SlideShare uma empresa Scribd logo
NATUREZA E AÇÃO HUMANA
Rodolfo Alves Pena Fonte:https://brasilescola.uol.com.br/geografia/natureza-acao-humana.htm
As sociedades constituem-se por meio da síntese da relação entre a natureza e a ação humana.
Os seres humanos, desde tempos pré-históricos, atuamno sentido de transformar o meio natural em que
vivem. Inicialmente, todos ospovos do mundo eram nômades, deslocavam-se de um local para outro,
buscando por alimentos, locais de moradia e sustento. Com o tempo, foram desenvolvidas técnicas para
cultivo de vegetais e frutos, desenvolvendo a agricultura e a pecuária, com o confinamento e criação de
animais, permitindo que os grupos humanos pudessem fixar-se em determinados locais, formando as
primeiras civilizações.
Com o passar dos séculos, essas sociedades desenvolveram técnicas cada vez mais avançadas
para garantir as necessidades de suas populações, mas tambémo poder e domínio sobre outras áreas.
Contudo, tais técnicas tornaram-se mais complexas, mas sem deixarem de lado a premissa mais básica:
a necessidade de utilização e transformação da natureza.
Por esse motivo, dizemos que o espaço geográfico é sempre produzido e transformado pela
sociedade, vinculando natureza e ação humana, o espaço natural e o espaço geográfico. Como exemplo
dessa ação, temos as matérias- primas extraídas do meio ambiente, a remoção de matas e florestas para
o cultivode alimentos ou matérias-primas empregadas na produção de mercadorias e a extração de
minérios.
Mas essa relação é sempre tranquila e harmoniosa? Não. Muitas vezes os seres humanos
exploram além da conta a natureza, provocando profundas alterações sobre o meio natural. A
consequência de tal processo é vista por meio de efeitos diversos, como os processos erosivos que
afetam áreas de rios,lagos ou campos de atividade agrícola, a perda de recursos hídricos ou até
eventuais alterações climáticas proporcionadas pela perda de áreas naturais oupela grande emissão de
gases tóxicos na atmosfera.
No campo dessas ideias, vários movimentos sociais e grupos ativistas surgiramcomoobjetivode
combaterediminuirosefeitosdaaçãodassociedades sobre o meio ambiente. Atualmente, em tempos de
capitalismo e globalização, tais efeitos são gradativamente mais intensos, o que proporciona
preocupações generalizadas com questões como o agravamento do efeito estufa, o aquecimento global,
a poluição e os problemas ambientais das cidades, entre outros tiposde impactos ambientais.
Portanto, mais do que simplesmente consumir a totalidade dos recursos naturais e agredir a
natureza de forma frenética, a humanidade precisa desenvolver técnicas sustentáveis de melhor
aproveitamento desses recursos. Falar em sustentabilidade é falar em garantir a preservação dos
recursos naturais para as próximas gerações, o que se tornou um grande desafio para todas as
sociedades do mundo contemporâneo.
AULA 1: Fazer a leitura do texto: Natureza e Ação Humana. Seguida de atividade: em seu caderno
responda:
1. Escolha 2 charges abaixo.
2. Escreva em seu caderno quais escolheu. Ex: imagem 1 e 2.
3. Qual é a relação entre a charge e o texto?
4. Qual é sua interpretação das 2 charges escolhidas?
5. Na sua opinão qual é a reponsabilidade das empresas no quadro ambiental?
6. Faça uma brevepesquisa emseucelulare cite2 projetosempresariais de preservação ambiental.
IMAGEM 1 IMAGEM 2
IMAGEM 3 IMAGEM 4
IMAGEM 5 IMAGEM 6
IMAGEM 7 IMAGEM 8
IMAGEM 9 IMAGEM 10

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a ATIVIDADE 1º ANO.pdf

Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Jose Aldo Ramires
 
Ufba ecologica
Ufba ecologicaUfba ecologica
Ufba ecologica
luisotaviodantas
 
(Apo) de portugues
(Apo) de portugues(Apo) de portugues
(Apo) de portugues
psi-fca
 
Educação Ambiental
Educação AmbientalEducação Ambiental
Educação Ambiental
Flávia Smarti
 
Resenha Recursos Naturais e o Homem
Resenha Recursos Naturais e o HomemResenha Recursos Naturais e o Homem
Resenha Recursos Naturais e o Homem
Darlleson Oliveira
 
Consumo e ambiente elisa e gilson
Consumo e ambiente elisa e gilsonConsumo e ambiente elisa e gilson
Consumo e ambiente elisa e gilson
turma12c1617
 
Meio ambiente sustentabilidade e agroecologia
Meio ambiente sustentabilidade e agroecologiaMeio ambiente sustentabilidade e agroecologia
Meio ambiente sustentabilidade e agroecologia
Sandro Marcelo de Caires
 
Apresentação degradação ambiental - fusar
Apresentação   degradação ambiental - fusarApresentação   degradação ambiental - fusar
Apresentação degradação ambiental - fusar
Rita S. de Souza
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
Henrique Mark
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
Henrique Mark
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
Henrique Mark
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
Henrique Mark
 
Ensino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdf
Ensino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdfEnsino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdf
Ensino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdf
AlejandrinaDominguez2
 
Rcman35
Rcman35Rcman35
Rcman35
Luis Araujo
 
Ecologia e valores
Ecologia e valoresEcologia e valores
Ecologia e valores
Zaara Miranda
 
Sustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambientalSustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambiental
-
 
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambienteA evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
DireitoCivilContemporaneo
 
Mudanças climáticas_-_fórum (1)
 Mudanças climáticas_-_fórum (1) Mudanças climáticas_-_fórum (1)
Mudanças climáticas_-_fórum (1)
santaritadf
 
Apresentação colegio roberto santos
Apresentação colegio roberto santosApresentação colegio roberto santos
Apresentação colegio roberto santos
Alinebioblog
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
Gourgel Abias
 

Semelhante a ATIVIDADE 1º ANO.pdf (20)

Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
 
Ufba ecologica
Ufba ecologicaUfba ecologica
Ufba ecologica
 
(Apo) de portugues
(Apo) de portugues(Apo) de portugues
(Apo) de portugues
 
Educação Ambiental
Educação AmbientalEducação Ambiental
Educação Ambiental
 
Resenha Recursos Naturais e o Homem
Resenha Recursos Naturais e o HomemResenha Recursos Naturais e o Homem
Resenha Recursos Naturais e o Homem
 
Consumo e ambiente elisa e gilson
Consumo e ambiente elisa e gilsonConsumo e ambiente elisa e gilson
Consumo e ambiente elisa e gilson
 
Meio ambiente sustentabilidade e agroecologia
Meio ambiente sustentabilidade e agroecologiaMeio ambiente sustentabilidade e agroecologia
Meio ambiente sustentabilidade e agroecologia
 
Apresentação degradação ambiental - fusar
Apresentação   degradação ambiental - fusarApresentação   degradação ambiental - fusar
Apresentação degradação ambiental - fusar
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
 
Seminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientaisSeminario sobre questoes ambientais
Seminario sobre questoes ambientais
 
Ensino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdf
Ensino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdfEnsino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdf
Ensino Médio - Meio ambiente e Sustentabilidade - Aula 1.pdf
 
Rcman35
Rcman35Rcman35
Rcman35
 
Ecologia e valores
Ecologia e valoresEcologia e valores
Ecologia e valores
 
Sustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambientalSustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambiental
 
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambienteA evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
A evolução da legislação ambiental brasileira e a proteção do meio ambiente
 
Mudanças climáticas_-_fórum (1)
 Mudanças climáticas_-_fórum (1) Mudanças climáticas_-_fórum (1)
Mudanças climáticas_-_fórum (1)
 
Apresentação colegio roberto santos
Apresentação colegio roberto santosApresentação colegio roberto santos
Apresentação colegio roberto santos
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 

Mais de Lívia De Paula

ATIVIDADE 6º ANO.pdf
ATIVIDADE 6º ANO.pdfATIVIDADE 6º ANO.pdf
ATIVIDADE 6º ANO.pdf
Lívia De Paula
 
ATIVIDADE 8º ANO.pdf
ATIVIDADE 8º ANO.pdfATIVIDADE 8º ANO.pdf
ATIVIDADE 8º ANO.pdf
Lívia De Paula
 
ATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdfATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdf
Lívia De Paula
 
ATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdfATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdf
Lívia De Paula
 
As feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdf
As feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdfAs feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdf
As feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdf
Lívia De Paula
 
Revisão 8º.docx
Revisão 8º.docxRevisão 8º.docx
Revisão 8º.docx
Lívia De Paula
 
Revisão 6º.docx
Revisão 6º.docxRevisão 6º.docx
Revisão 6º.docx
Lívia De Paula
 
AVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docx
AVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docxAVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docx
AVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docx
Lívia De Paula
 
Revisão 9º.docx
Revisão 9º.docxRevisão 9º.docx
Revisão 9º.docx
Lívia De Paula
 
Revisão 7º.docx
Revisão 7º.docxRevisão 7º.docx
Revisão 7º.docx
Lívia De Paula
 
Gabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º anoGabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º ano
Lívia De Paula
 

Mais de Lívia De Paula (11)

ATIVIDADE 6º ANO.pdf
ATIVIDADE 6º ANO.pdfATIVIDADE 6º ANO.pdf
ATIVIDADE 6º ANO.pdf
 
ATIVIDADE 8º ANO.pdf
ATIVIDADE 8º ANO.pdfATIVIDADE 8º ANO.pdf
ATIVIDADE 8º ANO.pdf
 
ATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdfATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 11-11.pdf
 
ATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdfATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdf
ATIVIDADE 7º ANO 10-11.pdf
 
As feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdf
As feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdfAs feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdf
As feiras medievais e o surgimento da burguesia 6º ano.pdf
 
Revisão 8º.docx
Revisão 8º.docxRevisão 8º.docx
Revisão 8º.docx
 
Revisão 6º.docx
Revisão 6º.docxRevisão 6º.docx
Revisão 6º.docx
 
AVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docx
AVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docxAVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docx
AVALIAÇÃO GLOBAL DE CIÊNCIAS HUMANAS.docx
 
Revisão 9º.docx
Revisão 9º.docxRevisão 9º.docx
Revisão 9º.docx
 
Revisão 7º.docx
Revisão 7º.docxRevisão 7º.docx
Revisão 7º.docx
 
Gabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º anoGabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º ano
 

Último

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 

Último (20)

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 

ATIVIDADE 1º ANO.pdf

  • 1. NATUREZA E AÇÃO HUMANA Rodolfo Alves Pena Fonte:https://brasilescola.uol.com.br/geografia/natureza-acao-humana.htm As sociedades constituem-se por meio da síntese da relação entre a natureza e a ação humana. Os seres humanos, desde tempos pré-históricos, atuamno sentido de transformar o meio natural em que vivem. Inicialmente, todos ospovos do mundo eram nômades, deslocavam-se de um local para outro, buscando por alimentos, locais de moradia e sustento. Com o tempo, foram desenvolvidas técnicas para cultivo de vegetais e frutos, desenvolvendo a agricultura e a pecuária, com o confinamento e criação de animais, permitindo que os grupos humanos pudessem fixar-se em determinados locais, formando as primeiras civilizações. Com o passar dos séculos, essas sociedades desenvolveram técnicas cada vez mais avançadas para garantir as necessidades de suas populações, mas tambémo poder e domínio sobre outras áreas. Contudo, tais técnicas tornaram-se mais complexas, mas sem deixarem de lado a premissa mais básica: a necessidade de utilização e transformação da natureza. Por esse motivo, dizemos que o espaço geográfico é sempre produzido e transformado pela sociedade, vinculando natureza e ação humana, o espaço natural e o espaço geográfico. Como exemplo dessa ação, temos as matérias- primas extraídas do meio ambiente, a remoção de matas e florestas para o cultivode alimentos ou matérias-primas empregadas na produção de mercadorias e a extração de minérios. Mas essa relação é sempre tranquila e harmoniosa? Não. Muitas vezes os seres humanos exploram além da conta a natureza, provocando profundas alterações sobre o meio natural. A consequência de tal processo é vista por meio de efeitos diversos, como os processos erosivos que afetam áreas de rios,lagos ou campos de atividade agrícola, a perda de recursos hídricos ou até eventuais alterações climáticas proporcionadas pela perda de áreas naturais oupela grande emissão de gases tóxicos na atmosfera. No campo dessas ideias, vários movimentos sociais e grupos ativistas surgiramcomoobjetivode combaterediminuirosefeitosdaaçãodassociedades sobre o meio ambiente. Atualmente, em tempos de capitalismo e globalização, tais efeitos são gradativamente mais intensos, o que proporciona preocupações generalizadas com questões como o agravamento do efeito estufa, o aquecimento global, a poluição e os problemas ambientais das cidades, entre outros tiposde impactos ambientais. Portanto, mais do que simplesmente consumir a totalidade dos recursos naturais e agredir a natureza de forma frenética, a humanidade precisa desenvolver técnicas sustentáveis de melhor aproveitamento desses recursos. Falar em sustentabilidade é falar em garantir a preservação dos recursos naturais para as próximas gerações, o que se tornou um grande desafio para todas as sociedades do mundo contemporâneo. AULA 1: Fazer a leitura do texto: Natureza e Ação Humana. Seguida de atividade: em seu caderno responda: 1. Escolha 2 charges abaixo. 2. Escreva em seu caderno quais escolheu. Ex: imagem 1 e 2. 3. Qual é a relação entre a charge e o texto? 4. Qual é sua interpretação das 2 charges escolhidas? 5. Na sua opinão qual é a reponsabilidade das empresas no quadro ambiental? 6. Faça uma brevepesquisa emseucelulare cite2 projetosempresariais de preservação ambiental. IMAGEM 1 IMAGEM 2
  • 2. IMAGEM 3 IMAGEM 4 IMAGEM 5 IMAGEM 6 IMAGEM 7 IMAGEM 8 IMAGEM 9 IMAGEM 10