SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
ORIENTE MÉDIO

Dizem que o problema é religioso, mas é político.
“

Dizem que o problema é político, mas é religioso.
Dizem que há um problema, mas na verdade não há
  solução.
Dizem que há uma verdade, mas na verdade só há
  mentiras.
Será que Deus está ouvindo?
Jerusalém está surda
Autor desconhecido




                                    Prof. Norma Almeida
•Egito - país predominantemente africano

•Países da península arábica (Arábia Saudita,
Iêmen, Qatar, Emirados Árabes Unidos, Kuwait)

• Israel, Jordânia, Síria, Líbano, Iraque, Irã;

•Chipre - país insular, que ocupa grande parte
de uma ilha no Mediterrâneo

•Turquia , embora possuindo uma parte de seu
território na Europa.
•Afeganistão
Oriente Médio

Tradicionalmente, o poder do Líbano era repartido
com base em critérios os religiosos:

Presidente da República- Cristãos Maronitas
Primeiro Ministro- Sunitas
Cargo inferiores – Xiitas,Cristão ortodoxos e
Drusos
Oriente Médio

Para minimizar as tensões a ONU sugeriu
que o governo do Líbano fosse composto
pelos lideres de vários grupos religiosos,
porém mesmo assim, a proposta não impediu
o início de uma guerra entre diversas
facções religiosas em 1975 no país.
HEZBOLLAH


Grupo formado por xiitas, que são maioria
nessa região, e seu objetivo é destruir o estado
de Israel para construir no lugar o Estado
Palestino.em 1982 quando foi criado no Irã, o
Hezbollah ataca o território israelense.
Guerra Irã-Iraque

Em setembro de 1980 Hussein declarou
guerra aos iranianos. Seu objetivo era
conquistar o território petrolífero iraniano,
obter a liderança moral do mundo árabe e
debilitar a influencia Xiita no Iraque e nos
demais países do oriente médio.
Guerra do Golfo

Em julho de 1990, Saddam Hussein, então
presidente do Iraque, acusou o Kuwait de causar a
queda dos preços do petróleo e retomou antigas
questões de limites territoriais, além de exigir
indenizações. Como o Kuwait não cedeu, em 2 de
agosto de 1990, tropas iraquianas invadiram o
Kuwait, com a exigência do presidente Saddam
Hussein de controlar seus vastos e valiosos
campos de petróleo. Este acontecimento provocou
uma reação imediata da comunidade internacional.
Perante o desenvolvimento do conflito, a ONU, em 29 de
novembro, autorizou o uso da força, caso o Iraque não
abandonasse o território do Kuwait até 15 de janeiro de
1991. Uma coalizão de 29 países, liderada pelos Estados
Unidos da América foi mobilizada.
A atividade diplomática intensa fracassou, e em 17 de
janeiro de 1991 um massivo ataque aéreo foi iniciado. Do
conjunto de nações participantes, destacam-se os Estados
Unidos da América, a Grã-Bretanha, a França, a Arábia
Saudita, o Egito e a Síria. Quase no limite do prazo dado
pela ONU para a retirada do Kuwait, o Irã e a União
Soviética fizeram um último esforço pela paz
Armamentos, equipamentos e estratégias
Pelo lado aliado, a guerra contou com importante
equipamento eletrônico , principalmente os caças F-117,
bombas guiadas a laser e mísseis teleguiados. O
sistema de defesa iraquiano, que incluía armas
químicas e biológicas, e foi planejadamente destruído
por mísseis ar-terra. O Iraque não usou, como
ameaçara, o gás de combate. Os mísseis SCUD que
mandara lançar sobre Israel também falharam o seu
intento de fazer com que este país entrasse no conflito,
por forma a reunir o apoio das nações árabes. A
superioridade        tecnológica        do Ocidente era
avassaladora. Saddam estava isolado e em pouco
tempo foi derrotado

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Aula oriente médio2
Aula oriente médio2Aula oriente médio2
Aula oriente médio2
 
Palestinos judeus revisado
Palestinos judeus revisadoPalestinos judeus revisado
Palestinos judeus revisado
 
Oriente medio geral
Oriente medio geralOriente medio geral
Oriente medio geral
 
Conflitos no oriente médio
Conflitos no oriente médioConflitos no oriente médio
Conflitos no oriente médio
 
Oriente medio
Oriente medioOriente medio
Oriente medio
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
 
O oriente médio e os conflitos
O oriente médio e os conflitosO oriente médio e os conflitos
O oriente médio e os conflitos
 
Tensões no Mundo Islâmico
Tensões no Mundo IslâmicoTensões no Mundo Islâmico
Tensões no Mundo Islâmico
 
Oriente Médio Evolução Histórica
Oriente Médio  Evolução HistóricaOriente Médio  Evolução Histórica
Oriente Médio Evolução Histórica
 
Conflitos oriente
Conflitos orienteConflitos oriente
Conflitos oriente
 
Oriente MéDio
Oriente MéDioOriente MéDio
Oriente MéDio
 
Oriente médio uma região de conflitos
Oriente médio uma região de conflitosOriente médio uma região de conflitos
Oriente médio uma região de conflitos
 
Oriente Medio
Oriente MedioOriente Medio
Oriente Medio
 
26. conflitos no oriente médio
26. conflitos no oriente médio26. conflitos no oriente médio
26. conflitos no oriente médio
 
Israel e a questão palestina
Israel e a questão palestinaIsrael e a questão palestina
Israel e a questão palestina
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
 
Entendendo o conflito israel x palestina
Entendendo o conflito israel x palestinaEntendendo o conflito israel x palestina
Entendendo o conflito israel x palestina
 
Israel e os conflitos árabes
Israel e os conflitos árabesIsrael e os conflitos árabes
Israel e os conflitos árabes
 
oriente medio
oriente mediooriente medio
oriente medio
 
Conflitos contemporâneos no oriente médio
Conflitos contemporâneos no oriente médioConflitos contemporâneos no oriente médio
Conflitos contemporâneos no oriente médio
 

Semelhante a Oriente médio

Aula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioAula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioBruna Tiago
 
Aula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioAula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioBruna Tiago
 
Aula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioAula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioBruna Tiago
 
Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)Norma Almeida
 
Oriente médio e estado islâmico
Oriente médio e estado islâmicoOriente médio e estado islâmico
Oriente médio e estado islâmicoArtur Lara
 
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012williandadalto
 
Questoes sobre Conflitos Étnicos
Questoes sobre Conflitos ÉtnicosQuestoes sobre Conflitos Étnicos
Questoes sobre Conflitos ÉtnicosCarolyn Fonseca
 
3ano questoesdeconflitosetnicos
3ano questoesdeconflitosetnicos3ano questoesdeconflitosetnicos
3ano questoesdeconflitosetnicosPetrus Negreiro
 
Slides geografia sobre geopolitica!!.pptx
Slides geografia sobre geopolitica!!.pptxSlides geografia sobre geopolitica!!.pptx
Slides geografia sobre geopolitica!!.pptxviniciusmadruga4
 
Conflitos geopolíticos mundiais
Conflitos geopolíticos mundiaisConflitos geopolíticos mundiais
Conflitos geopolíticos mundiaisWilson Her
 
3º ano mundo contemporâneo 2 - oriente médio
3º ano   mundo contemporâneo 2 - oriente médio3º ano   mundo contemporâneo 2 - oriente médio
3º ano mundo contemporâneo 2 - oriente médioDaniel Alves Bronstrup
 
Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965
Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965
Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965alex reges
 
Guerra Irã x Iraque 1980-1988
Guerra Irã x Iraque 1980-1988Guerra Irã x Iraque 1980-1988
Guerra Irã x Iraque 1980-1988HelenJoice
 

Semelhante a Oriente médio (20)

Oriente Médio - Terra Santa?
Oriente Médio - Terra Santa?Oriente Médio - Terra Santa?
Oriente Médio - Terra Santa?
 
Geopolítica da Ásia
Geopolítica da ÁsiaGeopolítica da Ásia
Geopolítica da Ásia
 
Aula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioAula - Oriente Médio
Aula - Oriente Médio
 
Aula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioAula - Oriente Médio
Aula - Oriente Médio
 
Aula - Oriente Médio
Aula - Oriente MédioAula - Oriente Médio
Aula - Oriente Médio
 
Sudoeste Asiático - PARTE 2
Sudoeste Asiático - PARTE 2Sudoeste Asiático - PARTE 2
Sudoeste Asiático - PARTE 2
 
Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)Orientemedio parte1 170520101843 (2)
Orientemedio parte1 170520101843 (2)
 
A guerra do golfo e do iraque
A guerra do golfo e do iraqueA guerra do golfo e do iraque
A guerra do golfo e do iraque
 
Oriente médio e estado islâmico
Oriente médio e estado islâmicoOriente médio e estado islâmico
Oriente médio e estado islâmico
 
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
 
Questoes sobre Conflitos Étnicos
Questoes sobre Conflitos ÉtnicosQuestoes sobre Conflitos Étnicos
Questoes sobre Conflitos Étnicos
 
3ano questoesdeconflitosetnicos
3ano questoesdeconflitosetnicos3ano questoesdeconflitosetnicos
3ano questoesdeconflitosetnicos
 
Slides geografia sobre geopolitica!!.pptx
Slides geografia sobre geopolitica!!.pptxSlides geografia sobre geopolitica!!.pptx
Slides geografia sobre geopolitica!!.pptx
 
Conflitos geopolíticos mundiais
Conflitos geopolíticos mundiaisConflitos geopolíticos mundiais
Conflitos geopolíticos mundiais
 
Iraque
IraqueIraque
Iraque
 
3º ano mundo contemporâneo 2 - oriente médio
3º ano   mundo contemporâneo 2 - oriente médio3º ano   mundo contemporâneo 2 - oriente médio
3º ano mundo contemporâneo 2 - oriente médio
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
 
Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965
Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965
Oriente E Ocidente Conflitos E Coexistncia3965
 
Guerra Irã x Iraque 1980-1988
Guerra Irã x Iraque 1980-1988Guerra Irã x Iraque 1980-1988
Guerra Irã x Iraque 1980-1988
 
Dossiê Iraque
Dossiê Iraque Dossiê Iraque
Dossiê Iraque
 

Mais de Norma Almeida

Revolucao inglesa (1)
Revolucao inglesa (1)Revolucao inglesa (1)
Revolucao inglesa (1)Norma Almeida
 
Populismo na america-latina
Populismo na america-latinaPopulismo na america-latina
Populismo na america-latinaNorma Almeida
 
O processo de descolonização da ásia e da áfrica
O processo de descolonização da ásia e da áfricaO processo de descolonização da ásia e da áfrica
O processo de descolonização da ásia e da áfricaNorma Almeida
 
Haiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xx
Haiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xxHaiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xx
Haiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xxNorma Almeida
 
Rumos de um mundo global
Rumos de um mundo globalRumos de um mundo global
Rumos de um mundo globalNorma Almeida
 
Arte Afro Brasileira PóS
Arte Afro Brasileira PóSArte Afro Brasileira PóS
Arte Afro Brasileira PóSNorma Almeida
 
Graffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De RuaGraffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De RuaNorma Almeida
 
Graffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De RuaGraffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De RuaNorma Almeida
 
Paradigma Educacional Emergente
Paradigma Educacional EmergenteParadigma Educacional Emergente
Paradigma Educacional EmergenteNorma Almeida
 
Em Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAo
Em Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAoEm Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAo
Em Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAoNorma Almeida
 

Mais de Norma Almeida (18)

Revolucoes
RevolucoesRevolucoes
Revolucoes
 
Rev industrial
Rev industrialRev industrial
Rev industrial
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
 
áFrica
áFricaáFrica
áFrica
 
Revolucao inglesa (1)
Revolucao inglesa (1)Revolucao inglesa (1)
Revolucao inglesa (1)
 
Populismo na america-latina
Populismo na america-latinaPopulismo na america-latina
Populismo na america-latina
 
O processo de descolonização da ásia e da áfrica
O processo de descolonização da ásia e da áfricaO processo de descolonização da ásia e da áfrica
O processo de descolonização da ásia e da áfrica
 
Haiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xx
Haiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xxHaiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xx
Haiti,cuba,chile,nicarágua e colômbia no século xx
 
Rumos de um mundo global
Rumos de um mundo globalRumos de um mundo global
Rumos de um mundo global
 
Arte Afro Brasileira PóS
Arte Afro Brasileira PóSArte Afro Brasileira PóS
Arte Afro Brasileira PóS
 
Religiosidade
ReligiosidadeReligiosidade
Religiosidade
 
íNdios
íNdiosíNdios
íNdios
 
Graffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De RuaGraffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De Rua
 
Graffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De RuaGraffite Como Arte De Rua
Graffite Como Arte De Rua
 
éTica X Educacao
éTica X EducacaoéTica X Educacao
éTica X Educacao
 
Cultura Afro
Cultura AfroCultura Afro
Cultura Afro
 
Paradigma Educacional Emergente
Paradigma Educacional EmergenteParadigma Educacional Emergente
Paradigma Educacional Emergente
 
Em Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAo
Em Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAoEm Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAo
Em Busca De Um Novo Paradigma Na EducaçAo
 

Oriente médio

  • 1. ORIENTE MÉDIO Dizem que o problema é religioso, mas é político. “ Dizem que o problema é político, mas é religioso. Dizem que há um problema, mas na verdade não há solução. Dizem que há uma verdade, mas na verdade só há mentiras. Será que Deus está ouvindo? Jerusalém está surda Autor desconhecido Prof. Norma Almeida
  • 2.
  • 3. •Egito - país predominantemente africano •Países da península arábica (Arábia Saudita, Iêmen, Qatar, Emirados Árabes Unidos, Kuwait) • Israel, Jordânia, Síria, Líbano, Iraque, Irã; •Chipre - país insular, que ocupa grande parte de uma ilha no Mediterrâneo •Turquia , embora possuindo uma parte de seu território na Europa. •Afeganistão
  • 4. Oriente Médio Tradicionalmente, o poder do Líbano era repartido com base em critérios os religiosos: Presidente da República- Cristãos Maronitas Primeiro Ministro- Sunitas Cargo inferiores – Xiitas,Cristão ortodoxos e Drusos
  • 5. Oriente Médio Para minimizar as tensões a ONU sugeriu que o governo do Líbano fosse composto pelos lideres de vários grupos religiosos, porém mesmo assim, a proposta não impediu o início de uma guerra entre diversas facções religiosas em 1975 no país.
  • 6. HEZBOLLAH Grupo formado por xiitas, que são maioria nessa região, e seu objetivo é destruir o estado de Israel para construir no lugar o Estado Palestino.em 1982 quando foi criado no Irã, o Hezbollah ataca o território israelense.
  • 7. Guerra Irã-Iraque Em setembro de 1980 Hussein declarou guerra aos iranianos. Seu objetivo era conquistar o território petrolífero iraniano, obter a liderança moral do mundo árabe e debilitar a influencia Xiita no Iraque e nos demais países do oriente médio.
  • 8. Guerra do Golfo Em julho de 1990, Saddam Hussein, então presidente do Iraque, acusou o Kuwait de causar a queda dos preços do petróleo e retomou antigas questões de limites territoriais, além de exigir indenizações. Como o Kuwait não cedeu, em 2 de agosto de 1990, tropas iraquianas invadiram o Kuwait, com a exigência do presidente Saddam Hussein de controlar seus vastos e valiosos campos de petróleo. Este acontecimento provocou uma reação imediata da comunidade internacional.
  • 9. Perante o desenvolvimento do conflito, a ONU, em 29 de novembro, autorizou o uso da força, caso o Iraque não abandonasse o território do Kuwait até 15 de janeiro de 1991. Uma coalizão de 29 países, liderada pelos Estados Unidos da América foi mobilizada. A atividade diplomática intensa fracassou, e em 17 de janeiro de 1991 um massivo ataque aéreo foi iniciado. Do conjunto de nações participantes, destacam-se os Estados Unidos da América, a Grã-Bretanha, a França, a Arábia Saudita, o Egito e a Síria. Quase no limite do prazo dado pela ONU para a retirada do Kuwait, o Irã e a União Soviética fizeram um último esforço pela paz
  • 10. Armamentos, equipamentos e estratégias Pelo lado aliado, a guerra contou com importante equipamento eletrônico , principalmente os caças F-117, bombas guiadas a laser e mísseis teleguiados. O sistema de defesa iraquiano, que incluía armas químicas e biológicas, e foi planejadamente destruído por mísseis ar-terra. O Iraque não usou, como ameaçara, o gás de combate. Os mísseis SCUD que mandara lançar sobre Israel também falharam o seu intento de fazer com que este país entrasse no conflito, por forma a reunir o apoio das nações árabes. A superioridade tecnológica do Ocidente era avassaladora. Saddam estava isolado e em pouco tempo foi derrotado