SlideShare uma empresa Scribd logo
Centro Universitário Senac
                  Priscila Aparecida de Souza - Design de Interface Digital - 4º Semestre




                           Relatório sobre a leitura do livro:
                                                                           ●   Robin Williams ●
          Mesmo sendo o livro de Robin Williams um livro para iniciantes e não designers, creio que
sua leitura deveria passar por todos os iniciantes nos ramos de design, gráfico, digital e etc. A estrutura de
seu livro é crescente, começando com termos mais “fáceis” e assim evoluindo o grau de “dificuldade”. É
um livro completamente didático, possui exercícios no meio nas explicações, o autor chama de desafios,
e no término de cada capítulo, um resumo para recapitular as teorias que ele apresentou. Durante a sua
leitura, percebi que não é um livro para se ler página à página, a estratégia textual do autor “nos obriga”
à voltar algumas páginas, algumas vezes por espontânea vontade. No final do livro ele faz quase que uma
recapitulação geral, e ainda apresenta um exercício para o leitor pôr em prática tudo o que aprendeu, e
posteriormente, o autor apresenta os resultados dos desafios, as respostas, o que de fato também nos faz
folhar o livro inúmeras vezes, sem trapacear!
          O livro todo é excelente, de fácil leitura, agradável, e bem simples, bem estruturado e separado,
lembrou-me a estrutura do livro de Gilberto Strunck, Como criar identidades visuais para marcas
de sucesso. Porém, algumas partes do livro me chamaram mais atenção que outras, como: as partes
sobre contraste, uma parte especial sobre repetição, e algumas partes sobre tipografia, aliás vale ressaltar
que toda a segunda parte do livro trata somente de tipografia.
          A parte mais interessante sobre contraste, apresentada na Figura 1, traz o currículo como alvo
de atenção para uma bela diagramação.




                                 Figura 1. Contraste ● (WILLIAMS, Robin, P. 56)
Figura 2. Detalhe da Figura 1

        Após ler esta parte, considerei dar atenção a uma série de mudanças no meu currículo que,
infelizmente, se encaixava mais no exemplo de “não faça assim” do que o outro de “faça desta
forma”, como mostra a Figura 3.




                               Figura 3. . Contraste ● (WILLIAMS, Robin, P. 57)
Uma outra sessão muito interessante, sobre repetição, foi a sessão sobre os   Petróglifos, como
o estranho réptil no topo da primeira página deste documento.

                                                        Em geral podemos usar elementos repetitivos
                                                        que nada têm a ver com o objetivo da página
                                                        criada. Por exemplo, coloque alguns
                                                        petróglifos ou alguns pássaros estranhos em
                                                        um relatório. Escolha caracteres
                                                        particularmente bonitos da fonte que estiver
                                                        usando e coloque-os em tamanhos maiores,
                                                        em cinza ou em uma segunda cor mais
                                                        luminosa. Aplique-os em vários ângulos no
                                                        seu material. É ótimo divertir-se. (WILLIAMS,
                                                        Robin, P. 51)


        A Figura 4 ilustra este trecho do livro:




                                Figura 4. Petróglifos ● (WILLIAMS, Robin, P. 51)
A parte sobre tipografia foi a mais demorada a ler, não pela extensão de teorias e conceitos, mas
sim por ser uma área que não temos muito contato no nosso curso.
         A leitura deste livro despertou minha atenção e curiosidade, ganhei um olhar mais crítico, e
como diria o autor, um olhar “consciente”. Com certeza este é mais um dos livros na minha lista de
desejos materiais a consumir, por enquanto tento me contentar com meus Scans. Fico muito feliz de a
essa altura do curso, ter atingido o começo de meu objeto pela apreciação à leitura.




Links de Apoio:
http://www.traca.com.br/?mod=LV176194&origem=resultadodetalhada
http://pt.wikipedia.org/wiki/Gilberto_Strunck
http://sobredesign.wordpress.com/category/tipografia/page/2/



Obs.: Os dados da atividade, como horário e data, estão presentes na ficha de
acompanhamento, entregue pessoalmente no dia 23/11/07.

Mais conteúdo relacionado

Mais de Priscila Souza

Walter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica
Walter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnicaWalter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica
Walter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica
Priscila Souza
 
Palestras nas Segundas
Palestras nas SegundasPalestras nas Segundas
Palestras nas Segundas
Priscila Souza
 
Palestra com Glauco Diógenes
Palestra com Glauco DiógenesPalestra com Glauco Diógenes
Palestra com Glauco Diógenes
Priscila Souza
 
Palestra com Angela Santos
Palestra com Angela SantosPalestra com Angela Santos
Palestra com Angela Santos
Priscila Souza
 
Palestra com Rejane Cantoni
Palestra com Rejane CantoniPalestra com Rejane Cantoni
Palestra com Rejane Cantoni
Priscila Souza
 
Palestra com Raquel Zuannon
Palestra com Raquel ZuannonPalestra com Raquel Zuannon
Palestra com Raquel Zuannon
Priscila Souza
 
Oficina de webdesign
Oficina de webdesignOficina de webdesign
Oficina de webdesign
Priscila Souza
 
Oficina de animação
Oficina de animaçãoOficina de animação
Oficina de animação
Priscila Souza
 
Resfest Brasil (2007)
Resfest Brasil (2007)Resfest Brasil (2007)
Resfest Brasil (2007)
Priscila Souza
 
Gestalt do objeto
Gestalt do objetoGestalt do objeto
Gestalt do objeto
Priscila Souza
 
Livro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie Tahir
Livro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie TahirLivro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie Tahir
Livro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie Tahir
Priscila Souza
 
O terminal
O terminalO terminal
O terminal
Priscila Souza
 
E o vento levou (1939)
E o vento levou (1939)E o vento levou (1939)
E o vento levou (1939)
Priscila Souza
 
A viagem de Chihiro (2001)
A viagem de Chihiro (2001)A viagem de Chihiro (2001)
A viagem de Chihiro (2001)
Priscila Souza
 
O Conde de Monte Cristo (2002)
O Conde de Monte Cristo (2002)O Conde de Monte Cristo (2002)
O Conde de Monte Cristo (2002)
Priscila Souza
 
FILE 08
FILE 08FILE 08
Evento: Cidade plástica II
Evento: Cidade plástica IIEvento: Cidade plástica II
Evento: Cidade plástica II
Priscila Souza
 
A reconstrução do Ballet triádico
A reconstrução do Ballet triádicoA reconstrução do Ballet triádico
A reconstrução do Ballet triádico
Priscila Souza
 
27 de Setembro: Dia da responsabilidade social
27 de Setembro: Dia da responsabilidade social27 de Setembro: Dia da responsabilidade social
27 de Setembro: Dia da responsabilidade social
Priscila Souza
 
Análise do site bidêoubalde
Análise do site bidêoubaldeAnálise do site bidêoubalde
Análise do site bidêoubalde
Priscila Souza
 

Mais de Priscila Souza (20)

Walter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica
Walter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnicaWalter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica
Walter Benjamin: A obra de arte na era da sua reprodutibilidade técnica
 
Palestras nas Segundas
Palestras nas SegundasPalestras nas Segundas
Palestras nas Segundas
 
Palestra com Glauco Diógenes
Palestra com Glauco DiógenesPalestra com Glauco Diógenes
Palestra com Glauco Diógenes
 
Palestra com Angela Santos
Palestra com Angela SantosPalestra com Angela Santos
Palestra com Angela Santos
 
Palestra com Rejane Cantoni
Palestra com Rejane CantoniPalestra com Rejane Cantoni
Palestra com Rejane Cantoni
 
Palestra com Raquel Zuannon
Palestra com Raquel ZuannonPalestra com Raquel Zuannon
Palestra com Raquel Zuannon
 
Oficina de webdesign
Oficina de webdesignOficina de webdesign
Oficina de webdesign
 
Oficina de animação
Oficina de animaçãoOficina de animação
Oficina de animação
 
Resfest Brasil (2007)
Resfest Brasil (2007)Resfest Brasil (2007)
Resfest Brasil (2007)
 
Gestalt do objeto
Gestalt do objetoGestalt do objeto
Gestalt do objeto
 
Livro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie Tahir
Livro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie TahirLivro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie Tahir
Livro: Homepage - Jakob Nielsen e Marie Tahir
 
O terminal
O terminalO terminal
O terminal
 
E o vento levou (1939)
E o vento levou (1939)E o vento levou (1939)
E o vento levou (1939)
 
A viagem de Chihiro (2001)
A viagem de Chihiro (2001)A viagem de Chihiro (2001)
A viagem de Chihiro (2001)
 
O Conde de Monte Cristo (2002)
O Conde de Monte Cristo (2002)O Conde de Monte Cristo (2002)
O Conde de Monte Cristo (2002)
 
FILE 08
FILE 08FILE 08
FILE 08
 
Evento: Cidade plástica II
Evento: Cidade plástica IIEvento: Cidade plástica II
Evento: Cidade plástica II
 
A reconstrução do Ballet triádico
A reconstrução do Ballet triádicoA reconstrução do Ballet triádico
A reconstrução do Ballet triádico
 
27 de Setembro: Dia da responsabilidade social
27 de Setembro: Dia da responsabilidade social27 de Setembro: Dia da responsabilidade social
27 de Setembro: Dia da responsabilidade social
 
Análise do site bidêoubalde
Análise do site bidêoubaldeAnálise do site bidêoubalde
Análise do site bidêoubalde
 

Último

Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
Suzy De Abreu Santana
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 

Design para quem não é designer - Robin Williams

  • 1. Centro Universitário Senac Priscila Aparecida de Souza - Design de Interface Digital - 4º Semestre Relatório sobre a leitura do livro: ● Robin Williams ● Mesmo sendo o livro de Robin Williams um livro para iniciantes e não designers, creio que sua leitura deveria passar por todos os iniciantes nos ramos de design, gráfico, digital e etc. A estrutura de seu livro é crescente, começando com termos mais “fáceis” e assim evoluindo o grau de “dificuldade”. É um livro completamente didático, possui exercícios no meio nas explicações, o autor chama de desafios, e no término de cada capítulo, um resumo para recapitular as teorias que ele apresentou. Durante a sua leitura, percebi que não é um livro para se ler página à página, a estratégia textual do autor “nos obriga” à voltar algumas páginas, algumas vezes por espontânea vontade. No final do livro ele faz quase que uma recapitulação geral, e ainda apresenta um exercício para o leitor pôr em prática tudo o que aprendeu, e posteriormente, o autor apresenta os resultados dos desafios, as respostas, o que de fato também nos faz folhar o livro inúmeras vezes, sem trapacear! O livro todo é excelente, de fácil leitura, agradável, e bem simples, bem estruturado e separado, lembrou-me a estrutura do livro de Gilberto Strunck, Como criar identidades visuais para marcas de sucesso. Porém, algumas partes do livro me chamaram mais atenção que outras, como: as partes sobre contraste, uma parte especial sobre repetição, e algumas partes sobre tipografia, aliás vale ressaltar que toda a segunda parte do livro trata somente de tipografia. A parte mais interessante sobre contraste, apresentada na Figura 1, traz o currículo como alvo de atenção para uma bela diagramação. Figura 1. Contraste ● (WILLIAMS, Robin, P. 56)
  • 2. Figura 2. Detalhe da Figura 1 Após ler esta parte, considerei dar atenção a uma série de mudanças no meu currículo que, infelizmente, se encaixava mais no exemplo de “não faça assim” do que o outro de “faça desta forma”, como mostra a Figura 3. Figura 3. . Contraste ● (WILLIAMS, Robin, P. 57)
  • 3. Uma outra sessão muito interessante, sobre repetição, foi a sessão sobre os Petróglifos, como o estranho réptil no topo da primeira página deste documento. Em geral podemos usar elementos repetitivos que nada têm a ver com o objetivo da página criada. Por exemplo, coloque alguns petróglifos ou alguns pássaros estranhos em um relatório. Escolha caracteres particularmente bonitos da fonte que estiver usando e coloque-os em tamanhos maiores, em cinza ou em uma segunda cor mais luminosa. Aplique-os em vários ângulos no seu material. É ótimo divertir-se. (WILLIAMS, Robin, P. 51) A Figura 4 ilustra este trecho do livro: Figura 4. Petróglifos ● (WILLIAMS, Robin, P. 51)
  • 4. A parte sobre tipografia foi a mais demorada a ler, não pela extensão de teorias e conceitos, mas sim por ser uma área que não temos muito contato no nosso curso. A leitura deste livro despertou minha atenção e curiosidade, ganhei um olhar mais crítico, e como diria o autor, um olhar “consciente”. Com certeza este é mais um dos livros na minha lista de desejos materiais a consumir, por enquanto tento me contentar com meus Scans. Fico muito feliz de a essa altura do curso, ter atingido o começo de meu objeto pela apreciação à leitura. Links de Apoio: http://www.traca.com.br/?mod=LV176194&origem=resultadodetalhada http://pt.wikipedia.org/wiki/Gilberto_Strunck http://sobredesign.wordpress.com/category/tipografia/page/2/ Obs.: Os dados da atividade, como horário e data, estão presentes na ficha de acompanhamento, entregue pessoalmente no dia 23/11/07.