SlideShare uma empresa Scribd logo
Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org                          1

 Lição3                         Marido e esposa                               Sábado, 20 de abril de 2013
VERSO ÁUREO: “Revesti-vos [...] de ternos afetos de misericórdia, de bondade, de humildade, de
mansidão, de longanimidade. Suportai-vos uns aos outros, perdoai-vos mutuamente[...].” Colossenses
3:12 e 13.

LEITURA INTRODUTÓRIA: “Embora possam surgir dificuldades, perplexidades e desânimo, nem o marido nem a
esposa abrigue o pensamento de que sua união é um erro ou uma decepção. [...] Continuai as primeiras
atenções. [...] Procure cada um promover a felicidade do outro.”—The Adventist Home(O lar adventista), p.
106.

ESTUDO ADICIONAL: A ciência do bom viver, pp. 356-362 (“Os fundadores do lar”).

1. FATORES DE SUCESSO

1A. De que forma o marido e a esposa podem ajudar um ao outro a crescer no amor, na graça e no conhecimento
de nosso Senhor? Gálatas 6:2.
(GL 6:2) - Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo.

“Que pode agradar mais a Deus do que ver os que assumem a relação matrimonial buscarem juntos aprender de
Jesus a tornarem-se mais e mais imbuídos do Seu Espírito?”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 114.

1B. Que outros fatores ajudarão no sucesso do relacionamento conjugal? Colossenses 3:12-15.
(CL 3:12) - Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de entranhas de misericórdia, de benignidade,
humildade, mansidão, longanimidade;
(CL 3:13) - Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim
como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também.
(CL 3:14) - E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição.
(CL 3:15) - E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede
agradecidos.

“Pessoa alguma pode, com mais eficácia, estragar a felicidade e a utilidade de uma mulher, e tornar-lhe a vida
mais pungente fardo, que seu marido; e ninguém pode fazer a centésima parte para despedaçar as esperanças e
aspirações de um homem, para lhe paralisar as energias e arruinar-lhe a influência e as perspectivas, como sua
própria esposa.”— Ibidem, p. 43.
“Você agora tem deveres a cumprir que não tinha antes do casamento. ‘Revesti-vos, pois, [...] de misericórdia,
de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade.’ (Colossenses 3:12). ‘Andai em amor, como também
Cristo vos amou.’ (Efésios 5:2).”—Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 7, p. 46.

2. O RELACIONAMENTO ENTRE MARIDO E MULHER

2A. Que instruções devem auxiliar os membros da família em sua relação interpessoal, dentro e fora do lar? 1
Pedro 3:1-4. Qual é o plano de Deus para o lar cristão?
(1PE 3:1) - SEMELHANTEMENTE, vós, mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se
alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavra;
(1PE 3:2) - Considerando a vossa vida casta, em temor.
(1PE 3:3) - O enfeite delas não seja o exterior, no frisado dos cabelos, no uso de jóias de ouro, na compostura dos
vestidos;
(1PE 3:4) - Mas o homem encoberto no coração; no incorruptível traje de um espírito manso e quieto, que é precioso
diante de Deus.

“Deus deseja que nossas famílias sejam símbolos da família do Céu.”—The Adventist Home(O lar adventista),
p. 17.
“Todos devem cultivar a paciência pela prática da paciência. Sendo bondosos e perdoadores, o verdadeiro amor
Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org                           2

pode ser mantido quente no coração, e se desenvolverão qualidades que o Céu aprovará.”— Ibidem, p. 106.

2B. Sob qual condição a harmonia no relacionamento marital irá durar? Gálatas 5:13-16.
GL 5:13) - Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas
servi-vos uns aos outros pelo amor.
(GL 5:14) - Porque toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.
(GL 5:15) - Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede não vos consumais também uns aos outros.
(GL 5:16) - Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.

“Que marido e mulher, juntos, combinem tudo de novo. Renovem as primeiras atenções mútuas, reconheçam
mutuamente suas faltas; mas, nesta obra, sejam muito cuidadosos para que o marido não se incumba de
confessar as faltas da esposa, ou esta as do marido. Resolvam ambos ser tudo que for possível um ao outro, e os
laços do matrimônio serão os mais desejáveis dos laços.”—In HeavenlyPlaces(Nos lugares celestiais), p. 203.

2C. De que modo marido e esposa devem se tratar? Efésios 5:22, 23 e 25; Mateus 7:12.
(EF 5:22) - Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao SENHOR;
(EF 5:23) - Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o
salvador do corpo.
(EF 5:25) - Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,
(MT 7:12) - Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós, porque esta é a lei e os
profetas.

“Precisamos ter o Espírito de Deus, ou jamais teremos harmonia no lar. A esposa, se tem o Espírito de Cristo,
terá cuidado de suas palavras; controlará seu espírito, será submissa, e não sentirá, contudo, que seja uma
escrava, mas uma companheira de seu marido. Se o marido é servo de Deus, não procederá como senhor de sua
esposa; não será arbitrário e exator. Nunca é excessivo o zelo com que nutrimos as afeições do lar, pois, se o
Espírito do Senhor habita aí, o lar é um símbolo do Céu. [...] Se um erra, o outro exercitará a tolerância cristã
em vez de repelir com frieza.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 118.
“Há um círculo sagrado em torno de cada família, que deve ser preservado. Nenhuma outra pessoa tem o direito
de entrar nesse círculo. Nem o marido nem a esposa permitam que outro partilhe das confidências que somente
a eles pertencem.”—The MinistryofHealing(A ciência do bom viver), p. 361.

3. AMOR, RESPEITO E HONRA MÚTUOS NO CASAMENTO

3A. Que atitude o marido deve ter para com a esposa? Colossenses 3:19.
(CL 3:19) - Vós, maridos, amai a vossas mulheres, e não vos irriteis contra elas.

“Mas não foi desígnio de Deus que os maridos dominassem como cabeça do lar quando eles próprios não se
submetem a Cristo. Devem eles estar sob o domínio de Cristo para que possam representar a relação de Cristo
para com Sua igreja. Se o marido é grosseiro, rude, arrebatado, egoísta, ríspido e opressor, não diga jamais que
o marido é a cabeça da esposa, e que ela deve em tudo ser-lhe sujeita [...].
Devem os maridos estudar o padrão e procurar saber o que significa, pelo símbolo representado em Efésios, a
relação de Cristo para com a igreja. O marido deve ser como um salvador em sua família.”—The Adventist
Home(O lar adventista), p. 117.
“Meu irmão, seja bondoso, paciente, longânimo. Lembre-se de que sua esposa o aceitou como esposo não para
que sobre ela dominasse, mas para que lhe fosse o arrimo. Não seja despótico nem autoritário. Não exerça sua
grande força de vontade para obrigar sua esposa a proceder como você deseja. Lembre-se de que ela tem sua
vontade e que, assim como você, pode ela também desejar que essa vontade se cumpra. [...] Seja compreensivo
e cortês. ‘A sabedoria que do alto vem é, primeiramente, pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de
misericórdia e de bons frutos.’ (Tiago 3:17).”—Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 7, p. 48.

3B. O que as Escrituras ensinam acerca da submissão de esposa a esposo? Colossenses 3:18; 1 Pedro 3:4-6. Que
palavras de advertência a mensageira do Senhor foi compelida a dar a uma esposa?
(CL 3:18) - Vós, mulheres, estai sujeitas a vossos próprios maridos, como convém no Senhor.
Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org                             3

(1PE 3:4) - Mas o homem encoberto no coração; no incorruptível traje de um espírito manso e quieto, que é precioso
diante de Deus.
(1PE 3:5) - Porque assim se adornavam também antigamente as santas mulheres que esperavam em Deus, e estavam
sujeitas aos seus próprios maridos;
(1PE 3:6) - Como Sara obedecia a Abraão, chamando-lhe senhor; da qual vós sois filhas, fazendo o bem, e não temendo
nenhum espanto.

“Tenho notado muitas vezes a maneira como você fala com John diante de outras pessoas, de um modo um
tanto dominador, e em um tom de voz que soa impaciente. Mary, os outros percebem isso e têm comentado
comigo. Isso prejudica sua influência.
Nós, mulheres, devemos relembrar que Deus nos colocou em sujeição a nosso marido. Ele é a cabeça, e nossos
critérios, pontos de vista e raciocínio devem, se possível, estar de acordo com os dele. Se não, a palavra de
Deus dá preferência ao marido, em não se tratando de assuntos de consciência. Devemos submeter-nos à
cabeça.”—Testimonieson Sexual Behavior, Adultery, andDivorce(Testemunhos sobre conduta sexual, adultério
e divórcio), p. 28.

4. UM SENSO DE DIGNIDADE PRÓPRIA

4A. Quão profundo deve ser o amor de um homem por sua mulher? Efésios 5:28.
(EF 5:28) - Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua
mulher, ama-se a si mesmo.

“A esposa deve respeitar o marido. O marido deve amar sua esposa e mostrar desvelo por ela; e unindo-se nos
votos matrimoniais como um só ser, sua crença em Cristo deve fazer com que sejam um com Ele.”—The
Adventist Home(O lar adventista), p. 114.
“Que os maridos e pais estudem e procurem compreender as palavras de Cristo, não unilateralmente, fazendo
ressaltar apenas a sujeição da esposa ao marido, mas estude à luz da cruz do Calvário o que diz respeito a sua
própria posição no círculo da família. ‘Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a Si
mesmo Se entregou por ela, para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra.’(Efésios 5:25
e 26). Jesus Se entregou para morrer na cruz a fim de que, pela influência do Espírito Santo, nos pudesse
purificar do pecado e da poluição.”— Ibidem, pp. 117 e 118.

4B. De que forma cada cônjuge pode complementar e encorajar a união matrimonial de modo apropriado, terno e
honesto? Efésios 5:33; 1 Pedro 3:1 e 7.
(EF 5:33) - Assim também vós, cada um em particular, ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie
o marido.
(1PE 3:1) - SEMELHANTEMENTE, vós, mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se
alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavra;
(1PE 3:7) - Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco;
como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações.

4C. Como podemos ter a mais feliz das famílias? Colossenses 3:16 e 17; Salmos 128.
(CL 3:16) - A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos
uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando ao SENHOR com graça em vosso coração.
(CL 3:17) - E, quanto fizerdes por palavras ou por obras, fazei tudo em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a
Deus Pai.
(SL 128:1) - BEM-AVENTURADO aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos.
(SL 128:2) - Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem.
(SL 128:3) - A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira à
roda da tua mesa.
(SL 128:4) - Eis que assim será abençoado o homem que teme ao SENHOR.
(SL 128:5) - O SENHOR te abençoará desde Sião, e tu verás o bem de Jerusalém em todos os dias da tua vida.
(SL 128:6) - E verás os filhos de teus filhos, e a paz sobre Israel.
“Dê cada um amor, em vez de exigi-lo. Cultive aquilo que tem em si de mais nobre, e esteja pronto a
Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org                          4

reconhecer as boas qualidades do outro. É um admirável estímulo e satisfação saber alguém que é estimado. [...]
Nem o marido nem a esposa devem pensar em exercer governo arbitrário um sobre o outro. Não intentem
impor um ao outro os seus desejos. Não é possível fazer isso e ao mesmo tempo reter o amor mútuo. Sede
bondosos, pacientes, longânimos, corteses e cheios de consideração mútua. Pela graça de Deus podeis ter êxito
em vos fazerdes mutuamente felizes, como prometestes no voto matrimonial.”—The MinistryofHealing(A
ciência do bom viver), p. 361.
“Jesus deseja ver casamentos e lares felizes.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 99.

5. CASAMENTO, UM INSTRUMENTO DE SALVAÇÃO

5A. Que princípio deve ter um lugar especial no lar cristão? Mateus 5:14-16; Tito 2:1-4.
(MT 5:14) - Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte;
(MT 5:15) - Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na
casa.
(MT 5:16) - Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a
vosso Pai, que está nos céus.
(TT 2:1) - TU, porém, fala o que convém à sã doutrina.
(TT 2:2) - Os velhos, que sejam sóbrios, graves, prudentes, sãos na fé, no amor, e na paciência;
(TT 2:3) - As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não
caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem;
(TT 2:4) - Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos,

“Todo lar deve ser um lugar de amor, um lugar onde os anjos de Deus habitem, operando com influência
sensibilizadora e suavizadora no coração dos pais e dos filhos. Nossos lares precisam tornar-se uma Betel;
nosso coração, um santuário. Onde o amor de Deus é nutrido na alma, haverá paz, haverá luz e alegria. Abri a
Palavra de Deus com amor diante de vossa família, e perguntai: ‘Que disse Deus?’”—The Adventist Home(O
lar adventista), pp. 18 e 19.

5B. De que modo o casamento pode tornar-se um instrumento de salvação para os descrentes? Tito 2:4-6; 1 João
3:18; 1 Coríntios 7:16.
(TT 2:4) - Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos,
(TT 2:5) - A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não
seja blasfemada.
(TT 2:6) - Exorta semelhantemente os jovens a que sejam moderados.
(1JO 3:18) - Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade.
(1CO 7:16) - Porque, de onde sabes, ó mulher, se salvarás teu marido? ou, de onde sabes, ó marido, se salvarás tua
mulher?

“De todo lar cristão deve resplandecer uma santa luz. O amor deve revelar-se nas ações. Deve promanar de toda
a relação doméstica, mostrando-se em uma bondade atenciosa, em uma cortesia gentil, abnegada.”—
PatriarchsandProphets(Patriarcas e profetas), p. 144.
“A melhor prova de cristianismo de uma casa é o tipo de caráter gerado pela sua influência. As ações falam
mais alto do que a mais positiva profissão de piedade.”— Ibidem, p. 579.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O Que O Sexo Faz Pelo Casamento
O Que O Sexo Faz Pelo CasamentoO Que O Sexo Faz Pelo Casamento
O Que O Sexo Faz Pelo Casamento
Pr Ismael Carvalho
 
As doze colunas que sustentam um casamento
As doze colunas que sustentam um casamentoAs doze colunas que sustentam um casamento
As doze colunas que sustentam um casamento
Pr Ismael Carvalho
 
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de DeusOs Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
IBMemorialJC
 
Amigos e inimigos do casamento
Amigos e inimigos do casamentoAmigos e inimigos do casamento
Amigos e inimigos do casamento
Pr Ismael Carvalho
 
Palestra - Hábitos dos casais felizes
Palestra - Hábitos dos casais felizesPalestra - Hábitos dos casais felizes
Palestra - Hábitos dos casais felizes
Pr Ismael Carvalho
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
João Paulo Silva Mendes
 
Curso para casais 2015
Curso  para casais  2015Curso  para casais  2015
Curso para casais 2015
Pr Ismael Carvalho
 
Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015
Junior Cesar Santiago
 
As 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma famíliaAs 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma família
Pastor Juscelino Freitas
 
Decisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento pptDecisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento ppt
Ministerio de Casais Amovc
 
As 12 colunas que sustentam um casamento
As 12 colunas que sustentam um casamentoAs 12 colunas que sustentam um casamento
As 12 colunas que sustentam um casamento
Willian Xavier
 
Um amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdfUm amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdf
Pr Ismael Carvalho
 
Conselhos Para Casamento
Conselhos Para CasamentoConselhos Para Casamento
Conselhos Para Casamento
Khaleb Bueno
 
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David MerkhO Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
Luan Almeida
 
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDOPASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
ELAINE PÉROLA
 
Conflitos na família
Conflitos na famíliaConflitos na família
Conflitos na família
Moisés Sampaio
 
Encontro De Casais
Encontro De CasaisEncontro De Casais
Encontro De Casais
Eduardo Sales de lima
 
Apostila casados em cristo (Ano iv )
Apostila casados em cristo (Ano  iv )Apostila casados em cristo (Ano  iv )
Apostila casados em cristo (Ano iv )
Pr Ismael Carvalho
 
Amor e casamento
Amor e casamentoAmor e casamento
Amor e casamento
familiaregsul4
 
Três erros graves
Três erros gravesTrês erros graves
Três erros graves
Cintia Amorim Cintiaamorim
 

Mais procurados (20)

O Que O Sexo Faz Pelo Casamento
O Que O Sexo Faz Pelo CasamentoO Que O Sexo Faz Pelo Casamento
O Que O Sexo Faz Pelo Casamento
 
As doze colunas que sustentam um casamento
As doze colunas que sustentam um casamentoAs doze colunas que sustentam um casamento
As doze colunas que sustentam um casamento
 
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de DeusOs Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
 
Amigos e inimigos do casamento
Amigos e inimigos do casamentoAmigos e inimigos do casamento
Amigos e inimigos do casamento
 
Palestra - Hábitos dos casais felizes
Palestra - Hábitos dos casais felizesPalestra - Hábitos dos casais felizes
Palestra - Hábitos dos casais felizes
 
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3  As Bases do Casamento Cristão- professoresLição 3  As Bases do Casamento Cristão- professores
Lição 3 As Bases do Casamento Cristão- professores
 
Curso para casais 2015
Curso  para casais  2015Curso  para casais  2015
Curso para casais 2015
 
Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015Palestra seminario de casais 2015
Palestra seminario de casais 2015
 
As 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma famíliaAs 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma família
 
Decisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento pptDecisões importantes para o seu casamento ppt
Decisões importantes para o seu casamento ppt
 
As 12 colunas que sustentam um casamento
As 12 colunas que sustentam um casamentoAs 12 colunas que sustentam um casamento
As 12 colunas que sustentam um casamento
 
Um amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdfUm amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdf
 
Conselhos Para Casamento
Conselhos Para CasamentoConselhos Para Casamento
Conselhos Para Casamento
 
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David MerkhO Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
 
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDOPASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
PASSOS PARA UM CASAMENTO BEM SUCEDIDO
 
Conflitos na família
Conflitos na famíliaConflitos na família
Conflitos na família
 
Encontro De Casais
Encontro De CasaisEncontro De Casais
Encontro De Casais
 
Apostila casados em cristo (Ano iv )
Apostila casados em cristo (Ano  iv )Apostila casados em cristo (Ano  iv )
Apostila casados em cristo (Ano iv )
 
Amor e casamento
Amor e casamentoAmor e casamento
Amor e casamento
 
Três erros graves
Três erros gravesTrês erros graves
Três erros graves
 

Semelhante a Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI

O Lar Adventista - Estudo 10
O Lar Adventista - Estudo 10O Lar Adventista - Estudo 10
O Lar Adventista - Estudo 10
Pr. Delmar Fonseca
 
Palestra para Casais
Palestra para CasaisPalestra para Casais
Palestra para Casais
Sebastião Luiz Chagas
 
CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.pptCASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
MarceloDeLimaGracino
 
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdfComo um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
somit0silva
 
Estudo sobre casamento
Estudo sobre casamentoEstudo sobre casamento
Estudo sobre casamento
Euta Martins Barbosa
 
Lição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em Família
Lição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em FamíliaLição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em Família
Lição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em Família
Éder Tomé
 
O Lar Adventista - Estudo 11
O Lar Adventista - Estudo 11O Lar Adventista - Estudo 11
O Lar Adventista - Estudo 11
Pr. Delmar Fonseca
 
Sem i palestra iv versão2007
Sem i palestra iv versão2007Sem i palestra iv versão2007
Sem i palestra iv versão2007
Márcio E Maria
 
Mandamentos para o casal ele ela
Mandamentos para o casal ele elaMandamentos para o casal ele ela
Mandamentos para o casal ele ela
Pr Ismael Carvalho
 
Mandamentos para o casal editado
Mandamentos para o casal editadoMandamentos para o casal editado
Mandamentos para o casal editado
Pr Ismael Carvalho
 
Pregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - CasamentoPregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - Casamento
mendoncakarine
 
curso 2.pptx
curso 2.pptxcurso 2.pptx
curso 2.pptx
ClaudioDeyseRocha1
 
Palestras amar é perdoar
Palestras amar é perdoarPalestras amar é perdoar
Palestras amar é perdoar
André Nunes E Clarisa
 
Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021
MerieleMartins
 
Alicerces para um casamento feliz(1)
Alicerces para um casamento feliz(1)Alicerces para um casamento feliz(1)
Alicerces para um casamento feliz(1)
antonio ferreira
 
Alicerces para um casamento feliz
Alicerces para um casamento felizAlicerces para um casamento feliz
Alicerces para um casamento feliz
antonio ferreira
 
O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12
Pr. Delmar Fonseca
 
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida  - livroSobre escolher um companheiro para a vida  - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
Silvio Dutra
 
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida - livroSobre escolher um companheiro para a vida - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
Silvio Dutra
 
Casamento e divórcio revisado
Casamento e divórcio revisadoCasamento e divórcio revisado
Casamento e divórcio revisado
Eduardo Sousa Gomes
 

Semelhante a Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI (20)

O Lar Adventista - Estudo 10
O Lar Adventista - Estudo 10O Lar Adventista - Estudo 10
O Lar Adventista - Estudo 10
 
Palestra para Casais
Palestra para CasaisPalestra para Casais
Palestra para Casais
 
CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.pptCASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
CASADOS E FELIZES i5ABR23.ppt
 
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdfComo um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
Como um casal pode ser unido em uma só carne.pdf
 
Estudo sobre casamento
Estudo sobre casamentoEstudo sobre casamento
Estudo sobre casamento
 
Lição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em Família
Lição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em FamíliaLição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em Família
Lição 5 - Conselhos Valiosos para a Vida Cristã em Família
 
O Lar Adventista - Estudo 11
O Lar Adventista - Estudo 11O Lar Adventista - Estudo 11
O Lar Adventista - Estudo 11
 
Sem i palestra iv versão2007
Sem i palestra iv versão2007Sem i palestra iv versão2007
Sem i palestra iv versão2007
 
Mandamentos para o casal ele ela
Mandamentos para o casal ele elaMandamentos para o casal ele ela
Mandamentos para o casal ele ela
 
Mandamentos para o casal editado
Mandamentos para o casal editadoMandamentos para o casal editado
Mandamentos para o casal editado
 
Pregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - CasamentoPregação Pr. Coty - Casamento
Pregação Pr. Coty - Casamento
 
curso 2.pptx
curso 2.pptxcurso 2.pptx
curso 2.pptx
 
Palestras amar é perdoar
Palestras amar é perdoarPalestras amar é perdoar
Palestras amar é perdoar
 
Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021Palestra para casais 2021
Palestra para casais 2021
 
Alicerces para um casamento feliz(1)
Alicerces para um casamento feliz(1)Alicerces para um casamento feliz(1)
Alicerces para um casamento feliz(1)
 
Alicerces para um casamento feliz
Alicerces para um casamento felizAlicerces para um casamento feliz
Alicerces para um casamento feliz
 
O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12
 
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida  - livroSobre escolher um companheiro para a vida  - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
 
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida - livroSobre escolher um companheiro para a vida - livro
Sobre escolher um companheiro para a vida - livro
 
Casamento e divórcio revisado
Casamento e divórcio revisadoCasamento e divórcio revisado
Casamento e divórcio revisado
 

Mais de Gérson Fagundes da Cunha

Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º triLição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Gérson Fagundes da Cunha
 
18 13
18 1318 13
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.docLição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Gérson Fagundes da Cunha
 
Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago RochaPortifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
Gérson Fagundes da Cunha
 
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Gérson Fagundes da Cunha
 
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Gérson Fagundes da Cunha
 
Refletindo a cristo (rc) mm
Refletindo a cristo (rc)   mmRefletindo a cristo (rc)   mm
Refletindo a cristo (rc) mm
Gérson Fagundes da Cunha
 
Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Jesus, meu modelo (jm) mm
Jesus, meu modelo (jm)   mmJesus, meu modelo (jm)   mm
Jesus, meu modelo (jm) mm
Gérson Fagundes da Cunha
 
Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
Conselhos  sobre regime alimentar (cra)Conselhos  sobre regime alimentar (cra)
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Música sua influência na vida do cristão(mi)
Música   sua influência na vida do cristão(mi)Música   sua influência na vida do cristão(mi)
Música sua influência na vida do cristão(mi)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)
Gérson Fagundes da Cunha
 

Mais de Gérson Fagundes da Cunha (20)

Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
 
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º triLição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
 
18 13
18 1318 13
18 13
 
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.docLição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
 
Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago RochaPortifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
 
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
 
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
 
Refletindo a cristo (rc) mm
Refletindo a cristo (rc)   mmRefletindo a cristo (rc)   mm
Refletindo a cristo (rc) mm
 
Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)
 
Jesus, meu modelo (jm) mm
Jesus, meu modelo (jm)   mmJesus, meu modelo (jm)   mm
Jesus, meu modelo (jm) mm
 
Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)
 
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
Conselhos  sobre regime alimentar (cra)Conselhos  sobre regime alimentar (cra)
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
 
Música sua influência na vida do cristão(mi)
Música   sua influência na vida do cristão(mi)Música   sua influência na vida do cristão(mi)
Música sua influência na vida do cristão(mi)
 
Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)
 
Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)
 
Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)
 
Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)
 
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
 
Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)
 
Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)
 

Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI

  • 1. Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org 1 Lição3 Marido e esposa Sábado, 20 de abril de 2013 VERSO ÁUREO: “Revesti-vos [...] de ternos afetos de misericórdia, de bondade, de humildade, de mansidão, de longanimidade. Suportai-vos uns aos outros, perdoai-vos mutuamente[...].” Colossenses 3:12 e 13. LEITURA INTRODUTÓRIA: “Embora possam surgir dificuldades, perplexidades e desânimo, nem o marido nem a esposa abrigue o pensamento de que sua união é um erro ou uma decepção. [...] Continuai as primeiras atenções. [...] Procure cada um promover a felicidade do outro.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 106. ESTUDO ADICIONAL: A ciência do bom viver, pp. 356-362 (“Os fundadores do lar”). 1. FATORES DE SUCESSO 1A. De que forma o marido e a esposa podem ajudar um ao outro a crescer no amor, na graça e no conhecimento de nosso Senhor? Gálatas 6:2. (GL 6:2) - Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo. “Que pode agradar mais a Deus do que ver os que assumem a relação matrimonial buscarem juntos aprender de Jesus a tornarem-se mais e mais imbuídos do Seu Espírito?”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 114. 1B. Que outros fatores ajudarão no sucesso do relacionamento conjugal? Colossenses 3:12-15. (CL 3:12) - Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de entranhas de misericórdia, de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade; (CL 3:13) - Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também. (CL 3:14) - E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição. (CL 3:15) - E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos. “Pessoa alguma pode, com mais eficácia, estragar a felicidade e a utilidade de uma mulher, e tornar-lhe a vida mais pungente fardo, que seu marido; e ninguém pode fazer a centésima parte para despedaçar as esperanças e aspirações de um homem, para lhe paralisar as energias e arruinar-lhe a influência e as perspectivas, como sua própria esposa.”— Ibidem, p. 43. “Você agora tem deveres a cumprir que não tinha antes do casamento. ‘Revesti-vos, pois, [...] de misericórdia, de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade.’ (Colossenses 3:12). ‘Andai em amor, como também Cristo vos amou.’ (Efésios 5:2).”—Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 7, p. 46. 2. O RELACIONAMENTO ENTRE MARIDO E MULHER 2A. Que instruções devem auxiliar os membros da família em sua relação interpessoal, dentro e fora do lar? 1 Pedro 3:1-4. Qual é o plano de Deus para o lar cristão? (1PE 3:1) - SEMELHANTEMENTE, vós, mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavra; (1PE 3:2) - Considerando a vossa vida casta, em temor. (1PE 3:3) - O enfeite delas não seja o exterior, no frisado dos cabelos, no uso de jóias de ouro, na compostura dos vestidos; (1PE 3:4) - Mas o homem encoberto no coração; no incorruptível traje de um espírito manso e quieto, que é precioso diante de Deus. “Deus deseja que nossas famílias sejam símbolos da família do Céu.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 17. “Todos devem cultivar a paciência pela prática da paciência. Sendo bondosos e perdoadores, o verdadeiro amor
  • 2. Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org 2 pode ser mantido quente no coração, e se desenvolverão qualidades que o Céu aprovará.”— Ibidem, p. 106. 2B. Sob qual condição a harmonia no relacionamento marital irá durar? Gálatas 5:13-16. GL 5:13) - Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor. (GL 5:14) - Porque toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. (GL 5:15) - Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede não vos consumais também uns aos outros. (GL 5:16) - Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne. “Que marido e mulher, juntos, combinem tudo de novo. Renovem as primeiras atenções mútuas, reconheçam mutuamente suas faltas; mas, nesta obra, sejam muito cuidadosos para que o marido não se incumba de confessar as faltas da esposa, ou esta as do marido. Resolvam ambos ser tudo que for possível um ao outro, e os laços do matrimônio serão os mais desejáveis dos laços.”—In HeavenlyPlaces(Nos lugares celestiais), p. 203. 2C. De que modo marido e esposa devem se tratar? Efésios 5:22, 23 e 25; Mateus 7:12. (EF 5:22) - Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao SENHOR; (EF 5:23) - Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo. (EF 5:25) - Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, (MT 7:12) - Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós, porque esta é a lei e os profetas. “Precisamos ter o Espírito de Deus, ou jamais teremos harmonia no lar. A esposa, se tem o Espírito de Cristo, terá cuidado de suas palavras; controlará seu espírito, será submissa, e não sentirá, contudo, que seja uma escrava, mas uma companheira de seu marido. Se o marido é servo de Deus, não procederá como senhor de sua esposa; não será arbitrário e exator. Nunca é excessivo o zelo com que nutrimos as afeições do lar, pois, se o Espírito do Senhor habita aí, o lar é um símbolo do Céu. [...] Se um erra, o outro exercitará a tolerância cristã em vez de repelir com frieza.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 118. “Há um círculo sagrado em torno de cada família, que deve ser preservado. Nenhuma outra pessoa tem o direito de entrar nesse círculo. Nem o marido nem a esposa permitam que outro partilhe das confidências que somente a eles pertencem.”—The MinistryofHealing(A ciência do bom viver), p. 361. 3. AMOR, RESPEITO E HONRA MÚTUOS NO CASAMENTO 3A. Que atitude o marido deve ter para com a esposa? Colossenses 3:19. (CL 3:19) - Vós, maridos, amai a vossas mulheres, e não vos irriteis contra elas. “Mas não foi desígnio de Deus que os maridos dominassem como cabeça do lar quando eles próprios não se submetem a Cristo. Devem eles estar sob o domínio de Cristo para que possam representar a relação de Cristo para com Sua igreja. Se o marido é grosseiro, rude, arrebatado, egoísta, ríspido e opressor, não diga jamais que o marido é a cabeça da esposa, e que ela deve em tudo ser-lhe sujeita [...]. Devem os maridos estudar o padrão e procurar saber o que significa, pelo símbolo representado em Efésios, a relação de Cristo para com a igreja. O marido deve ser como um salvador em sua família.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 117. “Meu irmão, seja bondoso, paciente, longânimo. Lembre-se de que sua esposa o aceitou como esposo não para que sobre ela dominasse, mas para que lhe fosse o arrimo. Não seja despótico nem autoritário. Não exerça sua grande força de vontade para obrigar sua esposa a proceder como você deseja. Lembre-se de que ela tem sua vontade e que, assim como você, pode ela também desejar que essa vontade se cumpra. [...] Seja compreensivo e cortês. ‘A sabedoria que do alto vem é, primeiramente, pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos.’ (Tiago 3:17).”—Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 7, p. 48. 3B. O que as Escrituras ensinam acerca da submissão de esposa a esposo? Colossenses 3:18; 1 Pedro 3:4-6. Que palavras de advertência a mensageira do Senhor foi compelida a dar a uma esposa? (CL 3:18) - Vós, mulheres, estai sujeitas a vossos próprios maridos, como convém no Senhor.
  • 3. Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org 3 (1PE 3:4) - Mas o homem encoberto no coração; no incorruptível traje de um espírito manso e quieto, que é precioso diante de Deus. (1PE 3:5) - Porque assim se adornavam também antigamente as santas mulheres que esperavam em Deus, e estavam sujeitas aos seus próprios maridos; (1PE 3:6) - Como Sara obedecia a Abraão, chamando-lhe senhor; da qual vós sois filhas, fazendo o bem, e não temendo nenhum espanto. “Tenho notado muitas vezes a maneira como você fala com John diante de outras pessoas, de um modo um tanto dominador, e em um tom de voz que soa impaciente. Mary, os outros percebem isso e têm comentado comigo. Isso prejudica sua influência. Nós, mulheres, devemos relembrar que Deus nos colocou em sujeição a nosso marido. Ele é a cabeça, e nossos critérios, pontos de vista e raciocínio devem, se possível, estar de acordo com os dele. Se não, a palavra de Deus dá preferência ao marido, em não se tratando de assuntos de consciência. Devemos submeter-nos à cabeça.”—Testimonieson Sexual Behavior, Adultery, andDivorce(Testemunhos sobre conduta sexual, adultério e divórcio), p. 28. 4. UM SENSO DE DIGNIDADE PRÓPRIA 4A. Quão profundo deve ser o amor de um homem por sua mulher? Efésios 5:28. (EF 5:28) - Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. “A esposa deve respeitar o marido. O marido deve amar sua esposa e mostrar desvelo por ela; e unindo-se nos votos matrimoniais como um só ser, sua crença em Cristo deve fazer com que sejam um com Ele.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 114. “Que os maridos e pais estudem e procurem compreender as palavras de Cristo, não unilateralmente, fazendo ressaltar apenas a sujeição da esposa ao marido, mas estude à luz da cruz do Calvário o que diz respeito a sua própria posição no círculo da família. ‘Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a Si mesmo Se entregou por ela, para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra.’(Efésios 5:25 e 26). Jesus Se entregou para morrer na cruz a fim de que, pela influência do Espírito Santo, nos pudesse purificar do pecado e da poluição.”— Ibidem, pp. 117 e 118. 4B. De que forma cada cônjuge pode complementar e encorajar a união matrimonial de modo apropriado, terno e honesto? Efésios 5:33; 1 Pedro 3:1 e 7. (EF 5:33) - Assim também vós, cada um em particular, ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie o marido. (1PE 3:1) - SEMELHANTEMENTE, vós, mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavra; (1PE 3:7) - Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações. 4C. Como podemos ter a mais feliz das famílias? Colossenses 3:16 e 17; Salmos 128. (CL 3:16) - A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando ao SENHOR com graça em vosso coração. (CL 3:17) - E, quanto fizerdes por palavras ou por obras, fazei tudo em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai. (SL 128:1) - BEM-AVENTURADO aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos. (SL 128:2) - Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem. (SL 128:3) - A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira à roda da tua mesa. (SL 128:4) - Eis que assim será abençoado o homem que teme ao SENHOR. (SL 128:5) - O SENHOR te abençoará desde Sião, e tu verás o bem de Jerusalém em todos os dias da tua vida. (SL 128:6) - E verás os filhos de teus filhos, e a paz sobre Israel. “Dê cada um amor, em vez de exigi-lo. Cultive aquilo que tem em si de mais nobre, e esteja pronto a
  • 4. Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org 4 reconhecer as boas qualidades do outro. É um admirável estímulo e satisfação saber alguém que é estimado. [...] Nem o marido nem a esposa devem pensar em exercer governo arbitrário um sobre o outro. Não intentem impor um ao outro os seus desejos. Não é possível fazer isso e ao mesmo tempo reter o amor mútuo. Sede bondosos, pacientes, longânimos, corteses e cheios de consideração mútua. Pela graça de Deus podeis ter êxito em vos fazerdes mutuamente felizes, como prometestes no voto matrimonial.”—The MinistryofHealing(A ciência do bom viver), p. 361. “Jesus deseja ver casamentos e lares felizes.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 99. 5. CASAMENTO, UM INSTRUMENTO DE SALVAÇÃO 5A. Que princípio deve ter um lugar especial no lar cristão? Mateus 5:14-16; Tito 2:1-4. (MT 5:14) - Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; (MT 5:15) - Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. (MT 5:16) - Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus. (TT 2:1) - TU, porém, fala o que convém à sã doutrina. (TT 2:2) - Os velhos, que sejam sóbrios, graves, prudentes, sãos na fé, no amor, e na paciência; (TT 2:3) - As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem; (TT 2:4) - Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, “Todo lar deve ser um lugar de amor, um lugar onde os anjos de Deus habitem, operando com influência sensibilizadora e suavizadora no coração dos pais e dos filhos. Nossos lares precisam tornar-se uma Betel; nosso coração, um santuário. Onde o amor de Deus é nutrido na alma, haverá paz, haverá luz e alegria. Abri a Palavra de Deus com amor diante de vossa família, e perguntai: ‘Que disse Deus?’”—The Adventist Home(O lar adventista), pp. 18 e 19. 5B. De que modo o casamento pode tornar-se um instrumento de salvação para os descrentes? Tito 2:4-6; 1 João 3:18; 1 Coríntios 7:16. (TT 2:4) - Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, (TT 2:5) - A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada. (TT 2:6) - Exorta semelhantemente os jovens a que sejam moderados. (1JO 3:18) - Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade. (1CO 7:16) - Porque, de onde sabes, ó mulher, se salvarás teu marido? ou, de onde sabes, ó marido, se salvarás tua mulher? “De todo lar cristão deve resplandecer uma santa luz. O amor deve revelar-se nas ações. Deve promanar de toda a relação doméstica, mostrando-se em uma bondade atenciosa, em uma cortesia gentil, abnegada.”— PatriarchsandProphets(Patriarcas e profetas), p. 144. “A melhor prova de cristianismo de uma casa é o tipo de caráter gerado pela sua influência. As ações falam mais alto do que a mais positiva profissão de piedade.”— Ibidem, p. 579.