SlideShare uma empresa Scribd logo
TEOLOGIA
SISTEMÁTICA
III
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
1
Angelologia
A Doutrina
Dos
Anjos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
2
Segunda Aula
O Que É Angelologia
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
3
 É o tratado acerca dos anjos.
 É o estudo sobre o que a Bíblia relata
acerca desses seres.
 Apesar de haver inúmeros registros na
páginas sagradas. A descrição sobre eles
é sucinta, isto é, bem poucas e breves
quanto à sua natureza, origem,
identidade e seus ofícios.
O Perigo Do Culto Aos Anjos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
4
 O estudo sobre antigas
civilizações tem revelado a
fascinação exercida sobre elas
por esses seres angelicais.
 “A nova era” (movimento que
mistura várias religiões,
filosofias e práticas místicas)
com seu sincretismo místico, tem
influenciado a atual geração,
através de publicações,
programas televisivos e filmes.
O Perigo Do Culto Aos Anjos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
5
 A Bíblia condena o culto aos anjos
(Cl 2:18 Ninguém vos domine a seu
bel-prazer com pretexto de
humildade e culto dos anjos,
envolvendo-se em coisas que não
viu; estando debalde inchado na sua
carnal compreensão
 Ap 22:8,9 E eu, João, sou aquele
que vi e ouvi estas coisas. E,
havendo-as ouvido e visto, prostrei-
me aos pés do anjo que mas
mostrava para o adorar.
E disse-me: Olha, não faças tal;
porque eu sou conservo (que é
servo) teu e de teus irmãos, os
profetas, e dos que guardam as
palavras deste livro. Adora a Deus
Apocalipse 22:8,9)
A Natureza Dos Anjos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
6
 Em Hebraico, a palavra “anjo” é “malakh”. No
grego é “aggelos”, significando, mensageiro,
embaixador.
 São criaturas: foram criados por Deus em um tempo
remoto.(Cl 1:16,17).
 “Porque nele foram criadas todas as coisas que há
nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos,
sejam dominações, sejam principados, sejam
potestades. Tudo foi criado por ele e para ele.
 E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas
subsistem por ele.” Colossenses 1:16,17
A Natureza Dos Anjos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
7
 Pelo relato da tentação no jardim do édem infere-se
que tenham sido criados bem antes da criação do
universo.
 Portanto o relato que Ezequiel faz sobre - ...”estiveste
no Édem jardim de Deus;...monte santo...pedras
afogueadas Ez 28:13,14, trata-se de um lugar no
mundo espiritual.
São Incorpóreos, que podem
se materializar
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
8
 Hb 1:14 - Não são todos eles espíritos ministradores,
enviados para servir a favor dos que hão de herdar a
salvação?
 “E tomou manteiga e leite, e a vitela que tinha
preparado, e pôs tudo diante deles, e ele estava em
pé junto a eles debaixo da árvore; e comeram.
“(Gn 18:8).
 “Ele, porém, demorava-se, e aqueles homens lhe
pegaram pela mão, e pela mão de sua mulher e de
suas duas filhas, sendo-lhe o Senhor
misericordioso, e tiraram-no, e puseram-no fora da
cidade.” (Gn 19:16)
São Imortais
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
9
 A eternidade do anjos como a do homem, se deve
ao fato de após serem criados sempre existirão.
 São eternos: Lc 20:35 - mas os que são julgados
dignos de alcançar o mundo vindouro, e a
ressurreição dentre os mortos, nem se casam nem
se dão em casamento; 36 porque já não podem
mais morrer; pois são iguais aos anjos, e são
filhos de Deus, sendo filhos da ressurreição.
São Numerosos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
10
 Sl 68:17 Os carros de Deus são
miríades, milhares de milhares. O
Senhor está no meio deles, como
em Sinai no santuário.
 Dn 7:10 Um rio de fogo manava e
saía de diante dele; milhares de
milhares o serviam, e miríades de
miríades assistiam diante dele.
Assentou-se para o juízo, e os livros
foram abertos.
 Ap 5:7 E olhei, e vi a voz de muitos
anjos ao redor do trono e dos seres
viventes e dos anciãos; e o número
deles era miríades de miríades e
milhares de milhares,
Possuem Personalidade E Inteligência
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
11
 Personalidade: Lc 1:19 Ao que lhe respondeu o anjo: Eu sou
Gabriel, que assisto diante de Deus, e fui enviado para te falar
e te dar estas boas novas;
 Emoção: Lc 15:10 Assim, digo-vos, há alegria na presença
dos anjos de Deus por um só pecador que se arrepende.
 Inteligência: II Sm 14:20 para mudar a feição do negócio é
que Joabe, teu servo, fez isso. Sábio, porém, é meu senhor,
conforme a sabedoria do anjo de Deus, para entender tudo o
que há na terra.
 Vontade própria: Is 14:14 subirei acima das alturas das
nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo.
Possuem Personalidade E Inteligência
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
12
 São obedientes e poderosos: Sl 103:20 Bendizei ao
Senhor, vós anjos seus, poderosos em força, que cumpris
as suas ordens, obedecendo à voz da sua palavra!
 São reverentes: Ne 9:6 Tu, só tu, és Senhor; tu fizeste o
céu e o céu dos céus, juntamente com todo o seu exército,
a terra e tudo quanto nela existe, os mares e tudo quanto
neles há, e tu os conservas a todos, e o exército do céu te
adora.
 São mansos: II Pd 2:11 enquanto que os anjos, embora
maiores em força e poder, não pronunciam contra eles
juízo blasfemo diante do Senhor.
As Categorias Dos Anjos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
13
 A Bíblia se refere a eles como:
 Principado, poder, potestade, domínios e tronos.
 Entende-se que estes são termos gerais quanto aos
níveis de autoridade, aplicáveis a anjos bons e maus.
 A bíblia menciona apenas quatro classes de seres
espirituais que servem a Deus:
Anjo.
•Arcanjo.
Querubim.
•Serafim.
Os Anjos (Gabriel)
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
14
 A Bíblia só nomeia um anjo “Gabriel” (sempre relacionado a
Israel, mensageiro que explica)
 E ouvi uma voz de homem entre as margens do Ulai, a qual
gritou, e disse: Gabriel, dá a entender a este a visão.
E veio perto de onde eu estava; e, vindo ele, me amedrontei, e
caí sobre o meu rosto; mas ele me disse: Entende, filho do
homem, porque esta visão acontecerá no fim do tempo.
Daniel 8:16,17
 Estando eu, digo, ainda falando na oração, o homem Gabriel,
que eu tinha visto na minha visão ao princípio, veio, voando
rapidamente, e tocou-me, à hora do sacrifício da tarde.
Ele me instruiu, e falou comigo, dizendo: Daniel, agora saí
para fazer-te entender o sentido
Daniel 9:21,22
Os Anjos (Gabriel)
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
15
 19 E, respondendo o anjo, disse-
lhe: Eu sou Gabriel, que assisto
diante de Deus, e fui enviado a
falar-te e dar-te estas alegres
novas.
 E, no sexto mês, foi o anjo
Gabriel enviado por Deus a uma
cidade da Galiléia, chamada
Nazaré,
A uma virgem desposada com
um homem, cujo nome era José,
da casa de Davi; e o nome da
virgem era Maria
Lucas 1:26,27
O Arcanjo (Miguel)
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
16
 (Dn 10:13,21) Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu
vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros
príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis
da Pérsia. Mas eu te declararei o que está registrado na
escritura da verdade; e ninguém há que me anime contra
aqueles, senão Miguel, vosso príncipe. (Israel)
 (Dn 12:1)E naquele tempo se levantará Miguel, o grande
príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo, e
haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde
que houve nação até àquele tempo; mas naquele tempo
livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito
no livro.
Arcanjo (Miguel)
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
17
 (Jd 9) Mas o arcanjo Miguel, quando contendia com
o diabo, e disputava a respeito do corpo de Moisés,
não ousou pronunciar juízo de maldição contra ele;
mas disse: O Senhor te repreenda.
 (Ap 12:7,8) E houve batalha no céu; Miguel e os seus
anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o
dragão e os seus anjos . Mas não prevaleceram, nem
mais o seu lugar se achou nos céus.
O Arcanjo
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
18
 A palavra arcanjo do grego “arkaggelos” significa
“anjo principal”.
 O prefixo “Arch”, que em grego significa principio
ou principal sugere “o anjo chefe” .
 Há só um arcanjo cujo nome é Miguel:
 Dn12:1 Naquele tempo se levantará Miguel, o
grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos
do teu povo; e haverá um tempo de tribulação,
qual nunca houve, desde que existiu nação até
aquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu
povo, todo aquele que for achado escrito no livro.
 Jd 1:9 Mas quando o arcanjo Miguel, discutindo
com o Diabo, disputava a respeito do corpo de
Moisés, não ousou pronunciar contra ele juízo de
maldição, mas disse: O Senhor te repreenda
Os Querubins (Guardas)
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
19
 Do hebraico “querub”, significando
– “guardar”, “cobrir”.
 Guardas: Gn 3:24 – “E havendo
lançado fora o homem, pôs
querubins ao oriente do jardim do
Éden, e uma espada inflamada que
andava ao redor, para guardar o
caminho da árvore da vida”
 Guardião da Arca da Aliança.
 (Ex 25:18 Farás também dois
querubins de ouro; de ouro batido
os farás, nas duas extremidades do
propiciatório ).
Os Querubins
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
20 Ezequiel 1:6,7,10 “E cada um tinha quatro
rostos, como também cada um deles quatro
asas. E os seus pés eram pés direitos; e as
plantas dos seus pés como a planta do pé de
uma bezerra, e luziam como a cor de cobre
polido. 10 E a semelhança dos seus rostos era
como o rosto de homem; e do lado direito
todos os quatro tinham rosto de leão, e do
lado esquerdo todos os quatro tinham rosto
de boi; e também tinham rosto de águia
todos os quatro.”
 Ezequiel 10:20,21 “Estes são os seres viventes
que vi debaixo do Deus de Israel, junto ao rio
Quebar, e conheci que eram querubins.
 Cada um tinha quatro rostos e cada um
quatro asas, e a semelhança de mãos de
homem debaixo das suas asas.
Os Serafins (louvam)
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
21
 Da raiz hebraica “saraph”, que quer dizer
“consumir com fogo”, significando “ardente”,
“flamejante” ou “nobre”.
(Is 6:2) Serafins estavam por cima dele; cada
um tinha seis asas; com duas cobriam os seus
rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com
duas voavam.”
Segundo o conceito hebraico, o Serafim não é
apenas “um ser que queima", mas
"que se consome " no amor do nosso DEUS
Altíssimo”
Anjos Das Nações
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
22
 Não é uma interpretação aceita pela teologia ortodoxa.
 A passagem de Dn 9; e 10, não deixa claro a posição
desses seres, que parecem-se mais com opositores.
 A única passagem clara a respeito, se encontra em Dn
10:21; 12:1, onde é mencionado o arcanjo Miguel como
responsável pela nação de Israel.
O Anjo Do Senhor
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
23
 Ele é representado como um ser celestial enviado por Deus
para tratar com os homens como seu agente pessoal e porta-
voz.
 É mencionado na Bíblia mais de cinquenta vezes só no AT.
 Na maioria delas é identificado como o próprio Deus,
entendido por nós como teofanias de Cristo. Algumas delas
são:
 Falando com Hagar – Gn 16:7; 21:17
 Com Abraão Gn 22:11-15
 Com Jacó Gn 31:11-13
 Com Moisés Ex 3:2
 Com Balaão Nm 22:22-36
 Com Josué Js 5:13-15
 Com Gideão Jz 6:11, e muitas passagens mais.
O Ministério dos Anjos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
24
 Além de adoradores, e colaboradores na
obra de Deus, a Bíblia nos mostra algumas
funções especificas deles.
 Executar a vontade de Deus em
favor dos santos:Hb 1:14 “Não são
todos eles espíritos ministradores,
enviados para servir a favor dos que hão
de herdar a salvação?”
 Conduzem-nos na hora da morte: Lc
16:232 “Veio a morrer o mendigo, e foi
levado pelos anjos para o seio de
Abraão;”.
 Ps: Não há nada na Bíblia sobre
santos dando ordens a anjos.
Anjos da guarda?
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
25
 Guardar: Sl 34:7 “O anjo do
Senhor acampa-se ao redor dos
que o temem, e os livra”. (não
entendemos como anjo da guarda
no sentido pessoal e individual,
mas uma ação de exército como
um todo, em todo o globo)
 “E, quando passaram a primeira e
segunda guarda, chegaram à porta
de ferro, que dá para a cidade, a
qual se lhes abriu por si mesma; e,
tendo saído, percorreram uma rua,
e logo o anjo se apartou dele.(at
12:10)
Satanás E Os Anjos Caídos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
26
 Os Nomes de Satanás:
Lúcifer: Termo latino para “Portador de Luz” ou “estrela da
manhã” (Is 14:12), era um querubim ungido, modelo de
perfeição, dentre os seres criados era o mais bonito. Era
cheio de sabedoria. Após a rebelião ele perdeu este nome.
Satanás: Significa “adversário”, aparece pela primeira vez
no AT em Nm 22:22 como designativo a um anjo de Deus.
Também é usado no AT tanto para homens como para o
demônio.
Serpente: Uma referência a Gn 3:1,14, mencionado em II
Co 11:3.
Satanás E Os Anjos Caídos
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
27
 Os Nomes de Satanás:
Belzebu: Termo que significa
“senhor das moscas” uma
referencia aos Deus filisteu de
Ecrom (II Rs 1:2).
Dragão: A antiga serpente,
refere-se à sua astúcia (Ap
12:3,9).
Tentador: Significa “provar,
testar” (Mt 4:3).
Enganador: Ef 6:11 “Revesti-
vos de toda a armadura de
Deus, para poderdes
permanecer firmes contra as
ciladas do Diabo;”.
A Origem De Satanás
28
 De acordo com Jó 38:7, antes da criação do
universo físico Deus já havia criado os seres
espirituais – “quando juntas cantavam as
estrelas da manhã, e todos os filhos de Deus
bradavam de júbilo?”. Este texto nos mostra
os anjos presente quando do ato da criação.
 Ezequiel 28:14,15, 18 “Tu eras querubim da
guarda ungido, e te estabeleci; permanecias
no monte santo de Deus, no brilho das pedras
andavas. Perfeito eras nos teus caminhos,
desde o dia em que foste criado até que se
achou iniquidade em ti. Pela multidão das
tuas iniquidades, pela injustiça do teu
comércio profanaste os teus santuários; eu,
pois, fiz sair do meio de ti um fogo, que te
consumiu e te tornei em cinza sobre a terra,
aos olhos de todos os que te vêem”
A Origem De Satanás
29
Isaías 14 : “Tu dizias no teu
coração: Eu subirei ao céu; acima
das estrelas de Deus exaltarei o
meu trono e no monte da
congregação me assentarei, nas
extremidades do Norte; subirei
acima das mais altas nuvens e
serei semelhante ao Altíssimo”
(vv. 13-14). Deus respondeu a tal
declaração da seguinte forma:
“Contudo, serás precipitado para
o reino dos mortos, no mais
profundo do abismo” (v. 15).
Queda de Satanás
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus
de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
30
 Após ter sido expulso do reino celestial. LUCIFER e
seus anjos (demônios), foram lançados para a terra
com violência. (Lc 10:18 Ap 12:12)
 Música Ivete Sangalo, “Sorte Grande”, prestando-lhe
homenagem.
 “... A minha sorte grande foi você cair do céu...”””
 “... É lindo o seu sorriso, o brilho dos teus olhos...”
 “... Meu Anjo-Querubim..””
 “... Levantou poeira...”
Quanto Ao Caráter de Satanás
31
 È presunçoso: Mt 4:9 “e disse-lhe: Tudo isto te darei, se,
prostrado, me adorares.”
 Orgulhoso: Ez 28:17 “Elevou-se o teu coração por causa da tua
formosura, corrompeste a tua sabedoria por causa do teu
resplendor; por terra te lancei; diante dos reis te pus, para que
te contemplem.”
 Poderoso: Lc 4:6 “E disse-lhe: Dar-te-ei toda a autoridade e
glória destes reinos, porque me foi entregue, e a dou a quem eu
quiser;”
 Maligno: II Ts 3:3 “Mas fiel é o Senhor, o qual vos confirmará e
guardará do maligno.”
 Astuto: II Co 11:3 “Mas temo que, assim como a serpente
enganou a Eva com a sua astúcia, assim também sejam de
alguma sorte corrompidos os vossos entendimentos e se
apartem da simplicidade e da pureza que há em Cristo.”
Suas Atividades São Restritas
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
32
 Devemos tomar o cuidado de não exagerarmos quanto aos
poderes de deste ser. Pois para aqueles que crêem em Cristo ele já
é um inimigo derrotado.
 Jo 16:11 “e do juízo, porque o príncipe deste mundo já está
julgado”.
 Jo 16:33 “Tenho-vos dito estas coisas, para que em mim tenhais
paz. No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu
venci o mundo.”
 I Jo 3:8 8 Quem comete o pecado é do diabo; porque o
diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se
manifestou: para desfazer as obras do diabo.
 I Jo 5:18 “Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não
vive pecando; antes o guarda aquele que nasceu de Deus, e o
Maligno não lhe toca.”
SATANÁS JÁ ESTÁ JULGADO
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus
de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
33
 E o diabo, que os
enganava, foi
lançado no lago de
fogo e enxofre,
onde estão a besta
e o falso profeta; e
de dia e de noite
serão
atormentados para
todo o sempre.
 Apocalipse 20:10
Satanás Somente Pode
34
 Tentar: Mt 4:1 “Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao
deserto, para ser tentado pelo Diabo.”
 Afligir: I Pd 2:20 “Porque, que glória será essa, se, pecando,
sois esbofeteados e sofreis? Mas se, fazendo o bem, sois afligidos
e o sofreis, isso é agradável a Deus.”
 A tentação em si não se constitui pecado:
 Tg 1:13-15 – “Ninguém, sendo tentado, diga: Sou tentado por Deus;
porque Deus não pode ser tentado pelo mal e ele a ninguém tenta. 14
Cada um, porém, é tentado, quando atraído e engodado pela sua
própria concupiscência; 15 então a concupiscência, havendo
concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a
morte.”
Conclusão
Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB
35
 Com tudo que aprendemos fica a
palavra de Deus como certeza de nossa
vitória.
 I Pd 5:8 “Sede sóbrios, vigiai. O vosso
adversário, o Diabo, anda em
derredor, rugindo como leão, e
procurando a quem possa tragar;”
 Sl 34:7 O anjo do Senhor acampa-se
ao redor dos que o temem, e os livra.
 Tg 4:7 “Sujeitai-vos, pois, a Deus;
mas resisti ao Diabo, e ele fugirá de
vós.”
FIM
Q U E S T I O N Á R I O
36
1) 2) 3) 4) 5) 6)
EPag. 22
CPag. 25
CPag. 27
CPag. 29
C
Pag. 41
CPag. 48
PAGUEM EM DIA
A SUA MENSALIDADE
SEMANA ABENÇOADA A TODOS.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução Bíblica
Viva a Igreja
 
Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01
Erivelton Rodrigues Nunes
 
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profetaLição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Sergio Silva
 
Os livros Apócrifos
Os livros ApócrifosOs livros Apócrifos
Os livros Apócrifos
Viva a Igreja
 
35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel35. O Profeta Joel
Soteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da SalvaçãoSoteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da Salvação
RODRIGO FERREIRA
 
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Márcio Martins
 
Angelologia (power point)
Angelologia (power point)Angelologia (power point)
Angelologia (power point)
Filipe Rodrigues
 
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
ESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOS
ESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOSESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOS
ESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOS
EVANGELISTA SOARES
 
Angeologia Aula Unica
Angeologia Aula UnicaAngeologia Aula Unica
Angeologia Aula Unica
neymattos
 
28. Introdução aos Profetas
28. Introdução aos Profetas28. Introdução aos Profetas
28. Introdução aos Profetas
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Lição 14 - O Milenio
Lição 14 - O MilenioLição 14 - O Milenio
Lição 14 - O Milenio
Sergio Silva
 
Bibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras Sagradas
Bibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras SagradasBibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras Sagradas
Bibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras Sagradas
Erivelton Rodrigues Nunes
 
29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
PROFETAS MENORES
 PROFETAS MENORES PROFETAS MENORES
PROFETAS MENORES
Miguel Aguilera
 
4. êxodo
4. êxodo4. êxodo
4. êxodo
mbrandao7
 
Lição 02 - Doutrina dos Anjos
Lição 02 - Doutrina dos AnjosLição 02 - Doutrina dos Anjos
Lição 02 - Doutrina dos Anjos
Coop. Fabio Silva
 
4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos
Igreja Presbiteriana de Dourados
 

Mais procurados (20)

Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução Bíblica
 
Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01Bibliologia - Introdução - Aula 01
Bibliologia - Introdução - Aula 01
 
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profetaLição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
 
Os livros Apócrifos
Os livros ApócrifosOs livros Apócrifos
Os livros Apócrifos
 
35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel
 
Soteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da SalvaçãoSoteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da Salvação
 
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
 
Angelologia (power point)
Angelologia (power point)Angelologia (power point)
Angelologia (power point)
 
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
 
ESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOS
ESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOSESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOS
ESCATOLOGIA: VISÃO GERAL PANORÂMICA FINAIS DOS TEMPOS
 
Angeologia Aula Unica
Angeologia Aula UnicaAngeologia Aula Unica
Angeologia Aula Unica
 
28. Introdução aos Profetas
28. Introdução aos Profetas28. Introdução aos Profetas
28. Introdução aos Profetas
 
Lição 14 - O Milenio
Lição 14 - O MilenioLição 14 - O Milenio
Lição 14 - O Milenio
 
Bibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras Sagradas
Bibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras SagradasBibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras Sagradas
Bibliologia - Inspiração - Cânon das Escrituras Sagradas
 
29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías
 
44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias
 
PROFETAS MENORES
 PROFETAS MENORES PROFETAS MENORES
PROFETAS MENORES
 
4. êxodo
4. êxodo4. êxodo
4. êxodo
 
Lição 02 - Doutrina dos Anjos
Lição 02 - Doutrina dos AnjosLição 02 - Doutrina dos Anjos
Lição 02 - Doutrina dos Anjos
 
4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos
 

Semelhante a Angeologia

A DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptx
A DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptxA DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptx
A DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptx
DassayevSilva
 
Doutrina Dos Anjos Modulo 2
Doutrina Dos Anjos Modulo 2Doutrina Dos Anjos Modulo 2
Doutrina Dos Anjos Modulo 2
fogotv
 
ANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptx
ANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptxANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptx
ANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptx
LucianoMachado52
 
Anjos e suas atividades
Anjos e suas atividadesAnjos e suas atividades
Anjos e suas atividades
Instituto Teológico Gamaliel
 
Estudo sobre anjos
Estudo sobre anjosEstudo sobre anjos
Estudo sobre anjos
JOSIAS MOURA DE MENEZES
 
O grande conflito e a Saúde
O grande conflito e a SaúdeO grande conflito e a Saúde
O grande conflito e a Saúde
Herbert de Carvalho
 
Estudo sobre anjos
Estudo sobre anjosEstudo sobre anjos
Estudo sobre anjos
Instituto Teológico Gamaliel
 
Angelologia - INCITH.pptx
Angelologia - INCITH.pptxAngelologia - INCITH.pptx
Angelologia - INCITH.pptx
CarlosAzevedo109
 
Angelologia,satanologia,demonologia
Angelologia,satanologia,demonologiaAngelologia,satanologia,demonologia
Angelologia,satanologia,demonologia
Instituto Teológico Gamaliel
 
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - AngelologiaDoutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
Roberto Trindade
 
Anjo da guarda
Anjo da guardaAnjo da guarda
Anjo da guarda
Pastor Robson Colaço
 
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo EspiritualLição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Hamilton Souza
 
Apostila doutrina dos anjos
Apostila  doutrina dos anjosApostila  doutrina dos anjos
Apostila doutrina dos anjos
Antonio Rodrigues
 
Anjo da guarda
Anjo da guardaAnjo da guarda
Anjo da guarda
lucena
 
Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1
Hezir Henrique
 
A Origem do Mal.pptx
A Origem do Mal.pptxA Origem do Mal.pptx
A Origem do Mal.pptx
GlaucembergNovacosqu1
 
A doutrina bíblica dos anjos
A doutrina bíblica dos anjosA doutrina bíblica dos anjos
A doutrina bíblica dos anjos
Wellington L. Silva
 
02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias
Sueine Alves Alves
 
02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias
Sueine Alves Alves
 
02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias
Sueine Alves Alves
 

Semelhante a Angeologia (20)

A DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptx
A DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptxA DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptx
A DOUTRINA DOS ANJOS-CETADEB.pptx
 
Doutrina Dos Anjos Modulo 2
Doutrina Dos Anjos Modulo 2Doutrina Dos Anjos Modulo 2
Doutrina Dos Anjos Modulo 2
 
ANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptx
ANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptxANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptx
ANGEOLOGIA DEMONOLOGIA SATANOLOGIA.pptx
 
Anjos e suas atividades
Anjos e suas atividadesAnjos e suas atividades
Anjos e suas atividades
 
Estudo sobre anjos
Estudo sobre anjosEstudo sobre anjos
Estudo sobre anjos
 
O grande conflito e a Saúde
O grande conflito e a SaúdeO grande conflito e a Saúde
O grande conflito e a Saúde
 
Estudo sobre anjos
Estudo sobre anjosEstudo sobre anjos
Estudo sobre anjos
 
Angelologia - INCITH.pptx
Angelologia - INCITH.pptxAngelologia - INCITH.pptx
Angelologia - INCITH.pptx
 
Angelologia,satanologia,demonologia
Angelologia,satanologia,demonologiaAngelologia,satanologia,demonologia
Angelologia,satanologia,demonologia
 
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - AngelologiaDoutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
 
Anjo da guarda
Anjo da guardaAnjo da guarda
Anjo da guarda
 
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo EspiritualLição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
 
Apostila doutrina dos anjos
Apostila  doutrina dos anjosApostila  doutrina dos anjos
Apostila doutrina dos anjos
 
Anjo da guarda
Anjo da guardaAnjo da guarda
Anjo da guarda
 
Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1
 
A Origem do Mal.pptx
A Origem do Mal.pptxA Origem do Mal.pptx
A Origem do Mal.pptx
 
A doutrina bíblica dos anjos
A doutrina bíblica dos anjosA doutrina bíblica dos anjos
A doutrina bíblica dos anjos
 
02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias
 
02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias
 
02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias02=os símbolos das profecias
02=os símbolos das profecias
 

Mais de RODRIGO FERREIRA

AP 4 - O TRONO NO CÉU.pptx
AP 4 - O TRONO NO CÉU.pptxAP 4 - O TRONO NO CÉU.pptx
AP 4 - O TRONO NO CÉU.pptx
RODRIGO FERREIRA
 
APOCALIPSE 2.pptx
APOCALIPSE 2.pptxAPOCALIPSE 2.pptx
APOCALIPSE 2.pptx
RODRIGO FERREIRA
 
APOCALIPSE 1.pptx
APOCALIPSE 1.pptxAPOCALIPSE 1.pptx
APOCALIPSE 1.pptx
RODRIGO FERREIRA
 
BÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptx
BÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptxBÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptx
BÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptx
RODRIGO FERREIRA
 
21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO
21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO
21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO
RODRIGO FERREIRA
 
20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM
20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM
20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM
RODRIGO FERREIRA
 
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
RODRIGO FERREIRA
 
As Sete Trombetas
As Sete TrombetasAs Sete Trombetas
As Sete Trombetas
RODRIGO FERREIRA
 
Apocalipse 12 - A Mulher e o Dragão
Apocalipse 12 - A Mulher e o DragãoApocalipse 12 - A Mulher e o Dragão
Apocalipse 12 - A Mulher e o Dragão
RODRIGO FERREIRA
 
A Quebra da Aliança de Israel com o Anticristo
A Quebra da Aliança de Israel com o AnticristoA Quebra da Aliança de Israel com o Anticristo
A Quebra da Aliança de Israel com o Anticristo
RODRIGO FERREIRA
 
14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?
14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?
14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?
RODRIGO FERREIRA
 
15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS
15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS
15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS
RODRIGO FERREIRA
 
13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL
13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL
13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL
RODRIGO FERREIRA
 
6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus
6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus
6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus
RODRIGO FERREIRA
 
8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse
8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse
8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse
RODRIGO FERREIRA
 
3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado
3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado
3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado
RODRIGO FERREIRA
 
4ª Aula - O Tribunal de Cristo
4ª Aula - O Tribunal de Cristo4ª Aula - O Tribunal de Cristo
4ª Aula - O Tribunal de Cristo
RODRIGO FERREIRA
 
5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...
5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...
5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...
RODRIGO FERREIRA
 
9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar
9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar
9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar
RODRIGO FERREIRA
 
7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse
7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse
7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse
RODRIGO FERREIRA
 

Mais de RODRIGO FERREIRA (20)

AP 4 - O TRONO NO CÉU.pptx
AP 4 - O TRONO NO CÉU.pptxAP 4 - O TRONO NO CÉU.pptx
AP 4 - O TRONO NO CÉU.pptx
 
APOCALIPSE 2.pptx
APOCALIPSE 2.pptxAPOCALIPSE 2.pptx
APOCALIPSE 2.pptx
 
APOCALIPSE 1.pptx
APOCALIPSE 1.pptxAPOCALIPSE 1.pptx
APOCALIPSE 1.pptx
 
BÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptx
BÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptxBÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptx
BÍBLIA PALAVRA VIVA E EFICAZ(1).pptx
 
21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO
21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO
21º AUA - A PREPARAÇÃO PARA O MILÊNIO
 
20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM
20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM
20º AULA - A BATALHA DO ARMAGEDOM
 
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
 
As Sete Trombetas
As Sete TrombetasAs Sete Trombetas
As Sete Trombetas
 
Apocalipse 12 - A Mulher e o Dragão
Apocalipse 12 - A Mulher e o DragãoApocalipse 12 - A Mulher e o Dragão
Apocalipse 12 - A Mulher e o Dragão
 
A Quebra da Aliança de Israel com o Anticristo
A Quebra da Aliança de Israel com o AnticristoA Quebra da Aliança de Israel com o Anticristo
A Quebra da Aliança de Israel com o Anticristo
 
14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?
14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?
14ª AULA - QUEM É A GRANDE MERETRIZ MONTADA NA BESTA?
 
15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS
15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS
15ª AULA - O CONSELHO MUNDIAL DE IGREJAS
 
13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL
13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL
13ª AULA - OS 144 MIL SELADOS DE ISRAEL
 
6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus
6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus
6ª Aula - Os Sinais da Volta de Jesus
 
8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse
8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse
8ª Aula - A Estátua e os Animais de Daniel e Apocalipse
 
3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado
3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado
3ª Aula - A Transformação do nosso Corpo em corpo Glorificado
 
4ª Aula - O Tribunal de Cristo
4ª Aula - O Tribunal de Cristo4ª Aula - O Tribunal de Cristo
4ª Aula - O Tribunal de Cristo
 
5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...
5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...
5ª Aula - As Bodas do Cordeiro - Arrebatamento, Tribunal de Cristo, As Bodas ...
 
9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar
9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar
9ª Aula - O Surgimento do Anticristo - A Besta que emerge do Mar
 
7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse
7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse
7ª Aula - Os Sete Selos do Apocalipse
 

Último

11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 

Último (14)

11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 

Angeologia

  • 1. TEOLOGIA SISTEMÁTICA III Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 1
  • 2. Angelologia A Doutrina Dos Anjos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 2 Segunda Aula
  • 3. O Que É Angelologia Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 3  É o tratado acerca dos anjos.  É o estudo sobre o que a Bíblia relata acerca desses seres.  Apesar de haver inúmeros registros na páginas sagradas. A descrição sobre eles é sucinta, isto é, bem poucas e breves quanto à sua natureza, origem, identidade e seus ofícios.
  • 4. O Perigo Do Culto Aos Anjos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 4  O estudo sobre antigas civilizações tem revelado a fascinação exercida sobre elas por esses seres angelicais.  “A nova era” (movimento que mistura várias religiões, filosofias e práticas místicas) com seu sincretismo místico, tem influenciado a atual geração, através de publicações, programas televisivos e filmes.
  • 5. O Perigo Do Culto Aos Anjos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 5  A Bíblia condena o culto aos anjos (Cl 2:18 Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão  Ap 22:8,9 E eu, João, sou aquele que vi e ouvi estas coisas. E, havendo-as ouvido e visto, prostrei- me aos pés do anjo que mas mostrava para o adorar. E disse-me: Olha, não faças tal; porque eu sou conservo (que é servo) teu e de teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora a Deus Apocalipse 22:8,9)
  • 6. A Natureza Dos Anjos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 6  Em Hebraico, a palavra “anjo” é “malakh”. No grego é “aggelos”, significando, mensageiro, embaixador.  São criaturas: foram criados por Deus em um tempo remoto.(Cl 1:16,17).  “Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele.  E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele.” Colossenses 1:16,17
  • 7. A Natureza Dos Anjos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 7  Pelo relato da tentação no jardim do édem infere-se que tenham sido criados bem antes da criação do universo.  Portanto o relato que Ezequiel faz sobre - ...”estiveste no Édem jardim de Deus;...monte santo...pedras afogueadas Ez 28:13,14, trata-se de um lugar no mundo espiritual.
  • 8. São Incorpóreos, que podem se materializar Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 8  Hb 1:14 - Não são todos eles espíritos ministradores, enviados para servir a favor dos que hão de herdar a salvação?  “E tomou manteiga e leite, e a vitela que tinha preparado, e pôs tudo diante deles, e ele estava em pé junto a eles debaixo da árvore; e comeram. “(Gn 18:8).  “Ele, porém, demorava-se, e aqueles homens lhe pegaram pela mão, e pela mão de sua mulher e de suas duas filhas, sendo-lhe o Senhor misericordioso, e tiraram-no, e puseram-no fora da cidade.” (Gn 19:16)
  • 9. São Imortais Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 9  A eternidade do anjos como a do homem, se deve ao fato de após serem criados sempre existirão.  São eternos: Lc 20:35 - mas os que são julgados dignos de alcançar o mundo vindouro, e a ressurreição dentre os mortos, nem se casam nem se dão em casamento; 36 porque já não podem mais morrer; pois são iguais aos anjos, e são filhos de Deus, sendo filhos da ressurreição.
  • 10. São Numerosos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 10  Sl 68:17 Os carros de Deus são miríades, milhares de milhares. O Senhor está no meio deles, como em Sinai no santuário.  Dn 7:10 Um rio de fogo manava e saía de diante dele; milhares de milhares o serviam, e miríades de miríades assistiam diante dele. Assentou-se para o juízo, e os livros foram abertos.  Ap 5:7 E olhei, e vi a voz de muitos anjos ao redor do trono e dos seres viventes e dos anciãos; e o número deles era miríades de miríades e milhares de milhares,
  • 11. Possuem Personalidade E Inteligência Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 11  Personalidade: Lc 1:19 Ao que lhe respondeu o anjo: Eu sou Gabriel, que assisto diante de Deus, e fui enviado para te falar e te dar estas boas novas;  Emoção: Lc 15:10 Assim, digo-vos, há alegria na presença dos anjos de Deus por um só pecador que se arrepende.  Inteligência: II Sm 14:20 para mudar a feição do negócio é que Joabe, teu servo, fez isso. Sábio, porém, é meu senhor, conforme a sabedoria do anjo de Deus, para entender tudo o que há na terra.  Vontade própria: Is 14:14 subirei acima das alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo.
  • 12. Possuem Personalidade E Inteligência Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 12  São obedientes e poderosos: Sl 103:20 Bendizei ao Senhor, vós anjos seus, poderosos em força, que cumpris as suas ordens, obedecendo à voz da sua palavra!  São reverentes: Ne 9:6 Tu, só tu, és Senhor; tu fizeste o céu e o céu dos céus, juntamente com todo o seu exército, a terra e tudo quanto nela existe, os mares e tudo quanto neles há, e tu os conservas a todos, e o exército do céu te adora.  São mansos: II Pd 2:11 enquanto que os anjos, embora maiores em força e poder, não pronunciam contra eles juízo blasfemo diante do Senhor.
  • 13. As Categorias Dos Anjos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 13  A Bíblia se refere a eles como:  Principado, poder, potestade, domínios e tronos.  Entende-se que estes são termos gerais quanto aos níveis de autoridade, aplicáveis a anjos bons e maus.  A bíblia menciona apenas quatro classes de seres espirituais que servem a Deus: Anjo. •Arcanjo. Querubim. •Serafim.
  • 14. Os Anjos (Gabriel) Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 14  A Bíblia só nomeia um anjo “Gabriel” (sempre relacionado a Israel, mensageiro que explica)  E ouvi uma voz de homem entre as margens do Ulai, a qual gritou, e disse: Gabriel, dá a entender a este a visão. E veio perto de onde eu estava; e, vindo ele, me amedrontei, e caí sobre o meu rosto; mas ele me disse: Entende, filho do homem, porque esta visão acontecerá no fim do tempo. Daniel 8:16,17  Estando eu, digo, ainda falando na oração, o homem Gabriel, que eu tinha visto na minha visão ao princípio, veio, voando rapidamente, e tocou-me, à hora do sacrifício da tarde. Ele me instruiu, e falou comigo, dizendo: Daniel, agora saí para fazer-te entender o sentido Daniel 9:21,22
  • 15. Os Anjos (Gabriel) Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 15  19 E, respondendo o anjo, disse- lhe: Eu sou Gabriel, que assisto diante de Deus, e fui enviado a falar-te e dar-te estas alegres novas.  E, no sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, A uma virgem desposada com um homem, cujo nome era José, da casa de Davi; e o nome da virgem era Maria Lucas 1:26,27
  • 16. O Arcanjo (Miguel) Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 16  (Dn 10:13,21) Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis da Pérsia. Mas eu te declararei o que está registrado na escritura da verdade; e ninguém há que me anime contra aqueles, senão Miguel, vosso príncipe. (Israel)  (Dn 12:1)E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.
  • 17. Arcanjo (Miguel) Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 17  (Jd 9) Mas o arcanjo Miguel, quando contendia com o diabo, e disputava a respeito do corpo de Moisés, não ousou pronunciar juízo de maldição contra ele; mas disse: O Senhor te repreenda.  (Ap 12:7,8) E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos . Mas não prevaleceram, nem mais o seu lugar se achou nos céus.
  • 18. O Arcanjo Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 18  A palavra arcanjo do grego “arkaggelos” significa “anjo principal”.  O prefixo “Arch”, que em grego significa principio ou principal sugere “o anjo chefe” .  Há só um arcanjo cujo nome é Miguel:  Dn12:1 Naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo; e haverá um tempo de tribulação, qual nunca houve, desde que existiu nação até aquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.  Jd 1:9 Mas quando o arcanjo Miguel, discutindo com o Diabo, disputava a respeito do corpo de Moisés, não ousou pronunciar contra ele juízo de maldição, mas disse: O Senhor te repreenda
  • 19. Os Querubins (Guardas) Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 19  Do hebraico “querub”, significando – “guardar”, “cobrir”.  Guardas: Gn 3:24 – “E havendo lançado fora o homem, pôs querubins ao oriente do jardim do Éden, e uma espada inflamada que andava ao redor, para guardar o caminho da árvore da vida”  Guardião da Arca da Aliança.  (Ex 25:18 Farás também dois querubins de ouro; de ouro batido os farás, nas duas extremidades do propiciatório ).
  • 20. Os Querubins Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 20 Ezequiel 1:6,7,10 “E cada um tinha quatro rostos, como também cada um deles quatro asas. E os seus pés eram pés direitos; e as plantas dos seus pés como a planta do pé de uma bezerra, e luziam como a cor de cobre polido. 10 E a semelhança dos seus rostos era como o rosto de homem; e do lado direito todos os quatro tinham rosto de leão, e do lado esquerdo todos os quatro tinham rosto de boi; e também tinham rosto de águia todos os quatro.”  Ezequiel 10:20,21 “Estes são os seres viventes que vi debaixo do Deus de Israel, junto ao rio Quebar, e conheci que eram querubins.  Cada um tinha quatro rostos e cada um quatro asas, e a semelhança de mãos de homem debaixo das suas asas.
  • 21. Os Serafins (louvam) Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 21  Da raiz hebraica “saraph”, que quer dizer “consumir com fogo”, significando “ardente”, “flamejante” ou “nobre”. (Is 6:2) Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas voavam.” Segundo o conceito hebraico, o Serafim não é apenas “um ser que queima", mas "que se consome " no amor do nosso DEUS Altíssimo”
  • 22. Anjos Das Nações Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 22  Não é uma interpretação aceita pela teologia ortodoxa.  A passagem de Dn 9; e 10, não deixa claro a posição desses seres, que parecem-se mais com opositores.  A única passagem clara a respeito, se encontra em Dn 10:21; 12:1, onde é mencionado o arcanjo Miguel como responsável pela nação de Israel.
  • 23. O Anjo Do Senhor Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 23  Ele é representado como um ser celestial enviado por Deus para tratar com os homens como seu agente pessoal e porta- voz.  É mencionado na Bíblia mais de cinquenta vezes só no AT.  Na maioria delas é identificado como o próprio Deus, entendido por nós como teofanias de Cristo. Algumas delas são:  Falando com Hagar – Gn 16:7; 21:17  Com Abraão Gn 22:11-15  Com Jacó Gn 31:11-13  Com Moisés Ex 3:2  Com Balaão Nm 22:22-36  Com Josué Js 5:13-15  Com Gideão Jz 6:11, e muitas passagens mais.
  • 24. O Ministério dos Anjos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 24  Além de adoradores, e colaboradores na obra de Deus, a Bíblia nos mostra algumas funções especificas deles.  Executar a vontade de Deus em favor dos santos:Hb 1:14 “Não são todos eles espíritos ministradores, enviados para servir a favor dos que hão de herdar a salvação?”  Conduzem-nos na hora da morte: Lc 16:232 “Veio a morrer o mendigo, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão;”.  Ps: Não há nada na Bíblia sobre santos dando ordens a anjos.
  • 25. Anjos da guarda? Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 25  Guardar: Sl 34:7 “O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra”. (não entendemos como anjo da guarda no sentido pessoal e individual, mas uma ação de exército como um todo, em todo o globo)  “E, quando passaram a primeira e segunda guarda, chegaram à porta de ferro, que dá para a cidade, a qual se lhes abriu por si mesma; e, tendo saído, percorreram uma rua, e logo o anjo se apartou dele.(at 12:10)
  • 26. Satanás E Os Anjos Caídos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 26  Os Nomes de Satanás: Lúcifer: Termo latino para “Portador de Luz” ou “estrela da manhã” (Is 14:12), era um querubim ungido, modelo de perfeição, dentre os seres criados era o mais bonito. Era cheio de sabedoria. Após a rebelião ele perdeu este nome. Satanás: Significa “adversário”, aparece pela primeira vez no AT em Nm 22:22 como designativo a um anjo de Deus. Também é usado no AT tanto para homens como para o demônio. Serpente: Uma referência a Gn 3:1,14, mencionado em II Co 11:3.
  • 27. Satanás E Os Anjos Caídos Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 27  Os Nomes de Satanás: Belzebu: Termo que significa “senhor das moscas” uma referencia aos Deus filisteu de Ecrom (II Rs 1:2). Dragão: A antiga serpente, refere-se à sua astúcia (Ap 12:3,9). Tentador: Significa “provar, testar” (Mt 4:3). Enganador: Ef 6:11 “Revesti- vos de toda a armadura de Deus, para poderdes permanecer firmes contra as ciladas do Diabo;”.
  • 28. A Origem De Satanás 28  De acordo com Jó 38:7, antes da criação do universo físico Deus já havia criado os seres espirituais – “quando juntas cantavam as estrelas da manhã, e todos os filhos de Deus bradavam de júbilo?”. Este texto nos mostra os anjos presente quando do ato da criação.  Ezequiel 28:14,15, 18 “Tu eras querubim da guarda ungido, e te estabeleci; permanecias no monte santo de Deus, no brilho das pedras andavas. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado até que se achou iniquidade em ti. Pela multidão das tuas iniquidades, pela injustiça do teu comércio profanaste os teus santuários; eu, pois, fiz sair do meio de ti um fogo, que te consumiu e te tornei em cinza sobre a terra, aos olhos de todos os que te vêem”
  • 29. A Origem De Satanás 29 Isaías 14 : “Tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu; acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono e no monte da congregação me assentarei, nas extremidades do Norte; subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo” (vv. 13-14). Deus respondeu a tal declaração da seguinte forma: “Contudo, serás precipitado para o reino dos mortos, no mais profundo do abismo” (v. 15).
  • 30. Queda de Satanás Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 30  Após ter sido expulso do reino celestial. LUCIFER e seus anjos (demônios), foram lançados para a terra com violência. (Lc 10:18 Ap 12:12)  Música Ivete Sangalo, “Sorte Grande”, prestando-lhe homenagem.  “... A minha sorte grande foi você cair do céu...”””  “... É lindo o seu sorriso, o brilho dos teus olhos...”  “... Meu Anjo-Querubim..””  “... Levantou poeira...”
  • 31. Quanto Ao Caráter de Satanás 31  È presunçoso: Mt 4:9 “e disse-lhe: Tudo isto te darei, se, prostrado, me adorares.”  Orgulhoso: Ez 28:17 “Elevou-se o teu coração por causa da tua formosura, corrompeste a tua sabedoria por causa do teu resplendor; por terra te lancei; diante dos reis te pus, para que te contemplem.”  Poderoso: Lc 4:6 “E disse-lhe: Dar-te-ei toda a autoridade e glória destes reinos, porque me foi entregue, e a dou a quem eu quiser;”  Maligno: II Ts 3:3 “Mas fiel é o Senhor, o qual vos confirmará e guardará do maligno.”  Astuto: II Co 11:3 “Mas temo que, assim como a serpente enganou a Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos entendimentos e se apartem da simplicidade e da pureza que há em Cristo.”
  • 32. Suas Atividades São Restritas Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 32  Devemos tomar o cuidado de não exagerarmos quanto aos poderes de deste ser. Pois para aqueles que crêem em Cristo ele já é um inimigo derrotado.  Jo 16:11 “e do juízo, porque o príncipe deste mundo já está julgado”.  Jo 16:33 “Tenho-vos dito estas coisas, para que em mim tenhais paz. No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.”  I Jo 3:8 8 Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo.  I Jo 5:18 “Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive pecando; antes o guarda aquele que nasceu de Deus, e o Maligno não lhe toca.”
  • 33. SATANÁS JÁ ESTÁ JULGADO Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 33  E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde estão a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre.  Apocalipse 20:10
  • 34. Satanás Somente Pode 34  Tentar: Mt 4:1 “Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo Diabo.”  Afligir: I Pd 2:20 “Porque, que glória será essa, se, pecando, sois esbofeteados e sofreis? Mas se, fazendo o bem, sois afligidos e o sofreis, isso é agradável a Deus.”  A tentação em si não se constitui pecado:  Tg 1:13-15 – “Ninguém, sendo tentado, diga: Sou tentado por Deus; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e ele a ninguém tenta. 14 Cada um, porém, é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência; 15 então a concupiscência, havendo concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte.”
  • 35. Conclusão Departamento de Teologia da Assembléia de Deus de Caçapava-SP - Curso Básico CETADEB 35  Com tudo que aprendemos fica a palavra de Deus como certeza de nossa vitória.  I Pd 5:8 “Sede sóbrios, vigiai. O vosso adversário, o Diabo, anda em derredor, rugindo como leão, e procurando a quem possa tragar;”  Sl 34:7 O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra.  Tg 4:7 “Sujeitai-vos, pois, a Deus; mas resisti ao Diabo, e ele fugirá de vós.” FIM
  • 36. Q U E S T I O N Á R I O 36 1) 2) 3) 4) 5) 6) EPag. 22 CPag. 25 CPag. 27 CPag. 29 C Pag. 41 CPag. 48 PAGUEM EM DIA A SUA MENSALIDADE SEMANA ABENÇOADA A TODOS.