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentesPaíses Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Cintia Cristina Souza Pereira
 
Povo Surma
Povo SurmaPovo Surma
Mursi9a
Mursi9aMursi9a
Ndebele 9°b
Ndebele 9°bNdebele 9°b
Massais 9 a
Massais 9 aMassais 9 a
Pigmeus9°a
Pigmeus9°aPigmeus9°a
Nuers
NuersNuers

Mais de Cintia Cristina Souza Pereira (7)

Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentesPaíses Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
 
Povo Surma
Povo SurmaPovo Surma
Povo Surma
 
Mursi9a
Mursi9aMursi9a
Mursi9a
 
Ndebele 9°b
Ndebele 9°bNdebele 9°b
Ndebele 9°b
 
Massais 9 a
Massais 9 aMassais 9 a
Massais 9 a
 
Pigmeus9°a
Pigmeus9°aPigmeus9°a
Pigmeus9°a
 
Nuers
NuersNuers
Nuers
 

Último

Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFVRegistros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Yan Kayk da Cruz Ferreira
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
FLAVIOROBERTOGOUVEA
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 

Último (20)

Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFVRegistros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 

Povo Zulu

  • 1. Trabalho de Geografia Povo Zulu Elaborado por:Elaborado por: Kelin , GiovaneKelin , Giovane Micheli, Julie e NelcieleMicheli, Julie e Nelciele Professora: CintiaProfessora: Cintia
  • 3. localização ● Os zulus são um povo que vive na África,mais especificamente na região da África do Sul, Lesoto, Suazilândia, Zimbábue e Moçambique. Atualmente os zulus, tem expansão e poder políticos restritos,mas no passado, foi uma nação guerreira que resistiu ao máximo à invasão Imperialista Britânica e Bôere no século XIX.
  • 5. origem ●. Os zulus eram originalmente um grande clã onde hoje é o norte do kwaZulu-Natal. Foi fundada por Zulu kaNtombhela. Em 1816, os zulus formaram um poderoso estado sob liderança de Shaka.
  • 7. O Artesanato ● O artesanato zulu está cheio de simbologia desde a roupa até ao artesanato. Cada cor usada tem um significado . Branco : representa a pureza Preto: a raiva vermelho: o amor rosa: a pobreza
  • 8. Vestuário A roupa tradicional dos Zulus é feita com fibras de palha e algodão, além de peles de animais. As mulheres cobrem tradicionalmente suas cabeças, usando elegantes chapéus de palha, como sinal de respeito. O vestuário tradicional Zulu é muito colorido e quase sempre incorpora trabalhos de miçangas. Alguns possuem significados simbólicos dentro dessa cultura. Isicholo, um grande chapéu de palha por mulher, especialmente pelas adultas. Isidwaba, uma saia de couro plissado, por vezes decorada por miçangas. Uhbulahlu, cocares e colares de miçangas. Amabheshu, um avental “usado nas costas feitos com pele de animais usado por homens
  • 10. Danças ● A dança guerreira em memória de shaka .É gumboot dance: da África do sul tem como característica o fato de ser dançado por homens com botas de wellington ,( botas de borracha) .
  • 12. No casamento Zulu o homem pede à família da mulher a sua mão em casamento,se os pais concordarem o noivo deve pagar o lobola (dote) que significa dar aos pais algo de valor para ter a permissão de se casar com a filha.
  • 13. Superando os preconceitos, foi na tribo Zulu que aconteceu o primeiro casamento homossexual entre as tribos africanas.