SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
DECRETO Nº 30.404, DE 07 DE MAIO DE 2007.




Introduz alterações na Consolidação da Legislação Tributária do Estado,
relativamente à isenção do ICMS no fornecimento de energia elétrica para
consumidor residencial de baixa renda.




O GOVERNADOR DO ESTADO, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo artigo
37, IV, da Constituição Estadual,




DECRETA:




Art. 1º Ficam isentas do ICMS as operações relativas ao fornecimento de energia elétrica,
quando se tratar de consumidor residencial de baixa renda, nos termos da Lei Federal nº
10.438, de 26 de abril de 2002, tomando-se por base o respectivo faturamento, efetivado a
partir de 01 de junho de 2007, independentemente da faixa de consumo.




Art. 2º Em decorrência do disposto no art. 1º, o Decreto nº 14.876, de 12 de março de
1991, e alterações, passa a vigorar com as seguintes modificações:




"Art. 9º A partir de 01 de março de 1989 ou das datas expressamente indicadas neste
artigo, são isentas do imposto:

................................................................................................................................
.......................................................

XLVIII - relativamente ao fornecimento de energia elétrica:




a) para consumo residencial, nas seguintes hipóteses (Convênios ICMS 20/89, 80/91 e
151/94):

................................................................................................................................
.......................................................
2. quando gerada por outras fontes: (NR)

................................................................................................................................
.......................................................

2.2. quando se tratar de consumidor residencial de baixa renda, nos termos da Lei Federal
nº 10.438, de 26 de abril de 2002:




2.2.1. a partir de 09 de outubro de 2006, até a faixa de consumo de 50 KWh/mês
(cinqüenta quilowatts-hora por mês); (REN)




2.2.2. a partir de 01 de junho de 2007, independentemente da faixa de consumo; (ACR)

................................................................................................................................
.....................................................".




Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.




Art. 4º Revogam-se as disposições em contrário.




PALÁCIO DO CAMPO DAS PRINCESAS, em 07 de maio de 2007.




EDUARDO HENRIQUE ACCIOLY CAMPOS

Governador do Estado




DJALMO DE OLIVEIRA LEÃO

Mais conteúdo relacionado

Destaque

05 de Setembro de 2010
05 de Setembro de 201005 de Setembro de 2010
05 de Setembro de 2010
George Franz
 
Scfasfaf
ScfasfafScfasfaf
Scfasfaf
cephas3
 
Química que conteúdos estudar
Química   que conteúdos estudarQuímica   que conteúdos estudar
Química que conteúdos estudar
bjsjd
 
Grado 1001 notas III 2010
Grado 1001 notas III 2010Grado 1001 notas III 2010
Grado 1001 notas III 2010
MabelVegaOrtiz
 
A comunicação na vida social
A comunicação na vida socialA comunicação na vida social
A comunicação na vida social
Aida Fonseca
 
Página crianças 18 setembro 2010
Página crianças 18 setembro 2010Página crianças 18 setembro 2010
Página crianças 18 setembro 2010
mrvpimenta
 

Destaque (20)

Negociação texto a002
Negociação texto a002Negociação texto a002
Negociação texto a002
 
Cartazete brincando 2º
Cartazete brincando 2ºCartazete brincando 2º
Cartazete brincando 2º
 
Homologação de diplomas
Homologação de diplomasHomologação de diplomas
Homologação de diplomas
 
Arvore Natal
Arvore NatalArvore Natal
Arvore Natal
 
Classificação de substantivos
Classificação de substantivosClassificação de substantivos
Classificação de substantivos
 
05 de Setembro de 2010
05 de Setembro de 201005 de Setembro de 2010
05 de Setembro de 2010
 
Scfasfaf
ScfasfafScfasfaf
Scfasfaf
 
Química que conteúdos estudar
Química   que conteúdos estudarQuímica   que conteúdos estudar
Química que conteúdos estudar
 
Proposta palestras icid2
Proposta palestras icid2Proposta palestras icid2
Proposta palestras icid2
 
Boletim setembro
Boletim setembroBoletim setembro
Boletim setembro
 
Prova 1º a
Prova 1º aProva 1º a
Prova 1º a
 
los valores
los valoreslos valores
los valores
 
Grado 1001 notas III 2010
Grado 1001 notas III 2010Grado 1001 notas III 2010
Grado 1001 notas III 2010
 
Parceria AEP Options - Vila Galé
Parceria AEP Options - Vila GaléParceria AEP Options - Vila Galé
Parceria AEP Options - Vila Galé
 
4 a
4 a4 a
4 a
 
Comunicación médico – paciente
Comunicación médico – pacienteComunicación médico – paciente
Comunicación médico – paciente
 
A comunicação na vida social
A comunicação na vida socialA comunicação na vida social
A comunicação na vida social
 
Informação
InformaçãoInformação
Informação
 
Página crianças 18 setembro 2010
Página crianças 18 setembro 2010Página crianças 18 setembro 2010
Página crianças 18 setembro 2010
 
Costumes
Costumes Costumes
Costumes
 

Semelhante a Link icms - decreto 30404 de 07 de maio de 2007

Link icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007
Link   icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007Link   icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007
Link icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007
Caso Celpe
 
Link decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscais
Link   decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscaisLink   decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscais
Link decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscais
Caso Celpe
 
Resolucao39de26012010precosreferencia (1)
Resolucao39de26012010precosreferencia (1)Resolucao39de26012010precosreferencia (1)
Resolucao39de26012010precosreferencia (1)
Karlla Costa
 
Link icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007
Link   icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007Link   icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007
Link icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007
Caso Celpe
 
Inpdf viewer
Inpdf viewerInpdf viewer
Inpdf viewer
leonai2
 
Inpdf viewer
Inpdf viewerInpdf viewer
Inpdf viewer
leonai2
 
LEI N° 12.872
LEI N° 12.872LEI N° 12.872
LEI N° 12.872
leonai2
 
Inpdf viewer
Inpdf viewerInpdf viewer
Inpdf viewer
leonai2
 

Semelhante a Link icms - decreto 30404 de 07 de maio de 2007 (10)

Link icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007
Link   icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007Link   icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007
Link icms - lei 13367 de 14 de dezeembro de 2007
 
Link decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscais
Link   decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscaisLink   decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscais
Link decreto 24705 de 11 de setembro de 2002 - incentivos fiscais
 
Resolucao39de26012010precosreferencia (1)
Resolucao39de26012010precosreferencia (1)Resolucao39de26012010precosreferencia (1)
Resolucao39de26012010precosreferencia (1)
 
Link icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007
Link   icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007Link   icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007
Link icms - lei 13253 de 21 de junho de 2007
 
Inpdf viewer
Inpdf viewerInpdf viewer
Inpdf viewer
 
Inpdf viewer
Inpdf viewerInpdf viewer
Inpdf viewer
 
LEI N° 12.872
LEI N° 12.872LEI N° 12.872
LEI N° 12.872
 
Inpdf viewer
Inpdf viewerInpdf viewer
Inpdf viewer
 
Decreto nº 1.400 de 01.12.04
Decreto nº 1.400 de 01.12.04Decreto nº 1.400 de 01.12.04
Decreto nº 1.400 de 01.12.04
 
Lei 13.280/2016. O que muda no Programa de Eficiência Energética?
Lei 13.280/2016. O que muda no Programa de Eficiência Energética?Lei 13.280/2016. O que muda no Programa de Eficiência Energética?
Lei 13.280/2016. O que muda no Programa de Eficiência Energética?
 

Mais de Caso Celpe

2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
Caso Celpe
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
Caso Celpe
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
Caso Celpe
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
Caso Celpe
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
Caso Celpe
 
Link a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficial
Link   a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficialLink   a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficial
Link a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficial
Caso Celpe
 
Link lei 10295 de 13 de julho de 1989
Link   lei 10295 de 13 de julho de 1989Link   lei 10295 de 13 de julho de 1989
Link lei 10295 de 13 de julho de 1989
Caso Celpe
 
Folhasp 021197
Folhasp 021197Folhasp 021197
Folhasp 021197
Caso Celpe
 
Dp privatização
Dp   privatizaçãoDp   privatização
Dp privatização
Caso Celpe
 
Link jornal do commercio
Link   jornal do commercioLink   jornal do commercio
Link jornal do commercio
Caso Celpe
 
Coletiva tarifas de energia
Coletiva tarifas de energiaColetiva tarifas de energia
Coletiva tarifas de energia
Caso Celpe
 
Link apagão de fhc
Link   apagão de fhcLink   apagão de fhc
Link apagão de fhc
Caso Celpe
 
Link4 lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998
Link4   lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998Link4   lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998
Link4 lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998
Caso Celpe
 
Link3 art3, lei11484
Link3   art3, lei11484Link3   art3, lei11484
Link3 art3, lei11484
Caso Celpe
 
Link2 art3, lei 11484
Link2   art3, lei 11484Link2   art3, lei 11484
Link2 art3, lei 11484
Caso Celpe
 
Lin5 ação popular
Lin5   ação popularLin5   ação popular
Lin5 ação popular
Caso Celpe
 
Link91 agravo de ação popular
Link91   agravo de ação popularLink91   agravo de ação popular
Link91 agravo de ação popular
Caso Celpe
 
Link7 lei 11733 de 30 de dezembro de 1999
Link7   lei 11733 de 30 de dezembro de 1999Link7   lei 11733 de 30 de dezembro de 1999
Link7 lei 11733 de 30 de dezembro de 1999
Caso Celpe
 

Mais de Caso Celpe (20)

2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe sem liminar da jfdf
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
 
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf2009   reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
2009 reajustes nas tarifas da celpe com liminar da jfdf
 
Link a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficial
Link   a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficialLink   a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficial
Link a verdade sobre o aumento da energia em pe - nota oficial
 
Link lei 10295 de 13 de julho de 1989
Link   lei 10295 de 13 de julho de 1989Link   lei 10295 de 13 de julho de 1989
Link lei 10295 de 13 de julho de 1989
 
Folhasp 021197
Folhasp 021197Folhasp 021197
Folhasp 021197
 
Dp privatização
Dp   privatizaçãoDp   privatização
Dp privatização
 
1407 folhape
1407 folhape1407 folhape
1407 folhape
 
1307 folhape
1307 folhape1307 folhape
1307 folhape
 
Link jornal do commercio
Link   jornal do commercioLink   jornal do commercio
Link jornal do commercio
 
Coletiva tarifas de energia
Coletiva tarifas de energiaColetiva tarifas de energia
Coletiva tarifas de energia
 
Link apagão de fhc
Link   apagão de fhcLink   apagão de fhc
Link apagão de fhc
 
Link4 lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998
Link4   lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998Link4   lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998
Link4 lei 11535 de 17 de fevereiro de 1998
 
Link3 art3, lei11484
Link3   art3, lei11484Link3   art3, lei11484
Link3 art3, lei11484
 
Link2 art3, lei 11484
Link2   art3, lei 11484Link2   art3, lei 11484
Link2 art3, lei 11484
 
Lin5 ação popular
Lin5   ação popularLin5   ação popular
Lin5 ação popular
 
Link91 agravo de ação popular
Link91   agravo de ação popularLink91   agravo de ação popular
Link91 agravo de ação popular
 
Link7 lei 11733 de 30 de dezembro de 1999
Link7   lei 11733 de 30 de dezembro de 1999Link7   lei 11733 de 30 de dezembro de 1999
Link7 lei 11733 de 30 de dezembro de 1999
 

Link icms - decreto 30404 de 07 de maio de 2007

  • 1. DECRETO Nº 30.404, DE 07 DE MAIO DE 2007. Introduz alterações na Consolidação da Legislação Tributária do Estado, relativamente à isenção do ICMS no fornecimento de energia elétrica para consumidor residencial de baixa renda. O GOVERNADOR DO ESTADO, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo artigo 37, IV, da Constituição Estadual, DECRETA: Art. 1º Ficam isentas do ICMS as operações relativas ao fornecimento de energia elétrica, quando se tratar de consumidor residencial de baixa renda, nos termos da Lei Federal nº 10.438, de 26 de abril de 2002, tomando-se por base o respectivo faturamento, efetivado a partir de 01 de junho de 2007, independentemente da faixa de consumo. Art. 2º Em decorrência do disposto no art. 1º, o Decreto nº 14.876, de 12 de março de 1991, e alterações, passa a vigorar com as seguintes modificações: "Art. 9º A partir de 01 de março de 1989 ou das datas expressamente indicadas neste artigo, são isentas do imposto: ................................................................................................................................ ....................................................... XLVIII - relativamente ao fornecimento de energia elétrica: a) para consumo residencial, nas seguintes hipóteses (Convênios ICMS 20/89, 80/91 e 151/94): ................................................................................................................................ .......................................................
  • 2. 2. quando gerada por outras fontes: (NR) ................................................................................................................................ ....................................................... 2.2. quando se tratar de consumidor residencial de baixa renda, nos termos da Lei Federal nº 10.438, de 26 de abril de 2002: 2.2.1. a partir de 09 de outubro de 2006, até a faixa de consumo de 50 KWh/mês (cinqüenta quilowatts-hora por mês); (REN) 2.2.2. a partir de 01 de junho de 2007, independentemente da faixa de consumo; (ACR) ................................................................................................................................ .....................................................". Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 4º Revogam-se as disposições em contrário. PALÁCIO DO CAMPO DAS PRINCESAS, em 07 de maio de 2007. EDUARDO HENRIQUE ACCIOLY CAMPOS Governador do Estado DJALMO DE OLIVEIRA LEÃO