SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
© 2011 Marcelo Lau




Curso Security Officer Foundation
           Overview

               Prof. Msc. Marcelo Lau
© 2011 Marcelo Lau




Estrutura do curso
   Carga horária: 40 horas.
       5 aulas (8 horas)
            Coffe Break - 2 intervalos de 15 minutos.
            Almoço - 1 intervalo de 60 minutos.


   Necessária Frequência Mínima de 80%.
© 2011 Marcelo Lau




Instrutor
    Prof. Msc. Marcelo Lau

    E-mail: marcelo.lau@datasecurity.com.br


   Diretor Executivo da Data Security.

   Atuou mais de 12 anos em bancos brasileiros em Segurança da Informação e
    Prevenção à Fraude.

   Atualmente ministra aulas de formação em Compliance pela FEBRABAN, e
    Forense Computacional na Universidade Presbiteriana Mackenzie e na FIAP.

   Foi professor no MBA de Segurança da Informação da FATEC/SP.

   Coordenou o curso de Gestão em Segurança da Informação e Gerenciamento de
    Projetos no SENAC/SP.

   É Engenheiro eletrônico da EEM com pós graduação em administração pela
    FGV, mestre em ciência forense pela POLI/USP e pós graduado em
    comunicação e arte pelo SENAC-SP.

   Ministra curso em Países como: Angola, Argentina, Colômbia, Bolívia, Perú e
    Paraguai.

   É reconhecido pela imprensa Brasileira e Argentina com trabalhos realizados em
    vários países do mundo.
© 2011 Marcelo Lau




Princípios adotados em Segurança
   Privilégio Mínimo.
       Apenas fornecido aquilo que o usuário precisará para
        execução de suas atividades.

   Privilégio Explícito.
       Se não for mencionada autorização explícita ao
        recurso, o acesso deverá ser negado.

   Mecanismo Econômico.
       O mecanismo deve ser tão simples quanto possível.
© 2011 Marcelo Lau




Princípios adotados em Segurança
   Completa Verificação.
       Requer verificação de todos os acessos a todos os objetos antes
        de seu permissionamento.


   Independência à soluções.
       O mecanismo não deve depender da solução adotada.


   Separação de Privilégios.
       Não se deve permitir acesso baseado apenas em uma única
        condição.
© 2011 Marcelo Lau




Princípios adotados em Segurança
   Uso individualizado.
       Os mecanismos utilizados para acesso não devem ser
        compartilhados.


   Aceitação e uso
       Os mecanismos de segurança não devem tornar mais
        difícil o acesso dos recursos aos usuários legítimos.
© 2011 Marcelo Lau




Princípios Básicos
   A Informação
       A Informação é um ativo que, como qualquer outro
        importante para os negócios, tem um valor para a
        organização e conseqüentemente necessita ser
        adequadamente protegida.

       A informação pode existir de diversas formas:
            Impressa.
            Escrita.
            Papel.
            Armazenada eletronicamente.
            Transmitida pelo correio.
            Mostrada em filmes.
            Falada em conversas.
            Apresentada / transmitida / armazenada / commpartilhada.
© 2011 Marcelo Lau




Princípios Básicos
   Segurança da Informação
       A Segurança da Informação protege a
        Informação de diversas ameaças para
        garantir a continuidade dos negócios, a
        integridade e a disponibilidade da mesma.
© 2011 Marcelo Lau




Riscos
   Malware:
       Vírus.
       Worms.
       Cavalos de Tróia.
   Hackers.
   Fraudadores.
   Espiões.
   Vulnerabilidades.
   Configuração ou instalação insegura.
© 2011 Marcelo Lau




E os riscos...
© 2011 Marcelo Lau




Conteúdo completo da formação
   DS 01    -   Conceitos Gerais de Segurança da Informação.
   DS 02    -   Gestão de Risco.
   DS 03    -   Gestão de Segurança da Informação.
   DS 04    -   Legislação, Regulamentação, Normas, Investigação e
    Ética.
   DS 05    - Política de Segurança da Informação.
   DS 06    - Classificação de Informações.
   DS 07    - Gestão de Continuidade de Negócios.
© 2011 Marcelo Lau




Conteúdo completo da formação
   DS   08   -   Segurança Física e Lógica.
   DS   09   -   Segurança em Sistemas Operacionais.
   DS   10   -   Segurança em Telecomunicações.
   DS   11   -   Segurança em Redes sem fio.
   DS   12   -   Forense Computacional.
   DS   13   -   Resposta a Incidentes.
   DS   14   -   Segurança na Gestão de Pessoas.
© 2011 Marcelo Lau




Referências adicionais para estudo
   Bibliografia Data Security (http://www.datasecurity.com.br) em:
        Análise de vulnerabilidade.
        Forense Computacional.
        Biometria.
        Segurança em Sistemas Operacionais
        Ameaças aos sistemas computacionais,
        E muito mais...

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apostila de princípios de segurança da informação alunos
Apostila de princípios de segurança da informação   alunosApostila de princípios de segurança da informação   alunos
Apostila de princípios de segurança da informação alunos
CARDOSOSOUSA
 
Segurança da informação
Segurança da informaçãoSegurança da informação
Segurança da informação
Aron Sporkens
 
Seguranca da Informação - Conceitos
Seguranca da Informação - ConceitosSeguranca da Informação - Conceitos
Seguranca da Informação - Conceitos
Luiz Arthur
 
Seguranca da Informação - Introdução - Novo
Seguranca da Informação - Introdução - NovoSeguranca da Informação - Introdução - Novo
Seguranca da Informação - Introdução - Novo
Luiz Arthur
 
Aula 18 segurança da informação
Aula 18   segurança da informaçãoAula 18   segurança da informação
Aula 18 segurança da informação
Luiz Siles
 

Mais procurados (20)

Apostila de princípios de segurança da informação alunos
Apostila de princípios de segurança da informação   alunosApostila de princípios de segurança da informação   alunos
Apostila de princípios de segurança da informação alunos
 
Aula 1 - Introdução a Segurança da Informação
Aula 1 - Introdução a Segurança da InformaçãoAula 1 - Introdução a Segurança da Informação
Aula 1 - Introdução a Segurança da Informação
 
64441203 seguranca
64441203 seguranca64441203 seguranca
64441203 seguranca
 
Segurança da informação
Segurança da informaçãoSegurança da informação
Segurança da informação
 
Segurança da informação
Segurança da informaçãoSegurança da informação
Segurança da informação
 
Segurança da informação - Aula 01
Segurança da informação  - Aula 01Segurança da informação  - Aula 01
Segurança da informação - Aula 01
 
Seguranca da Informação - Conceitos
Seguranca da Informação - ConceitosSeguranca da Informação - Conceitos
Seguranca da Informação - Conceitos
 
Introdução à Segurança da Informação
Introdução à Segurança da InformaçãoIntrodução à Segurança da Informação
Introdução à Segurança da Informação
 
Segurança da informação
Segurança da informaçãoSegurança da informação
Segurança da informação
 
Seguranca da Informação - Introdução - Novo
Seguranca da Informação - Introdução - NovoSeguranca da Informação - Introdução - Novo
Seguranca da Informação - Introdução - Novo
 
Segurança da informação - Aula 02
Segurança da informação - Aula 02Segurança da informação - Aula 02
Segurança da informação - Aula 02
 
Boas Práticas em Segurança da Informação
Boas Práticas em Segurança da InformaçãoBoas Práticas em Segurança da Informação
Boas Práticas em Segurança da Informação
 
Introdução a Segurança da Informação e mecanismos de Proteção
Introdução a Segurança da Informação e mecanismos de ProteçãoIntrodução a Segurança da Informação e mecanismos de Proteção
Introdução a Segurança da Informação e mecanismos de Proteção
 
Fundamentos de Segurança da Informação
Fundamentos de Segurança da InformaçãoFundamentos de Segurança da Informação
Fundamentos de Segurança da Informação
 
Palestra Sobre Segurança de Informações
Palestra Sobre Segurança de InformaçõesPalestra Sobre Segurança de Informações
Palestra Sobre Segurança de Informações
 
Aula 18 segurança da informação
Aula 18   segurança da informaçãoAula 18   segurança da informação
Aula 18 segurança da informação
 
Seminário Segurança da Informação
Seminário Segurança da InformaçãoSeminário Segurança da Informação
Seminário Segurança da Informação
 
Palestra - Segurança da Informação
Palestra - Segurança da InformaçãoPalestra - Segurança da Informação
Palestra - Segurança da Informação
 
Segurança da Informação
Segurança da InformaçãoSegurança da Informação
Segurança da Informação
 
Segurança da Informação e Políticas de Segurança
Segurança da Informação e Políticas de SegurançaSegurança da Informação e Políticas de Segurança
Segurança da Informação e Políticas de Segurança
 

Semelhante a Curso Security Officer Foundation - Overview

Pacote WorkShops em Seguranca da Informacao
Pacote WorkShops em  Seguranca da Informacao  Pacote WorkShops em  Seguranca da Informacao
Pacote WorkShops em Seguranca da Informacao
Grupo Treinar
 
WorkShop Seguranca da Informacao - Hardning
WorkShop Seguranca da Informacao - HardningWorkShop Seguranca da Informacao - Hardning
WorkShop Seguranca da Informacao - Hardning
Grupo Treinar
 

Semelhante a Curso Security Officer Foundation - Overview (20)

Seguranca em aplicacoes web
Seguranca em aplicacoes webSeguranca em aplicacoes web
Seguranca em aplicacoes web
 
QUESTÕES NORTEADORAS PARA ESTUDO DE USABILIDADE EM POLÍTICAS DE SEGURANÇA DA ...
QUESTÕES NORTEADORAS PARA ESTUDO DE USABILIDADE EM POLÍTICAS DE SEGURANÇA DA ...QUESTÕES NORTEADORAS PARA ESTUDO DE USABILIDADE EM POLÍTICAS DE SEGURANÇA DA ...
QUESTÕES NORTEADORAS PARA ESTUDO DE USABILIDADE EM POLÍTICAS DE SEGURANÇA DA ...
 
Pacote WorkShops em Seguranca da Informacao
Pacote WorkShops em  Seguranca da Informacao  Pacote WorkShops em  Seguranca da Informacao
Pacote WorkShops em Seguranca da Informacao
 
Ataques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeis
Ataques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeisAtaques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeis
Ataques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeis
 
Ataques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeis
Ataques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeisAtaques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeis
Ataques cibernéticos e seus riscos aos sistemas e dados contábeis
 
WorkShop Seguranca da Informacao - Hardning
WorkShop Seguranca da Informacao - HardningWorkShop Seguranca da Informacao - Hardning
WorkShop Seguranca da Informacao - Hardning
 
Protecao de informacoes contabeis e seu papel em acoes investigativas
Protecao de informacoes contabeis e seu papel em acoes investigativasProtecao de informacoes contabeis e seu papel em acoes investigativas
Protecao de informacoes contabeis e seu papel em acoes investigativas
 
Forense computacional e seguranca da informacao
Forense computacional e seguranca da informacaoForense computacional e seguranca da informacao
Forense computacional e seguranca da informacao
 
Seguranca na web
Seguranca na webSeguranca na web
Seguranca na web
 
Monografia Heraldo
Monografia HeraldoMonografia Heraldo
Monografia Heraldo
 
Hardening em sistemas - Overview
Hardening em sistemas  - OverviewHardening em sistemas  - Overview
Hardening em sistemas - Overview
 
Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...
Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...
Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...
 
Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...
Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...
Desafios do mercado em seguranca da informacao e investigacao de crimes eletr...
 
Voce sabe o que esta guardado em seu computador
Voce sabe o que esta guardado em seu computadorVoce sabe o que esta guardado em seu computador
Voce sabe o que esta guardado em seu computador
 
Cuidados no processo pericial em tablets e smartphones
Cuidados no processo pericial em tablets e smartphonesCuidados no processo pericial em tablets e smartphones
Cuidados no processo pericial em tablets e smartphones
 
1º webminar sobre ransonware para gestores públicos
1º webminar sobre ransonware para gestores públicos1º webminar sobre ransonware para gestores públicos
1º webminar sobre ransonware para gestores públicos
 
1º webminar sobre ransonware para gestores públicos
1º webminar sobre ransonware para gestores públicos1º webminar sobre ransonware para gestores públicos
1º webminar sobre ransonware para gestores públicos
 
Curso ISO 27000 - Overview
Curso ISO 27000 - OverviewCurso ISO 27000 - Overview
Curso ISO 27000 - Overview
 
Desafios do mercado em segurança da informação e investigação de crimes eletr...
Desafios do mercado em segurança da informação e investigação de crimes eletr...Desafios do mercado em segurança da informação e investigação de crimes eletr...
Desafios do mercado em segurança da informação e investigação de crimes eletr...
 
Abin aula 01-1
Abin   aula 01-1Abin   aula 01-1
Abin aula 01-1
 

Mais de Data Security

Mais de Data Security (17)

Ciberameacas no universo mobile
Ciberameacas no universo mobileCiberameacas no universo mobile
Ciberameacas no universo mobile
 
Materialidad de la computacion forense en la resolucion de los crímenes
Materialidad de la computacion forense en la resolucion de los crímenesMaterialidad de la computacion forense en la resolucion de los crímenes
Materialidad de la computacion forense en la resolucion de los crímenes
 
Practica pericial de informatica forense en dispositivos moviles
Practica pericial de informatica forense en dispositivos movilesPractica pericial de informatica forense en dispositivos moviles
Practica pericial de informatica forense en dispositivos moviles
 
Coleta de informacoes em redes sociais
Coleta de informacoes em redes sociaisColeta de informacoes em redes sociais
Coleta de informacoes em redes sociais
 
Seguranca de dados e fraudes corporativas
Seguranca de dados e fraudes corporativasSeguranca de dados e fraudes corporativas
Seguranca de dados e fraudes corporativas
 
Processos investigativos em dispositivos moveis e coleta de informacoes em re...
Processos investigativos em dispositivos moveis e coleta de informacoes em re...Processos investigativos em dispositivos moveis e coleta de informacoes em re...
Processos investigativos em dispositivos moveis e coleta de informacoes em re...
 
Como se tornar um perito investindo menos de R$ 5.000,00
Como se tornar um perito investindo menos de R$ 5.000,00Como se tornar um perito investindo menos de R$ 5.000,00
Como se tornar um perito investindo menos de R$ 5.000,00
 
Seguranca da informacao ate que ponto as informacoes fiscais estao seguras
Seguranca da informacao   ate que ponto as informacoes fiscais estao segurasSeguranca da informacao   ate que ponto as informacoes fiscais estao seguras
Seguranca da informacao ate que ponto as informacoes fiscais estao seguras
 
Desafios y casos practicos de la computacion forense en brasil
Desafios y casos practicos de la computacion forense en brasilDesafios y casos practicos de la computacion forense en brasil
Desafios y casos practicos de la computacion forense en brasil
 
Case de implantação de continuidade de negocios em fornecedores criticos
Case de implantação de continuidade de negocios em fornecedores criticosCase de implantação de continuidade de negocios em fornecedores criticos
Case de implantação de continuidade de negocios em fornecedores criticos
 
Uso consciente da internet e cyberbullying
Uso consciente da internet e cyberbullyingUso consciente da internet e cyberbullying
Uso consciente da internet e cyberbullying
 
Segurança em redes sociais
Segurança em redes sociaisSegurança em redes sociais
Segurança em redes sociais
 
Modelo del sistema de pagos basado en el sistema de pagamentos brasileiro - SPB
Modelo del sistema de pagos basado en el sistema de pagamentos brasileiro - SPBModelo del sistema de pagos basado en el sistema de pagamentos brasileiro - SPB
Modelo del sistema de pagos basado en el sistema de pagamentos brasileiro - SPB
 
Cyberbullying e a seguranca da informacao no ambiente escolar
Cyberbullying e a seguranca da informacao no ambiente escolarCyberbullying e a seguranca da informacao no ambiente escolar
Cyberbullying e a seguranca da informacao no ambiente escolar
 
Forense computacional - Estudos Praticos
Forense computacional  - Estudos PraticosForense computacional  - Estudos Praticos
Forense computacional - Estudos Praticos
 
Data Security - Français
Data Security - FrançaisData Security - Français
Data Security - Français
 
Data Security - English
Data Security - EnglishData Security - English
Data Security - English
 

Último

Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...
Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...
Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...
Dirceu Resende
 

Último (11)

Apostila e caderno de exercicios de WORD
Apostila e caderno de exercicios de  WORDApostila e caderno de exercicios de  WORD
Apostila e caderno de exercicios de WORD
 
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...
Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...
Apresentação Power Embedded - Descubra uma nova forma de compartilhar relatór...
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
 
From_SEH_Overwrite_with_Egg_Hunter_to_Get_a_Shell_PT-BR.pdf
From_SEH_Overwrite_with_Egg_Hunter_to_Get_a_Shell_PT-BR.pdfFrom_SEH_Overwrite_with_Egg_Hunter_to_Get_a_Shell_PT-BR.pdf
From_SEH_Overwrite_with_Egg_Hunter_to_Get_a_Shell_PT-BR.pdf
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 

Curso Security Officer Foundation - Overview

  • 1. © 2011 Marcelo Lau Curso Security Officer Foundation Overview Prof. Msc. Marcelo Lau
  • 2. © 2011 Marcelo Lau Estrutura do curso  Carga horária: 40 horas.  5 aulas (8 horas)  Coffe Break - 2 intervalos de 15 minutos.  Almoço - 1 intervalo de 60 minutos.  Necessária Frequência Mínima de 80%.
  • 3. © 2011 Marcelo Lau Instrutor Prof. Msc. Marcelo Lau E-mail: marcelo.lau@datasecurity.com.br  Diretor Executivo da Data Security.  Atuou mais de 12 anos em bancos brasileiros em Segurança da Informação e Prevenção à Fraude.  Atualmente ministra aulas de formação em Compliance pela FEBRABAN, e Forense Computacional na Universidade Presbiteriana Mackenzie e na FIAP.  Foi professor no MBA de Segurança da Informação da FATEC/SP.  Coordenou o curso de Gestão em Segurança da Informação e Gerenciamento de Projetos no SENAC/SP.  É Engenheiro eletrônico da EEM com pós graduação em administração pela FGV, mestre em ciência forense pela POLI/USP e pós graduado em comunicação e arte pelo SENAC-SP.  Ministra curso em Países como: Angola, Argentina, Colômbia, Bolívia, Perú e Paraguai.  É reconhecido pela imprensa Brasileira e Argentina com trabalhos realizados em vários países do mundo.
  • 4. © 2011 Marcelo Lau Princípios adotados em Segurança  Privilégio Mínimo.  Apenas fornecido aquilo que o usuário precisará para execução de suas atividades.  Privilégio Explícito.  Se não for mencionada autorização explícita ao recurso, o acesso deverá ser negado.  Mecanismo Econômico.  O mecanismo deve ser tão simples quanto possível.
  • 5. © 2011 Marcelo Lau Princípios adotados em Segurança  Completa Verificação.  Requer verificação de todos os acessos a todos os objetos antes de seu permissionamento.  Independência à soluções.  O mecanismo não deve depender da solução adotada.  Separação de Privilégios.  Não se deve permitir acesso baseado apenas em uma única condição.
  • 6. © 2011 Marcelo Lau Princípios adotados em Segurança  Uso individualizado.  Os mecanismos utilizados para acesso não devem ser compartilhados.  Aceitação e uso  Os mecanismos de segurança não devem tornar mais difícil o acesso dos recursos aos usuários legítimos.
  • 7. © 2011 Marcelo Lau Princípios Básicos  A Informação  A Informação é um ativo que, como qualquer outro importante para os negócios, tem um valor para a organização e conseqüentemente necessita ser adequadamente protegida.  A informação pode existir de diversas formas:  Impressa.  Escrita.  Papel.  Armazenada eletronicamente.  Transmitida pelo correio.  Mostrada em filmes.  Falada em conversas.  Apresentada / transmitida / armazenada / commpartilhada.
  • 8. © 2011 Marcelo Lau Princípios Básicos  Segurança da Informação  A Segurança da Informação protege a Informação de diversas ameaças para garantir a continuidade dos negócios, a integridade e a disponibilidade da mesma.
  • 9. © 2011 Marcelo Lau Riscos  Malware:  Vírus.  Worms.  Cavalos de Tróia.  Hackers.  Fraudadores.  Espiões.  Vulnerabilidades.  Configuração ou instalação insegura.
  • 10. © 2011 Marcelo Lau E os riscos...
  • 11. © 2011 Marcelo Lau Conteúdo completo da formação  DS 01 - Conceitos Gerais de Segurança da Informação.  DS 02 - Gestão de Risco.  DS 03 - Gestão de Segurança da Informação.  DS 04 - Legislação, Regulamentação, Normas, Investigação e Ética.  DS 05 - Política de Segurança da Informação.  DS 06 - Classificação de Informações.  DS 07 - Gestão de Continuidade de Negócios.
  • 12. © 2011 Marcelo Lau Conteúdo completo da formação  DS 08 - Segurança Física e Lógica.  DS 09 - Segurança em Sistemas Operacionais.  DS 10 - Segurança em Telecomunicações.  DS 11 - Segurança em Redes sem fio.  DS 12 - Forense Computacional.  DS 13 - Resposta a Incidentes.  DS 14 - Segurança na Gestão de Pessoas.
  • 13. © 2011 Marcelo Lau Referências adicionais para estudo  Bibliografia Data Security (http://www.datasecurity.com.br) em:  Análise de vulnerabilidade.  Forense Computacional.  Biometria.  Segurança em Sistemas Operacionais  Ameaças aos sistemas computacionais,  E muito mais...