SlideShare uma empresa Scribd logo
 Experiência de mercado
 Processos e equipe qualificados
 Amplas e modernas instalações
 Investimentos contínuos em
Pesquisa & Desenvolvimento
Porque nos dedicamos
as suas necessidades.
Somos a sua equipe.
Ações conscientes colaboram
para preservação do meio
ambiente e desenvolvimento
social e sustentável. Por isso,
cuidamos para que nossos
insumos sejam corretamente
utilizados e reutilizados e
investimos em projetos sociais
que contribuam para aumentar a
qualidade de vida.
Responsabilidade
Socioambiental.
Soluções inteligentes para
crescer com sustentabilidade.
Capacidade de produção
1.500 toneladas/mês
Estoque
Logística
Sala para
Treinamentos
Restaurante
Polióis, poliéter, poliéster
e copolímeros, variando
suas principais características
como funcionalidade, peso
molecular, número de
hidroxilas e viscosidades
atendendo a variadas
tecnologias de aplicação.
Conhecidos como
TDI (Tolueno Diisocianato)
e MDI (Difenilmetano
Diisocianato), são
polifuncionais de variadas
porcentagens de NCO
livre, utilizados para várias
tecnologias de aplicação.
Linha completa de
catalisadores que se dividem
em duas classes, as aminas
terciárias e os catalisadores
organometálicos.
É um aditivo retardante a chamas a base
de éter fosforado, utilizado em formulações
de espumas, indicado para atender
normas automotivas
e moveleiras NBR 9178,
MVSS302, Califórnia 117
(testes de flamabilidade).
O aditivo é de baixa volatilidade e não
altera as características de processo
na aplicação a qualquer tipo de formulação.
Aditivo usado para melhorar
a aderência nas espumas que
são destinados a dublagem
a fogo, diminuindo o tempo
de aderência com ganhos
nas propriedades físicas
da espuma com menos
bolha e um toque
mais aveludado.
Aditivo que tem
grande solução
retardante na
descoloração
de espumas.
Utilizado para
o mercado calçadista
e têxtil em bojos
de sutiã.
Este agente proporciona um excelente
efeito branqueador e brilhante na
espuma de PU. Possui cores únicas
e funcionará mais efetivamente quando
utilizado com o agente antidescolorante.
Específico para necessidades de cores
super brancas, como bojos e outros.
O agente antioxidante previne
a degradação da espuma de PU.
Durante o processo de expansão,
as partes centrais alcançam temperaturas
acima de 160 ºC e isso causa a descoloração
e mudança das propriedades físicas da
espuma. O agente antioxidante soluciona
este problema removendo 10~30 ºC da
temperatura das partes centrais.
Tecnologia desenvolvida em defesa de fungos, ácaros e bactérias, para
proteção das espumas que compõem colchões, travesseiros, calçados
e palmilhas. Proporciona maior vida útil aos produtos e preserva
a saúde dos usuários.
É um promotor de suporte
de carga desenvolvido para
uso em espumas de poliéster
flexíveis para aumentar a
dureza em até 30%.
Possui propriedades reativas que fazem
a estrutura celular da espuma de PU
mais forte, economizando o uso de
copolímero na formulação.
Linha completa de silicones,
fundamental na emulsificação,
nucleação e estabilização das
espumas.
Aditivo amaciante para aplicação em espumas onde há necessidade
de baixo suporte de carga, alta resiliência e baixa deformação e fadiga.
Acrescenta um toque aveludado e de conforto a espuma.
Aditivo estabilizante versátil,
utilizado em várias aplicações.
Previne problemas de
processo e estabilização para
blocos cilíndricos e espumas
críticas convencionais de média
e baixa densidade. Proporciona
excelentes propriedades de
rasgamento e ruptura.
Completa linha de
pigmentos com diversas
concentrações.
Formulados especialmente
para cada necessidade
de cobertura.
Agente de colagem para retalhos de espumas
refaz blocos com densidades diversas. Possui
excelente propriedade de adesão com baixa
dosagem, economiza o custo de produção,
reduz o tempo de desmolde e apresenta
grande fluidez (sem caroços de cola).
Adesivos de poliuretano mono
e bi componentes utilizados
para adesão de espumas
rígidas com metais e PVC
e metais com EPS.
Destinados aos mercados de
painéis para câmeras estacionárias
e rodoviárias e para construção civil
para telhas sanduíche em EPS.
Conhecidas por possuírem
excelentes propriedades
de resiliência, fator conforto
e durabilidade, as formulações
podem abranger diversas
densidades e sua principal
aplicação é em almofadas
e colchões, onde apresentam
um rápido retorno após
compressão.
Amplamente utilizada no
mercado automotivo e moveleiro,
para fabricação de assentos de
motocicletas, apoios de cabeça,
brinquedos entre outros. Tem
como característica principal sua
moldabilidade, alta resiliência
e resistência a compressão.
Espuma de altíssima
resiliência e fator de conforto
que proporcionam um toque
especial como camada de
conforto em pillows de
colchões de alto padrão.
Sua principal característica é a
baixa resiliência, ou seja, ela não
responde a compressão
sofrida, sua aparência é “morta”.
Outro fator é a espuma dissipar o
calor do corpo de uma forma mais
eficiente, caracterizando-a como
uma “espuma fria”.
Suas principais aplicações são
colchões, travesseiros, encostos
de estofados e palmilhas de
calçados.
Espuma de alta tecnologia
com o toque de uma espuma
viscoelástica e o retorno de uma
espuma látex. Automoldável
e termossensível, é a mistura
perfeita para quem deseja
suavidade e maior conforto
térmico. Muito utilizada na
fabricação de mantas para
colchões e camadas de toque.
Tecnologia de espuma com
excelente resiliênciae conforto.
Segue o mesmo padrão de
qualidadedas espumas a base de
Látex. Utilizadas como camada de
toque e suavidade em colchões
de alto padrão.
Espumas extremamente
macias de baixíssimo
suporte de carga e excelentes
propriedades mecânicas.
Usadas principalmente em
travesseiros e na indústria
moveleira em aplicações de
camada de toque em colchões,
estofamentos e almofadas.
A característica principal destas
espumas é o altíssimo suporte
de carga.
Destinam-se a aplicações onde há severos
esforços no uso. Sua principal utilização
é na indústria calçadista, em calçados
esportivos. Na indústria moveleira são
amplamente utilizadas nos assentos de
móveis de uso público.
Sistema aplicado em moldes
para indústria automotiva e
moveleira em produtos que
imitam couro e materiais
sintéticos, tais como:
descansa braço, volantes,
protetores de impacto,
acessórios de motocicletas
e ônibus.
Espuma produzida em
densidades e durezas variadas,
possui como principal
característica a absorção de
impacto. Utilizada na parte
interna de para-choques,
capacetes, quebra sol de
automóveis e tetos.
Resultado da reação química
de um poli-isocianato com um
gás expansor, esse sistema
formulado de poliuretano
rígido é altamente utilizado
na técnica da isolação
térmica.Aplicado na
indústria, construção civil,
transporte, painéis frigoríficos
e telhas térmicas.
Nossa preocupação com o
desenvolvimento de tecnologias
sustentáveis faz com que
busquemos cada vez mais
soluções eco amigáveis.
Prezamos pela utilização de
matérias provenientes de fontes
renováveis com soluções de
menor potencial no
aquecimento global.
Sistema formulado de
poliuretano rígido estrutural
utilizado na injeção de peças
técnicas de linhas automotivas,
como para-choques, frisos
laterais, peças que imitam
madeira, tacos para calçados
e artigos de decoração.
Oferecemos aos
nossos clientes
treinamento
teórico e prático
na qualificação
e aperfeiçoamento
de profissionais da
área ou pessoas
envolvidas com
poliuretanos.
Oferecemos suporte
a projetos de viabilidade
a novos negócios,
análise de mercado,
viabilidade para aquisição
de máquinas e
equipamentos.
PROJETOS
Nosso Centro
Técnico avalia
e sugere
aplicações dos
produtos
oferecidos pela
Flexível, além de
trabalhar no
aperfeiçoamento
de fórmulas já
desenvolvidas.
Obrigado!
www.puflexivel.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Material auxiliar plástico ii
Material auxiliar plástico iiMaterial auxiliar plástico ii
Material auxiliar plástico ii
profNICODEMOS
 
Almofadas de ar
Almofadas de arAlmofadas de ar
Almofadas de ar
Soluções Industriais
 
Curso de Acrílicos
Curso de AcrílicosCurso de Acrílicos
Curso de Acrílicos
CENNE
 
Piso epóxi industrial
Piso epóxi industrialPiso epóxi industrial
Piso epóxi industrial
Fernando Dias
 
Trabalho matrizes termoplásticas
Trabalho matrizes termoplásticasTrabalho matrizes termoplásticas
Trabalho matrizes termoplásticas
Andre Quendera
 
Polímeros
PolímerosPolímeros
Polímeros
Ricardo Feltre
 
PET - Saiba mais
PET - Saiba maisPET - Saiba mais
PET - Saiba mais
CENNE
 
Material revisar aulas
Material revisar aulasMaterial revisar aulas
Material revisar aulas
andreiafaion
 
Trabalho Poliacetal
Trabalho PoliacetalTrabalho Poliacetal
Trabalho Poliacetal
Gabriela Begalli
 
Fibrocimento semamianto rafael
Fibrocimento semamianto rafaelFibrocimento semamianto rafael
Fibrocimento semamianto rafael
Ambiente Construído II
 

Mais procurados (10)

Material auxiliar plástico ii
Material auxiliar plástico iiMaterial auxiliar plástico ii
Material auxiliar plástico ii
 
Almofadas de ar
Almofadas de arAlmofadas de ar
Almofadas de ar
 
Curso de Acrílicos
Curso de AcrílicosCurso de Acrílicos
Curso de Acrílicos
 
Piso epóxi industrial
Piso epóxi industrialPiso epóxi industrial
Piso epóxi industrial
 
Trabalho matrizes termoplásticas
Trabalho matrizes termoplásticasTrabalho matrizes termoplásticas
Trabalho matrizes termoplásticas
 
Polímeros
PolímerosPolímeros
Polímeros
 
PET - Saiba mais
PET - Saiba maisPET - Saiba mais
PET - Saiba mais
 
Material revisar aulas
Material revisar aulasMaterial revisar aulas
Material revisar aulas
 
Trabalho Poliacetal
Trabalho PoliacetalTrabalho Poliacetal
Trabalho Poliacetal
 
Fibrocimento semamianto rafael
Fibrocimento semamianto rafaelFibrocimento semamianto rafael
Fibrocimento semamianto rafael
 

Semelhante a Apresentação Comercial Flexível

Pode levar você à produção e conserto
Pode levar você à produção e consertoPode levar você à produção e conserto
Pode levar você à produção e conserto
rouseman
 
Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)
Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)
Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)
Promtec - Bobinas, Etiquetas Adesivas, Tags e Ribbons
 
Apresentação quimatic produtos
Apresentação quimatic produtosApresentação quimatic produtos
Apresentação quimatic produtos
Paulo Torrezan
 
material de construção mecânica de polímeros
material de construção mecânica de polímerosmaterial de construção mecânica de polímeros
material de construção mecânica de polímeros
JairGaldino4
 
Palestra Pertech
Palestra PertechPalestra Pertech
Palestra Pertech
Ludmila Souza
 
Polimeros
PolimerosPolimeros
Polimeros
lucas campos
 
Ficha Técnica Resina isoftálica Resapol Lp 8847
Ficha Técnica Resina  isoftálica Resapol Lp 8847Ficha Técnica Resina  isoftálica Resapol Lp 8847
Ficha Técnica Resina isoftálica Resapol Lp 8847
AnaCarolinaDelgadoVi1
 
Aula7
Aula7Aula7
Aula7
Tiago Cruz
 
Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.
Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.
Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.
Andréia Grzesiuck
 
Piso poliuretânico
Piso poliuretânicoPiso poliuretânico
Piso poliuretânico
Fernando Dias
 
Polímeros(1)
Polímeros(1)Polímeros(1)
Polímeros(1)
Daniel Carvalho
 
Apresentação bragal maxi paint
Apresentação bragal maxi paintApresentação bragal maxi paint
Apresentação bragal maxi paint
Robin Cristo
 
Plastico (2)
Plastico (2)Plastico (2)
Plastico (2)
ggmota93
 
Base treinamentos gutierre-third november
Base treinamentos gutierre-third novemberBase treinamentos gutierre-third november
Base treinamentos gutierre-third november
Carlos Soares
 
Tabela norton aam_2016
Tabela norton aam_2016Tabela norton aam_2016
Tabela norton aam_2016
Jose_David_IMPOESTE
 
Lecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdf
Lecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdfLecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdf
Lecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdf
Carolina Direito
 
Slideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do Calçado
Slideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do CalçadoSlideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do Calçado
Slideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do Calçado
CESCA Brasil Consultoria Especializada em Calçados
 
Fibra de vidro cris1
Fibra de vidro cris1Fibra de vidro cris1
Fibra de vidro cris1
criscarioca
 
Pisos de alta resistência
Pisos de alta resistênciaPisos de alta resistência
Pisos de alta resistência
Fernando Dias
 
Polímeros Sintéticos
Polímeros SintéticosPolímeros Sintéticos

Semelhante a Apresentação Comercial Flexível (20)

Pode levar você à produção e conserto
Pode levar você à produção e consertoPode levar você à produção e conserto
Pode levar você à produção e conserto
 
Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)
Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)
Etiquetas Adesivas em Filmes (BOPP, PP, PET, Poliéster, PEBDL, PVdC, PE, PVC)
 
Apresentação quimatic produtos
Apresentação quimatic produtosApresentação quimatic produtos
Apresentação quimatic produtos
 
material de construção mecânica de polímeros
material de construção mecânica de polímerosmaterial de construção mecânica de polímeros
material de construção mecânica de polímeros
 
Palestra Pertech
Palestra PertechPalestra Pertech
Palestra Pertech
 
Polimeros
PolimerosPolimeros
Polimeros
 
Ficha Técnica Resina isoftálica Resapol Lp 8847
Ficha Técnica Resina  isoftálica Resapol Lp 8847Ficha Técnica Resina  isoftálica Resapol Lp 8847
Ficha Técnica Resina isoftálica Resapol Lp 8847
 
Aula7
Aula7Aula7
Aula7
 
Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.
Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.
Solução para goteiras, infiltrações, calor e barulho.
 
Piso poliuretânico
Piso poliuretânicoPiso poliuretânico
Piso poliuretânico
 
Polímeros(1)
Polímeros(1)Polímeros(1)
Polímeros(1)
 
Apresentação bragal maxi paint
Apresentação bragal maxi paintApresentação bragal maxi paint
Apresentação bragal maxi paint
 
Plastico (2)
Plastico (2)Plastico (2)
Plastico (2)
 
Base treinamentos gutierre-third november
Base treinamentos gutierre-third novemberBase treinamentos gutierre-third november
Base treinamentos gutierre-third november
 
Tabela norton aam_2016
Tabela norton aam_2016Tabela norton aam_2016
Tabela norton aam_2016
 
Lecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdf
Lecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdfLecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdf
Lecture_week 4 Aditivos em Polimeros.pdf
 
Slideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do Calçado
Slideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do CalçadoSlideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do Calçado
Slideshare CESCA Borracha Sintética na Ind do Calçado
 
Fibra de vidro cris1
Fibra de vidro cris1Fibra de vidro cris1
Fibra de vidro cris1
 
Pisos de alta resistência
Pisos de alta resistênciaPisos de alta resistência
Pisos de alta resistência
 
Polímeros Sintéticos
Polímeros SintéticosPolímeros Sintéticos
Polímeros Sintéticos
 

Apresentação Comercial Flexível

  • 1.
  • 2.
  • 3.
  • 4.  Experiência de mercado  Processos e equipe qualificados  Amplas e modernas instalações  Investimentos contínuos em Pesquisa & Desenvolvimento Porque nos dedicamos as suas necessidades. Somos a sua equipe.
  • 5. Ações conscientes colaboram para preservação do meio ambiente e desenvolvimento social e sustentável. Por isso, cuidamos para que nossos insumos sejam corretamente utilizados e reutilizados e investimos em projetos sociais que contribuam para aumentar a qualidade de vida. Responsabilidade Socioambiental. Soluções inteligentes para crescer com sustentabilidade.
  • 6.
  • 7.
  • 9.
  • 10.
  • 12.
  • 13.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25. Polióis, poliéter, poliéster e copolímeros, variando suas principais características como funcionalidade, peso molecular, número de hidroxilas e viscosidades atendendo a variadas tecnologias de aplicação.
  • 26. Conhecidos como TDI (Tolueno Diisocianato) e MDI (Difenilmetano Diisocianato), são polifuncionais de variadas porcentagens de NCO livre, utilizados para várias tecnologias de aplicação.
  • 27. Linha completa de catalisadores que se dividem em duas classes, as aminas terciárias e os catalisadores organometálicos.
  • 28. É um aditivo retardante a chamas a base de éter fosforado, utilizado em formulações de espumas, indicado para atender normas automotivas e moveleiras NBR 9178, MVSS302, Califórnia 117 (testes de flamabilidade). O aditivo é de baixa volatilidade e não altera as características de processo na aplicação a qualquer tipo de formulação.
  • 29. Aditivo usado para melhorar a aderência nas espumas que são destinados a dublagem a fogo, diminuindo o tempo de aderência com ganhos nas propriedades físicas da espuma com menos bolha e um toque mais aveludado.
  • 30. Aditivo que tem grande solução retardante na descoloração de espumas. Utilizado para o mercado calçadista e têxtil em bojos de sutiã.
  • 31. Este agente proporciona um excelente efeito branqueador e brilhante na espuma de PU. Possui cores únicas e funcionará mais efetivamente quando utilizado com o agente antidescolorante. Específico para necessidades de cores super brancas, como bojos e outros.
  • 32. O agente antioxidante previne a degradação da espuma de PU. Durante o processo de expansão, as partes centrais alcançam temperaturas acima de 160 ºC e isso causa a descoloração e mudança das propriedades físicas da espuma. O agente antioxidante soluciona este problema removendo 10~30 ºC da temperatura das partes centrais.
  • 33. Tecnologia desenvolvida em defesa de fungos, ácaros e bactérias, para proteção das espumas que compõem colchões, travesseiros, calçados e palmilhas. Proporciona maior vida útil aos produtos e preserva a saúde dos usuários.
  • 34. É um promotor de suporte de carga desenvolvido para uso em espumas de poliéster flexíveis para aumentar a dureza em até 30%. Possui propriedades reativas que fazem a estrutura celular da espuma de PU mais forte, economizando o uso de copolímero na formulação.
  • 35. Linha completa de silicones, fundamental na emulsificação, nucleação e estabilização das espumas.
  • 36. Aditivo amaciante para aplicação em espumas onde há necessidade de baixo suporte de carga, alta resiliência e baixa deformação e fadiga. Acrescenta um toque aveludado e de conforto a espuma.
  • 37. Aditivo estabilizante versátil, utilizado em várias aplicações. Previne problemas de processo e estabilização para blocos cilíndricos e espumas críticas convencionais de média e baixa densidade. Proporciona excelentes propriedades de rasgamento e ruptura.
  • 38. Completa linha de pigmentos com diversas concentrações. Formulados especialmente para cada necessidade de cobertura.
  • 39.
  • 40. Agente de colagem para retalhos de espumas refaz blocos com densidades diversas. Possui excelente propriedade de adesão com baixa dosagem, economiza o custo de produção, reduz o tempo de desmolde e apresenta grande fluidez (sem caroços de cola).
  • 41. Adesivos de poliuretano mono e bi componentes utilizados para adesão de espumas rígidas com metais e PVC e metais com EPS. Destinados aos mercados de painéis para câmeras estacionárias e rodoviárias e para construção civil para telhas sanduíche em EPS.
  • 42.
  • 43.
  • 44.
  • 45. Conhecidas por possuírem excelentes propriedades de resiliência, fator conforto e durabilidade, as formulações podem abranger diversas densidades e sua principal aplicação é em almofadas e colchões, onde apresentam um rápido retorno após compressão.
  • 46. Amplamente utilizada no mercado automotivo e moveleiro, para fabricação de assentos de motocicletas, apoios de cabeça, brinquedos entre outros. Tem como característica principal sua moldabilidade, alta resiliência e resistência a compressão.
  • 47. Espuma de altíssima resiliência e fator de conforto que proporcionam um toque especial como camada de conforto em pillows de colchões de alto padrão.
  • 48.
  • 49. Sua principal característica é a baixa resiliência, ou seja, ela não responde a compressão sofrida, sua aparência é “morta”. Outro fator é a espuma dissipar o calor do corpo de uma forma mais eficiente, caracterizando-a como uma “espuma fria”. Suas principais aplicações são colchões, travesseiros, encostos de estofados e palmilhas de calçados.
  • 50.
  • 51. Espuma de alta tecnologia com o toque de uma espuma viscoelástica e o retorno de uma espuma látex. Automoldável e termossensível, é a mistura perfeita para quem deseja suavidade e maior conforto térmico. Muito utilizada na fabricação de mantas para colchões e camadas de toque.
  • 52.
  • 53. Tecnologia de espuma com excelente resiliênciae conforto. Segue o mesmo padrão de qualidadedas espumas a base de Látex. Utilizadas como camada de toque e suavidade em colchões de alto padrão.
  • 54. Espumas extremamente macias de baixíssimo suporte de carga e excelentes propriedades mecânicas. Usadas principalmente em travesseiros e na indústria moveleira em aplicações de camada de toque em colchões, estofamentos e almofadas.
  • 55.
  • 56. A característica principal destas espumas é o altíssimo suporte de carga. Destinam-se a aplicações onde há severos esforços no uso. Sua principal utilização é na indústria calçadista, em calçados esportivos. Na indústria moveleira são amplamente utilizadas nos assentos de móveis de uso público.
  • 57.
  • 58. Sistema aplicado em moldes para indústria automotiva e moveleira em produtos que imitam couro e materiais sintéticos, tais como: descansa braço, volantes, protetores de impacto, acessórios de motocicletas e ônibus.
  • 59. Espuma produzida em densidades e durezas variadas, possui como principal característica a absorção de impacto. Utilizada na parte interna de para-choques, capacetes, quebra sol de automóveis e tetos.
  • 60.
  • 61. Resultado da reação química de um poli-isocianato com um gás expansor, esse sistema formulado de poliuretano rígido é altamente utilizado na técnica da isolação térmica.Aplicado na indústria, construção civil, transporte, painéis frigoríficos e telhas térmicas.
  • 62. Nossa preocupação com o desenvolvimento de tecnologias sustentáveis faz com que busquemos cada vez mais soluções eco amigáveis. Prezamos pela utilização de matérias provenientes de fontes renováveis com soluções de menor potencial no aquecimento global.
  • 63.
  • 64. Sistema formulado de poliuretano rígido estrutural utilizado na injeção de peças técnicas de linhas automotivas, como para-choques, frisos laterais, peças que imitam madeira, tacos para calçados e artigos de decoração.
  • 65.
  • 66. Oferecemos aos nossos clientes treinamento teórico e prático na qualificação e aperfeiçoamento de profissionais da área ou pessoas envolvidas com poliuretanos.
  • 67. Oferecemos suporte a projetos de viabilidade a novos negócios, análise de mercado, viabilidade para aquisição de máquinas e equipamentos. PROJETOS
  • 68. Nosso Centro Técnico avalia e sugere aplicações dos produtos oferecidos pela Flexível, além de trabalhar no aperfeiçoamento de fórmulas já desenvolvidas.