SlideShare uma empresa Scribd logo
Como Experimentar
um Avivamento Pessoal
A. W. Tozer
Eu já disse, noutra ocasião, que qualquer
cristão que desejar, pode com certeza
experimentar um radical renascimento
espiritual, e isso inteiramente à parte da
atitude dos seus companheiros cristãos. A
principal questão é: Como? Bem, eis aqui
algumas sugestões que qualquer um pode
seguir e que, estou convencido, resultarão
numa vida cristã tremendamente aperfei-
çoada.
1. Sinta-se completamente insatisfeito consigo mesmo.
A complacência é o inimigo mortal do desen-
volvimento espiritual. Alma satisfeita é alma
estagnada. Ao falar de bens terrestres, Paulo
podia dizer “Aprendi... a estar contente”; mas
quando se referia a sua vida espiritual,
testificou “Prossigo para o alvo”. Avive o
dom de Deus que está em você.
2. Decida-se vigorosamente por uma radical
transformação de sua vida.
Tímidos fazedores de experiências estão
fadados ao insucesso antes mesmo de
começar. Temos de pôr toda a nossa alma
em nosso desejo por Deus. “O reino dos
céus é tomado por esforço, e os que se
esforçam se apoderam dele.”
3. Coloque-se no caminho da bênção.
É um erro esperar que a graça nos visite
como uma espécie de mágica benigna, ou
esperar que a ajuda de Deus venha como
sorte inesperada, à parte das condições já
conhecidas e recebidas. Há caminhos
claramente estabelecidos que levam dire-
tamente aos verdes pastos; andemos neles.
Desejar avivamento, por exemplo, e ao
mesmo tempo negligenciar oração e devoção
é desejar um caminho e andar noutro.
4. Faça um cuidadoso trabalho de arrependimento.
Não se apresse com este assunto. Um
apressado arrependimento significa rasa
experiência espiritual e deficiência de
convicção na vida toda. Deixe a tristeza
segundo Deus fazer seu trabalho de cura.
Nunca desenvolveremos o temor do mal, até
que deixemos a consciência do pecado nos
ferir. É nosso desprezível hábito de tolerar
pecado que nos mantém nessa condição de
meio-mortos.
5. Faça restituição onde quer que seja possível.
Se você tem alguma dívida, pague-a, ou no
mínimo tenha uma conversa franca com seu
credor a respeito das suas intenções de pagá-
la, de forma que sua honestidade esteja acima
de qualquer questão. Se você se desentendeu
com alguém, vá o mais rápido que puder e se
esforce para reconciliar-se. Tanto quanto for
possível endireite o que está torto.
6. Ajuste a sua vida ao Sermão do Monte e a outros
tantos textos do Novo Testamento destinados a nos
instruir no caminho da justiça.
Um homem honesto com a Bíblia aberta,
um bloco de anotações e um lápis, com
certeza descobrirá bem rápído o que está
errado consigo mesmo. Recomendo que esse
auto-exame seja feito de joelhos, levantando-
se para obedecer aos mandamentos de Deus
assim que nos forem revelados pela Palavra.
Não há nada romântico nem colorido nessa
forma simples de tratar consigo mesmo sem
rodeios, mas isso dá resultado. Os homens de
Isaque não pareciam figuras heróicas
enquanto cavavam no vale, mas conseguiram
abrir os poços, e era a isso que se tinham
proposto.
7. Tenha intenções sérias.
Você bem pode arcar com a decisão de ver
menos programas humorísticos na TV. A
menos que você se afaste dos engraçadinhos
desses programas, todo e qualquer senti-
mento espiritual será vão para o seu coração
e vai se perder bem ali, na sua sala de
televisão. As pessoas mundanas costumam ir
ao cinema para evitar ter de pensar
seriamente a respeito de Deus e da religião.
Você não vai com eles ali, mas agora você
tem comunhão espiritual com eles em sua
própria casa.
Você está aceitando os ideais do diabo, os
padrões morais dele, e as atitudes mentais
dele, sem que você se dê conta disso. Você se
admira porque não progride na vida cristã. É
que seu clima interior não é propício para o
crescimento das graças espirituais. Ou você
provoca uma radical mudança em seus há-
bitos ou não haverá nenhum desenvol-
vimento permanente na vida interior.
8. De forma deliberada, reduza seus interesses.
O pau-pra-toda-obra não é mestre em nada.
A vida cristã requer que sejamos especialistas.
Projetos demais consomem tempo e energia
sem resultar em aproximação de Deus. Se
você reduzir seus interesses, Deus enlargue-
cerá seu coração.
“Somente Jesus” é, para o homem não-
convertido, um slogan de morte. Mas um
gran-de grupo de alegres homens e mulheres
podem dar testemunho de que essa atitude
tornou-se para eles um caminho para um
mundo infinita-mente mais amplo e rico do
que qualquer outra coisa que tenham
conhecido antes.
Cristo é a essência de toda sabedoria, beleza e
virtude. Conhecê-lo em crescente intimidade
é crescer na apreciação de tudo o que é bom
e belo. As mansões do coração se tornarão
mais espaçosas quando suas portas se
abrirem para Cristo e se fecharem para o
mundo e para o pecado. Experimente.
9. Comece a testemunhar.
Descubra alguma coisa para fazer para Deus
e para os seus semelhantes. Não fique à toa.
Coloque-se à disposição de seu pastor e faça
qualquer coisa que lhe for solicitada. Não
procure lugar de liderança. Aprenda a
obedecer. Tome o lugar mais simples até a
hora de Deus ver que você pode ser
colocado num lugar mais alto. Endosse seus
novos propósitos com seu dinheiro e seus
dons, quaisquer que sejam eles.
10. Tenha fé em Deus.
Comece a ter uma atitude de expectativa.
Erga os olhos para o trono, onde está
assentado o seu Advogado, à mão direita de
Deus. O céu inteiro está ao seu lado. Deus
não vai desapontar você.
Se você seguir estas sugestões, com certeza
vai experimentar um avivamento em seu
coração. E quem pode dizer até onde ele vai
se estender? Deus conhece a desesperada
necessidade que a igreja tem de uma res-
surreição espiritual. E ela só pode surgir
através de indivíduos reavivados.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A vida que vence
A vida que venceA vida que vence
Deus é soberano
Deus é soberanoDeus é soberano
Deus é soberano
Paula Garcia
 
Vencendo as tentações.ppsx
Vencendo as  tentações.ppsxVencendo as  tentações.ppsx
Vencendo as tentações.ppsx
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Pai nosso 3 - Tema 25/05/12
Pai nosso 3 - Tema 25/05/12Pai nosso 3 - Tema 25/05/12
Pai nosso 3 - Tema 25/05/12
EBJ IPBCP
 
5a. atitude: Confie em Deus.
5a. atitude: Confie em Deus.5a. atitude: Confie em Deus.
5a. atitude: Confie em Deus.
Viva a Igreja
 
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Aos pes do_mestre_alcione
Aos pes do_mestre_alcioneAos pes do_mestre_alcione
Aos pes do_mestre_alcione
Flavio Fernandes
 
O FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUS
O FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUSO FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUS
O FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUS
megaedvania
 
01 apostila parte02
01 apostila parte0201 apostila parte02
VOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOM
VOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOMVOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOM
VOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOM
Deonice E Orlando Sazonov
 
6 chaves de poder
6 chaves de poder6 chaves de poder
6 chaves de poder
Giovani Luiz Zimmermann Jr.
 
é Permitido Repreender Os Outros
é Permitido Repreender Os Outrosé Permitido Repreender Os Outros
é Permitido Repreender Os Outros
Grupo Espírita Cristão
 
Perdão, lembrar sem sentir dor
Perdão, lembrar sem sentir dorPerdão, lembrar sem sentir dor
Perdão, lembrar sem sentir dor
Eid Marques
 
O segreda da nossa conquista
O segreda da nossa conquistaO segreda da nossa conquista
O segreda da nossa conquista
Comunidade Vida No Espirito
 
155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grande155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grande
zanzasilva
 
Demonização da Santificação?!!!
Demonização da Santificação?!!!Demonização da Santificação?!!!
Demonização da Santificação?!!!
Silvio Dutra
 
Aos pés do mestre
Aos pés do mestreAos pés do mestre
Aos pés do mestre
Rafael Barreto Neves
 
Ansiedade Watchman Nee livreto-
Ansiedade   Watchman Nee  livreto-Ansiedade   Watchman Nee  livreto-
Ansiedade Watchman Nee livreto-
Wilson Rosolini
 

Mais procurados (18)

A vida que vence
A vida que venceA vida que vence
A vida que vence
 
Deus é soberano
Deus é soberanoDeus é soberano
Deus é soberano
 
Vencendo as tentações.ppsx
Vencendo as  tentações.ppsxVencendo as  tentações.ppsx
Vencendo as tentações.ppsx
 
Pai nosso 3 - Tema 25/05/12
Pai nosso 3 - Tema 25/05/12Pai nosso 3 - Tema 25/05/12
Pai nosso 3 - Tema 25/05/12
 
5a. atitude: Confie em Deus.
5a. atitude: Confie em Deus.5a. atitude: Confie em Deus.
5a. atitude: Confie em Deus.
 
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
 
Aos pes do_mestre_alcione
Aos pes do_mestre_alcioneAos pes do_mestre_alcione
Aos pes do_mestre_alcione
 
O FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUS
O FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUSO FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUS
O FALSO LIVRE ARBÍTRIO X A SOBERANIA DE DEUS
 
01 apostila parte02
01 apostila parte0201 apostila parte02
01 apostila parte02
 
VOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOM
VOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOMVOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOM
VOCÊ É O MELHOR DE DEUS - T.L. OSBOM
 
6 chaves de poder
6 chaves de poder6 chaves de poder
6 chaves de poder
 
é Permitido Repreender Os Outros
é Permitido Repreender Os Outrosé Permitido Repreender Os Outros
é Permitido Repreender Os Outros
 
Perdão, lembrar sem sentir dor
Perdão, lembrar sem sentir dorPerdão, lembrar sem sentir dor
Perdão, lembrar sem sentir dor
 
O segreda da nossa conquista
O segreda da nossa conquistaO segreda da nossa conquista
O segreda da nossa conquista
 
155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grande155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grande
 
Demonização da Santificação?!!!
Demonização da Santificação?!!!Demonização da Santificação?!!!
Demonização da Santificação?!!!
 
Aos pés do mestre
Aos pés do mestreAos pés do mestre
Aos pés do mestre
 
Ansiedade Watchman Nee livreto-
Ansiedade   Watchman Nee  livreto-Ansiedade   Watchman Nee  livreto-
Ansiedade Watchman Nee livreto-
 

Semelhante a A. w. tozer como experimentar um avivamento pessoal

Avidaquevence 110324204737-phpapp02
Avidaquevence 110324204737-phpapp02Avidaquevence 110324204737-phpapp02
Avidaquevence 110324204737-phpapp02
antonio ferreira
 
É possível ser santo
É possível ser santoÉ possível ser santo
É possível ser santo
jb1955
 
Jormi - Jornal Missionário n° 68
Jormi  -  Jornal Missionário n° 68Jormi  -  Jornal Missionário n° 68
Jormi - Jornal Missionário n° 68
trabalho como autonomo
 
3-Crescimento Espiritual.pdf
3-Crescimento Espiritual.pdf3-Crescimento Espiritual.pdf
3-Crescimento Espiritual.pdf
fernando pereira
 
O poder liberador do perdão
O poder liberador do perdãoO poder liberador do perdão
O poder liberador do perdão
Rosa Luzia Da Hora
 
Apostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mdaApostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mda
Davidson Da Costa Ramos
 
Palestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espiritoPalestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espirito
Tiburcio Santos
 
Campo de batalha da mente joyce meyer
Campo de batalha da mente   joyce meyerCampo de batalha da mente   joyce meyer
Campo de batalha da mente joyce meyer
Elton Vinicius
 
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma ModeradaLição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Erberson Pinheiro
 
A oração de confissão 1
A oração de confissão 1A oração de confissão 1
A oração de confissão 1
Erinice Mendes Izaias
 
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - JesusA Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
Antonino Silva
 
Apostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mdaApostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mda
Claudia araujo
 
Lição das boas aventuranças
Lição das boas aventurançasLição das boas aventuranças
Lição das boas aventuranças
Tia Pri Infantil
 
Somos termometro ou termostato
Somos termometro ou termostatoSomos termometro ou termostato
Somos termometro ou termostato
Fer Nanda
 
Capítulo II - Lei de Adoração.docx
Capítulo II - Lei de Adoração.docxCapítulo II - Lei de Adoração.docx
Capítulo II - Lei de Adoração.docx
Marta Gomes
 
Disciplinas Espirituais - Oração
Disciplinas Espirituais - OraçãoDisciplinas Espirituais - Oração
Disciplinas Espirituais - Oração
Tiago de Souza
 
Resenha reconstruindo sua vida emocional
Resenha reconstruindo sua vida emocionalResenha reconstruindo sua vida emocional
Resenha reconstruindo sua vida emocional
André Sandiêgo Falcão
 
Viver sem preocupação
Viver sem preocupaçãoViver sem preocupação
Viver sem preocupação
Dennis Edwards
 
O Perdão - Espirtismo
O Perdão - EspirtismoO Perdão - Espirtismo
O Perdão - Espirtismo
Valéria Domingues
 
Treinamento embaixadores
Treinamento embaixadoresTreinamento embaixadores
Treinamento embaixadores
Raphael Antoniolli
 

Semelhante a A. w. tozer como experimentar um avivamento pessoal (20)

Avidaquevence 110324204737-phpapp02
Avidaquevence 110324204737-phpapp02Avidaquevence 110324204737-phpapp02
Avidaquevence 110324204737-phpapp02
 
É possível ser santo
É possível ser santoÉ possível ser santo
É possível ser santo
 
Jormi - Jornal Missionário n° 68
Jormi  -  Jornal Missionário n° 68Jormi  -  Jornal Missionário n° 68
Jormi - Jornal Missionário n° 68
 
3-Crescimento Espiritual.pdf
3-Crescimento Espiritual.pdf3-Crescimento Espiritual.pdf
3-Crescimento Espiritual.pdf
 
O poder liberador do perdão
O poder liberador do perdãoO poder liberador do perdão
O poder liberador do perdão
 
Apostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mdaApostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mda
 
Palestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espiritoPalestra ESE cap 7 pobres espirito
Palestra ESE cap 7 pobres espirito
 
Campo de batalha da mente joyce meyer
Campo de batalha da mente   joyce meyerCampo de batalha da mente   joyce meyer
Campo de batalha da mente joyce meyer
 
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma ModeradaLição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
 
A oração de confissão 1
A oração de confissão 1A oração de confissão 1
A oração de confissão 1
 
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - JesusA Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
 
Apostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mdaApostila para discipulado mda
Apostila para discipulado mda
 
Lição das boas aventuranças
Lição das boas aventurançasLição das boas aventuranças
Lição das boas aventuranças
 
Somos termometro ou termostato
Somos termometro ou termostatoSomos termometro ou termostato
Somos termometro ou termostato
 
Capítulo II - Lei de Adoração.docx
Capítulo II - Lei de Adoração.docxCapítulo II - Lei de Adoração.docx
Capítulo II - Lei de Adoração.docx
 
Disciplinas Espirituais - Oração
Disciplinas Espirituais - OraçãoDisciplinas Espirituais - Oração
Disciplinas Espirituais - Oração
 
Resenha reconstruindo sua vida emocional
Resenha reconstruindo sua vida emocionalResenha reconstruindo sua vida emocional
Resenha reconstruindo sua vida emocional
 
Viver sem preocupação
Viver sem preocupaçãoViver sem preocupação
Viver sem preocupação
 
O Perdão - Espirtismo
O Perdão - EspirtismoO Perdão - Espirtismo
O Perdão - Espirtismo
 
Treinamento embaixadores
Treinamento embaixadoresTreinamento embaixadores
Treinamento embaixadores
 

Último

Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
marcobueno2024
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
FernandoCavalcante48
 

Último (11)

Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
 

A. w. tozer como experimentar um avivamento pessoal

  • 1. Como Experimentar um Avivamento Pessoal A. W. Tozer Eu já disse, noutra ocasião, que qualquer cristão que desejar, pode com certeza experimentar um radical renascimento espiritual, e isso inteiramente à parte da atitude dos seus companheiros cristãos. A principal questão é: Como? Bem, eis aqui algumas sugestões que qualquer um pode seguir e que, estou convencido, resultarão numa vida cristã tremendamente aperfei- çoada. 1. Sinta-se completamente insatisfeito consigo mesmo. A complacência é o inimigo mortal do desen- volvimento espiritual. Alma satisfeita é alma estagnada. Ao falar de bens terrestres, Paulo podia dizer “Aprendi... a estar contente”; mas quando se referia a sua vida espiritual, testificou “Prossigo para o alvo”. Avive o dom de Deus que está em você. 2. Decida-se vigorosamente por uma radical transformação de sua vida. Tímidos fazedores de experiências estão fadados ao insucesso antes mesmo de começar. Temos de pôr toda a nossa alma em nosso desejo por Deus. “O reino dos céus é tomado por esforço, e os que se esforçam se apoderam dele.” 3. Coloque-se no caminho da bênção. É um erro esperar que a graça nos visite como uma espécie de mágica benigna, ou esperar que a ajuda de Deus venha como sorte inesperada, à parte das condições já conhecidas e recebidas. Há caminhos claramente estabelecidos que levam dire- tamente aos verdes pastos; andemos neles. Desejar avivamento, por exemplo, e ao mesmo tempo negligenciar oração e devoção é desejar um caminho e andar noutro. 4. Faça um cuidadoso trabalho de arrependimento. Não se apresse com este assunto. Um apressado arrependimento significa rasa experiência espiritual e deficiência de convicção na vida toda. Deixe a tristeza segundo Deus fazer seu trabalho de cura. Nunca desenvolveremos o temor do mal, até que deixemos a consciência do pecado nos ferir. É nosso desprezível hábito de tolerar pecado que nos mantém nessa condição de meio-mortos. 5. Faça restituição onde quer que seja possível. Se você tem alguma dívida, pague-a, ou no mínimo tenha uma conversa franca com seu credor a respeito das suas intenções de pagá- la, de forma que sua honestidade esteja acima de qualquer questão. Se você se desentendeu com alguém, vá o mais rápido que puder e se esforce para reconciliar-se. Tanto quanto for possível endireite o que está torto. 6. Ajuste a sua vida ao Sermão do Monte e a outros tantos textos do Novo Testamento destinados a nos instruir no caminho da justiça. Um homem honesto com a Bíblia aberta, um bloco de anotações e um lápis, com certeza descobrirá bem rápído o que está errado consigo mesmo. Recomendo que esse auto-exame seja feito de joelhos, levantando- se para obedecer aos mandamentos de Deus assim que nos forem revelados pela Palavra. Não há nada romântico nem colorido nessa forma simples de tratar consigo mesmo sem rodeios, mas isso dá resultado. Os homens de Isaque não pareciam figuras heróicas enquanto cavavam no vale, mas conseguiram abrir os poços, e era a isso que se tinham proposto. 7. Tenha intenções sérias. Você bem pode arcar com a decisão de ver menos programas humorísticos na TV. A menos que você se afaste dos engraçadinhos desses programas, todo e qualquer senti- mento espiritual será vão para o seu coração
  • 2. e vai se perder bem ali, na sua sala de televisão. As pessoas mundanas costumam ir ao cinema para evitar ter de pensar seriamente a respeito de Deus e da religião. Você não vai com eles ali, mas agora você tem comunhão espiritual com eles em sua própria casa. Você está aceitando os ideais do diabo, os padrões morais dele, e as atitudes mentais dele, sem que você se dê conta disso. Você se admira porque não progride na vida cristã. É que seu clima interior não é propício para o crescimento das graças espirituais. Ou você provoca uma radical mudança em seus há- bitos ou não haverá nenhum desenvol- vimento permanente na vida interior. 8. De forma deliberada, reduza seus interesses. O pau-pra-toda-obra não é mestre em nada. A vida cristã requer que sejamos especialistas. Projetos demais consomem tempo e energia sem resultar em aproximação de Deus. Se você reduzir seus interesses, Deus enlargue- cerá seu coração. “Somente Jesus” é, para o homem não- convertido, um slogan de morte. Mas um gran-de grupo de alegres homens e mulheres podem dar testemunho de que essa atitude tornou-se para eles um caminho para um mundo infinita-mente mais amplo e rico do que qualquer outra coisa que tenham conhecido antes. Cristo é a essência de toda sabedoria, beleza e virtude. Conhecê-lo em crescente intimidade é crescer na apreciação de tudo o que é bom e belo. As mansões do coração se tornarão mais espaçosas quando suas portas se abrirem para Cristo e se fecharem para o mundo e para o pecado. Experimente. 9. Comece a testemunhar. Descubra alguma coisa para fazer para Deus e para os seus semelhantes. Não fique à toa. Coloque-se à disposição de seu pastor e faça qualquer coisa que lhe for solicitada. Não procure lugar de liderança. Aprenda a obedecer. Tome o lugar mais simples até a hora de Deus ver que você pode ser colocado num lugar mais alto. Endosse seus novos propósitos com seu dinheiro e seus dons, quaisquer que sejam eles. 10. Tenha fé em Deus. Comece a ter uma atitude de expectativa. Erga os olhos para o trono, onde está assentado o seu Advogado, à mão direita de Deus. O céu inteiro está ao seu lado. Deus não vai desapontar você. Se você seguir estas sugestões, com certeza vai experimentar um avivamento em seu coração. E quem pode dizer até onde ele vai se estender? Deus conhece a desesperada necessidade que a igreja tem de uma res- surreição espiritual. E ela só pode surgir através de indivíduos reavivados.