SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
A segurança durante a 1ª República
A 1ª Guerra Mundial e o desenvolvimento de Portugal a partir de 1916 agravaram a
situação económica do país.
Durante a 1ª República, Portugal atravessava uma difícil situação económica.
Observando a imagem, concluímos que com a entrada de Portugal para a 1ª Guerra Mundial
houve um agravamento do défice da balança comercial. Ou seja, aconteceu uma inflação
galopante o que não permitia a população adquirir os alimentos devido ao seu elevado preço e
também devido aos atrasos na modernização das produções. Tudo isto pôs em causa a
segurança da população, uma vez que não se podiam alimentar e acabariam por morrer ou ter
grandes problemas de saúde.
A nível social, os governos da 1ª República instituíram várias medidas para melhorar a
qualidade de vida da população como a redução do número de horas de trabalho diário, o
descanso semanal, o direito à assistência social e à greve. Mas algumas destas medidas, como
o direito à greve, trouxeram várias consequências para a população porque esta estava
descontente com a situação atual e por isso o número de greves aumentava. Devido a isto,
acontecia a paralisação das empresas pondo em causa a segurança das pessoas porque não
existiam alimentos durante um período de tempo, assim como têxteis para se aquecerem ou
mesmo transportes que não poderiam transportar as pessoas para o seu emprego, pondo em
causa o seu salário.
Como consequência dos problemas económicos e socias que aconteceram durante a
1ª República, deram-se vários golpes de Estado que abalavam a situação política do país. Em
geral, eram golpes pacíficos que não envolviam muita violência, mas mesmo assim podiam
quebrar a segurança da população provocando algumas mortes. Também os assaltos a bancos
ou mesmo a pequenas mercearias retiravam os bens essenciais das pessoas pondo em causa a
sua vida e geravam a insegurança.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá
12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá
12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá
djimjim
 
Fiqih bab 2 kls 1
Fiqih bab 2 kls 1Fiqih bab 2 kls 1
Fiqih bab 2 kls 1
miftarisa
 
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১
Cambriannews
 
Ipa kelas 3 bab iv
Ipa kelas 3 bab ivIpa kelas 3 bab iv
Ipa kelas 3 bab iv
Ana_Mazidah
 
Dr martin slides
Dr martin slidesDr martin slides
Dr martin slides
Ryan Kane
 
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২
Cambriannews
 
Chuabenh Gaicotsong
Chuabenh GaicotsongChuabenh Gaicotsong
Chuabenh Gaicotsong
shanika454
 
Community outreach specialist performance appraisal
Community outreach specialist performance appraisalCommunity outreach specialist performance appraisal
Community outreach specialist performance appraisal
DuncanEdwards789
 
Viêm Quanh Khớp Vai
Viêm Quanh Khớp VaiViêm Quanh Khớp Vai
Viêm Quanh Khớp Vai
roselia238
 
Tràn Dich Khớp Gối
Tràn Dich Khớp GốiTràn Dich Khớp Gối
Tràn Dich Khớp Gối
roseanna493
 
Fiqih bab 1 kls 1
Fiqih bab 1 kls 1Fiqih bab 1 kls 1
Fiqih bab 1 kls 1
miftarisa
 
Community relations coordinator performance appraisal
Community relations coordinator performance appraisalCommunity relations coordinator performance appraisal
Community relations coordinator performance appraisal
DuncanEdwards789
 
El modelo y el consumo agroalimentario mexicano
El modelo y el consumo agroalimentario mexicanoEl modelo y el consumo agroalimentario mexicano
El modelo y el consumo agroalimentario mexicano
Francisco Roa Cuevas
 
Rice Krispies Christmas Pizza!
Rice Krispies Christmas Pizza!Rice Krispies Christmas Pizza!
Rice Krispies Christmas Pizza!
MrsSteinhoff
 
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩
Cambriannews
 
Thuoc Xuong Khop Flex
Thuoc Xuong Khop FlexThuoc Xuong Khop Flex
Thuoc Xuong Khop Flex
harland542
 

Destaque (20)

2010 leisuregram winter
2010 leisuregram winter2010 leisuregram winter
2010 leisuregram winter
 
12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá
12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá
12 dic2013 3ºa_zumo de maracuyá
 
Fiqih bab 2 kls 1
Fiqih bab 2 kls 1Fiqih bab 2 kls 1
Fiqih bab 2 kls 1
 
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১১
 
Ipa kelas 3 bab iv
Ipa kelas 3 bab ivIpa kelas 3 bab iv
Ipa kelas 3 bab iv
 
Dr martin slides
Dr martin slidesDr martin slides
Dr martin slides
 
Where am i
Where am iWhere am i
Where am i
 
Power point comunicación digital (1) (1)
Power point comunicación digital (1) (1)Power point comunicación digital (1) (1)
Power point comunicación digital (1) (1)
 
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১২
 
Chuabenh Gaicotsong
Chuabenh GaicotsongChuabenh Gaicotsong
Chuabenh Gaicotsong
 
Community outreach specialist performance appraisal
Community outreach specialist performance appraisalCommunity outreach specialist performance appraisal
Community outreach specialist performance appraisal
 
Viêm Quanh Khớp Vai
Viêm Quanh Khớp VaiViêm Quanh Khớp Vai
Viêm Quanh Khớp Vai
 
Tràn Dich Khớp Gối
Tràn Dich Khớp GốiTràn Dich Khớp Gối
Tràn Dich Khớp Gối
 
Fiqih bab 1 kls 1
Fiqih bab 1 kls 1Fiqih bab 1 kls 1
Fiqih bab 1 kls 1
 
Community relations coordinator performance appraisal
Community relations coordinator performance appraisalCommunity relations coordinator performance appraisal
Community relations coordinator performance appraisal
 
Observaciones al COIP, posteriores a la reconsideración
Observaciones al COIP, posteriores a la reconsideraciónObservaciones al COIP, posteriores a la reconsideración
Observaciones al COIP, posteriores a la reconsideración
 
El modelo y el consumo agroalimentario mexicano
El modelo y el consumo agroalimentario mexicanoEl modelo y el consumo agroalimentario mexicano
El modelo y el consumo agroalimentario mexicano
 
Rice Krispies Christmas Pizza!
Rice Krispies Christmas Pizza!Rice Krispies Christmas Pizza!
Rice Krispies Christmas Pizza!
 
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩
গদ্য নবম ও দশম শ্রেণি আম আঁটির ভেঁপু-১৩
 
Thuoc Xuong Khop Flex
Thuoc Xuong Khop FlexThuoc Xuong Khop Flex
Thuoc Xuong Khop Flex
 

Semelhante a A segurança durante a 1ª república

Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De SlidesDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
oliviaguerra
 
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlicaDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Minokitas 1
 
Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02
Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02
Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02
Xanaa' Matias'
 
13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode
13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode
13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode
R C
 
HistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª RepublicaHistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª Republica
crie_historia9
 
A primeira república portuguesa
A primeira república portuguesaA primeira república portuguesa
A primeira república portuguesa
cattonia
 
Jr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.aJr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.a
eb23ja
 
Jr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.aJr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.a
eb23ja
 
Resumo da 1.ª república
Resumo da 1.ª repúblicaResumo da 1.ª república
Resumo da 1.ª república
franciscaf
 

Semelhante a A segurança durante a 1ª república (20)

1ª RepúBlica
1ª RepúBlica1ª RepúBlica
1ª RepúBlica
 
Abc a rir
Abc a rirAbc a rir
Abc a rir
 
Abc a rir
Abc a rirAbc a rir
Abc a rir
 
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De SlidesDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica ~ ApresentaçãO De Slides
 
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlicaDa Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
Da Queda Da Monarquia à ImplantaçãO Da RepúBlica
 
Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02
Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02
Daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaodeslides 100125040935-phpapp02
 
13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode
13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode
13 daquedadamonarquiaimplantaodarepblicaapresentaode
 
Industrialização brasileira
Industrialização brasileiraIndustrialização brasileira
Industrialização brasileira
 
1.ª Republica
1.ª Republica 1.ª Republica
1.ª Republica
 
HistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª RepublicaHistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª Republica
 
Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina NaziCrise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
Crise e queda da monarquia constitucional até à doutrina Nazi
 
A primeira república portuguesa
A primeira república portuguesaA primeira república portuguesa
A primeira república portuguesa
 
Jr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.aJr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.a
 
Jr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.aJr e jt 8º.a
Jr e jt 8º.a
 
Da queda da Monarquia à Implantação da República
Da queda da Monarquia à Implantação da RepúblicaDa queda da Monarquia à Implantação da República
Da queda da Monarquia à Implantação da República
 
Portugal no primeiro pós-guerra.
Portugal no primeiro pós-guerra.Portugal no primeiro pós-guerra.
Portugal no primeiro pós-guerra.
 
Texto introdutório – A crise de 1929.
Texto introdutório – A crise de 1929.Texto introdutório – A crise de 1929.
Texto introdutório – A crise de 1929.
 
HistóRia Republica
HistóRia RepublicaHistóRia Republica
HistóRia Republica
 
Resumo da 1.ª república
Resumo da 1.ª repúblicaResumo da 1.ª república
Resumo da 1.ª república
 
1º RepúBlica
1º RepúBlica1º RepúBlica
1º RepúBlica
 

Mais de catarinasoares7a (20)

Saltmaker
SaltmakerSaltmaker
Saltmaker
 
O sal na saúde
O sal na saúdeO sal na saúde
O sal na saúde
 
O sal na saúde
O sal na saúdeO sal na saúde
O sal na saúde
 
O sal na saúde
O sal na saúdeO sal na saúde
O sal na saúde
 
Texto argumentativo corrigido
Texto argumentativo corrigidoTexto argumentativo corrigido
Texto argumentativo corrigido
 
O adolescente em viagem
O adolescente em viagemO adolescente em viagem
O adolescente em viagem
 
Projeto inovador catarina (1)
Projeto inovador  catarina  (1)Projeto inovador  catarina  (1)
Projeto inovador catarina (1)
 
O estado novo
O estado novoO estado novo
O estado novo
 
La solidarité
La solidaritéLa solidarité
La solidarité
 
Reflexão final do 2º desfio
Reflexão final do 2º desfioReflexão final do 2º desfio
Reflexão final do 2º desfio
 
Estudar e
Estudar eEstudar e
Estudar e
 
Depois do 9º ano, que opções
Depois do 9º ano, que opçõesDepois do 9º ano, que opções
Depois do 9º ano, que opções
 
O estado novo
O estado novoO estado novo
O estado novo
 
Dans l
Dans lDans l
Dans l
 
Depois do 9º ano
Depois do 9º anoDepois do 9º ano
Depois do 9º ano
 
O meu verso favorito
O meu verso favoritoO meu verso favorito
O meu verso favorito
 
A luz apagou
A luz apagouA luz apagou
A luz apagou
 
Balanço sobre as apresentações do 2º desafio
Balanço sobre as apresentações do 2º desafioBalanço sobre as apresentações do 2º desafio
Balanço sobre as apresentações do 2º desafio
 
Resumos segurança na internet
Resumos segurança na internetResumos segurança na internet
Resumos segurança na internet
 
Segurança na terra 2
Segurança na terra 2Segurança na terra 2
Segurança na terra 2
 

A segurança durante a 1ª república

  • 1. A segurança durante a 1ª República A 1ª Guerra Mundial e o desenvolvimento de Portugal a partir de 1916 agravaram a situação económica do país. Durante a 1ª República, Portugal atravessava uma difícil situação económica. Observando a imagem, concluímos que com a entrada de Portugal para a 1ª Guerra Mundial houve um agravamento do défice da balança comercial. Ou seja, aconteceu uma inflação galopante o que não permitia a população adquirir os alimentos devido ao seu elevado preço e também devido aos atrasos na modernização das produções. Tudo isto pôs em causa a segurança da população, uma vez que não se podiam alimentar e acabariam por morrer ou ter grandes problemas de saúde. A nível social, os governos da 1ª República instituíram várias medidas para melhorar a qualidade de vida da população como a redução do número de horas de trabalho diário, o descanso semanal, o direito à assistência social e à greve. Mas algumas destas medidas, como o direito à greve, trouxeram várias consequências para a população porque esta estava descontente com a situação atual e por isso o número de greves aumentava. Devido a isto, acontecia a paralisação das empresas pondo em causa a segurança das pessoas porque não existiam alimentos durante um período de tempo, assim como têxteis para se aquecerem ou mesmo transportes que não poderiam transportar as pessoas para o seu emprego, pondo em causa o seu salário. Como consequência dos problemas económicos e socias que aconteceram durante a 1ª República, deram-se vários golpes de Estado que abalavam a situação política do país. Em geral, eram golpes pacíficos que não envolviam muita violência, mas mesmo assim podiam quebrar a segurança da população provocando algumas mortes. Também os assaltos a bancos ou mesmo a pequenas mercearias retiravam os bens essenciais das pessoas pondo em causa a sua vida e geravam a insegurança.