SlideShare uma empresa Scribd logo
Inglês 9ª Classe
2.Women Occupations
 O verbo ‘to make’, que pode ser traduzido
para português como ‘fazer’, ‘criar’..., é usado
em inglês normalmente
1. For constructing (para construir, fabricar)
2. For building (para construir, edificar)
3. For creating (para criar)
4. For preparing (para preparar)
 Vejamos exemplos para cada um dos usos possível do verbo ‘to
make’.
1. For constructing/for building (para construir, fabricar, edificar)
‘My father made that car’.
‘O meu pai construiu esse carro’.
2. For creating (para criar)
‘Luena makes beautiful songs’.
‘Luena cria belas músicas’.
2. For preparing (para preparar)
‘Ekuikui made breakfast’.
‘Ekuikui preparou o pequeno-almoço’.
 O verbo ‘to do’, que pode ser traduzido para
português como ‘fazer’, ‘executar’..., é usado
em inglês normalmente
1. For actions (para acções)
2. For tasks (para tarefas)
3. For working or jobs (para trabalho)
 Vejamos exemplos para cada um dos usos possível do verbo ‘to
do’.
1. For actions (para acções)
‘Ekuikui does the same thing every morning’.
‘Ekuikui faz a mesma coisa todas as manhãs’.
2. For tasks (para tarefas)
‘Luena like to do the crosswords’.
‘Luena gosta de fazer as palavras-cruzadas’.
3. For working or jobs (para trabalho)
‘Ekuikui, do your job’.
‘Ekuikui, faz o teu trabalho’.

Mais conteúdo relacionado

Destaque (13)

Bens públicos e recursos comuns
Bens públicos e recursos comunsBens públicos e recursos comuns
Bens públicos e recursos comuns
 
Dons espirituais
Dons espirituaisDons espirituais
Dons espirituais
 
Xenofobia
XenofobiaXenofobia
Xenofobia
 
Trabalho xenofobia - a pblog
Trabalho   xenofobia - a pblogTrabalho   xenofobia - a pblog
Trabalho xenofobia - a pblog
 
Xenofobia
XenofobiaXenofobia
Xenofobia
 
Desigualdades Sociais
Desigualdades SociaisDesigualdades Sociais
Desigualdades Sociais
 
Desigualdades sociais
Desigualdades sociaisDesigualdades sociais
Desigualdades sociais
 
Os Sem Abrigo
Os Sem AbrigoOs Sem Abrigo
Os Sem Abrigo
 
Racismo
RacismoRacismo
Racismo
 
Power point
Power pointPower point
Power point
 
Racismo
RacismoRacismo
Racismo
 
Desigualdades sociais
Desigualdades sociaisDesigualdades sociais
Desigualdades sociais
 
Racismo
RacismoRacismo
Racismo
 

Mais de Diogo Santos

Mais de Diogo Santos (20)

Diálogo no nosso dia a-dia democrático
Diálogo no nosso dia a-dia democráticoDiálogo no nosso dia a-dia democrático
Diálogo no nosso dia a-dia democrático
 
A casa do diálogo
A casa do diálogoA casa do diálogo
A casa do diálogo
 
Filosofia Política
Filosofia PolíticaFilosofia Política
Filosofia Política
 
ONU: instituições e papel
ONU: instituições e papelONU: instituições e papel
ONU: instituições e papel
 
Génese da ONU
Génese da ONUGénese da ONU
Génese da ONU
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
 
Limites da intervenção democrática intro
Limites da intervenção democrática introLimites da intervenção democrática intro
Limites da intervenção democrática intro
 
Intervenção democrática intro
Intervenção democrática introIntervenção democrática intro
Intervenção democrática intro
 
Cidadania democrática intro
Cidadania democrática introCidadania democrática intro
Cidadania democrática intro
 
Casos práticos intro
Casos práticos   introCasos práticos   intro
Casos práticos intro
 
Amizade rapaz rapariga intro
Amizade rapaz rapariga   introAmizade rapaz rapariga   intro
Amizade rapaz rapariga intro
 
Simple past
Simple pastSimple past
Simple past
 
Simple past rules
Simple past rulesSimple past rules
Simple past rules
 
Women and literature
Women and literatureWomen and literature
Women and literature
 
Since and for
Since and forSince and for
Since and for
 
Quantifiers
QuantifiersQuantifiers
Quantifiers
 
Present perfect
Present perfectPresent perfect
Present perfect
 
Past conditionals
Past conditionalsPast conditionals
Past conditionals
 
First noun and the infinitive
First noun and the infinitiveFirst noun and the infinitive
First noun and the infinitive
 
Sociedade e amizade intro
Sociedade e amizade   introSociedade e amizade   intro
Sociedade e amizade intro
 

Último

clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
LuanaAlves940822
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
edjailmax
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
rarakey779
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
rarakey779
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 

Último (20)

Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfRespostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
 
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan AhlbergO carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxUnidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 

Make and do

  • 2.  O verbo ‘to make’, que pode ser traduzido para português como ‘fazer’, ‘criar’..., é usado em inglês normalmente 1. For constructing (para construir, fabricar) 2. For building (para construir, edificar) 3. For creating (para criar) 4. For preparing (para preparar)
  • 3.  Vejamos exemplos para cada um dos usos possível do verbo ‘to make’. 1. For constructing/for building (para construir, fabricar, edificar) ‘My father made that car’. ‘O meu pai construiu esse carro’. 2. For creating (para criar) ‘Luena makes beautiful songs’. ‘Luena cria belas músicas’. 2. For preparing (para preparar) ‘Ekuikui made breakfast’. ‘Ekuikui preparou o pequeno-almoço’.
  • 4.  O verbo ‘to do’, que pode ser traduzido para português como ‘fazer’, ‘executar’..., é usado em inglês normalmente 1. For actions (para acções) 2. For tasks (para tarefas) 3. For working or jobs (para trabalho)
  • 5.  Vejamos exemplos para cada um dos usos possível do verbo ‘to do’. 1. For actions (para acções) ‘Ekuikui does the same thing every morning’. ‘Ekuikui faz a mesma coisa todas as manhãs’. 2. For tasks (para tarefas) ‘Luena like to do the crosswords’. ‘Luena gosta de fazer as palavras-cruzadas’. 3. For working or jobs (para trabalho) ‘Ekuikui, do your job’. ‘Ekuikui, faz o teu trabalho’.