SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
Copyright © 2007 Powerpoint Paradise. All Rights Reserved New King James Version Clique para  o próximo SLIDE Moisés e a Travessia do Mar Vermelho Powerpoint Paradise.com Verdade ou ficção?
Primeira pergunta: Vamos olhar alguns documentários e evidências arqueológicas! Os personágens bíblicos envolvidos no Êxodo, será que realmente existiram ?
Jacó filho de Isaque cavou um poço próximo a Sychar, onde Jesus falou a uma mulher de Samaria 1000 anos antes. Beduínos e judeus locais chamam este de Poço de Jacó. Esta foto foi tirada em  1884 DC. Ele ainda existe hoje, dentro de um complexo de paredes de um Mosteiro Ortodóxico Grego . Abraão teve um filho chamado Isaque
1880 Foto do Túmulo de  Raquel ,[object Object],[object Object],[object Object]
1865 Foto:  Túmulo de José na Palestina José o filho favorito de Jacó foi vendido pelos seus irmãos como escravo no Egito, mas ele veio a ser o  vice-Faraó ! Depois de 400 anos Moisés, levou consigo os ossos de José cumprindo uma promessa feita a ele pelos israelitas.(Ex 13:19)
Moisés deve ter amado muito o seu pai! Este é o mais longo túmulo do mundo! Túmulo de Amrão, o pai de Moisés Êxodo 6:20 “Anrão tomou por mulher sua tia Joquebede, e ela deu à luz Arão e Moisés. A vida de Anrão foi de cento e trinta e sete anos.
Arão irmão de Moisés ajudou a conduzir  2-3 milhões pessoas para fora do Egito. Da montanha que cerca a grande taça de Pedra, nenhuma é mais comandada que Jabal Haroun, Montanha de Arão, ou Monte Hor da Bíblia. Com 1,350 metros acima do nível do mar é o mais alto pico da área; e é um local sagrado para as pessoas do lugar, porque eles acreditam que ali morreu e foi enterrado o irmão de Moisés. Números 20:28 “Moisés despiu Arão de suas vestes e colocou-as em seu filho Eleazar; e Arão morreu no alto do monte. Depois disso, Moisés e Eleazar desceram.”
Geografia – O Mar Vermelho! Golfo de Aqaba Terra de Gósen
Eles partiram de Gósen terminando na praia de Nuweiba através de  Sucote através desta ravina
Praia de Nuweiba Foto de Satélite da ravina que conduzia para a uma única saída: A Praia de Nuweiba!
Chegando a Praia de Nuweiba
 
 
Vista Lateral
Praia de Nuweiba no golfo de Aqaba por onde eles presumivelmente atravessaram … Grande e bonita praia para 2 milhões de pessoas, não é? Eu sempre fico maravilhado como uma coluna de fogo pode parar os egípcios durante a noite. Bastava dar a volta! Não senhor! Aquelas colinas eram muito íngremes para suas  charretes
Verificando as medidas de profundidade no sonar, Wyatt descobriu uma ponte de terra subaquática exatamente entre a praia de Nuweiba e o lado saudita.
Deus dividiu o mar com um forte vento oriental expondo esta ponte de terra subaquática por onde Moisés e os israelitas passaram em terra seca! Foi assim que 2-3 milhões de pessoas puderam passá-lo! Êxodo 14:21-22  “Então Moisés estendeu a mão sobre o mar; e, com um forte vento do Leste, o Senhor fez recuar o mar toda aquela noite, tornando o mar em terra seca. As águas se dividiram, e os israelitas entraram pelo meio do mar em terra seca; e as águas ficaram como um muro à direita e à esquerda deles.”
De acordo com o que é contado na Bíblia as charretes do faraó  tentaram perseguí-los Figura original das charretes do faraó EX. 14   23   E os egípcios os perseguiram e entraram atrás deles até o meio do mar, com todos os cavalos, os carros e os cavaleiros do faraó.  24  Na vigília da manhã, o Senhor desde a coluna de fogo e de nuvem, olhou para o acampamento dos egipcios e os tumultuou.  25  Ele travou as rodas dos seus carros para andarem com dificuldade. Então os egípcios disseram: Fujamos de Israel, pois o Senhor combate por eles conta os egípcios.  26  Então o Senhor disse a Moisés: Estende a mão sobre o mar, para que as águas se voltem sobre os egípcios, sobre seus carros e cavaleiros.  27  Então Moises estendeu a mão sobre o mar, e este retomou a sua força ao amanhecer, e os egípcios fugiram, indo de encontro ao mar. Assim o Senhor derrubou os egípcios no meio do mar.  28  As águas voltaram e cobriram os carros e os cavaleiros e todo o exército do faraó, que haviam entrado no mar atrás deles. E não restou nem um deles sequer .
Então Wyatt decidiu mergulhar e olhar neste local! Advinhem o que ele descobriu…
As rodas das charretes dos faraó que ficaram submersas quando tentaram perseguí-los!   Os artefatos encontrados incluem rodas, partes de charretes, como também ossadas humanas e de cavalos.  Vários foram encontrados tanto na linha costeira saudita como na de Nuweiba também.
Desde 1987, Ron Wyatt encontrou 3 raios de rodas de charrete dourada. Corais não se desenvolvem no ouro, portanto sua forma original foi mantida, no entanto a madeira que estava dentro deste folheado de ouro se desintegrou deixando-o muito frágil para sua remoção.  A esperança de futuras expedições é explorar as águas profundas com câmeras remotas mini-submarinos.
A roda de charrete encrustada de coral, filmada na linha costeira saudita, se compara com esta charrete encontrada no túmulo de Tutancamon.
Roda e eixo de charrete coberto com coral e em pé. Êxodo 14:25  ‘E ele travou  as rodas dos seus carros para andarem com dificuldade...'
Ossos Mineralizados, um dos muitos encontrados na travessia testados pelo Departamento de Osteologia da Universidade de  Estocolmo, um deles foi identificado como um femur humano da perna direita de um homem de 165-170cm de estatura. Ele está essencialmente ‘fossilizado’ e totalmente substituido por minerais e corais portanto não pode ser datado pelo método de radio carbono, no entanto este espécime era muito antigo.
Coluna Memorial de Salomão. Quando Ron Wyatt visitou pela primeira vez Nuweiba em 1978, ele encontrou uma coluna estilo Fenício encostada na água. Infelizmente as inscrições tinham sido corroídas pela erosão, por isso a importância desta coluna não foi percebida ate 1984 quando uma segunda coluna de granito foi encontrada no lado oposto, na costa saudita – idêntica a primeira, exceto pelas inscrições que estava intáctas!
Ron Wyatt encontrou duas colunas colocadas pelo Rei Salomão em ambas as praias para comemorar a travessia do Mar Vermelho! Em letras Fenícias(hebreu arcáico), ele contem as palavras: Mizraim (Egito ); Solomão; Edom; morte; Faraó; Moisés; e Yahweh, indicando que o Rei Salomão pôs estas colunas como um memorial pelo milagre da travessia do mar. A Arábia Saudita não admite turistas, e talvez temem visitante não autorizados, as autoridades sauditas então removeram estas colunas e colocaram uma bandeira para assinalar o local onde elas estavam.
Eles atravessaram o Mar Vermelho para a Arábia Saudita onde de acordo com os arqueólogos está realmente o Sagrado Monte Sinai. Daqui Onde Moisés recebeu os Dez Mandamentos
 
Inscrições hebraicas encontradas na arábia saudita
Muitas outras evidências puderam ser encontradas no lado saudita do mar incluindo restos do bezerro de ouro, colunas e altares
par   de rochas em Horebe onde a Bíblia diz que Moisés feriu duas vezes para sair agua para  o povo! A rocha fendeu e logo em seguida a água jorrou …
É difícil dizer mas a tendência predominante da mídia anti-Deus é não retratar estes fatos verdadeiros na luz da fé. ,[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (9)

Red sea crossing
Red sea crossingRed sea crossing
Red sea crossing
 
A Travessia Do Mar Vermelho Por Israel
A Travessia Do Mar Vermelho Por IsraelA Travessia Do Mar Vermelho Por Israel
A Travessia Do Mar Vermelho Por Israel
 
Travessia
TravessiaTravessia
Travessia
 
Travessia do Mar Vermelho
Travessia do Mar VermelhoTravessia do Mar Vermelho
Travessia do Mar Vermelho
 
Travessia Do Mar Vermelho Por Israel
Travessia Do Mar Vermelho Por IsraelTravessia Do Mar Vermelho Por Israel
Travessia Do Mar Vermelho Por Israel
 
Atravessia do Mar Vermelho*
Atravessia do Mar Vermelho*Atravessia do Mar Vermelho*
Atravessia do Mar Vermelho*
 
619[1]
619[1]619[1]
619[1]
 
A Travessia do Mar Vermelho
A Travessia do Mar VermelhoA Travessia do Mar Vermelho
A Travessia do Mar Vermelho
 
A Travessia Do Mar Vermelho
A Travessia Do Mar VermelhoA Travessia Do Mar Vermelho
A Travessia Do Mar Vermelho
 

Destaque

As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do Espírito
Joselito Machado
 

Destaque (14)

Aguia
AguiaAguia
Aguia
 
A formação dos evangelhos
A formação dos evangelhosA formação dos evangelhos
A formação dos evangelhos
 
A família e a igreja
 A família e a igreja A família e a igreja
A família e a igreja
 
As Obras da Carne e o Fruto do Espirito
As Obras da Carne e o Fruto do EspiritoAs Obras da Carne e o Fruto do Espirito
As Obras da Carne e o Fruto do Espirito
 
Lição 1 - As obras da carne e o fruto do Espírito Santo
Lição 1 - As obras da carne e o fruto do Espírito SantoLição 1 - As obras da carne e o fruto do Espírito Santo
Lição 1 - As obras da carne e o fruto do Espírito Santo
 
Lição 2 - O propósito do fruto do Espírito
Lição 2 - O propósito do fruto do EspíritoLição 2 - O propósito do fruto do Espírito
Lição 2 - O propósito do fruto do Espírito
 
LBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
LBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUSLBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
LBA LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
 
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoLição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
 
As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do Espírito
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
 
Alegria Fruto do Espirito, Inveja Habito da Velha Natureza
Alegria Fruto do Espirito, Inveja Habito da Velha NaturezaAlegria Fruto do Espirito, Inveja Habito da Velha Natureza
Alegria Fruto do Espirito, Inveja Habito da Velha Natureza
 
LIÇÃO 2- O PROPÓSITO DO FRUTO DO ESPÍRITO
LIÇÃO 2- O PROPÓSITO DO FRUTO DO ESPÍRITOLIÇÃO 2- O PROPÓSITO DO FRUTO DO ESPÍRITO
LIÇÃO 2- O PROPÓSITO DO FRUTO DO ESPÍRITO
 
LIÇÃO 1 - AS OBRAS DA CARNE E O FRUTO DO ESPÍRITO
LIÇÃO 1 - AS OBRAS DA CARNE E O FRUTO DO ESPÍRITOLIÇÃO 1 - AS OBRAS DA CARNE E O FRUTO DO ESPÍRITO
LIÇÃO 1 - AS OBRAS DA CARNE E O FRUTO DO ESPÍRITO
 
LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUSLIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
LIÇÃO 13 - A FIDELIDADE DE DEUS
 

Semelhante a A travessia do mar vermelho

Semelhante a A travessia do mar vermelho (17)

A Travessia Do Mar Vermelho
A Travessia Do Mar VermelhoA Travessia Do Mar Vermelho
A Travessia Do Mar Vermelho
 
Red sea crossing
Red sea crossingRed sea crossing
Red sea crossing
 
Red sea crossing
Red sea crossingRed sea crossing
Red sea crossing
 
Verdadesbiblicas 090714225341-phpapp01
Verdadesbiblicas 090714225341-phpapp01Verdadesbiblicas 090714225341-phpapp01
Verdadesbiblicas 090714225341-phpapp01
 
Verdades Biblicas
Verdades BiblicasVerdades Biblicas
Verdades Biblicas
 
Travessia
TravessiaTravessia
Travessia
 
Travessia do mar vermelho
Travessia do mar vermelhoTravessia do mar vermelho
Travessia do mar vermelho
 
Travessia do Mar Vermelho
Travessia do Mar VermelhoTravessia do Mar Vermelho
Travessia do Mar Vermelho
 
Travessia Do Mar Vermelho Por Israel
Travessia Do Mar Vermelho Por IsraelTravessia Do Mar Vermelho Por Israel
Travessia Do Mar Vermelho Por Israel
 
MOISES E A TRAVESSIA DO MAR VERMELHO
MOISES E A TRAVESSIA DO MAR VERMELHOMOISES E A TRAVESSIA DO MAR VERMELHO
MOISES E A TRAVESSIA DO MAR VERMELHO
 
Travessia do mar vermelho
Travessia do mar vermelhoTravessia do mar vermelho
Travessia do mar vermelho
 
Travessia do mar vermelho
Travessia do mar vermelhoTravessia do mar vermelho
Travessia do mar vermelho
 
Travessia do mar vermelho
 Travessia do mar vermelho Travessia do mar vermelho
Travessia do mar vermelho
 
Travessia
TravessiaTravessia
Travessia
 
Moysés e a Travessia Das Águas Do Mar Vermelho
Moysés e a Travessia Das Águas Do Mar VermelhoMoysés e a Travessia Das Águas Do Mar Vermelho
Moysés e a Travessia Das Águas Do Mar Vermelho
 
Arqueologia do exodo
Arqueologia do exodoArqueologia do exodo
Arqueologia do exodo
 
Travessia do Mar Vermelho
Travessia do Mar VermelhoTravessia do Mar Vermelho
Travessia do Mar Vermelho
 

Mais de Joselito Machado (20)

Orar não é obrigação
Orar não é obrigaçãoOrar não é obrigação
Orar não é obrigação
 
Marketing do relacionamento
Marketing do relacionamentoMarketing do relacionamento
Marketing do relacionamento
 
As melhores sementes
As melhores sementesAs melhores sementes
As melhores sementes
 
A boa semente
A boa sementeA boa semente
A boa semente
 
Batismo com o Espírito Santo
Batismo com o Espírito SantoBatismo com o Espírito Santo
Batismo com o Espírito Santo
 
Lucifér convoca convenção mundial de demônios
Lucifér convoca convenção mundial de demôniosLucifér convoca convenção mundial de demônios
Lucifér convoca convenção mundial de demônios
 
Jesus, o bom pastor
Jesus, o bom pastorJesus, o bom pastor
Jesus, o bom pastor
 
Submissão espiritual
Submissão espiritualSubmissão espiritual
Submissão espiritual
 
A lógica de eistein
A lógica de eisteinA lógica de eistein
A lógica de eistein
 
Quando foi que jesus cristo nasceu
Quando foi que jesus cristo nasceuQuando foi que jesus cristo nasceu
Quando foi que jesus cristo nasceu
 
Entrevista com satanás
Entrevista com satanásEntrevista com satanás
Entrevista com satanás
 
Áreas Críticas do Casamento
Áreas Críticas do CasamentoÁreas Críticas do Casamento
Áreas Críticas do Casamento
 
O que é sucesso
O que é sucessoO que é sucesso
O que é sucesso
 
Construção de um vaso de benção
Construção de um vaso de bençãoConstrução de um vaso de benção
Construção de um vaso de benção
 
Discipulado
DiscipuladoDiscipulado
Discipulado
 
A história dos sete crente anões
A história dos sete crente anõesA história dos sete crente anões
A história dos sete crente anões
 
A queda
A quedaA queda
A queda
 
A idolatria
A idolatriaA idolatria
A idolatria
 
A fé verdadeira
A fé verdadeiraA fé verdadeira
A fé verdadeira
 
Dízimos e ofertas
Dízimos e ofertasDízimos e ofertas
Dízimos e ofertas
 

Último

1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
profbrunogeo95
 

Último (20)

Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 

A travessia do mar vermelho

  • 1. Copyright © 2007 Powerpoint Paradise. All Rights Reserved New King James Version Clique para o próximo SLIDE Moisés e a Travessia do Mar Vermelho Powerpoint Paradise.com Verdade ou ficção?
  • 2. Primeira pergunta: Vamos olhar alguns documentários e evidências arqueológicas! Os personágens bíblicos envolvidos no Êxodo, será que realmente existiram ?
  • 3. Jacó filho de Isaque cavou um poço próximo a Sychar, onde Jesus falou a uma mulher de Samaria 1000 anos antes. Beduínos e judeus locais chamam este de Poço de Jacó. Esta foto foi tirada em 1884 DC. Ele ainda existe hoje, dentro de um complexo de paredes de um Mosteiro Ortodóxico Grego . Abraão teve um filho chamado Isaque
  • 4.
  • 5. 1865 Foto: Túmulo de José na Palestina José o filho favorito de Jacó foi vendido pelos seus irmãos como escravo no Egito, mas ele veio a ser o vice-Faraó ! Depois de 400 anos Moisés, levou consigo os ossos de José cumprindo uma promessa feita a ele pelos israelitas.(Ex 13:19)
  • 6. Moisés deve ter amado muito o seu pai! Este é o mais longo túmulo do mundo! Túmulo de Amrão, o pai de Moisés Êxodo 6:20 “Anrão tomou por mulher sua tia Joquebede, e ela deu à luz Arão e Moisés. A vida de Anrão foi de cento e trinta e sete anos.
  • 7. Arão irmão de Moisés ajudou a conduzir 2-3 milhões pessoas para fora do Egito. Da montanha que cerca a grande taça de Pedra, nenhuma é mais comandada que Jabal Haroun, Montanha de Arão, ou Monte Hor da Bíblia. Com 1,350 metros acima do nível do mar é o mais alto pico da área; e é um local sagrado para as pessoas do lugar, porque eles acreditam que ali morreu e foi enterrado o irmão de Moisés. Números 20:28 “Moisés despiu Arão de suas vestes e colocou-as em seu filho Eleazar; e Arão morreu no alto do monte. Depois disso, Moisés e Eleazar desceram.”
  • 8. Geografia – O Mar Vermelho! Golfo de Aqaba Terra de Gósen
  • 9. Eles partiram de Gósen terminando na praia de Nuweiba através de Sucote através desta ravina
  • 10. Praia de Nuweiba Foto de Satélite da ravina que conduzia para a uma única saída: A Praia de Nuweiba!
  • 11. Chegando a Praia de Nuweiba
  • 12.  
  • 13.  
  • 15. Praia de Nuweiba no golfo de Aqaba por onde eles presumivelmente atravessaram … Grande e bonita praia para 2 milhões de pessoas, não é? Eu sempre fico maravilhado como uma coluna de fogo pode parar os egípcios durante a noite. Bastava dar a volta! Não senhor! Aquelas colinas eram muito íngremes para suas charretes
  • 16. Verificando as medidas de profundidade no sonar, Wyatt descobriu uma ponte de terra subaquática exatamente entre a praia de Nuweiba e o lado saudita.
  • 17. Deus dividiu o mar com um forte vento oriental expondo esta ponte de terra subaquática por onde Moisés e os israelitas passaram em terra seca! Foi assim que 2-3 milhões de pessoas puderam passá-lo! Êxodo 14:21-22 “Então Moisés estendeu a mão sobre o mar; e, com um forte vento do Leste, o Senhor fez recuar o mar toda aquela noite, tornando o mar em terra seca. As águas se dividiram, e os israelitas entraram pelo meio do mar em terra seca; e as águas ficaram como um muro à direita e à esquerda deles.”
  • 18. De acordo com o que é contado na Bíblia as charretes do faraó tentaram perseguí-los Figura original das charretes do faraó EX. 14 23 E os egípcios os perseguiram e entraram atrás deles até o meio do mar, com todos os cavalos, os carros e os cavaleiros do faraó. 24 Na vigília da manhã, o Senhor desde a coluna de fogo e de nuvem, olhou para o acampamento dos egipcios e os tumultuou. 25 Ele travou as rodas dos seus carros para andarem com dificuldade. Então os egípcios disseram: Fujamos de Israel, pois o Senhor combate por eles conta os egípcios. 26 Então o Senhor disse a Moisés: Estende a mão sobre o mar, para que as águas se voltem sobre os egípcios, sobre seus carros e cavaleiros. 27 Então Moises estendeu a mão sobre o mar, e este retomou a sua força ao amanhecer, e os egípcios fugiram, indo de encontro ao mar. Assim o Senhor derrubou os egípcios no meio do mar. 28 As águas voltaram e cobriram os carros e os cavaleiros e todo o exército do faraó, que haviam entrado no mar atrás deles. E não restou nem um deles sequer .
  • 19. Então Wyatt decidiu mergulhar e olhar neste local! Advinhem o que ele descobriu…
  • 20. As rodas das charretes dos faraó que ficaram submersas quando tentaram perseguí-los! Os artefatos encontrados incluem rodas, partes de charretes, como também ossadas humanas e de cavalos. Vários foram encontrados tanto na linha costeira saudita como na de Nuweiba também.
  • 21. Desde 1987, Ron Wyatt encontrou 3 raios de rodas de charrete dourada. Corais não se desenvolvem no ouro, portanto sua forma original foi mantida, no entanto a madeira que estava dentro deste folheado de ouro se desintegrou deixando-o muito frágil para sua remoção. A esperança de futuras expedições é explorar as águas profundas com câmeras remotas mini-submarinos.
  • 22. A roda de charrete encrustada de coral, filmada na linha costeira saudita, se compara com esta charrete encontrada no túmulo de Tutancamon.
  • 23. Roda e eixo de charrete coberto com coral e em pé. Êxodo 14:25 ‘E ele travou as rodas dos seus carros para andarem com dificuldade...'
  • 24. Ossos Mineralizados, um dos muitos encontrados na travessia testados pelo Departamento de Osteologia da Universidade de Estocolmo, um deles foi identificado como um femur humano da perna direita de um homem de 165-170cm de estatura. Ele está essencialmente ‘fossilizado’ e totalmente substituido por minerais e corais portanto não pode ser datado pelo método de radio carbono, no entanto este espécime era muito antigo.
  • 25. Coluna Memorial de Salomão. Quando Ron Wyatt visitou pela primeira vez Nuweiba em 1978, ele encontrou uma coluna estilo Fenício encostada na água. Infelizmente as inscrições tinham sido corroídas pela erosão, por isso a importância desta coluna não foi percebida ate 1984 quando uma segunda coluna de granito foi encontrada no lado oposto, na costa saudita – idêntica a primeira, exceto pelas inscrições que estava intáctas!
  • 26. Ron Wyatt encontrou duas colunas colocadas pelo Rei Salomão em ambas as praias para comemorar a travessia do Mar Vermelho! Em letras Fenícias(hebreu arcáico), ele contem as palavras: Mizraim (Egito ); Solomão; Edom; morte; Faraó; Moisés; e Yahweh, indicando que o Rei Salomão pôs estas colunas como um memorial pelo milagre da travessia do mar. A Arábia Saudita não admite turistas, e talvez temem visitante não autorizados, as autoridades sauditas então removeram estas colunas e colocaram uma bandeira para assinalar o local onde elas estavam.
  • 27. Eles atravessaram o Mar Vermelho para a Arábia Saudita onde de acordo com os arqueólogos está realmente o Sagrado Monte Sinai. Daqui Onde Moisés recebeu os Dez Mandamentos
  • 28.  
  • 30. Muitas outras evidências puderam ser encontradas no lado saudita do mar incluindo restos do bezerro de ouro, colunas e altares
  • 31. par de rochas em Horebe onde a Bíblia diz que Moisés feriu duas vezes para sair agua para o povo! A rocha fendeu e logo em seguida a água jorrou …
  • 32.