SlideShare uma empresa Scribd logo
CONSTRUÇÃO DE UM VASO DE BÊNÇÃO
(Jr18:1-8) “A PALAVRA do Senhor que veio a Jeremias, dizendo: Levanta-te, e desce à casa do oleiro, e lá
te farei ouvir as minhas palavras. E desci à casa do oleiro, e eis que ele estava fazendo a sua obra sobre as
rodas. Como o vaso que ele fazia de barro se quebrou na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso,
conforme o que pareceu bem aos seus olhos fazer. Então veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Não
poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? diz o Senhor: eis que, como o barro na mão
do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel. No momento em que falar contra uma nação e
contra um reino, para arrancar, e para derribar, e para destruir, Se a tal nação, contra a qual falar, se
converter da sua maldade, também eu me arrependerei do mal que pensava fazer-lhe.”

O profeta Jeremias, desceu à casa do oleiro, para observar como o barro é trabalhado... Jeremias viu o barro
ser modelado e tomar a forma de vaso. Todo esse processo, é necessário na formação do caráter de um servo
de Deus. Deus tem um jeito todo especial para moldar o caráter daqueles que Ele escolheu para fazer sua
obra. Muitos acham que servir a Deus é fácil, mas acabam parando no meio do caminho, infelizmente.
Pensamos que foi satanás que fez cair, desistir, desanimar, mas às vezes é porque ele não quer ser moldado
por Deus. Talvez, por isso, Deus mandou Jeremias ir à olaria.

A Fase da Escolha
O verdadeiro oleiro vai no local onde se encontra o barro, não se compra no supermercado, na farmácia, ou
na feira. Barro se encontra no lamaçal, no meio do mato bem dentro do lodo. Existem cerca de duzentos
tipos de barros conhecidos, apenas oito servem para a fabricação. Alguns mais resistentes e outros menos,
alguns mais claros e outros mais escuros, alguns com mais liga e outro sem ou com menos liga.

Deus escolhe o barro que quer usar.
Lá vai o oleiro, seu nome JEOVÁ, a procurar um barro para fazer um vaso e lá no fundo do lodo sem cor,
feio e mal cheiroso cheio de pecado, eu e você, enfia a mão e retira o barro. Não importa em que lamaçal
nos encontrava-mos, alegre o seu coração, pois Ele nos escolhe. Somos Servos e Servas, porque Ele nos
escolheu.

 (Ef 1.3) “.Bendito o Deus e Pai do nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos
espirituais, nos lugares celestiais, em Cristo; como, também, nos elegeu nele, antes da fundação do mundo,
para que fôssemos santos e irrepreensíveis, diante dele em amor; E nos predestinou para filhos de adoção,
por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito da sua vontade, Para louvor e glória da sua graça,
pela qual nos fez agradáveis a si, no Amado;”.
(1Pd 2.9) “Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que
anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós que, em outro
tempo, não éreis povo, mas, agora, sois povo de Deus...”
(Jo 15.16a) Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei,...

A Fase do Curtimento
É o lugar onde o barro fica por um determinado tempo para criar consistência.
Quando fomos resgatados, trouxemos impurezas, lascívia, prostituição, magoas, ódio, etc..
É um momento muito difícil, momento que refletimos sobre a nossa vida.
Quanto maior a obra que Deus tem em nossas vidas maior o curtimento, pois assim adquirimos resistência.
Pois ainda estamos frágeis e fracos para encarar a obra.
O vaso que Jeremias viu se quebrou... Isto acontece quando o barro não está bem curtido.
Todos os grandes servos de Deus, experimentaram um deserto em suas vidas.

A Fase do Pisamento.
Pisar é necessário para que seja retirado todo ar existente nele, bolhas deixa o vaso defeituoso.
Deus permite que sejamos humilhados e pisados, pois todo ar do nosso orgulho, vaidade, autoconfiança,
o eu, egoísmo tem que sair.
Deus quer vasos puros, que possam agüentar o trabalhar, vasos aprovados.
Quem sabe o vaso quebrou pelo fato de não haver sido pisado o suficiente?
O que imaginamos quando Deus permite que sejamos humilhados, desprezado, ferido e coisas assim? todos
falam mal... ninguém nos entende... todo mundo julga nossas atitudes...Por que? ..Deus Permite para que
seja retirado de nós todo o orgulho, toda vaidade, toda autoconfiança...

A Fase do Molde
Tudo parece girar em nossas vidas, começamos ficar confusos, tudo gira, algumas dúvidas começam a
surgir. O oleiro levou o barro para a “roda de madeira” a fim de quê? ...moldá-lo.
O barro está prestes a se tornar um vaso segundo o coração do oleiro.
Com as suas mãos por dentro e por fora o vaso começa a adquiri sua forma, e aos olhos do oleiro o vaso está
quase pronto.
E qual o molde que o Senhor deseja nos dar? ...é o de servo, caráter de servo.
Deus quer que sejamos vasos como Jesus, um servo cheio do Espírito Santo.

A Fase do Fogo
É o processo mais difícil, têm muitos que nem conseguiram passar pelo primeira fase.
Nesse processo Deus testa nossa fé, para sermos vasos preciosos temos que passar pelo fogo, depois
estaremos prontos para sermos usado por Deus, vidas deram curadas, libertadas, restauradas, através das
nossas vidas.

Conclusão
Muitos querem ter cargos na igreja, querem estar nos púlpitos, desejam algo na vida, mas não querem passar
pelos processos que os levarão a ser alguém preparado. Se não passarmos pelas mãos do oleiro nunca
estaremos em condições de fazer coisa alguma na casa do oleiro.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Amor charles haddon spurgeon
Amor   charles haddon spurgeonAmor   charles haddon spurgeon
Amor charles haddon spurgeon
Deusdete Soares
 
A alegria do senhor é a força do seu povo charles haddon spurgeon
A alegria do senhor é a força do seu povo   charles haddon spurgeonA alegria do senhor é a força do seu povo   charles haddon spurgeon
A alegria do senhor é a força do seu povo charles haddon spurgeon
Deusdete Soares
 
Pai Nosso Meditado
Pai Nosso MeditadoPai Nosso Meditado
Pai Nosso Meditado
cab3032
 
Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!
Dalila Melo
 
Analise do-pai-nosso
Analise do-pai-nossoAnalise do-pai-nosso
Analise do-pai-nosso
Alcides
 

Mais procurados (20)

Club 99
Club 99Club 99
Club 99
 
0415
04150415
0415
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Pai Nosso
 
Jormi - Jornal Missionário n° 44
Jormi - Jornal Missionário n° 44Jormi - Jornal Missionário n° 44
Jormi - Jornal Missionário n° 44
 
Amor charles haddon spurgeon
Amor   charles haddon spurgeonAmor   charles haddon spurgeon
Amor charles haddon spurgeon
 
A alegria do senhor é a força do seu povo charles haddon spurgeon
A alegria do senhor é a força do seu povo   charles haddon spurgeonA alegria do senhor é a força do seu povo   charles haddon spurgeon
A alegria do senhor é a força do seu povo charles haddon spurgeon
 
Pai Nosso Meditado
Pai Nosso MeditadoPai Nosso Meditado
Pai Nosso Meditado
 
Pai Nosso - Instituto Espírita de Educação
Pai Nosso - Instituto Espírita de EducaçãoPai Nosso - Instituto Espírita de Educação
Pai Nosso - Instituto Espírita de Educação
 
Interpretação da oração pai nosso
Interpretação da oração pai nossoInterpretação da oração pai nosso
Interpretação da oração pai nosso
 
[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
 
Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!Obreiros do senhor!
Obreiros do senhor!
 
Analise do-pai-nosso
Analise do-pai-nossoAnalise do-pai-nosso
Analise do-pai-nosso
 
Ave Maria e Pai Nosso
Ave Maria e Pai NossoAve Maria e Pai Nosso
Ave Maria e Pai Nosso
 
Jó e seus amigos
Jó e seus amigosJó e seus amigos
Jó e seus amigos
 
O homem segundo o coração de deus
O homem segundo o coração de deusO homem segundo o coração de deus
O homem segundo o coração de deus
 
Arrumando a Bagunça Gerada pelo Estresse
Arrumando a Bagunça Gerada pelo EstresseArrumando a Bagunça Gerada pelo Estresse
Arrumando a Bagunça Gerada pelo Estresse
 
132 obreiros do senhor
132   obreiros do senhor132   obreiros do senhor
132 obreiros do senhor
 
JORMI - Jornal Missionário nº 100
JORMI - Jornal Missionário nº 100JORMI - Jornal Missionário nº 100
JORMI - Jornal Missionário nº 100
 
Porta estreita
Porta estreitaPorta estreita
Porta estreita
 
JORMI - jornal missionário n° 78
JORMI -  jornal missionário n° 78JORMI -  jornal missionário n° 78
JORMI - jornal missionário n° 78
 

Semelhante a Construção de um vaso de benção

como barro na mão do oleiro parte 4.ppt
como barro na mão do oleiro parte 4.pptcomo barro na mão do oleiro parte 4.ppt
como barro na mão do oleiro parte 4.ppt
DulcyneiaGama
 
casa do oleiro palestra para família motivacional
casa do oleiro palestra para família motivacionalcasa do oleiro palestra para família motivacional
casa do oleiro palestra para família motivacional
deivid silva
 
Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros
Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros
Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros
Cacilda Barbosa Santiago
 
Estudo Sobre Jó e seus Amigos - C. H. Mackintosh
Estudo Sobre Jó e seus Amigos -  C. H. MackintoshEstudo Sobre Jó e seus Amigos -  C. H. Mackintosh
Estudo Sobre Jó e seus Amigos - C. H. Mackintosh
Tsushya marco
 
Evangélico steve gallagher - irresistível a deus
Evangélico   steve gallagher - irresistível a deusEvangélico   steve gallagher - irresistível a deus
Evangélico steve gallagher - irresistível a deus
Angela Pereira
 
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
Antonio Ferreira
 
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
Antonio Ferreira
 
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
Antonio Ferreira
 

Semelhante a Construção de um vaso de benção (20)

SÉRIE GUERREIRAS - ESTUDO 4.pptx
SÉRIE GUERREIRAS - ESTUDO 4.pptxSÉRIE GUERREIRAS - ESTUDO 4.pptx
SÉRIE GUERREIRAS - ESTUDO 4.pptx
 
como barro na mão do oleiro parte 4.ppt
como barro na mão do oleiro parte 4.pptcomo barro na mão do oleiro parte 4.ppt
como barro na mão do oleiro parte 4.ppt
 
casa do oleiro palestra para família motivacional
casa do oleiro palestra para família motivacionalcasa do oleiro palestra para família motivacional
casa do oleiro palestra para família motivacional
 
Lição 10 O profeta desce a casa do Oleiro
Lição 10 O profeta desce a casa do OleiroLição 10 O profeta desce a casa do Oleiro
Lição 10 O profeta desce a casa do Oleiro
 
Lição 1342015 - Lições de Jeremias + textos_GGR
Lição 1342015 - Lições de Jeremias + textos_GGRLição 1342015 - Lições de Jeremias + textos_GGR
Lição 1342015 - Lições de Jeremias + textos_GGR
 
❉ Respostas 6 - Atos simbólicos_GGR
❉ Respostas 6 - Atos simbólicos_GGR❉ Respostas 6 - Atos simbólicos_GGR
❉ Respostas 6 - Atos simbólicos_GGR
 
O oleiro e o barro - George Whitefield
O oleiro e o barro - George WhitefieldO oleiro e o barro - George Whitefield
O oleiro e o barro - George Whitefield
 
Conhecendo os nossos inimigos
Conhecendo os nossos inimigosConhecendo os nossos inimigos
Conhecendo os nossos inimigos
 
Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros
Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros
Vasos de bençãos nas mãos do Senhor - Esposas de Obreiros
 
"Descendo à casa do oleiro"
"Descendo à casa do oleiro""Descendo à casa do oleiro"
"Descendo à casa do oleiro"
 
31.12.2016 frente aos escombros da vida-neemias 2.11 - 20
31.12.2016   frente aos escombros da vida-neemias 2.11 - 2031.12.2016   frente aos escombros da vida-neemias 2.11 - 20
31.12.2016 frente aos escombros da vida-neemias 2.11 - 20
 
Estudo Sobre Jó e seus Amigos - C. H. Mackintosh
Estudo Sobre Jó e seus Amigos -  C. H. MackintoshEstudo Sobre Jó e seus Amigos -  C. H. Mackintosh
Estudo Sobre Jó e seus Amigos - C. H. Mackintosh
 
Estudo da Semana - Fé Sobrenatural 2
Estudo da Semana - Fé Sobrenatural 2Estudo da Semana - Fé Sobrenatural 2
Estudo da Semana - Fé Sobrenatural 2
 
Evangélico steve gallagher - irresistível a deus
Evangélico   steve gallagher - irresistível a deusEvangélico   steve gallagher - irresistível a deus
Evangélico steve gallagher - irresistível a deus
 
licao22.pps
licao22.ppslicao22.pps
licao22.pps
 
Licao22
Licao22Licao22
Licao22
 
Jormi - Jornal Missionário n° 53
Jormi - Jornal Missionário n° 53Jormi - Jornal Missionário n° 53
Jormi - Jornal Missionário n° 53
 
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
 
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
 
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
7225614 steve-gallagher-irresistivel-a-deus
 

Mais de Joselito Machado (20)

A família e a igreja
 A família e a igreja A família e a igreja
A família e a igreja
 
As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do Espírito
 
Orar não é obrigação
Orar não é obrigaçãoOrar não é obrigação
Orar não é obrigação
 
Aguia
AguiaAguia
Aguia
 
Marketing do relacionamento
Marketing do relacionamentoMarketing do relacionamento
Marketing do relacionamento
 
As melhores sementes
As melhores sementesAs melhores sementes
As melhores sementes
 
A boa semente
A boa sementeA boa semente
A boa semente
 
Batismo com o Espírito Santo
Batismo com o Espírito SantoBatismo com o Espírito Santo
Batismo com o Espírito Santo
 
Lucifér convoca convenção mundial de demônios
Lucifér convoca convenção mundial de demôniosLucifér convoca convenção mundial de demônios
Lucifér convoca convenção mundial de demônios
 
Jesus, o bom pastor
Jesus, o bom pastorJesus, o bom pastor
Jesus, o bom pastor
 
Submissão espiritual
Submissão espiritualSubmissão espiritual
Submissão espiritual
 
A lógica de eistein
A lógica de eisteinA lógica de eistein
A lógica de eistein
 
A travessia do mar vermelho
A travessia do mar vermelhoA travessia do mar vermelho
A travessia do mar vermelho
 
Quando foi que jesus cristo nasceu
Quando foi que jesus cristo nasceuQuando foi que jesus cristo nasceu
Quando foi que jesus cristo nasceu
 
Entrevista com satanás
Entrevista com satanásEntrevista com satanás
Entrevista com satanás
 
Áreas Críticas do Casamento
Áreas Críticas do CasamentoÁreas Críticas do Casamento
Áreas Críticas do Casamento
 
O que é sucesso
O que é sucessoO que é sucesso
O que é sucesso
 
Discipulado
DiscipuladoDiscipulado
Discipulado
 
A história dos sete crente anões
A história dos sete crente anõesA história dos sete crente anões
A história dos sete crente anões
 
A queda
A quedaA queda
A queda
 

Construção de um vaso de benção

  • 1. CONSTRUÇÃO DE UM VASO DE BÊNÇÃO (Jr18:1-8) “A PALAVRA do Senhor que veio a Jeremias, dizendo: Levanta-te, e desce à casa do oleiro, e lá te farei ouvir as minhas palavras. E desci à casa do oleiro, e eis que ele estava fazendo a sua obra sobre as rodas. Como o vaso que ele fazia de barro se quebrou na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme o que pareceu bem aos seus olhos fazer. Então veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? diz o Senhor: eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel. No momento em que falar contra uma nação e contra um reino, para arrancar, e para derribar, e para destruir, Se a tal nação, contra a qual falar, se converter da sua maldade, também eu me arrependerei do mal que pensava fazer-lhe.” O profeta Jeremias, desceu à casa do oleiro, para observar como o barro é trabalhado... Jeremias viu o barro ser modelado e tomar a forma de vaso. Todo esse processo, é necessário na formação do caráter de um servo de Deus. Deus tem um jeito todo especial para moldar o caráter daqueles que Ele escolheu para fazer sua obra. Muitos acham que servir a Deus é fácil, mas acabam parando no meio do caminho, infelizmente. Pensamos que foi satanás que fez cair, desistir, desanimar, mas às vezes é porque ele não quer ser moldado por Deus. Talvez, por isso, Deus mandou Jeremias ir à olaria. A Fase da Escolha O verdadeiro oleiro vai no local onde se encontra o barro, não se compra no supermercado, na farmácia, ou na feira. Barro se encontra no lamaçal, no meio do mato bem dentro do lodo. Existem cerca de duzentos tipos de barros conhecidos, apenas oito servem para a fabricação. Alguns mais resistentes e outros menos, alguns mais claros e outros mais escuros, alguns com mais liga e outro sem ou com menos liga. Deus escolhe o barro que quer usar. Lá vai o oleiro, seu nome JEOVÁ, a procurar um barro para fazer um vaso e lá no fundo do lodo sem cor, feio e mal cheiroso cheio de pecado, eu e você, enfia a mão e retira o barro. Não importa em que lamaçal nos encontrava-mos, alegre o seu coração, pois Ele nos escolhe. Somos Servos e Servas, porque Ele nos escolheu. (Ef 1.3) “.Bendito o Deus e Pai do nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais, nos lugares celestiais, em Cristo; como, também, nos elegeu nele, antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis, diante dele em amor; E nos predestinou para filhos de adoção, por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito da sua vontade, Para louvor e glória da sua graça, pela qual nos fez agradáveis a si, no Amado;”. (1Pd 2.9) “Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós que, em outro tempo, não éreis povo, mas, agora, sois povo de Deus...” (Jo 15.16a) Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei,... A Fase do Curtimento É o lugar onde o barro fica por um determinado tempo para criar consistência. Quando fomos resgatados, trouxemos impurezas, lascívia, prostituição, magoas, ódio, etc.. É um momento muito difícil, momento que refletimos sobre a nossa vida. Quanto maior a obra que Deus tem em nossas vidas maior o curtimento, pois assim adquirimos resistência. Pois ainda estamos frágeis e fracos para encarar a obra. O vaso que Jeremias viu se quebrou... Isto acontece quando o barro não está bem curtido. Todos os grandes servos de Deus, experimentaram um deserto em suas vidas. A Fase do Pisamento. Pisar é necessário para que seja retirado todo ar existente nele, bolhas deixa o vaso defeituoso. Deus permite que sejamos humilhados e pisados, pois todo ar do nosso orgulho, vaidade, autoconfiança, o eu, egoísmo tem que sair. Deus quer vasos puros, que possam agüentar o trabalhar, vasos aprovados. Quem sabe o vaso quebrou pelo fato de não haver sido pisado o suficiente?
  • 2. O que imaginamos quando Deus permite que sejamos humilhados, desprezado, ferido e coisas assim? todos falam mal... ninguém nos entende... todo mundo julga nossas atitudes...Por que? ..Deus Permite para que seja retirado de nós todo o orgulho, toda vaidade, toda autoconfiança... A Fase do Molde Tudo parece girar em nossas vidas, começamos ficar confusos, tudo gira, algumas dúvidas começam a surgir. O oleiro levou o barro para a “roda de madeira” a fim de quê? ...moldá-lo. O barro está prestes a se tornar um vaso segundo o coração do oleiro. Com as suas mãos por dentro e por fora o vaso começa a adquiri sua forma, e aos olhos do oleiro o vaso está quase pronto. E qual o molde que o Senhor deseja nos dar? ...é o de servo, caráter de servo. Deus quer que sejamos vasos como Jesus, um servo cheio do Espírito Santo. A Fase do Fogo É o processo mais difícil, têm muitos que nem conseguiram passar pelo primeira fase. Nesse processo Deus testa nossa fé, para sermos vasos preciosos temos que passar pelo fogo, depois estaremos prontos para sermos usado por Deus, vidas deram curadas, libertadas, restauradas, através das nossas vidas. Conclusão Muitos querem ter cargos na igreja, querem estar nos púlpitos, desejam algo na vida, mas não querem passar pelos processos que os levarão a ser alguém preparado. Se não passarmos pelas mãos do oleiro nunca estaremos em condições de fazer coisa alguma na casa do oleiro.