SlideShare uma empresa Scribd logo
Educação Moral e Cívica
3. A Democracia e os Jovens
 Nesta aula iremos:
1. Explorar quais os princípios fundamentais de uma
sociedade democrática.
2. Avaliar intervenções que, por contradizerem esses
princípios, não são democráticas.
3. Avaliar casos práticos de intervenções que
atentam contra a Democracia.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Marco orla
Marco orlaMarco orla
Marco orla
rocadi55
 
Caminhos maria luiza
Caminhos maria luizaCaminhos maria luiza
Caminhos maria luiza
Argos Santos
 
A12 paper - perfil business intelligence - business intelligence na política
A12   paper - perfil business intelligence - business intelligence na políticaA12   paper - perfil business intelligence - business intelligence na política
A12 paper - perfil business intelligence - business intelligence na política
BIBrasil
 
A22 paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...
A22   paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...A22   paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...
A22 paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...
BIBrasil
 
Presentacion de Omar
Presentacion de OmarPresentacion de Omar
Presentacion de Omar
oyanco
 

Destaque (17)

2º Encontro dos Ex-Residentes MIP - UNESP (Grade Final)
2º Encontro dos Ex-Residentes MIP - UNESP (Grade Final)2º Encontro dos Ex-Residentes MIP - UNESP (Grade Final)
2º Encontro dos Ex-Residentes MIP - UNESP (Grade Final)
 
Prorrogação mandatos resolução CONERH nº 99 2015
Prorrogação mandatos resolução CONERH nº 99 2015Prorrogação mandatos resolução CONERH nº 99 2015
Prorrogação mandatos resolução CONERH nº 99 2015
 
Lectoescritura: Letra A
Lectoescritura: Letra ALectoescritura: Letra A
Lectoescritura: Letra A
 
Kit de peças devilbiss
Kit de peças devilbissKit de peças devilbiss
Kit de peças devilbiss
 
El sistema preventivo
El sistema preventivoEl sistema preventivo
El sistema preventivo
 
Marco orla
Marco orlaMarco orla
Marco orla
 
Sudeste tem 22,6 milhões de pessoas registradas em serviços de proteção ao cr...
Sudeste tem 22,6 milhões de pessoas registradas em serviços de proteção ao cr...Sudeste tem 22,6 milhões de pessoas registradas em serviços de proteção ao cr...
Sudeste tem 22,6 milhões de pessoas registradas em serviços de proteção ao cr...
 
Apresentação2
Apresentação2Apresentação2
Apresentação2
 
Transparência dos municípios pernambucanos em 2013 e 2014
Transparência dos municípios pernambucanos em 2013 e 2014Transparência dos municípios pernambucanos em 2013 e 2014
Transparência dos municípios pernambucanos em 2013 e 2014
 
Bandeira do brasil
Bandeira do brasilBandeira do brasil
Bandeira do brasil
 
Artigo modelo
Artigo modeloArtigo modelo
Artigo modelo
 
Caminhos maria luiza
Caminhos maria luizaCaminhos maria luiza
Caminhos maria luiza
 
A12 paper - perfil business intelligence - business intelligence na política
A12   paper - perfil business intelligence - business intelligence na políticaA12   paper - perfil business intelligence - business intelligence na política
A12 paper - perfil business intelligence - business intelligence na política
 
Las Etnias de tu Comunidad
Las Etnias de tu ComunidadLas Etnias de tu Comunidad
Las Etnias de tu Comunidad
 
5º Seminário do Neppas - Programação
5º Seminário do Neppas - Programação5º Seminário do Neppas - Programação
5º Seminário do Neppas - Programação
 
A22 paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...
A22   paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...A22   paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...
A22 paper - perfil business intelligence - o trabalho em consultorias e a r...
 
Presentacion de Omar
Presentacion de OmarPresentacion de Omar
Presentacion de Omar
 

Mais de Diogo Santos (20)

Bem comum
Bem comumBem comum
Bem comum
 
Diálogo no nosso dia a-dia democrático
Diálogo no nosso dia a-dia democráticoDiálogo no nosso dia a-dia democrático
Diálogo no nosso dia a-dia democrático
 
A casa do diálogo
A casa do diálogoA casa do diálogo
A casa do diálogo
 
Filosofia Política
Filosofia PolíticaFilosofia Política
Filosofia Política
 
ONU: instituições e papel
ONU: instituições e papelONU: instituições e papel
ONU: instituições e papel
 
Génese da ONU
Génese da ONUGénese da ONU
Génese da ONU
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
 
Make and do
Make and doMake and do
Make and do
 
Cidadania democrática intro
Cidadania democrática introCidadania democrática intro
Cidadania democrática intro
 
Casos práticos intro
Casos práticos   introCasos práticos   intro
Casos práticos intro
 
Amizade rapaz rapariga intro
Amizade rapaz rapariga   introAmizade rapaz rapariga   intro
Amizade rapaz rapariga intro
 
Simple past
Simple pastSimple past
Simple past
 
Simple past rules
Simple past rulesSimple past rules
Simple past rules
 
Women and literature
Women and literatureWomen and literature
Women and literature
 
Since and for
Since and forSince and for
Since and for
 
Quantifiers
QuantifiersQuantifiers
Quantifiers
 
Present perfect
Present perfectPresent perfect
Present perfect
 
Past conditionals
Past conditionalsPast conditionals
Past conditionals
 
First noun and the infinitive
First noun and the infinitiveFirst noun and the infinitive
First noun and the infinitive
 
Sociedade e amizade intro
Sociedade e amizade   introSociedade e amizade   intro
Sociedade e amizade intro
 

Último

clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
LuanaAlves940822
 
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
EduardaMedeiros18
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
rarakey779
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
rarakey779
 

Último (20)

Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan AhlbergO carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
 

Limites da intervenção democrática intro

  • 1. Educação Moral e Cívica 3. A Democracia e os Jovens
  • 2.  Nesta aula iremos: 1. Explorar quais os princípios fundamentais de uma sociedade democrática. 2. Avaliar intervenções que, por contradizerem esses princípios, não são democráticas. 3. Avaliar casos práticos de intervenções que atentam contra a Democracia.