SlideShare uma empresa Scribd logo
Os princípios de Deus para o relacionamento conjugal
Deus tem princípios que devem reger a postura da
esposa e do marido dentro do relacionamento
conjugal. Não existe maior responsabilidade e para um
do que para o outro. Os dois são totalmente
responsáveis pelo sucesso no relacionamento. Ambos,
marido e mulher, têm responsabilidades. Vejamos o
que Paulo ensinou neste texto:
Vs. 18 – A submissão da esposa ao marido
Não é uma questão de inferioridade, visto que nós devemos nos
submeter uns aos outros (Ef.05:21).
Tanto homem como mulher são um em Cristo.
A submissão que Paulo ensina não é uma questão de valor, mas
uma função dentro da estrutura familiar.
Não se pode confundir “submissão” com “escravidão”.
A autoridade do marido não é um governo ditatorial ou tirano,
mas uma liderança amorosa.
A posição do homem foi dada por Deus.
O homem foi criado para liderar e não para mandar. Esta é a
grande diferença!
• Existem três pontos fundamentais sobre a submissão da
esposa:
A) A submissão ao marido é uma ordem de Deus (18).
• A ordenança não é para escravizar a esposa, mas para honrá-
la.
• Deus não escraviza, mas liberta as pessoas.
• A mulher só é verdadeiramente livre quando obedece ao
• princípio estabelecido por Deus de se submeter ao “cabeça”
que é o marido.
• Ela não se submete a um tirano, mas a quem ama como Cristo
ama a Igreja.
B) A submissão da esposa ao marido é uma atitude espiritual.
• Ela deve submeter-se justamente porque é obediente a Deus
em primeiro lugar.
• É também uma obediência a Cristo.
• A versão NVI é ainda mais clara – convém “espiritualmente” à
esposa submeter-se.
• Será uma benção em sua vida!
C) É uma submissão inteligente!
• A mulher deve ser submissa ao marido até o ponto em que
não seja forçada ou constrangida a transgredir a Palavra de
Deus.
• Sua obediência a Cristo está acima desta submissão.
• Acima da autoridade do marido está a soberania do Senhor.
• Por isso a esposa deve procurar fazer a vontade do marido
quando esta entrar em concordância com a Vontade de Deus.
Vs. 19 – o amor do marido à esposa
• Se a mulher deve ser submissa ao marido como a Igreja é a
Cristo, o marido deve amar a esposa como Cristo ama a Igreja.
O padrão deste amor é o amor “ágape” (Ef. 05:25). Como
Cristo amou a Igreja e se entregou por ela, o amor do marido
deve ser igual ao de Cristo - um amor sacrificial.
• Vejamos dois pontos:
• A) O amor do marido à esposa é um mandamento de Deus. É
uma ordem Divina! É algo imperativo! O marido deve amar
sua esposa com amor perseverante, santificador, cuidadoso,
sacrificial. É o amor paciente, benigno e livre de ciúmes.
• Importantes sobre este amor:
B) O amor do marido à esposa o impede de agredi-la com
palavras e atitudes (19).
É um amor sem “amargura”. Não trate sua esposa com amargura
(impaciência, resmungos, palavras carregadas de violência ou
ofensas). Ao invés disso, o marido deve tratar sua esposa com
sensibilidade, amor e respeito. O marido não deve criticar sua
esposa nem agredi-la com palavras ou violência. O marido deve
buscar meios de agradar sua esposa (I Cor. 07:33-34). Nada fere
mais uma mulher do que palavras duras! Na versão em inglês
este verso diz o seguinte: “...não a trate com grosserias”. A
palavra grega no original ainda pode ser traduzida por: irritante,
amargura ou chato. Os maridos precisam aprender a ter palavras
de amor e doçura para com suas esposas.
O relacionamento entre filhos e pais (20-21).
• Deus também tem princípios para construir uma relação de
harmonia e paz entre pais e filhos.
Vejamos quais são estes princípios:
A) A obediência dos filhos é imperativa!
• A autoridade dos pais sobre os filhos foi dada por Deus. Por
isso rejeitar esta autoridade é rejeitar a autoridade de Deus.
Mas o mesmo princípio vale que a submissão das esposas: a
autoridade maior vem de Deus, portanto os filhos não
podem se submeter à autoridade dos pais se esta for de
encontro a Vontade de Deus.
• Mas cabe aos filhos obediência aos pais, pois, a rebeldia traz
consequências muito graves aos infratores. Os filhos que não
obedecem aos pais nunca conseguirão obedecer a outra
autoridade. A desobediência aos pais é um dos sinais da
decadência do mundo (Rom. 01:30). Também é um sinal do
fim do mundo (2 Tim.03:01-05).
B) A desobediência dos filhos aos pais deve ser integral, alegre
e voluntária.
• Obediência parcial pouco difere da desobediência.
• Os filhos precisam obedecer não apenas naquilo que lhes dá
prazer, mas em todas as coisas.
• A obediência pavimenta a estrada da bem aventurança.
• A obediência dos filhos é agradável a Deus, visto que Ele
mesmo já estabeleceu uma recompensa para a obediência:
vida abundante e feliz (Ex. 20:12 e Deu. 05:16).
B) A comunicação dos pais com os filhos (21)
• Os pais são exortados a não irritar os filhos. Mas o que isso
significa? Quando os pais não usam de coerência, ou seja:
falam uma coisa e fazem outra. Os pais precisam buscar o
diálogo com seus filhos.
• Absalão chegou ao ponto de preferir a morte do que o
silêncio se seu pai Davi.
• Quando os pais não tem tempo para ouvir os filhos e suas
necessidades o efeito na família é devastador. Também
quando os pais comparam um filho a outro só causam mal
estar, inveja e ciúmes. Quando os pais brigam o tempo inteiro
ou desfazem o laço de amor entre eles, isto causa transtornos
e traumas, muitas vezes irreparáveis. Outro grande mal: a
permissividade de alguns pais tem matado esta geração!
• Os resultados desta irritação filhos irritados ficam
desanimados, infelizes e expostos aos ataques de Satanás e
do mundo.
• A palavra grega utilizada por Paulo pode ser traduzida por
“desanimar” ou “perder a coragem”.
• Filhos desanimados são presas fáceis na rede de Satanás.
Portanto pais, muito cuidado!
• Seus filhos precisam de vocês! Cuide bem de sua família!
• Próxima semana:
• Última lição: capítulo 04 de Colossenses
• Busque as primeiras coisas!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
ESTUDANTETEOLOGIA
 
O lar cristão
O lar cristãoO lar cristão
O lar cristão
Estudos Bíblicos
 
O que deus uniu
O que deus uniuO que deus uniu
Amor e casamento
Amor e casamentoAmor e casamento
Amor e casamento
familiaregsul4
 
Namoro Cristão. Palestra em slide
Namoro Cristão. Palestra em slideNamoro Cristão. Palestra em slide
Namoro Cristão. Palestra em slide
Seduc MT
 
Lição 3 - As base do casamento cristão
Lição 3 - As base do casamento cristãoLição 3 - As base do casamento cristão
Lição 3 - As base do casamento cristão
Clóvis
 
Sexo na hora certa
Sexo na hora certaSexo na hora certa
Sexo na hora certa
Ricardo Teixeira
 
A paternidade de deus
A paternidade de deusA paternidade de deus
A paternidade de deus
Keiichi Ito
 
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp0155647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
Autonoma
 
UFC: Entrando em Combate pela Aliança Conjugal
UFC: Entrando em Combate pela Aliança ConjugalUFC: Entrando em Combate pela Aliança Conjugal
UFC: Entrando em Combate pela Aliança Conjugal
Daniel Faria Jr.
 
A Aliança de Deus no Casamento
A Aliança de Deus no CasamentoA Aliança de Deus no Casamento
A Aliança de Deus no Casamento
Roberto Trindade
 
O sexo que os cristãos praticam
O sexo que os cristãos praticamO sexo que os cristãos praticam
O sexo que os cristãos praticam
Pr Ismael Carvalho
 
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDOPASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
ELAINE PÉROLA
 
R Gómez o proposito de Deus para a família
R Gómez   o proposito de Deus para a famíliaR Gómez   o proposito de Deus para a família
R Gómez o proposito de Deus para a família
R Gómez
 
Os tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucesso
Os tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucessoOs tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucesso
Os tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucesso
Academia do Casamento
 
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTONAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
Cristiane Patricio
 
Como ser feliz no casamento
Como ser feliz no casamentoComo ser feliz no casamento
Como ser feliz no casamento
Joab Duarte
 
Melhorando o relacionamento conjugal
Melhorando o relacionamento conjugalMelhorando o relacionamento conjugal
Melhorando o relacionamento conjugal
Pr Ismael Carvalho
 
Corte
CorteCorte
Corte
flower37
 

Mais procurados (19)

Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
 
O lar cristão
O lar cristãoO lar cristão
O lar cristão
 
O que deus uniu
O que deus uniuO que deus uniu
O que deus uniu
 
Amor e casamento
Amor e casamentoAmor e casamento
Amor e casamento
 
Namoro Cristão. Palestra em slide
Namoro Cristão. Palestra em slideNamoro Cristão. Palestra em slide
Namoro Cristão. Palestra em slide
 
Lição 3 - As base do casamento cristão
Lição 3 - As base do casamento cristãoLição 3 - As base do casamento cristão
Lição 3 - As base do casamento cristão
 
Sexo na hora certa
Sexo na hora certaSexo na hora certa
Sexo na hora certa
 
A paternidade de deus
A paternidade de deusA paternidade de deus
A paternidade de deus
 
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp0155647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
 
UFC: Entrando em Combate pela Aliança Conjugal
UFC: Entrando em Combate pela Aliança ConjugalUFC: Entrando em Combate pela Aliança Conjugal
UFC: Entrando em Combate pela Aliança Conjugal
 
A Aliança de Deus no Casamento
A Aliança de Deus no CasamentoA Aliança de Deus no Casamento
A Aliança de Deus no Casamento
 
O sexo que os cristãos praticam
O sexo que os cristãos praticamO sexo que os cristãos praticam
O sexo que os cristãos praticam
 
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDOPASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
 
R Gómez o proposito de Deus para a família
R Gómez   o proposito de Deus para a famíliaR Gómez   o proposito de Deus para a família
R Gómez o proposito de Deus para a família
 
Os tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucesso
Os tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucessoOs tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucesso
Os tres-pilares-para-construir-uma-relacao-a-dois-de-sucesso
 
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTONAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
 
Como ser feliz no casamento
Como ser feliz no casamentoComo ser feliz no casamento
Como ser feliz no casamento
 
Melhorando o relacionamento conjugal
Melhorando o relacionamento conjugalMelhorando o relacionamento conjugal
Melhorando o relacionamento conjugal
 
Corte
CorteCorte
Corte
 

Semelhante a Colossences 3 (parte 3)

CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.pptCASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
MarceloDeLimaGracino
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
ESTUDANTETEOLOGIA
 
ENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAISENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAIS
Karla Lopes
 
Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.
Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.
Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.
rogeriotigresouza
 
Três erros graves
Três erros gravesTrês erros graves
Três erros graves
Cintia Amorim Cintiaamorim
 
Família - igreja em miniatura
Família - igreja em miniaturaFamília - igreja em miniatura
Família - igreja em miniatura
Escola Da Bíblia Jundiaí
 
LBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIA
Natalino das Neves Neves
 
Lição 3 "Obediência e Adoração".
Lição 3 "Obediência e Adoração".Lição 3 "Obediência e Adoração".
Lição 3 "Obediência e Adoração".
Marcus Wagner
 
DEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptx
DEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptxDEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptx
DEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptx
Celso Lanes
 
Libertos ao infinito deste amor
Libertos ao infinito deste amorLibertos ao infinito deste amor
Libertos ao infinito deste amor
LH Tools
 
As bases do casamento cristão
As bases do casamento cristãoAs bases do casamento cristão
As bases do casamento cristão
Moisés Sampaio
 
Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021
MerieleMartins
 
Amigos ou cônjuges
Amigos ou cônjugesAmigos ou cônjuges
Amigos ou cônjuges
Instituto Teológico Gamaliel
 
Malaquias - Cap. 02 parte 02
Malaquias - Cap. 02  parte 02Malaquias - Cap. 02  parte 02
Malaquias - Cap. 02 parte 02
Daniel M Junior
 
Watchman nee-a-família-cristã-normal
Watchman nee-a-família-cristã-normalWatchman nee-a-família-cristã-normal
Watchman nee-a-família-cristã-normal
Francisco Deuzilene
 
LBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIA
Natalino das Neves Neves
 
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei DivinaLição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina
Erberson Pinheiro
 
Preparação e educação e processo
Preparação e educação e processoPreparação e educação e processo
Preparação e educação e processo
ministerioinfantilafupm
 
Submissão cristã
Submissão cristãSubmissão cristã
Submissão cristã
Silvio Dutra
 
Namoro cristão
Namoro cristãoNamoro cristão
Namoro cristão
Diego Ribeiro
 

Semelhante a Colossences 3 (parte 3) (20)

CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.pptCASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
 
ENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAISENCONTRO DE CASAIS
ENCONTRO DE CASAIS
 
Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.
Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.
Amor e Respeito sob uma perspectiva bíblica.
 
Três erros graves
Três erros gravesTrês erros graves
Três erros graves
 
Família - igreja em miniatura
Família - igreja em miniaturaFamília - igreja em miniatura
Família - igreja em miniatura
 
LBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 6 - O PAPEL DO MARIDO NA FAMÍLIA
 
Lição 3 "Obediência e Adoração".
Lição 3 "Obediência e Adoração".Lição 3 "Obediência e Adoração".
Lição 3 "Obediência e Adoração".
 
DEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptx
DEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptxDEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptx
DEZ INIMIGOS MORTAIS AO CASAMENTO.pptx
 
Libertos ao infinito deste amor
Libertos ao infinito deste amorLibertos ao infinito deste amor
Libertos ao infinito deste amor
 
As bases do casamento cristão
As bases do casamento cristãoAs bases do casamento cristão
As bases do casamento cristão
 
Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021
 
Amigos ou cônjuges
Amigos ou cônjugesAmigos ou cônjuges
Amigos ou cônjuges
 
Malaquias - Cap. 02 parte 02
Malaquias - Cap. 02  parte 02Malaquias - Cap. 02  parte 02
Malaquias - Cap. 02 parte 02
 
Watchman nee-a-família-cristã-normal
Watchman nee-a-família-cristã-normalWatchman nee-a-família-cristã-normal
Watchman nee-a-família-cristã-normal
 
LBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 7 - O PAPEL DA ESPOSA NA FAMÍLIA
 
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei DivinaLição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina
 
Preparação e educação e processo
Preparação e educação e processoPreparação e educação e processo
Preparação e educação e processo
 
Submissão cristã
Submissão cristãSubmissão cristã
Submissão cristã
 
Namoro cristão
Namoro cristãoNamoro cristão
Namoro cristão
 

Mais de Joel Silva

A bíblia e a homossexualidade
A bíblia e a homossexualidadeA bíblia e a homossexualidade
A bíblia e a homossexualidade
Joel Silva
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
Joel Silva
 
Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)
Joel Silva
 
Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)
Joel Silva
 
Colossences 1 (parte 3)
Colossences 1 (parte 3)Colossences 1 (parte 3)
Colossences 1 (parte 3)
Joel Silva
 
Colossences 1 (parte 4)
Colossences 1 (parte 4)Colossences 1 (parte 4)
Colossences 1 (parte 4)
Joel Silva
 
Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)
Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)
Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)
Joel Silva
 
Colossences 2 (parte 2)
Colossences 2 (parte 2)Colossences 2 (parte 2)
Colossences 2 (parte 2)
Joel Silva
 
Colossences 2 (parte 3)
Colossences 2 (parte 3)Colossences 2 (parte 3)
Colossences 2 (parte 3)
Joel Silva
 
Colossences 3 (parte 1)
Colossences 3 (parte 1)Colossences 3 (parte 1)
Colossences 3 (parte 1)
Joel Silva
 
Colossences 3 (parte 2)
Colossences 3 (parte 2)Colossences 3 (parte 2)
Colossences 3 (parte 2)
Joel Silva
 
Colossences 4
Colossences 4Colossences 4
Colossences 4
Joel Silva
 
Como devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãsComo devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãs
Joel Silva
 
Deus e o casamento
Deus e o casamentoDeus e o casamento
Deus e o casamento
Joel Silva
 
Dominando a ira
Dominando a iraDominando a ira
Dominando a ira
Joel Silva
 
Doutrina i corintios
Doutrina  i corintiosDoutrina  i corintios
Doutrina i corintios
Joel Silva
 
Doutrina ii corintios
Doutrina  ii corintiosDoutrina  ii corintios
Doutrina ii corintios
Joel Silva
 
Doutrina multiformidade cristã
Doutrina  multiformidade cristãDoutrina  multiformidade cristã
Doutrina multiformidade cristã
Joel Silva
 
Doutrina o perigo das amizades
Doutrina  o perigo das amizadesDoutrina  o perigo das amizades
Doutrina o perigo das amizades
Joel Silva
 
Doutrina o trigo e joio
Doutrina  o trigo e joioDoutrina  o trigo e joio
Doutrina o trigo e joio
Joel Silva
 

Mais de Joel Silva (20)

A bíblia e a homossexualidade
A bíblia e a homossexualidadeA bíblia e a homossexualidade
A bíblia e a homossexualidade
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)Colossences 1 (parte 1)
Colossences 1 (parte 1)
 
Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)Colossences 1 (parte 2)
Colossences 1 (parte 2)
 
Colossences 1 (parte 3)
Colossences 1 (parte 3)Colossences 1 (parte 3)
Colossences 1 (parte 3)
 
Colossences 1 (parte 4)
Colossences 1 (parte 4)Colossences 1 (parte 4)
Colossences 1 (parte 4)
 
Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)
Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)
Colossences 1 (parte 05) e cap. 02 (parte 01)
 
Colossences 2 (parte 2)
Colossences 2 (parte 2)Colossences 2 (parte 2)
Colossences 2 (parte 2)
 
Colossences 2 (parte 3)
Colossences 2 (parte 3)Colossences 2 (parte 3)
Colossences 2 (parte 3)
 
Colossences 3 (parte 1)
Colossences 3 (parte 1)Colossences 3 (parte 1)
Colossences 3 (parte 1)
 
Colossences 3 (parte 2)
Colossences 3 (parte 2)Colossences 3 (parte 2)
Colossences 3 (parte 2)
 
Colossences 4
Colossences 4Colossences 4
Colossences 4
 
Como devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãsComo devem se vestir as mulheres cristãs
Como devem se vestir as mulheres cristãs
 
Deus e o casamento
Deus e o casamentoDeus e o casamento
Deus e o casamento
 
Dominando a ira
Dominando a iraDominando a ira
Dominando a ira
 
Doutrina i corintios
Doutrina  i corintiosDoutrina  i corintios
Doutrina i corintios
 
Doutrina ii corintios
Doutrina  ii corintiosDoutrina  ii corintios
Doutrina ii corintios
 
Doutrina multiformidade cristã
Doutrina  multiformidade cristãDoutrina  multiformidade cristã
Doutrina multiformidade cristã
 
Doutrina o perigo das amizades
Doutrina  o perigo das amizadesDoutrina  o perigo das amizades
Doutrina o perigo das amizades
 
Doutrina o trigo e joio
Doutrina  o trigo e joioDoutrina  o trigo e joio
Doutrina o trigo e joio
 

Último

ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
Oziete SS
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
GABRIELADIASDUTRA1
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
marcobueno2024
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 

Último (10)

ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 

Colossences 3 (parte 3)

  • 1.
  • 2. Os princípios de Deus para o relacionamento conjugal Deus tem princípios que devem reger a postura da esposa e do marido dentro do relacionamento conjugal. Não existe maior responsabilidade e para um do que para o outro. Os dois são totalmente responsáveis pelo sucesso no relacionamento. Ambos, marido e mulher, têm responsabilidades. Vejamos o que Paulo ensinou neste texto:
  • 3. Vs. 18 – A submissão da esposa ao marido Não é uma questão de inferioridade, visto que nós devemos nos submeter uns aos outros (Ef.05:21). Tanto homem como mulher são um em Cristo. A submissão que Paulo ensina não é uma questão de valor, mas uma função dentro da estrutura familiar. Não se pode confundir “submissão” com “escravidão”. A autoridade do marido não é um governo ditatorial ou tirano, mas uma liderança amorosa. A posição do homem foi dada por Deus. O homem foi criado para liderar e não para mandar. Esta é a grande diferença!
  • 4. • Existem três pontos fundamentais sobre a submissão da esposa: A) A submissão ao marido é uma ordem de Deus (18). • A ordenança não é para escravizar a esposa, mas para honrá- la. • Deus não escraviza, mas liberta as pessoas. • A mulher só é verdadeiramente livre quando obedece ao • princípio estabelecido por Deus de se submeter ao “cabeça” que é o marido. • Ela não se submete a um tirano, mas a quem ama como Cristo ama a Igreja.
  • 5. B) A submissão da esposa ao marido é uma atitude espiritual. • Ela deve submeter-se justamente porque é obediente a Deus em primeiro lugar. • É também uma obediência a Cristo. • A versão NVI é ainda mais clara – convém “espiritualmente” à esposa submeter-se. • Será uma benção em sua vida!
  • 6. C) É uma submissão inteligente! • A mulher deve ser submissa ao marido até o ponto em que não seja forçada ou constrangida a transgredir a Palavra de Deus. • Sua obediência a Cristo está acima desta submissão. • Acima da autoridade do marido está a soberania do Senhor. • Por isso a esposa deve procurar fazer a vontade do marido quando esta entrar em concordância com a Vontade de Deus.
  • 7. Vs. 19 – o amor do marido à esposa • Se a mulher deve ser submissa ao marido como a Igreja é a Cristo, o marido deve amar a esposa como Cristo ama a Igreja. O padrão deste amor é o amor “ágape” (Ef. 05:25). Como Cristo amou a Igreja e se entregou por ela, o amor do marido deve ser igual ao de Cristo - um amor sacrificial. • Vejamos dois pontos: • A) O amor do marido à esposa é um mandamento de Deus. É uma ordem Divina! É algo imperativo! O marido deve amar sua esposa com amor perseverante, santificador, cuidadoso, sacrificial. É o amor paciente, benigno e livre de ciúmes. • Importantes sobre este amor:
  • 8. B) O amor do marido à esposa o impede de agredi-la com palavras e atitudes (19). É um amor sem “amargura”. Não trate sua esposa com amargura (impaciência, resmungos, palavras carregadas de violência ou ofensas). Ao invés disso, o marido deve tratar sua esposa com sensibilidade, amor e respeito. O marido não deve criticar sua esposa nem agredi-la com palavras ou violência. O marido deve buscar meios de agradar sua esposa (I Cor. 07:33-34). Nada fere mais uma mulher do que palavras duras! Na versão em inglês este verso diz o seguinte: “...não a trate com grosserias”. A palavra grega no original ainda pode ser traduzida por: irritante, amargura ou chato. Os maridos precisam aprender a ter palavras de amor e doçura para com suas esposas.
  • 9. O relacionamento entre filhos e pais (20-21). • Deus também tem princípios para construir uma relação de harmonia e paz entre pais e filhos. Vejamos quais são estes princípios:
  • 10. A) A obediência dos filhos é imperativa! • A autoridade dos pais sobre os filhos foi dada por Deus. Por isso rejeitar esta autoridade é rejeitar a autoridade de Deus. Mas o mesmo princípio vale que a submissão das esposas: a autoridade maior vem de Deus, portanto os filhos não podem se submeter à autoridade dos pais se esta for de encontro a Vontade de Deus. • Mas cabe aos filhos obediência aos pais, pois, a rebeldia traz consequências muito graves aos infratores. Os filhos que não obedecem aos pais nunca conseguirão obedecer a outra autoridade. A desobediência aos pais é um dos sinais da decadência do mundo (Rom. 01:30). Também é um sinal do fim do mundo (2 Tim.03:01-05).
  • 11. B) A desobediência dos filhos aos pais deve ser integral, alegre e voluntária. • Obediência parcial pouco difere da desobediência. • Os filhos precisam obedecer não apenas naquilo que lhes dá prazer, mas em todas as coisas. • A obediência pavimenta a estrada da bem aventurança. • A obediência dos filhos é agradável a Deus, visto que Ele mesmo já estabeleceu uma recompensa para a obediência: vida abundante e feliz (Ex. 20:12 e Deu. 05:16).
  • 12. B) A comunicação dos pais com os filhos (21) • Os pais são exortados a não irritar os filhos. Mas o que isso significa? Quando os pais não usam de coerência, ou seja: falam uma coisa e fazem outra. Os pais precisam buscar o diálogo com seus filhos. • Absalão chegou ao ponto de preferir a morte do que o silêncio se seu pai Davi. • Quando os pais não tem tempo para ouvir os filhos e suas necessidades o efeito na família é devastador. Também quando os pais comparam um filho a outro só causam mal estar, inveja e ciúmes. Quando os pais brigam o tempo inteiro ou desfazem o laço de amor entre eles, isto causa transtornos e traumas, muitas vezes irreparáveis. Outro grande mal: a permissividade de alguns pais tem matado esta geração!
  • 13. • Os resultados desta irritação filhos irritados ficam desanimados, infelizes e expostos aos ataques de Satanás e do mundo. • A palavra grega utilizada por Paulo pode ser traduzida por “desanimar” ou “perder a coragem”. • Filhos desanimados são presas fáceis na rede de Satanás. Portanto pais, muito cuidado! • Seus filhos precisam de vocês! Cuide bem de sua família!
  • 14. • Próxima semana: • Última lição: capítulo 04 de Colossenses • Busque as primeiras coisas!